Nissan Versa 2019 – Características, Ficha Técnica


O Nissan Versa 2019 é um carro moderno e com qualidade japonesa.

O novo Nissan Versa 2019 é um carro que tem muitas qualidades além de sua beleza. Pode-se afirmar que ele está na categoria de carros completos dentro da sua geração. Entre muitos fatores está o painel digital do carro, recheado de utilidades, além de uma boa motorização essa versão vem com bons acessórios e ótimo motor. O Nissan Versa 2019 também é um carro com ótimo motor e todos esses requisitos o tornam completo. Abaixo estão mais informações sobre esse modelo.

Carro compacto

O Nissan Versa 2019 é um carro compacto e do tamanho ideal. Porém, seu espaço interno é surpreendente e torna o carro muito confortável. Isso quer dizer que todos os usuários conseguem ficar confortáveis dentro desse carro. Esse é um ponto positivo do modelo.

Veja alguns itens de série do modelo

Como já era de se esperar, o novo Nissan traz muitos itens de séries que são essenciais para tornar qualquer carro mais completo. Vale lembrar que os itens de série têm grande impacto na hora de decisão de compra de um carro novo. Veja os itens logo abaixo:

– Quatro alto-falantes

– Banco traseiro rebatível

– Telefone no volante

– Isofix

– Revestimento de tecido das portas

– Rodas de alumínio 16

– Comandos de áudio

– Câmbio Xtronic CVT

Entre outros.

Valor das versões do Nissan Versa 2019

A nova linha da Nissan Versa 2019 tem valor dentro do esperado. A versão mais simples custa R$48.490,00 e a versão mais avançada tem o valor de R$68.840,00. Todas as versões são muito completas, mudando apenas detalhes como motor e itens de série. Os usuários podem escolher entre 8 versões disponíveis e todos têm qualidades distintas.

Falando sobre o motor do novo Nissan Versa 2019

As 8 versões do Nissan possuem motor 1.0, já as opções da linha Versa, possuem também a versão 1.6 que podem ser associadas junto ao câmbio manual de cinco marchas ou se o usuário preferir a versão do câmbio automático CVT.

Previsão do lançamento do Nissan Versa 2019

Ainda não existe uma data definida para o lançamento do novo Nissan. Ela pode acontecer apenas no ano de 2019. Mas a uma grande expectativa que essa data seja adiantada para novembro de 2018, que é quando acontecerá o Salão do Automóvel de São Paulo, esse é um dia muito indicado para anunciar o lançamento do novo Nissan.

Carro com porta-malas do tamanho ideal

Outro fator positivo do Nissan Versa 2019 é o tamanho do seu porta-malas, ele possui 460 litros que são suficientes para guardar objetos variados, evitando usar espaço na parte interna.

Nissan Versa 2019 tem espaço para 5 ocupantes

Como já foi dito anteriormente, esse carro é compacto e com bom espaço interno. Por essa razão ele consegue acomodar 5 ocupantes dentro do carro, e todos ficam bem acomodados. Por essa razão esse carro é indicado para família com até 5 pessoas. Esse também é o público-alvo da marca.

Desempenho de cada motor

Basicamente todos os motores tem boa potência. A base para isso está logo abaixo:

O motor 1.0 flex faz 77 cv de potência máxima se abastecido com álcool e gasolina. O motor 1.6 flex faz 111 cv se abastecido com álcool e gasolina. O motor 1.0 possui 3 cilindros e o motor 1.6 possui 4 cilindros.

Informações sobre a conectividade do Nissan Versa 2019

O novo Nissan possui ótima conectividade, e um painel para ninguém colocar defeito. Sua tela está maior e possui 6,75 polegadas. O usuário ainda conta com Multi-App. O usuário tem a opção da versão Multi-App Store onde possibilita que ele consiga realizar diferentes funções como:

– Usar Skype;

– Baixar aplicativos de bares, restaurantes e outros;

– Comprar ingressos.

Fazendo uma avaliação geral, esse carro tem inúmeras funções positivas, além de ter ótimo preço.

Por Cristiane Amaral

Nissan Versa 2019

Nissan Versa 2019


Nissan March 2019 – Novidades, Características


O novo Nissan March 2019 vem com nova reestilização que encanta todos os consumidores.

O Nissan March 2019 é um novo lançamento que vem para ganhar seu espaço no mercado de venda de carros, com sua nova reestilização que vem para encantar a qualquer consumidor, esse carro tem muitas chances de ser sucesso de vendas aqui no Brasil. Outras características como bom espaço interno, ótima motorização, itens de série modernos e design diferenciado aumentam mais ainda a chance de popularidade do Nissan March 2019. Veja nesse artigo todas as informações importantes sobre esse carro.

Veja a mudança no design do Nissan March 2019

A marca optou por fazer mudanças na parte externa do carro, já que sua versão anterior não animou muito os usuários do carro. Com novos traços o novo Nissan está com ar mais moderno e chamativo. Pode até parecer que isso não vai causar impacto para os consumidores que conhecem a marca, mas a verdade é que eles vão ver isso como um esforço da Nissan para agradar ao seu público fiel.

Data de lançamento do Nissan March 2019

Ainda não foi definida uma data certa para o lançamento desse carro. Pode ser que isso só aconteça em 2019. Mas há uma grande expectativa que essa informação possa ser antecipada para novembro de 2018, que é quando ocorre o evento da marca no Salão do Automóvel em São Paulo.

Novo Nissan March 2019 vai reforçar a segurança, entretenimento e conforto

Outra mudança bem positiva desse carro é que ele traz alterações que vão deixar o carro mais completo. Elas podem ser vistas na parte de segurança, entretenimento e conforto. Esses três fatores são muito importantes para muitos usuários. E foi pensando nisso que a marca caprichou no conforto interno, com bancos mais confortáveis, e em itens de série que vão aumentar a segurança e entretenimento no carro.

Ótimo consumo médio

Outro ponto positivo desse modelo é o seu consumo médio. Que pode ser visto logo abaixo:

– Avaliação com motor 1.0 Flex

Na estrada esse carro faz 10.3 km/l se abastecido com álcool e 15.1 km/l se abastecido com gasolina.

Na cidade esse carro faz 8.8 km/l se abastecido com álcool e 12.9 km/l se abastecido com gasolina.

– Avaliação com motor 1.6 Flex

Na cidade esse carro faz 12.0 km/l se abastecido com gasolina e 7.8 com km/l se abastecido com álcool.

Na estrada esse carro faz 15.0 km/l se abastecido com gasolina e 10.3 km/l se abastecido com álcool.

Veja os valores das versões do Nissan March 2019

O novo Nissan March 2019 tem 5 versões que foram feitas para agradar diferentes tipos de consumidores, eles têm valores diferenciados como pode ser visto logo abaixo:

March 1.6 SL 16V FLEX 4P X TRONIC- R$60.990,00

March 1.6 SV 16V FLEX 4P XTRONIC – R$56.990,00

March 1.6 SV 16V FLEX 4P Manual – R$50.990,00

March 1.0 SV 12V FLEX 4P Manual – R$46.490,00

March 1.0 S 12V FLEX 4P Manual – R$44.990,00

Nissan March 2019 tem medidas exuberantes

O novo carro da Nissan tem medidas exuberantes e por isso ele é considerado um carro grande. E por essa razão também ele se torna um carro muito chamativo, o que acaba atraindo muitos consumidores. Ele possui 3,827 mm de comprimento, 1,528 mm de altura, 1,675 mm de largura, peso 950 (kg) e 2.450 de distância entre-eixos. O espaço interno também é muito agradável e consegue manter 5 ocupantes dentro do carro.

Porta-malas de 265 litros

O porta-malas do Nissan March 2019 tem tamanho razoável e que consegue agradar a maioria dos usuários. Ele possui 265 litros que serve para guardar diferentes tipos de objetos e economizar o espaço interno.

Motorização desse modelo

O Nissan March 2019 traz duas opções de motores. A primeira é o motor Flex 1.0 com três cilindros e a potência máxima de 77 cv a segunda opção tem motor 1.6 com 4 cilindros e 111 cv de potência máxima. Ele também possui a aceleração máxima km/por hora de 191. Em conclusão final, os dois motores são ótimos e com desempenho esperado.

Essas são as informações do novo Nissan March 2019!

Por Cristiane Amaral

Nissan March 2019

Nissan March 2019

Nissan March 2019


Nissan Frontier 2019 – Características, Especificações


Modelo será lançado em 2 versões, trazendo diversas características interessantes.

A Nissan Frontier chega nos modelos 2018/2019 que possuem as mesmas características basicamente e está sendo oferecida em uma nova geração, importada diretamente do México e com valores que variam entre R$ 150.990 e R$ 166.700. O modelo é colocado em duas versões, sendo elas as versões SE e LE, as duas com cabine dupla e compostas pelo motor diesel biturbo 2.3 que conta com 190 cv, e mostra o quão forte é este modelo e sua competição alta no mercado automobilístico.

Características e detalhes

Uma das coisas que também se mostra muito chamativa no modelo é sua transmissão de marchas que sendo automática tem seis velocidades, e atualmente é um dos itens mais requisitados nos modelos atuais, sendo assim, mais um ponto positivo para o carro e para a Nissan. E mais uma coisa que ajudará na sua força é o fato de ser composta por tração 4×4, o que pode ajudar em diversas situações, proporcionando uma maior segurança e robustez.

A Nissan Frontier 2019 evoluiu muito em relação ao antigo modelo. A grade cromada tem aspecto robusto na impressão do novo detalhe usado atualmente pela Nissan “V-Motion”. O seu capô, como exemplo, possui vincos bem colocados nas laterais e o conjunto de visão é formado por faróis full LED e LEDs diurnos.

Ela é quase que completamente revestida em material abrasivo, que faz a proteção à estrutura da picape e também diminui as chances de deslocamento de objetos sobre sua parte de baixo. Possui até uma tomada de 12V para equipamentos elétricos que podem ser adicionados.

Comentando agora sobre seu interior, a picape Frontier tem um visual mais atual e futurístico que o modelo anterior, destacando-se a parte central de seu painel com desenho em formato “V” dividido pela parte superior com multimídia e também pelo ar-condicionado.

O volante continua ainda sendo o mesmo encontrado no Nissan Sentra, não seguindo o atual estilo da Nissan para esse elemento do interior, que para a infelicidade de alguns, tem ajuste apenas em altura, mas que ainda é feito de couro, facilitando o uso e duração, piloto automático que é outro fato muito chamativo e como é composto pela multimídia, comandos de mídia, telefonia e computador de bordo.

Seus comandos de tração assim como o controle de descida e sensor de estacionamento estão em ótima posição. Todo o acabamento geral é feito de plásticos duros com apliques da cor cinza e todas as maçanetas cromadas, e também itens de luxo como revestimento em couro nos bancos que possui minifuros e apoio para os braços nas portas.

E por ser uma picape, obviamente tem uma altura bem grande, ainda mais nesse modelo da Nissan Frontier, que em comparação com as outras picape se destaca muito nesse quesito, tendo um modelo não tão quadrado, tanto para estética quanto para performance que chama mais ainda a atenção de todos.

Considerações finais e lançamento

Pensado por todos os fatores citados e tudo que o Nissan Frontier 2019 pode oferecer, é uma ótima opção de compra e quem estiver disposto e desembolsar um dinheiro que como citado acima está sendo bem alto, não deixará de ser um bom investimento, feito em segurança, comodidade, conforto, tecnologia, dentre mais fatores que estarão disponíveis pronto para que você goze deles.

Levando em conta agora seu lançamento, no Brasil ainda é basicamente um mistério, pois foram divulgadas algumas datas, mas nada de definitivo vindo diretamente da empresa, mas espera-se que até o final do ano uma resposta seja dada e para a felicidade de seus compradores e admiradores seu lançamento oficial seja feito.

Por Gustavo Martins

Nissan Frontier 2019

Nissan Frontier 2019

Nissan Frontier 2019


Nissan Kicks 2019 – Novidades e Preços


Modelo deverá contar com nova central multimídia.

Uma das companhias automotivas mais importantes da atualidade está com novo lançamento no mercado, cuja mais recente criação, a Linha 2019 do SUV compacto, aporta no país ao longo os próximos dias.

Trata-se da estreia organizada pela empresa Nissan sobre o lançamento da nova linha 2019 do modelo Kicks. Este novo SUV, tipo compacto, terá o seu período de comercialização iniciado, em modo de faturamento, já nesses próximos dias e, de acordo com os especialistas da página Autos Segredos, os valores deverão aumentar, devido ao refinamento industrial, proporcionando um avanço no preço 73.990 reais para o preço de 97.990 reais, com relação à versão SL.

Além disso, existe um custo adicional sobre o chamado pacote opcional, o qual transcenderá o seu valor original de 100 mil reais, podendo chegar a 100.390 mil reais. No que toca ao público consumidor que constitui pessoas com deficiência (PCD), o novo Kicks S Direct estará disponível para vendas no valor de 68.640 reais.

A companhia Nissan Motor Company, Limited, muito mais conhecida pelo título de Nissan, consiste em uma grande empresa multinacional que produz diversos tipos de automóveis, sendo uma marca japonesa.

Em conjunto com os aumentos de preços, uma das principais novidades está na presença dos rádios no novo Nissan Kicks 2019. No que tange à sua versão SV, a mesma receberá um sistema renovado para função Apple CarPlay e para Android Auto. Sobre a versão dita Top de Linha, a SL estará munida de uma central multimídia suplementada por uma tela de 7 polegadas, além de ser compatível com o CarPlay e o dispositivo Android Auto. A mesma versão opera por meio do sistema dito Multi-App, com a sincronização nas redes sociais.

Existe uma versão com valor mais acessível para o público consumidor em geral, ou seja, a versão Kicks-S, munida de um câmbio manual em cinco marchas, o qual chega ao valor de 73.990 reais, registrando um aumento de mil reais. Entretanto, quando adicionado o pacote chamado Safety, o qual contém os controles de estabilidade e de tração, junto do dispositivo de assistente para partida nas rampas, o seu valor salta para 75.190 reais. Caso o consumidor deseje manter as marchas como são, há a versão S munida de uma transmissão de tipo CVT, que estará disponível no valor de 81.990 reais, suplementada pelo pacote tipo Safety na série. Para os consumidores que têm o direito de isenção, no caso, pessoas com deficiência, a versão específica será a S-Direct, que contém os mesmos itens que a versão S-CVT, a qual custará em torno de 68.640 reais.

Há, ainda, um típico modelo intermediário batizado de Kicks-SV, o qual está no valor de 88.990 reais, ou seja, 1.500 reais acrescentados em relação ao modelo 2018. Entre os seus atributos estão: o pacote opcional de dispositivo Plus; suplementado de bancos produzidos em couro; com acabamento em couro em suas portas e mais os airbags instalados nas laterais. O valor saltou, neste caso, para 97.990 reais. Para finalizar com chave de ouro, toda a configuração do Top de Linha, a Kicks-SL, estará disponível no valor de 97.990 reais.

Se o consumidor desejar um pacote completo, em valor um pouco mais elevado, será possível acrescentar o Kit Tech, munido de faróis dianteiros com a assinatura da marca LED. Além do alerta sobre colisão suplementada do assistente inteligente para frenagem, constituindo um total de 100.390 reais.

Assim, em sua totalidade, o conjunto de versões do novo Nissan Kicks 2019 está equipado com o mesmo tipo de motor, ou seja, o 1.6, com desempenho de 114 CV, 5.600 de RPM e mais 15,5 KGFM em 4.000 RPM, seja movido a etanol, seja a gasolina.

Vale a pena conferir.


Nissan Micra V – Características, Novidades


Confira as características e novidades do novo Nissan Micra V.

A Nissan está querendo voltar ao segmento dos compactos premium através dessa quinta geração do seu modelo Micra europeu, o hatch que conhecemos com o nome de March. Ele está bem maior dessa vez e muito bem equipado, mas não se anime: ele não virá para o Brasil tão cedo, não desse jeito.

Esse novo Micra está rompendo os seus laços com o seu antecessor que foi lançado no ano de 2010 e depois renovado no ano de 2014. O seu modelo era visto até como um downgrade de sua linha. Ele possuía na sua mira mercados emergentes, e deixava a desejar na sua qualidade geral em materiais e até no seu acabamento.

Na Europa, a montadora da Nissan agora está querendo retomar a sua posição no mercado premium. Já no Brasil, o seu modelo atual irá continuar na briga no segmento de entrada.

A diferença evidente entre essas gerações está em seu design arrojado do novo Micra V, lado a lado esses dois carros não parecem ter algum tipo de parentesco. Até em seu tamanho a novidade destaca: ele possui 17,4 cm a mais em seu comprimento, ou seja, 4 metros, 7,8 cm a mais na sua largura e ainda 5,5 cm na sua altura. Seus novos traços também o beneficiaram, colocando o modelo como o melhor em sua categoria.

Suas maçanetas traseiras que são disfarçadas simulam uma carroceria com duas portas, e traz itens únicos no seu design.

O Micra também utiliza a nova plataforma do modular CMF B, e passou em certos momentos por aperfeiçoamentos até atingir um comportamento mais esportivo ao seu modelo anterior que possuía um propósito mais familiar. Ele usa suspensão McPherson em sua dianteira e um eixo de torção em sua traseira. A sua direção possui assistência elétrica e os freios a disco na dianteira, mantendo seus tradicionais tambores em sua traseira, ainda o mesmo padrão nesse segmento.

Os seus vincos e sua linha de cintura ascendente dá um ar esportivo para o veículo.

No quesito de segurança, as suas novidades são os itens inéditos para o seu segmento: um monitor de faixa para rolagem e com travas nas suas rodas, sistema que impede sua troca inadvertida de faixas, um alerta de colisão que pode reconhecer pedestres e suas câmeras de 360º, semelhantes do Kicks. As câmeras do novo Micra também serão capazes de ler placas no trânsito e também velocidade da via.

O seu volante traz os comandos de cruise control, inexistente no modelo do Kicks.

O seu interior é bicolor e reforça o estilo jovem, trazendo uma linha totalmente esporte.

Na sua versão Connecta, há a tela de 7 polegadas e sensível ao toque com som Bose, que irá contar com dois alto-falantes já inseridos nos encostos de cabeça dos bancos dianteiros.

Esse recurso que impede a sua troca inadvertida entre faixas é inédito para o segmento.

De acordo com testes realizados pela Nissan, ele pode ir de 0 a 100 km/h até 12 segundos e pode atingir cerca de 183 km/h. A sua alavanca do câmbio fica em posição elevada e é composta por 5 marchas, e seus engates se mostram muito confortáveis.

O seu porta-malas oferece um espaço de até 300 litros, ou seja, 35l a mais que seu modelo atual.

Se você se interessou por esse modelo, não deixe de conferir todas suas novidades e também sobre seu lançamento oficial no Brasil. A estimativa é que não demore para a Nissan começar a comercializar o veículo para os brasileiros.

Por isso, não deixe de ficar atento a todas as novidades da montadora sobre esse modelo que com certeza chegará com todo no mercado nacional.

Por Ricardo Ferreira Rodrigues

Nissan Micra V

Nissan Micra V

Nissan Micra V


Nissan Leaf – Características, Vendas no Brasil


Carro elétrico Nissan Leaf será vendido no Brasil em breve.

A Nissan lançará no Brasil seu modelo chamado Leaf, ele já é o carro elétrico mais vendido em todo mundo. Esse modelo fará parte da nova estratégia que a marca adotará para o país, que irá incluir os modelos híbridos.

Esse carro deve ser apresentado para todo o país durante a feira do Salão do Automóvel em São Paulo ainda neste ano de 2018, com início de suas vendas previsto para o começo do ano de 2019. Essa confirmação foi feita ainda na feira de Tóquio, que está aberta ao público até o dia 5 de novembro.

O Leaf está já na sua segunda geração e algumas unidades de sua versão anterior já circulam pelas cidades entre São Paulo e o Rio de Janeiro, mas ainda só como táxis ou até mesmo carros de polícia que foram cedidos pela montadora Nissan em um certo período de testes.

Esse modelo atual está sendo vendido em três versões e podem trazer baterias com uma autonomia de 320 quilômetros. Seu motor elétrico gera até 150 cv em potência.

De acordo com seu presidente da Nissan na América Latina, ainda é um pouco cedo para definir um preço para o Leaf no Brasil. Porém seu bom desempenho de vendas no mundo todo se deve aos seus valores praticados, que estão na faixa de R$ 95 mil com incentivos fiscais na América, mas para o Brasil não se espera um valor abaixo de R$ 120 mil.

O desenho está muito alinhado aos modelos de carros da Nissan, não tanto futurista quanto o seu modelo anterior do Leaf. As suas dimensões são também similares às da perua de um porte médio, porém seu desenho remeta a mais de um modelo hatch.

As suas rodas são grandes, possuindo 17 polegadas e seus pneus são mais largos do que já foram vistos nos carros elétricos.

Há também um bom espaço em seu banco traseiro, onde todos os ocupantes podem viajar com seus joelhos em uma posição alta, similar ao espaço das picapes médias. Isso pode ocorrer devido à posição das baterias, que estão instaladas sobre o assoalho.

Tanto seus assentos dianteiros como traseiros também podem ser equipados também com um sistema inovador de aquecimento. Porém o uso dessa tecnologia diminuirá significativamente a sua autonomia da bateria.

O seu espelho retrovisor parece ter dobrado de tamanho, em contraste com um volante pequeno, bem parecido ao do SUV modelo compacto o Nissan Kicks.

Colocada bem no centro do painel, sua central de multimídia traz um trivial para os dias de hoje: uma tela sensível ao toque, um sistema de navegação através de GPS, seu áudio com Bluetooth e também recepção do sinal de TV digital, porém só funciona se o carro estiver parado.

Já o seu quadro principal dos instrumentos não é 100% digital: seu velocímetro ainda mantém seu tradicional ponteiro, dando um leve toque dos anos 1990 a um certo contraste a um carro modernoso.

Outro detalhe muito importante que remete ao seu passado não muito distante é um tocador de CDs, esse item que está sendo abandonado em muitos projetos recentes na parte de sonorização automotiva.

As suas forrações são bem claras nas versões, com couro e algumas partes imitando camurça. Os modelos mais baratos contam com um acabamento em um tecido preto.

A sua parte da frente pode acomodar o seu motor e também os tantos cabos por onde passam a energia. Há também suas tubulações de um sistema de ar-condicionado.

Possuindo 435 litros, seu porta-malas é bem curto e, porém, muito profundo.

O câmbio é um redondo, mas não há muito o que fazer. Carros elétricos não têm escalonamento de suas marchas, sua força é jogada para suas rodas de uma forma imediata.

Um botão pode acionar seu sistema e-Pedal, que funciona como um sistema de freio do carro assim que seu motorista tirar o pé do seu acelerador.

Com certeza será uma ótima opção de comprar para aqueles que procuram economia nos combustíveis de seus carros.

Não deixe de procurar uma concessionária Nissan para saber mais informações sobre o veículo.

Por Ricardo Ferreira Rodrigues

Nissan Leaf

Nissan Leaf


Nissan Sentra 2019 – Características, Novidades


O novo Nissan Sentra ganhou mudanças visuais em todo o corpo do carro, principalmente na parte dianteira.

É um grande fã de carro e quer ficar por dentro de todas as novidades e lançamentos, então acompanhe este artigo e saiba sobre todas as novidades e as mudanças que vão ocorrer no novo Sentra 2019.

Não é segredo para ninguém que o mercado dos sedans é muito concorrido, isso ocorre pelo fato de que são os carros mais populares, ganhando até mesmo destaque de melhor do ano, como exemplo disso podemos citar o Corolla que é um dos carros mais vendidos do mundo. E hoje vamos falar um pouquinho sobre um sedan, o Nissan Sentra, lançado em 1982 no Japão, onde é conhecido por Nissan Sylphy.

Saiba o que vai mudar no novo Sentra 2019

O sedan não é o único lançamento da marca, durante os últimos anos, a Nissan vem trabalhando duro para lançar carros por todo o mundo, além de atualizar as linhas que já possui. E uma dessas atualizações é o Nissan Sentra, que ganhou mudanças visuais em todo o corpo do carro, principalmente na parte dianteira.

Além da parte externa, o seu interior também foi modificado, agora algumas versões do carro poderão contar com um black piano no painel e acabamento em couro. Não somente aqui, mas o sedan norte-americano também foi atualizado, lá eles irão receber a versão esportiva fabricada pela Nismo, uma das divisões da Nissan.

Diferente da versão atual o Sentra 2019 que será comercializado nos EUA, não irá contar com um motor 2.0 aspirado, mas sim com um 1.6L, equipado com turbo-compressor capaz de dar ao carro 190 cv de potência. O novo Sentra 2019 irá ganhar um visual mais esportivo e promete chamar a atenção dos consumidores.

Para o carro que será lançado aqui no Brasil, o motor utilizado será o 2.0L com 140 cv e 20 kgfm de torque a 4.800rpm de 16v unido ao câmbio XTRONIC CVT®, o mesmo da versão anterior.

O motor então não sofrerá alterações, isso acontece porque a Nissan decidiu não investir tanto na mecânica e se dedicar mais ao visual e a segurança desse novo modelo de 2019, que provavelmente estará equipado com controle de estabilidade e tração, direção elétrica, freios ABS eletrônicos, sensor de estacionamento, assistente inteligente de pontos cegos, alerta de colisão frontal, entre outros equipamentos que irão tornar o novo sedan Sentra 2019 um dos carros mais seguros do ano aqui no Brasil.

Além disso, a marca também investiu na segurança interna do carro, ou seja, se mesmo com todos esses equipamentos que visam à segurança ocorrer algum acidente, a Nissan pensou em dispositivos para deixar seus ocupantes seguros.

Em relação às cores, possivelmente, não haverá alterações, ou seja, as cores Branco Diamond, Cinza Grafite, Prata Classic, Preto Premium, Vermelho Malbec continuaram sendo os padrões para o carro.

O novo modelo ainda contará com a possibilidade de obter uma personalização interior, onde o comprador poderá fazer combinações de cores para que fique com a sua cara e de seu gosto.

Veja os detalhes do Novo Sentra 2019

Agora vamos citar algumas informações e detalhes sobre o novo Sentra 2019 que será lançado no mercado.

Nissan Sentra 2019 – Versões e Preços

A linha do Nissan Sentra é vendida hoje nas seguintes versões:

  • 2.0 S 16V FLEX 4P AUTOMÁTICO
  • 2.0 SV 16V FLEX 4P AUTOMÁTICO
  • 2.0 SL 16V FLEX 4P AUTOMÁTICO

Todas essas versões possuem o motor 2.0 flex associado ao um câmbio automático do tipo CVT.

Atualmente, a linha sedan da Nissan Sentra é vendida por aproximadamente R$82.900,00, isso em sua versão básica, já a versão completa, top de linha, é sugerido que as concessionárias vendam a R$103.900,00.

Nissan Sentra 2019 – ficha técnica

Ficha técnica do Nissan Sentra com as especificações técnicas de desempenho, dimensões e capacidades.

Ficha técnica: desempenho

Motor 2.0 de 140 cv com álcool e gasolina. Sempre associado ao câmbio automático CVT.

Velocidade Máxima (km/h) – 196

Tempo 0-100 (s) – 9.9

Ficha técnica: dimensões e capacidades

Comprimento – 4.625 mm

Largura – 1.761 mm

Altura – 1.509 mm

Distância entre eixos – 2.700 mm

Peso (kg) – 1327

Capacidade do porta-malas – 503 litros

Capacidade do tanque de combustível – 50 litros

Por Isabela Pierini

Nissan Sentra 2019

Nissan Sentra 2019


Preço dos Carros Renault e Nissan para Pessoa Jurídica (CNPJ)


Saiba aqui mais detalhes sobre os descontos praticados para PJ na Renault e Nissan.

Uma prática cada vez mais comum no mercado de vendas de carros novos é a compra feita diretamente por CNPJ, as vantagens são inúmeras e a única condição exigida é ter um CNPJ ativo, independente do tipo e classificação, entrando inclusive na lista os microempreendedores individuais ou os chamados MEI, se desejarem.

O carro adquirido pode servir tanto a frota da empresa, como também para o uso dos próprios donos e não existe impedimento de comprar várias unidades se assim a empresa optar.

Mas como funciona este desconto

O desconto vale para qualquer CNPJ, mesmo que a pessoa tenha aberto uma empresa no dia anterior da compra na concessionária, as montadoras oferecem em média um desconto de até 20%, sempre dependendo do modelo e da versão escolhida. O desconto só é possível porque nesta modalidade de venda, a revenda se torna apenas uma intermediária, não colocando sua margem de lucro, o faturamento é direto da montadora para a empresa que está adquirindo o veículo, permitindo com isto uma parte da isenção tributária cobrada pelo governo e tendo como resultado o desconto repassado.

Praticamente todas as montadoras praticam descontos no mercado, vamos destacar nesta matéria duas em especial, a Renault e a Nissan.

Descontos praticados pela Renault

A Renault possui uma tabela diferenciada para compras através de CNPJ, com descontos de até 12% dependendo da versão, todos os principais modelos entram nestas condições favoráveis, abaixo temos um resumo deles com suas versões e preços:

  • Hatch Renault Sandero

Os descontos começam com 6% para a versão aventureira Stepway e vão até os 12% nas demais versões do Hatch, a Authentique por exemplo, com motorização 1.0, parte dos atuais R$ 43.350,00 para os R$ 38.148,00, já a versão Vibe, também com motorização 1.0, cai dos atuais R$ 49.100,00 para os R$ 43.208,00.

  • Sedã médio Fluence

Também é encontrado com descontos de 13%, saindo dos atuais R$ 99.350,00 para os R$ 86.434,00, a versão Privilege, mais cara da linha, pode ser comprada com desconto de até R$ 15.000.

  • SUV Duster

O SUV é oferecido com desconto de 12% em sua versão básica, com motorização 1.6, saindo dos atuais R$ 69.490,00 para os R$ 61.151,00. Na versão completa, a Dynamique com motorização 2.0 e tração nas quatro rodas, o desconto é de 9%, com preços saindo dos atuais R$ 88.290,00 para os R$ 80.343,00.

  • Sedã compacto Logan

Descontos entre 11% e 13%, dependendo da versão escolhida, para efeito de comparação os preços não ficam abaixo dos R$ 38.148,00 já citados sobre o Hatch Sandero em sua versão 1.0.

Se você gostou e ficou interessado, a Renault oferece maiores informações através de uma área especifica do seu site, disponível no endereço: https://www.renault.com.br/ofertas/vendas-especiais-renault.html.

Descontos praticados pela Nissan

A montadora japonesa também pratica interessantes descontos, a variação será entre os 7% e os 13%, dependendo sempre do modelo e da versão escolhida, dentre estas principais variações destacamos:

  • Hatch Nissan March, com motorização 1.0, na versão S

Desconto de 13%, partindo dos atuais R$ 44.290,00 para os R$ 38.532,00.

  • Sedã compacto Nissan Versa, com motorização 1.6, na versão SL

Também com desconto de 13%, saindo dos atuais R$ 67.490,00 para os R$ 58.716,00.

  • Sedã médio Nissan Sentra, com motorização 2.0, na versão SL

O Sentra é oferecido pela Nissan com desconto de 13%, saindo dos atuais R$ 103.900,00 para os R$ 90.393,00.

  • SUV Nissan Kicks, na versão SL e com câmbio do tipo CVT

A Nissan vende o Kicks com desconto de 12%, caindo para os R$ 84.471,00, em vendas deste tipo.

  • Picape Frontier

A picape da Nissan, em sua nova geração, também é vendida com um vantajoso desconto de mais de R$ 18 mil, saindo dos atuais R$ 166.700,00 para os R$ 148.363,00.

Todos os detalhes e condições podem ser conferidos diretamente no site da Nissan, através do link a seguir, se desejar: https://www.nissan.com.br/venda-direta.html

Autor: C.B


Nissan Leaf – Carro Elétrico será lançado no Brasil em 2019


Modelo elétrico da Nissan será lançado no Brasil em 2019 e não custaria menos que R$ 200 mil.

O preço dos combustíveis e a guerra dos caminhoneiros com o governo está levando a população a buscar alternativas para conseguir manter um meio de transporte mais acessível.

As montadoras de veículos já estão projetando o ano de 2019 um mercado aquecido para os modelos híbridos e 100% eletrificados.

A Nissan projetou esta tendência, está na frente de muitas montadoras e lidera o ranking com o carro elétrico mais vendido no mundo, o Nissan Leaf. A expectativa é que este modelo chegue em solo brasileiro a partir de 2019.

Leaf no Salão do Automóvel

Segundo informações do presidente da Nissan da América Latina, José Luis Valls, o Nissan Leaf deverá ser apresentado no Salão do Automóvel em São Paulo no mês de outubro.

Se você tem intenção de conhecer o modelo elétrico, fique atento porque a oportunidade será no segundo semestre. Agora se pesquisou e conhece bem este veículo e deseja comprar para você, as vendas começam no início de 2019.

No Brasil existem algumas unidades do Leaf circulando pelas cidades de São Paulo e do Rio de Janeiro. Os veículos foram cedidos pela Nissan para testes por um período determinado para serem usados como veículos de polícia ou taxi.

Nissan Leaf hoje

O Nissan Leaf está sendo vendido apenas em outros países e a previsão para chegar ao Brasil é apenas no ano que vem. No entanto, é possível ter uma base com o modelo atualmente comercializado no exterior.

Atualmente, o Nissan Leaf é fabricado em três versões com baterias que proporcionam uma autonomia de até 320 quilômetros. A potência do motor elétrico equivale a 150cv.

Porque é o carro elétrico mais vendido no mundo?

O excelente desempenho de vendas em outros países se dá justamente por conta dos valores que são praticados em todo mundo. O carro elétrico nos Estados Unidos é vendido por aproximadamente US$ 38 mil que poderia custar no Brasil não menos que R$ 120 mil. Os países buscam através de incentivos fiscais fazer com que os preços fiquem com valores mais acessíveis e com isso o aumento das vendas.

No mercado nacional não se espera que os veículos com motor elétrico custem menos que R$ 120 mil, justamente pela alta taxa do IPI. A projeção a partir deste valor que citamos é contando com incentivos fiscais do governo.

Na atual situação com IPI acima dos 10%, o Nissan Leaf não custaria menos que R$ 200 mil. O governo não aponta sinais de incentivos, porém, com a pressão que vem sofrendo com a alta dos combustíveis e crises entre setores de transporte, a tendência é rever a alíquota para no máximo 7%, conforme informa o presidente da Nissan.

Mais detalhes do Nissan Leaf

A Nissan já antecipou que a garantia das baterias do carro elétrico serão de 8 anos. No entanto não divulgou preços e versões para 2019. A nova geração do Leaf será competitiva e projeta liderança no mercado brasileiro.

A próxima geração do Nissan Leaf é a segunda e surge com duas baterias de 40 kWh e 60 kWh podendo rodar até 240 e 320 quilômetros de autonomia.

O design do Leaf não é tão futurista quanto esperam dos carros elétricos. O desenho que a Nissan apresenta acompanha os modelos dos demais que a montadora tem produzido.

O porte do Leaf é de uma Perua médio, no entanto, o seu desenho é de um hatch. Os pneus são mais largos acoplados em rodas de 17 polegadas, o tamanho é grande em comparação aos modelos elétricos.

O espaço interno é muito bom, a distância entre bancos dianteiros e traseiros promovem conforto para os ocupantes. Os assentos podem ser equipados com aquecimento elétrico, porém, o uso dessa ferramenta diminui a autonomia da bateria do motor.

Os espelhos retrovisores são maiores, aparentando ter o dobro do tamanho dos tradicionais, para criar um contraste de tamanhos, o volante é pequeno, igual ao volante do Kicks, chamado de SUV compacto aqui no Brasil.

Tecnologia embarcada

A central multimídia do Nissan Leaf acompanha os modelos tradicionais com tela sensível ao toque, Bluetooth, GPS, além de recepção de sinal de TV, que por medida de segurança a TV só funciona se o carro estiver parado.

O quadro do painel de instrumentos não é totalmente digital, ainda conta com alguns detalhes mais tradicionais como velocímetro com ponteiros.

O porta-malas tem um volume de 435 litros de capacidade para as bagagens, curto, porém profundo. As bagagens maiores precisam ser bem organizadas para caber.

O sistema de transmissão é um câmbio com seletor de forma arredondada. O condutor não tem muita opção de escolha de direção, sendo para frente ou trás.

O ano de 2019 promete ser ecologicamente correto para o setor automobilístico? Não sei, vamos aguardar, esperamos que incentivos ajudem a popularizar estes modelos, bem como valores acessíveis a todos os proprietários de veículos.

Por Marcio Ferraz

Nissan Leaf


Nissan X-Trail 2018 – Características, Especificações


O lançamento do modelo no Brasil ainda não tem data certa, apesar de alguns especialistas darem como certa a chegada do X-Trail 2018, cedo ou tarde.

Ao que tudo indica falta muito pouco para que a Nissan confirme a chegada do novo X-Trail 2018 ao mercado brasileiro. Devido a grande concorrência na categoria dos SUVs, não seria nenhuma surpresa anunciar um lançamento desse porte no Brasil. Além disso, é importante destacar que o X-Trail já é conhecido aqui no Brasil, haja vista o modelo ter sido comercializado por aqui nos anos 2000.

Outro detalhe que indica a chegada do X-Trail ao Brasil é o fortalecimento da Nissan na América Latina. A marca japonesa já conta, por exemplo, com o mesmo modelo no mercado argentino, haja vista seu lançamento recente por lá. Um dos detalhes que evitam a confirmação, por enquanto, da chegada do X-Trail é justamente a origem do veículo bem como pacotes de equipamentos adequados ao nosso mercado. O modelo é fabricado nos Estados Unidos e Japão. A versão argentina, denominada Murano, é importada do Japão.

Com isso, o lançamento no Brasil ainda não tem data certa, apesar de alguns especialistas darem como uma certeza a chegada do X-Trail 2018, cedo ou tarde.

Não é de hoje que a Nissan vem cogitando o lançamento de um SUV imediatamente maior que o Kicks. Uma das opções disponíveis era o Qashqai. Essa ambição da Nissan está diretamente relacionada ao grande sucesso que foi o lançamento do Kicks no Brasil. Apesar de pensar no Qashqai, a empresa japonesa deve mesmo é investir no X-Trail, haja vista ser maior que o Qashqai, o que faz com que a nova opção conte com um espaço maior em relação ao Kicks na linha. Além disso, José Luis Valls, chefe da Nissan na América Latina, também destaca que o X-Trail poderá vir com a terceira fila de bancos, com capacidade para até 7 passageiros, algo não disponível no Qashqai.

Além disso, outro fator que levou a Nissan a preferir o X-Trail foi justamente o desconhecimento do brasileiro em relação ao Qashqai. O X-Trail, por outro lado, já possui uma história em nosso mercado e é um nome bastante forte para o mercado de SUVs.

Características

Em relação as suas características, é importante destacar que o Nissan X-Trail 2018 segue de perto a linha Rogue, que é a versão norte-americana do automóvel. O lançamento vem acompanhado de melhorias no acabamento interno além de novos equipamentos de série que ampliam sua lista de itens de fábrica e deixam o automóvel ainda mais atrativo.

Dentre suas mudanças na parte externa, podemos destacar: grade redesenhada V-Motion que possui formato mais espichado para baixo, novos faróis com luzes diurnas de LED, para-choques redesenhados, lanternas com iluminação em LED, rodas de liga leve aro 17 ou 18 polegadas, além de novas opções de cores.

A parte interna do automóvel também sofreu mudanças. Um dos destaques fica por conta do novo volante multifuncional com base achatada, que também está presente do novo Kicks bem como no novo March. Outras novidades são: acabamento com detalhes na cor preta nas saídas de ar, novas opções de bancos revestidos em couro, acabamento Takna em dois tons, além do porta-malas que ficou maior e agora comporta 565 litros.

O X-Trail 2018 também foi desenvolvido pensando na segurança do motorista e dos passageiros. Com isso, o automóvel passa a adotar o sistema de condução semiautônoma ProPilot como item de série. Essa tecnologia é capaz de controlar aceleração, direção e frenagem em pista única nas rodovias, em conduções com velocidades mais altas bem como em engarrafamentos.

Já quando o assunto são motores, saiba que as opções continuam as mesmas: 1.6 turbo a gasolina de 130 cv, 1.6 turbodiesel com 163 cv de potência ou o 2.0 turbodiesel de 177 cv. A transmissão, por sua vez, pode ser manual de seis marchas ou automática do tipo CVT com tração dianteira ou até mesmo nas quatro rodas.

Como ainda não há confirmação de lançamento no Brasil, a lista completa de equipamentos e especificações técnicas ainda não está disponível. Mas para ter uma boa prévia do que vem por aí você pode conferir os modelos argentino e português através dos links www.nissan.com.ar/vehiculos/nuevos/murano.html e www.nissan.pt/veiculos/novos-veiculos/x-trail.html.

Por Bruno Henrique

Nissan X-Trail 2018


Nissan Sentra 2018 – Versões, Preço e Novidades


Veja aqui mais detalhes sobre o Nissan Sentra 2018.

O Nissan Sentra é um dos carros mais vendidos do mundo. A marca japonesa tem seu nome consolidado no mundo todo. E o Nissan Sentra 2018 vem para agradar a muitos, mesmo não trazendo tantas novidades. O modelo, além de ter um design totalmente moderno, é muito elegante e muito confortável.

Nissan Sentra 2018 é um carro para quem tem bom gosto

Nissan Sentra 2018 é um carro com muitos detalhes em seu design. A beleza desse carro é de dentro para fora literalmente. Ele é ideal para as pessoas que gostam de carros que chamam atenção, pois de discreto esse carro não tem nada.

Nissan Sentra 2018 tem destaque em seus faróis e rodas cromadas

Os faróis do Nissan Sentra 2018 tem formato de setas com LEDs diurnos e possui também projetor de LED no foco baixo. E além disso, esse carro possui lanternas com LEDs contínuas, grade V- Motion e rodas de liga leve aros 16 e 17 (SV e SL) cromadas em sua versão SL. Possui também entrada e saída sem chave.

Vamos falar dos acessórios do Nissan Sentra 2018 que são destaques nesse lançamento

Os acessórios são o destaque do novo Nissan Sentra 2018. Eles são o que tem de novo nesse carro e por isso a marca caprichou nesse detalhe. Essa nova versão do Nissan Sentra 2018 tem o sensor de estacionamento que é essencial para muitos motoristas. Esse sensor ajuda a detectar os pontos cegos nas manobras e ajuda o motorista a se sentir mais seguro.

Nissan Sentra 2018 possui sensores traseiros

Outro ponto positivo desse carro são os sensores traseiros, que são essenciais para quem ainda não tem tanta segurança ao dirigir. Esse sistema auxilia o motorista alertando o mesmo se tiver algum obstáculo. Esse sistema é acionado quando o motorista engata a ré. E com o auxílio de um botão que pode ser instalado nos espaços de botão reserva que fica à esquerda do volante. Em relação os sensores dianteiros, eles devem ser acionados somente no momento da manobra.

Vamos falar do desempenho do Nissan Sentra 2018

O motor do Nissan Sentra 2018 é o 2.0 16V FLEX e tem um ótimo desempenho como já é esperado. Ele roda com gasolina e também com o etanol, o que o torna um carro bem versátil. Ele é um carro que funciona tranquilamente e tem boas retomadas e também uma grande disposição em seu consumo frugal.

Ele possui transmissão automática CVT Xtronic e tem a função Low para as subidas e para as subidas muito difíceis, essa função também serve para a desativação do Overdrive, ela eleva a rotação do motor e o força para uma condução mais esportiva. o que melhora o desempenho no meio urbano.

Nissan Sentra 2018 tem controle de tração e estabilidade

Outra informação bem legal desse carro é que ele tem o controle de tração e estabilidade em pistas molhadas, esse detalhe torna esse carro bem mais seguro. O Nissan Sentra 2018 possui molas e amortecedores que foram ajustados para filtrar de forma razoável quando o carro passa por buracos e pistas que possui defeitos no asfalto.

Carro com porta-malas espaçoso

Outro ponto positivo desse modelo é que ele possui o porta-malas bem espaçoso. E muitas pessoas sempre presam por um carro que tem esse detalhe. Ele é ideal para quem precisa guardar muitas coisas nesse espaço ou viaja sempre e precisa carregar as bolsas e malas nesse espaço.

Veja o consumo do Nissan Sentra 2018

O Nissan Sentra é um carro com ótimo consumo de modo geral. Veja abaixo:

  • Nissan Sentra 2.0 CVT 2018 na estrada- 9,1 km/litro no etanol e 12,7 km/litro na gasolina.
  • Nissan Sentra 2.0 CVT 2018 na cidade- 6,7 km/litro no etanol e 9,9 km/litro na gasolina.

Preço do novo Nissan Sentra 2018

O valor pode variar de acordo com o modelo. veja abaixo as três opções:

– Nissan Sentra 2.0 SL CVT 2018- R$ 103.900,00

– Nissan Sentra 2.0 SV CVT 2018- R$ 90.900,00

– Nissan Sentra 2.0 S CVT 2018- R$ 82.900,00

O Nissan Sentra é um ótimo carro de um modo geral, e pode ser considerado um ótimo investimento!

Cristiane Amaral


Nissan March 2018 – Ficha Técnica, Características


Confira as novidades e características da linha 2018 do Nissan March.

Os brasileiros que gostam muito de um carro zero km vão se surpreender com as novidades do novo Nissan March do ano de 2018, que vai chegar para disputar a preferência dos consumidores enfrentando dois líderes de vendas, o Peugeot 2018 e o Ford Fiesta. Mas será que o Nissan March está pronto para essa briga? Vamos saber tudo sobre esse super lançamento.

O Nissan March sem dúvidas é um carro muito bom, um dos modelos mais vendidos do país e que quando foi lançado no Brasil chegou com um preço bem acessível, o que conquistou muitos consumidores.

Seu lançamento no país aconteceu no ano de 2011 e seu preço era menor que 30 mil reais, o que fez dele um modelo popular e muito querido. No ano de 2014 a Nissan passou a produzir seus veículos aqui no Brasil, na cidade de Resende, no Estado do Rio de janeiro e neste mesmo ano, o Nissan March passou por uma reestilização.

De lá para cá ele vem passando por modificações pontuais e atualmente, os modelos da quinta geração March apresentam uma semelhança como o recém-lançado Nissan Kicks, tanto por dentro quanto por fora.

Destacam-se no modelo lanternas traseiras desenhadas em um formato diferente, parecendo um bumerangue.

– Quais são as novidades que o Nissan March 2018 vai trazer?

Para começar a falar das tão esperadas novidades temos um volante multimídia e ainda dentro do tema tecnologia temos uma central multimídia de 7” que possibilita o acesso a aplicativos como Apple CarPlay. Além disso, o possante está maior pois ganhou 12 cm a mais que seu antecessor.

Ainda não se pode dizer que no Brasil a linha passou por uma reestilização, mas a Nissan se preocupou em caprichar em alguns detalhes para que os seus consumidores continuem se agradando do modelo.

E falando em agradar consumidores, nada parece agradar mais do que os itens de série e a Nissan procurou também caprichar neste ponto, não deixando nada a desejar.

Confira abaixo os itens de série do Nissan March 2018:

– Direção elétrica;

– Motores 1.0 ou 1.6 litros, que chegam a render 77cv e 111cv de potência;

– Computador de bordo;

– Câmbio manual com 5 velocidades ou automático do tipo CVT;

– Assistente de frenagem;

– Freios ABS com EBD;

– Câmera de ré;

– Airbags;

– Ar condicionado automático digital;

– Central multimídia com sistema Android integrado;

– Retrovisor externo com luzes integradas;

– Rodas de liga leve aro 16″;

– Volante multifuncional;

– Chave com telecomando;

Contudo, o que mais chama a atenção dos interessados no Nissan é a sua média de consumo. O INMETRO ainda não avaliou o modelo, porém as informações de fábrica sobre o consumo do modelo de 2017 são as seguintes:

– Motor 1.0 com 3 cilindros: com álcool faz 8,8 km por litro na cidade. Na estrada faz com 10,3 km por litro. Com gasolina na cidade faz 12,9 km por hora na cidade e na estrada faz 15,1 km por litro.

– Motor 1.6 de 16 V: abastecido com álcool faz 8,9 km por litro, tanto na estrada quanto na cidade e com gasolina faz 13,1 km por litro.

Como foram realizadas muitas mudanças o Nissan March chega com um preço um pouco acima do modelo de 2017. Veja abaixo os valores das 8 versões:

– Nissan March 1.0 12V Conforto flex : Saindo por R$ 39.990,00;

– Nissan March 1.0 12V S flex : Saindo por R$ 42.990,00;

– Nissan March 1.0 12V SV flex : Saindo por R$ 45.990,00;

– Nissan March 1.6 16V S flex : Saindo por R$ 47.990,00;

– Nissan March 1.6 16V SV flex: Saindo por R$ 50.790,00;

– Nissan March 1.6 16V SV CVT : Saindo por R$ 55.790,00;

– Nissan March 1.6 16V SL flex : Saindo por R$ 54.990,00;

– Nissan March 1.6 16V SL CVT flex: Saindo por R$ 59.990,00.

Por Sirlene Montes

Nissan March 2018


Nissan Frontier 2018 – Versões, Ficha Técnica


A nova geração traz elementos únicos no mercado nacional como o motor Bi-turbo, por exemplo. O sistema para subida e descida de rampa e o auxiliador de partida, também fazem a diferença.

Eleita a melhor picape no prêmio oferecido a sua categoria na Car Award Brasil e divulgada em publicações especializadas como a melhor compra de 2017, as inovações para 2018 da Nissan Frontier a deixa a frente de suas concorrentes nos quesitos força, robustez e potência.

A nova geração traz elementos únicos no mercado nacional como o motor Bi-turbo, por exemplo. O sistema para subida e descida de rampa e o auxiliador de partida, também fazem a diferença.

O interior lembra o conforto de um sedan com o uso do couro no acabamento dos bancos que dão comodidade e sofisticação e o painel colorido multimídia. Porém a robustez externa proporcionada pela grade central em formato V-Motion e cromada são itens que mostram a identidade da picape da Nissan.

A Frontier pode ser encontrada nas cores: Laranja Imperial, Vermelho Alert, Cinza Grafite, Preto Premium, Branco Aspen e Prata Classic e em duas versões. Acompanhe os demais detalhes.

FICHA TÉCNICA:

MOTOR: Bi-turbo 2.3 L Diesel, 16 válvula, 190 CV e 45,9 KGFM

LARGURA: 1.850 mm

ENTRE-EIXOS:3.150 mm

ALTURA: 1.855 mm

PESO: 1.985

COMPRIMENTO: 5.250

TANQUE: 80 L

DIREÇÃO: Hidráulica

SUSPENSÃO TRASEIRA: Multilink

OCUPANTES:5

TRAÇÃO: 4 X 4

Características gerais

Os engenheiros da montadora japonesa fizeram questão de dar à picape o aproveitamento máximo do combustível em relação ao desempenho.

Seu novo motor Diesel Bi-turbo 2.3 com a potência de 190 CV é uma combinação perfeita de economia e força.

São 7 marchas em um câmbio automático que proporciona mais conforto à condução do veículo. As trocas de marcha são feitas suavemente e tem a possibilidade do uso manual sequencial.

Outra característica fundamental é o acionamento da tração de forma eletrônica fazendo qualquer terreno irregular ser facilmente vencido.

Outras características que compõem a Frontier são:

· Sensor para acendimento automático dos faróis;

· Chassi duplo C reforçado;

· Auxílio para partida em rampa;

· Faróis de LED (dianteiros)

· Caçamba com Ganchos internos para prender a carga;

· Banco do motorista com ajuste elétrico;

· Ar condicionado Dual Zone digital;

· Volante com multifunções integradas;

· Central multimídia com o Nissan Multi-App; com: Bluetooth, DVD, GPS, câmera de ré;

· Retrovisores com rebatimento elétrico;

· Duplos airbags frontais;

· Controle de frenagem eletrônico e freios BS;

· Faróis de neblina;

· Bancos dianteiros com aquecimento e apoios para a cabeça;

· Vidro traseiro com desembaçador;

· Sistema de ignição eletrônico;

· Cinto com ajuste de altura com três pontos;

· Para-choque cromado (traseiro) e dianteiro na cor da picape;

· Tomada 12 v na caçamba e no console;

· Apoio de braço no console central;

· Proteção UV no para-brisa

· Retrovisores e maçanetas cromados;

· Antena e rack de teto.

Acessórios da Frontier:

· Soleira de portas que conferem sofisticação;

· Alarme ultrassom com sensibilidade para detectar qualquer movimento no interior;

· Barra transversal com capacidade para suportar 56 kg da Thule

· Tapete de carpet produzido em nylon;

· Subwoofer para potencializar o som;

· Ponteira de Escapamento para dar um caráter esportivo;

· Santantônio KEKO;

· Capota Marítima: Feita em lona com alta resistência promove maior segurança a sua carga contra imprevistos climáticos.

· Protetor contra arranhões e amassados na caçamba;

· Trava de estepe usado com a chave-segredo;

· Friso lateral nas 4 portas na cor da picape;

· Camêra de ré que permite a visão traseira e manobras mais seguras;

· Extensor de caçamba que aumenta a capacidade do veículo funcionando também como organizador.

· Automatizado nos vidros com anti esmagamento;

· Sensor dianteiro de estacionamento;

· Trava antifurto para as rodas;

Preço inicial

Frontier LE AT 4×4 R$ 166.700

Frontier: SE AT 4×4 R$ 155.990

O catalogo completo você confere na página da montadora: www.nissan.com.br/veiculos/modelos/frontier.

Por Fabíola de Moraes

Nissan Frontier 2018

Nissan Frontier 2018


Nissan Versa 2018 – Características, Versões


O Nissan Versa 2018 é um sedan compacto e muito econômico, de porte médio, porém, munido de amplo espaço interno e porta-malas.

Entre as mais famosas companhias produtoras de grandes marcas de veículos, a Nissan, grande empresa japonesa nesse ramo, ganha destaque em suas unidades, sobretudo as novas versões de modelos bem sucedidos. Recentemente foi estreado o Nissan Versa 2018. Trata-se de um sedan estilo compacto e muito econômico, de porte médio, porém, munido de amplo espaço interno e porta-malas. Os valores desse modelo estão em torno de 48.490 e 68.840 reais. Entre os novos atributos desse carro está a capacidade de conectividade de bordo.

Lançado no ano de 2011, modelo Nissan Versa foi produzido por meio da chamada plataforma do March, ou a global V. Esse carro foi muito comercializado em todo o mundo. Basicamente suas dimensões físicas são 4,42 metros de comprimento e 2,60 metros em seu entre eixos. Embora seja um carro compacto e popular, conquistou o público por oferecer um excelente espaço interno, além de seu porta-malas com capacidade para 460 litros. Em seu design externo, o Nissan Versa está munido de faróis de Monoparabola, em conjunto com uma grade cromada estilo V-Motion; o seu para-choque está aparelhado com potentes faróis para neblina. As rodas são de liga leve, com aro entre 15 e 16 polegadas. A parte traseira está bem destacada, dado a amplitude do porta-malas, munida com luzes de prolongamento sobre as laterais, sendo que o friso que encima a placa está cromado.

No que toca à aparelhagem interior o Nissan Versa 2018 possui um bonito painel, munido de cluster completo; nele está instalado um computador de bordo; possui ar-condicionado digital; além de multimídia em MultiApps, com diversas opções de aplicativos, aparelhado com uma câmera de ré e de um navegador por meio de GPS. No que tange aos bancos, estes foram projetados para melhor acomodar os passageiros, sendo que o da parte de trás é bipartido; além de possuir um trio elétrico e também uma direção elétrica, possibilitando inúmeros ajustes personalizados. Esteticamente mais bonitas são as maçanetas e a manopla do freio de estacionamento, agora em versão cromada, além de um volante munido de piloto automático.

Este modelo Nissan Versa não está apresentando novidades para a série de 2018, mantendo os mesmos atributos da versão anterior. Entretanto, as funções que já possui constituem um excelente pacote de equipamentos conjugados ao excelente espaço interior e ao já citado porta-malas. Entre as opções dessa linha, uns possuem motor de potência 1.0 e potência 1.6, sendo que esses dois tipos, da série em questão, estão munidos, respectivamente, de 77CV e 111CV, movidos à gasolina e a etanol. Outra marca de qualidade desse modelo é a opção do câmbio CVT, o qual proporciona muito mais conforto, economia e, por conseguinte, mais segurança na direção.

Outro ponto qualitativo muito importante do Nissan Versa 2018, está na sua configuração no padrão SL, sendo aparelhado com a já mencionada câmera de ré, que transmite a imagem por meio de uma tela em 6,2 polegadas, com o potente sistema multimídia em MultiApps.

Outra vantagem é a de que tanto em sua dianteira, quanto em sua traseira, o Nissan Versa possui condições físicas de ser equipado com os devidos sensores de orientação do motorista, munidos de alertas que indicam a presença de obstáculos que ocupam pontos cegos, na visão de quem dirige, ou mesmo auxiliando na visão dos retrovisores. Outra função muito importante, que pode ser agregada, está no recurso de alerta que funciona por meio de diversos sinais sonoros, que mantém a atenção do motorista no sentido de prever a exata da distância entre o carro e um objeto, o qual gradativamente diminui na medida em que a velocidade do mesmo alarme aumenta de frequência.

Os modelos disponíveis nessa série são:

O Nissan Versa Conforto com motor 1.0, disponível pelo preço de 48.490 reais; o Nissan Versa S com motor 1.0, disponível no valor de 50.490 reais; o Nissan Versa S com motor 1.6, disponível pelo valor de 53.490 reais; o Nissan Versa SV com motor 1.6, disponível pelo valor de 56.490 reais; o Nissan Versa SV 1.6 CVT, disponível pelo valor de 61.490 reais; o Nissan Versa SL com motor 1.6, disponível pelo valor de 63.490 reais; o Nissan Versa SL com motor 1.6 CVT, disponível pelo valor de 67.490 reais e o Nissan Versa Unique com motor de 1.6 CVT, disponível pelo preço de 68.840 reais.

Por Paulo Henrique dos Santos

Nissan Versa 2018

Nissan Versa 2018


Nissan Kicks 2018 – Ficha Técnica, Características


O Nissan Kicks 2018 é um carro bem completo, e ele passou por algumas mudanças para melhorar ainda mais sua funcionalidade e aparência.

Quem gosta de ter um carro moderno e elegante ao mesmo tempo, vai se encantar com o Nissan Kicks 2018. Além desses dois detalhes, ele tem muita potência e todas essas qualidades o torna um carro bem especial.

Nissan Kicks já é bem conhecido no mercado automobilístico brasileiro

O Nissan Kicks não é novidade aqui no Brasil, pois ele chegou ao mercado brasileiro no ano de 2016 e desde lá vem conquistando muitas pessoas por ser um modelo de carro bem completo e de qualidade extraordinária. E o modelo de 2018 vai passar por algumas mudanças, apenas para tornar esse carro mais perfeito.

Carro brasileiro que agrada a muitas pessoas

Nissan Kicks é fabricado no Brasil, porém, nem sempre foi assim. Até uns meses atrás ele era fabricado no México. Sua fábrica fica no Rio de Janeiro.

Veja as mudanças no Nissan Kicks 2018

O Nissan Kicks 2018 é um carro bem completo, e ele passou por algumas mudanças para melhorar ainda mais sua funcionalidade e aparência.

Veja a mudança na parte externa

A parte externa do Nissan Kicks 2018 tem as seguintes alterações:

– Teto flutuante que deixa o carro com um ar moderno

– Nova grade frontal “V- Montion”

– Faróis em formato de bumerangue

Veja as mudanças na parte interna

A parte interna do Nissan Kicks 2018 ganhou uma estética bem moderna e com diferencial. Agora esse carro é o maior SUV do seguimento, pois sua altura e largura tiveram um aumento. Veja agora como ficou o Nissan Kicks 2018:

– 1,76 M de largura

– 4,28 M de comprimento

– 1,58 M de altura

– 2,62 M entre eixos

Mudanças na parte mecânica

As mudanças na parte mecânica são bem significativas e animadoras. Veja abaixo:

– Nova Transmissão CVT recém-apresentada March e Versa

– Motor 1.6 16V de 111 cv

Outra parte mais animadora do novo modelo da Nissan Kicks são seus novos itens de série. E de fato já sabemos que esse detalhe do carro é muito importante na hora de decidir a compra por um novo modelo, e por isso a marca investiu itens de série bem especiais, veja abaixo:

– Chave inteligente

– Retrovisores externos com regulagem elétrica

– Tela Digital com 12 funções

– Ar-condicionado digital

– Banco de couro

– GPS central multimídia sensível ao toque com tela de 7 polegadas e sistema Android

Falando da segurança do Nissan Kicks 2018

A segurança de qualquer carro é fundamental, por isso a Nissan Kicks 2018 também pensou nisso e investiu pesado nessa parte, veja os itens de segurança que você vai encontra nesse carro:

– Controle de estabilidade e tração

– Seis Airbags

– Freios ABS com EBD

– Cinto de três pontas com apoio de cabeça em todos os bancos

– Auxiliar de partidas em rampas

– Sistema ISOFIX para as cadeirinhas infantis

Consumo médio é o mesmo da linha de 2017

Não teve mudança no consumo médio do Nissan Kicks 2018, ele é o mesmo da linha de 2017. Seu motor 1.6 Flex com 16 válvulas e possuí câmbio automático CVT. O consumo nos perímetros urbanos chega a 8.1 km/l já na estrada o seu consumo chega a 9,6 km/l no uso do etanol.

Já no uso da gasolina ele rende cerca de 11,4 km/l na cidade e 13,7 km/l na cidade. Sendo assim podemos afirmar que ele é um carro econômico, o que torna ele ainda mais especial.

Valor do Nissan Kicks 2018

O valor do Nissan Kicks 2018 pode variar muito dependo da sua versão e itens adicionais. O valor mínimo é de R$ 89.900,00 a R$ 98.500,00.

Nissan Kicks 2018 é um ótimo carro, ideal para os consumidores mais exigentes!

Por Cristiane Amaral

Nissan Kicks 2018


Nissan Kicks 2018 – Nova Versão S 1.6 com Câmbio Manual


Nissan Kicks ganha versão de entrada por R$ 70.500 e passa a ser fabricado no Brasil.

A partir de agora o Nissan Kicks passa a ser produzido aqui no Brasil na planta da cidade de Resende, no Rio de Janeiro, ao invés de ser importado diretamente do México, o que ocorria desde quando foi lançado no mercado brasileiro, no mês de agosto do ano passado, na abertura do jogos olímpicos. Além dessa novidade, depois de um ano de seu lançamento, o Nissan Kicks agora passa a contar com mais um versão, assim não ficando restrito somente às versões SL (que representa a topo de linha) e SV (que é a intermediária), as duas fazendo uso de um câmbio CVT. A marca lançou a pouco uma versão de entrada, que é a S 1.6 com câmbio manual e tem um preço sugerido que chega a R$ 70,5 mil.

Por este preço, o SUV Nissan Kicks compacto passa a contar com os seguintes equipamentos de série: ar-condicionado, rodas de aço estampado com calotas no tamanho de 16 polegadas, direção elétrica, vidros e travas elétricas em todas as portas e sistema de som, que conta com comandos integrados no volante, trazendo assim mais conforto para o motorista conduzir a reprodução do áudio em seu veículo. De forma opcional, pagando R$ 1,2 mil a mais sobre o valor inicial, o modelo pode receber controle de estabilidade e controle de tração, além de um assistente de partida em rampa, recurso esse que nas versões mais caras já é um equipamento de série.

Essa mesma versão de entrada ainda pode ser equipada com transmissão CVT (transmissão continuamente variada), além dos já citados controles de estabilidade e controle de tração, com assistente de partida em rampa e as rodas de 16 polegadas em liga leve pelo valor de R$ 79,2 mil.

O Nissan Kicks produzido aqui no Brasil, assim como os que eram importados do México, até o momento são equipados com motor flex de 1600 cilindradas, que tem a capacidade de gerar uma potência de até 114 cavalos a 5.600 giros e um torque máximo de 15,5kgfm a 4 mil rotações.

FILIPE R SILVA


Nissan Kicks 2018 – Início da Produção no Brasil


Modelo produzido no país custará cerca de R$ 70 mil.

Acabamos de finalizar o mês de maio e junho chega para trazer grandes e esperadas novidades automobilísticas. Estamos falando do Nissan Kicks, agora produzido no Brasil e prestes a ter seus primeiros modelos lançados no país.

É isso mesmo, o Nissan agora deixa de ser um modelo importado e passa a ser fabricado na cidade de Resende, no estado do Rio de Janeiro, o que com certeza vai fazer uma sutil diferença na hora da compra.

Mas vamos às novidades previstas para esse mês de junho.

E já que estamos falando de novidades, vamos direto ao modelo de entrada, a versão S, que chega com um motor 1.6v e câmbio manual, sairá por R$ 70.500, um preço bem mais baixo se comparado a sua versão mais barata vinda do México, que sai por R$ 86.490.

O modelo que ainda não apareceu publicamente só teve algumas fotografias divulgadas de forma que são visualmente notáveis as rodas de aço, em calotas muito bem desenhadas.

A fotografia do Nissan Kicks S foi publicada na última quarta-feira, dia 31 do mês de maio. O lançamento oficial será na Feira Internacional de Tecnologias em Reabilitação, Inclusão e Acessibilidade, que está na sua 15ª edição, a conhecida Reatech.

As informações iniciais são de que a Versão S chegará com alguns equipamentos a menos como o sistema de chave presencial (que a partida é dada por botão) e ar-condicionado. Contudo, outros itens devem ser mantidos, como os importantes controles de estabilidade e tração, controle eletrônico de frenagem, fixadores traseiros Isofix para as cadeiras de crianças, assistência de frenagem para os freios ABS, CD player com entrada auxiliar, sistema inteligente de partida em rampas, entre outras.

Outras novidades ficam por canta das cores, novos equipamentos e novas versões.

Outro fator que deve conquistar muitos admiradores é um modelo especial desenvolvido para pessoas portadoras de deficiência e também taxistas.

Sem dúvidas o Nissan nascido em terras brasileiras vai fazer muito sucesso em todas as suas versões, principalmente sua versão de entrada, cujo preço deve agradar a muitos. Nesse sentido, resta apenas aguardar o seu lançamento, que está previsto para acontecer em Junho.

Sirlene Montes


Aumento no Preço do Nissan Kicks


Modelo top de linha sobe R$ 1.590 e agora chega a R$ 93 mil.

Pelo visto não teve jeito mesmo: O carro da Nissan, o Kicks, modelo da marca que atualmente é o mais vendido no país, acabou ficando mais caro depois de um reajuste. As primeiras informações apontam para uma alta de R$1.590 para as duas versões que são vendidas por aqui.

Com isso, o SUV começa pelo preço de R$86.490 em sua configuração SV e irá chegar a R$93.490 na opção topo de linha, a SL.

Nos dois casos temos a presença do motor 1.6 de 16V flex com capacidade de gerar até 114 cavalos. O câmbio é automático CVT.

Vale lembrar que o modelo já está sendo fabricado na planta da montadora em Resende, Rio de Janeiro. Entretanto, mesmo assim, o Kicks ainda continua sendo trazido do México.

Segundo informações da própria Nissan, os primeiros carros que forem feitos aqui irão passar por alguns testes de qualidade antes de serem colocados à venda.

De qualquer forma, a expectativa é de que o Kicks “brasileiro” chegue as autorizadas ainda em abril de 2017.

Saiba mais:

Quem já teve a oportunidade de testar o carro destacou sua boa dirigibilidade. A direção elétrica é relativamente leve e direta, fazendo assim com que o modelo transmita para o condutor uma sensação de esportividade que pode ser considerada até mesmo maior do que a vista em carros da mesma categoria.

Sobre o itens de série vamos ter os seguintes destaques: rodas de liga-leve de 17 polegadas, controles de tração e estabilidade, isofix, cinto de três pontos e apoios de cabeça para todos os passageiros, alarme, assistente de partida em rampa, bancos de tecido preto, chave presencial, defletor traseiro, retrovisores elétricos na cor do carro e com repetidores de seta, rack de teto, maçanetas na cor do carro, faróis de neblina, sensor e câmera de ré, volante multifuncional com ajuste de altura e profundidade, direção elétrica, banco traseiro bipartido, ajuste de altura do banco do motorista, conexão por Bluetooth, entrada USB, leitor de CD, MP3, rádio, GPS, sistema multimídia com tela sensível ao toque de 7 polegadas, quadro de instrumentos com tela colorida de 7 polegadas e ar -condicionado automático digital.

Em um primeiro instante o Kicks até que estava conseguindo se destacar. Resta agora saber se os benefícios ainda o farão ser um dos carros mais vendidos da Nissan.

Por Denisson Soares


Nissan Kicks 2018 – Características, Preços


A versão 2018 do Nissan Kicks é bem mais completa que o Honda HRV e o Jeep Renegade que atualmente são os líderes deste segmento.

O novo Nissan Kicks vem superando as expectativas de seus consumidores. Beleza, elegância, design arrojado, modernidade em seus detalhes, com um visual que chamam a atenção de qualquer um que é apaixonado por carros.

No Brasil está superando muitos da sua categoria que já estão no mercado há mais tempo. O sucesso nas vendas no segmento SUVs Urbano, traz a inovação japonesa, mas com inspiração das cidades brasileiras.

Espaço e conforto, desempenho e tecnologia avançada, um estilo que é para ser visto com admiração. Quer saber mais sobre este SUV que está chamando a atenção de todos e já é sucesso por onde passa, continue lendo este artigo que e saiba mais sobre este lindo veículo.

Características do Kicks:

O Nissan Kicks foi apresentado no salão do automóvel no ano de 2014. No entanto, chegou ao Brasil no ano passado (2016) nas Olimpíadas do Rio de Janeiro. Foi importado do México no início, sendo que pouco tempo depois, começou a ser produzido aqui no Brasil.

A versão 2018 é bem mais completa que o Honda HRV e o Jeep Renegade que atualmente são os líderes deste segmento. Porém, seu motor perde em desempenho em relação aos seus concorrentes com motor 1.6 flex e o modesto câmbio CVT em relação aos 1.8 da Honda e Jeep.

Preço:

Deve estar sendo comercializado no Brasil com preços variando entre R$ 89.990 para a versão SL podendo chegar até R$ 98.500 em sua versão mais arrojada, principalmente se receber personalizações com itens.

Consumo:

Com motor 1.6 flex 16 válvulas e cambio automático CVT com etanol na cidade seu consumo médio é de 8,1 km por litro e na estrada chega a 9,6 km por litro. Em contrapartida, com gasolina na cidade chega a média de 11,4 km por litro e na estrada 13,7 km por litro rodado.

Não se enquadra entre os mais econômicos, porém recebeu nota “A” no programa do Inmetro de etiquetagem veicular.

Dimensões:

Com duas versões SL e SV ele tem 4,29 metros de comprimento, 1,59 metros de altura, 1,76 metros de largura e 2,61 metros entre eixos. Capacidade interna para 5 passageiros e porta malas para até 32 litros para suas bagagens.

Conta com 6 airbags e freios ABS com EBD, auxiliar de partidas em rampas e controle de estabilidade, cintos de três pontas em seus estofados e apoio de cabeças em todos os bancos.

Gostou deste artigo sobre o novo SUV Urbano da Nissan? Compartilhe nas redes sociais.

Por Marcio Ferraz

Nissan Kicks 2018

Nissan Kicks 2018

Fotos: Divulgação


Lançamento do Nissan Qashqai vira Dúvida no Brasil


Nissan pode desistir de lançar o novo SUV no Brasil.

Não vamos negar que a vida nos traz muitas incertezas no caminho e o que é certeza hoje, pode não ser amanhã e vice-versa. Com a Nissan não foi diferente em relação ao seu novo SUV, o Qashqai, que em setembro de 2015 era uma certeza definitiva que ele chegaria em terras brasileiras, mas agora a montadora japonesa está em cima do muro.

A promessa era que o carro chegasse ao Brasil no primeiro trimestre de 2016 com motor 1.6 turbo e transmissão automática CVT e não apareceu por aqui. A Nissan alega que a crise financeira no mercado de automóveis e o lançamento do compacto Kicks fez que o Qashqai ficasse em segundo plano e seu lançamento repensado pelos sócios da montadora.

Caso a Nissan mude de ideia e resolva lançar o modelo no Brasil, será forte concorrente para modelos da concorrência como o Toyota RAV4, Hyundai ix35 e Honda CR-V, todos aprovados pelos seus donos.

O Qashqai tem praticamente o mesmo tamanho do coreano Hyundai ix35, com poucos centímetros a menos nas suas dimensões, com alta posição de direção como todo SUV deve ser e bom de curva, mas quando se está dentro dele, nos passa a impressão de ser um carro menor. O motor 1.6 de 163 cv é econômico e potente, apesar dos 1.300 kg do carro, que não perde em nada para os coreanos e japoneses cuja motorização é 2.0.

O Qashqai faz de 0 a 100 km/h em 9,1 segundos e a velocidade máxima é de 200 km/h.

Em outros países o SUV apresenta a versão de câmbio manual também, mas se a Nissan resolver lançar o modelo no Brasil, o mesmo só vira disponível com câmbio automático, o que talvez não seja uma boa ideia com o litro da gasolina custando quase R$ 4,00, sem mencionar que carros automáticos consomem mais combustível, o que faz o consumidor pensar duas vezes antes de comprar um modelo assim. Em época de aperto financeiro para quase todo mundo, qualquer economia é sempre bem-vinda. Parece que economia de combustível não é problema para a Nissan não. Quem viver, verá!

Rodrigo Souza de Jesus


Nissan Frontier 2017 será apresentada no Salão de São Paulo 2016


Picape da Nissan promete ser um dos principais destaques da montadora no Salão de São Paulo 2016.

Com a proximidade do Salão da Automóvel de São Paulo, as diversas fabricantes que irão participar do evento começam a criar suspense não só entre os jornalistas do ramo automobilístico, mas também entre os diversos consumidores. É nessa perspectiva que a grande e renomada fabricante de veículos automotores Nissan, depois de fazer muito suspense, acabou fazendo a divulgação de que a principal atração do seu estande será a nova Frontier, modelo este que irá dividir o centro das atenções com o já anunciado March Midnigth Edition. Além destes dois modelos, a fabricante revelou que irá disponibilizar para os consumidores outras novas opções de cores para o já lançado Nissan Kicks.

Nesse primeiro momento, a nova geração da Nissan Frontier será produzida exclusivamente na unidade da empresa localizada na cidade de Pacheco, na Argentina, produção esta que será feita juntamente com as co-irmãs inclusive de projeto, que são a Mercedes-Benz Classe X e a Renault Alaskan.

Nessa nova versão a Frontier irá adotar linhas e acabamentos ainda mais refinados que o modelo comercializado atualmente, além de chegar ao mercado com tamanho ainda maior. Com relação à mudança de design, o veículo irá deixar de lado o estilo anguloso e passará a adotar um design mais urbano e elegante, detalhes que ao que tudo indica será uma tendência a ser seguida não só pela marca, mas também pelas demais concorrentes.

Outro detalhe que será deixado de lado nessa nova versão serão os acabamentos simples do atual modelo, haja vista que nessa nova versão a picape adotou referências diretas de outros veículos SUV’s passando a ter um acabamento de maior qualidade mesmo tendo algumas partes menos rígidas, assim como o que pôde ser observado no lançamento da Chevrolet S10.

Apesar de que as maiores especificações técnicas a respeito do modelo ainda não foram divulgadas pela fabricante, já há alguns especialistas que estão arriscando em afirmar que o propulsor que será utilizado será o 2.3 turbodiesel com capacidade de produzir uma potência máxima de 190 cavalos e um torque de 45,9 Kgfm. Outras apostas também são que a versão mais básica do modelo terá apenas tração traseira e opção de câmbio manual dotado de seis velocidades, enquanto a versão topo de linha poderá vim equipada com tração integral e câmbio automático de sete velocidades.

Por Adriano Oliveira


Novo Nissan March 2017 é Flagrado nas Ruas


Modelo será fabricado no México e na Europa a partir do próximo ano.

A terceira geração do March estreará em outubro e já foi flagrado camuflado nas ruas. A expectativa é que o veículo seja apresentado no Salão de Paris, trazendo um novo visual mais moderno e arrojado, conceito que a Nissan também pode adotar em outros modelos.

Pelo que se viu no flagra, o March 2017 terá linhas finas e um design inspirado no crossover Kicks, que será lançado no mercado brasileiro no próximo mês. As mudanças em relação a geração anterior ainda incluem faróis mais esticados, uma grade frontal um pouco menor e portas traseiras com posicionamento das maçanetas nas colunas. Na parte traseira, os faróis também serão horizontais, delimitando a abertura da tampa do porta-malas.

Outra inspiração que o March recebeu foi do Kicks, que também conta com vários vincos nas chapas da carroceria, bem como no conceito do Sway, apresentado no Salão de Genebra em 2015 e que conta com uma grade em formato "v", marca registrada do novo conceito dos modelos da Nissan.

Comparado ao modelo atual, as mudanças tornam o aspecto da nova geração bem mais agressivo e moderno. A terceira geração do March possui aproximadamente 4 metros, um aumento consideravelmente maior em relação ao modelo atual. Com isso, o carro ganhou mais espaço interno, algo importante para um veículo da categoria hatch. Além disso, o carro recebeu um aprimoramento no acabamento, com materiais de melhor qualidade e um desenho atraente, especialmente no painel, que conta com uma nova central multimídia.

Os rumores dão conta também que o novo veículo será equipado com motores de 3 e 4 cilindros, além de duas opções de transmissão: uma manual e outra automática do tipo CVT.

O novo March será fabricado na Europa e no México a partir de 2017. No Brasil, existe a possibilidade do veículo ser importado para o país, ainda que por um valor bem mais alto do que o modelo atual. Por aqui, a versão 2017 da segunda geração do March foi lançada neste mês, com câmbio automático e preços que variam de R$ 38.790 (na versão de entrada) a R$ 58.390 (na versão completa com transmissão automática utilizada em outros carros premium da marca).

Por William Nascimento


Nissan Kicks – Pré-venda da edição especial Rio 2016


Os interessados deverão fazer o pedido online e fazer o pagamento de um sinal no valor de R$ 5 mil para garantir a reserva. Os preços do crossover partem de R$ 89 mil.

A Nissan abriu na sexta-feira dia 17 de junho a pré-venda do modelo Kicks, sendo comercializa as mil primeiras unidades produzidas, de forma exclusiva da edição especial Rio 2016. Os consumidores interessados em comprar o crossover terão de realizar o pedido online e em seguida efetuar o pagamento de um valor de R$ 5 mil em no máximo 2 dias úteis, para que a reserva seja garantida.

O interessado não sabe quanto irá pagar exatamente pelo veículo, somente uma tem uma ideia da faixa de preço, anteriormente ao pagamento do sinal. O valor estimado no site varia entre R$ 89.000 e R$ 93.500 e caso queira o teto pintado na cor laranja haverá um acréscimo de R$ 2.500.

Assim que o cliente preencher completamente o cadastro no site da marca (www.nissankicks.com.br), a Nissan entrará em contato com o mesmo para que o processo seja finalizado e o pagamento seja realizado diretamente na concessionária de sua escolha.

Embora o consumidor tenha feito a reserva online, somente no inicio do mês de agosto que os primeiros donos receberão o veículo, quando as mesmas começarão a ser vendidas nas concessionárias.

Da mesma forma que o modelo March Rio, esta edição comemorativa terá como base a versão topo de linha SL, que irá contar com emblemas do evento a ser realizado no Rio de Janeiro. As unidades terão em sua grade frontal uma numeração e estarão disponíveis em 3 cores: totalmente cinza ou totalmente branco e também branco com teto laranja.

O Nissan Kicks será comercializado com apenas o propulsor 1.6 de 16 válvulas, que gera uma potência de 114 cavalos, junto com o câmbio automático CVT, o qual equipa o Versa e o March desde o inicio de junho. A marca espera que o SUV seja um forte rival contra oJeep Renegade e o Honda HR-V.

Com relação às medidas, o Kicks está bem próximo de seus rivais, contando com  1,76 m de largura, 4,29 m de comprimento, 1,59 de altura e entre-eixos de 2,61 metros. Exceto na largura que o Kicks é 1 centimetro mais estreito, todas as outras idênticas ás do Honda HR-V, porém com relação ao motor, os concorrentes são mais potentes.

FILIPE R SILVA


Nissan March e Versa agora contam com câmbio automático


Mesmo que os compactos agora tenham a opção CVT, a montadora continua com foco na economia de combustível para os modelos. Os preços começam a partir de R$ 54.090.

Os compactos da Nissan March e Versa CVT começam a ser vendidos com opção de transmissão automática. No entanto, o foco dos modelos continua na economia de combustível, segundo a fabricante.

Esse tipo de câmbio para os veículos estão disponíveis para os modelos com motor 1.6. O preço do March automático começa com R$ 54.090, enquanto o Versa começa com R$ 57.990.

A única alteração visual, se isso pode ser tido como uma, é a placa de identificação nos modelos Xtronic CVT que fica na traseira. O March e o Versa são os primeiros veículos de entrada que são vendidos com CVT no mercado nacional.

Essa transmissão é importada do México e conta com relação continuamente variável, o que evita trancos nas trocas. Há também a função Overdrive, que pode ser tido como um modo Sport que altera o regime das rotações do propulsor para que aconteçam respostas mais rápidas, sendo bem utilizadas em subidas e ultrapassagens.

O motor do March e Versa automático fica o 1.6 16 Válvulas com potência de 111 cavalos (as configurações de entrada S não contam com a opção de câmbio automático). Já para a versão Unique, que é topo de linha, não apresenta opção manual.

Câmbio CVT

Essa transmissão faz uso de polias conectadas a cones que podem se mover de maneira transversal, o que eleva ou reduz o raio do canal onde a peça fica alojada. Com a movimentação dos cones, há uma inversão da relação de transmissão das polias, o que altera as marchas do carro.

Linha 2017

A Nissan também apresentou a nova linha do March e Versa. Foi alterado o conteúdo e também os nomes das versões anteriores. Agora, todos os modelos vão contar como itens de série, desde os veículos de entrada, equipamentos que eram possíveis de encontrar somente nos pacotes Plus e Multi.

Para o Versa, os vidros elétricos nas quatro portas estão presentes em todas as versões. Já os pontos de ancoragem Isofix são encontrados em modelos com motor a partir do 1.6 litros SV.

De acordo com a Nissan, o March e Versa quando equipados com o câmbio Xtronic CVT apresentam custo de manutenção iguais aos dos modelos que contam com a transmissão manual.

Para revisões com até 60 mil quilômetros, o preço sugerido fica em R$ 2.344. 

Nissan Versa

Nissan March


Pré-Venda do Nissan Kicks Rio 2016 na Internet


Novo modelo da Nissan pode ser reservado pela Internet e começará a ser vendido em Agosto.

Quem está interessado em trocar de carro e garantir um veículo exclusivo já pode correr pra reservar o seu. A Nissan Motor Company, fabricante japonesa de carros, começou nesta sexta-feira, dia 17, a reserva do seu novo modelo crossover, o Kicks.

A montadora fará apenas uma pré-venda de mil unidades na sua edição especial Rio 2016. Isso porque a multinacional é patrocinadora oficial das Olimpíadas 2016, evento que acontecerá no Rio de Janeiro.

Porém, é importante saber que, apesar dessa reserva ser feita agora, o veículo só será entregue para os seus donos a partir do início de agosto, logo que começarem oficialmente as vendas nas concessionárias. Portanto, quem tiver interesse e quiser comprar o seu, é muito simples. Basta acessar o hotsite www.nissankicks.com.br, preencher o cadastro e finalizar o processo com o pagamento do valor de R$ 5.000 em até dois dias úteis, como uma pequena garantia de que o comprador está realmente interessado no carro. Este deverá ser quitado diretamente na concessionária mais próxima e escolhida pelo cliente.

O modelo, baseado na versão SL e com símbolos comemorativos ao evento esportivo, ainda não tem um valor exato. Ou seja, apesar do comprador fazer a reserva do veículo, ele ainda não saberá quanto será o valor final. Porém, a Nissan divulgou que a faixa de preço do mesmo será em torno de R$ 89.000 a R$ 93.500. O veículo vem no opcional com três cores: branco com teto laranja, totalmente branco e totalmente cinza. Caso a opção seja a com teto diferenciado, será incluso o valor de R$ 2.500 no final da compra.

Entre algumas especificações e detalhes do veículo, o Kicks terá apenas a opção de motor 1.6 16V, com 114 cavalos de potência e câmbio automático CVT. Sendo assim, a montadora garante o melhor consumo na categoria com excelente desempenho. Com um design inovador, sofisticação e muita tecnologia, o crossover busca lugar entre seus maiores rivais, o Honda HR-V e Jeep Renegade.

Além disso, o painel do Kicks é multifuncional colorido, com um display de 12 funções que mostram as informações principais do carro, com coordenadas de GPS e outros. Também possui câmera de 360º e detector de objetos que circulam o veículo. Para abrir e fechar, a Nissan desenvolveu a chave inteligente i-Key. Outras peculiaridades que fazem parte dele são: o botão “Push Start”, rodas de alumínio aro 17", bancos em couro, rádio multimídia com navegador, ar condicionado digital e muito mais. 

Kellen Kunz


Novo Nissan Sentra 2017 chega para desbancar Concorrentes


Modelo chega com design repaginado e deve disputar mercado com o Toyota Corolla.

Não precisa nem ter acesso às estatísticas para saber que, no Brasil, o Toyota Corolla possui a preferência nacional no setor dos sedãs de médio porte. Uma prova desse fenômeno é a quantidade desse veículo que vemos no cotidiano rodando nas ruas. Se formos falar em termos de dados estatísticos, o Corolla possui mais unidades vendidas do que todos os seus outros concorrentes juntos, contudo o contra-ataque das empresas concorrentes está sendo pesado, a fim de quebrar essa hegemonia do modelo.

Alguns modelos que foram lançados, tal como o novo Volkswagen Jetta, que foi recém-lançado e nacionalizado, chegando ao mercado com o propulsor 1.4 TSI. Já a Nissan, devido ao fato de ser uma das patrocinadoras oficiais dos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, está explorando bastante o evento para promover não só a imagem da empresa, como também a imagem do novo Nissan Sentra, que tem previsão lançamento por aqui no ano de 2017 com novos equipamentos e um design repaginado. A Nissan tem buscado muitas estratégias para conseguir bons resultados na disputa nesse setor, haja vista que a empresa planejou criteriosamente o lançamento do Sentra anteriormente à chegada de dois concorrentes de peso: o Honda Civic e o Chevrolet Cruze.

Antes, um dos grandes atrativos do Sentra em relação ao Corolla era o valor, mas após o aumento de R$ 9.700 feito pela Nissan no Sentra, o cenário pode não mudar muito e esse fator pode fazer com que o modelo consiga atingir os seus objetivos de conquistar a segunda colocação ou até mesmo a liderança do setor. Em termos de comparação entre o líder Corolla e o Sentra, o primeiro (em sua versão mais completa, que é a Altis) custa cerca de R$ 104.650, enquanto o Sentra, após o reajuste (na sua versão topo de linha, que é a SL) passou a custar R$ 95.990.

O certo é que as brigas nesse setor promete e quem tem a ganhar com isso é o consumidor brasileiro. Atualmente, em suas versões topo de linha, o Sentra possui como principal atrativo uma lista mais recheada de acessórios de série, sendo que uma das coisas que o Sentra possui e Corolla não possui nem como opcional é o teto solar com acionamento elétrico.

Por Adriano Oliveira


Nissan assume o controle das ações da Mitsubishi


Aquisição acontece logo depois de escândalo envolvendo a Mitsubishi

Depois de menos de um mês da divulgação do escândalo envolvendo a grande e renomada fabricante de veículos automotores Mitsubishi, em que a empresa assumiu que fraudava os testes de consumo no Japão, teve como resultado a aquisição de 34% das ações da empresa adquiridas pela Nissan em uma negociação que custou US$ 2,2 bilhões. Na prática, a aquisição dessa parcela das ações da Mitsubishi Motors pela Nissan fez com que a Nissan se apresente como a principal acionista da fabricante, historicamente aliada ao grupo Mitsubishi, o qual é, atualmente, um dos maiores conjuntos industriais e financeiros do planeta.

Por incrível que pareça, todo este fato envolvendo as fraudes na Mitsubishi foi descoberto pela Nissan, empresa a qual a Mitsubishi fabricava carros de menor porte para serem comercializados no mercado japonês. Com o decréscimo acentuado no valor das ações da Mitsubishi o processo de compra teve início, fato este que já era especulado antes mesmo de ocorrer a crise.

Com esse acontecimento, a Mitsubishi poderá ter a injeção de capital para fazer novos investimentos e correções. Vale lembrar que este mesmo fenômeno aconteceu com a própria Nissan no ano de 1999, ocasião em que a francesa Renault adquiriu boa parte das ações da Nissan e passou a ser a principal acionista da empresa, fato este que criou a união de sucesso Renault-Nissan, a qual, atualmente, figura no seleto grupo dos maiores produtores de automóveis do mundo, ocupando a quarta posição.

Segundo informações do CEO da Nissan, Ghosn, salientou que esta nova união entre as empresas permita o compartilhamento de fornecedores, plataformas, manufatura, bem como pesquisa tecnológica, numa possível estratégia de decréscimo de custos que deve manter a identidade característica da linha Mitsubishi.

Esta nova união confirma uma tendência que já era especulada no setor automotivo que era a de diminuição do número de fabricantes japoneses nos próximos anos, sendo que muitos especialistas e analistas já arriscam em dizer que, no futuro, haverá uma concentração das fabricantes japonesas em apenas três marcas sendo estas: a Toyota, a Honda e a Nissan. Situação esta que iria significar a supressão de empresas de menor porte, tais como, as conhecidas Madza, Subaru, Suzuki e Daihatsu.

Por Adriano Oliveira


Nissan March Rio 2016 – Edição Especial celebra as Olimpíadas do Rio de Janeiro


Modelo terá apenas 1.000 unidades produzidas e custará cerca de R$ 53 mil.

Seguindo a tradição de todas as fabricantes de veículos automotores, lançando novas séries de veículos em comemoração de eventos ou datas comemorativas, a Nissan, patrocinadora oficial dos Jogos Olímpicos Rio 2016, está lançando uma nova série especial do Nissan March para marcar os jogos no Brasil. Essa nova série do March será lançada com apenas mil unidades e a identificação de cada carro da série será feita por meio de uma numeração que será inserida na grade dianteira .

Essa série será limitada em apenas 1000 exemplares, sendo que os seus principais atrativos serão a presença de uma nova central multimídia, a qual foi batizada com o nome de Multi-App, bem como o eficiente propulsor 1.6 16V. Em princípio, a fabricante irá sugerir que o preço deste lançamento seja de R$ 53.990, sendo que a versão de entrada do modelo tem preço fixado em R$ 49.490.

O design é ponto de maior destaque do March Rio 2016, pois o veículo foi projetado com linhas arredondadas. Já na carroceria a fabricante inseriu neste novo modelo saias laterais, teto e retrovisores pintados de laranja e preto, spoilers dianteiros e traseiros, detalhes estes que acabaram deixando o compacto japonês com um estilo mais descolado.

Para completar o conjunto, a fabricante inseriu lanternas e faróis com a presença de máscara negra, puxadores das portas cromados, rodas de liga leve em tamanho 16 polegadas com tom acinzentado, além da logomarca da Olimpíada ter sido inserida tanto na tampa do porta malas quanto nos para-lamas.

Muitos especialistas da área acharam excelente a ideia da empresa de lançar esta série comemorativa, no entanto, o único ponto que a Nissan poderia ter sido mais criativa foi na disponibilização de novas cores, devido ao fato de ser uma série limitada e comemorativa. O Nissan March Rio 2016 será comercializado somente nas cores preto, branco ou prata.

Já na parte interna o veículo vem com o nome da série no jogo de tapetes, por meio de uma costura na cor laranja, a qual também está presente nos assentos, cuja espuma do encosto, embora traga um tecido especial e a tecnologia denominada Comfort Seat (que oferta maior comprimento no assento), deixou a desejar no quesito conforto.

Com relação ao propulsor utilizado nessa série especial, a fabricante inseriu nessa série um motor tetra-cilíndrico capaz de produzir uma potência máxima de 111 cavalos e um torque de 15,1 Kgfm.

Por Adriano Oliveira


Novo Nissan Kicks deverá ser lançado no Brasil em breve


Modelo chegará ao mercado para disputar espaço com Honda HR-V, Jeep Renegade e Ford EcoSport.

Apesar de o contexto econômico do Brasil não estar favorável, a fim de tentar resgatar o setor, bem como atrair os poucos clientes que estão consumindo, as fabricantes de veículo estão utilizando várias estratégias para driblar a crise, uma das apostas das empresas é o lançamento de modelos inédito. É nessa perspectiva que a renomada fabricante de veículos automotores Nissan fez a confirmação que irá mostrar o seu mais novo crossover global, mas este lançamento será feito somente no próximo dia 03 de maio, durante o evento de Revezamento da Tocha Olímpica Rio 2016.

Diante da expectativa deste novo lançamento, várias especulações já estão sendo feitas em torno do modelo e a mais concreta até o momento foi uma visualização do veículo durante a gravação de propagandas na cidade do Rio de Janeiro.

Para quem ficou curioso e ainda não sabe o nome deste novo crossover da Nissan, o modelo foi batizado com o nome de Kicks, que pelo que pôde ser visto, é um pouco diferente do Kicks Concept. A versão de comercialização do veículo tem como principal destaque o seu visual, que possui na parte frontal e nos frisos laterais traços musculosos, bem como teto em cor distinta da cor da carroceria. O teto deste novo veículo da Nissan é diferenciado dos que estamos acostumados, pois o teto dele possui uma espécie de caimento bastante análoga com a do conhecido Range Rover Evoque.

Graças a um investimento de R$ 750 milhões feito pela Nissan, o Kicks terá fabricação em solo brasileiro. Esta novidade da Nissan chegará para disputar um espaço no concorrido mercado de SUVs de pequeno porte, sendo que os seus principais concorrentes serão os já conhecidos e renomados Honda HR-V, Jeep Renegade e Ford EcoSport.

A estreia do Nissan Kicks Concept ocorreu no Salão Internacional do Automóvel de São Paulo do ano de 2014, mas a apresentação do modelo foi feita no mês de junho do ano de 2015, no Salão de Buenos Aires, na Argentina.

Logo este veículo será mais um modelo que em breve será lançado no país e que com certeza irá brigar de igual para igual com os seus concorrentes.

Por Adriano Oliveira


Conheça o Nissan March 1.6 SL Pack Colors


Uma das coisas mais populares das marcas mais conhecidas no mercado, em especial aquelas que lançam modelos populares com mais frequência, é contarem em seus lançamentos tanto com uma quantidade maior de volume quanto de versões. Nesses termos alguns aspectos interessantes são considerados com relativa importância tais como a tecnologia, o conforto e também o custo/benefício.

Entretanto, fabricantes investem em um sentido um pouco diferente aderindo um ar mais jovial aos seus carros. E é exatamente nessa última categoria que se encaixa o chamado pacote Collor pertencente ao line-up do Nissan March.

Pelo bem da verdade não há nada de mais, tudo isso nada mais é do que uma forma de se personalizar o carro a partir de diferentes tipos de cores que poderão ser aplicadas tanto na carroceria do carro quanto em seu interior.

Por aqui a ideia ainda é algo meio novo. Mas em outros mercados tais como o da Europa e o da América do Norte, isso já foi adotado há mais tempo. Vale destacar que o fato é válido tanto para o hatch que tratamos aqui quanto para outros modelos da Nisssan. A exemplo, temos o Note e o crossover Juke.

Pelas informações dadas até o momento pela fabricante os interessados terão a sua disposição quatro possibilidades de combinação de cores que permitem um contraste mais diferenciado nas peças.

Aqui vamos encontrar diversas opções como o branco que traz detalhes na cor vermelha, o branco com o azul, o preto com o branco e o vermelho com o branco.

Na parte de fora do carro essas cores podem ser vistas em diversas partes como nas capas dos retrovisores, maçanetas das portas e no aerofólio.

Opcionalmente elas também poderão ser agregadas ao gosto de cada um nas costuras dos tapetes e também nos carpetes. Este último item é vendido à parte.

E para quem acha que apenas isso é pouco para dar exclusividade aos modelos ainda tem mais. Há dois tons diferentes que serão disponibilizados apenas para as versões de topo (motorização) do March.

De qualquer maneira sobre os preços as informações que se tem é que de acordo com a versão e as opções os valores poderão ir entre R$43.290 e R$51.790.

Por Denisson Soares


Novo Nissan March 2017 deverá ser Maior e Mais Largo


Modelo passará por mudanças de design para concorrer com VW Polo e Ford Fiesta.

A Nissan Motor Company Limited, mais conhecida apenas como Nissan, é uma montadora multinacional japonesa de grande expressão no cenário mundial. Nos últimos anos, ela vem conquistando um lugarzinho no coração dos brasileiros e essa conquista muito se deve a um de seus carros, o Nissan March.

Para este ano, a multinacional promete inovações para o segmento. O March, conhecido por ser compacto ou por aqueles que gostam do termo mais comum, pequeno, irá passar por algumas reformulações que, de certa forma, chegam a surpreender.

Segundo informações da Nissan, o Nissan March 2017 deve ser apresentado ainda este ano no Salão de Paris, famoso por suas máquinas e conceitos inovadores.

A princípio, o Nissan March 2017 seguirá o conceito “sway”, ficando maior e mais largo, com o fim principal de competir diretamente com o VW Polo e o Ford Fiesta, carros que possuem grande aceitação na Europa.

Estima-se que o Nissan March 2017 terá um tamanho médio de 4 metros. Além disso, terá seu interior redesenhado. Tal ação proporcionará mais beleza interior ao automotor e, consequentemente, trará mais conforto aos seus usuários. Não bastasse isso, o carro deve ter um sistema de entretenimento mais moderno, segundo informações da Nissan Motor Company Limited.

Mas como acontece com os outros veículos que são apresentados em grandes salões de automóveis, sempre fica a dúvida. Quando o veículo deve começar a ser fabricado e onde dar-se-á a sua produção. Possivelmente, depois da apresentação na Europa, o Nissan March 2017 deve ser produzido primeiramente no México, mais precisamente na cidade de Aguascalientes. É provável que devido à proximidade com os Estados Unidos, o Nissan March 2017 deva ser introduzido no mercado norte-americano. Na Europa, o foco de produção do Nissan March 2017 ficará concentrado na França. No Brasil, o processo de fabricação e montagem ficará por conta da Fábrica da Nissan situada em Resende, Rio de Janeiro, contudo, ainda não há previsão de quando será iniciada a produção.

O Nissan March 2017 chega com inovações ousadas e surpreendentes ao mercado cada vez mais concorrido de automotores. O carro tende a ser bem aceito pelo mercado brasileiro, haja vista certa popularidade que o Nissan March já possui em nossas Terras.

Raquel Alice Moreira


Novo Nissan GT-R 2017 – Lançamento e Novidades


Modelo ganhará 20 cv de potência a mais e contará com algumas mudanças visuais.

A Nissan, famosa montadora de veículos automotores, traz ao mercado mais uma novidade para os fãs de carros. A bola da vez é o Nissan GT-R, com mais 20 cv de potência e mudanças no interior.

A promessa é que o modelo seja apresentado no Salão de Nova York, que ocorre entre os dias 25 de março e 3 de abril do ano corrente.

Em seu exterior, o supercarro japonês apresentou mudanças quase ínfimas, contudo, aos olhos dos detalhistas apreciadores de carros, são detalhes que fazem toda a diferença na hora da aquisição de seus veículos. Externamente, o Nissan GT-R ganhou um contorno cromado na grade frontal e houve um redesenho do capô. É inegável que o Nissan GT-R continua lindo e chamativo em questões de design. Além disso, ele não perde para nenhum superesportivo. Assim como os esportivos da Toyota e Mitubishi, o Nissan GT-R surpreende por seu design futurístico e ousado.

Mas do que adianta um carro contar com uma beleza incomum, sendo que não oferece conforto interior. Pensando nisso, os engenheiros da Nissan aprimoraram aquilo que já era excelente em sua existência. Sendo assim, agora, o Nissan GT-R possui novos bancos, volante e parte do painel. Além disso, uma tela de 8 polegadas com uma central multimídia de última geração integra a supermáquina. No modelo anterior, a tela contava com 7 polegadas. O que já é de bom tamanho.

Pensando na comodidade e celeridade, os engenheiros reduziram a quantidade de botões que integravam o painel moderno do Nissan GT-R 2016. No Nissan GT-R 2017, a quantidade de botões passou de 27 para 11. O que é vista como uma inovação positiva, haja vista que com essa quantidade de botões provavelmente o condutor do Nissan GT-R 2016 muitas vezes deveria achar-se pilotando um avião e não dirigindo um carro, devido ao grande número de botões presentes no modelo anterior.

Para privilegiar a nova tela cromada, os difusores de ar centrais tiveram que ser rebaixados. Além disso, o motor, que já contava com excelente potência de 545 cv, agora conta com 565 cv.

Para os que têm uma condição financeira favorável, o veículo se apresenta como uma boa opção.

Raquel Alice Moreira


Nissan March Rio 2016 – Edição Limitada custará R$ 53 mil


Edição especial do veículo presta homenagem aos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro e terá apenas 1.000 unidades.

Nesta terça-feira (15 de março) a Nissan apresentou em São Paulo uma versão exclusiva para o mercado brasileiro do Nissan March. A montadora japonesa lançou o modelo comemorativo Nissan March Rio 2016 em alusão aos Jogos Olímpicos e Paralímpicos que acontecerão no Rio de Janeiro neste ano.

A base para o March Rio 2016 será o modelo topo de linha 1.6 SL. Uma das principais mudanças da edição limitada é que ela virá com uma central multimídia com GPS acrescida e com direito a download de aplicativos.

Outras mudanças em relação ao modelo original são as presenças de spoilers dianteiro e traseiro, saias laterais, rodas de liga leve de 16” e detalhes na cor laranja, além do logotipo dos Jogos Olímpicos.

Serão produzidas apenas 1.000 edições do carro e sua comercialização está restrita ao território brasileiro. Cada carro virá com uma numeração (de 1 a 1.000) diferenciada, na grade frontal do veículo. De acordo com o divulgado no site da Nissan, o valor do carro será de R$ 52.640,00.

O veículo estará disponível nas concessionárias a partir do dia 21 de março. Ele vem com três opções de cor: branco, preto ou prata. Os modelos branco e prata vêm com o teto pintado de preto e custam R$ 1.150 a mais, devido à pintura metalizada.

A notícia ruim é que essa edição que foi anunciada e que chega às ruas em breve tem câmbio manual. O carro conta com motor 1.6 16V, que pode chegar a 111 cavalos de potência. O câmbio tem cinco marchas, porém, espera-se que seja anunciada uma versão automática do modelo em breve. O modelo ainda conta com ar-condicionado, câmera traseira, direção hidráulica, vidros e travas elétricas e comandos no volante.

De acordo com o marketing da empresa, a ideia da edição limitada é trazer o público jovem para perto do Nissan March. Apesar deste ser um modelo exclusivo para o mercado brasileiro, a Nissan anunciou que pretende usá-lo como modelo para outra edições limitadas mundo afora.

Vale lembrar que a Nissan é uma das empresas patrocinadoras do Rio 2016 e também patrocina atletas brasileiros olímpicos e paralímpicos, como a velejadora Isabel Swan, o judoca Felipe Kitadai e a velocista Therezinha Guilhermina.

Renato Senna Maia


Fabricação do Nissan Kicks no Brasil


Modelo é o primeiro SUV da montadora no Brasil e será fabricado em Resende, no estado do Rio de Janeiro.

Foi anunciado pela montadora de automóveis Nissan, nesta última segunda feira dia 4 de janeiro, o início da produção do SUV Kicks aqui no Brasil. O automóvel será produzido na Planta de Resende, no estado do Rio de Janeiro. O Kicks será o primeiro modelo SUV da montadora no país.

Segundo Carlos Ghosn, CEO da empresa, serão investidos R$ 750 milhões de reais em expansão. O início da produção nacional do Kicks proporcionará a criação de 600 novas vagas de emprego junto a companhia. Ele também acrescenta que o início da produção nacional do SUV trará o conhecimento da Nissan no ramo dos crossovers para que este seja aplicado a um novo nicho de consumidores.

Ainda de acordo com Ghosn, o Kicks será um modelo global, porém, a fábrica brasileira será a responsável por dar início a produção do veículo, bem como fazer a sua distribuição para os demais mercados.

O lançamento do modelo já possui uma data acertada, mas o presidente da empresa prefere não divulgar ainda. Também, as especificações do veículo continuam sendo um mistério, mas ao que tudo indica, o SUV será equipado com um motor de 1.6 de 16V conferindo uma potência de 111 cavalos ao carro. A razão pela qual se acredita que esse motor será utilizado é o fato de que este é o motor que equipa outros dois veículos da marca, o Versa e o March.

O presidente da Nissan do Brasil, François Dossa, afirmou que a porcentagem do Kicks que será produzida nacionalmente será em torno dos 75%. Para se entender melhor, o modelo hatch da Nissan, o March, possui atualmente 68% de componentes produzidos aqui no Brasil. A meta para o March é que até o final de 2016, o automóvel tenha 80% de seus componentes provindos do mercado nacional.

A Nissan define o Kicks como um automóvel crossover, ou seja, um modelo que apresenta características de mais de um segmento, como esportivo, sedã e minivan. O Kicks chega ao país com a missão de aumentar a concorrência de veículos do estilo SUV e terá como “adversários” o Honda HR-V, o Jeep Renegade, o Ford EcoSport e o Renault Duster.

Por Igor Furraer


Nissan lança Nova Central Multimídia para Versa e March


Acessório não será vendido separadamente e estará presente nas versões 1.6 SL do March e Versa.

A Nissan lançou uma nova central multimídia para alguns modelos de seus carros March e Versa. Para o March a central só está disponível no modelo 1.6 SL, já no Versa ela pode ser comprada com os modelos Unique e 1.6 SL. Ela não pode ser comprada separadamente, somente com os veículos que vem com ela de fábrica e faz com que o preço dos modelos suba R$ 1.000,00.

Essa nova central multimídia é a Multi-app, que vem com o sistema Android instalado. Esse sistema faz desnecessário o espelhamento do smartphone que acontece em outras centrais.

Alguns aplicativos vem instalados de fábrica, eles são 13: Deezer (aplicativo de streaming de música), Foursquare (aplicativo que recomenda lugares como restaurantes e bares), Google Chrome (navegador da Google), Google Maps (ferramenta de mapas da Google), Google Search (ferramenta de buscar da Google), Onde Parar (aplicativo que auxilia a encontrar lugar para estacionar o veículo), Spotify (serviço de música), Trip Advisor (aplicativo de viagens), TuneIn Radio (aplicativo de rádio), Waze (aplicativo de trânsito), Weather Channel (aplicativo de previsão do tempo), YouTube (vídeos) e Skype.

Quando o veículo está em movimento é impossível utilizar a maioria desses aplicativos, somente o Waze e o GPS podem ser ativados nessas circunstâncias.

O Multi-app também possui Wi-fi e pode servir de roteador ou câmera de ré. Leitores de DVD e CD também já vem equipados na central, o que reforça o motivo de ela só ser vendida em veículos que a possuem de fábrica. Apesar do sistema Android, é possível conectar iPhones através do Bluetooth, tornando-o útil para todos os tipos de usuário.

A central multimídia Multi-app da Nissan parece seguir a tendência à conexão cada vez maior entre aparelhos dos tipos mais variados. Ela também oferece uma variedade de aplicativos e dispensa o uso do smartphone enquanto dentro do veículo, o que deve melhorar até a segurança do motorista e dos passageiros.

Por Gizele Gavazzi


Novo Nissan Sentra 2016 é apresentado no Salão de Los Angeles


Carro passou por uma reformulação e ficou mais moderno e agressivo.

A Nissan lançou o Novo Sentra 2016 no Salão de Automóveis de Los Angeles. O visual foi reformulado para ficar menos conservador. O interior foi melhorado e modernizado em relação ao atual Sentra.

As mudanças foram feitas nos dois para-choques, no capô, no sistema de iluminação e no para-lamas dianteiro. Os aspectos planos e quadrados de anteriormente foram suavizados com linhas e vincos por todo o carro e o visual ficou mais agressivo nos faróis. Dentro, os bancos ganharam melhor tecido. A direção foi trocada por uma com mais comandos e o console aumentado. O grande aperfeiçoamento interno está no display de LCD com alta resolução colocado  no painel de comandos.

A versão Unique do veículo volta a ser a top de linha, deixando para trás a até então reinante SL.

O controle de tração e de estabilidade são itens de série em todos os modelos (S, SV, SL e Unique). As duas últimas, mais caras e equipadas, têm também sistema multimídia Nissan Connect e airbags laterais e de cortina, além dos tradicionais frontais.

O motor permance sendo 2.0 flex e produz 140 cavalos de potência. O câmbio também é o mesmo, de seis velocidades e manual no Nissan 2016 de entrada (versão S). Os demais possuem o câmbio CVT XTronic de série.

O mercado estadunidense receberá o lançamento já no final de 2015 por US$ 16.780. A comercialização no Brasil iniciará no primeiro trimestre de 2016. A versão mais básica, S, sairá por R$ 69.190. Já as versões SV, SL e Unique (esta última com teto solar elétrico) custarão respectivamente R$ 75.990, R$ 82.490 e R$ 87.490.

Conforme o pronunciamento da Nissan, haverá uma versão esportiva nomeada de Sentra SR. O modelo virá com saia lateral, spoiler, rodas de liga leve de 17 polegadas, faróis de neblina e escapamento com detalhe cromado. O lançamento e valor acerca do possível modelo não foram detalhados.

Bruno Klein


Nissan Leaf será Fabricado no Rio de Janeiro


Montadora inicia a importação do modelo para o Brasil e espera fabricá-lo no Brasil em até cinco anos.

Parece mesmo que os carros elétricos estão chegando de vez ao Brasil. Depois de o governo federal ter decidido reduzir as taxas para carros elétricos e híbridos, chegou a hora de dar mais um passo na diminuição do custo desses veículos. A Nissan confirmou o início das importações do Leaf, seu modelo elétrico e pretende fabricá-lo no Brasil em até cinco anos.

No ano que vem, o carro japonês fará parte da linha da montadora, tendo como principal vantagem a versão atualizada da autonomia: o modelo anterior suportava apenas 150 km, enquanto o novo, lançado recentemente no Salão de Tóquio, chega a 270km com apenas uma carga. Além do ganho na bateria, o elétrico apresentado no Japão recebeu ainda um novo modelo de freio dianteiro de emergência, que evita colisões, além de um sensor que avisa mudanças inesperadas de faixa, o Lane Departure Warning.

Mas mesmo com a diminuição do custo da importação e produção, ainda existem alguns desafios pela frente antes de os carros elétricos entrarem de vez nas ruas: é o abastecimento. Para fugir deste problema, a Nissan já tem um acordo assinado com a BR Distribuidora, da Petrobras, no qual exige a instalação dos chamados quick chargers ou estações de carga rápida em cada posto de combustível da marca.

Outro desafio pela frente será o treinamento dos próprio funcionários envolvidos no processo de montagem do carro. Como a tecnologia do Nissan Leaf é muito diferente daquela aplicada em motores de combustão, os profissionais terão de se acostumar e se adaptar aos novos conceitos. “O primeiro Leaf produzido aqui deve sair da fábrica de Resende (RJ) em 2017, porém, a nacionalização total será só em 2020”, disse o diretor de comunicação da empresa, João Veloso Jr., em entrevista à Quatro Rodas.

Até lá, fica a espera e a expectativa para que esses modelos tomem as ruas e ajudem a cuidar não só do meio ambiente, mas também da economia.

Vinícius Oliveira


Novo Nissan IDS – Lançamento no Salão de Tóquio 2015


Novo veículo autônomo e elétrico surpreende os visitantes do Salão de Tóquio 2015.

Autonomia. Esta é a palavra que mais tem aparecido no noticiário de tecnologia. E não seria diferente no setor automotivo. Na última quarta-feira, 28, a Nissan fez cair queixos no Salão do Automóvel de Tóquio. A empresa japonesa lançou o IDS, que na verdade é muito mais que um carro, é um conceito. O IDS é um veículo autônomo e totalmente elétrico.

Ao entrar no carro, o motorista tem a opção de recolher o volante e rodar sem dirigir e sem se preocupar, é claro. Caso o usuário prefira um passeio calmo, que permite observar as paisagens, isso será possível. E se estiver com pressa, o carro também será capaz de buscar atalhos e andar com mais velocidade. Em outras palavras, o veículo é guiado de acordo com o perfil de seu dono.

Se o piloto for humano, a inteligência artificial continua atenta. Por meio de sensores, o veículo é capaz de detectar perigos e realizar manobras evasivas diante de uma situação perigosa, como óleo na pista ou um veículo descontrolado à frente.

Com toda essa tecnologia, a Nissan não podia deixar de pensar em uma das características principais quando o assunto é facilitar a nossa vida: conforto. O painel pode ser transformado em uma central multimídia, que atende por meio de toques ou gestos e é capaz de reproduzir vídeos, fotos e músicas. As quatro poltronas, como se não bastasse, também podem se inclinar para o interior do carro, criando um ambiente que lembra uma sala de estar.

Tudo isso revestido em fibra de carbono, que não cuida bem só de quem está dentro. O IDS também possui a tecnologia Piloted Park (que permite ao veículo ser controlado por smartphone ou tablet) e o Intention Indicator (que faz com que uma faixa de luzes de LED esteja presente ao longo do carro e que brilhe quando um pedestre passe). Tecnologia, conforto e segurança que sacudiram o setor automotivo.

Vinícius Oliveira


Novo Nissan Altima 2016 – Lançamento e Novidades


Modelo recebe facelift e fica mais aerodinâmico. Lançamento do carro deve acontecer em novembro nos Estados Unidos.

Já ouviram falar em facelift de meia-vida? Pois é exatamente isso que o Nissan Altima está ganhando de presente. O sedã grande da fabricante japonesa vai chegar ao mercado com novidades bem significativas (para alguns, é claro). Dentre as novidades aquelas que podemos adiantar de primeira mão estão as novas lanternas de LEDs em formato de bumerangue, além de novos para-choques, grade, capô, faróis e rodas de liga leve.

O Altima passará a ter agora uma grade dianteira no melhor formato “V”. Curiosamente este aspecto tem se tornado bem comum nos Nissans que andam aparecendo por aí. Ainda sobre o para-choque, vejamos alguns pontos: Em primeiro lugar, um ar mais robusto foi imposto. As versões SL, SV e SR ainda contarão com luzes de neblina integrada. Bom, também temos os LEDs, porém, nesse caso é opcional.

Outro detalhe apresentado pela Nissan foram as novas opções de cores dedicadas para a carroceria. Junte-se a isso o novo desenho das rodas de liga leve de aro 17” ou 18”.

E por dentro do carro? Aqui o consumidor vai ter a sua disposição a presença do sistema Nissan ConnectSM, que traz duas opções de tela sendo de 5” ou de 7” polegadas. Além disso, ainda teremos o Mobile Apps  e o Nissan Connect Navigation. E não é somente isso. Há ainda os novos bancos dianteiros, novos porta-copos no console central, volante redesenhado e novos materiais nos painéis da porta.

Segundo as palavras da própria fabricante, o novo Altima será 10% mais aerodinâmico do que os predecessores da linha.

A previsão, nada oficialmente declarado, é de que o modelo seja lançado nos Estados Unidos já no mês de novembro.

O novo Altima pelo que foi noticiado fará sua estreia com duas opões de motores, sendo o 2.5 16v com capacidade para 182 cavalos de potência e o 3.5 com 207 cavalos.

Já em terras nacionais, a previsão é de que o novo face-lift do Altima possa ser conhecido ainda no primeiro semestre de 2016. Porém, em apenas uma versão com um motor 2.5 SL de 182 cv. Claro objetivo de entrar na competição com outros modelos já conhecidos como o Volkswagen Passat e o Ford Fusion.

Por Denisson Soares


Nissan Sentra 2016 – Lançamento e preço do novo modelo


O preço do novo modelo do Sentra fica em R$ 69 mil. Uma das novidades que o sedã mostra é o sistema Nissan Connect para smartphones.

O sedã médio da Nissan, o Sentra,  já conta com a sua linha 2016 disponibilizada para a venda nas concessionárias do Brasil. Entre as novidades, o destaque vai para alguns novos itens, que antes eram opcionais, como é o caso dos controles de tração e também de estabilidade.

Nissan Connect

O novo modelo do Nissan traz esse sistema de conexão com as midias sociais da montadora. Com a plataforma, o motorista poderá conectar alguns smartphones, além dele os dos passageiros, para aplicativos como o Google Search e a rede social Facebook.

Itens de topo

A versão 2016 topo de linha do Sentra (SL), conta com os faróis com acendimento automático, acabamento interno feito em couro, partida do motor sem chave, ar-condicionado com duas zonas, rodas em 17 polegadas, seis airbags, Isofix, freios ABS com EBD, sensor de estacionamento e mais.

Motor

Sem novidades na motorização. O destaque fica para o propulsor 2.0 l flex com uma potência de 140 cavalos e torque de 20 kgfm. O câmbio é automático do estilo CVT.

Preços

Mais salgado para o bolso. O custo do novo Nissan Sentra 2016 teve um aumento de R$ 2,1 mil (versão S), R$ 2,3 mil (versão SV) e R$ 4,1 mil (versão SL).

Confira todos os preços

  • Sentra 2.0 S – R$ 69.190
  • Sentra 2.0 SV – R$ 75.990
  • Sentra 2.0 SL sem teto solar – R$ 82.490
  • Sentra 2.0 SL com teto solar – R$ 84.990

Ficha técnica do Nissan Sentra SL 2.0 CVT 2014

Modelo do ano 2014, o preço desse Nissan fica em R$ 66.020 (com a desvalorização). A garantia do carro é em 3 anos. A potência do sedan Sentra fica em 140 cavalos e 20 kgfm movido a etanol. Para a gasolina, o modelo conta com uma potência de 140 cavalos e torque também de 20 kgfm, ou seja, sem alteração para ambos combustíveis. A revisão (até 60 mil km) fica num custo de R$ 2.244.

O desempenho desse modelo do Sentra fica com uma velocidade máxima de 186 km/h e a aceleração de 0 a 100 km/h em 10,1 segundos. O consumo urbamo movido a etanol fica em 6,9 km/l e a 10 km/l com gasolina. Já o consumo nas estradas fica em 9,1 km/l com etanol e 12,9 km/l com gasolina.

novo-nissan-sentra-2016-brasil


Novo Nissan Versa 2016 – Preço e Lançamento no Brasil


Nissan lança Novo Versa 2016 no Brasil. Carro custará a partir de R$ 41.990 e virá com novidades.

Após a revelação do novo Nissan Versa, dessa vez com mais conteúdo e reestilizado, no Salão de Nova York, nos Estados Unidos, no ano de 2014, finalmente este modelo tem a previsão de chegada às concessionárias da Nissan do Brasil para as próximas semanas.

Agora este veículo, que era fabricado no México, tem fabricação nacional no estado do Rio de Janeiro, na cidade de Resende. Esse novo modelo será disponibilizado ao consumidor com duas opções de motorização, sendo que ambas serão flex. A primeira opção será a 1.6 16v, com potência de 111 cv, que já é conhecida no mercado brasileiro, dessa vez sem a presença do polêmico tanquinho de partida a frio. A segunda opção é a 1.0 12v com três cilindros, capaz de produzir uma potência de 77cv, essa segunda versão teve a sua estreia recente no Nissan March e também não necessita do tanquinho, haja vista que para substituí-lo a montadora lançou um sistema que faz o aquecimento do álcool de modo prévio nos dias mais frios, de modo que o arranque do veículo seja facilitado sem necessidade de injeção de gasolina no motor.

Na parte externa, esse novo Nissan Versa teve como principais mudanças a presença de faróis maiores, que tem semelhança com os que foram colocados no sedã grande Altima. Houve também uma reestilização nos faróis de neblina e no para-choque traseiro. Já na parte interna, assim como foi feito com o Nissan March, a Nissan colocou materiais mais nobres nos acabamentos da cabine e conforme seja a escolha da configuração feita pelo cliente, o veículo ainda pode vir com detalhes opcionais na cor preta (no console central), maçanetas e botão de freio de estacionamento cromados, além de poder optar pela forração feita por tecidos nas portas.

Outra novidade, dependendo da versão escolhida, que também irá agradar muito aos consumidores brasileiros, é a possibilidade de o veículo vir com ganchos do tipo Isofix para que sejam afixadas cadeirinhas infantis, além de central de multimídia com tela colorida de 5,8 polegadas ce ainda por cima com câmera de ré e ar-condicionado automático digital.

Sobre a Nissan:

A Nissan é uma montadora de veículos japonesa que foi fundada no ano de 1932. A empresa pertencia ao Nissan Group, porém, após uma reestruturação passou a ser parceira da Renault, montadora francesa e sua principal acionista. Ao longo de sua história, a Nissan produziu vários veículos, entre eles o Nissan 100NX, o Nissan 180SX, o Nissan Almera, o Nissan Altima, o Nissan Armada, o Nissan Frontier, o Nissan GT-R, o Nissan Livina, o Nissan March, o Nissan Pathfinder, o Nissan Skyline, o Nissan Tiida, entre outros. Confira mais informações sobre a Nissan no site http://www.nissan.pt/.

Por Adriano Oliveira


Novo Nissan GT-R ganha Edição Especial de Aniversário


Nissan lança edição especial do GT-R em comemoração ao aniversário de 45 anos do modelo.

A Nissan divulgou a edição de 45 anos do modelo GT-R junto com a linha 2016. O modelo possui pintura com o nome “Silica Brass” e possuirá fabricação limitada. Nos Estados Unidos, existe a previsão abaixo de 30 unidades. Somado a isto, o cupê tem 5 cv a mais de potência, atingindo 600 cv na versão de elite GT-NISMO.

O GT-R é sucessor da linhagem mais bem sucedida da história do automobilismo no Japão, que é proveniente desde o Prince Skyline de 1966, O GT-R se trata de um dos poucos veículos do mundo famoso por apelido. O modelo de aniversário possui rodas de liga leve de 20 polegadas e carroceria em sílica na cor bronze.

A versão Black Edition, que possuirá spoiler traseiro em fibra de carbono, rodas especiais e bancos esportivos com costura contrastante, possuirá o valor de US$ 111.510.

A Nissan também divulgou recentemente o recebimento do Novo Versa nas concessionárias do Brasil. O modelo é recebido com mais versões em relação ao seu antecedente. O modelo recente possui somente três versões (S, SV e SL) e uma única alternativa de motorização (1.6 de quatro cilindros). Os valores do carro variam de R$ 43.290 a R$ 48.890. O modelo renovado possuirá cinco versões, onde duas delas possuirão bloco 1.0 de três cilindros.

O veículo alcança 100 km/h em 16 segundos e o torque recomposto em rotações mais inferiores possibilita a sensação de que não se trata de um veículo desgastado ao acelerar. O consumo é um fator com vantagem, onde com etanol é possível percorrer 10,4 km/l na estrada ou 8,5 km/l na cidade. Já com gasolina é possível ter o percurso de 15,2 e 12,6 km/l, respectivamente.

A versão Unique, que continua com o bloco 1.6 de quatro cilindros e 111 cv, aumenta o status do Novo Versa. O acabamento é qualificado, tendo o revestimento em couro dos bancos e também o sistema Nissan Connect.

Sobre o Nissan GT-R:

O Nissan GT-R foi lançado no Japão no ano de 2007, durante o Tokyo Motor Show, se tornando a principal atração do evento. Já nos Estados Unidos e Canadá ele desembarcou apenas no ano de 2008. O carro tem como principais concorrentes o Porsche 911, o Chevrolet Corvette, o Audi R8, o Dodge Viper, o Aston Martin V8 Vantage, a Ferrari F430, a BMW M6 e o Ford Mustang Shelby. 

Sobre a Nissan:

A Nissan é uma montadora de carros japonesa que foi fundada no ano de 1932. Após uma reestruturação, a empresa acabou se tornando parceira da Renault, que é a principal acionista da empresa japonesa. A montadora possui cerca de 155 mil funcionários e seu faturamento anual chega a 8,773 trilhões de ienes (valores de 2011).

Felipe Couto de Oliveira


Preços do Nissan Versa 2015 no Brasil


A Nissan do Brasil anunciou recentemente os valores públicos para a linha nacionalizada do Versa. O modelo, que iniciou sua fabricação na fábrica de Resende (RJ), na metade janeiro, e é denominada pela empresa de “New Versa” desde o Salão de São Paulo do último ano, devido a reestilização, será recebido nas concessionárias este mês, com o valor acima de R$ 41.990, com motor flex 1.0 de 3 cilindros.

O Versa nacional possuirá cinco versões, onde duas terão a possibilidade de gerar 77 cavalos de potência e 10 kgfm de torque, com gasolina ou etanol. Haverá ainda três versões que utilizam o antigo motor 1.6 de 4 cilindros, que oferece 111 cv de potência e 15,1 kgfm de torque. A transmissão é sempre manual de cinco marchas. A versão Versa 1.0 terá o valor de R$ 41.990. Já o Versa 1.0 S terá o preço de R$ 44.990. O valor do Versa 1.6 SV será de R$ 46.490. Já o preço do Versa 1.6 SL será de R$ 49.490. Por fim, o Versa 1.6 Unique terá o valor R$ 54.990.

A empresa não informou ainda quais serão os componentes de cada versão, que poderá ocorrer no lançamento em aproximadamente duas semanas, entretanto, possivelmente itens como ar condicionado e direção elétrica progressiva estarão presentes em todas. A versão 1.0 S poderá ter trio elétrico e rodas de liga leve aro de 15 polegadas.

A versão Unique terá o início do sistema de conectividade NissanConnect, já existente no Nissan March, que conta com navegador GPS, display de toque de 5,8 polegadas, câmera de ré e conexão à internet do celular via aplicativo. Ela poderá possuir também volante multifuncional, bancos revestidos em couro sintético, rodas de alumínio aro 16 e ar condicionado digital.

O New Versa possuirá 4,45 metros de comprimento e será o maior carro tricilíndrico comercializado no território brasileiro. Ford Ka+ e Hyundai HB20S são os outros dois sedãs que utilizam motor 1.0 de 3 cilindros no Brasil, entretanto, eles são mais compactos e leves em relação ao Nissan.

Felipe Couto de Oliveira


Novo Nissan Leaf usa Tinta que Brilha no Escuro


Desde que lançou o Leaf há 4 anos atrás, a Nissan a cada dia que passa mostra que é possível criar um carro e mesmo assim pensar na sustentabilidade. O Leaf conseguiu se tornar o elétrico mais popular no planeta e ao mesmo tempo essa grande montadora japonesa decidiu experimentar novos tipos de pinturas.

Como assim pinturas, você deve estar se perguntado?

A última da empresa meses atrás tinha sido uma pintura que não suja fácil. A novidade foi exposta no Nissan Note e agora para completar a sua ideia radical de preocupação com o meio ambiente, a empresa decidiu através do Nissan Leaf utilizar uma tinta que brilha no escuro.

Nos últimos dias foi possível acompanhar na cidade de Rolle, que fica na Suíça, o Leaf passeando e pintando com um revestimento que recebeu o nome em inglês de “starpath”, que significa caminho estrelado.

Essa tinta foi criada através de uma parceria com o inglês Hamish Scott e para entender melhor como funciona o processo, se trata de aplicar uma película através de spray no carro e essa película realiza a absorção dos raios do Sol, ou seja, durante o dia essa tinta absorve os raios ultravioletas e permite que no período da noite o veículo fique brilhando de oito a dez horas.

Outra característica é que a tinta utiliza totalmente materiais orgânicos na sua composição, dos quais um deles é um elemento muito raro no nosso planeta com o nome de Aluminato de Estrôncio e esse elemento tem como característica ser sólido, inodoro e química e biologicamente inerte!

O que a Nissan ganha com isso tudo?

Já de início ela se tornou a primeira fabricante quando se trata de utilizar tinta brilhante na pintura original de um veículo de produção, pois conforme temos informações, algumas empresas particulares de customização já realizam esse tipo de processo.

Outro ponto é que a Nissan também que mostrar que os proprietários do Leaf decidiram instalar em suas casas painéis solares para abastecer o carro e com isso mostra que as pessoas estão se tornando ambientalmente engajadas, no sentindo de reduzir a emissão do carbono na atmosfera.

A tinta dura até 25 anos e se o proprietário não quiser esse efeito “azul”, basta manter o veículo fora dos raios solares ao longo do dia.

Por Fernanda de Godoi


Nissan produz tinta orgânica que brilha no escuro


A montadora Nissan apresentou uma grande inovação no setor automobilístico. Essa grande inovação foi o desenvolvimento de uma tinta orgânica para veículos automotores que brilha no escuro, com o objetivo de demonstrar como o seu veículo totalmente elétrico, Nissan LEAF, foi desenvolvido para ajudar um crescente número de pessoas a converter-se para a compra de veículos movidos à energia solar.

Com o surgimento dessa inovação, a montadora tornou-se a primeira fabricante de veículos automotores a aplicar este tipo de tinta em seus veículos. Essa inovação se dá devido um composto que é capaz de absorver a energia UV produzida pela luz solar durante o dia e que, após o pôr do sol, ela brilha por aproximadamente 8 a 10 horas.

Foto: divulgação

Este tipo de tinta de automóveis, assim como os adesivos para automóveis que brilham no escuro, não é uma novidade tão exclusiva, porém o fato dessa nova tinta ser alimentada pela luz solar é única, pois foi desenvolvida através de uma fórmula secreta a qual é composta por materiais totalmente orgânicos.

Em comunicado oficial, a Nissan explicou que o desenvolvimento dessa inovação foi feito em conjunto com o inventor Hamish Scott, que é o criador do STARPATH. Para quem não conhece este nome, é um revestimento que é aplicado por meio de um spray e funciona nos mesmos moldes dessa nova tinta.

Apesar da fórmula ser secreta, o fabricante adiantou que o nipônico, um elemento natural muito raro, mais conhecido como Aluminato de Estrôncio, é um dos principais componentes dessa tinta. O mais interessante é que este elemento é um sólido sem odor e que é biologicamente inerte.

Foto: divulgação

Com esta invenção ficam evidentes que as empresas ligadas ao setor automobilístico estão investindo cada vez mais em recursos ecologicamente sustentáveis e que chamem a atenção dos consumidores de todo o mundo.

Ainda que estejamos distantes de sanarmos o problema com o meio ambiente devido ao número de carros nas ruas, já é um começo animador.

Por Adriano Oliveira


Nissan 370Z é Destaque no Salão de Chicago 2015


A Nismo, divisão de grande performance da Nissan, apresentou duas atrações no Salão de Chicago (EUA), que acontece até o dia 22 de fevereiro. Uma das principais atrações é um carro-conceito que oferece mais potência ao conversível 370Z Roadster. O carro, chamado de 370Z Nismo Roadster Concept, possui sob o capô um motor V6 3.7 de 359 cv. O veículo possui suspensão com ajuste mais esportivo de fibra de carbono e bancos da Recaro.

O outro modelo verificado no estande da empresa trata-se de um carro de corrida, que irá competir este ano nas 24 Horas de Le Mans. Trata-se do cupê superesportivo GT-R LM Nismo, versão de grande rendimento do GT-R, que possui motor V6 turbinado de 600 cv de potência máxima.

O modelo de 2015 do 370Z possui bancos Recaro revestidos em couro e camurça sintética. Já o painel possui um conta-giros em vermelho. O pacote Tech acrescenta sistema de áudio Bose com navegador, câmera traseira, tela de 7 polegadas, entre outras funcionalidades.

O modelo utiliza motor V6 de 3,7 litros, consistindo na variação de tempo e de levantamento das válvulas, o denominado VVEL, com potência de 350 cv (18 superiores em relação àa versão básica) e torque de 38 m.kgf, tendo também a transmissão manual de seis velocidades ou uma nova automática de sete velocidades, com tração traseira. O pacote Nismo possui molas e estabilizadores determinados, freios mais poderosos e diferencial autobloqueante.

Na parte de dentro, os bancos esportivos da Recaro são revestidos em couro e Alcântara com costuras vermelhas. O volante possui acabamento em camurça e existe um pacote alternativo Tech que possui sistema de navegação, visor de sete polegadas sensível ao toque, câmera de ré e sistema de som Bose com Bluetooth.

Na parte da frente, o para-choque possui uma entrada de ar mais acentuada e luzes LED para rodagem diurna. As rodas de alumínio possuem 19 polegadas.

Felipe Couto de Oliveira


Nissan Maxima tem interior renovado e vídeo divulga novidades


Mais informações do exterior do sedã, e sobretudo, o interior do Nissan Maxima 2016 foram apresentados recentemente de forma acidental no momento que um dos carros armazenados foi filmado. No vídeo, existe a possibilidade de verificar como o modelo terá bancos em couro, volante com base achatada, tela central no painel para o sistema de entretenimento e ar-condicionado digital de duas zonas.

Somado a isto, o modelo possui também câmbio automático. Mais detalhes do carro poderão ser apresentados nas próximas semanas, sendo que o sedã esportivo será disponibilizado com sua grade frontal em formato de “V” durante o Salão de Nova York, nos Estados Unidos, no dia primeiro de abril.

A Nissan iniciou no Japão, 1911. A companhia alterou de nome algumas vezes até ter o nome de Nissan. Os fundadores da empresa foram Kenjiro Den, Rokuro Aoyama e Meitaro Takeuchi. Em 1914, apareceu o primeiro veículo, o DAT. Em 1931, a companhia disponibilizou um automóvel, denominado Datson, que alterou de nome dois anos para Datsun.

Nos anos 60, o modelo Sylvia foi disponibilizado. Em 1963, o modelo de luxo, denominado de President, foi apresentado. Em 1966, a empresa se uniu a Prince Motor Company e iniciou a fabricação do Skyline. Em 1986, a picape Navara foi recebida no mercado. No mesmo ano, o Bluebird passava a integrar a história da companhia.

Nos anos 90, iniciava o modelo Primavera. Em 1992, foi disponibilizado o Micra na Europa. Em 199, devido a dificuldades financeiras, a Nissan fez uma aliança com a Renault. Três anos depois, a empresa também fez um acordo com a Toyota para fabricar veículos híbridos.

Presente no Brasil desde 1998, a Nissan iniciou a fabricação de veículos na fábrica que possui em compartilhamento com a Renault, em São José dos Pinhais (PR) em 2002, quando começou a fabricação da picape Frontier. No ano seguinte, a empresa começou a fabricação do utilitário-esportivo Xterra.

Felipe Couto de Oliveira


Novo Nissan Sentra 2.0 Manual 2015 – Preço e Novidades


A versão mais simples do Novo Nissan Sentra chegou ao mercado e promete conquistar outro grupo de consumidores, tentando eliminar a imagem de “carro de tiozão” a ele atribuído. Trata-se do Sentra 2.0 S, uma versão com motor flex e câmbio manual de seis velocidades. O carro está disponível nas concessionárias a partir de R$ 67.090.

O carro está em uma categoria de mercado que concorre diretamente com o Honda Civic, o Toyota Corolla e o Citroën C4 Lounge. Por ser um sedã, ele atende às necessidades de quem precisa de um carro espaçoso, já que ele possui um amplo espaço interno e um porta-malas de 503 litros.

O Sentra destaca-se pelo seu conforto, tanto para o motorista quanto para os passageiros, especialmente quem anda no banco de trás. O nível de ruído do veículo também é baixo e seu acabamento, mesmo sendo uma versão mais básica, não deixa a desejar.

Quanto ao motor, o sedã mostrou que anda bem, já que houve uma boa harmonização entre ele e a transmissão manual de seis velocidades. Com 16 válvulas, o motor de 2.0 litros desenvolve uma potência de até 140 cavalos, capaz de atingir 100 km/h a partir do repouso em 9,9 segundos.

Ele tem torque de 20 kgfm a 4.800 rpm e atinge velocidade máxima de 196 km/h de acordo com testes. A estabilidade do veículo é boa, conferida pelas rodas de 16 polegadas e os pneus 205/55, porém, ele perde pontos para seus concorrentes, já que ele não possui controle eletrônico de estabilidade, nem de tração.

Esse itens fazem com que ele perca pontos em segurança, que vem sendo o alvo de muitos compradores, principalmente os que utilizam muito o veículo para viagens.

Mesmo não sendo um sucesso de vendas desde seu lançamento, a Nissan continua apostando no Sentra como sua melhor opção de sedan médio. Em outras categorias, a Nissan tem mais sucesso, com a picape Frontier e o hatch March, por exemplo, mas vale lembrar que os concorrentes diretos do Sentra são muito tradicionais no mercado, já que o Civic e o Corolla revezam o sucesso de vendas no país há muitos anos.

Rannier Ferreira Mendes


Nissan mostra o conceito SUV que tem base no Kicks


A pouco tempo do início do Carnaval, a Nissan mostra uma foto da dianteira do que poderá ser caracterizado o SUV compacto Kicks real, estratégia que a companhia irá apresentar até o término deste ano e disponibilizar no próximo ano para concorrer com Ford EcoSport, Chevrolet Tracker, Rnaut Duster, entre outros.

Apresentando somente parte da grade frontal, capô e farol esquerdo, a foto é uma idéia realizada para consagrar mais ano de parceria da Nissan com a escola de samba Acadêmicos do Salgueiro, do Rio. As cores principais na foto, incluindo o carro e também as características gráficas, são o vermelho e branco, cores padrões da agremiação.

A frente mostrada está perto da tese mostrada no Salão de Automóvel de São Paulo 2014, em outubro, entretanto, em união visual mais verdadeira. Não será um fator novo caso algo perto da tese, ou inclusive uma sintetização com referência neste teaser, seja apresentada durante o desfile da escola de samba do Rio de Janeiro, mesmo que sem citação da marca.

No desfile da equipe particular do Carnaval carioca de 2014, o monovolume Versa Note, que provavelmente não será disponibilizado para o país até o momento, foi mostrado espontaneamente um carro alegórico: o formato não era idêntico de forma clara e também não tinha o emblema da empresa, que afirmou o contrário do detalhe. Existe uma razão: a exploração de marcas comerciais não é permitida pelo regulamento do desfile de Carnaval carioca.

O SUV é considerado como essencial pela marca para aprimorar no mercado e atingir os resultados maiores, um objetivo diferenciado. Jose Luis Valls, presidente da Nissan para a América Latina, afirmou que o objetivo da empresa é ser os pioneiros entre as marcas do Japão, como também possuem objetivos de atingir 3% de participação este ano, 5% até o próximo ano, e em um futuro a médio prazo, estarem posicionado próximo dos maiores. 

Felipe Couto de Oliveira


Nissan March ganha Novo Motor Flex 1.0 de 3 Cilindros


A Nissan vem ao longo dos últimos anos tentando tornar o March o carro mais vendido da marca no Brasil. O carro sofreu reestilizações diversas e se tornou nacional (sendo antes importado do México), sendo produzido em Resende (RJ). A princípio, esses planos não deram muito certo e as vendas foram mantidas na casa das 24 mil unidades por ano. Agora, a empresa traz uma novidade para aquecer o mercado do March, a introdução do motor flex 1.0 de 3 cilindros na versão de entrada do carro.

Vale lembrar que essa motorização já é marcada pelos brasileiros em carros populares, sendo a motorização mais comum dos carros vendidos no país.

O lançamento foi anunciado pela montadora na última quinta-feira no Rio de Janeiro. O motor promete fornecer ao conjunto uma potência de 77 cavalos e um torque de 10 kgfm (sendo movido a etanol ou a gasolina). O motor segue ainda uma linha econômica, sendo capaz de rodar de 8,8 a 10,3 km/l quando abastecido com etanol ou de 12,9 a 15,1 km/l quando abastecido com gasolina.

O objetivo continua sendo aumentar as vendas do March o tornando o popular da marca no país. Porém, a empresa revelou planos maiores a médio prazo. A Nissan quer que o March alcance e ultrapasse o HB20 da sul coreana Hyundai. O carro é o sexto mais vendido no país e em 2014 vendeu aproximadamente cinco vezes mais que o Nissan March.

A motorização também será oferecida no New Versa, que agora está sendo produzido na fábrica de Resende. Espera-se um aumento nos valores dos carros devido principalmente ao retorno do IPI. As vendas dos carros com os novos motores 1.0 começam ainda em março. O mais simples da linha, o Nissan March Conforto, sairá das lojas por pelo menos R$ 35.900.

Junto com a notícia do novo motor 1.0, a Nissan também anunciou que os motores 1.6 contarão com o sistema Flex Start, que dispensará o tanque de partida a frio.

Por Nosf


Nissan Kicks – Montadora divulga Imagem do Novo Carro


Um teaser do SUV Kicks foi revelado pela Nissan, exibindo sua frente bem idêntica à do conceito que foi visto no Salão do Automóvel de São Paulo 2014.

A empresa é a patrocinadora da escola de samba Salgueiro e a exibição, às vésperas do início dos desfiles de Carnaval, pode ser mais uma estratégia de marketing da marca. Vale lembrar que ano passado o Versa Note (ainda sem nenhuma cogitação para o mercado nacional) apareceu durante o desfile da escola carioca, sobre o carro alegórico.

Além disso, a Nissan é patrocinadora das Olimpíadas 2016 e o Kicks deverá aparecer também para promover este evento. Afinal, o Brasil é um dos países mais cogitados para a fabricação do crossover compacto.

O Kicks deverá ser mostrado por completo ainda este ano. Já o seu lançamento deve ocorrer em 2016, para encarar a concorrência de nomes como Chevrolet Tracker, Ford EcoSport, Renault Duster, entre outros.

Ainda não existe informações sobre o local onde o novo modelo será fabricado, mas é possível que o Brasil esteja entre os países favoritos para a produção, bem como o México. José Luis Valls, presidente da Nissan para a América Latina, foi quem afirmou em uma recente entrevista para o site UOL Carros, que o mercado pode ser favorecido pela marca, devido principalmente às exigências de livre comércio e do Inovar Auto.

Assim como a Honda adotou a ideia de fabricar o seu HR-V em mais de um país, a Nissan pode investir nessa estratégia para atender aos mercados do bloco.

"Há muito a avançar, queremos ser os primeiros entre as marcas japonesas, mas também temos planos de chegar a 3% de participação em 2015, 5% até 2016 e, num futuro a médio prazo, nos colocarmos perto dos líderes", afirmou o executivo durante a entrevista.

Claro que para isso será necessário ampliar e aprimorar a cobertura de lojas e oficinas no Brasil, isso deve ter início ainda esse ano. "É um produto fundamental para o Brasil e vamos ter novidades ainda em 2015", concluiu o presidente da marca.

Daniel Cavalcante


Nissan New Versa 2015 começa a ser fabricado em Resende, no Rio de Janeiro


Pense em um carro bonito, grande, com alta tecnologia e barato. Sim, isso é possível! Estamos falando do New Versa, o novo carro da Nissan. O sedan será de fabricação nacional, na fábrica da montadora em Resende, no sul do estado do Rio de Janeiro.

A nova versão do Versa virá toda reestilizada: na parte de fora, foram alterados a grade frontal, os faróis e o para-choques. Já na parte interna, a mudança fica em mais equipamentos e um melhor acabamento. Essas alterações já foram vistas na nova versão do March – carro hatch da montadora, com ótimo custo benefício – em 2014.

Outra novidade do New Versa para 2015 é na parte do motor, que receberá uma versão de 1.0 de três cilindros e 77 cv, uma grande inovação da marca para um modelo sedan. Mas os que preferem veículos mais potentes, não precisam se preocupar, pois será mantida a versão com motor 1.6 16V flex de 110 cv.

O valor previsto para o novo Versa parte de R$ 43.290,00, na versão mais básica do modelo, o que pode ser considerado um valor baixo em vista de ser um sedan de alta tecnologia. A montadora japonesa é conhecida por prezar pela tecnologia de ponta em seus carros, mesmo entre os mais populares, o que inclui o March, modelo mais barato da Nissan.

Para a fabricação do New Versa, a empresa teve que investir cerca de R$ 100 milhões em sua unidade no Rio de Janeiro. Pelo visto, a Nissan pretende ter boas vendas nessa nova versão do Versa, devido ao alto investimento em sua planta em Resende.

A entrada do novo automóvel da Nissan está prevista para chegar às concessionárias de todo o Brasil logo após o Carnaval (que acontece entre os dias 14 e 17 de fevereiro). Portanto, se você pretende adquirir um novo veículo com tecnologia e conforto a preços baixos, deve esperar mais alguns dias.

 Por Felipe Villares


Nissan Titan 2016 é apresentada em Detroit no Salão do Automóvel


A Nissan não poderia ficar de fora do Salão de Detroit. E também não poderia vir de mãos abanando. A empresa está trazendo uma nova Nissan Titan para o Salão como sendo sua grande aposta. A picape de grande porte promete trazer renovação e tecnologia ao mercado e promete aquecer a disputa entre as marcas de picapes nos EUA que são o maior mercado dessa classe de automóvel do mundo todo.

A nova Nissan Titan passou por uma reformulação visual e está ainda mais bonita. A grade frontal vem com detalhes cromados que também estão presentes nos retrovisores e maçanetas e também em frisos na traseira da caminhonete. O capô e os faróis gigantes dão um ar robusto para a caminhonete e contribuem para sua fama de má.

O para-choque frontal vem em cor diferente da carroceria dando um charme ainda maior a picape e conta com grandes entradas de ar para resfriar o motor. Como não poderia deixar de ser em uma picape o carro é alto e conta com um apoio lateral para os pés de modo a auxiliar que os passageiros entrem no veículo.

Não bastasse a muito bem vinda mudança de visual a caminhonete conta ainda com uma nova opção de motor. Está disponível para a marca um motor de 5.0 litros V8 turbodiesel capaz de fornecer ao conjunto uma potência de 310 cavalos e um torque arrebatador de 46,6 kgfm.

A picape também conta com inovações tecnológicas mostrando que a marca não ficou parada no tempo. O carro contará com câmera de ré com guia para reboque além de várias câmeras ao redor do veículo com sistema de detecção de movimento e monitor de ponto cego. Os bancos do automóvel também são um show a parte e contam com um toque da NASA em prol de conforto e ergonomia.

A nova Titan promete estrear no mercado ainda no final de 2015.

 Por Nosf


Novidades que as montadoras existentes no Brasil irão trazer em 2015


O ano mal começou. Entretanto, as diversas montadoras com atuação no Brasil já andam planejando como será 2015. Entre lançamentos, projetos parados e possíveis renovações vamos encontrar um pouco de tudo. E não são apenas as grandes ou aquelas com maior atuação no país que devem fazer algo. As “pequenas” também devem agir.

Confira o que esperar de algumas dessas companhias:

Hyundai:

A família HB20 fez um sucesso e tanto. E a marca ainda aproveita um pouco disso. Aqui tem um detalhe em particular que é bastante curioso: o sucesso da linha foi tão precoce e inesperado que a algumas coisas acabaram tendo que tomar outros rumos. Por isso, para 2015 não é bom aguardar nada de grande da Hyundai. Os lançamentos relevantes deverão chegar no mercado nacional apenas em 2016. Mas, é claro que o HB20 não pode ser deixado de lado e ter seu sucesso esquecido. Por isso, podemos esperar alguma renovação no visual até o final do ano.

Hyundai HB20 2015

Toyota

Depois de tantos rumores parece que definitivamente a Hilux deve ganhar as mudanças significativas. De acordo com as expectativas a nova geração deve fazer sua estreia no mercado antes que o ano acabe. Mesmo assim, não é descartado o fato de o lançamento ser possivelmente adiado para 2016. Vale ressaltar que essa picape já tem passado por testes no exterior. Na época de seu lançamento foi um marco – 2005 – mas como a concorrência sempre anda de olho parece que a montadora percebeu que é hora de fazer algo para continuar “andando”.

Toyota Hilux 2015

Renault

Como 2014 foi um ano terrível para algumas montadoras a Renault por incrível que pareça é única montadora que tem o que comemorar em relação ao seu mercado no Brasil. Para a marca francesa o país já se tornou o segundo maior mercado ficando atrás apenas de sua terra natal. O que a montadora pretende é lançar o Duster Oroch, uma picape de certa maneira até atraente que deve chegar com a função de preencher o espaço vago encontrado entre as compactas do tipo da Strada e as médias como, por exemplo, a S10.

Renault Duster Oroch

Nissan

A montadora agora já conta com uma fábrica – própria – no Brasil. Com isso, o plano é partir logo para um segundo modelo. No caso, seria o Versa apresentando uma reestilização. Mesmo assim, a mais aguardada é a versão já para produção do conceito mostrado no Kicks. De qualquer forma, a Nissan está entre as montadoras que mais escondem os planos para 2015. Há rumores de que o SUV compacto pode chegar ao mercado antes mesmo do final do ano.

Nissan Versa 2015

Fotos: Divulgação

Por Denisson Soares


Nissan irá produzir novo motor 3 cilindros na fábrica de Resende (RJ)


Seguindo os passos de outras montadoras, a Nissan anunciou, no dia 6 de janeiro, o início da produção do novo motor três cilindros na unidade fabril situada na cidade de Resende – RJ. Para poder produzir o novo bloco, a marca nipônica teve que investir R$ 100 milhões. 

O novo propulsor 1.0 com três cilindros irá dividir a fábrica de motores com o já conhecido motor 1.6 litro que equipa diversos carros da Nissan. Com 77 cv de potência e torque de 10 kgfm, independente de ser abastecido com gasolina ou com etanol, o bloco terá a missão de equipar o New March e o sedan New Versa, que começará a ser produzido este mês. Feito com alumínio, o motor três cilindros traz quatro válvulas por cilindros, em um total de 12 válvulas, e diversos recursos tecnológicos embarcados, tudo para fazer do novo bloco da Nissan um dos motores mais eficientes de sua categoria no Brasil.

Mesmo sendo um pouco menos potentes que os outros motores três cilindros que estão disponíveis no mercado brasileiro, como o propulsor da Hyundai de 80 cv e torque de 10,2 kgfm, o motor da Volkswagen que dispõe de 82 cv e torque de 10,4 kgfm, bem como o bloco da Ford que entrega 85 cv e torque de 10,7 kgfm, o novo propulsor da Nissan chegará para fazer frente e ser mais uma opção aos consumidores que se interessam por um motor mais compacto, econômico e com boa potência. 

A fábrica de motores da Nissan situada na cidade de Resende – RJ faz parte do Complexo Industrial da fabricante japonesa, com capacidade para produzir até 200.000 motores anualmente. Somando R$ 2.6 bilhões de investimento total, o complexo dispõe de todos os serviços necessários para a produção em alto nível, contando deste de montagem, fabricação de motores e inspeção de qualidade, até as pistas de testes. 

Por Caio Polo

Novo motor da Nissan

Foto: Divulgação


Nissan firma parceria com Nasa para fabricação de carro autônomo


Na recente CES (Consumer Eletronics Show) temos sido apresentados a vários acessórios técnológicos que facilitam a vida de motoristas e ocupantes dos carros. Entre os quais destacamos os assistentes de estacionamento, os comandos eletrônicos de ar condicionado e detecção de movimentação de carros,entre outros.

Mas todos esses itens não chegaram nem perto da apresentação do Audi A7 que viajou de São Francisco até Las Vegas sem precisar da assistência de um motorista. O futuro é agora e a Nissan já começou a correr atrás do atraso. A empresa e a NASA anunciaram uma parceria de cinco anos a fim de desenvolver e pesquisar sistemas que tornem os veículos autônomos e que sejam comercialmente aplicáveis.

A empresa  sediada no Vale do Silício,Califórnia e a Agência com base em Moffet Field, também na Califórnia, trabalharão em quatro frentes diferentes de estudo usando aplicativos e acessórios de uso rodoviário e espacial. As quatro frentes são: Sistemas autônomos de acionamento, soluções de interface do homem com a máquina, desenvolvimento de aplicativos habilitados para rede e softwares de análise e verificação.

A montadora está mirando alto e quer que os pesquisadores avancem no que diz respeito a produção de frotas de veículos autônomos sem emissão de poluentes e totalmente capazes de carregar pessoas. Segundo a empresa ainda os testes serão semelhantes aos realizados com sondas espaciais não-tripuladas, comandadas a distância por centro de controle. Espera-se que a novidade automobilística esteja pronta até o fim do ano de 2015.

Carlos Ghosn, presidente da Nissan afirmou :“O trabalho da Nissan e da NASA tem focos distintos – um no espaço e outra no planeta Terra -, mas está ligado por desafios semelhantes“ e  ”A parceria vai acelerar o desenvolvimento seguro da tecnologia da unidade autônoma que a Nissan irá introduzir progressivamente aos consumidores até 2020“. A empresa deseja que já  em 2020 os veículos de passeio autônomos sejam oferecidos comercialmente.

Por Nosf


BMW, Audi, Nissan e Renault deixam de vender carros na Rússia


A BMW, Audi, Jaguar Land Rover, GM, Renault e Nissan, são algumas das montadoras que não estão mais enviando modelos novos para a Rússia em função da crise que fez com que a moeda local perdesse o equivalente a 50% do seu valor durante esse ano.

Essa é uma notícia ruim, pois significa que as montadoras estão perdendo dinheiro. De acordo com o presidente da aliança Renault-Nissan, Carlos Ghosn, a Nissan deixou de enviar alguns modelos, mas irá honrar todos os pedidos que foram realizados até o momento. Ainda segundo ele, não estão aceitando novos pedidos até que a situação econômica do país esteja controlada.

A maioria dos fabricantes já elevou os preços dos carros na Rússia, principalmente os modelos que contam com mais componentes importados. A GM é uma das montadoras que só cumpriu os contratos que já estavam fechados e parou de mandar novas unidades no dia 16 de dezembro. A divisão européia da GM divulgou uma nota dizendo que considerando a volatilidade do rublo (moeda Russa) a venda de veículos aos distribuidores está temporariamente suspensa.

Em nota, a Audi afirmou que deve elevar os preços e que está adiando as entregas. Já á BMW divulgou que está direcionando a produção para outros mercados.

A crise da moeda russa começou pela queda acentuada nos preços do petróleo, que até então era a principal fonte de recursos de Moscou. Além disso, as sanções ocidentais impostas pela atuação no governo russo na Ucrânia também fez com que a economia encolhesse. Se no setor de automóveis, esse encolhimento representa 13% nas vendas de janeiro a outubro se comparado ao ano passado. Com a crise, a Grã Bretanha já ultrapassou a Rússia no ranking de venda de carros, sendo o 8º país. Já o Brasil permanece na quinta colocação.


Nissan Juke Nismo RS – Modelo com novo design será lançado também na Europa


O Juke é um carro que foi lançado em 2010, quando a Nissan apostou muito em um design diferenciado, para não dizer esquisito que certamente o tornaria. O crossover tem linhas diferenciadas, sinuosas, agressivas. A base original do carro é o Hacth Tiida. O inesperado ocorreu, entretanto. O carro que foi criado apenas para chamar a atenção e acabou superando expectativas de vendas vendendo mais de 10 mil unidades. As vendas programadas originalmente eram de 1.300 unidades. Após quatro anos as vendas do carro continuam em alta. E o carro acaba de ganhar uma nova roupagem e será vendido também em terras europeias.

O Nissan Juke Nismo RS ganhou um sútil face-lift (presente em toda a linha 2015) além da nova cara esportiva. O carro também conta com faróis xênon e luzes diurnas de LED que se destacam com o para-choque que é bem amplo e aberto. Olhando lateralmente o carro recebeu um novo conjunto de rodas de 18 polegadas diamantado e cinza fosco. Na traseira temos um novo spoiler (complementando o visual esportivo), para-choque com difusores de ar e uma avantajada saída de escape. A saia do carro tem um detalhe em vermelho em torno de todo o carro. O interior do carro mescla detalhes em preto e vermelho.

O carro conta com um motor 1.6 litros DIG-T turbo movido a gasolina sendo capaz de gerar ao carro uma potência de 218 cavalos e potência 28,5 kgfm de torque.  O carro está disponível em duas versões. A primeira conta com tração dianteira e a segunda conta com tração nas quatro rodas. A versão com tração integral conta com transmissão CVT. A caixa da versão manual conta com seis marchas.

Aparentemente o carro não tem notícias de ser importado para o Brasil. Na Europa terá preço inicial de 27 mil euros. O carro conta com vários equipamentos de série, equipamentos que justificam seu valor.

Por Nosf

Fotos: Divulgação


Nissan Murano será lançado nos EUA


A Nissan anunciou o lançamento mundial do novo Murano, na sua sede em Canton, Mississipi, nos Estados Unidos, a fim de que o novo design do modelo faça a marca brilhar internacionalmente. Porém, os resultados são tão promissores que pode ser difícil para alguns mercados receberem o carro.

As concessionárias nos Estados Unidos estão realizando tantos pedidos, que a produção inteira do Murano no Mississipi já está encomendada, apesar da fábrica destinar-se a fornecer, além do país sede, para outros 118 mercados, incluindo Europa e Japão.

O vice-presidente de produção, suprimentos e compras da Nissan nos EUA, John Martin, disse que a ordem é para produzirem 94 mil unidades do veículo, mas que a quantidade não será suficiente para a demanda das lojas do próprio país.

A previsão de chegada do carro às concessionárias é na segunda semana de dezembro, ainda sem previsão do valor. O modelo anterior tem sua versão mais básica (nos Estados Unidos) a partir de US$ 29.390.

Para ajudar a desenvolver o novo design do Murano, Martin e uma equipe de produção e qualidade foram “importados” da Europa após uma série de lançamentos de sucesso naquele continente. Visando um novo Murano perfeito, para ajudar a polir a imagem da marca Nissan, Martin e sua equipe executaram uma série de mudanças nos requisitos de qualidade antes do início de produção oficial, e uma frota da nova geração rodou 1,2 milhões de horas de testes para levantar (e consertar) o que estivesse fora dos padrões.

A equipe também contou com a presença de engenheiros para realizarem melhorias de design imediatamente após algum problema de montagem ou peças ser detectado pelos trabalhadores da linha de produção. Até mesmo consultores de qualidade foram chamados para avaliarem um modelo de pré-produção, e mesmo a localização de uma entrada USB para celular teve sua localização alterada em caso de descontentamento por parte do consultor. Testes eletrônicos foram conduzidos em diferentes combinações e utilizando 100% das funcionalidades do carro para que fossem descobertos possíveis problemas de software ou funcionamento, o que sanou 35 erros antes não identificados.

O vice-presidente faz o balanço entre o custo do desenvolvimento e produção do carro com a satisfação pós-venda: “Quantas centenas de horas de serviços aos consumidores e reclamações seriam necessárias para levantar todos esses erros? Nós queremos ter certeza de que o primeiro cliente a comprá-lo entre em um veículo sem defeito algum”.

A unidade de Canton deve demorar 8 semanas para atingir 100% da sua velocidade de produção do novo modelo, o que mesmo assim não atenderá à demanda das concessionárias dos Estados Unidos.

Por Felipe Foureaux Freitas

Nissan Murano 2015

Nissan Murano 2015

Nissan Murano 2015

Fotos: Divulgação


Nissan Pulsar Nismo Concept – Versão esportiva foi apresentada no Salão de Paris


Visando concorrer com hot hatches como o Volkswagen GTI, Megane RS e Ford Focus RS, a Nissan aproveitou o Salão de Paris para apresentar o Pulsar Nismo Concept, a versão esportiva do seu mais novo hatch médio.

Contando com o mesmo desenho da versão convencional, o Nissan Pulsar Nismo Concept traz diversos aprimoramentos e mudanças para deixar o hatch mais esportivo e agressivo. Para tal, a marca japonesa adotou novo para-choque dianteiro esportivo com amplas saídas de ar inferiores, novo para-choque traseiro com difusor de ar integrado e dupla saída de escape centralizada, nova saia lateral, spoiler traseiro de fibra de carbono e exclusivo para a versão Nismo, arco de rodas diferenciado, rodas de liga leve de 19 polegadas calçadas com pneus 235/35 R19, além da pinça de freios e de detalhes dos para-choques, da saia lateral, dos faróis frontais, da grade dianteira e dos retrovisores externos em vermelho.

Para aumentar a esportividade do modelo, a Nissan configurou o sistema de suspensão esportiva do Pulsar Nismo Concept para deixar a condução do carro mais ágil e agressiva. 

Na cabine, o Pulsar Nismo também tem uma aparência esportiva já que o modelo traz bancos esportivos do tipo concha, volante multifuncional de três raios e portas revestidas em Alcantara e com detalhes em vermelho, manopla do câmbio com detalhes em couro e costura contrastante, pedais esportivos e apoio do pé esquerdo em alumínio, além do tacômetro (conta-giros) com fundo na cor vermelha.

As especificações mecânicas do novo Pulsar Nismo ainda não foram reveladas pela Nissan, contudo, especula-se que o hatch esportivo será equipado com o motor turbocharged de 4 cilindros 1.6 DIG-T da versão topo de linha, mas reconfigurado para deixar de oferecer 190 cv e entregar 247 cv de potência. É provável que a versão Nismo do Pulsar traga acoplado ao motor um câmbio manual de seis marchas.

Vale lembrar que as configurações convencionais do Pulsar possuem três opções de motorização, todas com turbocompressor: 1.2 DIG-T a gasolina com 115 cv, 1.5 dCI turbodiesel de 110 cv e o bloco 1.6 DIG-T que entrega 190 cv. 

Por Caio Polo

Nissan Pulsar Nismo Concept

Nissan Pulsar Nismo Concept

Nissan Pulsar Nismo Concept

Fotos: Divulgação


Nissan Frontier 2015 traz novos itens tecnológicos, de conforto e de entretenimento


A Nissan lançou no mercado brasileiro a linha 2015 de sua picape. Sem trazer nenhuma novidade estética, a marca nipônica oferece a Frontier 2015 com novos equipamentos tecnológicos, itens de conforto e entretenimento, além de uma nova versão equipada com transmissão automática. A Nissan Frontier 2015 chega com preços a partir de R$ 94.990.

Entre os principais destaques dessa linha, a Nissan aposta em itens de entretenimento e conforto para deixar sua picape mais atrativa, além da transmissão automática. Portanto, a versão topo de linha SL Automática 4×4 (R$ 134.490) passa a ver de série com bancos revestidos em couro, ar condicionado digital dual-zone e com um novo sistema de entretenimento com tela touchscreen de 6,2 polegadas que abrange diversas funções do carro, como o sistema de navegação via satélite (GPS), conexão Bluetooth streaming áudio e viva voz para celular, DVD Player, reprodutor de áudio e vídeo, entrada auxiliar, sistema de som, além de exibir as imagens da câmera de segurança para manobras em marcha ré.

Outra novidade é a adoção da transmissão automática para a versão intermediária SV Attack 4×4. Nesse caso, agora a configuração SV Attack 4×4 pode ser adquirida com câmbio manual ou a transmissão automática com cinco velocidades e função Overdrive, que atua como sobremarcha.

Mecanicamente, para as linhas S e SV Attack, ambas com tração 4×2, a Nissan oferece o motor 2.5 16V Turbodiesel que entrega 163 cv e torque de 41,09 kgfm. Nessa motorização, a picape trabalha com o câmbio manual de seis marchas. Para os modelos S, SV Attack, SV Attack AT e SL AT, todas com tração integral 4×4, a marca japonesa traz o motor 2.5 16V Turbodiesel configurado para render 190 cv e entregar um torque de 45,8 kgfm. Acoplado ao bloco nas versões S e SV Attack está o câmbio manual, enquanto que para os outros modelos o motor trabalha em conjunto com a transmissão automática.

Abaixo, versões e preços da Nissan Frontier:

– S 4×2 – R$ 94.990;

– SV Attack 4×2 – R$ 101.990;

– S 4×4 – R$ 104.990;

– SV Attack 4×4 – R$ 108.990;

– SV Attack AT 4×4 – R$ 114.790;

– Platinum AT 4X4 (Edição limitada – 2014) – R$ 120.890;

– SL AT 4×4 – R$ 134.490.

Por Caio Polo

Nissan Frontier 2015

Nissan Frontier 2015

Nissan Frontier 2015

Nissan Frontier 2015

Fotos: Divulgação


Nissan Sentra 2015 – Características e novidades


De olho no segmento dos sedans médios, a Nissan traz a linha 2015 do Sentra, que obteve um excelente desempenho desde quando chegou a sua nova geração e garantiu o quarto lugar no mês de junho emplacando 1.019 veículos, com poucas modificações em suas versões.

A nova linha do Sentra teve poucas modificações quando comparado a linha anterior. Enquanto na configuração intermediária SV o modelo conta com bancos com revestimento em couro no lugar de tecidos, na versão topo de linha SL, o sedan médio da Nissan deixa de trazer de fábrica o teto solar elétrico, sendo um item oferecido opcionalmente pela marca japonesa por um acréscimo de R$ 1.300 no preço final do veículo.

As alterações param por aí, já que o modelo continua oferecendo uma vasta lista de equipamentos de série desde a sua versão de entrada S.

O Sentra mais básico, vendido por R$ 64.090, vem equipado com freios ABS com EBD e BA (assistente de frenagem), airbag duplo, direção elétrica com assistência variável, ar condicionado, chave presencial i-Key, sistema eletrônico de ignição por botão, volante multifuncional com revestimento em couro e com regulagem de altura e profundidade, banco do motorista com regulagem de altura, banco traseiro bipartido 60/40 e dobrável (180 graus), retrovisores externos com acionamento elétrico, rebatíveis e com repetidores de seta integrada, maçanetas das portas cromadas, sistema de som com leitor de CD, MP3, conexão Bluetooth e 4 alto-falantes, computador de bordo, faróis de neblina, luz diurna de posição e lanternas traseiras em LED, acelerador eletrônico, rodas de liga leve de 16 polegadas, entre outros.

Mecanicamente, a linha 2015 não traz nenhuma alteração, mantendo o já conhecido motor 2.0 16V Flex Start, que dispensa o uso de tanquinho, capaz de entregar 140 cv e torque de 20 kgfm. Na configuração S, o modelo traz associado ao motor o câmbio manual de seis marchas, enquanto que as versões SV e SL contam com transmissão Xtronic CVT com função overdrive.

Abaixo, versões e preços da linha 2015 do Nissan Sentra:

– Sentra S 2.0 16V – R$ 64.090;

– Sentra SV 2.0 16V – R$ 70.390;

– Sentra SL 2.0 16V – R$ 74.690;

– Sentra SL 2.0 16V com teto solar elétrico – R$ 75.990.

Por Caio Polo

Nissan Sentra 2015

Foto: Divulgação


Nissan pretende agregar novas tecnologias em seus modelos nos próximos anos


A Nissan quer estar cada vez mais presente no mercado automotivo mundial e para isso, a marca nipônica trabalha para oferecer novos modelos e cada vez mais tecnologia em seus carros. Por isso, Carlos Ghosn, brasileiro que é o CEO da Nissan Motor Company, revelou os futuros lançamentos tecnológicos que serão adotados nos veículos da montadora.

O brasileiro que está à frente das operações da Nissan afirmou que os carros da marca ganharam gradualmente, no decorrer de quatro anos, novas tecnologias. Entre elas, estarão o sistema de controles de pistas automatizadas e o sistema de gestão de tráfego rodoviário. Para Ghosn, tais dispositivos trarão aos clientes da marca a viabilidade e praticidade dos sistemas de unidade autônoma. Portanto, um carro que será capaz de dispensar a intervenção do condutor não é algo tão futurístico para a Nissan, que pretende tornar a tecnologia comercialmente viável em 2020.

Esta tecnologia objetiva ampliar a segurança na condução e facilitar uma tarefa diária de deslocamento. Diferentemente de projetos de desenvolvimento para carros de autocondução total, os veículos autônomos projetados pela Nissan garantem ao condutor a possibilidade de permanecer no controle do veículo.

Segundo Ghosn, até o fim de 2016 a marca oferecerá ao mercado automotivo um projeto de piloto de engarrafamento, sistema que permitirá a condução de forma autônoma e com ampla segurança dos veículos em congestionamento em estradas. Outro ponto que deverá ser abordado concomitantemente com a condução autônoma será o sistema de estacionamento totalmente automatizado, que estará disponível em um número maior de veículos na gama da Nissan.

Posteriormente, em 2018, a fabricante japonesa trará ao mercado controles variados, que possibilita o carro controlar sozinho a mudança de faixa e as situações de perigo. Além disso, antes do fim da década em questão, a Nissan disponibilizará interseção-autônoma, que irá permitir aos carros “negociar” com a sinalização de trânsito, como em cruzamento, por exemplo, sem que haja a intervenção do condutor.

O brasileiro CEO da Nissan ainda pretende aproveitar as novas oportunidades criadas pelas tendências socioeconômicas das principais metrópoles.

Para Carlos Ghosn, a primeira necessidade de inovações tecnológicas deve ser voltada para reduzir o congestionamento, a emissão de gases e melhorar o gerenciamento do tráfego. A segunda prioridade é conseguir atender a crescente demanda por carros com conexão via internet e, para isso, o CEO afirma que os veículos da marca deverão ser tão conectados como os tablets e smartphones. A montadora nipônica espera que mais de 1,5 milhão de carros da Nissan estejam conectados a sistemas avançados de comunicação no próximo ano, usufruindo de sistemas baseados em nuvens com acesso a aplicativos de entretenimento, comunicação e sistemas de reconhecimento de voz. Enquanto a terceira está voltada para diminuir a distância dos gostos entre pessoas mais jovens e mais velhas, criando carros que atraem os dois nichos do mercado. A quarta tendência é de atender a diversidade do mercado, em especial às mulheres, que são amplas consumidoras e gestoras do setor automobilístico.

Por Caio Polo

Nissan

Foto: Divulgação


Novo Nissan Pulsar está à venda no Reino Unido


Apresentado em maio deste ano como o modelo da Nissan a fazer frente com o novo Volkswagen Golf e uma experiência recente da marca japonesa no segmento de hatches médios, o Pulsar começou a ser vendido no Reino Unido. Oferecido em três configurações de acabamento, o carro tem preços que partem da £ 15.995 (cerca de R$ 60.700), podendo chegar a £ 20.345 (aproximadamente R$ 77.300).

Com visual moderno e seguindo a identidade de design atual adotada pela Nissan, o Pulsar, desenvolvido na Inglaterra pela divisão local da marca japonesa é a grande aposta para competir e frear o sucesso do Ford Focus e, principalmente, do VW Golf.

Apenas a título de comparação, o Volkswagen Golf tem versões a partir de £ 16.975 libras (cerca de R$ 64.500), chegando até os £ 22.995 (aproximadamente R$ 87.300) na configuração GT. O hatchback da marca alemã ainda conta com as opções esportivas GTD, GTI e R, com preços que variam entre £ 25.765 e £ 29.900.

Além das linhas modernas e atraentes, a Nissan aposta na tecnologia embarcada no modelo que desde a versão de entrada traz freios ABS com EBD, airbags, controle eletrônico de tração e estabilidade, volante multifuncional, luzes diurnas de posição compostas por LEDs, sistema de entretenimento dotado do NissanConnect e com tela touchscreen de 5,8 polegada, capaz de acessar acessar as redes sociais e notícias, entre outros.

Dependendo da versão, o modelo ainda vem equipado com faróis de LED, câmera de segurança para manobras em marcha ré, sistemas Nissan Safety Shield e Around View Monitor, que abrange o alerta de mudança de faixa, aviso de pontos cegos, sistema de detecção de objeto, alerta de colisão, sensor de estacionamento e sistema de frenagem de emergência, sistema de som mais requintado e rodas de liga leve de 17 polegadas.

Sob o capô, o Nissan Pulsar é oferecido em duas opções de motorização, podendo ser equipado com o motor turbo 1.2 DIG-T de 115 cv a gasolina, ou com o bloco diesel 1.5 dCi capaz de gerar 110 cv. Ambos os motores podem ser associados a um câmbio manual de seis marchas ou uma transmissão automática X-Tronic do tipo CVT.

No Brasil:

Embora ainda não haja confirmações de que o Pulsar chegue ao mercado brasileiro, ainda existe a possibilidade da marca lançar o carro por aqui, já que o segmento dos hatches médios é muito explorado pelos consumidores brasileiros. Uma sinalização dessa possível chegada do Pulsar ao Brasil seria a vinda do modelo ao Salão do Automóvel de São Paulo, em outubro.

Caso o Pulsar realmente chegue, a fabricante completaria sua gama de novos veículos com a atual identidade visual vendidas no Brasil, como o Versa, o Altima e, principalmente, o Sentra.

Por Caio Polo

Nissan Pulsar

Foto: Divulgação


Reajuste nos preços do Nissan Altima e Nissan March


A Nissan  (montadora japonesa) reajustou o preço de dois de seus carros, aumentando em mais de R$ 1 mil o preço dos automóveis.

Os modelos em questão foram o sedan Nissan Altima (carro com grande espaço interno, com motor de 2.5, 16V com 182 cavalos de potência, com chave inteligente (a conhecida I-Key) e botão de partida (Push Start) com partida remota e o Nissan March (carro hatch da montadora, vem com direção elétrica progressiva, ar condicionado quando adquirido o pacote conforto e motor 1.0).

No caso do Nissan March 2014, a versão mais simples (sem direção elétrica e ar condicionado) custava R$ 27.690, passou a custar R$ 28.490. As outras versões do carro hatch também sofreram aumento. A versão S 1.0 (que vem com farol de neblina, vidros, travas e retrovisores elétricos e chave com telecomando de abertura e fechamento), agora custa R$ 33.690 (contra os R$ 32.890 que era cobrado anteriormente). As versões mais caras do March custam, respectivamente, R$ 39.190 (1.6 SV 2014) e R$ 41.790 (1.6 SR 2014).

Já no caso do sedan Nissan Altima, que é oferecido em apenas uma versão, a 2.5 SL, entrou no marcado custando R$ 99.900, teve seu aumento de preço em R$ 13.000, custando agora R$ 112.900.

O carro já vem completo, com um grande espaço interno, teto solar, GPS e ar condicionado dual zone, câmbio CVT e uma inovação nos bancos, que são chamados de bancos zero-gravity (são bancos extremamente confortáveis e contam até com um sistema de aquecimento). O painel de controle do carro conta  com nada mais nada menos que computador de bordo, monitoramento de mudança de faixa, display de áudio, monitoramento de pressão dos pneus.  O carro vem com seis airbags e três anos de garantia.

Apesar do aumento do preço, o veículo ainda está compatível com seus concorrentes, Fusion da Ford, Azera da Hyundai e Passat  da Volkswagen.

Por Mariana Caetano

Nissan March 2014

Foto: Divulgação


Novo Nissan March será lançado no Brasil


A Nissan apresenta uma novidade para o mercado brasileiro: o March. Este carro, que é um compacto, já teve a sua produção iniciada e a previsão é que chegue ao Brasil em outubro. O March vai ter motores de 1.0 (77cv) e 1.6 flex (111 cv). De acordo com a Nissan, o objetivo é que o carro seja considerado um popular japonês, e que o preço médio deve ser menos do que R$ 30 mil. O que achou da novidade da Nissan? Será que o carro fazer sucesso no Brasil?

Entre outros detalhes do March, é que o modelo já está sendo testado. Ele tem um design simpático, casual e bem diferenciado, além de um espaço interno que é adequado ao segmento do carro. Porém, uma das desvantagens deste novo carro da Nissan é que o banco traseiro é mais baixo que o normal, o que dificulta o espaço para as pernas, ou seja, isso torna uma viagem ou passeios longos mais dificultados. O acabamento do March também está no mesmo nível dos seus pares nacionais.

Este carro da Nissan, também vai ter versões completas que incluem airbag duplo, freios ABS, computador de bordo, ar condicionado e vidro elétrico nas quatro portas. Assim, este carro é ideal para as grandes cidades porque é compacto e pode ser estacionado com facilidade em qualquer lugar. Entre outros itens inclusos nas versões compactas destacam-se a presença de rádio integrado ao painel e direção elétrica.

O custo benefício do March também vai ser mais acessível, porque a expectativa é que o novo compacto da Nissan custe menos que R$ 30 mil. Assim, o carro vai ser o primeiro popular japonês do Brasil.

O design dele é leve, e a versão completa inclui vários itens de conforto e comodidade para o motorista. Mas, o que você achou deste lançamento da Nissan? Será que o carro vai ter boas perspectivas e ser aceito pelo mercado?

Por Babi

Novo Nissan March

Foto: Divulgação


Nova Nissan Frontier foi lançada na Tailândia


No mercado de veículos brasileiro, a crescente aceitação dos consumidores pelas caminhonetes e picapes é de fácil observação no trânsito dos grandes centros urbanos, uma vez que cada vez mais esse tipo de veículo é visualizado nas ruas. Nesse contexto, a montadora Nissan lançou na Tailândia a nova picape Frontier.

A Nissan lançou a décima segunda geração da picape Frontier, que no mercado asiático foi batizada de Navara, após divulgação de vários teasers dos detalhes do veículo as fotos oficiais de divulgação desse novo modelo do veículo acabou vazando.

A nova picape antecipa as linhas do novo modelo que tem previsão de chegada em breve ao Brasil. Com relação ao visual, a nova Frontier ganhou uma nova identidade visual da marca, conhecida com “V-Motion”, a qual traz detalhes cromados em sua grade frontal, além de luzes de LED diurnas e repetidores de seta nos retrovisores. A nova versão será disponibilizada ao consumidor nas seguintes cores na carroceria: Terra Bronze e Amarelo Savannah.

Em seu aspecto interno, a picape exibe um novo e belo painel de instrumentos com detalhes cromados e uma tela de multimídia com diversas funções de computador de bordo. Vale ressaltar, que esse veículo será vendido com opção de três tipos de motorização, sendo elas: uma turbodiesel 2.5 com quatro cilindros capaz de gerar 163 cv e 41,1 Kgfm ou 190 cv de potência e 45,9 kgfm de torque máximo, a outra opção é um propulsor movido a gasolina que rende que rende 165 cavalos e 25,5 kgfm de torque. Ambos propulsores serão associados a um câmbio manual de seis marchas ou transmissão automática de sete velocidades.

A carroceria também terá duas opções para os clientes escolher, sendo a estendida e a simples. A Frontier é comercializada com tração 4X2 /4X4 e oferece o sistema “ Shift-on-the-fly”, que possibilitará ao condutor fazer a escolha entre a tração 4X2 ou a 4X4 simplesmente através de um acionamento eletrônico, até mesmo com a picape em movimento.

Entre os itens de segurança, merecem destaque os freios ABS com o sistema EBD e airbags, controle de velocidade e estabilidade, além do sistema de auxílio em desníveis.

Por Adriano Oliveira

Nissan Frontier

Foto: Divulgação


Nissan e-NV200 – Nova van comercial elétrica será lançada


O setor automobilístico conta com mais uma novidade: a Nissan vai lançar o seu segundo carro elétrico. Desta forma, a montadora japonesa vai continuar desenvolvendo a tecnologia, uma vez que ela lançou o primeiro carro elétrico em 2010. Na época, a Nissan desenvolveu para o mercado o Leaf, que é um carro compacto e tem crescido de forma gradual nas vendas.

O objetivo da montadora japonesa é lançar para o mercado quatro carros elétricos até o mês de março de 2017, e ela já apresentou um modelo para o mercado, e está trabalhando no segundo, que vai ser uma van comercial e vai receber o nome de e-NV200. As vendas do novo carro elétrico estão previstas para iniciarem no mês de junho na Europa, e no Japão em outubro.

A meta inicial era uma venda de 1,5 milhão de carros elétricos até o final do mês de março no ano de 2017, tanto para a montadora japonesa quanto para a aliada Renault, que é francesa. Porém, os consumidores encontram-se divididos pela autonomia que o carro proporciona, e pelas poucas estações de carregamento que existe, o que representa uma desvantagem. Por estes fatores, a meta foi adiada para dois a três anos.

Além disso, a Nissan e a Renault concretizaram apenas a venda de um décimo da meta, o que representa um quantitativo de 150 mil veículos elétricos, apenas. Parte desta proporção está incluído o carro elétrico fabricado pela Nissan.

O novo carro projetado da montadora Japonesa, o e-NV200, foi desenvolvido com a finalidade para ter autonomia em um percurso de até 190 km e usando uma carga de bateria, de acordo com os padrões japoneses.

Qual o preço estimado do e-NV200? Na França, o preço inicial de tabela é de 20.610 euros, o que equivale a 28.100 dólares. Mas, com os subsídios do governo, o preço vai cair para 14.310 euros. Mas, no Japão, o carro elétrico deve começar com aproximadamente 3,9 milhões de ienes, o que representa 38.100 dólares, excluindo os subsídios.

O que você acha do carro elétrico para o Brasil? 

Por Babi

Nissan e-NV200

Foto: Divulgação


Nissan 370Z Nismo 2015 – Características do novo modelo


A Nissan apresentou de supetão a versão 2015 do 370Z Nismo. O coupé japonês esportivo em sua linha 2015 traz entre as novidades uma nova opção de transmissão, novos detalhes visuais, mas mantém o mesmo motor, não que isso seja algo ruim.

O Nissan 370Z Nismo 2015 chegará às concessionárias da marca nipônica nos principais mercados onde a Nissan se faz presente em julho deste ano. A fabricante japonesa não revelou o preço do esportivo.

Esteticamente, o modelo ganhou novo conjunto óptico dianteiro composto por LEDs e com detalhes em preto, rodas de liga leve de 19 polegadas totalmente redesenhada e, principalmente, novos detalhes na cor vermelho presente nos retrovisores externos, nos frisos das sais laterais e nos para-choques dianteiros e traseiro, conferindo muita esportividade ao 370Z Nismo.

O modelo esportivo ainda passa a contar com novos amortecedores esportivos, molas, sistema de freios, barras estabilizadoras e novo aerofólio traseiro com brake light posicionado na parte inferior.

Na cabine, o esportivo também traz detalhes em vermelho, como às costuras dos bancos esportivos com couro Recaro e detalhes em Alcântara em vermelho. Além disso, o modelo ainda vem com volante esportivo multifuncional com símbolo da Nismo, sistema de entretenimento com tela touchscreen de 7 polegadas que abrange diversas funções, como o sistema de som de alto padrão da Bose, sistema de som via satélite, navegação via satélite (GPS) e conexão via Bluetooth.

Mecanicamente, o Nissan 370Z Nismo mantém o já conhecido motor 3.7 V6 a gasolina, capaz de entregar 354 cv e torque de 38,2 kgfm.  Contudo, o esportivo japonês agora pode ser equipado com duas opções de câmbio, podendo vir com câmbio manual de seis marchas com sincronização de rotação, ou com a nova transmissão automática de sete velocidades com opção de realizar trocas sequenciais através do Paddle Shift situado atrás do volante.

O Nissan 370Z Nismo 2015 é oferecido em quatro opções de cores: branco, prata, vermelho e preto.

Por Caio Polo

Nissan 370Z Nismo 2015

Foto: Divulgação


Nissan New March será o primeiro modelo a ser fabricado na fábrica de Resende (RJ)


Com a primeira fábrica própria no país, a Nissan diz que tem potencial para  fabricar até 200 mil carros na primeira fase.

A montadora Nissan está presente no Brasil desde a época da abertura das importações. Entretanto, somente agora a companhia pode dizer que tem seu “próprio local de trabalho” no Brasil. Na segunda metade deste mês de março de 2014 a montadora inaugurou em Resende, no estado do Rio de Janeiro, seu primeiro complexo industrial.

A Nissan já há muito tempo produz veículos para o mercado brasileiro, mas para isso utilizava as instalações da Renault, no Paraná, local onde são produzidos os modelos da picape Frontier e da minivan Livina. Com a novidade a empresa terá maior liberdade e capacidade para desenvolver seus projetos em um espaço inteiramente dedicado para ela.

De acordo com as informações da própria montadora a unidade de Resende tem uma capacidade de produção de 200 mil veículos por ano em uma primeira fase. Dois modelos da marca já estão previstos para dar início aos trabalhos: o sedan Versa, que até então vem sendo importado do México e o hach March.

De qualquer forma o primeiro modelo a ser produzido deverá ser o March. Ou melhor, o New March, como a própria montadora rebatizou a versão. Neste caso o March terá um visual retrabalhado que segue as linhas do padrão europeu. O carro será fabricado no Brasil apenas com o 1.6 16V. A fabricante também informou que a versão 1.0 vai continuar sendo importada do México, mas aqui sem o facelift da versão brasileira.

Para a montadora a fábrica brasileira é um aspecto fundamental para a retomada nas vendas. Um dos motivos de tanto investimento por parte da Nissan é que a marca foi a principal atingida pelas limitações que o governo brasileiro impôs nos últimos anos visando frear a importação de veículos para o Brasil. Tudo isso começou com o estabelecimento de cotas para carros vindo do México e depois culminando no aumento do IPI em 30 pontos percentuais.

Com as novidades trazidas pela montadora a partir do 2° semestre tanto o March quanto o Versa poderão entrar no mercado e encarar a briga em nível de igualdade com os concorrentes nacionais.

Por Denisson Soares

Nissan New March 2015

Foto: Divulgação


New March chega nas concessionárias em maio


A fábrica da Nissan em Resende (RJ) foi inaugurada há poucos dias e já recebe pedidos de “pré-reserva” para quem quer adquirir o New March. O modelo ganhou algumas novidades em relação ao carro atual e já está em produção no Brasil. A previsão é que a nova versão chegue na segunda quinzena de maio nas lojas automotivas.

O March atual é importado do México e continuará a venda em todo o Brasil. Para essa versão o consumidor paga em torno de R$ 28.500. O March mais completo de todos – e o mais caro – pode chegar a R$ 41.800.

Por ser um carro que conseguiu sucesso por aqui, a Nissan vai manter esse modelo “antigo” com uma configuração mais básica do New March. Após a consolidação da nova versão do March, a Nissan pretende produzir em Resende o sedã Versa, mas sem divulgações de como será esse novo modelo.

Sem data certa, o que se sabe é que o New March chega às concessionárias na segunda quinzena de maio, sendo que os detalhes de configurações, equipamentos e preços só serão repassados para as lojas no dia próximo da chegada do veículo nas ruas.

O que se sabe é que a Nissan vai produzir o New March na versão básica com configurações de motor 1.0 16V flex. Especialistas afirmam que essa versão deve ter um preço médio de R$ 30 mil. A tendência é que o New March custe de R$ 1 mil a R$ 2 mil a mais que o March básico importado do México.

A novidade é que a marca japonesa vai oferecer para seus consumidores um New March top de linha com acessórios que o melhor do modelo atual não oferece. O New March top de Resende vai vir com um motor 1.6 16V flex, uma tela central de multimídia, navegador GPS e rodas de liga leve com aro de 16 polegadas.

Além disso, a Nissan vai colocar no melhor do New March um ar-condicionado digital. Esse carro completo pode chegar aos seus R$ 50 mil.

O objetivo da marca japonesa é competir com seus principais rivais que oferecem os mesmos acessórios com essa média de preço. Alguns deles: Hyundai HB20 Premium 1.6 BlueNav, por R$ 49.390, Chevrolet Onix 1.4 LTZ, que custa R$ 47.490 e o Kia Picanto J.369 por R$ 44.900.

Por Carolina Miranda

Foto: divulgação


Novo Nissan Versa 2015 – Lançamento e Novidades


A Nissan revelou as primeiras imagens e informações oficiais do Versa 2015, que passou por uma reestilização pontual e será apresentado ao público durante a abertura do Salão de Nova York, que tem início no fim deste mês.

Com modificações pouco expressivas, a novidade fica por conta de alguns detalhes visuais, buscando dar fôlego ao sedan até a próxima geração chegar. Como já foi feito com o veículo atual, o Versa brasileiro seguirá as alterações da versão norte-americana e portanto o sedan reestilizado chegará ao Brasil no segundo semestre deste ano.

Enquanto o sedan atual vem importado do México, tanto o Versa 2015 quanto o Nissan March passarão a ser fabricado na nova unidade fabril da marca japonesa, situado em Resende (RJ), que está prestes a ser inaugurada.

Seguindo o cronograma, o Nissan March fabricado no Brasil deve chegar às lojas logo no início do segundo semestre, enquanto que o sedan será lançado mais tarde, próximo ao fim do ano.

Sendo o sedan mais barato oferecido no mercado norte-americano, o sedan tem a fama de ser confortável, mas sem graça. E foi exatamente esse quesito que a Nissan tentou melhorar, promovendo alterações e retoques necessários para tentar deixar o Versa mais jovial e atraente. Portanto, no exterior a marca japonesa adotou nova grade frontal e faróis redesenhados, perdendo o ovalado e ganhando um desenho mais próximo dos conjuntos ópticos do novo Sentra e do Altima, sedans maiores da marca. Os novos para-choques completam as novidades estéticas.

O interior também sofreu alterações, ganhando um painel levemente redesenhado, novos padrões de revestimento nos bancos e nas portas, volante multifuncional com comandos para o som e comunicação igual ao do Sentra e um novo display composto por LEDs. Todas essas modificações fizeram com que a cabine do Versa ficasse mais agradável.

Além disso, a fabricante japonesa incrementou o modelo com mais itens de série, pelo menos no modelo que será vendido nos Estados Unidos, com destaque para a conectividade via Bluetooth e o sistema Hands-Free de série em todas as versões.

Nos mercado estadunidense, o Versa 2015 manterá as versões de acabamento S, S Plus, SV e SL. Assim como no Brasil, o sedan compacto continuará sendo equipado com motor 1.6 16V DOHC nos Estados Unidos, sendo capaz de entregar 110 cv e torque de 14,7 kgfm. A diferença da motorização do modelo norte-americano e o do brasileiro é que este detém a tecnologia flex, fazendo com que o modelo renda até 111 cv quando abastecido com etanol.

Por Caio Polo


Nissan Murano 2015 será apresentando no Salão de Nova York


Próximo da estreia do Salão de Nova York, a Nissan revelou imagens e informações oficiais da terceira geração do utilitário esportivo Murano. Baseado no conceito Ressonance, mostrado no Salão de Detroit do ano passado, o novo crossover da marca nipônica ostenta um visual renovado, moderno e atraente, contando com a nova identidade de design visto nos mais recentes lançamentos da Nissan.

O que chamou atenção na nova geração do Nissan Murano foi o visual, que não deixa a desejar em nada. Com linhas mais arrojadas e angulosas, o visual adotado para essa geração se distância da geração anterior, fazendo com o que o utilitário esportivo tenha detalhes marcantes, como a nova grade frontal maior e em formato de V, lanternas traseiras recortadas em forma de bumerangue e que integram o vidro da tampa do porta-malas, além dos faróis com desenho alinhado aos outros modelos recém-lançados pela fabricante japonesa.

A parte interna, por sua vez, não sofreu tantas alterações quanto o exterior, parecendo mais familiar ao estilo da geração anterior do Murano. Contudo, mesmo sem mudar radicalmente o layout do console, a Nissan alterou o formato do painel de instrumentos, que traz fácil leitura, e mudou a disposição do console central, focando nos recursos tecnológicos, já que agora o modelo vem com o NissanConnectSM com navegação e aplicativos móveis, display colorido de 8 polegadas com controle multi-touch, sistema de som de alto padrão da Bose® com 11 alto-falantes e sistema de conectividade Hands Free e Bluetooth.

A Nissan ainda apostou também em um acabamento mais refinado e com cores mais claras. Portanto, o utilitário possui revestimento dos bancos, do volante multifuncional e das portas em couro com um tom de bege, o acabamento em madeira de cor mais claras na porta e o material do painel na mesma cor do couro.

Além de uma boa lista de itens de série, entre os equipamentos de segurança o novo Nissan Murano oferece a detecção de objetos em movimento (MOD), alerta de pontos cegos (BSW), alerta de colisão frontal (PFCW) e frenagem de emergência.

Podendo trazer tração dianteira ou integral All-Whell Drive, mecanicamente o novo Murano vem equipado com motor 3.5 V6 DOHC associado à uma transmissão Xtronic.

A nova geração do Nissan Murano estará disponível nas concessionárias da marca nos Estados Unidos no fim deste ano.

Nissan Murano 2015

Foto: Divulgação


Nissan Versa 2014 – Características e preços do novo modelo


A Nissan é, sem sombra de dúvida, uma das marcas de automóveis que mais cresce em todo o mercado mundial e, claro está, também no Brasil. O fato é que, visando ter um retorno ainda mais positivo, a empresa lançou um carro super atual e moderno que, por sua vez, veio para ser um diferencial. Estamos falando do Nissan Versa, um carro que tem uma boa performance, uma manutenção boa e que é bastante seguro e prático. Trata-se de um possante com muitos pontos positivos. O lado negativo, por seu turno, talvez seja o acabamento interno e a pintura que, diga-se de passagem, poderiam ser bem melhores. Seja bem como for, algumas características do veículo merecem destaque como:  suspensão tipo McPherson e dianteira com barra estabilizadora, roda tipo independente e molas helicoidais, suspensão tipo eixo de torção, roda tipo semi-independente e molas helicoidais, portas do motorista, atrás do motorista, passageiro, atrás do passageiro e abertura à frente, retrovisores das portas do motorista e passageiro com ajuste interno na cor preta, entre outros pontos bem bacanas.

Pois bem, vale dizer que o Nissan Versa tem três versões e que, em termos de preço, os valores sugeridos são os seguintes: R$ 37.390,00 a R$ 44.890,00.

O Versa é fabricado no México, na plataforma do compacto March, também lançado no segundo semestre de 2011. As medidas do Versa, que compete no segmento de sedans compactos, impressionam. São 4,45 metros de comprimento, 1,69 metro de largura e 2,60 metros de entre-eixos. A capacidade do porta-malas é de 460 litros. 

Assim sendo, levando em conta esses pormenores, o fato é que vimos que o Nissan Versa é um modelo muito eficiente e que veio para agradar todos os públicos.  Na linha 2014, todas as versões ganharam freios ABS de série, enquanto o modelo topo da gama, SL, recebeu rádio com comandos no volante e conectividade via Blutooth.  

Escolha o seu!

Por Juan Wihelm

Nissan Versa 2014

Foto: Divulgação


Nissan Altima 2014 – Lançamento e Novidades do Carro


A Nissan, empresa japonesa de carros, lançou o Altima 2014, um sedan de porte grande para concorrer com os carros da categoria, como o Ford Fusion, que sai a partir de R$ 106.900. O carro vem com um potente motor  2.5L, de 16 válvulas, movido a gasolina, com a potência de 182 cavalos com injeção eletrônica multiponto. O Altima chega a 210 km/h e seu consumo na estrada é de 13,1 km/l,  sendo 10,1 km/l em percursos urbanos.

Com rodas de aro 17, o carro conta com um porta-malas de 436 litros e um tanque de combustível que tem a capacidade de 68 litros. Entre os itens de série, estão inclusos o ar condicionado automático digital dual zone, o acendimento automático dos faróis (sensor crespuscular), os bancos dianteiros com Zero Gravity aquecidos, as luzes de leitura traseiras e dianteiras, o piloto automático, o porta-copos traseiro e dianteiro, o retrovisor interno eletrocrômico, o teto solar elétrico, entre outros. Ou seja, a Nissan realmente fez um carro para vir com tudo, tentando ganhar essa parte do mercado brasileiro que não havia sido aventurada pela montadora até agora.

O carro, que tem um design bonito e oferece muito conforto não só para aqueles que o dirigem mas para os seus passageiros, também foi lançado nesse ano e aparenta um sucesso de vendas em comparação com o concorrente direto.

O Altima é espaçoso e conta com partida automática e um painel bem feito, no qual não se tem um acúmulo de botões em funções que acabam por confundir os usuários ou até mesmo causar um certo tipo de “poluição visual”.

Os faróis são feitos de LED e combinam o visual já apresentado em outros veículos da montadora com um design mais sutil, charmoso e bonito, que certamente chama o comprador dessa categoria. O veículo ainda possui  monitoramento de ponto cego, de mudança de faixa e airbags (frontais, laterais e de cortina). Ou seja, o carro além de disponibilizar conforto, ainda oferece segurança, sendo uma boa opção para aqueles que gostam desse estilo de carro ou até mesmo querem arriscar.

Por Mariana Caetano


Nissan Sentra 2014 – Preços e características


O Novo Sentra, sedan feito pela montadora Nissan para este ano, já estreou. O carro que vem para competir com o Civic da concorrente Honda está disponível em três versões. Todas com um potente motor 2.0 Flex Start de 140 cavalos de potência tem variações em seus itens de série que carregam um nível alto de luxo.

A versão mais básica, a 2.0 S MT 2014, vem equipada com faróis e lanternas LED, volante revestido em couro com comandos de áudio e Bluetooth, chave inteligente e botão de partida, freios ABS e direção elétrica. E sai a partir de R$ 62.190.

A versão  2.0 SV CVT 2014 tem como itens de série câmbio automático XTRONIC® CVT de última geração, sistema de áudio com tela de LCD 4,3 polegadas com 6 alto-falantes e possui também ar condicionado automático digital Dual Zone e sai a partir de R$ 67.390.

Já a versão top de linha, a 2.0 SL CVT 2014, vem com rodas de  alumínio com aro 17, bancos revestidos em couro, sistema de áudio com tela LCD touchscreen, navegador e câmera de ré integrados e teto solar com abertura elétrica para acompanhar o conforto que todo o Sedan pode oferecer.

Os três modelos possuem a capacidade de carregar 503 litros no porta-malas. O carro tem três anos de garantia, dois anos de Nissan Way Assistance que é um serviço de 24h disponibilizado pela Nissan para atender o cliente em qualquer situação, tendo direito a serviços de assistência em caso de pane, colisão, furto ou pneu furado e também conta com Revisão Periódica, um outro serviço disponibilizado pela montadora.

O carro pode ser financiado com uma taxa de 0,59% em 24x com 60% de entrada nas versões  S MT e SV CVT e está disponível em quatro cores: Preto Premium Sólido, Prata Classic Metálico, Azul Grafite Metálico e Branco Diamond Perolizado.

Por Mariana Caetano

Novo Nissan Sentra 2014

Foto: Divulgação


Novo Nissan Versa será apresentado no Salão de Nova York sem muitas mudanças


Lançado em abril de 2011 no mercado estadunidense, o Nissan Versa é um dos carros mais baratos nos Estados Unidos, com preço de US$ 11.990 (aproximadamente R$ 27 mil). Para dar fôlego ao sedan compacto competir no mercado norte-americano, a marca nipônica terá, entre os outros veículos expostos, a versão reestilizada como um dos modelos no seu estande no Salão do Automóvel de Nova York.  

Quem aguardava uma nova geração do sedan compacto terá que esperar um pouco e se contentar com um facelift pontual no Versa. Entre as possibilidades especuladas é o Nissan Versa ter visual semelhante ao modelo apresentado no início deste ano na Tailândia, sofrendo alterações modestas na dianteira e na traseira, como a adoção de novos para-choques e nova disposição dos faróis e das lanternas.

Contudo, as principais mudanças devem ficar na cabine do Versa, em especial no painel, que provavelmente será totalmente renovado. Além disso, a Nissan deve adotar novos revestimentos nos bancos e nas portas, console central com acabamento em Black Piano, volante igual ao do Sentra, entre outros detalhes que melhoram o interior do veículo.

A tentativa da Nissan é muito válida, já que a diferença de preços entre os outros carros disponíveis nos Estados Unidos é considerável. Apenas para ter uma ideia da diferença, o Kia Rio, o Ford New Fiesta e o Chevrolet Sonic são oferecidos com preços a partir de US$ 13.900, US$ 14.100 e US$ 14.170, respectivamente. Mesmo se o consumidor estadunidense escolher a versão intermediária do Versa (S Plus), que vem com transmissão Xtronic CVT®, o sedan compacto continua mais barato que os outros carros citados, com preço a partir de US$ 13,790.

Até o Mitsubishi Mirage (US$ 12.995), que concorre em outra categoria, é oferecido por um valor menor que o Nissan Versa de entrada.

No Brasil, o novo Versa deve chegar por aqui no segundo semestre. O sedan reestilizado tem tudo para seguir as linhas do modelo que será mostrado em Nova York e deve fazer parte da produção da Nissan na nova unidade fabril de Resende – RJ, que será inaugurada no dia 15 de abril, iniciando a produção do March reestilizado. 

Por Caio Polo

Nissan Versa

Foto: Divulgação


Nissan abrirá nova fábrica em Resende (RJ)


A marca japonesa que está cativando cada vez mais o público brasileiro, a Nissan, prometeu e está prestes a cumprir, em 15 de abril deste ano, a abertura de sua mais nova fábrica no Brasil, localizada em Resende, no estado do Rio de Janeiro.

A fábrica terá capacidade para produzir até 200 mil unidades de automóveis por ano. A grande novidade é que fabricará os modelos March e o sedan Versa, que formarão uma gama de veículos nacionais, juntamente com os outros modelos Frontier e Livina, que já são fabricados no Paraná.

Com a fábrica de motores, além de gerar mais empregos no país e no estado do Rio de Janeiro, a Nissan também está contribuindo com a qualificação do trabalho local.

Como já vem fazendo, a empresa está desenvolvendo um plano de treinamento completo para os funcionários da fábrica de motores. Incluindo formação geral no SENAI em Resende, oferecendo aulas de treinamento tanto para estrangeiros quanto para brasileiros, com os formadores mais qualificados das unidades industriais japonesas.

Com um crescimento significativo nos últimos anos, a Nissan tem a finalidade de atingir a quota de mercado de 5% até 2016. Hoje, a Nissan Brasil tem 166 lojas espalhadas por todo o país e planeja expandi-las para 240 em 2016. A fim de reforçar o seu compromisso com o país, a Nissan Brasil tornou-se a patrocinadora oficial de automóveis dos Jogos Olímpicos e Paraolímpicos ™, em 2016, bem como do Comitê Olímpico Brasileiro. O acordo inclui o fornecimento de aproximadamente 4.500 veículos de diferentes tipos para satisfazer as necessidades dos Jogos Olímpicos Rio 2016 ™ e da Seleção Brasileira. Esta frota de veículos irá favorecer modelos de energia limpa (etanol ou eletricidade), a fim de apoiar os esforços do Comitê Organizador Rio ™ 2016, para atingir as metas ambientais dos Jogos. E é a Nissan que estará com a bola toda em 2016.

Por Dianne Siniscalchi

Nissan abre f?brica em Resende

Foto: Divulgação


Nissan Frontier Platinum: nova série especial da picape


A Nissan lançou no Brasil uma nova série especial para a sua tradicional picape Frontier, versão limitada a 1.000 unidades e que traz diversos diferenciais em relação ao modelo convencional, como as rodas de liga leve de 16 polegadas, calçadas com pneus “todo-terreno”, os faróis com máscara negra e o logotipo identificando a edição, localizado na tampa traseira.

Batizada de "Platinum" e posicionada entre os modelos SV Attack e SL, a versão especial da Nissan Frontier 2014 conta ainda com detalhes cromados nos faróis de neblina, nos retrovisores e na grade dianteira, além de oferecer uma lista de itens de série bastante recheada, incluindo ar condicionado digital com duas zonas de climatização, direção hidráulica, duplo airbag, freios ABS com distribuição eletrônica de frenagem, piloto automático e comandos de áudio no volante.

Há ainda central multimídia com display de cinco polegadas, sistema de áudio (rádio AM/FM, player de CD e MP3, porta USB, entrada auxiliar e seis alto-falantes), câmera de ré, chave inteligente (I-Key), controles de estabilidade e de tração, cintos de segurança dianteiros com pré-tensionadores, travas elétricas em todas as portas, regulagem de altura para a coluna de direção, retrovisores com ajuste elétrico e computador de bordo com quatro funções, entre outros acessórios instalados de fábrica.

Na parte mecânica, a Nissan Frontier Platinum conta com o motor Turbo Diesel 16V de 2.5 litros, que oferece 190 cv de potência e torque de 45,8 kgfm, associado à transmissão automática de cinco velocidades. O modelo traz o seletor eletrônico "shift on the fly", possibilitando ao condutor escolher o tipo de tração (4×4, 4×4 reduzida ou 4×2).

A nova série especial da Nissan Frontier já está disponível na rede autorizada da marca em todo o país. Os interessados em adquirí-la deverão desembolsar a quantia de R$ 120.890, valor sugerido pela montadora japonesa para o modelo, que conta com três anos de garantia no mercado nacional. A picape pode ser encontrada nas cores preta, prata e branca.

Por André Gonçalves

Foto: divulgação


Surgimento das minivans no mercado mundial de automóveis


As minivans são carros muito apreciados por pessoas que possuem uma grande família, gostam de viajar, ou que gostam de andar com o carro sempre cheio de pessoas e bagagens. Desta forma, as minivans celebraram 30 anos, com segmento nos Estados Unidos. O primeiro modelo foi o Nissan Prairie, lançado em 1982 no Japão.

Suas origens se deram em meados de 1984 com o lançamento da Dodge Caravan. A partir daí, o Grupo Chrysler comprado pela Fiat, vendeu 13 milhões de unidades do veículo no mundo inteiro. Para comemorar o aniversário, a empresa lançou no mercado norte-americano edições especiais dele juntamente com a Chrysler Town & Country.

A empresa francesa, Renault, também inaugurou o segmento na Europa, com os carros Escape em 1984 e, com isso, o comércio das minivans tomou conta de todo o mundo. Como foram surgindo em épocas nas quais não eram muito comuns entre as famílias, que optavam por terem mais de um carro na garagem de casa, elas prosperaram bastante por oferecer versatilidade ao acomodarem várias pessoas e bagagens em um só veículo.

Além do espaço proporcionado aos passageiros e condutor, elas se caracterizam pela oferta de um grande número de porta-objetos. Para as crianças as minivans oferecem equipamentos de entretenimento. Contudo, no Brasil só surgiram no fim dos anos 90, após terem sido muito vendidas nos Estados Unidos e Europa. O modelo que foi primeiramente lançado no Brasil foi o Renault Scênic e o Xsara Picasso, considerado o primeiro modelo fabricado pela Citroën no País, além do Chevrolet Zafira.

Hodiernamente, esses modelos deixaram de ser produzidos e perderam espaço para os utilitários esportivos compactos. Entre as opções nacionais mais vendidas, temos o Nissan Grand Livina e Chevrolet Spin. Entretanto, as minivans ainda têm sido predileções em algumas famílias que preferem ter apenas um carro que caiba toda a bagagem a terem de comprar vários veículos para conseguir transportar toda a família. 

Por Luciana Viturino

Nissan Prairie

Nissan Prairie

Foto: Divulgação


Nissan apresenta novo retrovisor inteligente feito com tela de LCD


A cada ano que passa as montadoras aderem tecnologias para melhorar as funções, o consumo e, principalmente, o conforto e a segurança de seus veículos. Dessa vez, a Nissan confirmou que irá apresentar no dia 6 de março, durante a realização do Salão de Genebra, uma novidade tecnológica interessante: um inovador retrovisor interno inteligente feito com uma tela de LCD, substituindo o espelho tradicional.

De acordo com a Nissan, o espelho interno tecnológico atua em conjunto com uma câmera de alta resolução instalada na parte traseira do carro, garantindo ao condutor uma visibilidade integral, sendo possível identificar a presença de qualquer tipo de obstáculo na traseira do veículo, incluindo nos pontos cegos, como as colunas C e os locais onde os passageiros do banco traseiro ficam com a cabeça posicionada.

O motorista tem a possibilidade de escolher entre o espelho convencional ou uso do espelho com a tela de LCD através de um botão localizado na parte inferior do espelho.

O equipamento de segurança, com toda certeza, deve evitar colisões em objetos com tamanho reduzido que ficam nos pontos cegos, bem como pequenos acidentes com pessoas quando o veículo está andando em marcha ré, já que a câmera de segurança para manobras em marcha ré não oferece uma imagem tão ampla, que abrange os pontos sem visibilidade, e com boa resolução. Além disso, o espelho pode evitar muitos acidentes com motocicletas, já que, somando com os espelhos externos, o condutor não terá mais pontos cegos.

Para que as imagens sejam exibidas sem qualquer distorção, a marca nipônica desenvolveu um equipamento com ângulo estreito e 1,3 milhão de pixels. O monitor tem uma proporção de 4:1.

O equipamento será testado no protótipo elétrico Zeod RC, que irá participar das 24 Horas de Le Mans deste ano. Além disso, o novo espelho tecnológico também estará presente nos carros de corrida da Nismo, divisão de alto desempenho da Nissan. Para os veículos convencionais de produção da fabricante japonesa, o espelho dotado da tecnologia está previsto a partir de 2015.  

Por Caio Polo

Retrovisor Nissan

Foto: Divulgação


Nissan e-NV200 – Nissan e FedEx fazem Testes com o Novo Carro Elétrico


A maior empresa de transporte expresso do mundo, a FedEx Express, encerrou esta semana os testes realizados com a marca Nissan para o lançamento do e-NV200, um automóvel comercial 100% elétrico.

Na cidade do Rio de Janeiro, sede da Nissan no Brasil, aconteceu testes reais para o programa global de avaliação e de desenvolvimento do veículo, que é realizado pelas duas empresas. Além do Brasil, o e-NV200 já foi testado no Japão, Reino Unido e Cingapura. A próxima cidade será em Washington, nos Estados Unidos.

O programa visa atender o objetivo das duas empresas que querem crescer cada vez mais no quesito sustentabilidade. A Nissan, por exemplo, já constrói uma fábrica em Resende (RJ) para ser uma das mais sustentáveis do mundo.

A sustentabilidade também está nos planos da FedEx. A empresa colocou em circulação no mês de dezembro de 2013, seis veículos elétricos no Rio de Janeiro e São Paulo. A operação para introduzir o carro elétrico não só no Brasil, mas em outras partes do mundo, chama-se EarthSmart, que tem o intuito de trazer o compromisso ambiental para a sociedade.

Caso os testes se saiam positivos, a versão deve começar a ser fabricada em Barcelona, na Espanha, na sede da Nissan.

Segundo a marca, o veículo não perde por ser elétrico. Pelo contrário, oferece as mesmas qualidades da van compacta NV200. Além disso, o fabricante da bateria do automóvel afirma que 80% da capacidade total do equipamento é carregado em uma média de 30 minutos.

E quem ganha com essa jogada não é somente a natureza. Com os carros elétricos, a FedEx já economizou aproximadamente 2,4 milhões de litros de combustível de 2005 a 2012. O negócio é promissor e tem tudo para dar certo. Na verdade, já vem dando certo, a empresa já tem 167 veículos elétricos e 365 híbridos elétricos na França, Alemanha, Japão, Estados Unidos, China, Itália e Brasil. A tendência é só de crescimento.

Por Carolina Miranda

Foto: divulgação


Nissan Sentra 2014 tem características mais modernas e confortáveis


Para quem é fã de um carro sedan, a Nissan resolveu dar uma modernizada nessa linha de carros que atraiu olhares não só de brasileiros, mas de todo mundo. O Novo Sentra 2014 está ainda mais moderno, confortável e seguro. Porém, essas modernidades conseguem ser clássicas, embora, o carro esteja passando por várias transformações e está com um design mais moderno e inovador de uma ponta a outra.  

As linhas da nova geração ao mesmo tempo que são ousadas, com traços pontiagudos nos faróis e nervuras pela lataria, também conseguem ser clássicas, com a traseira alta e o perfil afunilado.  Esse design é a nova linguagem da Nissan e que pela primeira vez  chega a um produto oferecido no Brasil.

O Sentra 2014 chega como um dos carros mais equipados do segmento. Com capacidade para até 5 passageiros, ele está mais espaçoso e confortável. A capacidade do porta-malas está maior e pode levar até 503 litros. Outra grande novidade é a economia quando se fala se combustível. O carro está mais econômico e registra médias de 11,5 km/l com gasolina e até 8 km/l utilizando etanol.

Desde a versão de entrada S o carro já traz recursos como o keyless, com sensor para abrir as portas e dar a partida, faróis de LEDs, faróis de neblina, rádio com Bluetooth, entre outros. Outras vantagens e modernizações podem ser adquiridas por um preço a mais, como: ar condicionado dual zone, airbags laterais, sensor de estacionamento, teto solar e até navegador GPS.

O preço do novo Sentra 2014 varia de R$ 60 mil a R$ 75 mil (incluindo outros equipamentos que podem ser exigidos pelo consumidor).

Para quem quer conforto, economia e pagar um pouco menos por um carro moderno, poderá encontrar isso tudo no novo Sentra 2014.

Por Rafael Moura

Nissan Sentra  2014

Foto: Divulgação


Novo Nissan March 2015


Eis o novo Nissan March 2015, carro que tem previsão de começar a ser comercializado em Maio desse ano. Com a previsão de preço em torno de R$ 30.000 mil reais na versão mais simples, o carro que conquistou o mercado pelo seu design um tanto que “carismático” e devido ao seu pequeno tamanho, ganhará sua nova versão que já será produzida no país, no estado do Rio de Janeiro. Seu design será mais parecido com a versão européia , diferente das outras vezes, que tinha uma proximidade maior da versão asiática.

O carro que vem para concorrer com o Ford Ka, possui quatro portas, um bom espaço interno, direção com assistência elétrica, freios ABS e um motor de 1.6.

Possui uma boa mecânica, como os carros da Nissan, que são difíceis de quebrarem ou darem algum problema, porém, sua versão anterior não foi um sucesso de vendas devido a política de cotas de importação imposta pelo novo regime automotivo. Como o carro era produzido no México, seu preço elevado não deixava-o concorrer de uma forma justa com o Ford Ka ( que é produzido no Brasil ); portanto, com a fabricação em território brasileiro e o preço parcialmente já dado, o carro tem tudo para ser um sucesso. Alguns únicos “problemas” que podem ser vistos aos adoradores de carro, é a quantidade de litros que cabe no tanque de combustível ( apenas 41 litros ), o isolamento acústico que também não é dos melhores e a ausência de marcador de temperatura do motor. Mas de resto, o carro é um bom automóvel de passeio. Também possui uma boa estabilidade nas estradas e na cidade.

O carro, que é produzido apenas na versão hatch, tem as linhas marcantes que destacam o visual “bolinha” e o que mais se destaca, visualmente, da atual versão para a nova, é a dianteira: os faróis e para-choques redesenhados.
No mais, o carro promete ganhar ainda mais o mercado brasileiro e agradar seus compradores. 

Mariana Caetano 


Nissan Frontier Diesel Runner – Nova geração da picape


Havia muita especulação, mas não foi dessa vez que a Nissan mostrou ao público a nova geração da Frontier. Frustrando boa parte da imprensa especializada, bem como os consumidores deste segmento que esperavam novidades sobre a nova picape, a marca nipônica levou ao Salão de Chicago apenas uma versão conceitual do modelo vendido atualmente.

Denominada de Frontier Diesel Runner, o carro-conceito tem apelo esportivo, alguns detalhes exclusivos e, como o próprio nome sugere, traz como destaque uma inédita motorização a diesel.

Com visual inspirado nos excelentes modelos esportivos da marca japonesa, a Nissan Frontier Diesel Runner traz adesivos nas cores vermelho e preto, rodas de liga leve de 16 polegadas com desenho inédito e pintura diferenciada, pneus off-road, capô feito em fibra de carbono, grade frontal com nova grelha exclusiva, rack de teto, entre outros detalhes.

Na parte interna, a versão conceito conta com acabamento em dois tons, detalhes em fibra de carbono, bancos e volante multifuncional com revestimento em couro, entre outros.

Se no visual a Frontier Diesel Runner não trouxe grandes novidades, na mecânica há muito do que poderá ser visto para a próxima geração. Sob o capô o conceito vem equipado com o inédito motor 2.8  turbodiesel, capaz de entregar 200 cv e torque de 48,3 kgfm. Desenvolvido pela Cummins, o bloco trabalha em conjunto com uma transmissão automática de oito velocidades. O novo motor é 35% mais eficiente que o 4.0 V6 a gasolina oferecido no mercado norte-americano e certamente estará disponível na nova geração que chegará ao mercado em 2015.

 A Nissan é a segunda grande montadora japonesa a ensaiar a renovação e sua picape média. A compatriota Mitsubishi, por exemplo, já adiantou as linhas gerais da próxima geração da L200 Triton com o conceito GR-HEV, apresentado no ano passado durante o Salão de Genebra. A Toyota, que também concorre no segmento das picapes médias, já desenvolve a oitava geração da Hilux e também deve apresentá-la em breve.

Por Caio Polo

Nissan Frontier Diesel Runner

Foto: Divulgação


Nissan Qashqai – Nova geração do SUV compacto será lançada na Europa


Este mês a Nissan apresentou ao mundo a nova geração de seu SUV compacto, o Qashqai. Ele, porém, só será comercializado na Europa a partir de janeiro de 2014. 

O Qashqai é dos carros mais vendidos no mundo, chegando à marca de 2 milhões a contar desde 2007. O carro é um campeão de vendas na Europa. 

O Nissan Qashqai vem com seu novo design que segue o padrão da Nissan.

Uma das mudanças do novo modelo está no fato de ter ficado maior, por estar sendo montado em outra plataforma, medindo 4,38 m de comprimento (com ganho de 4,9 cm), 1,8 m de largura (ganhando 2 cm a mais) e 1,6 m de altura (neste caso ficou 1 cm mais baixo). O porta-malas está com sua capacidade de carga 20 L maior, ou seja, com 450 litros (o anterior tinha 430 L). 

O Qashqai traz muitas novidades em equipamentos de ponta, onde se destaca o novo sistema de segurança chamado sistema Security Shield, que é capaz de ler placas de trânsito, detecta sonolência no motorista e evita colisões frontais. Uma novidade muito interessante é que reconhece quando o carro muda de faixa involuntariamente e alerta sobre objetos nos pontos cegos do carro. Ele traz também como novidade o VDC que controla a estabilidade do carro agindo sempre quando é apresentada perda de aderência. Uma tela de 7 polegadas engloba o sistema de entretenimento chamado NissanConnect, onde tem instalada no centro do painel uma tela de 7 polegadas, com acesso à internet e tem outra tela menor TFT de 5 polegadas no painel de instrumentos onde traz todas as informações referentes ao carro.

O Qashqai traz modernos faróis de LED e como opcional rodas de 19 polegadas. 

O carro tem seu interior requintado todo em preto com detalhes cromados. Ele traz quatro opções de motores sendo 1.2 Turbo DIG-T movido à gasolina com 115 cavalos, um 1.5 dCi com 110 cavalos e um 1.6 dCi com 130 cavalos, ambos à diesel. Há planos para o futuro de ter uma versão híbrida.

Por Mariana da Silva

Nissan Qashqai 2014

Foto: Divulgação


Nissan Sentra Nismo Concept – Configurações estéticas, tecnológicas e mecânicas do modelo


A Nissan, fabricante japonesa de carros, está apresentando o Nissan Sentra Nismo Concept em sua configuração esportiva do sedan médio japonês.

O modelo conta com alguns diferenciais estéticos, tecnológicos e mecânicos em relação ao modelo tradicional. Nota-se que o motor adotado no Sentra Nismo Concept é composto por quatro cilindros de turbo de 1.8L com injeção direta, a qual produz uma potência de 240 cavalos e 32,5 Kgfm de torque, vinculado a uma transmissão totalmente manual com 6 velocidades, sendo que o diferencial é que o deslizamento é limitado. A suspensão da dianteira é totalmente independente e a da traseira se associa ao tradicional esquema semi-independente com a barra de torção.

A estética do modelo é meramente esportiva, na qual se destacam principalmente as rodas com nada menos que 19 polegadas, estando elas montadas em pneus calibrados em 225/35R19 da marca Michelin Super Sport, os quais é possível verificar as pinças de freio Brembo – as mesmas pinças utilizadas no modelo Nissan 370Z.

Outras vertentes contribuem para uma melhor aparência esportiva, como o spoiler dianteiro que foi feito mais baixo, os para-lamas e as soleiras laterias foram alargadas e o para-choque traseiro está mais espaçoso para se agregar à parte inferior dela, com as saídas duplas de escape. Um detalhe que se observa também é que o spoiler localizado na parte traseira personalizado e uma luz central de neblina que fica situada no difusor complementam o novo look do modelo.

O interior está bem integrado, e lembra bem os carros de corrida da GT, que contam com um volante revestido de couro / Alcantara, assim como a alavanca do câmbio. Já o painel de instrumentos tem um acabamento firme e revestido de fibra de carbono e os detalhes em Chrome.

Toda essa estrutura do modelo foi elaborada para dar ao consumidor da marca um certo conforto na hora de dirigir o automóvel, além de suprir toda a demanda da necessidade da tecnologia de ponta.

Por Daniela Almeida da Silva

Nissan Sentra Nismo Concept

Foto: Divulgação


Altima da Nissan – Um verdadeiro sedã de grande porte


A fabricante de automóveis japonesa (Nissan), que já tem praticamente  uma década e meia de história aqui no Brasil, já automaticamente se  assentou aqui, pelo simples motivo de possuir 2% de venda em nosso mercado. A indústria é destaque em vários de seus tipos de carro, mas a investida em um modelo de sedã grande é um território que ainda esta sendo explorado.

O Nissan Altima que entra na categoria de sedã grande, veio para o Brasil  pronto para uma disputa de vendas com os: Ford Fusion, Volkswagen Passat, Hyundai Sonata, Honda Accord e o Kia Cadenza. O grande sedã da Nissan já ultrapassou a quarta geração e esta vindo diretamente do Tennessee para o Brasil em uma versão só, no nosso mercado o carro chega a um valor de R$ 99.900, o mesmo  preço do seu maior concorrente, o Ford Fusion 2.5 flex.

O exemplar tem um design sofisticado, mas com um toque suave, o Altima  tem traços que já são próprios da marca, com grade frontal e faróis padrão  da Nissan, laterais e traseiras mais ousado que o Nissan  Sentra igualando a maneira particular dos cupês com teto inclinado e curto na traseira. Já por dentro o veiculo manteve o ar clássico, mantendo uma matéria prima suave ao tato.

O motor é de 2.5 de cinco cilindros com 182 cavalos a 6.000 rpm e torque com limite de 24,7 mkgf a 4.000 rpm.

O Altima vem com acessórios que faz dele praticamente um carro vivo: Ele tem mecanismo de percepção, câmera de ré, anti-travamento nas rodas, ar-condicionado digital, seis airbags, rádio CD player, bancos com revestimento de couro, e outras novidades de ultima geração.

Os clientes que se sentirem em um terreno mais hostil e precisam de maior segurança ao transitar  ruas brasileiras, infelizmente a Nissan ainda não tem a intenção de trazer para este modelo uma versão blindada.

Por Igor Lima

Nissan Altima 2014

Foto: Divulgação


Nissan GT-R Nismo – Modelo será lançado no Japão, EUA e Europa em 2014


A montadora japonesa Nissan apresentou nesta terça-feira (19/11) o seu novo modelo de carro, o GT-R Nismo, que tem o nome da preparadora esportiva da própria companhia e será lançado no Japão, nos Estados Unidos e na Europa em 2014.

Carlos Ghosn, brasileiro que comanda a montadora, apresentou o carro em Yokohama, um dia antes do início do Salão de Tóquio para a imprensa.

A montadora confirmou rumores de que o modelo teria feito um tempo inferior aos 7min09s. Na volta mais rápida na pista alemã de Nurburgring, em setembro, ele alcançou os 7min08s679. Com esse tempo, a Nissan dá o recorde da pista entre carros de produção ao GT-R Nismo.  

O novo modelo da Nissan foi uma inspiração do carro usado na prova das 24hs de Nurburgring, contudo, ele tem uma performance maior devido às melhorias feitas em sua aerodinâmica e motor. O bloco 3.2 litros turbo agora tem 608 cv a 6.800 rpm, seu torque é de 66,3 kgfm. A suspensão esportiva do GT-R Nismo passou por modificações para reduzir os ruídos e rigidez na cabine. Sua carroceria tem partes coladas, melhorando a resistência e resposta à suspensão em situações extremas. Em seu visual, ganhou um novo spoiler traseiro e para-choque frontal de carbono, suas rodas foram inspiradas no GT500. Sua pintura é exclusivamente cinza. Em seu interior, há bancos esportivos de fibra de carbono. Seu computador de bordo faz registros da performance do condutor e é possível fazer download destas informações.  

Junto ao GT-R Nismo a montadora mostrou, também, o modelo GT-R 2015, que é uma versão mais "simples" do esportivo. A Nissan disse que a suspensão foi recalibrada para dar mais conforto ao condutor durante viagens em estradas e maior aderência à pista. No para-choque dianteiro foram inseridos detalhe em LED (mini lâmpadas). A montadora não divulgou detalhes de especificações de performance. As vendas do Nissan GT-R Nismo no Japão começarão no próximo mês.

Por André Barbosa

Nissan GT-R Nismo

Foto: Divulgação


Nissan BladeGlider – Novo Carro Elétrico inspirado em Veículos de Corrida


A Nissan, fabricante multinacional japonesa de automóveis, esteve revelando a partir desta última sexta-feira (8) as primeiras imagens do carro-conceito BladeGlider. O veículo será apresentado no Salão de Tóquio, a partir do dia 23 de novembro.

De acordo com o comunicado da fabricante em 2010, o veículo tanto é uma proposta de desenvolvimento para futuros projetos de novos automóveis elétricos, como também um protótipo de produção.

O modelo BladeGlider tem a forma de triângulo, com frente estreita, com as rodas bem mais unidas, traseira mais larga e formato adaptado para diminuir o arrasto e melhorar a estabilidade. O veículo ainda possui portas que se abrem totalmente para cima e a carroceria é feita de fibra de carbono.

Este modelo comporta até 3 pessoas, neste caso, o motorista fica sozinho na frente, em posicionamento central, se sentindo como uma peça única do carro. Para uma melhor facilidade na entrada dos passageiros, o banco do condutor desliza-se para fora quando a porta é aberta. O objetivo deste design foi revolucionar a arquitetura do automóvel para proporcionar novas emoções, além de agregar valor e se tornar claro para os consumidores sustentáveis, pois seu sistema é o único de emissão zero (de poluentes), podendo redefinir seus conceitos básicos de um carro.

A Nissan ainda ressalta que o conceito ainda partilha diversos outros recursos de sustentabilidade com os modelos Leaf e ZEOD RC, carro de emissão de poluentes zero para corrida, no qual será apresentado ainda nas 24 Horas de Le Mans, no ano que vem. Os motores estão nas rodas e são controlados de forma independente. Com este design totalmente arrojado e emprestando os principais elementos de veículos de corrida, a montadora diz que ainda pretende levar aos carros modelos de produção outras sensações novas que só se têm na pista.

O consumidor poderá acompanhar todos estes e outros detalhes a cerca do carro no site www.nissan.com.br.

Por Daniela Almeida da Silva


Parceria entre Renault, Nissan e Mitsubishi


A Aliança Renault-Nissan anunciou que está a unir forças com a Mitsubishi Motors, uma vez que planejam explorar vários novos projetos em conjunto.

A joint venture NMKV existente entre Nissan e Mitsubishi Motors foi desde 2011 e, após o sucesso do Dayz e Mitsubishi eK wagon que foi colocado à venda no Japão este ano, o empreendimento foi ampliado através da mais ampla Aliança Renault-Nissan.

A expansão permitirá que as três marcas compartilhem plataformas e tecnologias de última geração, com o foco em veículos elétricos e tecnologias avançadas. No entanto, os primeiros modelos a serem lançados sob a nova colaboração usaram o emblema Mitsubishi, porém baseados nas características da Renault . O primeiro será um modelo do segmento D semelhante em tamanho a um Passat da Volkswagen produzido exclusivamente para os mercados norte-americanos, enquanto o segundo será um Golf modelo em tamanho a competir no mercado global do segmento C.

Entre a Nissan e a Mitsubishi, os fabricantes irão co-desenvolver um carro pequeno e novo, incluindo uma versão elétrica específica que pode ser vendido em uma base global. Ele será baseado em um carro Kei desenvolvido em conjunto anteriormente (mais detalhes ainda não foram anunciados).

"Nissan e Mitsubishi Motors têm beneficiado em conjunto de várias colaborações no passado, mais recentemente, a bem sucedida joint-venture em carros Kei no Japão", disse o presidente e CEO da Aliança Renault-Nissan, Carlos Ghosn, "Congratulo-me com a direção a ser tomada para esta cooperação mais ampla, criando novas oportunidades para a Renault, além de alavancar ainda mais o relacionamento produtivo entre Nissan e Mitsubishi Motors."

O que o mercado espera de fato é que esta aliança possa trazer ao mercado, mais tecnologia, qualidade nos produtos desenvolvidos pelas marcas, além de design que favoreça a elegância e glamour dos carros.

Os apaixonados por carros não veem a hora de se deparar com os primeiros modelos nas ruas. Enquanto os últimos ajustes entre as marcas são feitos, ficamos de olho no que chegará ao mercado.

Por Jaime Pargan

Renault-Nissan-Mitsubishi

Foto: Divulgação


Nissan Qashqai 2014 – Lançamento e características


Outra imagem do Nissan Qashqai 2014 foi revelada antes de seu lançamento oficial agendado para o dia 7 de novembro de 2013.

Esta última imagem do novo Qashqai mostra mais detalhadamente os faróis agressivos com seta LED de luzes diurnas cromadas nos faróis de nevoeiro dianteiros e grade mais proeminente. A imagem do Qashqai revelada na última semana insinuava um modelo moderno e atrativo que criou muita curiosidade aos amantes de carros.

A Nissan descreve o carro como "um modelo que irá redefinir o setor de cruzamento e definir novos padrões em toda a linha".

"Reinventado a partir do zero, o novo Qashqai impulsiona os limites do design e inovação inaugurando o setor de primeiras tecnologias e introdução de novas ideias em todas as áreas", declarou o departamento de criação da marca.

O novo Qashqai será construído na fábrica de Sunderland da Nissan. O carro vai usar uma nova plataforma que também sustenta o novo X-Trail, que estreou no Salão Automóvel de Frankfurt, em setembro.

O Qashqai vai à venda no início de 2014 com valor estimado a partir de 20.000 libras.

Em suas aparições anteriores, o Nissan Qashqai foi visto em um protótipo conduzido em  Bedford na Austrália, perto de Cranfield (base de engenharia da Nissan). Em seguida foi visto no sul da França.

Apesar da camuflagem pesada, uma série de pormenores de concepção era clara. O novo Qashqai terá a sua inspiração a partir do conceito Hi-Cross revelado no Geneva Motor Show  em 2012, com elementos do conceito de Ressonância mostrado no Salão de Detroit, em janeiro, também. Faróis e grade dianteira maiores e mais ousados.

Haverá melhoramentos significativos para o interior. Andy Palmer, vice-presidente executivo da Nissan, já identificou a qualidade interior como uma área de grande melhora para o novo carro, por isso esperamos materiais plusher e uma disposição inteiramente nova.

Aos apaixonados por automóveis resta agora esperar a chegada deste novo atrativo no mercado automobilístico.

Por Jaime Pargan

Nissan Qashqai 2014

Foto: Divulgação


Nissan March – Preço diminui no Brasil


O March da japonesa Nissan definitivamente não é a escolha preferida dos brasileiros. Com apenas 2.725 unidades vendidas no mês de setembro, o modelo ficou em 23º lugar nas vendas nacionais. Mesmo com a posição ruim, o número representa um leve aumento de 3,42% nas vendas em relação ao mesmo período do ano passado.

A Nissan aparentemente sabe de que as coisas não vão muito bem para o popular que é importado do México e resolveu abaixar os preços do modelo no Brasil. Assim, a versão mais simples passa a ser vendida por R$ 26.290 ao invés de R$ 27.690. Já o modelo 1.6 SR, top de linha, sai por R$ 40.190; antes ele era vendido por R$ 41.590.

O Nissan March é o primeiro modelo popular a surgir no mercado automotivo brasileiro. A versão 1.0 possui 16 V e possui apenas 74 cv de potência numa rotação de 5850 rpm, câmbio manual de 5 marchas.

Apesar de possuir um estilo japonês bonito e moderno por dentro, ele não é páreo para o Volkswagen Gol, que já possui um sólido mercado nacional além de ter especificações bem mais avantajadas. A produção no México também não ajuda o veículo a se tornar concorrente, já que o consumidor procura fugir do IPI adquirindo um automóvel de produção interna.

Por Ebenézer Carvalho


Nissan Sentra – Descontos na Versão Antiga


O novo Sentra já está chegando às concessionárias e com isso, a versão antiga passa a ser comercializada com excelentes descontos. A economia na hora da compra pode chegar a R$ 6.000 em diferentes versões do modelo. Vale destacar que muitas lojas não possuem mais o Sentra antigo no estoque e estão aproveitando esse período para fazer a pré-venda do lançamento da Nissan.

De acordo com a montadora, a nova versão do Nissan Sentra custará R$ 7 mil a mais do que o antecessor. O modelo antigo era vendido pelo preço médio de R$ 72.000. Na cidade de São Paulo, as concessionárias oferecem descontos super expressivos para as últimas unidades do Nissan Sentra, sendo assim, na Capital Paulista os compradores podem pagar apenas R$ 66 mil pela versão top de linha.

No Rio de Janeiro, a versão SL custará em torno de R$ 67.000, preço justificado pelo potente motor 2.0 com 143 cavalos e câmbio automático. A versão top de linha custará um pouco mais em função dos itens como o conjunto de 6 airbags e o teto solar elétrico.

Mas a maior vantagem realmente é para a compra do modelo de partida, já que com o desconto, o carro ficou bem barato e passou a apresentar um excelente custo benefício. A versão de entrada custará R$ 47.000 e o automóvel vem equipado com câmbio manual de 6 marchas, airbags duplos e freios ABS.

Por Larissa Mendes de Oliveira Soares


Recall em modelos da Nissan – Problemas no sensor de acelerador


A temporada de recalls começou mais cedo este ano.

Após as coreanas Hyundai e Kia anunciarem uma série de convocações, agora é a vez da japonesa Nissan alertar seus consumidores a respeito de problemas no sensor de acelerador, que podem resultar numa aceleração reduzida e, em alguns casos, até mesmo no bloqueio total do motor.

Segundo a montadora, o Japão foi o país mais afetado pelo problema. Somente lá serão vistoriadas 768 mil unidades dos modelos Fuga, Lafesta, X-Trail e Serena, produzidos entre 2004 e 2013. Nos EUA serão recolhidos 98.300 veículos dos modelos, incluindo o Infinity M, correspondente americano do Fuga.

De acordo com o porta-voz da Nissan, Chris Keefe, a solução para o problema será a instalação de novos pedais no acelerador e reprogramação das unidades de controle do motor. Ainda segundo ele, todo o procedimento de reajuste deve levar em torno de uma hora e meia para ser concluído.

A empresa não divulgou mais informações a respeito dos riscos que o problema traz aos clientes, algo fundamental e previsto no código de proteção ao consumidor em vários países. No Brasil, as montadoras coreanas Kia e Hyundai foram notificadas pelo Procon por omitirem tais informações referentes ao recall.

A empresa japonesa não soube afirmar se o recall também atinge consumidores brasileiros da marca.

Por Ebenézer Carvalho


Nissan GT-R Midnight Opal – Novo carro que muda de cor


Nissan GT-R Midnight OpalComeçaram neste mês as vendas do novo modelo turbo da Nissan, o Midnight Opal que muda de cor.

Os americanos felizardos poderão adquirir a máquina  por um valor aproximado de US$ 106.000 (ou R$ 235.000).

O GT-R terá apenas 100 unidades produzidas em todo o mundo sendo que 50 delas serão vendidas nos Estados Unidos.

A mudança de  tom acontece conforme o ângulo e a visão, refletindo tons como magenta, vinho e dourado que se destacam em um degrade. O efeito ocorre de acordo com a luz refletida e a posição de quem  olhar.

Lindo e extravagante, o Special Edition GT-R Midnight Opal 2014 também tem a sua placa de identificação feita em ouro além do motor de 3.8 litros V6 com 545 cv de potência. As rodas são de liga leve e o novo modelo possui sistema onboard.

Como toda obra de arte, a máquina é pintada à mão e já é considerada um dos maiores lançamentos  da categoria edição limitada feitos pela  montadora japonesa.

Por enquanto, não existe previsão de exportação para o Brasil.   

Por Luciana Ávila


Nissan pode ser acusada de plágio


A empresa Nissan poderá entrar em uma batalha judicial, pois foi acusada de plágio. Isso ocorre, pois um dos principais financiadores de um projeto chamado DeltaWing, Dr. Don Panoz, informou ao portal Autoweek que pretende iniciar um processo contra a companhia japonesa por uma suposta imitação do cupê revolucionário.

De acordo com o executivo, "é conveniente para a Nissan desconversar a respeito desta questão. Porém, a grande verdade é que até no material de divulgação oficial da empresa há dados que admitem que o DeltaWing foi a inspiração do ZEOD RC, sendo que a companhia tem o projeto patenteado". Através de um de seus porta-vozes, a Nissan afirmou que está ciente a respeito destes boatos, mas que não foi notificada em nenhum momento sobre a questão.

As afinidades visuais entre os veículos são evidentes, com exceção das diferenças referentes ao formato. Isso ocorre, pois o ZEOD RC é pouca coisa mais largo na parte de trás e mais estreito na frente em comparação ao DeltaWing Coupe. É importante lembrar: a Nissan europeia já deu suporte de caráter técnico e financeiro para que o modelo DeltaWing pudesse competir em eventos automotores.

Nissan DeltaWing

Nissan DeltaWing

Nissan ZEOD RC

Nissan ZEOD RC

Por Marcelo Araújo


Nissan Note – Início da Produção na Europa


A Nissan começou a produzir o monovolume Note na Europa. A fabricação ocorre em uma unidade localizada em Sunderland (Inglaterra). Com o objetivo de abrigar a linha de produção do veículo, o complexo fabril foi alvo de investimentos na casa de US$ 199 milhões (cerca R$ 450 milhões) realizados pela montadora de origem japonesa.

De acordo com a Nissan, 400 novos profissionais foram contratados com o objetivo de garantir que o modelo atinja as demandas de mercado. Fora isso, 1.600 postos novos de trabalho surgiram no segmento automotivo da Grã-Bretanha com o começo da fabricação referente ao modelo Note.

A despeito do veículo americano, que apresenta somente um bloco 1.6 de 4 cc com 109 cavalos de potência, o modelo Note da Europa traz 2 opções para a motorização: propulsor 1.2 de 3 cc com 80 cavalos de potência e uma opção turbo com 98 cv.

Para o mercado brasileiro, o veículo será o substituto do modelo Tiida e do Livina de 5 lugares. O veículo será produzido em 2015, na futura unidade fabril da Nissan, que será localizada em Resende (Rio de Janeiro).

Por Marcelo Araújo


Nissan Datsun – Novo modelo será lançado no Brasil


Nissan DatsunCarlos Ghosn, presidente do grupo Renault-Nissan, confirmou a introdução do Datsun no mercado automotivo nacional. A Datsun é uma gama da Nissan de baixo custo que foi reanimada para alavancar as vendas da empresa em mercados emergente, o que inclui o Brasil e outros países da América Latina em que o carro será introduzido.

Com estratégias para a formação de uma gama completa referente a modelos médios e compactos, a Datsun apresenta por hora o hatchback GO, fabricado com base na plataforma do veículo March da Nissan. Com valores 25% mais baixos em comparação ao primo da mesma marca, o Datsun irá ter brevemente um sedan como companhia, focado no mercado russo, sendo seguido de um monovolume atento ao segmento da região sudeste da Ásia.

De acordo com Ghosn, por ser uma das nações emergentes da América, o Brasil fará parte da estratégia de vendas do Datsun e, para que a marca atinja mais consumidores, o país será um pilar fundamental. Segundo a Nissan, "a estratégia visa aumentar o conjunto de opções aos consumidores e fazer com que a empresa entre com força no segmento de veículos de baixo custo".

Por Marcelo Araújo


Nissan X-Trail – Novo Modelo , Nova Geração


No buchicho que se forma nos dias que antecedem o Salão de Frankfurt, a empresa Nissan revelou um pequeno e não muito informativo teaser referente à geração nova do modelo X-Trail. A marca escolheu revelar outros elementos do carro somente no tradicional evento alemão que começa dia 10 de setembro.

Só uma imagem da lanterna da frente foi divulgada. De acordo com especialistas do setor, o SUV irá ter 7 lugares, tornando-se o único da empresa com essa exclusividade.

No entanto, as informações mostram que o veículo irá perder a maior parte do design off-road e irá se tornar mais um crossover da marca de origem japonesa. Representantes da Nissan, negaram que as alterações no desenho e a adição de mais elementos de conforto irão deixar o X-Trail novo com maior vulnerabilidade nas trilhas por causa do sistema de tração integral opcional.

A motorização deverá vir como uma opção mais atual de 2.0 L (diesel). O mesmo deve acontecer com a parte interna do carro, que irá passar por melhorias inspiradas em Hi-Cross, conceito da marca, incluindo desenho e desempenho com qualidade em todos os equipamentos.

Por Marcelo Araújo