Chevrolet Trailblazer 2020 – Especificações, Lançamento


Novo modelo será comercializado no Brasil em 2020 na nova configuração Premier.

A Chevrolet, também conhecida como GM do Brasil, é uma das montadoras de carros mais antigas e, ao mesmo tempo, uma das mais famosas do mercado de automóveis da atualidade. A marca GM já fabricava, em 1908, o famoso Cadillac e também o Oldsmobile, que estava em fabricação desde 1897. Em 1911 a Chevrolet entrou no mercado, e no começo da história seu fundador, Louis Chevrolet, fazia concertos de bicicletas e também tinha uma promissora carreira como ciclista.

Muito tempo se passou e atualmente a Chevrolet é uma das marcas mais conhecidas de veículos. E fabricante do utilitário hatch mais vendido do Brasil, o Chevrolet Onix, que teve mais de 200 mil unidades emplacadas em 2018.

E agora a marca, que conta com três fábricas em território nacional, apresenta seu mais novo modelo: a Chevrolet Trailblazer 2020, que será vendida no Brasil no próximo ano.

O utilitário esportivo é fabricado pela marca desde 2012, e tem como a sua principal característica o porte médio-grande. Conta com três gerações e sempre teve um grande espaço interno, podendo levar até sete passageiros.

A grande novidade para o Trailblazer do próximo ano é a exclusão da versão LTZ. Agora o SUV vai ser comercializado apenas com a nova configuração Premier, sua versão conhecida como top de linha. Essa nova configuração deixa o modelo utilitário equiparado com modelos como o Equinox e Tracker, ainda que estes sejam um pouco mais acessíveis em comparação ao Trailblazer.

Ainda assim, o premier vai oferecer duas opções de motor para o usuário, um 3.6 V6 a gasolina com 279 cv de potência ou 2.8 a diesel de 200 cv de potência. Os motores apresentam entre 25,7 kgfm e 51 kgfm de torque, respectivamente.

Em questão de preços, o modelo movido a gasolina passará a custar R$ 193 mil. E a sua versão Turbo Diesel, R$ 235 mil. Os dois modelos apresentam tração nas quatro rodas e também uma transmissão automática em um câmbio de seis marchas.

As mudanças entre versões estão apenas sob o capô – em questão de motores e preço. Os itens de série serão iguais nos dois. Entre eles, alertas de colisão frontal, ponto cego, movimentação traseira e desvio de faixa. Em questão de segurança, o veículo traz conjuntos de airbags frontais, de cortina e laterais, controles de estabilidade e tração e também um sistema Isofix para prender cadeirinhas infantis nos bancos traseiros. Além de um assistente de partida em rampas (HSA) e descida (HDC). O motorista ainda vai contar com bancos de couro com ajustes elétricos, além de sensores de chuva e luz, câmera de ré e também uma partida remota por meio da chave.

O Trailblazer também vai incorporar atualizações em seu sistema OnStar, que agora vai permitir o motorista a executar diversas funções do carro pelo celular, até mesmo o bloqueio automático em caso de roubo ou furto. Em seu painel de central multimídia, a marca afirmou que será possível enviar indicações do serviço concierge diretamente para aplicativos de direção, como o Waze ou Google Maps. Pelo uso do sistema Android Auto – uma infraestrutura desenvolvida pelo Google, que permite que celulares com dispositivos Android executem este app móvel, com uma interface personalizada para serem usadas em um veículo. Por enquanto a função ainda não está liberada para os usuários do Apple Car.

As duas versões do SUV utilitário podem levar até sete ocupantes no total. Com mais de quatro metros de comprimento e um porta-malas que comporta entre 205 e 1.830 litros, dependendo da posição original dos bancos traseiros. E na hora da compra será possível escolher entre as cores: preto ouro negro, cinza graphite, branco summit, prata switchblade, vermelho edible berries e vermelho chili. O SUV apresenta uma combinação entre performance, tecnologia, design, segurança e conforto para toda a família.

Por Stephanie de Quadros

Chevrolet Trailblazer 2020


Chevrolet Cobalt 2020 – Novidades, Mudanças e Preço


Modelo perde versão para a chegada do Onix Sedan.

Tendo em vista a preparação para a chegada do mais novo sedan da montadora da gravata de ouro, o Onix, a Chevrolet já iniciou as mudanças em sua gama de produtos. Desta forma, a própria fabricante ressaltou que o modelo Chevrolet Cobalt em sua linha 2020 irá perder uma de suas versões. Sendo assim, a versão que anteriormente era a topo de linha, conhecida como Elite, terá sua fabricação descontinuada.

De acordo com informações da fabricante americana, na última quarta-feira, dia 26 de junho, o novo lançamento com carroceria sedã já teve seu lançamento realizado. Ainda que tenha sido lançado, os preços das respectivas versões não foram divulgados ainda pela marca. Além do modelo ter tido suas variantes diminuídas, o veículo sedã também não sofreu nenhuma alteração em desenho se quer.

Com essa novidade, o Cobalt na linha 2020 será comercializado somente nas opções LTZ e também na LT. Esta segunda versão não é mostrada no site comercial da empresa, a qual ainda continua a apresentar a atual linha do modelo. Entretanto, esta já existia e inclusive era comercializadas para frotistas.

A Chevrolet, com o modelo novo, quem sabe passe a comercializar o mesmo para todo o público. Por enquanto as informações que se tem das configurações, conforme o material que a marca utilizou para divulgar o sedã, é que o Cobalt em sua variante LT deverá ser acessível e completo. No entanto, a opção LTZ, que possui alguns itens a mais, será sofisticada e contará com total conectividade.

De acordo com os comentários de Rafael L. Santos, o qual ocupa a posição de diretor de vendas da General Motors, o modelo Cobalt é um veículo bem estratégico e competitivo dentre os automóveis que compõe o portfólio da marca. Ainda contou que o sedã ainda soma a reputação reconhecida entre os clientes deste mercado que mescla públicos diversos, como PcD, taxistas, além de frotistas, empresas e também clientes corporativos, os quais acabam geralmente optando por um carro que ofereça um valor agregado maior.

Ainda conforme informações divulgadas pela própria montadora estadunidense, para consumidores destas categorias são destinadas aproximadamente três quartos de suas vendas.

O Cobalt na linha 2020 continua também com as mesmas variantes quando se trata de motorização, sendo o de 1.4 e o de 1.8 litros. Ambos ainda podem ser acoplados a uma caixa de transmissão automática ou manual, as duas sendo de duas velocidades. O de menor cilindrada rende 106 cavalos e um torque de 13,9 kgfm. Já o segundo é capaz de gerar 111 cavalos de potência em 5200 giros, com um torque de 17,7 kgfm em 2600 rpm.

O novo Colbalt deverá dividir espaço com o Onix Sedan

Diversas pessoas já especulam se o Cobalt 2020 não acabará saindo de de linha devido o desembarque do Onix Sedan no mercado, o qual já é comercializado no mercado chinês. Os dos contam com dimensões bem parecidas. Além do mais, com a entrada do novo Onix Sedan, a General Motors irá passar a somar, ao todo, quatro veículos de carroceria sedã em sua gama, o que a princípio pode parecer um pouco exagerado, ainda mais para uma momento em que, na maioria, o público acaba tendo mais interesse em veículos do tipo SUV.

Embora se questione muito sobre esse fato, não existe a confirmação ainda sobre qual será o destino final do sedã, e continua com a possibilidade de que o mesmo irá continuar a ser produzido, por um certo tempo, visando atender a necessidade dos mais variados públicos e também de frotistas, assim como foi elencado pelo próprio diretor de vendas da montadora.

FILIPE R SILVA


Novo Corsa 2020 terá Versão Elétrica


Modelo contará ainda com versões movidas a Gasolina e Diesel.

O famoso Chevrolet Corsa, que já foi um nome bem importante na vida dos brasileiros, ainda segue com força no mercado europeu. Como foi realizada a venda da Opel pela General Motors para o Grupo PSA, a montadora necessitava apresentar para o público que o veículo hatch ainda continua vivo e também renovado para que assim pudesse se fortalecer diante da grande concorrência presente no mercado do velho mundo. Tendo isso em vista, a marca acabou por apresentar a mais nova geração do hatch Corsa em sua linha 2020, a princípio em sua versão elétrica, e só então chegou a mostra o modelo em sua variante convencional, passando-se quase um mês.

O design não chegou a ser nada surpreendente já que o mesmo foi visto no mês de maio, momento em que se revelou o Corsa-e. Sendo assim iremos apresentar o modelo no quesito mecânica. Ainda que o modelo já se encontre pronto para um futuro próximo e disponibilize uma opção totalmente elétrica, o compacto contará ainda com uma opção com motor a combustão, fazendo uso de um propulsor aspirado de 1200 cc, o qual possui a capacidade de gerar uma potência de 75 cavalos, sendo a mesma encontrada no Peugeot 208.

A variante será a básica do Chevrolet Corsa e irá funcionar de maneira exclusiva com uma transmissão manual de 5 velocidades. Os clientes interessados a obter um motor com maior potência terá a oportunidade de selecionar as opções turbo, nas variantes com propulsor capaz de gerar 100 cavalos e torque de 20,9 kgfm, ou então a versão com 130 cavalos e 23,4 kgfm de torque. A opção intermediária faz uso de um câmbio manual com 6 velocidades, ou então uma automática com 8 marchas como opcional. Por fim, a versão topo de linha, que conta com 130 cavalos, será comercializada apenas com a caixa de transmissão automática, a qual consegue acelerar de 0 a 100 quilômetros horários em apenas 8,7 segundos, chegando a uma máxima velocidade de 188 quilômetros por hora.

O novo Corsa, além de possuir a variante totalmente elétrica e as outras três opções com um motor movido a gasolina, ainda irá contar com uma opção que será movida a diesel, sendo um turbo com 1.5 litros, com capacidade de produzir 102 cavalos de potência e 25,5 kgfm de torque.

Desta forma, a opção tradicional e a variante elétrica irá ser dotada de faróis com LED matrix, sendo a marca de estreia desta tecnologia neste segmento. Como opcionais terão as luzes que são adaptativas e fazem uso de 8 elementos em lâmpada de LED que atua de forma conjunta na parte frontal do modelo com uma câmera que possui alta resolução, fazendo com que ocorra a alteração de intensidade da sua iluminação focando na garantia da visibilidade certa em qualquer horário.

O compacto germânico, em sua versão mais leve, tem o peso de apenas 980 quilos. O veículo possui a marca de 4,06 metros em seu comprimento, medida igual a encontrada na geração anterior, ao tempo que o seu teto teve uma baixa de 48 mm sem que nenhum impacto negativo fosse causado no espaço destinado as cabeças, isso porque os assentos localizados na dianteira também foram rebaixados em 28 mm, de acordo com a marca.

O veículo será comercializado nas variantes Elegance, GS Line e Edition. Num próximo momento a marca irá lançar as versões esportivas OPC e GSi, as quais chegaram para concorrer com com o Volkswagen Polo GTI e também o Ford Fiesta ST.

FILIPE R SILVA


Fim do Chevrolet Camaro em 2023


Modelo não deve ter nova geração em 2023.

De acordo com informações do site norte-americano Muscle Car and Truck, um grande nome da Chevrolet está com os “dias contados”, pois vai se aposentar em 2023. Estamos falando do Camaro, que começou a ser vendido no dia 29 de setembro de 1966 para o ano/modelo de 1967. O carro foi criado para competir com o Ford Mustang.

Muitas fontes dentro da GM confirmaram ao site americano que a sétima geração do Camaro, que já estava em desenvolvimento, foi suspensa e o modelo será descontinuado depois de 2023. Não podemos garantir que o carro será extinto para sempre, mas podemos dizer que haverá novamente alguns anos sem lançamento de novos Camaros.

Mesmo destino dos Cadillacs

O Camaro atual, o modelo de sexta geração, utiliza a plataforma “Alpha”, que é a mesma que o Cadillac ATS e o CTS usavam. Ambos estão sendo descontinuados e serão substituídos pelos Cadillacs CT4 e CT5. Os Cadillacs farão uma transição para uma nova plataforma, chamada A2XX. De acordo com fontes que o site americano tem, o Camaro não fará a transição para a plataforma A2XX.

Esse tipo de descontinuação já havia acontecido com a quarta geração do Camaro, que teve seus últimos carros saindo da linha de montagem em 2002.

Tudo ficou tranquilo até 2006, quando a Chevrolet reviveu o nome do Camaro em um carro conceito, que deixou as pessoas em êxtase.

Esse carro-conceito acabou se tornando o extremamente popular Camaro de quinta geração, que foi responsável pela volta da produção do Camaro em 2009.

Sucesso instantâneo

O Camaro de quinta geração foi um sucesso instantâneo, com vendas regularmente ultrapassando as 80 mil unidades por ano. Simplificando, o Camaro lutou consistentemente contra o Ford Mustang pela liderança nas vendas juntamente com o maior, mas igualmente icônico, Dodge Challenger.

Sexta geração (a atual)

O Chevrolet Camaro de sexta geração foi lançado no outono de 2015 [do hemisfério norte], como um modelo de 2016 e foi comercializado como sendo mais leve, mais elegante e mais atlético do que a geração anterior. No entanto, ele é mais apertado por dentro e mais caro.

Sinais da queda

Havia sinais de alerta de que o Camaro estava por um fio. Eis alguns deles:

1 – A recepção da crítica e dos entusiastas sobre a atualização de design do Camaro 2019 não foi apenas negativa, foi hostil. Depois dos comentários furiosos em todas as redes sociais, as vendas até agora afundaram ainda mais.

2 – O feedback de uma pesquisa que perguntou aos clientes donos de Camaros sobre possíveis futuros motores, incluindo um híbrido V8, pode não ter sido tão positivo quanto a Chevrolet esperava. Lembre-se, o Camaro de sexta geração já está enfrentando pressão de preços.

3 – O engenheiro-chefe do Camaro, Al Oppenheiser, foi designado para um programa de veículo elétrico, enquanto outras figuras notáveis ​​do time de Camaro também receberam novos trabalhos. Isso deixou uma equipe esqueleto para supervisionar o restante do ciclo de vida do Camaro.

4 – O atual slogan pós-modernista da GM de “zero batidas, zero emissões, zero congestionamento” está em desacordo com vários princípios fundamentais que o Camaro simbolizou para seu público entusiasta. É quase impossível imaginar um mundo onde um Camaro elétrico conduza seus ocupantes por uma rodovia autônoma, já que poderia representar (na imaginação de seus donos) uma manipulação das décadas que o Camaro representava a Liberdade Pessoal.

Aos fãs do Camaro só resta esperar e ter esperança na volta do clássico da Chevrolet. Resta também imaginar como seria um modelo de sétima geração do clássico! Será que a adoção de um modelo elétrico tiraria a "graça" do Camaro?

Por Bruno Rafael da Silva


Novo Onix Sedan 2020 terá Motor 1.4


Confira aqui as principais novidades do Novo Onix Sedan 2020.

A Chevrolet não poderia estar mais orgulhosa de seu último modelo hatch. O Chevrolet Onix é sucesso de vendas na categoria dos compactos. Inclusive foi o hatch mais vendido em 2018, com mais de 200 mil unidades emplacadas, mais que o dobro do que o segundo colocado, que teve apenas 105 mil unidades emplacadas em todo o ano.

O compacto está no catálogo da Chevrolet desde 2012, quando foi apresentado no Salão do Automóvel de São Paulo daquele ano. A grande missão do Onix era substituir outros dois queridinhos da marca, o Corsa e o Celta. Existe nas versões Joy, LT 1.0 ou 1.4, LTZ 1.4 (com opções de câmbio manual ou automático) e a versão active, aventureira.

O modelo Chevrolet Prisma, pode ser considerado, atualmente, a versão sedã do compacto Onix. Apesar de ter sido lançado em 2006, alguns anos antes do aparecimento do Onix, a sua segunda versão, que foi lançada em 2013, já utilizava a base da carroceria do Onix. O Prisma, ainda, foi totalmente desenvolvido no Brasil, tendo um leve apelo esportivo, ainda sendo um sedã mais popular. Em sua primeira geração contava com um motor 1.4 flex, com 89 cv e torque de 13 Kgf/m.

O novo Onix Sedã

O sucesso inesperado do Onix foi tamanho, que o Prisma passará a ser oficialmente a sua versão sedã. A novidade foi anunciada pela Chevrolet, que pretende lançar o carro inicialmente no mercado chinês, com valor inicial de 99 mil yuand, cerca de R$ 57 mil. Esse será o preço da versão do Onix sedã Redline, que conta com um motor 1.0 Turbo com três cilindros, e entrega 125 cavalos de potência.

A versão chinesa, ainda, vai contar com uma transmissão automática de seis marchas e mudanças manuais através de um botão na própria alavanca. O sedã ainda consegue garantir 0 a 100 km/h em 10 segundos e conta com a velocidade máxima em 180 km/h.

Em seus adicionais conta com quatro airbags, dois frontais e dois nas laterais, também conta com controle de tração, controle de estabilidade, sensor de pressão nos pneus, assistente de rampa , além de um novo sensor de estacionamento traseiro.

A versão Redline também apresenta direção elétrica, ar condicionado, central multimídia, teto solar elétrico, chave canivete com controle, trio elétrico completo, sistema Bluetooth, duas entradas USB, além da entrada auxiliar e câmera de ré.

Depois do lançamento na China, a General Motors vai preparar o lançamento de versões menos potentes para os próximos mercados, consequentemente a versão será mais barata que a versão chinesa. Para o lançamento no Brasil, será usado, provavelmente, o motor 1.0 turbo, abaixo da versão atual da China, com seu motor 1.4.

O motor 1.4 do Onix Sedã gera 103 cv de potência, agindo com gasolina, é uma diferença de cerca de 5 cv comparado com o motor do Prisma nacional, que tem 106 cv de potência agindo com etanol. O documento oficial que relata todos os detalhes técnicos do veículo, ainda aponta que o consumo é de 20 km/litro.

Não existem notícias, porém, se a novidade um dia chegará ao Brasil. A única certeza é que os modelos Prisma, tanto 1.0 quanto 1.4 continuarão no mercado nacional. Mas a fabricante não tem intenção de apostar em uma motorização abaixo do 1.0 turbo para as novas versões do seu sucesso de vendas, Onix.

O modelo brasileiro provavelmente será lançado até o fim deste ano, juntamente com sua versão Hatch, que será chamada de Onix Plus. Para o próximo ano, a Chevrolet tem planos de lançamento do novo Tracker, que será produzido em São Caetano do Sul, São Paulo. Os dois modelos Onix, vão ser mantidos na montadora de Gravataí, no Rio Grande do Sul.

Os novos Onix deverão entrar no mercado com o motor 1.0 turbo e câmbio automático, levando os atuais modelos Onix e Prisma para a configuração Joy.

Basta aguardar que a novidade continue sendo um sucesso das vendas, como o Onix já tem sido.

Stephanie Caroline Meyer de Quadros


Chevrolet Montana 2020 – Novidades e Preço


Modelo deve chegar às concessionárias com preços a partir de R$ 54 mil.

Batendo uma marca de 750 mil unidades produzidas, a montadora Chevrolet faz com que o modelo Montana chegue a sua linha 2020 com valores que iniciam em R$ 54.290. Esse número de veículos produzidos coincidiu com o desembarque da nova linha do modelo desenvolvido pela GM para o mercado brasileiro, marca atingida com as picapes fabricadas desde o ano de 1983, onde a primeira delas ficou conhecida como Chevy 500, a qual se derivava do Chevette e teve sua produção descontinuada no ano de 1995.

A picape pequena da montadora americana tem seu projeto atual derivado do modelo Chevrolet Agile, o qual apareceu no mercado em meio a crise que acabou por levar a marca à concordata nos Estados Unidos. Assim que o hatch chegou ao seu fim, modelo este que era baseado no Chevrolet Celta, a sua variante ainda acabou por continuar no mercado.

Contando com uma capacidade útil de carga de 756 kg, a Montana em sua linha 2020 será comercializada no mercado brasileiro em duas versões, sendo a Sport e a LS, onde a primeira é vendida pelo valor de R$ 65.090. Sendo a quarta geração de picapes pequenas desenvolvidas pela GM em território brasileiro, depois da Chevy 500, da Corsa Pickup, da Montana “C” e também do atual modelo, o veículo tem como foco os clientes que desejam usa-la para trabalho e desta forma sua concepção acaba por ser bem simples.

A pequena picape vem construída com um motor longevo de 1.4 litros e com 8 válvulas, possuindo quatro cilindros, os quais possuem a capacidade de gerar uma potência de 94 cavalos ao ter seu tanque abastecido com gasolina e uma potência de 99 cavalos ao fazer uso de etanol. A Montana linha 2020 possui ainda um torque de 12,9 e de 13,0 kgfm, com seus respectivos combustíveis, os dois alcançam tal marca assim que o motor atinge 3.200 rotações por minuto. Dotado de uma caixa de transmissão manual com cinco velocidades e tração em seu eixo dianteiro, a caminhonete conta com uma litragem de 1.152 em sua caçamba de carga e uma capacidade de armazenar 49 litros em seu tanque.

O diretor de Vendas da General Motors, Marcelo Tezoto, conta que no caso deste modelo a maior parte dos consumidores acabam sendo os pequenos comerciantes, atingindo uma marca de 45% dos clientes e os prestadores de serviços são 25% desta cota, os quais precisam realizar o transporte de pequenas cargas em trecho urbano com uma certa agilidade, além de ter um custo baixo custo.

Com um desenho obsoleto, a nova Chevrolet Montana chega a linha 2020 sem nenhuma novidade. Sendo assim continua equipada com ar condicionado, direção hidráulica de série, travas e vidros elétricos, sensor de estacionamento, sistema de áudio, piloto automático, airbag duplo, capota marítima, entre alguns outros itens.

Com lançamento no ano de 2010, a atual Chevrolet Montana, por incrível que pareça não deriva da versão anterior, a qual era moderna construída em cima da plataforma do Opel Corsa que foi nacionalizada, sendo desenvolvida sobre a base do modelo Corsa B dos longínquos anos 1990, porém que foi simplificada por meio do Chevrolet Celta.

Na retrospectiva, o ano que melhor se comercializou a Montana foi 2012, período que contou com 48,5 mil veículos emplacados. Do ano seguinte em diante as vendas tiveram uma forte queda ano após ano, menos o período de 2016 para o ano de 2017, onde tiveram um aumento de 14,8 mil para a marca de 14,9 mil veículos licenciados. Já no ano passado somente foram comercializadas 13,1 mil unidades. As concorrentes principais no mercado são a Volkswagen Saveiro e a Fiat Strada

FILIPE R SILVA


Novo Corsa Elétrico 2020 – Lançamento e Novidades


Modelo será 100% elétrico e com autonomia de até 330 km.

Apesar de ter sido anunciado a sua saída do mercado de automóveis no mundo todo, o Novo Corsa, agora anunciado para o ano de 2020, ressurge com muitas novidades em todos os aspectos que prometem surpreender os milhares de consumidores que sempre foram fiéis a seu estilo.

Depois de muita especulação e boatos desencontrados, a fabricante alemã, a Opel, anunciou nesta quinta-feira, dia 23 de maio, a estreia da nova versão que chegará ao mercado após incorporar os mais modernos conceitos de tecnologia automotiva.

Um dos maiores destaques do novo veículo será a sua nova plataforma de concepção, agora herdada completamente de outro sucesso de vendas, o Peugeot 208.

Entretanto, uma das grandes novidades é a adoção por completo de um sistema de eletrificação como base para o seu funcionamento. É tanto que a nova versão já foi batizada de Corsa-E .

Inicialmente, o plano da montadora é verificar como deverá ser a aceitação, por parte dos consumidores do novo modelo, bem como o comportamento do veículo nas grandes cidades e rodovias.

De antemão, a Opel já anunciou a intenção de lançar também os modelos movidos a gasolina e também a diesel. Ambos com projetos já engatilhados para 2020.

O lançamento do novo Corsa 2020 também coincide com o ressurgimento de sua fabricante, a Opel, no cenário automobilístico mundial e com a tentativa de introduzir no mercado o conceito de carros que possuam um sistema de alimentação bem mais limpo e mais econômico.

Apesar das estratégias feitas pela empresa na tentativa de esconder ao máximo a grande novidade, as fotos ‘vazaram’ na internet e a marca não teve como voltar atrás e decidiu assim divulgar a grande novidade.

O novo Corsa ressurge na sua sexta geração incorporando novos conceitos e uma nova concepção de estilo bem mais moderna , sendo considerado um tanto mais esportivo. Nas fotos, apesar de mostrar o modelo de quatro portas, o novo Corsa é bem mais leve e mostra que deixou para trás o ar bem mais comportado do antigo e clássico visual de Sedan.

Mas, falando sobre a sua alimentação do tipo elétrica, o novo modelo possui um sistema de motor movido a este tipo de energia e que é capaz de proporcionar cerca de 136 cavalos de potência, fazendo com que ele vá de 0 a 100 Km/h em cerca de segundos.

Para um sistema de alimentação deste tipo, o veículo é capaz de rodar cerca de 330 Km/h sem precisar recarregar e ele vem equipado com um sistema de carregamento que permite que o carro atinja metade desta capacidade em apenas meia hora de recarga. Aos consumidores, a Opel disponibilizou um aplicativo que permite ao condutor monitorar em tempo real, a situação de carga de seu sistema e avisa sempre quando ele entrar em estado crítico.

Com medidas mais esportivas, o novo Corsa 2020 vai chegar ao mercado bem mais baixo, apesar de ter conservado as mesmas medidas da sua geração anterior, a hatch.

Apesar de ter sido anunciado somente para 2020, o novo modelo já estará com vendas anunciadas para o final de 2019, atendendo a uma grande demanda do mercado europeu, o primeiro continente que já vai poder reservar os seus novos modelos.

Sem data definida para os outros países, inclusive o Brasil, o novo Corsa 2020 só vai poder ser visto por meio de suas imagens que já estão inundando os sites especializados na internet.

Quem quiser ter um daqui a dois anos, é bom ir preparando o bolso desde já, pois quem acompanha o mercado automotivo sabe que toda novidade sempre vem de mãos dadas com um preço bem mais caro.

Emmanoel Gomes


Nova Chevrolet S10 2020 – Novidades e Preço


Picape S10 2020 tem mudança no sistema multimídia e possui 6 versões.

A picape Chevrolet S10 2020 é uma ótima máquina. Ela tem potência, beleza, resistência e modernidade. Esse lançamento da Chevrolet tem como principal objetivo alcançar o maior número de usuários. A Chevrolet S10 2020 vem com mudanças na parte multimídia e tem uma maior conectividade. Além de ter opções de versões para diferentes gostos, esse carro conta com muitas funções importantes e que tornam o dia a dia bem mais fácil. Veja agora as principais informações da Nova Picape Chevrolet S10 2020.

Picape com design moderno

O design desse carro é um detalhe bem importante. Ele é bem moderno e chamativo. Suas lanternas de LED dão um grande destaque para esse carro. Sua carroceria espaçosa chama muita atenção e serve para carregar diferentes tipos de cargas.

Sobre a motorização do Chevrolet S10 2020

O motor dessa picape é bem potente e consegue manter uma boa motorização. É claro que esse modelo de carro já foi projetado para aguentar o tranco da estrada e também rodar bem com o peso variado de carga. Ele te dá a opção de 2 motores que são 2.8 turbo diesel e 2.5 SIDI Flex. A transmissão pode ser automática com opção de 6 marchas e manual. Ambas são de ótima qualidade e ajudam a oferecer ao motorista uma ótima dirigibilidade. A potência máxima com o motor Flex é de 206 cv. Já o motor diesel oferece a potência máxima de 197 cv. Com essas informações já dá para ter uma noção que essa máquina pode oferecer muita adrenalina na pista. Por isso o ideal é dirigir com muita cautela e dessa forma evitar algum tipo de acidente. O motorista precisa ter alto controle, principalmente se gostar de correr em 4 rodas.

Sistema de multimídia com novidades

O sistema de multimídia dessa picape traz mudanças e isso anima mais ainda quem está interessado nessa máquina. Seu sistema multimidia agora conta com MyLink, que é compatível com sistema Android Auto e CarPlay. Essa mudança já estava sendo aguardada por quem conhece a marca. Era necessário um reparo nessa conectividade da picape Chevrolet S10 2020. Assim fica bem mais fácil aproveitar a modernidade desse carro.

Mudanças na parte interna

Vale apena ressaltar que a parte interna dessa picape sofreu uma pequena mudança que é: O apoio de cabeça central no banco traseiro, que pode ser visto na picape com cabine dupla. Pode até parecer uma bobagem, mais isso torna a viagem bem mais confortável para os usuários que estão sentados na parte traseira desse carro, e é um ponto positivo para quem sentia falta desse detalhe na versão anterior.

Diferentes opções de cores

Esse novo lançamento da Chevrolet também traz mais uma novidade bem legal, que são as variadas opções de cores dessa picape. Muitos usuários de carro acham um erro as marcas comentem não aumentarem esse leque de opções. Pois muitas pessoas não querem escolher um carro que tem apenas cores padrão ou poucas cores, mas na falta de opção acabam comprando o carro assim mesmo. Pensando nisso, a Chevrolet traz a S10 2020 com as seguintes opções de cores: Preto ouro Negro, Vermelho Chile, Branco Summit, Cinza Graphite, Azul Old Blue, Prata Switchblade e Vermelho Edible Berries. Com tantas opções incríveis, fica até difícil escolher uma só.

Valor da picape

O valor dessa picape segue a mesma linha e não vai impactar tanto assim. O valor da versão de entrada fica por R$109.590. Já a versão mais top está por R$195.490. Cada versão tem suas suas diferenças e informações. O usuário vai escolher aquela que tem mais haver com seu perfil. Todas são de extrema qualidade.

Agora é só escolher uma e usufruir de tanta modernidade!

Escrito por Cristiane Amaral


Chevrolet Spin 2020 – Preços, Novidades e Nova Versão Premier


Confira aqui todos os detalhes sobre o Novo Chevrolet Spin 2020.

As novidades que a General Motors anunciou recentemente sobre a minivan Chevrolet Spin 2020 não foram das mais animadoras. Além de uma mudança de nome de categoria e o encerramento de uma das versões (Activ) do modelo, os preços também foram alterados… para cima. Veja a seguir as últimas atualizações sobre esse novo produto do mercado automotivo.

Categoria top de linha da Chevrolet Spin 2020: agora, é Premier

A primeira mudança que notamos na Chevrolet Spin 2020 é o nome da categoria mais sofisticada. Anteriormente conhecida como LTZ, ela passou por uma mudança de nomenclatura e será conhecida como Premier, de modo que seja possível destacar seus atributos de veículo premium.

Outro veículo da General Motors teve uma uma mudança assim, além da Chevrolet Spin: o SUV compacto Tracker também possui uma nova linha Premier. Em breve, essa alteração será realizada em outros modelos da marca Chevrolet.

A Chevrolet Spin Activ de 5 lugares não será mais fabricada

Mais uma novidade relacionada à Chevrolet Spin 2020 é que a versão Activ de 5 lugares não será mais disponibilizada e já não aparece mais no site da marca. Aquela que é considerada a “versão aventureira” do modelo estará disponível apenas com 7 lugares para aqueles que fazem questão de comprar a versão mais atualizada do veículo.

Com isso, a Chevrolet Spin Activ reforça ainda mais a sua proposta de apresentar uma alternativa que possa ser considerada uma boa opção de veículo abaixo dos R$ 100 mil para quem procura uma minivan que possua 7 lugares.

Essa mudança, na prática, representa apenas a mudança de nome dessa categoria específica, já que os aspectos do carro permanecem inalterados. Vamos demonstrar na sequência os atributos gerais da Chevrolet Spin 2020.

Quais serão, afinal, as versões da Chevrolet Spin 2020?

O que teremos no mercado para a Chevrolet Spin 2020 serão as versões LS, considerada a mais “simples”, LT, Premier e Activ7 (nome para reforçar a exclusividade da versão de 7 lugares do modelo Activ).

Todas as versões da minivan Chevrolet Spin 2020 possuem configurações semelhantes, com um motor 1.8 de 111 cavalos a 5.200 rpm e, além disso, 17,7 kgfm a 2.600 rpm. Ele pode com transmissão manual ou automática, sendo que ambas têm 6 marchas.

O aumento de preço pode ser considerado o principal ponto negativo

Um dos aspectos mais polêmicos quando se trata do mercado automotivo é, sem sombra de dúvidas, o preço. Para quem planeja comprar uma Chevrolet Spin 2020, as mudanças nos valores de todas as versões podem interferir nisso. Veja a seguir os detalhes sobre os novos preços para entender do que se trata.

A versão de entrada da Chevrolet Spin 2020, a Spin LS 1.8 MT6, foi de R$ 67.590 para R$ 68.790, o que representa um aumento de R$ 1.200. A Spin LT 1.8 MT6, que custava R$ 72.090, passou a ter o valor de R$ 73.390, resultando em um aumento de R$ 1.300.

A renomeada Spin Premier 1.8 MT6 custava R$ 82.990 e, atualmente, é anunciada por R$ 84.390. A versão 1.8 AT6 da Spin Premier também sofreu alterações. O valor dela subiu de R$ 86.590 para R$ 87.990. Por fim, a Spin Activ7 1.8 AT6, que se tornou a representante exclusiva do modelo para aqueles que curtem um estilo de veículo mais aventureiro, tinha o valor de R$ 88.590 e agora custa R$ 89.990. Para os últimos 3 veículos, o aumento de valor foi de R$ 1.400 em cada um.

Esperamos que este artigo possa te ajudar na tomada de decisão para a compra de um veículo entre os novos lançamentos, como uma das versões da minivan Chevrolet Spin 2020. Conhece alguém que está passando por isso ou é fanático pelo universo automotivo e adora acompanhar novidades como estas? Compartilhe o artigo com eles!

Ricardo de Almeida Ramos


Novo Tracker 2020 – Novidades no Interior do Carro


Confira aqui o que há de novo dentro do Tracker 2020.

Quem é o Chevrolet Tracker

O utilitário esportivo Chevrolet Tracker começou a ser produzido há quase 31 anos (no final de 1988) no Japão com a parceria da General Motors do Canadá com a japonesa Suzuki. O primeiro modelo foi lançado em 1989. Mas o carro não chegou ao Brasil até a Década de 2000, tendo começado a ser vendido em 2001. Embora o Tracker tenha sido descontinuado nos EUA e no Canadá, ele continuou as vendas no México e no Brasil, embora o modelo tenha sido renovado em 2005. Para o modelo de 2006, o logo da GM foi adicionado nas portas da frente.

E o novo Tracker?

As importações do México serão interrompidas, pois o Tracker será produzido no Brasil em 2020. As imagens do novo Tracker foram divulgadas na China.

O Salão de Xangai tinha mostrado o modelo somente por fora. Essa nova geração vai vir com tela de 8 polegadas (20 cm) de diagonal. Essa tela é denominada de multimídia flutuante, da mesma forma que no Ford EcoSport.

Volante

O logo da Chevrolet aparece no centro do volante com cor escurecida. Está preto, na cor do volante. Se o mesmo padrão for utilizado no Brasil será inédito. Do lado direito do volante encontramos os comandos de rádio e telefone, já do lado esquerdo podemos encontrar o limitador de velocidade, piloto automático e outras funções. O volante tem revestimento em couro e base achatada.

Materiais

As extremidades do painel e as saídas de ar centrais ganharam materiais “soft touch” (toque macio), pelo menos no exemplar chinês é assim, e não há motivos para acreditar que não será assim nos mercados dos outros países. As maçanetas da parte interna do carro e os direcionadores de ar ganharam acabamento em cromo (prateado).

Trocas de marchas manualmente

Se a pessoa atrás do volante quiser trocar as marchas manualmente ela poderá utilizar os botões localizados na alavanca do câmbio automático, que estão lá para essa função.

Painel de instrumentos

O painel de instrumentos do Tracker 2020 tem um visual limpo e transmite leveza ao motorista. Ele conta com uma pequena tela de 3,5 polegadas (8,9 cm) de diagonal no centro do painel, servindo como um computador de bordo; essa pequena tela está localizada entre os dois mostradores analógicos, que mostram a velocidade e a rotação do motor.

Porta-malas e teto solar

Se o motorista desejar o conforto do teto solar terá que optar pelo modelo mais completo. Mas a opção do porta-malas maior é para todos os modelos. O porta-malas do modelo 2020 terá capacidade de 390 litros e com os bancos abaixados ele vai para 1.344 litros! Lembre-se que atualmente o modelo tem porta-malas de 306 litros, aumentando para 735 litros com os bancos abaixados.

Dimensões e motor

O SUV tem um comprimento considerado médio. As dimensões são as seguintes:

  • Comprimento: 4,27 m
  • Altura: 1,60 m
  • Largura: 1,79 m
  • Entre eixos: 2,57 m

O motor [pelo menos na China] será de três cilindros com volume de 1.0 L turbo. O motor terá potência de 115 cavalos (85 kW).

Lançamento só na próxima década?

A resposta para essa pergunta é “sim”. Os brasileiros só vão ver o carro sendo dirigidos pelas ruas tupiniquins no ano de 2020. O motivo disso é que agenda da Chevrolet está lotada para 2019. Ainda há alguns lançamentos de modelos globais marcados para o ano de 2019. Podemos citar como exemplo o Onix Sedan, que tem estreia para 2019.

Falando em próxima Década, já podemos especular que a Década de 2020 será a Década da super expansão dos SUVs na maioria dos mercados do Ocidente (e alguns do Oriente). Eles já começaram a tomar o lugar dos Sedans em meados da Década de 2010 e a previsão de alguns analistas é que a expansão vai continuar.

Por Bruno Rafael da Silva


Novo Chevrolet Onix Sedã – Novidades do Substituto do Prisma


Confira aqui as principais informações já confirmadas sobre o novo Chevrolet Onix Sedã 2020.

Sabemos que o Chevrolet Prisma, será substituído pelo novo Chevrolet Onix Sedã e com isso, muitos burburinhos surgem nas mídias e viemos explicar tudo direitinho, sobre o que sabemos de verdade sobre o assunto.

O modelo será realmente um pouco diferente do anterior, por isso dá para ter uma ideia do que esperar no novo modelo que deve seguir a mesma linha da geração dos compactos da General Motors. Para conferir 10 coisas que sabemos sobre o Novo Prisma, continue lendo.

1. O nome muda

Os executivos vêm tratamento o novo carro como Onix Sedã, por isso é muito provável que o seu nome realmente mude e seja mantido assim também aqui no Brasil. Segundo a General Motors, o carro terá outra missão e como carro deve permanecer dentro da linha Joy, mas agora é um sedã compacto. Perfeito para tapar o buraco que existia entre o Onix e o Chevrolet Cruze.

2. Tamanho do carro mudou

O tamanho do carro mudou para agradar os chineses, possui versões mais alongadas, o que garante muito espaço interno, e acaba explicando o fato de o Onix hatch ficar para depois. O Onix Sedã deve ter pelo menos 2,60 metros entre-eixos, aumentando em 8 cm a diferença com o antigo.

3. Pode ser mais rápido que o Virtus

De acordo com alguns testes feitos, o modelo consegue acelerar de 0 a 100 km/h em apenas 8,6 segundos. É equipado com motor de 128 cv e é 1.0 TSI, com caixa automática de 6 velocidades, e ganha do Virtus, que alcança essa mesma velocidade, só que em 10 segundos.

4. Será mais caro

Isso é um fato que infelizmente acontece com a maioria das novidades. Por ter um motor aspirado e injeção eletrônica, o sedã é o maior e o mais pesado em sistema de motorização. Sendo assim, é muito possível que ele saia no mercado com valores um pouco mais caros que o atual, custando em torno de R$ 65 a R$ 70 mil.

5. O lançado na China deve ser mais simples que o nosso

O Onix Sedã deve manter muitos pontos em comum, com o que foi apresentado na China, mas alguns itens devem sofrer evolução quando chegar em terras brasileiras. A estabilidade, o teto solar elétrico e a assistente de partida em rampa são algumas das mudanças melhoradas que devemos ter por aqui.

6. A ergonomia também mudou

Melhorou do modelo anterior e agora a direção terá ajustes mais amplos, para altura, posição, lateralidade, etc. Mas algumas coisas devem ser mantidas, como o volante sem borboleta, botão na alavanca do câmbio. Em contrapartida, o nível de acabamento também deve mudar, principalmente no que diz respeito ao acabamento e textura do painel.

7. Estilo nacional

O estilo terá versão Redline e isso inclui um quê mais esportivo, que deve ser oferecido num futuro próximo. O design é refinado e o carro terá detalhes cromados, além dos LEDs que farão papel do farol baixo.

8. Segurança aumentada

Esse é um ponto positivo também das mudanças, o Onix Sedã elevou sua pontuação em testes de avaliação de segurança, tanto para adultos, quanto crianças. Com isso, a mesma tecnologia está sendo usada, mas agora de forma reforçada para dar mais intensidade a estrutura do veículo.

9. Conectividade

Incluindo sistema de 4G e Wi-Fi, a conexão do veículo deve permanecer sempre em atualização. E por isso, os pacotes deverão aumentar também. Mas há grandes chances de que esse serviço de franquia de dados, ofereça os serviços de graça por um tempo, para GPS, etc.

10. O porta malas é menor

No caso antigo modelo, era um pouco maior, o valor anunciado do carro atual é de 469 litros, o que é até razoável para um modelo sedã, mas o Onix anterior tinha capacidade para 500 litros. O que é uma comparação ruim de avaliação, mas não tira as demais características positivas que o novo modelo trará para o mercado.

Por: Susan Nogart


Melhores Carros da Chevrolet


Confira alguns dos melhores carros da Chevrolet com suas principais características.

Quem conhece a Chevrolet já sabe que ela é uma das melhores montadoras de todo o mundo, sendo líder no mercado americano. Fundada no ano de 1911 a montadora a cada lançamento ganha mais espaço no mercado de automóveis. O seu segredo está em uma combinação perfeita entre potência, economia, segurança, sustentabilidade, beleza e custo benefício. São muitos modelos com vários preços, tecnologias e características. Neste artigo vamos apresentar alguns dos melhores carros da marca. Vamos lá?

Chevrolet Onix: Temos aqui o automóvel mais vendido no país. Já são três anos nesta posição. O Onix é um carro com um design bem arrojado que conta com versões com motores de 1.0 e 1.4 que oferecem de 80 a 106 cavalos de potência. Suas características contribuem para um modelo com excelente custo-benefício. Sem falar que é muito econômico. Possui um sistema de câmbio composto por até 6 velocidades, podendo ser automático ou manual. São 280 litros no porta-malas, faróis cromados e outras características o Onix é vendido em 5 versões.

Chevrolet Onix

Chevrolet Cruze: Um carro altamente moderno que oferece conforto, conectividade e potência. Disponível na versão sedan e hatch. Possui um excelente custo benefício e encabeça a lista dos melhores sedãs do Brasil em 2017.

Chevrolet Cruze

Chevrolet Classic: É um veterano que foi apresentado na década de 90, mas é sucesso até os dias atuais. Vendido por um preço bem em conta seu conjunto também é bem atrativo, possuindo ar-condicionado e direção hidráulica e o ar-condicionado. A capacidade do porta-malas é de até 425 litros é, sem dúvida, o que é um de seus diferenciais. Infelizmente, o modelo já foi descontinuado, mas foi um dos melhores da marca.

Chevrolet Classic

Chevrolet Spin: O modelo ideal para famílias grandes, oferecendo lugar para 5 adultos e ainda 2 crianças. Trata-se de uma minivan muito charmosa, com uma direção excelente, porta-objetos bem úteis, ambiente interno e duas cores, conforto e estabilidade. O câmbio é manual ou automático. Disponível em duas versões, é uma excelente escolha.

Chevrolet Spin

Chevrolet S10: Lançado no ano de 1995 se tornou um dos líderes de seu segmento. Um carro perfeito para passeios e para o trabalho. Extremamente confortável é uma picape bem robusta e que é disponível com cabine dupla ou simples, com motores flex ou a diesel. Com certeza não poderia ficar de fora desta lista dos melhores da Chevrolet. Como suas vantagens em relação às concorrentes temos alerta de colisão, direção elétrica, monitoramento de pressão dos pneus e sistemas de freios altamente eficientes.

Chevrolet S10

Chevrolet Prisma: Um carro com show de tecnologia. Apresentando câmera de ré e um computador de bordo de cinco funções como velocidade média, consumo médio, autonomia, tempo de viagem e temperatura externa. Além dos sistemas Chevrolet MyLink e OnStar. Uma das grandes vantagens desse Prisma é um aplicativo que com um simples toque ativa luzes e buzina para indicar o local onde o carro está estacionado. E por último, e não menos importante temos o seu valor que é bastante acessível.

Chevrolet Prisma

Chevrolet Cobalt: Estamos com o compacto considerado mais premium e também mais funcional do mercado. Ele é a junção de um design bem arrojado e oferece um excelente espaço interno. Além, é claro, de toda a segurança e tecnologia habitual aos veículos da Chevrolet. Ainda temos o sistema que localiza o veículo estacionado OnStar, o SOS que solta um alerta em caso de emergência, irregularidades do veículo ou problemas mecânicos.

Chevrolet Cobalt

Nesse sentido, aqui apresentamos alguns dos modelos que a Chevrolet oferece. Todos com a mesma qualidade que a Chevrolet possui, o que faz dela uma grande sucesso de vendas em todo o mundo e em todos os seus lançamentos. Agora, é só escolher o seu.

Por Sirlene Montes


Novo Chevrolet Tracker 2020 – Novidades


Confira aqui as principais novidades do novo Chevrolet Tracker 2020.

Todos odeiam spoilers de filmes, séries, etc. Mas trouxemos um spoiler que os fãs de carros vão adorar! O novo Chevrolet Tracker chegará ao Brasil em 2020 e terá produção nacional, na cidade de São Caetano do Sul, no estado de São Paulo.

De acordo com a fabricante, o Tracker será o veículo ideal para todos os estilos e em todos os momentos: esporte, hobby, trabalho, viagem de férias… Nesse texto, separamos em primeira mão todas as informações que a gente tem sobre o novo SUV que com certeza será o queridinho das ruas brasileiras.

Design

Apresentado na China, no Salão de Xangai, o SUV compacto confirmou diversos detalhes no design que já tínhamos visto por meio de imagens de registro meses atrás. O novo Chevrolet Tracker traz em seu design a identidade da empresa, sendo inspirado no Orlando, ou seja, é um crossover que é a junção perfeita entre um SUV e uma minivan.

A parte frontal do veículo possui faróis finos, o formato de sua grade lembra um trapézio e, mais acima, onde está localizado o logo da empresa, há uma segunda entrada de ar. As entradas são divididas em uma peça em cor preto brilhante. Das laterais do para-choque até os faróis há luzes verticais. O ar mais esportivo do veículo se dá graças ao vidro lateral, que ficou mais estreitado no novo veículo.

A traseira do veículo aparenta ser bastante parruda, mas é por conta do espaço enorme do porta-malas e de sua tampa do porta-malas. As lanternas horizontais contribuem para esta impressão. Falando em lanternas, as da parte de trás estão em posição alta, praticamente encostadas no vidro.

Quanto ao interior, não sabemos muita coisa, porque as imagens não foram divulgadas. No entanto, já sabemos que é um interior premium e que também beberá da mesma fonte que o Orlando. A única mudança será o acabamento: a coifa do câmbio, por exemplo, deixará de ser de couro para ter uma cobertura em plástico.

Dimensões

Junto com a plataforma GEM, o novo Chevrolet Tracker cresceu. Seu comprimento, por exemplo, está 2 centímetros maior. Por conta disso, as novas dimensões são as seguintes:

  • 4,27 m de comprimento;
  • 1,79 m de largura;
  • 1,60 de altura;
  • 2,57 m de entre-eixos.

Motor

Não é só nas medidas que o Suv compacto da Chevrolet trouxe novidades, o motor também está de cara nova: O veículo será equipado pelo motor 1.0 turbo de três cilindros, que foi desenvolvido de maneira exclusiva para essa nova remeça de automóveis da fabricante.

O Chevrolet Tracker pode alcançar 115 cavalos e o consumo de combustível é de 18,1 km/l, de acordo com informações que foram trazidas da China quando o automóvel foi registrado. De acordo com mídia chinesa ainda há possibilidade de ter uma variante com 1.0 turbo de 125 cavalos e um 1.3 turbo de 164 cavalos.

Valor e disponibilidade

O novo Chevrolet Tracker estará nas ruas do Brasil a partir de 2020 e, como já dissemos, sua produção será feita aqui mesmo, na cidade de São Caetano do Sul – SP. O veículo terá versões a partir de R$92.590,00, mas, naturalmente, é possível financiar e conseguir o veículo em prestações que cabem no seu bolso.

Ainda temos poucas informações do veículo e, muitas delas, na verdade, foram importadas da China por meio de seus registros. No entanto, logo mais as novidades vão aparecer. Fique tranquilo, pois, conforme isso acontecer, nós te atualizaremos para você ficar por dentro do Suv Compacto da Chevrolet.

Você já dirigiu o Chevrolet Tracker de alguma geração anterior? Acha que as mudanças que estão sendo feitas melhoraram o veículo? Quais são as suas expectativas em relação ao lançamento? Deixe um comentário contando sua opinião!

Por: Jéssica Lima Cochete


Recall do Chevrolet Onix, Prisma, Cobalt e Spin – Problema na Caixa de Fusíveis


Modelos foram fabricados entre 2017 e 2018.

Então você compra um carro novo e pensa que por um bom tempo estará livre das oficinas mecânicas que geralmente oferecem um serviço demorado e caro, não é mesmo? Na lógica sim, mas pode acontecer de carros novos terem problemas séros e necessitarem passar por uma manutenção mecânica. Quando isto acontece pode se tratar de um recall. E por falar em recall, acaba de ser anunciado uma nova convocação de veículos por conterem problemas e assim podem oferecer riscos aos seus ocupantes.

Dessa vez o anúncio partiu da fabricante General Motors. Estão sendo convocados para um recall 69 unidades de veículos dos modelos Onix, Chevrolet Cobalt, Spin e Prisma, dos anos de 2017 e 2018.

De acordo com as primeras informações liberadas pela assessoria de imprensa da GM, os proprietários de veículos envolvidos terão que entrar em contato com uma das concessionárias autorizadas e assim agendar um horário para que o reparo possa ser realizado.

O reparo consiste na adição de um isolante nos terminais do relê da sua caixa de fusíveis. A campanha preventiva, ou melhor dizendo o recall, relaciona-se a carros que tiveram a caixa de fusíveis retirada para substituição por peça original, porém, não foi utilizado o isolante referido. Por esse motivo, a fabricante informou que pode ocorrer de a água infiltrar e assim acontecer um curto-circuito e o acionamento contínuo e involuntário do motor.

Em outras palavras, esse problema pode acarretar o risco de acontecer um superaquecimento de seu motor e por consequência acontecer um incêndio. Além disso, pode acontecer uma movimentação repentina e involuntária nas unidades que contenham câmbio manual.

Estão envolvidos no reparo caixas de fusíveis que são originais e que possuem as numerações 52142580, 52126002, 52126000 e 52142582, que foram adquiridas no ano de 2018.

Veja abaixo os chassis convocados: Chevrolet Cobalt Modelo de 2018 Fabricado em 4/08/2017 Chassi número JB142480, Chevrolet Onix Modelos de 2017 a 2018 fabricados entre 27/07/16 e 06/8/18 e Chassis número HB141586 até JG380630, Chevrolet Prisma Modelo de 2017 até 2018 Fabricado entre 13/12/16 e 3/4/18 Chassis de número HG202427 até JG370571, Chevrolet Spin Modelo de 2017 a 2018 Fabricado entre 09/12/16 e 22/5/18 e Chassis de número HB168572 até JB259852.

Assim, quem for proprietário de um dos modelos envolvidos, é preciso fazer o agendamento para que o reparo seja feito. Para agendar um horário ou ainda obter mais informações, a General Motors disponibilizou o número 0800-702-4200 ou por meio do site www.chevrolet.com.br.

Enfim, é claro que ter um carro recém comprado convocado para um recall não é muito agradável, principalmente pelo fato de haver risco de incêndio, o que coloca a vida de todos os ocupantes em risco. Por isso, é extremamente importante que essas 69 unidades envolvidas se apresentem para a realização do reparo. A marca não informou quanto tempo leva para que o problema seja resolvido, mas já que está sendo feito um agendamento com toda certeza vale a pena se programar e tirar um tempinho para levar o automóvel e assim ter o problema resolvido de uma vez e assim poder rodar com traqnuilidade com o veículo, sabendo que não há mais riscos.

A GM não definiu uma data limite para a reacalização do recall. Ao contrário, enquanto todas as unidades envolvidas não forem reparadas, o recall não será encerrado. Mas a expectativa é de que em poucos dias todos os proprietários já tenham entrado em contato e agendado um horário. A GM se responsabilizará pelos gastos do reparo e se desculpa pelo importúnio, mas a responsabilidade de apresentar o veículo é de cada proprietário que deve ter a consciência de se informar em caso de dúvidas e apresentar o veículo, para que assim os riscos sejam eliminados.

Sirlene


Novo Chevrolet Prisma deve se chamar Onix Sedan


Modelo deve chegar em julho e contará com novo motor turbo.

O novo Chevrolet Prisma chega ao mercado brasileiro com data prevista para o mês de julho de 2019, com motor inédito e deve se chamar Onix Sedan. O novo modelo, que passará a ser um carro Global da marca, com motor turbinado, será do tamanho do Cobalt, e a versão brasileira terá um visual diferente do apresentado na China.

É previsto que o Onix Sedan deva ter o mesmo sucesso do hatch, que é o carro mais vendido do Brasil há 44 meses. Segundo informações da GM, a ideia é que o Onix Sedan chegue ao mercado para somar e não substituir nenhum veículo, o que esclarece ou deixa entender que a chegada do novo modelo não vai tirar de linha do Cobalt e do Prisma atual .

Onix Sedan versão brasileira com diferenças visuais do apresentado na China

O Prisma/ Onix Sedan não será exatamente como o modelo chinês, que foi apresentado recentemente. Com a camuflagem mais pesada, nota-se que o carro no Brasil terá pequenas diferenças visuais. Levando em consideração que o modelo brasileiro ainda está camuflado, uma mudança visual perceptível é o desenho das luzes diurnas em LED, que fica na base do para-choque frontal.

Caracteristicas física do Onix Sedan

Quanto ao tamanho, é muito provável que o Onix Sedan seja maior que o Prisma atual, que suas medidas sejam parecidas com às do Cobalt. O Prisma atual tem 2,52m de entre-eixos e o Onix Sedan 2,60 metros, medida igual a confirmada do Onix Sedan a pouco tempo na China. Com plataforma Global Emerging Markets (GEM), a base do veículo foi projetada em parceria com a SAIC, parceira da General Motors na China. Foi confirmado pela GM para imprensa brasileira e argentina também o uso dos novos motores 1.0 de três cilindros da família CSS.

Segundo informações da fabricante, é confirmado que os novos Onix e Prisma terão motores de três cilindros aspirados e em versão turbo flex. A transmissão será manual e automática, seguindo a versão dos atuais. Segundo fotos vazadas do site Bit Auto, o estilo é parecido com o da atual geração dos compactos, que continuam após a chegada dos novos modelos. As superfícies de acabamento do modelo são diferentes e apresentam aparência mais caprichada e com uma faixa emborrachada no painel. A central multimídia My Link do novo modelo ficará em posição flutuante no painel.

Investimentos da GM de 13 bilhões entre 2014 e 2019

A GM anunciou investimentos de 13 bilhões em 2014, que deve terminar em 2019 e o Onix e Prisma são parte desse plano de investimento. Ainda serão investidos no Brasil, a partir de 2020, mais R$ 10 bilhões. O valor vai manter as fábricas em São Paulo em funcionamento, além do desenvolvimento de novos produtos da montadora. Esses veículos da Chevrolet estão sendo também desenvolvidos em outros mercados pelo mundo como Alemanha, Estados Unidos, China, México e Coreia do Sul.

O Onix Sedan foi criado pelo trabalho de 1.800 engenheiros que estão em 14 países (No Brasil, a filial fica em Indaiatuba -SP, no campo de provas da Cruz Alta), e supervisionados pela matriz nos Estados Unidos. O veículo chega ao mercado com a promessa do fabricante de elevar o padrão de qualidade da Chevrolet em relação aos carros compactos.

O próximo a chegar no mercado após o Onix e Prisma será a nova geração do Tracker, uma picape médio-pequena, que será produzida no Brasil, fará parte da família global e deve ser lançado até 2022.

Adoniran Peres


Novo Chevrolet Prisma 2020 – Fotos do Interior


Comnheça aqui mais detalhes sobre o interior do novo Chevrolet Prisma 2020.

Desde o final do ano de 2018, as pessoas já sabiam que o Chevrolet Prisma chegaria ao Brasil. A GM até tentou esconder a novidade, a pedido da China, que lança o Prisma ainda em 2019. Porém, algumas fotos da parte externa do veículo acabaram vazando e assim já sabíamos o que se espera para a novidade.

Apesar disso, a GM foi discreta quanto a parte interna do veículo e nenhuma informação havia sido divulgada, até o fim de março de 2019, quando a fábrica confirmou que o Prisma chega ao mercado brasileiro ainda no fim de 2019, tendo seu lançamento antecipado.

As fotos são de um site chinês, afinal, por lá a chegada do Onix (o Prisma é conhecido como Onix na China) está próxima. Com isso, os brasileiros já podem ter uma ideia do que esperar do modelo brasileiro, mesmo que a chegada as concessionárias e o lançamento oficial ocorram apenas no final do ano.

O que já se sabia sobre o Chevrolet Prisma 2020

Quem acompanha de perto as últimas novidades sobre esse lançamento da GM, já sabia que o Prisma ganhou novo visual, muito parecido com o do Chevrolet Cruze. A mudança de visual, que tornou o modelo mais atrativo, foi um investimento importante, já que outros concorrentes têm investido nessa ideia e conquistado novos clientes.

Dentre os principais destaques na parte externa do veículo estavam:

  • Dianteira com duas grades, divididas por barra fina cromada;
  • Lanternas traseiras que invadem a tampa do porta-malas;
  • Vidro traseiro maior;
  • Faróis integrados à entrada de ar;
  • Luzes diurnas de LED;
  • Rodas pintadas em preto;
  • Maior em tamanho (1,730 m de largura, 1,471 m de altura, 4,474 m de comprimento)
  • Refletores “olho de gato” nas laterais;

Apesar de suas alterações lembrarem – e muito – o Cruze, os modelos que inspiraram as mudanças do Prisma foram o Malibu (um sedã médio que não é vendido no Brasil) e o Equinox (um SUV médio).

Como é o interior do veículo

Depois de todo o suspense, o interior do Prisma finalmente foi mostrado ao público, ao menos na China, e já temos uma ideia de como vai ser a versão brasileira. Modernidade foi a palavra-chave e as mudanças internas se destacam ainda mais, quando comparadas as externas, que já haviam sido reveladas anteriormente.

No cluster uma mistura de analógico e digital, através dos marcadores e do display. O painel inspirado nas motos foi deixado de lado. Há também duas portas USB, localizadas logo abaixo do ar-condicionado.

Já a central multimídia, no modelo chinês, apresentou tela do tipo flutuante. No Brasil, a GM pretende investir no sistema chamado MyLink 2.

Nas fotos feitas pelo site chinês Bit Auto, vemos que o interior do veículo mistura as cores bege e preto, porém, até a chegada do modelo ao Brasil podemos ver alterações.

As linhas do painel acompanham a central multimídia e lembram uma asa, quando passam perto das entradas de ar (no caso, por baixo delas). A manopla de câmbio também sofreu alterações, porém, ainda possui a opção de realizar trocas manuais, através de botões que se encontram em seu lado esquerdo.

Já o volante é mais fino e trouxe outros comandos, diferentes dos que eram vistos na versão anterior do Prisma. Por último, outra novidade interessante, que ainda não havia sido percebida quando vazaram as fotos da parte externa do veículo: o teto solar.

Ficha técnica

A ficha técnica completa do Chevrolet Prisma ainda não foi divulgada, porém, já são esperados:

  • Motor 1.3 com 103 cv ou 1.0 turbo com 116cv (a princípio, acredita-se que a versão 1.3 não virá para o Brasil);
  • Transmissão automática de 6 marchas;
  • Porta-malas: 469 litros (ao menos na China);
  • Entre eixos: 2,60 m.

Agora, é esperar por mais novidades. Porém, já deu para ver que o interior do novo Prisma promete ser um sucesso e que o modelo tem tudo para agradar, assim que chegar oficialmente nas concessionárias brasileiras.

Stephanie Caroline Meyer de Quadros


Recall do Chevrolet Camaro – Problema na Caixa de Direção


Chamado da Chevrolet atinge modelos fabricados em 2016, linha 2017.

Por conta de um problema no circuito elétrico da caixa de direção, a Chevrolet está convocando os proprietários das unidades do Camaro 2017 que foram produzidas entre agosto e setembro do ano de 2016, para troca dessa peça no carro. Os donos desses veículos devem procurar a Rede de Concessionárias da Chevrolet ou as Oficinas Autorizadas, para a realização da manutenção.

Segundo a Chevrolet, os modelos que devem passar pela manutenção têm os números do Chassis de H0131621 a H0138874, sendo que foram fornecidos pela General Motors Mercosul e tem a exata data de fabricação de 31 de agosto de 2016 a 16 de setembro de 2016. Para mais informação sobre esse e de outros Recalls da Chevrolet, o proprietário pode encontrar no site oficial da empresa, no seguinte link: https://www.chevrolet.com.br/servicos/recalls/ultimo-recall, ou então ligar para o SAC da Chevrolet no telefone 0800-702-4200.

Sobre o Problema

Segundo o comunicado da Chevrolet, o problema é que em alguns desses Camaros pode ocorrer a perda do “EPS”, que é um sistema de assistência de direção elétrica, enquanto o veiculo está em movimento. Isso ocorre devido a uma falta de conformidade no circuito elétrico dentro da caixa de direção do veículo. Se isso ocorrer, dentro de alguns segundos, haverá um aviso sonoro e luminoso dentro do carro para que o motorista receba o alerta e perceba o erro.

Se isso acontecer e de fato ocorrer a perda de assistência do EPS, a direção não será travada e o seu funcionamento manual será mantido, apesar disso, o motorista será obrigado a empregar uma maior força requerendo um aumento do esforço. Isso deve se tornar mais grave em velocidades baixas, o que pode aumentar o risco de um acidente, tendo como possível desfecho lesões físicas ao motorista e demais ocupantes do veículo.

Apesar do problema ser grave, a solução é fácil e rápida, o agendamento já está sendo realizados e o serviço será feito de maneira gratuita, sendo que, segundo informado, o tempo para sua realização é estimado em apenas 3 horas. Para solucionar o problema desses Camaros, a Chevrolet vai fazer a substituição total da caixa de direção elétrica, mesmo daquelas que ainda não apresentaram falhas. No comunicado, também é informado que o reparo só começará a ser feito no dia 29 de abril de 2019, sem data de término, mas é importante que o proprietário já se prepare e faça o agendamento imediato.

Seus direitos em um recall

O recall é um pedido de devolução de um lote de produtos pelo próprio fabricante, normalmente para fazer reparos após a descoberta de problemas relativos à segurança do produto. O recall deve ser gratuito e não pode gerar qualquer tipo de prejuízo ao proprietário do produto, se ele perder um dia de trabalho ou tiver de se deslocar por distâncias maiores por causa da convocação, por exemplo, o proprietário pode entrar na Justiça requerendo uma compensação.

É importante lembrar que o recall, uma vez anunciado, não existe uma data limite para o reparo do veículo ser feito. A montadora pode determinar uma data de início para começar os serviços, mas não pode determinar uma para o fim. Se o proprietário tiver qualquer problema como a lentidão no reparo, mau atendimento ou demora no agendamento, ele pode acionar o Procon local.

Mesmo fazendo um recall, a montadora é responsável pelo defeito, sendo que poderá ser responsabilizada legalmente por ter disponibilizado no mercado um produto com defeito. Se acontecer um acidente por causa da falha ela poderá ser processada, mesmo tendo convocado o recall. Já se a empresa não realizar os devidos reparos, poderá receber uma multa do Governo que pode chegar em até R$ 7 milhões.

Gabriel Bem


Novo Chevrolet Blazer XL 2019 com 7 Lugares


Novo modelo está mais agressivo e robusto.

Para quem gosta de novidades no mundo automobilístico, esta promete ser uma das melhores do 2019. Desta vez, a Chevrolet também decidiu surpreender os seus consumidores e anunciou desde o final do ano passado, o lançamento da nova versão da famosa Blazer, na versão chamada de XL.

Considerada como um grande sucesso de vendas no Brasil desde que foi lançada, a sua primeira versão chegou por volta de 1996, ela foi classificada como uma picape de porte médio e assim como a sua irmã, a S10, ela surgiu como uma opção aos consumidores brasileiros que, na época, eram presenteados com o primeiro veículo nesta categoria, a Ranger da Ford.

Fazendo uma analogia aos tempos atuais em relação ao sucesso de vendas dos veículos do tipo SUV, no final da década de 90, este tipo de picape virou uma verdadeira febre de consumo embalada pela abertura do mercado aos importados desde o governo do ex-presidente Collor de Melo.

De lá para cá, ela passou por várias modificações, ganhou novos traços e motores mais atuais e potentes, o que contribuiu para manter o veículo na linha de vendas por todo este tempo. Na atualidade, a nova Blazer já ganhou um porte bem mais elevado e a sua última versão, a GrandBlazer pode ser adquirida nas concessionárias da marca por cerca de R$ 160 mil reais.

Embora a própria Chevrolet já tivesse anunciado que a nova versão importada não chegaria ao Brasil tão cedo, a versão que virá ao país não estava nos planos da montadora. O objetivo era colocá-la em mercados nos quais o SUV Traverse não estivesse presente, o que não é o caso do nosso mercado nacional.

Para quem estava acostumado com o visual tradicional da Blazer que todo mundo conhece, com certeza vai levar um susto com a nova versão XL. Afinal, a palavra certa para definir a nova versão é reestilização.

Daquele visual mais comportado, mais arrendondado e mais robusto, a nova XL herdou apenas a robustez. O novo design, mais atual e voltado para as tendências europeias, dão ao novo veículo um ar de muito mais agressividade e mais esportividade.

Além de todo o estilo, um detalhe que os fabricantes fazem questão de frisar é o seu comprimento. A nova versão está quase 14 centímetros maior em relação ao modelo comercializado no Brasil. Apesar da novidade, a montadora garante que a distância entre os eixos permanece com seus 2,87 metros.

Com um comprimento maior, ganha o consumidor que vai poder contar com um veículo com maior espaço interno. Entretanto, um detalhe chama a atenção: a traseira do veículo está mais alta e bem mais larga. Os engenheiros projetistas da marca fizeram questão de alongar o carro com o objetivo de aumentar a capacidade do porta-malas e concentrar todo o peso no eixo traseiro.

Com um veículo mais largo, a nova versão ganhou uma terceira fileira de bancos. A nova Blazer deve estrear, além de mais alongada, com uma capacidade maior para sete ocupantes.

Para quem gosta de escolher entre a melhor opção de motores, a XL vem com dois tipos: o V6 de 305 cv e o 2.0 Turbo de 240 cv, muito semelhante ao usado no Camaro. Para ambas as versões, o câmbio é automático de nove velocidades.

De acordo com a própria Chevrolet, a nova versão não será fabricada no Brasil, sendo restrita inicialmente à China. Entretanto, isto não restringe a importação deste modelo para as concessionárias brasileiras.

A própria montadora já anunciou que será necessário que ela seja montada em outros países fora do território chinês com o objetivo de atender a demanda. Para a América Latina, a intenção é instalar uma linha de produção no México, que atenderia a vários países deste continente, incluindo o Brasil.

Emmanoel Gomes


Novo Chevrolet Tracker 2020 – Novidades no Brasil


Nova geração poderá vir munida de novos motores 1.0 e 1.2 Turboflex.

Uma das maiores fabricantes de veículos motorizados norte-americanas, está com novidade no mercado internacional neste início de ano.

Trata-se especificamente da nova geração do modelo Chevrolet Tracker, o qual deverá aportar no Brasil no ano de 2020. De acordo com os especialistas, esta será a data mais provável de início do comércio do mesmo aqui.

Naquele momento, os mesmos especialistas revelaram algumas atribuições deste novo modelo de SUV, que poderá estar equipado de um inédito motor em três-cilindros, tipo 1.0 turboflex. Ele terá chance, também, de ser produzido no Brasil. São 115 CV de desempenho e mais um consumo expressivo que atinge 18,1 km/l.

Estes dados são completados por mais um detalhe em sua parte traseira do Tracker chinês, que é o logotipo 325T, o qual faz explícita alusão ao motor acima citado.

De acordo com informações fornecidas por meio da revista "Quatro Rodas", foi revelado que o novo Tracker poderá estar equipado de motores em 3-cilindros, com capacidade de 1 e 1,2 litro, oriundo da família CSS Prime, sendo ambos de tipo turboflex, suplementados de injeção direta. Conforme a mesma publicação, o modelo em questão possui calibração de 1.2, que pode gerar aproximadamente um resultado de 150 CV, consistindo em um número que representa performance suficiente para justificar a substituição do atual 1.4 Ecotec turboflex de 153 cv. O atual câmbio automático de seis marchas deverá ser mantido.

Sobre o processo de fabricação do Novo Chevrolet Tracker, seguem as informações:

A produção se dá sobre uma plataforma de tipo GEM, que é a base global onde são produzidos os melhores veículos compactos, a qual foi desenvolvida por meio de uma joint-venture, que está atrelada à General Motors e à companhia chinesa SAIC.

Deste modo, a partir desta linha de produção, surgem diversos modelos de alta categoria, entre eles os sucessores de Onix & Prisma; do Cobalt e do Spin. Recentemente, mais especificamente, há algumas semanas, a marca GM fez oficializar a estreia de uma nova série de automóveis, além de revelar que o modelo de entrada está programado para lançamento no próximo mês de março.

A própria empresa Chevrolet fez divulgar, por meio de seus gestores, uma espécie de Teaser promovendo o próprio modelo Tracker, naquela ocasião, o que não seria surpresa se o mesmo SUV inaugurasse uma grande leva de novos modelos produzidos pela mesma indústria.

Assim, o novo SUV tenderá a aumentar de tamanho nesta sua nova geração, sendo que atualmente ele mede 4,27 metros no comprimento; são 1,60 metros na altura; são 1,79 metros na largura e mais 2,57 metros em seu entre eixos. Vazado nestas dimensões, ele se tornou até 1,5 cm mais longo e mais largo, ele está 0,7 cm menos alto e está munido de entre eixos em 2 cm maior que o modelo atual, próximo de tornar-se defasado.

Ele possui um design nitidamente inspirado no novo modelo Chevrolet Orlando, que está sendo comercializado no mercado chinês. Na parte da frente ele foi redesenhado em alguns pontos, por exemplo, na sua enorme grade hexagonal dianteira, como também no formato vazado sobre as lanternas, entre outros pontos que perfazem alguma semelhança entre eles. Com relação ao seu interior, é muito provável, segundo os mesmos especialistas, que o Tracker seja muito parecido com o modelo Chevrolet Orlando.

Por fim, este é um novo veículo de alta categoria, produzido por uma das melhores companhias automobilísticas do mundo. Esta novidade está próxima de ser comercializada no Brasil.

Paulo Henrique dos Santos


Chevrolet Cruze Black Bow Tie 2019 – Novidades, Características


Com visual de carro tunado, Chevrolet Cruze ganha em sua linha 2019 série Black Bow Tie.

O modelo Cruze da montadora Chevrolet em sua linha 2019 recebeu uma série chamada de Black Bow Tie a qual irá ser comercializada para os consumidores tanto em carroceria hatch como também em sedã. Esta nova variante tem como base a versão LT do modelo e vem com pacote escurecido quando se trata de sua parte visual, além de possuir também um pacote exclusivo de acessórios. De acordo com a montadora norte-americana, este lançamento será vendido, a princípio, em apenas em uma cor, a Preto Ouro Negro.

Valores Chevrolet Cruze linha 2019

Tanto a versão Sedan como a versão Hatch irão ser vendidas pelo mesmo preço. Veja abaixo os valores que serão praticados nas concessionárias da montadora da gravata borboleta:

  • Versão Cruze Sport6 LT e versão Cruze LT serão vendidas por R$ 96.790
  • Versão Cruze Sport6 Black Bow Tie e versão Cruze Black Bow Tie serão comercializadas por R$ 98.789
  • Versão Cruze Sport6 LTZ e versão Cruze LTZ serão disponibilizados por R$ 110.790

Visual escurecido

Quando se trata da parte visual do Cruze versão 2019, a versão possui a famosa gravata borboleta da Chevrolet tendo um fundo preto, suas rodas possuem tamanho de 17 polegadas, além também do emblema do modelo “Cruze” em cor mais escura, além também de um tapete em carpete. De maneira opcional, de acordo com o desejo do cliente, o lançamento pode também ser dotado de um sistema premium de som, da marca JBL.

Apesar das mudanças na aparência, o motor continua o mesmo

A linha 2019 do Chevrolet Cruze continua equipado com um propulsor Turbo Flex de 1.4 litros e com 16 válvulas, o qual tem a capacidade de produzir uma potência de 153 cavalos e um torque que chega a 24,5 kgmf ao ter em seu tanque etanol, já quando abastecido com gasolina a potência cai um pouco, atingindo a marca de 150 cavalos e um torque levemente abaixo, em 24 Kgfm. Todo esse conjunto irá estar acoplado com uma transmissão automática com seis marchas.

Lista de equipamentos de série

A lista de itens de série do modelo Cruze Black Bow Tie linha 2019 conta com os seguintes equipamentos principais: os acabamentos que são premium em seus bancos, painel e volante, sensor de estacionamento, câmera de ré e também uma central multimídia MyLink a qual tem compatibilidade com sistemas de smartphone Apple CarPlay e Android Auto, além do sistema exclusivo de telemática avançado OnStar.

Para a segurança dos ocupantes do Cruze Black Bow Tie

Na lista de equipamentos sobre segurança estão os freios ABS distribuição da força de frenagem (EBD) e frenagem de emergência (PBA), controle eletrônico de estabilidade e também de tração, controle de cruzeiro e direção elétrica progressiva.

Dentro desta lista ainda estão os seguintes itens de segurança: sistema isofix para que se realize a fixação de cadeirinha infantil no banco, fechamento e abertura dos vidros com acionamento por meio de controle remoto, sistema que irá monitorar a pressão de seus pneus e assistente para realizar partidas quando o veículo se encontrar em locais íngremes.

O gerente de Marketing do Cruze, Rogério Sasaki disse que a ideia da montadora é focar na demanda crescente dos consumidores brasileiros por carros que possuem acabamentos diferenciados, entretanto que ainda prezam por algo original, o que acaba por agregar valor final ao veículo.

Essa versão é um dos últimos lançamentos antes que o Cruze se “despeça” com o atual visual, isto porque o facelit da geração atual irá desembarcar no mercado em meados deste ano.

Por Filipe Silva

Chevrolet Cruze Black Bow Tie 2019

Chevrolet Cruze Black Bow Tie 2019


Chevrolet Camaro SS 2019 – Lançamento no Brasil, Características


A 6ª geração para os americanos e a 2ª para os brasileiros, o Camaro SS 2019 chega ao mercado com muitas novidades, a principal delas é o câmbio de 10 marchas, igual ao de seu principal rival: o Ford Mustang.

Este ano de 2019 será um período muito especial para a GM. É que os principais modelos da marca serão relançados e a expectativa de vendas é forte por conta disso.

Um dos novos modelos a saírem dos fornos da Chevrolet neste ano é o Camaro SS 2019. Embora seja um carro lançado há poucos anos no Brasil, o muscle car fez sua primeira aparição nos EUA, mais precisamente nos anos 60. Ao longo dos anos, o Camaro possuiu várias roupagens e visuais. Dos mais tradicionais até os mais ousados. Agora na nova versão, será possível encontrar características bem diferentes da comercializada atualmente.

Saiba o que irá mudar neste grande lançamento da General Motors para 2019.

Novo Camaro SS 2019 – Design e cores

Essa versão foi lançada dias antes de acontecer o Salão do Automóvel em novembro de 2018, na cidade de São Paulo.

O design deste novo modelo ganhou destaque na parte frontal, com grades amplas, que se estendem de um farol a outro. Falando nos faróis, eles dispõem de um formato diferente do modelo anterior. Além disso, ao centro uma barra preta carrega o emblema da Chevrolet, o que deixou o modelo visivelmente mais elegante.

Sendo um carro imponente, o Camaro leva a fama de possuir tonalidades fortes, como o vermelho e o amarelo. Este último ficou famoso no universo sertanejo, sendo protagonista de um sucesso musical no Brasil. Para os amantes de amarelo, a cor ainda permanece entre as seis do novo Camaro 2019. Mas a nuance será outra, desta vez o escolhido foi um tom mais puxado para o verde: o Amarelo Persa.

Novo Camaro SS 2019 – Semelhanças com o Ford Mustang

O Ford Mustang ainda continua sendo o preferido pelos norte-americanos e o principal rival do Camaro. Entre as principais mudanças do muscle car da GM, é o câmbio semelhante ao do Mustang, com transmissão automática de 10 marchas.

Outro detalhe que o Camaro ganhou igual ao modelo da Ford, foi o bloqueio das rodas traseiras. Com isso, os pneus podem ser “queimados”, e fazer aquela nuvem de fumaça, sucesso em competições de arrancadas.

Motor do Novo Camaro SS 2019

A versão manteve os 461 cavalos e o motor V8 de 6.2 litros, 16 válvulas. Mas no painel é possível configurar para que opere somente com 4 válvulas, diminuindo o consumo de combustível. Ainda na parte mecânica, a versão tem um novo sistema de arrancada, onde permite uma arrancada mais potente, após passar dos 2000 giros. E não para por aí, a suspensão foi reforçada, para dar mais estabilidade as barras ficaram maiores, freios italianos e uma carroceria com maior rigidez.

Novo Camaro SS 2019 – Desempenho e Consumo

Quem compra um Camaro quer velocidade. O desempenho das duas versões de 2019, Coupe e Conversível, é ótimo. Basta 4,2 segundos para ir de 0 a 100km/h. O máximo que o velocímetro pode atingir é a marca de 290km/h.

Com toda esta potência, quanto o novo Camaro 2019 gasta de combustível? Ambas as versões, Coupe e Conversível, fazem a mesma média: 5,6km/L dentro da cidade e 8,0km/L nas rodovias.

Novo Camaro SS 2019 – Preço

O preço deste novo Camaro 2019 ainda não foi divulgado. É possível que isso aconteça entre o fim de janeiro e início de fevereiro de 2019, quando dará início a comercialização do esportivo.

Para se ter uma base, o modelo atual do Camaro Coupe custa em média R$ 315 mil, enquanto a versão Conversível, em média R$ 350 mil.

Por Priscila Garcia

Chevrolet Camaro SS 2019

Chevrolet Camaro SS 2019


Chevrolet Prisma 2020 – Lançamento, Novidades


O veículo foi completamente reformulado, contando com um magnífico desenho das colunas totalmente novo.

A espera pelo novo Chevrolet Prisma 2020 ficou ainda menor, o carro que antes chegaria ao mercado brasileiro no final de 2019 para início de 2020 foi antecipado de novo.

Na primeira antecipação, ele passaria a ser comercializado em julho e agora será vendido já no segundo semestre deste ano, bem mais cedo o que todos esperavam. A primeira revelação do carro derivado da plataforma GEM (Global Emerging Market, uma plataforma aprimorada de onde sairão vários automóveis que hoje são vendidos pela Chevrolet na Índia, Brasil, China, México e outros mercados internacionais) e desenvolvido em parceria com o fabricante chinês SAIC, foi feita através de fotos que o flagraram rondando pela China e prossegue em sessões de testes no Brasil, pelo menos é isso que indicam alguns dos flagras do automóvel no Piauí e a frequência de entrega de peças em grande escala industrial pelos fornecedores da empresa.

A identidade no modelo será um pouco desconectada de seu antecedente, mas sem perder o visual vigente da marca, que é inspirada em peso no famoso e gracioso Camaro, todo esse cuidado, esforço, capricho e testes de protótipos e rolagem causam um pequeno atraso no desenvolvimento, porém, em contra partida, para a alegria dos fanáticos por carros, isso aumenta os flagras e ajuda para que todos fiquem por dentro de tudo que está sendo bolado por trás das cortinas. Apesar de sempre usarem algum tipo de camuflagem para dificultar a análise, é possível ver perfeitamente o perfil e o formato das portas, o que é mais do que suficiente (para aqueles que entendem do assunto) para perceber um aumento interessante nas dimensões e eixos.

De uma forma incrível e difícil de acreditar até que esteja diante dos próprios olhos, o veículo foi completamente reformulado, contando com um magnífico desenho das colunas totalmente novo. A tampa do porta-malas terá lanternas, e a placa de identificação irá se alojar no para-choque. O hatch obtém agora as laterais vincadas, juntamente a linha de cintura alta. Ainda se mantendo fiel ao visual desejado pela marca, para ajudar na descida do total do vidro da porta de trás, a porta traseira gozará de um vidro espia e a traseira mantém o mesmo padrão.

A probabilidade de que o projeto brasileiro seja diretamente baseado no chinês é grande, pois ao se comparar o formato dos retrovisores externos (uma das coisas que ficou bem evidente pelas imagens dos flagras) dos protótipos que foram desmascarados dentro do Brasil com aquelas igualmente vazadas no território da China, são obviamente iguais e até leigos no assunto podem notar isso com uma simples olhada nas fotos. Então é esperado que a versão aqui siga as mesmas dimensões do modelo chinês, que tem 7 centímetros a mais que o modelo anterior nos entre-eixos e apenas 1 cm de comprimento quase não perceptível a olho nú que o Volkswagen Virtus. Totalizando 4,47 metros de largura e 2,60 m de distância em seus entre-eixos.

Quanto ao motor, a nova geração esbanjará de um motor 1.0 turbo flex de três cilindros, com direito a opção turbinada. A marca também preparou para que a versão seja capaz de suportar os novos motores com injeção direta de combustível que serão importados de Joinville (SC).

O carro prosseguirá sendo fabricado em Gravataí (RS) e será um dos responsáveis por estrearem a plataforma Global Emerging Market no país, deixando uma marca eterna na história dos automóveis. É possível que toda essa mão de obra esteja sendo tão primorosa para competir com o Volkswagen Polo no quesito de hatches compactos premium, enquanto não seria surpresa nenhuma que as versões anteriores parem de rodar para e dar espaço as mais sofisticadas.

Por Fabio Santos

Chevrolet Prisma 2020

Chevrolet Prisma 2020


Chevrolet Onix 2020 – Lançamento, Especificações


O novo Onix 2020 virá ao Brasil com uma versão turbinada, além de características internas amplas, cabines versáteis, porta-malas maiores e conectividade.

A gigante de automóveis líder de vendas no país inicia 2019 com muito otimismo. Isto porque os modelos mais procurados da marca serão relançados ao mercado, com design futurista, motores turbinados e tecnologia inovadora. O novo Onix 2020 fará parte de uma nova família da GM, que terá características internas amplas, cabines versáteis, porta-malas maiores, e conectividade. A previsão de lançamento é para o segundo semestre deste ano, e o novo Onix é uma das grandes apostas da GM para este ano, com muito entusiasmo em todo país por ser o primeiro da marca a estrear uma nova plataforma.

Estratégia da GM

A General Motors em parceria com a chinesa Shanghai Automotive Industry Corp (SAIC), a estatal chinesa que é a parceira da GM na China, o maior mercado automotivo do mundo, desenvolveram e irão estrear no Onix 2020 a plataforma Global Emerging Markets (GEM). A ideia é que o hatch seja um modelo global, podendo ser comercializado em países emergentes, que crescem rapidamente, como México, Índia e países sul-americanos. Por conta disso, até 2023 a General Motors passará por uma grande transformação e os seus lançamentos também, incluindo um carro movido a energia elétrica. Em 2015 foi anunciado o investimento de 5 bilhões de dólares nesse projeto. E o resultado poderá ser conferido ainda esse ano, com os 11 lançamentos previstos. O primeiro será o Onix 2020.

Motores turbo do novo Onix 2020

A versão atual é muito diferente da que será lançada em vários aspectos. Um deles é o motor: o modelo de 2020 contará com motores 1.0 de três cilindros aspirado e uma variável turbo. Esses motores terão injeção direta de combustível.

Nomenclatura e Identidade Visual

Desde que protótipos camuflados do modelo foram flagrados em processo de rodagem pelas ruas do Brasil, gerou muita especulação quanto ao design do novo Onix 2020. A aparência terá alterações nas colunas, traseira, lanternas e nas laterais. O Comprimento será de 4 metros e distância de 2,60m entre-eixos. Além de interna e porta-malas maiores.

Recentemente, a Chevrolet entrou com pedido de proteção da marca “Onix Plus” no Instituto Nacional da Propriedade Industrial (INPI). Tudo indica que o Onix 2020 chega ao mercado com essa nomenclatura, sendo uma derivação do compacto atual, que não sairá de linha por enquanto.

Valores

Os valores do Chevrolet Onix 2020 ainda não foram divulgados, porém em sua versão atual, varia de R$ 40 a R$ 60 mil.

Onde serão produzidos os novos modelos Chevrolet

Assim como o Onix 2020, os outros lançamentos serão desenvolvidos aqui no Brasil, na cidade de Gravataí – Rio Grande do Sul.

Versão atual Chevrolet Onix

Por que o Onix não sai do topo de vendas? O hatch tem sido apontado como um automóvel que reúne várias qualidades para ser o preferido dos brasileiros. Ótimo custo benefício, fácil direção, conforto, facilidade na manutenção e aquisição de peças, além de mostrar uma boa autonomia no combustível.

Nas versões disponíveis, quando abastecido com gasolina, varia entre 11km/L dentro da cidade a 15km/L nas estradas. Já se o combustível usado for o etanol, varia entre 7.7km/L em áreas urbanas e 10.6km/L nas rodovias.

Até o lançamento do modelo turbinado, podem ser encontradas as seguintes versões do Onix: 1.0 MPFI JOY 8V FLEX 4P MANUAL, 1.0 MPFI LT 8V FLEX 4P MANUAL, 1.4 MPFI LT 8V FLEX 4P MANUAL, 1.4 MPFI ADVANTAGE 8V FLEX 4P AUTOMÁTICO, 1.4 MPFI EFFECT 8V FLEX 4P MANUAL, 1.4 MPFI LTZ 8V FLEX 4P MANUAL, 1.4 MPFI LT 8V FLEX 4P AUTOMÁTICO, 1.4 MPFI ACTIV 8V FLEX 4P MANUAL, 1.4 MPFI LTZ 8V FLEX 4P AUTOMÁTICO e 1.4 MPFI ACTIV 8V FLEX 4P AUTOMÁTICO.

Por Priscila Garcia

Chevrolet Onix 2020

Chevrolet Onix 2020


Chevrolet Prisma 2019 – Lançamento, Especificações


Nova geração do Chevrolet Prisma 2019 reúne potência e tecnologia de ponta.

A nova geração do Prisma chegará ao mercado em 2019 com mudanças significativas em seu design.

O novo modelo é mais espaçoso e confortável do que as versões anteriores, ideal para transportar a família ou mesmo viajar sozinho.

O porta-malas é bem grande, com capacidade para 500 litros.

As rodas são de alumínio aro 15 polegadas.

Possui sensores de estacionamento com câmera de ré, e faróis de neblina Blue Vision na cor azul.

Os retrovisores têm ajustes elétricos.

Tecnologias

Em seu interior conta com a tecnologia MyLink, que é uma central de controle. Nela é possível acessar diversas funções multimídia e de comando do veículo, como por exemplo:

  • Envio de Mensagens via SMS ou Whatsapp;
  • Possibilidade de escolha de rotas;
  • Utilização do serviço de navegação Turn by Turn;
  • Tela touchscreen de 7 polegadas;
  • Comando de voz para escutar música, através do Android Auto e do Apple CarPlay.

O computador de bordo possui 5 funções que controlam:

  • Consumo médio;
  • Velocidade média;
  • Autonomia;
  • Tempo de viagem;
  • Temperatura externa.

O volante do novo Prisma conta com a opção de controle de funções de rádio, telefone e velocidade de cruzeiro.

A On Star é uma tecnologia exclusiva da rede Chevrolet, que permite ao motorista acessar serviços de segurança, emergência e navegação, podendo ser utilizado através do botão On Star no interior do veículo ou pelo próprio aplicativo disponibilizado para smartphone.

Os bancos são de couro sintético, com regulagem de altura e distância, o que permite um melhor posicionamento do motorista e também dos passageiros.

O câmbio possui duas opções, podendo ser o manual de 6 velocidades ou o automático, também de 6 velocidades, este último vem equipado com (Active Select), o que permite a troca manual de marcha.

O novo modelo também preza pela segurança do motorista, para isso utiliza:

  • Sistema de freios ABS;
  • Duplo ai bags;
  • Faróis de neblina traseiro e dianteiro;
  • Luz de posição em LED.

Potência

O motor 1.4 do novo Prisma evoluiu bastante, oferecendo uma performance bastante satisfatória com seus 106cv.

Combina com perfeição as duas opções de transmissão, ou seja, automática de 6 velocidades e a manual de 6 velocidades.

O motor potente responde rapidamente quando é cobrado na pista.

Graças a transmissão automática de 6 velocidades é possível obter o torque máximo de 4.800 rpm utilizando o etanol como combustível.

Mesmo em alta velocidade, o veículo possui muita estabilidade, pois conta com um conjunto de suspensão calibrado, o que já transmite uma sensação de segurança ao motorista.

O consumo médio do Prisma 1.4 foi de 10,4 km/l na cidade, e de 14,6 km/l na rodovia, isso quando se usa gasolina no tanque.

Utilizando etanol, o rendimento caiu para 10,2 km/l na cidade, e 11,9 km na rodovia.

As cores do novo modelo disponibilizadas pela Chevrolet são:

  • Preto ouro negro;
  • Vermelho carmim;
  • Prata switchblade;
  • Cinza grafite;
  • Azul infinity.

Com toda a tecnologia, conforto e potência do Prisma, seu preço de venda certamente agradará ao consumidor final.

Os valores praticados pela Chevrolet seguem o padrão comercial para carros dessa linha.

Hoje, o modelo Prisma LTZ 1.4 está sendo vendido no mercado por R$ 60.590,00.

Analisando o custo-benefício, o valor até que não assusta tanto, pois o produto final é top de linha.

Estatística de venda

Entre janeiro e setembro deste ano de 2018, mais de 48.287 pessoas escolheram o Sedan como o seu carro favorito.

Isso prova que a Chevrolet está no caminho certo, oferecendo um produto de grande qualidade por um preço comercial.

Talvez um dos atributos do novo modelo que mais cativam o consumidor na hora da compra, seja o On Star, tecnologia exclusiva da Chevrolet, que não deixa de ser uma mão na roda nos momentos de emergência, podendo até mesmo funcionar como uma secretária eletrônica para realizar reservas em hotéis e restaurantes.

Resumindo, para quem procura um bom carro com preço acessível, talvez o Prisma seja a solução.

Por Defilho

Prisma 2019

Prisma 2019

Prisma 2019

Prisma 2019


Chevrolet Onix 2020 – Lançamento, Ficha Técnica


Nova geração do Chevrolet Onix será lançada no Brasil em 2019.

Com a proximidade do Ano Novo as gigantes automobilísticas mundiais começam a apresentar os lançamentos dos novos automóveis repaginados e mais tecnológicos a fim de atender muitas exigências do mercado consumidor cada vez mais criterioso. Seguindo essa premissa será lançada em 2019 a nova geração Chevrolet Onix 2020 aqui no Brasil, possivelmente em meados do segundo semestre. Sua produção seguirá produzida no Rio Grande do Sul, na cidade de Gravataí. A geração é fruto da derivação do Global Emerging Market e tem como parceira a monstruosa chinesa SAIC. Dessa forma, nascerão automóveis Chevrolet em diferentes pais como Brasil, China, Índia, México e demais países emergentes. É estreia da GEM em território nacional, mas é válido lembrar que a Chevrolet é uma marca veterana e que além da modernização dos modelos tradicionais, tem como compromisso inovação, versatilidade e atendimento as demandas dos consumidores entregando os mais sofisticados modelos ano após ano.

Design

No site Chevrolet você já encontra uma série de inovações que o Hatch possui. Considerado líder de vendas por 3 anos, esbanja conforto interno alta tecnologia em conectividade e além do mais, o design está cada vez mais moderno. Seu revestimento Premium cobre caprichosamente os bancos e volante. É possível controle de telefone, velocidade e voz no próprio volante e porta-malas acessível por controle remoto. Apresenta direção elétrica progressiva, motores econômicos 1.4SPE/4 ECO de 1-6 cv no etanol.

Conectividade

Há uma infinidade de recursos dos quais você pode usufruir no dia a dia, principalmente em caso de trânsito intenso. Afinal, tudo que queremos é mais tranquilidade e conforto nos deslocamentos diários. É aí que entra a interatividade do novo Onix. O Sistema Android Auto está atualizado e a visualização de rotas e mapas é facilitada no seu Mylink. Ainda conta com sistemas de alertas em caso de acidentes, engarrafamentos e outros perigos bem como trajetos mais seguros. Tudo isso misturado a grande performance e economia. Conecte também seu smartphone e tenha as melhores experiências em áudio streaming, conexão Bluetooh, Rádio AM/FM, Waze integrado e todo conforto de uma tela de 7 polegadas no modo touchscreen. No computador de bordo, consulte informações como: autonomia, consumo médio, Tempo de viagem e Velocidade média.

Funcionalidades e Segurança

Importante ressaltar a tecnologia OnStar. Essa inovação permite o condutor dirigir com mais segurança e respeitabilidade com seu automóvel. Ela permite a identificação do equilíbrio ou não da pressão dos pneus. Em sistema de alerta ou por sinais sonoros ou ainda pelo aplicativo. Conta também com freios ABS e um sistema isofix e top tether para fixação de cadeirinhas com maior segurança. Há sensor de estacionamento e lanterna traseira (neblina).

Versões

  • LT 1.0: Carro de personalidade; Chevrolet MyLink e motor 80 cv e 1.0L. Valor Base: R$ 48.890,00;
  • LT 1.4: Chevrolet MyLink; Motor 1.4L e com 106cv. Valor base R$ 55.890,00
  • Advantage: Motor 1.4; Câmbio automático em 6 velocidades; Rodas aro em 15 polegadas e calotas escuras. Valor Base: R$ 56.590,00;
  • LT 1.4: Tecnologia ONStar e MyLink; Motor 1.4L e 106 cv. Valor Base: R$ 60.050,00;
  • Effect: Aerofólio, teto preto e spoiler; Rodas em alumínio escuras; Motor 1.4L e 106 cv.

Ficha técnica

Motorização

  • Tipo: Etanol e Gasolina
  • Taxa de compreensão: 12.6
  • Cilindros: 4
  • Injeção Eletrônica: MPFI

Freios

  • Dianteiro: disco ventilado
  • Traseiro: Tambor
  • Sistema: Hidráulico

Dimensões

  • Altura: 1475 mm na versão 1.0 e 1476 mm na versão 1.4
  • Comprimento: 3.933 mm
  • Largura entre espelhos: 1964 mm
  • Largura considerando carroceria: 1705 mm
  • Distância dos eixos: 2528 mm
  • Capacidade do tanque: 54 litros
  • Porta malas: compartimento fechado – 280, alinhado encosto banco e teto – 342, banco rebatidos – 1020. Todos em litros

No site da Chevrolet Brasil você encontra além dessas informações, uma infinidade de detalhes que ajudarão a escolher aquela versão mais próxima das suas necessidades. É possível, após escolher o modelo desejado, adicionar itens e acessórios proporcionando mais personalidade ao seu veículo.

Por Douglas de Paula

Chevrolet Onix 2020


Novo Chevrolet Monza – Lançamento na China


Novo Chevrolet Monza foi lançado para ser comercializado no mercado chinês.

O nome Monza é um dos mais emblemáticos já registrados na história da montadora da gravata dourada aqui no mercado automobilístico brasileiro. Uma prova desse sucesso pode ser comprovada no mercado chinês, onde o modelo está sendo ressuscitado pela marca. Entretanto, esse renascimento não é bem da maneira como muitos imaginavam, pois ainda tinham o antigo desenho em mente. O novo veículo que leva o nome do Monza agora tem uma carroceria sedan com um tamanho intermediário desenvolvido de forma exclusiva para ser vendido no mercado do país asiático e não tem nenhuma relação visual com o saudoso e já conhecido modelo, o qual conseguiu cativar, na época e até mesmo hoje em dia, uma multidão de admiradores do carro que foi sensação nas décadas de 1980 e 1990.

Um fato bem curioso é que a marca americana até agora não liberou material algum de maneira oficial com relação a esse novo lançamento, ainda que o modelo já tenha sido apresentado como uma das estrelas do Salão do Automóvel na cidade de Guangzhou, na China.

O Chevrolet Monza em sua versão 2019 é construído sobre D2XX, uma plataforma que também é compartilhada o atual Chevrolet Cruze. Lá na China, onde é um mercado que se comercializa muito mais veículos sedans do que no Brasil, o novo Monza estará posicionado entre o modelo Cavalier e o Chevrolet Cruze. Desta forma irá exercer um papel muito próximo do que é ocupado, aqui no Brasil, pelo Cobalt.

O veículo sedan, entretanto, possui um porte considerado grande, tendo um comprimento de 4,63 metros, uma largura de 1,79 metro, a altura é de 1,48 metro e sua distância entre-eixos atinge os 2,63 metros, sendo assim, ele fica somente 3 centímetros mais alongado, se comparado com o Cruze, que utiliza a mesma plataforma.

Como já era esperado pelos admirados do mundo automobilístico, o desenho do novo Monza tem em seu projeto a utilização de elementos que já são encontrados em outros veículos do grupo General Motors (GM), como por exemplo, o Prisma em sua terceira geração e o novo Malibu, sendo que o primeiro teve algumas imagens vazadas na internet, recentemente. A sua parte dianteira conta com um largo filete na posição horizontal, o qual acaba por realizar a divisão da grade frontal em duas partes separadas. Aliás, o design da peça traz a identidade visual nova adotada pela montadora americana, novidade essa que já pode ser encontrada em alguns modelos lançados como, por exemplo, o novo Camaro.

A carroceria do lançamento possui vincos no formato de arco, tendo uma vasta área envidraçada, trazendo um ar de sedan tradicional, não apelando para um desenho mais de cupê da mesma forma que ocorre com o Cruze. Sua traseira possui lanternas mais recortadas visualmente e seu para-choque tem vincos que integram com a porta traseira.

O novo Chevrolet Monza, que será fabricado apenas para o comércio específico da China, contará com duas diferentes motorizações, segundo informações da montadora, onde um será um propulsor de mil cilindradas com três cilindros, o qual será capaz de gerar uma potência de 125 cavalos. O outro ser um motor de 1.3 litros com competência para desenvolver 163 cavalos, os dois irão trabalhar com turbocompressor. Inclusive, a montadora também irá desenvolver outras versões diferentes das comuns como, por exemplo, o Monza RS, o qual terá um visual esportivo, versão essa que vem dotada de maiores entradas de ar, com faróis embaixo de uma máscara negra, a gravata da Chevrolet na cor preta, como também acontece em outros veículos esportivos da marca e, por fim, aerofólio localizado na traseira do veículo.

Por Filipe Silva

Chevrolet Monza

Chevrolet Monza


Chevrolet Camaro 2019 – Lançamento, Características


Nova linha traz algumas mudanças que são presentes ao longo de todo veículo como as luzes de LED dos seus faróis, mostrando a sua imponência e versatilidade, sem perder a essência que a própria marca se tornou ao longo dos anos.

Para quem gosta de um carro veloz e consequentemente estável, o Camaro chega com algumas novidades que podem agradar qualquer tipo de público.

O monstro de 4 rodas chega as terras brasileiras com uma supremacia que a própria marca carrega. O desempenho, portanto, é impressionante. O carro chega a fazer 4,2 segundos quando sai do seu repouso até os 100 km.

Um dos detalhes que são oferecidos a essa nova linha, são as algumas mudanças que são presentes ao longo de todo veículo como as luzes de LED dos seus faróis, mostrando a sua imponência e versatilidade, sem perder a essência que a própria marca se tornou ao longo dos anos.

Ficha Técnica

A imponente marca traz um importante fator para quem compra o Camaro. Tais motivos não fazem o comprador tão cedo querer outro carro que possa traduzir em números sua velocidade e estabilização. Composto de 461 cavalos de potência, transmissão de 10 marchas, surpreendendo a maioria já que sua linha anterior era de 8 marchas.

Uma das características desta marca é a fidelidade de seus comprados, desde quando desembarcou em terras brasileiras em 2010, foram vendidos cerca de 6 mil carros, um número relativamente alto devido ao custo não ser possível para grande parte da população do país. Entretanto, um dos possíveis postulantes a ser revelação em vendas é o rival Ford Mustang, tão competitivo quanto ao Camaro.

O preço, entretanto, é artigo de luxo, custando cerca de R$315.000.

Investimento pode dar bons frutos

Apesar do alto valor como de costume, o Camaro pode ser um fator interessante a longo prazo, até mesmo para pessoas que não tem uma grana considerada adequada para comprar com certa facilidade.

Diante disso é preciso verificar as condições, o momento financeiro em que se vive, buscar alternativas seguras e confortáveis para fazer determinado investimento.

Um dos fatores que podem servir de motivação, talvez seja a experiência proporcionada a este carro, além do ronco do motor que fascina geração a geração. Fora as questões socioculturais que estão por trás deste carro, na busca de melhorar sempre a cada vez versão. Transformando missões e valores como fatores para serem trabalhados de forma eficaz e segura.

O seu desenvolvimento nos anos 1960 foi determinante para o porte que suporta em sua estrutura, mostrando mais uma vez valor de mercado e confiança de cada comprador.

Seu potente motor V8 impulsiona concorrentes a fazerem um semelhante capaz de tentar aproximar do estilo esportivo mais popular do Brasil, na classe de luxo se considerada nos seguintes segmentos compostos por todos os estados do país.

O que identifica o consumidor com este carro?

Seu design é superior aos seus concorrentes, por isso, é um dos motivos que os consumidores preferem o Camaro do que um Ford Mustang, apesar do amplo marketing que seu concorrente anda atraindo.

O desempenho ímpar e considerado o coração do carro, talvez seja a parte mais admirável que o Camaro possui para desempenhar não apenas pelo que ele representa mais sim sua disposição que é traçada em qualquer ambiente, seja nas vias urbanas, quanto nas estradas de todo Brasil.

O consumidor fiel não adquire outro carro de outra marca por vários motivos. O motor diferente dos demais, além da economia proposta e os seus 461 cavalos com aceleração podendo chegar a 290 km por hora talvez faça lembrar melhor os carros de luxo proporcionado pelo sonho de consumo de muita gente que assistiu a franquia de Velozes e Furiosos e Need For Speed nas telinhas.

A sua comercialização do novo Camaro está prevista para janeiro de 2019, trazendo expectativas e maior possibilidade de venda, assim como foi sucesso desde a sua chegada nas primeiras linhas que fizeram tornar o principal veículo automotivo de luxo do Brasil.

Por Thalles Cakan

Chevrolet Camaro 2019

Chevrolet Camaro 2019


Chevrolet Cruze Black Bow Tie 2019 – Nova Série Especial


Série Especial possui visual mais escuro chega após ter sido lançada também na Tracker e S10.

A montadora Chevrolet recentemente lançou um visual dark para os seus modelos Tracker e S10 Cruze, agora também traz o visual escuro para o novo Cruze 2019, embora seja menos radical, se comparado com as versões de seus irmãos. Na versão sedã, Black Bow Tie foi o nome dado a essa série especial.

A novidade só será disponibilizada na versão LT, a de entrada. O lançamento contará com rodas mais escuras e com acabamento fosco, tapetes de carpete, além de possuir também as gravatas, desenho consagrado da montadora estadunidense e também o emblema do modelo "Cruze", tudo na cor preta.

A princípio, o novo Cruze na edição Black Bow Tie irá ser comercializado somente na cor preta.

Entretanto, a montadora irá disponibilizar também uma personalização voltada para as outras cores, sendo acessórios originais que poderão ser adquiridos no momento da compra do veículo.

A reestilização está muito próxima

O lançamento de séries especiais como esta podem significar diversas coisas. Dentre estas, podemos citar uma tomada, já nos finalmentes, dando um fôlego para modelos que contam com alterações bem próximas.

No caso do Cruze, pode ser isso que está ocorrendo, isto é, aguardando uma renovação do design, o que já aconteceu na terra do Tio Sam.

No redesenho do modelo, que está pra desembarcar em território brasileiro no começo do ano de 2019, o sedã conta com um design mais esportivo, contando com maiores aberturas em seu para-choque na parte dianteira, além de possuir desenhos novos para suas rodas e grades.

Outra mudança que pode ocorrer na linha é a substituição da versão top de linha, conhecida como LTZ, pela versão Premier, o que já aconteceu com o Equinox e a Tracker.

Sobre o Visual

Na parte visual, o Chevrolet Cruze 2019 vem com o logotipo da marca com um fundo preto, os emblemas do “Cruze” mais escuros e rodas com raio de 17 polegadas. Como opcional, o cliente também pode equipar sua nova aquisição com um sistema de som da marca JBL em uma versão premium do produto.

Sobre o Motor

Sob o capô do lançamento a mecânica continua a mesma. O novo Chevrolet Cruze em sua linha 2019 continua equipado com um propulsor de 1400 cc (1.4) com 16 válvulas em um motor Turbo Flex que tem a capacidade de gerar uma potência de 153 cavalos, além de contar com um torque de 24,5kgmf ao ter seu tanque abastecido de etanol, e ao fazer uso de gasolina o veículo consegue gerar uma potência de 150 cv e 24Kgfm de torque. Tudo isso será acoplado a um câmbio automático com seis velocidades.

Itens de série

Os itens de série presentes no novo Cruze 2019 série Black Bow Tie serão os seguintes: câmera de ré acoplada com um sensor de estacionamento; acabamento premium para o painel, o volante e para os bancos; a multimídia MyLink será compatível com sistemas como Apple CarPlay e Android Auto, além de suportar o exclusivo sistema de comunicação avançada, conhecido como OnStar.

Além disso, contarão também com controle voltados a tração e a estabilidade do veículo e também sistema isofix, o qual é destinado a fixação de cadeiras infantis.

Sobre a Segurança

Dentre os diversos equipamentos de segurança do modelo pode-se citar freios ABS com tecnologia de distribuição de força de frenagem, também conhecido como EBD e o de frenagem de emergência, conhecido como BPA, além de controle de cruzeiro e direção elétrica progressiva.

Ainda farão parte da lista de elementos de segurança do novo Cruze 2019, o fechamento e abertura dos vidros através de controle remoto, o sistema que realizará o monitoramento da pressão de cada um dos pneus e o assistente para partida em rampas.

FILIPE R SILVA


Carros mais vendidos em Agosto de 2018


O Chevrolet Onix continua liderando o ranking, com 21.763 unidades emplacadas.

Pelos dados obtidos dos números de RENAVAM no último mês de Agosto (as informações precisam ainda ser confirmadas pela Fenabrave) a preferência nacional continua sendo o Chevrolet Onix.

Aliás, uma preferência que se consolida mês a mês colocando o modelo da montadora americana com folga de mais de 11 mil exemplares em comparação ao segundo colocado o também consolidado modelo da montadora coreana HB20.

Para fechar o pódio ficou o Ford Ka com uma mínima diferença (pouco menos de 500 unidades) do modelo coreano.

No segundo pelotão, das quartas as oitavas posições, tudo fica mais embolado com vitória apertada obtida pelo VW Gol, seguido por seu irmão maior o VW Polo, também obtendo pequena vantagem para o Fiat Argo.

Por fim, o pelotão fecha com o sedan Chevrolet Prisma e o líder de seu segmento, o SUVJeep Compass seguido pelo também SUV Hyundai Creta.

Depois do pelotão de elite, algumas trocas de posições de modelos são notadas, o Toyota Corolla é o que mais chama atenção, o sedan japonês já esteve melhor posicionado no ranking em meses anteriores, tendência ou não, os SUV(s) e Crossovers começam a marcar presença mais marcante com o Honda HR-V e Nissan Kicks emplacando mais de 4 mil unidades e colocando no primeiro pelotão constantemente. O lançamento da Toyota, o Toyota Yaris começa a fazer bonito e já ocupa o Décimo Sétimo lugar a frente de veteranos como o VW Fox e Renault Sandero.

Confira abaixo o ranking dos 10 veículos mais vendidos no mês de Agosto

1º posição: Chevrolet Onix com 21.763 unidades emplacadas

2º posição: Hyundai HB20 com 10.589 unidades emplacadas

3º posição: Ford Ka com 10.118 unidades emplacadas

4º posição: VW Gol com 6.628 unidades emplacadas

5º posição: VW Polo com 6.544 unidades emplacadas

6º posição: Renault Kwid com 6.273 unidades emplacadas

7º posição: Fiat Argo com 6.166 unidades emplacadas

8º posição: Chevrolet Prisma com 6.119 unidades emplacadas

9º posição: Jeep Compass com 5.800 unidades emplacadas

10º posição: Hyundai Creta com 5.277 unidades emplacadas

11º posição: Toyota Corolla com 5.238 unidades emplacadas

12º posição: Honda HR-V com 5.021 unidades emplacadas

13º posição: Fiat Mobi com 4.874 unidades emplacadas

14º posição: Nissan Kicks com 4.792 unidades emplacadas

15º posição: VW Virtus com 4.650 unidades emplacadas

16º posição: Jeep Renegade com 4.465 unidades emplacadas

17º posição: Toyota Yaris Hatch com 4.091 unidades emplacadas

18º posição: Fiat Cronos com 4.026 unidades emplacadas

19º posição: VW Fox com 3.982 unidades emplacadas

20º posição: Renault Sandero com 3.868 unidades emplacadas

Vitória dupla (e consolidada) dos modelos da Fiat entre os Comerciais Leves

A montadora italiana tem motivos de sobra para comemorar entre os comerciais leves, mais uma vez a dupla Fiat Toro e Fiat Strada ficam em primeiro e segundo lugar com diferença mínima para a Picape de pouco mais de 50 unidades.

Fora esta dupla vitoriosa, temos o destaque da VW Saveiro com crescimento em número de unidades emplacadas e da Ford Ranger, sexta colocada, mas também apresentando crescimento e encostando cada vez mais na quinta colocação representada pela Chevrolet S10.

Abaixo o ranking dos seis comerciais leves mais vendidos no mês de Agosto

1º posição: Fiat Toro com 6.172 unidades emplacadas

2º posição: Fiat Strada com 6.119 unidades emplacadas

3º posição: VW Saveiro com 4.237 unidades emplacadas

4º posição: Toyota Hilux com 3.542 unidades emplacadas

5º posição: Chevrolet S10 com 2.645 unidades emplacadas

6º posição: Ford Ranger com 2.175 unidades emplacadas

7º posição: VW Amarok com 1.720 unidades emplacadas

8º posição: Fiat Fiorino com 1.464 unidades emplacadas

9º posição: Chevrolet Montana com 1.404 unidades emplacadas

10º posição: Renault Duster Oroch com 1.374 unidades emplacadas

Por Carlos B.

Chevrolet Onix 2018


Chevrolet Spin Activ 2019 – Novidades, Mudanças


A versão aventureira do Chevrolet Spin contará com algumas mudanças em sua linha 2019.

O Chevrolet Spin Activ contará com algumas mudanças na linha 2019, não sendo nada radical, mas os novos traços certamente deixarão o design mais moderno. Algumas fotos já haviam vazado na internet antes mesmo da empresa revelar a novidade, por isso o público interessado já tinha uma boa ideia de como ficaria. Essa é a versão mais aventureira do modelo que além de garantir um novo design ainda conta com mais uma novidade que é a retirada do estepe que nas versões anteriores ficavam na tampa do porta-malas.

A nova versão 2019 do Spin Activ ainda conta com mais equipamentos, com opções para 5 e 7 lugares. Entre as novidades, estão: faróis renovados com luzes diurnas de LED, lanternas com novo design, rodas de 16 polegadas e os para-choques foram totalmente redesenhados, contando agora com um estilo que ajuda o Spin Activ a ficar com um visual mais aventureiro.

O Spin Activ continua oferecendo espaço, tecnologia de ponta e em sua versão aventureira procura conquistar maior espaço no mercado com mais opções para o consumidor, pois já viu que a concorrência tem investido pesado e que os lançamentos para 2019 prometem bastante. Entre os equipamentos estão cintos de segurança de 3 pontos, Isofix, apoio de cabeça para todos, sensor de chuva, câmera de ré, os faróis de alerta acendem automaticamente quando alguém fica no banco traseiro, ou então algum objeto.

Para garantir potência ao modelo, um motor 1.8 8V flex de 106/111 cv, sendo que essa parte não sofreu nenhuma modificação, mostrando que a Chevrolet procurou trazer algumas novidades, mas sem gastar em grandes alterações, principalmente na parte mecânica do veículo.

Quando a Chevrolet apresentou o Spin Activ para o mercado brasileiro, mais agradou do que ganhou críticas, pois a primeira reestilização da minivan parece que acertou o gosto do consumidor brasileiro. A empresa resolveu revelar primeiro apenas a versão aventureira, a Activ, mas isso não é problema, já que as outras versões terão o mesmo design.

O visual do Spin Activ ficou menos poluído e claro, menos polêmico também, principalmente a dianteira que ficou mais bonita com os novos faróis e para-choque mais no estilo do veículo. A lateral foi a parte com menos alterações, mas na traseira as novidades são logo percebidas, principalmente a ausência do estepe, que foi parar sob o assoalho do porta-malas. No lugar do estepe, a Chevrolet soube preencher o espaço, sem exagerar nos detalhes.

Outra mudança que merece destaque na nova Spin Activ 2019 é a versão com 7 lugares, sendo que antes somente a LTZ contava com esse diferencial. Chamada de Activ7, é uma excelente opção para quem tem família maior, ou quem precisa de um veículo para viagens constantes levando mais pessoas. Importante observar ainda que agora há trilhos na segunda fileira de bancos que podem aumentar em 11 centímetros o espaço para os passageiros. Esse recurso pode ser utilizado também no transporte de carga, fazendo com que o porta-malas vá de 710 para 756 litros, garantindo uma opção bem interessante para quem está sempre precisando de um espaço a mais.

Quem tiver interesse precisa comparar com outros modelos nesta faixa de preço e ver o que a concorrência oferece, por exemplo, nesta nova versão do Spin Activ, a Chevrolet não oferece controles de tração e estabilidade, nem airbags adicionais, apenas o que é obrigado por lei, que são os frontais, mas estas opções já estão nos modelos de outras marcas.

Direção elétrica, luz de estacionamento, ar-condicionado, controle de velocidade de cruzeiro, câmera de ré, são alguns dos itens de série. Outra mudança que vale a pena conferir está no quadro de instrumentos, que agora conta com grafismos analógicos.

De acordo com os testes realizados pelo Inmetro, o consumo na cidade é de 10,3 km/l e 7,0 km/l com gasolina e álcool. Na estrada, chega a 12,0 km/l e 8,3 km/l com gasolina e álcool.

Por Russel


Chevrolet Cobalt 2019 – Características, Especificações


Quem estiver pensando em comprar um Cobalt novo deve pensar bem porque a GM já confirmou que em 2020 trará para o mercado nacional um substituto para o modelo, que irá competir diretamente com o Virtus da Volkswagen.

O novo Chevrolet Cobalt 2019 chega muito bem visto pelo consumidor do brasileiro, mas nem tudo é perfeito e ainda receberá algumas críticas. Esta nova versão não traz muitas diferenças, talvez a empresa ficou com medo de atrapalhar o que já é sucesso, mas muitas pessoas esperaram o lançamento do novo Cobalt para adquirir seu veículo zero quilômetro e acabaram se decepcionando com as poucas novidades.

Desde que o 2011, quando o Cobalt chegou ao mercado brasileiro, que o veículo é um sucesso e sempre muito elogiado. O modelo chegou para ficar no lugar do Corsa Sedan e cumpriu muito bem o seu papel, ficando acima das expectativas. A plataforma do Cobalt é compartilhada com o Onix e o Spin, mas no início ele ela próximo do Sonic e só contava com motor 1.4 flex, mas o sucesso foi tão grande e rápido também, que no ano seguinte a GM resolveu trazer a versão com motor mais potente e transmissão automática de 6 velocidades, que foi aprovado pelo consumidor.

Com a mudança para a plataforma do Onix e Spin, o Cobalt acabou se beneficiando, pois adotou um novo design, passando por uma reestilização completa e isso logo resultou no aumento das vendas. De uma média de 1.200 veículos comercializados por mês, foi para 2.300 e surpreendeu até os mais otimistas.

Quando o modelo 2018 chegou ao mercado nacional, nenhuma mudança drástica foi vista, o mesmo que está acontecendo agora, mas sempre tem algo de novo, por exemplo, o veículo conta com o que há de mais moderno em tecnologia, oferecendo maior comodidade a motorista e passageiros, que podem interagir mais com o carro.

E quem estiver pensando em comprar um Cobalt novo deve pensar bem porque a GM já confirmou que em 2020 trará para o mercado nacional um substituto para o modelo, que irá competir diretamente com o Virtus da Volkswagen. Sendo assim, quem puder esperar por mais um ano, irá adquirir um Cobalt realmente renovado, com muito mais novidades. Essa versão 2019 irá mudar pouco, garantindo o que já é bastante elogiado pelo consumidor, como o bom espaço interno e o porta-malas de 563 litros.

A GM está focada no projeto do Cobalt para 2020 e também na renovação de alguns outros veículos, por isso a empresa praticamente não mexeu na versão 2019. Destaque para a nova geração do Onix, que hoje é o carro mais vendido no Brasil. A notícia é boa para quem pretende comprar seu carro 0Km ano que vem ou em 2020, mas ruim para quem irá trocar agora, pois irá adquirir um Cobalt novo, mas praticamente igual às versões anteriores.

Hoje no mercado brasileiro, o Cobalt está disponível nas seguintes versões:

· LT 1.4 8V Flex

· LTZ 1.4 8V Flex

· LTZ 1.8 8V Flex

· LTZ 1.8 8V Automático Flex

· Elite 1.8 8V Automático Flex

As versões que veem com motor 1.4 flex são todas com câmbio manual e 6 marchas, enquanto as versões 1.8 flex podem contar com câmbio manual ou automático, sendo ambos de 6 marchas.

A versão mais barata do Cobalt custa R$ 57.190 e a versão completa sai por R$ 71.490,00. Com tantas opções, o consumidor precisa conhecer muito bem cada uma e ver qual delas lhe atende melhor.

O novo Cobalt 2019 com motor 1.4 flex de 97 cv com gasolina e 102 cv com álcool, atende muito bem na cidade e também na estrada. A velocidade máxima é de 170 km/h com tempo de 0-100 km/h em 10.6 s.

O comprimento total é de 4,47m, com 1,52m de altura e 2,62m de distância entre-eixos. O tanque de combustível tem capacidade para 54 litros. De acordo com os testes realizados pelo Inmetro, o consumo do Cobalt é o seguinte:

Motor 1.4 flex: cidade 8.5 km/l com álcool e 12.5 km/l com gasolina. Na estrada é de 10.5 km/l com álcool e 15.3 km/l com gasolina.

Motor 1.8 flex: cidade 8.3 km/l com álcool e 12.1 km/l com gasolina. Na estrada é de 10.4 km/l com álcool e 15.1 km/l com gasolina.

Por Russel

Chevrolet Cobalt 2019

Chevrolet Cobalt 2019

Chevrolet Cobalt 2019


Chevrolet Silverado 2019 – Características, Especificações


Nova geração da picape será lançada em 8 versões e contará com diversas novidades.

Para os anos de 2018 e 2019, a Chevrolet reservou a nova geração da pickup Silverado, conforme apresentado na Detroit Auto Show 2018. A Pickup Silverado trouxe algumas mudanças em relação às tradições do modelo, chegando a um páreo de sucesso entre outros modelos, como o Ford F-150 e Dodge Ram 1500. Traremos nesta revisão da nova Chevrolet Silverado 2019 sua ficha técnica, preço e visuais do modelo que chega ao mercado após o centenário de fabricação do seu primeiro modelo de caminhonete de 1 tonelada da empresa americana.

A fabricação da nova Silverado terá início no meio do verão de 2018, na cidade de Fort Wayne, Indiana (Estados Unidos), e os clientes já poderão desfrutar seu conforto e novidades no início do outono. O preço ainda não foi revelado, porém, o esperado é que seja aproximado de seu antecessor, que pode ser comparado ao último modelo da concorrente Dodge Ram 1500, em torno de R$ 261.990 e Ford F-150, por volta de R$200.000,00.

Vale ressaltar que a Chevrolet Silverado abrange um grande público. Dentre suas novidades, temos 8 variantes no modelo, que são:

  • LTZ;
  • Custom;
  • Custom Trailboss;
  • WT;
  • RST;
  • High Country;
  • LT;
  • LT Trailboss.

Dentre estas variantes, é notável a roadster Chevrolet Silverado RST, com corpo brilhante e aerodinâmico, rodas 22" de borracha perfil baixo, plataformas para carga de três tipos além de três tamanhos de cabine: Supercarb, Supercrew e Única, e também tração traseira ou integral.

Os modelos da nova geração Silverado são construídos em plataforma T1, na qual sua diferença está na matéria prima, de alumínio maciço. Tanto o capô, suas portas e seu bagageiro são construídos em metal de alta resistência, e seus braços de suspensão terão composição em alumínio forjado. Em paralelo, algumas das versões Sport serão fabricadas com material composto (também encontrado em esportivos como o Corvette). O quadro da nova geração das cominhonetes Silverado tem sua composição de fábrica em 80% de aço altamente resistente, o que lhe permite não somente reduzir o seu peso em 40 kg, comparado à estrutura da geração anterior do mesmo modelo, e também terá a rigidez de sua torção aumentada numa taxa de 10%.

Seu peso total, no que se refere ao captador, é 204kg a menos que sua geração anterior, e o novo corpo cai 40 kg. É útil lembrar que, simultaneamente, a nova pickup Chevrolet Silverado tem significativo aumento (seu comprimento total tem aumentado 40 mm, e também as dimensões entre seus eixos aumentaram em até 100 mm), e apresentará um corpo mais robusto e espaçoso, calculado em aproximados 1784 litros, e, de acordo com representantes da Chevrolet, fica em vantagem de até 20% à frente do que seus concorrentes apresentam.

A nova geração da pickup Chevrolet Silverado recebe um design exterior muito elegante e arrojado: a parte dianteira desta máquina recebeu faróis com iluminação distribuída em três níveis, para-choque inédito e grelha frontal flashradiator totalmente modificada. Nos lados do corpo da pickup, temos perfuradores bem detalhados e arranjados, bem arredondados, em cima dos arcos de suas rodas, estampas brilhantes que destacam suas asas e também as portas dianteiras do veículo, forrado com uma placa, na qual o logo da marca está inscrito, também com plafones para lanternas dimensionais, equipados de preenchimento de diodos emissores de luz.

Interior

No interior da pickup Chevrolet Silverado, mantém-se o bom trato às tradições da marca, no qual se apresenta grande espaço, painel dianteiro avantajado, superfícies com cortes em seu console central, bancos amplos e confortáveis de qualidade, de primeira fila e túnel do centro colossal com amplo apoio para braço. A maior distância entre-eixos permite que passageiros da segunda fila (como, por exemplo, a cabine SuperCrew) tenham mais espaço para suas pernas em 40 milímetros. As versões mais robustas da Silverado têm um equipamento de muito agrado, que é uma guarnição interior revestida em couro, seu sistema multimídia com suporte a internet Wi-Fi, 4G e sistemas operacionais Android Auto e Apple Car Play, carregamento wireless para smartphone, conjunto elétrico de espelhos, poltronas, vidro e coluna de direção completo, zona dupla de controle do clima, controle de cruzeiro adaptável e sistema moderno de segurança.

Ficha técnica

A ficha técnica do modelo 2019 da Chevrolet Silverado ainda não foi revelado por completo por seus fabricantes, porém foram prometidos até 6 motores, variadas caixas de velocidades, motores a gasolina V8, trabalhando com volume de trabalho variando entre 5,3 e 6,2 litros (estes motores estarão equipados com sistema para desativar cilindros, podendo desconectar, caso necessário, 7 cilindros) e Duramax 3.0, turbo diesel.

Seu motor, que comporta até 6,2 litros de gasolina está mais poderoso, agregado com as novas 10 transmissões automáticas, que foram desenvolvidas em conjunto por especialistas das grandes General Motors e Ford. Sua transmissão automática com 10 velocidades é complexa, junto a 6 packs de garras e 4 linhas planetárias.

Por Douglas Ribeiro

Chevrolet Silverado 2019

Chevrolet Silverado 2019

Chevrolet Silverado 2019


Nova Chevrolet Trailblazer 2019 – Preço e Novidades


Modelo deverá chegar às concessionárias custando cerca de R$ 181 mil.

Uma das grandes novidades anunciadas pela Chevrolet para os próximos meses é a nova linha do Chevrolet Trailblazer 2019. Considerado como o primeiro SUV da montadora GM, a receber uma reformulação, o veículo seguirá sendo oferecido em motorizações já conhecidas e com preços que partem dos R$ 181.990 e podem chegar, na versão mais cara, em até R$ 219.990.

Ficou interessado e quer saber mais? Então confere a matéria e fique por dentro de tudo que nos aguarda sobre o modelo.

Motorização com potência máxima

O Chevrolet Trailblazer 2019 será oferecido com o motor 2.8 TurboDiesel e na opção 3.6 V6. Ambas as motorizações são acompanhadas de um câmbio com a transmissão automática de até seis velocidades.

Na primeira versão, a TurboDiesel, o modelo chega entregando 200 cavalos de potência e torque de 51kgfm. Conforme dados do Inmetro, o veículo consegue desenvolver na estrada até 10,5 km por litro. Já na cidade, esse número é de 8,4 km por litro.

Já na versão 3.6 V6, são entregues 279 cavalos de potência em um torque de até 35,7 kgfm. Considerado um modelo mais esportivo, esse SUV recebe especial destaque por seu desempenho, podendo chegar aos 100 km por hora em um tempo máximo de 7,6 segundos.

Mercado competitivo

Para se destacar no mercado, a Chevrolet agregou ao modelo Trailblazer 2019 um pacote de conveniências contendo: luzes para a condução diurna, acendimento automático dos faróis, sensor para chuva, partida remota por meio da chave, direção elétrica, sensor para estacionamento tanto dianteiro como traseiro e, por fim, um retrovisor interno eletrocrômico.

Todos esses e os demais itens de série foram pensados para um mercado que cada vez mais cresce em termos de utilitários esportivos. Sendo assim, não é permitido nenhum escorregão, já que os concorrentes estão de olho em cada fatia do negócio.

Atualmente, a Chevrolet é tida como uma das marcas, entre as quatro maiores, que mais se destaca na produção e na comercialização de SUVs. No Brasil, a montadora americana é considerada a que mais tem crescido no emplacamento dessa modalidade de carros.

Muito desse desempenho positivo nas vendas tem sido atribuído ao campeão de vendas da GM, o SUV compacto Tracker. Somente no primeiro semestre de 2018, as vendas da Trailblazer, Equinox e da Tracker somaram a quantia de 17,3 mil unidades.

Esse número traz um crescimento de 170% em todas as vendas, quando considerado o mesmo período de 2017. Vale acrescentar também que o segmento de SUVs teve um acréscimo total de 27% em vendas no ano de 2018, isso comparado ao ano passado.

Concorrência acirrada

As conquistas da GM são consideradas muito importantes, uma vez que é necessário ter uma linha sólida nessa fatia de mercado de SUVs, já que não há nenhum modelo que seja líder nesse respectivo segmento. De acordo com um levantamento que foi publicado pela Federação Nacional de Distribuição de Veículos, a Fenabrave, o Tracker, apesar de ser o utilitário com maior número de vendas da GM aqui no Brasil, ocupa apenas a sétima colocação em um ranking geral de emplacamentos de SUVs no país.

Todavia, o modelo não possui uma outra versão que confronte de forma direta com os modelos de entrada de seus rivais. Isso porque a sua versão mais popular é vendida a R$ 90 mil. Na comparação com o Jeep Renegade, por exemplo, esse parte dos R$ 77 mil em seu modelo mais barato.

Entre o período de janeiro e de junho de 2018, a Tracker recebeu um total de 13.440 emplacamentos. No segmento voltado para os SUVs médios, o modelo Equinox teve uma melhora em suas vendas após a chegada da versão LT, uma mais em conta, com preços que partem dos R$ 137.990 e podendo chegar a R$ 157.990 em sua versão mais cara, a Premier.

Tido como o principal rival do Compass, o Equinox emplacou no período de janeiro a junho um total de 2.354 unidades em relação ao modelo do Jeep, que alcançou os 28.194.

Para o Chevrolet Trailblazer 2019, por outro lado, deixaram as concessionárias até agora 1.536 unidades. O seu principal líder e rival é o Toyota SW4, que recebeu até o momento 6.142 emplacamentos.

Kellen Kunz


Chevrolet Bolt EV – Lançamento no Brasil


Modelo 100% elétrico deverá ser lançado no Brasil até 2019.

O uso de carros elétricos aqui no Brasil ainda está vivendo um estágio experimental. Mas com certeza não estamos longe do dia em que serão vistos com muita frequência nas ruas dos nossos centros urbanos.

Apesar de algumas dificuldades já conhecidas, sendo um dos principais os seus custos elevados e também a falta de uma infraestrutura adequada, o lançamento do modelo da Chevrolet intitulado como Bolt EV, um modelo 100% elétrico, que dará um grande impulso nesse sentido. No momento, a GM está trabalhando nos preparativos para o lançamento do carro por aqui no Brasil, e deve ocorrer até no máximo em 2019.

Essa unidade já aparece nas fotos de uma das empresas que trouxe para algumas avaliações. A GM global está baseando sua estratégia do futuro nesses três pilares: a eletricidade, a conectividade e o compartilhamento, e sua filial brasileira já está seguindo à risca suas diretrizes.

O Bolt já foi lançado nos Estados Unidos no início desse ano de 2017 e tem planos ousados já para o Brasil, recentemente o seu presidente da empresa GM Mercosul, o senhor Carlos Zarlenga, declarou que de forma alguma não se surpreenderia em ver o Bolt sendo produzido no Brasil ainda nos próximos dez anos se tudo ocorrer como planejado.

Também não custa lembrar, pois a marca é pioneira em ofertar centrais de multimídia nos seus segmentos de entrada para o país e iniciará ainda neste ano a sua operação comercial para compartilhamento de seus veículos com a Maven.

Ela foi criada em janeiro do ano de 2016, nos EUA, a empresa Maven atua por aqui desde junho do ano de 2016, o Brasil segue sendo o primeiro lugar ao qual a empresa se instalou longe do seu país-sede.

O Bolt EV é ainda apenas uma parte mais visível dos novos planos da GM para ocupar as estradas com carros elétricos no Brasil.

Lá nos EUA, o Bolt em seu formato básico custa na faixa de US$ 37.500, e pode até ser alugado pelo valor de US$ 8/hora. Baseado nesses valores e também considerando a taxa de câmbio, os custos de transporte, as margens e os impostos, poderíamos calcular que ele estaria custando hoje por aqui cerca de R$ 250.000.

Mas há uma grande expectativa em relação ao seu valor, pois com as mudanças no conteúdo e dos impostos, já que o governo promete abaixar os valores dos impostos para os carros híbridos e elétricos o seu preço pode cair muito ainda até chegar no comércio nacional.

O novo Chevrolet Bolt EV Cabine é para comportar até 5 pessoas.

A escassez dos pontos para recarga ainda é um sério problema. Porém, o motorista pode conseguir administrar essa situação abastecendo seu veículo em casa. Nos EUA, o novo Bolt traz um carregador pessoal para conexão através de tomada industrial com 240 volt/32 ampere que de acordo declarado pela fábrica, ele carrega no período de uma hora energia suficiente para percorrer 40 km.

E há um kit opcional para carga rápida para corrente contínua que pode permitir o abastecimento necessário para conseguir rodar 144 km em até 30 minutos. O Bolt possui baterias de lítio com uma capacidade de até 60 kWh. São ao todo 288 células agrupadas de três conjuntos que são instalados sob o seu piso da cabine. O seu motor e a sua tração são dianteiros.

O Bolt possui duas telas. A menor, é de 8 polegadas, e fica em frente o volante e, além de velocidade e de outras informações do seu computador de bordo, ele traz um indicador para a quantidade da carga nas suas baterias e a sua autonomia e estimativa de alcances mínimo/máximo, para as condições de uso.

O modelo Chevrolet Bolt EV além de mostrar a velocidade, o painel também mostra autonomia, o consumo instantâneo e as luzes dos seus sistemas de segurança.

Já a maior, possuindo 10,2 polegadas, abriga uma central multimídia com sistema de som, GPS além de ar-condicionado e também um aplicativo com seu histórico do consumo desde seu último carregamento, com as informações até de como a sua energia foi consumida em relação a função de rodagem, a climatização da cabine, além de uso de acessórios e com refrigeração da sua bateria.

Por Ricardo Ferreira Rodrigues

Chevrolet Bolt EV

Chevrolet Bolt EV


Chevrolet Spin 2019 – Fotos, Novo Visual


Veja as principais informações sobre o Chevrolet Spin 2019.

O que muitos não imaginavam acabou acontecendo, que foi a grande transformação que o que a Chevrolet fez em sua versão Spin 2019. Esse carro foi repaginado e trouxe um equilíbrio impressionante em seu Design. Essa transformação foi descoberta na gravação do comercial do novo modelo da Chevrolet que foi feito em Buenos Aires, na Argentina. E com essa revelação, muitos consumidores da marca ficaram animados, já que essa máquina tem muitos motivos para impressionar. Veja abaixo os principais detalhes do Chevrolet Spin 2019.

Veja alguns detalhes da parte externa do Chevrolet Spin 2019

A parte da frente do Chevrolet Spin 2019 foi mudada e agora conta com uma dianteira nova e bem mais moderna. Ela possui grandes faróis com novo formato pontiagudo. E, além disso, ela possui pintura em preto brilhante, que vai agradar aos consumidores mais exigentes e modernos. O Chevrolet Spin 2019 tem para-choques que possuem aplique de plástico preto. Com essa mudança no para-choque essa versão pode ser vista como mais robusta, o que agrada muito, tratando-se de um carro desse modelo.

Veja as informações sobre o motor desse carro

O Chevrolet Spin 2019 possui motor bem moderno e potente, ele vem na versão 1.8 litro Flex e consegue fazer a potência máxima de 111 cv. Ele também possui oito válvulas e 4 cilindros, que permite o usuário ter o melhor de sua potência. Seu torque máximo é 17,7 kgfm e tem câmbio automático ou manual com 6 marchas, e por isso ele é considerado um carro com função dinâmica.

Informações sobre a parte interna do carro

A parte interna do Chevrolet Spin 2019 também é bem impressionante. Pois possui detalhes que ajudam a compor toma a modernidade dessa máquina. Na parte interna o usuário vai encontrar console central com novo formato, volante multifuncional e novos comandos. Na parte interna o carro segue a linha da modernidade, conforto e conectividades. Porém, maiores detalhes ainda serão revelados.

Novo modelo da Chevrolet tem muito espaço para seus ocupantes

Outra informação bem animadora desse carro é que ele é bem espaçoso e aconchegante. Ele possui espaço para sete ocupantes, e se torna viável para uma família de muitas pessoas. Ele também pode ser usado em algum tipo de trabalho de transporte particular, cabe ao seu novo dono ver tais oportunidades.

Carro de medidas chamativas

O novo Chevrolet Spin 2019 possui medidas avantajadas, e mesmo que elas ainda não tenham sido descritas, é possível observar por imagens desse carro que ele vai chamar a atenção por onde passar. Então já posso adiantar para quem está aguardando seu lançamento, que é preciso ter espaço na garagem para guardar essa máquina.

Sobre os itens de série

O pouco que sabe sobre os itens de série desse carro, é que eles serão bem modernos e vão ajudar a compor o estilo desse carro. Os únicos itens que foram citados antes de seu lançamento foram:

– Isofix na segunda fileira

– Encosto de cabeça para os ocupantes (não se sabe se serão para os 7). Mas é claro que podemos contar com uma lista extensa de itens bem importantes nesse carro. É só aguardar o seu lançamento para ter certeza disso.

Quando o Chevrolet Spin 2019 será lançado?

O lançamento desse carro será nesse mês de julho. Não se sabe o dia exato, mas as maiores mídias irão anunciar o dia correto. Então a dica para quem quer um modelo desse e está aguardando ansiosamente para ver esse carro de perto, é ficar atento a qualquer divulgação sobre esse dia.

Essas são as informações do Chevrolet Spin 2019!

Por Cristiane Amaral

Chevrolet Spin 2019

Chevrolet Spin 2019

Chevrolet Spin 2019

Chevrolet Spin 2019

Chevrolet Spin 2019

Chevrolet Spin 2019

Chevrolet Spin 2019


Aumento nos Preços do Onix e Prisma 2019


Modelos tiveram novo aumento de até R$ 500.

A Ford já está com uma nova tabela de preços e o Onix, assim como o Prisma, ficaram até R$ 500 mais caros, dependendo da versão, uma má notícia para aqueles que deixaram para adquirir seu carro novo agora. Os modelos 2019 do Onix e do Prima estão fazendo muito sucesso e tinham grandes sucessos de ficarem entre os mais vendidos, mais uma vez, mas custando mais caro, pode ser que o consumidor brasileiro busque por outras opções no mercado.

E o que não falta para o consumidor são opções, pois o mercado de veículo está repleto de boas novidades, as montadoras capricharam este ano, justamente por saberem que a concorrência é grande. O Onix continua liderando o ranking dos mais vendidos, mas agora que está custando mais caro, outros modelos poderão tentar ficar com a liderança, mas para isto terão que segurar o preço e também oferecer um bom modelo para o consumidor.

Tem pouco mais de um mês que a linha 2019 do Onix e do Prisma chegaram ao mercado nacional e quem se apressou em adquirir seu compacto, conseguiu o preço antigo, mas quem vier adquirir o seu agora, já encontrará preços novos. E o aumento é para todas as versões, chegando até R$ 500. O Activ, por exemplo, que é a versão mais cara, agora custa R$ 68.390 e o LTZ fica em R$ 69.990. A novidade é só mesmo o preço, porque nos itens de cada versão, segue tudo como antes.

Confira o novo preço de tabela para cada uma das versões do Prisma:

  • LT 1.4 MT6: R$ 59.290,00
  • Advantage 1.4 AT6: R$ 59.990,00
  • LT 1.4 AT6: R$ 64.790,00
  • LTZ 1.4 MT6: R$ 64.290,00
  • LTZ 1.4 AT6: R$ 69.990,00

No caso do Onix, são 10 versões e se antes o consumidor precisava ficar de olho no que cada uma tinha a oferecer, para ver qual combinava mais com seu perfil e se era superior à concorrência, agora é preciso conferir também o preço, pois a tabela traz aumento para todas versões, confira.

  • LT 1.0: R$ 48.390,00
  • LT 1.0 com pacote opcional: R$ 50.090,00
  • LT 1.4 MT6: R$ 54.790,00
  • LT 1.4 AT6: R$ 60.090,00
  • Advantage 1.4 AT6: R$ 55.290,00
  • LTZ 1.4 MT6: R$ 59.290,00
  • LTZ 1.4 ATA6: R$ 64.790,00
  • Effect 1.4 MT6: R$ 57.990,00
  • Activ 1.4 MT6: R$ 62.990,00
  • Activ 1.4 AT6: R$ 68.390,00

O Prisma 2019 trouxe não só uma cor inédita, o modelo também oferece mais comodidade, segurança e tecnologia de ponta. Com motor 1.4 de até 106 cv com etanol, o modelo continua com câmbio manual ou automático de 6 marchas para os dois, sendo que o motor 1.0 é apenas para a versão Joy. A versão LT foi a que teve maior aumento de preço e coincidentemente, foi a que trouxe o menor número de itens, o que deixou muito consumidor indignado. A LT vem com rodas de liga aro 15 polegadas, ajuste elétrico para os retrovisores e também tem câmera de ré disponível na multimídia MyLink. Um dos diferenciais externos está na grade frontal, que é cromada. O encosto de cabeça passou a constar em todas as versões, assim como o cinto de 3 pontos para o passageiro que sentar atrás, no meio.

Com esse aumento de até R$ 500 na tabela do Onix e do Prisma, cabe ao consumidor fazer uma nova pesquisa, ver o que a concorrência está oferecendo, conferir os preços e comparar com os modelos da Chevrolet. O importante é não comprar um carro olhando apenas a aparência externa, o design do modelo, é preciso reservar um tempo e fazer um levantamento completo, inclusive dos itens oferecidos, analisando o que cada versão tem em questão de tecnologia, segurança, espaço, comodidade, para fazer a comparação e assim saber o que é mais vantajoso.

Por Russel


Chevrolet Blazer 2019 – Lançamento, Especificações


Novo modelo será lançado com muita potência e beleza.

A Chevrolet norte-americana acaba de divulgar as fotos e detalhes técnicos de seu mais novo SUV, o Chevrolet Blazer 2019.

Com lançamento previsto para o início de 2019, no mercado norte-americano, o SUV deve ocupar o espaço entre outros dois importantes SUV da marca norte-americana, o Chevrolet Equinox e o mais luxuoso Chevrolet Traverse.

A base (plataforma) do novo SUV foi feita em cima de outros dois modelos importantes da família Chevrolet, o Cadillac XT5 e o GMC Acadia, a principal característica destes modelos é o câmbio de nove marchas sempre automático e motores de até seis cilindros com boas potências e torques.

Potência de 305 cavalos

Com uma ótima plataforma mecânica definida, a Chevrolet não decepcionou na mecânica de seu novo SUV, a versão de entrada conta com um motor de 2.5 litros de quatro cilindros e ótimos 193 cavalos de potência com 26 kgfm de torque, já as versões mais luxuosas incorporam motores V6 de 3.6 litros com incríveis 305 cavalos de potência e excelentes 36,5 kgfm de torque, a verdade é que esta última motorização traz desempenho e torque de fazer inveja a muitos esportivos de outros segmentos.

Vale ressaltar que todas estas versões de motores já incorporam sistemas de economia de combustível Start and Stop e tração dianteira.

A Chevrolet irá disponibilizar outras duas versões para seus compradores, a Premier e RS, estas sim já vem com tração nas quatro rodas porém com recursos de desativação da tração por parte do motorista, se desejar, optando por uma tração um eixo só.

Inspiração no Chevrolet Camaro em todos os aspectos

O desenho do Chevrolet Blazer é belo e arrojado, com uma linha de cintura alta, deixando o conjunto de vidros menores especialmente em suas laterais, a carroceria apresenta inúmeros vínculos do teto às portas e a inspiração de toda esta beleza e esportividade vem do Chevrolet Camaro, um modelo esportivo clássico da montadora norte-americana.

A beleza do conjunto se traduz também nos caprichos dos detalhes, as lanternas traseiras também trazem vínculos acentuados, sendo todas de LED, o painel frontal do veículo traz muitos elementos do desenho do Camaro em especial os faróis frontais propositadamente finos e também de LED.

Por enquanto, as versões divulgadas foram a Premier e mais esportiva RS, ambas com detalhes exclusivos de acabamento externos, a Premier por exemplo tem acabamentos com predominância do cromado, já a RS o preto brilhante é quem domina, o futuro comprador ganha rodas de 21 polegadas de tamanho nestas duas primeiras enquanto que as versões de entrada utilizam rodas de 18 polegadas.

Se o exterior já conta com elementos de sobra em alusão ao icônico esportivo da montadora, o interior não foge da regra, a Chevrolet adotou tons extremamente elegantes e desenhos com nichos em formato circular, tudo aludindo ao seu esportivo.

Dentre as principais facilidades tecnológicas destacamos uma enorme quantidade de portas USB para uso de seus ocupantes (no total são seis), um útil porta-luvas com tranca eletrônica como pode ser comandado inclusive com gestos, possibilidade de ter sinal Wi-Fi no interior do veículo, teto solar incorporado ao veículo e com função panorâmica, além de vários outros recursos como o tradicional piloto automático.

Na parte da segurança o destaque para o Chevrolet Blazer é a adoção do Cargo Management System, um útil sistema que divide o porta-malas para itens menores serem transportados com mais segurança e melhor aproveitamento de espaço.

E o nosso mercado (nacional) como fica?

Sem previsão, esta que é a verdade, a novidade deve estrear primeiramente em terras norte-americanas para depois especularmos sua importação ou produção local, torcemos para ser uma das muitas novidades prometidas pela General Motors até 2020, em seu ambicioso plano de mercado recentemente divulgado, neste meio tempo, continuamos com a versão antiga da Blazer nas ruas, derivada das antigas gerações da S-10.

Por C.B.

Chevrolet Blazer 2019

Chevrolet Blazer 2019


Chevrolet Spin 2019 com Visual Reestilizado


Montadora lança teaser mostrando parte da grade frontal do carro.

Uma das mais famosas, históricas e bem sucedidas companhias automobilísticas em todo o mundo não para de surpreender os seus clientes. A Chevrolet dovilgou recentemente o chamado “Teaser” do modelo Spin de 2019, cujo design exterior foi inteiramente reestilizado. Este veículo está entre as novidades mais aguardadas do ano, no que diz respeito a visual.

A divulgação realizada pela Chevrolet, na última terça-feira, dia 12 do mês de junho de 2018, apresenta um Teaser, ou seja, um tipo de instigação à imaginação dos consumidores, o qual tem finalidade de antecipar algo do novo visual projetado para o modelo intitulado minivan Spin de 2019. O mesmo está programado para ser oficialmente apresentado em um prazo que se estenderá, no máximo, até o final deste mesmo mês de junho. Uma das imagens detalha somente um pouco da parte dianteira desta minivan prestes a sair, a qual está focando em uma pequena parte de sua nova grade e do novo farol em grande estilo.

Com um olhar bem atento é possível reparar que, sobretudo os especialistas poderão verificar isso, dentro destas alterações realizadas a parte dianteira do modelo minivan está vasada de modo a seguir uma identidade muito similar à adotada mais recentemente para os modelos Onix e Cobalt, os quais estão munidos de uma grade dividida, num belo desenho, em dois gomos preto foscos, portando, também, dois faróis bem mais afilados e estilizados de modo mais discreto e até minimalista.

Assim, levando em conta as poucas imagens divulgadas, de detalhes específicos deste novo modelo de veículo, ou seja, destes protótipos que foram flagrados em intenso teste, o consumidor e o especialista são capazes de saber que a parte traseira deste automóvel será estilizada, também, dentro do padrão mudanças adotado na dianteira do mesmo. Entre os destaques já mencionados, estão outros apontamentos que se referem ao desenho das chamadas lanternas horizontais, as quais invadem, como se fossem um transbordamento, a tampa do seu porta-malas, o qual, agora, passa a conter a sua placa, que antes estava bem posicionada no meio do para-choque do carro.

Com relação ao seu conjunto de aparatos mecânicos, este veículo não apresenta maiores novidades. Está equipado com um motor de 1.8 Flex operante em 8 válvulas, o qual gera um desempenho que atinge a marca de 111 CV em termos de potência e mais 17,7 de KGFM no que se refere à força de torque, que mantém todo este equipamento de alta categoria, da minivan em questão, com os câmbios conjugados entre duas opções: manual ou automático, porém, ambos com seis velocidades escalares.

A companhia norte-americana aproveitou para fazer confirmar que este novo Spin inteiramente estilizado em nova perspectiva, na sua carcaça, tem data programada de comercialização já no segundo semestre deste mesmo ano de 2018. O modelo renovado do Spin chegará às concessionárias ao longo do segundo semestre, portando um visual muito mais aperfeiçoado, atraente e esportivo, perfeitamente combinado com o atual código de DNA projetado para o design da Chevrolet em todo o mundo.

Portanto, levando em conta as imagens que testemunham uma pequena parte deste modelo renovado e próximo de seu lançamento, cujos protótipos estão em testes e cujas fotos foram publicadas por meio da internet, um dos projetistas e designers da empresa confirmou, especialmente para o site do Carsale, as novas projeções sobre esta minivan toda reelaborada em termos de visual exterior, e que podem ser confirmadas por meio de divulgações realizadas no final do mês de maio de 2018. Carro zero, de boa qualidade e com novo estilo no seu LOOK, sempre será uma grande jogada de marketing. Vale a pena conferir.

Paulo Henrique dos Santos


Recall Chevrolet 2018 – Onix, Prisma, Spin e Cobalt


Problema na caixa de fusível pode ocasionar incêndio no carro.

A causa possível é um defeito no relê na caixa de fusível, esse defeito é um tanto quanto sério pois ele ocasiona a entrada de água na caixa de fusíveis, ocasionando curtos, com isso pode até produzir um superaquecimento no motor, ocasionando um possível incêndio no carro.

Como o problema é seríssimo, a montadora está investigando quantos carros e série foram afetadas com esse defeito de fabricação.

Já se estima uma média de mais de 550 mil carros entre os modelos Onix, Spin, Prisma e Cobalt para o recall. Podendo assim corrigir o erro nos carros e garantir a segurança de todos seus clientes.

Com certeza isso acarretará um prejuízo significativo para a empresa, porém, dinheiro nenhum paga a segurança de uma família que adquiriu um desses modelos. Com certeza o que a empresa mais deseja é que o problema seja resolvido sem nenhum acidente. E que nenhum carro venha sofrer grandes danos por conta desse defeito de fabricação.

Em 2017 a Toyota passou por uma situação muito parecida como essa, tendo que convocar seus clientes para um recall em alguns modelos da marca. Envolvendo na ocasião 563 mil carros com defeitos a serem corrigidos.

O procedimento para correção do defeito está estimado em 20 minutos por carro e seu agendamento deverá ser feito através do site da montadora. Portanto, se você adquiriu algum dos modelos citados acima no período de 2017 para cá, não deixe de conferir se seu carro precisará desse reparo. Pois é muito importante para sua segurança e de toda sua família.

A montadora ainda deverá fazer uma busca geral em seu estoque de exemplares que ainda não foram emplacados. Para que esse defeito já seja solucionado mesmo antes do carro sair da montadora.

É muito bom adquirir um carro zero, porém, é importantíssimo preservar a segurança do carro e eventualmente de todos os passageiros. Por isso pesquise sobre o modelo do seu novo carro para saber se ele não possui nenhum defeito de série. Caso ele possua procure a montadora do veículo para poder solucionar o problema o quanto antes para que assim evite eventuais acidentes.

É importante lembrar que o carro sendo zero km não poderá ser levado no seu mecânico particular senão perderá a garantia de fábrica e suas revisões. Por isso é importante entrar no site e agendar com a própria montadora o dia do reparo.

Deixando assim que os profissionais da fábrica solucionem o problema. Preservando o direito de garantia e revisão prevista no ato da compra do veículo.

É muito importante que os quesitos necessários para manter a garantia sejam respeitados. Pois em um eventual acidente, a primeira coisa que será apurado é se a segurança do veículo continua intacta, se deixar um mecânico que talvez não possua a experiência necessária para mexer no modelo do seu carro e ocorrer um problema futuro. Isso pode te trazer problemas, fazendo com que o carro perca a garantia do veículo e também trazendo para si a responsabilidade pelo acidente causado.

Por isso é muito importante enquanto o veículo estiver na garantia sempre levar na montadora quando possuir qualquer tipo de problema ou identificar qualquer defeito no carro.

Hoje as mecânicas dos carros são totalmente diferentes de antigamente, como se diz, um fusquinha se conserta até com um pedaço de arame. Porém, os carros novos são altamente tecnológicos, as peças mesclam mecânica com eletrônica. Por isso é necessário ter um amplo conhecimento nessa mecânica atual. Para que de fato o mecânico consiga identificar o defeito e poder consertar da maneira correta reparando cada defeito.

Não deixe para amanhã para agendar sua visita e fazer seu recall no seu carro.

Ricardo Ferreira Rodrigues


Descontos da Chevrolet para Pessoa Jurídica (CNPJ) – Preço dos Carros


Confira aqui mais detalhes sobre os descontos para carros da Chevrolet para Pessoa Jurídica.

Uma boa notícia está sendo divulgada para quem é dono de seu próprio negócio e necessita adquirir veículos para compor uma frota de trabalho. Seguindo os passos da Volkswagen, a empresa Chevrolet adotou o processo de desconto sobre a sua linha de modelos em relação aos clientes que possuam o CNPJ, ou Cadastro Nacional da Pessoa Jurídica. A companhia norte-americana está autorizando descontos em quase todos os seus modelos que são ofertados para empresas. A única exceção está no modelo SUV médio Trailblazer, sendo que os demais veículos, seja de passeio ou utilitários, terão descontos entre 3% e 20%.

A relação abaixo lista alguns dos modelos na linha de desconto:

O modelo Chevrolet Onix em sua versão Joy está disponível aos portadores de CNPJ com um desconto de até 8%. O valor deste automóvel registrado em tabela é de 42.190 mil reais, baixando para 38.815 mil reais com este benefício. Está equipado com motor de 1.0 litro flex, desempenho de 80 CV e 9,8 KGFM máximo, conjugado à sua transmissão manual com seis velocidades escalares. Em termos de equipagem ele possui monitoramento na pressão dos pneus; vem com ar-condicionado; com direção elétrica progressiva; com vidros dianteiros munidos de travas elétricas e o banco traseiro rebatível.

O modelo LT está equipado com motor de 1.4, desempenho de 106 CV e 13,9 KGFM, conjugados à transmissão automática em seis velocidades. As empresas podem adquirir este modelo pelo valor de 52.054 mil reais, representando este preço um desconto de até 8,5% diante dos 56.890 mil reais na tabela. Está aparelhado com ar-condicionado; com direção elétrica progressiva; com sensor de estacionamento traseiro; com vidros operantes por travas elétricas; com volante multifuncional; com banco traseiro rebatível e mais um sistema de multimídia MyLink munido tela de sete polegadas; dispositivo Android Auto e o Apple CarPlay.

O modelo Chevrolet Prisma é vendido para empresas com desconto de até 8,5%, em sua versão Top de Linha intitulada LTZ, equipada com motor de 1.4 flex, desempenho de 106 CV e mais 13,9 KGFM conjugado ao seu câmbio automático em seis marchas. O valor cai de 68.090 mil reais para 62.302 mil reais. Está munido de faróis e lanterna para neblina; de ar-condicionado; de direção elétrica progressiva; de trio elétrico; possui volante multifuncional produzido em couro; função de sensor de estacionamento na parte traseira, entre outros.

O modelo Chevrolet Cobalt está entre as melhores opções para empresas que necessitam utilizar parte de seus automóveis no transporte de seus colaboradores. Este veículo possui amplo e confortável espaço interno. A sua versão intitulada LTZ de 1.8 MT possui valor tabelado na faixa de 65.290 mil reais, baixando para o preço de 58.108 mil reais, por meio de um desconto de até 11% cedido somente às empresas.

O modelo crossover compacto de título Chevrolet Tracker tem desconto de até 5% em sua versão LT com motor de 1.4 turbo. Conjugado ao câmbio automático de seis marchas, o preço desse modelo baixa de 85.890 mil reais para até 81.595 mil reais.

Uma das grandes vantagens está na aquisição da picape média intitulada Chevrolet S10, a qual conta com um desconto de até 12% em relação ao modelo LT com cabine dupla e aparelhada de um motor de 2.8 turbo-diesel, com desempenho de 200 CV e mais 51 KGFM, conjugado à sua transmissão automática em seis marchas e mais a tração de 4 por 4. Esta variante está no valor inicial de 154.990 mil reais, entretanto, o seu preço baixa para 136.040 mil reais, o melhor desconto desta lista para as pessoas com CNPJ.

Paulo Henrique dos Santos


Chevrolet Spin 2019 – Características, Novidades


As mudanças na Spin deverão ser na área estética, tanto na parte interior quanto na exterior do carro.

O que deve chamar a atenção na nova Spin é sua reestilização, que por sinal dará uma aparência ainda mais atraente no modelo, pois trará algo mais agressivo e seus compradores poderão gostar muito disso. Confira abaixo todas as novidades sobre a nova Spin 2019.

Na intenção de substituir a Meriva no Brasil, em 2012 a Spin foi lançada, com a característica de minivan da General Motors.

A Chevrolet Spin é comercializada não só no Brasil, mas em muitos outros países que atualmente se encontram em desenvolvimento, chamados emergentes. A ideia inicialmente da Chevrolet era fabricar dois modelos de versões diferentes, uma delas seria como já citada para substituir a Meriva e a outra para substituir a Zafira, isso aconteceria pelo motivo de que a Meriva é grande, mas possui 5 lugares enquanto a Zafira um pouco maior possui 7, então a versão inicial da Spin é chamada de LT sendo aquela de 5 lugares e a mais top chamada LTZ possuindo os 7 lugares então para substituir a Zafira. As duas, LT e LTZ, trabalham com motor 1.8, o mesmo rende 106 cavalos de potência, mas isso com gasolina, e as opções disponíveis para câmbio são um de modelo automático de seis marchas e outro manual de cinco marchas.

Novidades e características da Spin 2019

A Spin com certeza é orgulho para a Chevrolet, pois sua demanda no país é muito grande desde o lançamento, isso o torna especial, pois uma boa colocação no ranking lhe dá um ótima confiança de compra.

As mudanças na Spin deverão ser na área estética, tanto na parte interior quanto na exterior do carro, como mostram as imagens, mas também devido a uma revisão e atualização na parte mecânica do veículo ter sido feita em 2016.

As mudanças estéticas contam com a modernização de partes do carro, por exemplo, a parte de fora, trazendo traços um pouco mais chamativo do que antes, em todas as partes, o que destaca muito também é a cavidade na parte lateral do carro, que se localiza nas duas portas na parte central, erguendo-se nas laterais e na parte de baixo. Os seguradores de cima do carro têm um design bem interessante, com a parte do meio em prata e suas extremidades em preto fosco.

A parte da frente também recebe algumas características muito interessante, como a agressividade da sua grade, que entra em uma bela harmonia em relação aos seus faróis. O novo estilo dá a impressão de ser um pouco mais quadrado, porém isso não é um problema, já que hoje a maioria dos carros vem com esse estilo para que suas linhas fiquem mais aparentes e mostrá-las deixa um reforço de uma ideia de modernismo.

Versões e preços

Hoje em dia, os modelos são os seguintes:

  • LS 5 lugares 1.8 flex – R$ 59.990,00;
  • LT 5 lugares 1.8 motor flex – R$ 63.590,00;
  • Advantage 5 lugares 1.8 além do motor flex, é automática – R$ 68.670,00;
  • LTZ 7 lugares 1.8 flex – R$ 69.990,00;
  • LTZ 7 lugares 1.8 flex e automática – R$ 73.990,00;
  • Activ 1.8 motor flex e também automática – R$ 73.490,00.

Ficha técnica

  • Motor – 1.8 sendo flex;
  • Transmissão de marchas: Automática e manual, dependendo do modelo;
  • O seu comprimento e milímetros é de: 4,360 mm;
  • A sua largura de espelho à espelho é de: 1,953 mm;
  • A sua altura contando com o bagageiro é de: 1,688 mm;
  • Sua distância entre eixos em mm é de: 2,620 mm;
  • Seu peso, relativamente leve para a categoria é de: 1167 Kg;
  • Capacidade do tanque de combustível considerada alta, porém na média da categoria é de: 53 litros;
  • Capacidade do porta-malas que apesar de pequeno pode ser ajustado é de: 710 litros.

Sua média de consumo foi considerada boa por ser uma minivan.

Por Gustavo Martins

Ainda não temos imagens definitivas do modelo. Você pode conferir as fotos de projeção na página do designer Kleber Silva (ou abaixo, em menor resolução):

Chevrolet Spin 2019

Chevrolet Spin 2019

Chevrolet Spin 2019


Chevrolet S10 2019 – Especificações, Características


Nova S10 recebeu uma boa reestilização, contando com um visual mais sofisticado e o conforto já conhecido da picape.

A GM continua garantindo presença entre as melhores picapes do mercado, ainda mais agora com a nova Chevrolet S10 2019, que traz uma série de novidades para continuar sendo uma das favoritas do consumidor brasileiro. Desde a década de 90 que a S10 vem dominando a categoria, porém, muitas coisas mudaram nos últimos anos, a concorrência vem só aumentando e a GM viu que já era de trazer alguns diferenciais.

A Chevrolet S10 continua sendo uma das mais conhecidas, porém, já não está no topo do ranking das mais vendidas, porém, a nova versão tentará mudar justamente isso. No visual mesmo, poucas foram as mudanças, a empresa preferiu investir na potência e outros itens, o que pode acabar pesando muito nas vendas, já que a concorrência trouxe modelos com design moderno para o mercado, picapes que realmente chamam a atenção com linhas contemporâneas e um visual mais agressivo.

O modelo anterior a este recebeu uma boa reestilização, por isso a GM optou por não mudar tanto dessa vez, somente o básico. Mas em questão de conforto, a S10 continua sendo uma ótima opção, independente do terreno e mesmo em viagens mais longas os ocupantes ficarão bem à vontade. A tecnologia também se faz presente, com os sistemas OnStar e MyLink, o que certamente irá agradar ao consumidor que está cada vez mais exigente a esta questão. O painel interativo traz todas as informações sobre o veículo, desde o consumo, como o trajeto a ser percorrido e muito mais.

Mas se por fora a nova S10 2019 não traz tantas novidades, por dentro ela é um espetáculo e chama a atenção pelo acabamento de qualidade e um contraste que logo é percebido, deixando o visual mais sofisticado, combinando com a tela sensível ao toque do sistema MyLink, a primeira impressão é realmente de um veículo top de linha. A GM realmente se preocupou com a satisfação dos ocupantes, mesmo para quem senta no meio do banco de trás.

Comprar a nova S10 2019 tão logo ela fique disponível em todo território nacional pode até não ser uma boa opção, porque com esse lançamento da GM, o mercado de picapes de grande porte ficará aquecido, outras marcas poderão disponibilizar seus modelos e aí é interessante o consumidor fazer uma comparação, analisar todos os detalhes e finalmente, poder optar por aquela que atende seu perfil.

Entre os itens que deverão chamar a atenção na S10 2019, estão: o OnStar e a Central multimídia Mylink, câmera de ré para evitar colisões traseiras, direção elétrica, maior segurança com os airbags duplos, eficiente computador de bordo, conforto para o motorista com o ajuste elétrico do banco, volante com ajuste para a altura e direção elétrica.

Mas definitivamente, este não é um modelo para quem está pensando em economia, pois o motor 2.8 turbo diesel garante 9 km/l na cidades e 10,5 km/l quando estiver na estrada, porém, com a greve dos caminhoneiros, pode ser que o diesel pare de subir tanto como vinha acontecendo antes da mobilização e neste caso, a economia acaba sendo maior do que ter um carro a gasolina ou etanol.

Confira os preços de entrada para algumas das versões:

  • High Country: R$ 185.990,00
  • LTZ 2.8: Flex: R$ 134.090,00
  • LT 2.5 Flex: R$ 120.690,00
  • LT 2.5 Flex 4×2: R$ 111.490,00

É preciso reservar um bom tempo para conferir todas as versões e principalmente o preço de cada um, assim é possível analisar o que é oferecido e o valor cobrado, para então poder comparar com a concorrência e analisar qual é o modelo que melhor atende no dia a dia. Alguns precisam da picape para uso mais urbano, outros é para rural, ou no trabalho, há quem goste de viajar com a família, então é preciso pensar bem para tentar encontrar o modelo que oferece tudo que o consumidor espera encontrar em seu novo veículo.

Por Russel

Chevrolet S10 2019

Chevrolet S10 2019


Chevrolet Onix 2019 – Preço e Novidades


Modelo chega às concessionárias com preços a partir de R$ 48 mil e com vários itens de série.

Na última sexta-feira (dia 25 de maio) ocorreu a divulgação, por meio da General Motors, das imagens do novo veículo da fabricante, o Chevrolet Onix 2019. Além disso, foram disponibilizados também os detalhes e os preços, junto de informações sobre o sedã Prisma.

A tabela do carro mais vendido no país sofreu alterações que podem variar entre R$ 260,00 (no caso do LT 1.0) até R$ 1.340,00 (no caso do LT 1.4 automático). O automóvel também passou por um acréscimo de itens de série, além de receber uma pintura metálica azul Infinity, embora a configuração de entrada Joy se manteve em seu visual antigo, sem sofrer alterações.

Confira a seguir os preços atuais do Chevrolet Onix:

  • Chevrolet Onix Joy 1.0: a partir de R$ 43.290,00 (sem sofrer alterações);

  • Chevrolet Onix LT 1.0: a partir de R$ 48.150,00 (sofreu aumento, antigamente custava R$ 47.890,00);

  • Chevrolet Onix LT 1.4: a partir de R$ 54.390,00 (também passa por aumento, custava anteriormente R$ 53.090,00);

  • Chevrolet Onix Advantage 1.4 aut.: a partir de R$ 54.890,00 (passando por um leve acréscimo de R$ 540,00);

  • Chevrolet Onix Effect 1.4: a partir de R$ 57.590,00 (antes custava R$ 56.950,00);

  • Chevrolet Onix LTZ 1.4: a partir de R$ 58.990,00 (custava R$ 58.750,00);

  • Chevrolet Onix LT 1.4 aut.: a partir de R$ 59.690,00 (estava disponível no valor de R$ 58.350,00);

  • Chevrolet Onix Activ 1.4: a partir de R$ 62.490,00 (custava R$ 61.850,00);

  • Chevrolet Onix LTZ 1.4 aut.: a partir de R$ 64.450,00 (antigamente R$ 64.150,00);

  • Chevrolet Onix Activ 1.4 aut.: a partir de R$ 67.890,00 (anteriormente custava R$ 67.250,00).

A fabricante vem assegurando que todas as versões do Onix venham a estar disponíveis com cintos de segurança (do tipo de três pontos), além de encosto de cabeça em todos os bancos traseiros. A versão compacta também vem apresentando um par de airbags frontais, dois pontos de ancoragem para cadeiras infantis (Isofix), freios ABS e demais reforços estruturais.

Na parte interna, todas as versões dos veículos apresentam, como itens de série, uma nova iluminação branca, ao invés da azul, em seu painel de instrumentos, além de um volante multifuncional e um computador de bordo. Ademais, os bancos passaram a ser revestidos totalmente de couro nas versões LTZ e Effect, ganhando um novo padrão, pois, antigamente este revestimento só era encontrado nas laterais.

Ainda sobre a versão Effect, que se trata de uma variante esportiva, ela apresenta tetos e rodas de liga leve na cor preta, faróis com lâmpadas no estilo “Blue Vision”, além de volante e bancos revestidos em material que se assemelha a couro.

Já a versão LT, exclusivamente, apresenta uma central multimídia MyLink como opcional, sem câmera de ré, além de espelhos elétricos, acabamento em cromo nas saídas de ar-condicionado e nova chave. Seu motor é de 1.4 e, de série, possui grade frontal com frisos em cromo e rodas de liga leve.

E a versão LTZ apresenta adesivos pretos nas colunas B, acabamento diferenciado nas rodas, além de uma faixa cinza no painel central. O modelo Activ do Onix recebe rodas de liga leve na cor preta e acabamento interno laranja para veículos com a carroceria nesta cor.

Quanto às motorizações, não há alterações. A versão 1.0 continua possuindo 8 válvulas, de até 80 cv de potência e 9,8 kgfm de torque, com câmbio manual de seis marchas. Enquanto a versão 1.4 possui 106 cv de potência e 13,9 kgfm de torque, com seis marchas de câmbio manual ou automático.

Felicia Lopes


Chevrolet Bolt – Lançamento no Brasil em 2018


Chevrolet indicou que o carro elétrico Bolt deverá ser lançado no Brasil ainda em 2018.

A Chevrolet tem uma boa notícia para quem está na espera do Bolt, um dos carros elétricos mais elogiados dos últimos meses, é que o veículo em breve poderá ser lançado no Brasil, porém, ainda há uma série de pendências que precisam ser resolvidas. A General Motors tem grande interesse em disponibilizar este carro elétrico no mercado brasileiro ainda em 2018 e apesar de oficialmente não ser citado nenhum nome, o Bolt é apontado como a opção mais provável.

O modelo tem rodado nos Estados Unidos, mas com uma pequena autonomia e assim acabou se tornando um grande dependente da gasolina, este modelo até já foi apresentado no Salão do Automóvel há cerca de dois anos, mas desde então, muitas mudanças foram feitas e alguns avanços puderam ser conquistados. A intenção da empresa seria colocar o modelo aqui no Brasil para ser testado pela imprensa especializada, assim seria possível ter uma posição melhor, ao saber destes consumidores o que eles acham do novo produto, já que é um automóvel totalmente elétrico.

Nos últimos três anos, a GM até que apresentou algumas novidades para o mercado, mas em 2018 ainda está devendo algo realmente surpreendente, se bem que teve o Chevrolet Equinox que conseguiu boa aceitação no mercado nacional, mesmo assim falta algo inovador. A General Motors continua liderança as vendas no mercado brasileiro, com o Onix dando um show por todo o Brasil, pois o modelo conquistou o consumidor nacional e o modelo continua em alta. As vendas do Onix é quase que o dobro do segundo colocado e isto mostra o sucesso que ele tem feito.

Mas o Bolt faz parte de uma linha que tem crescido muito e que não tem mais volta, pois o mercado mundial continua investindo pesado em veículos elétricos e em muitos países há vários carros assim pelas ruas. A intenção da GM é conseguir ter ao menos duas dezenas de modelos elétricos nos próximos cinco anos, sendo dois crossovers.

Fazer com que o Chevrolet Bolt conquiste o brasileiro não será uma tarefa fácil, mas a GM já traçou algumas metas, por exemplo, implantando um serviço de compartilhamento. O consumidor utiliza um aplicativo e com isso passa a conhecer melhor o veículo. Para causar impacto, poderá ser feito um único lançamento, com o serviço de compartilhamento sendo disponibilizado e o Bolt sendo apresentado ao mercado nacional.

Porém, não há como fugir da realidade, ou seja, a intenção da empresa é realmente vender o Bolt para o consumidor brasileiro e o preço seria um grande obstáculo. Nos Estados Unidos, o valor da minivan elétrica chega a US$ 37.500.

A questão da recarga é outro problema a ser enfrentado no Brasil, pois o modelo tem autonomia de 383 km, ou seja, pode rodar tranquilamente pelas cidades, mas uma viagem um pouco mais distante já complicaria tudo e até nos centros urbanos, praticamente não há pontos de recarga.

Até hoje no Brasil, quando se fala em carro elétrico, logo vem à mente algum modelo experimental, mas a GM está empenhada em mudar isso, fazendo com que o consumidor acredite que esta é uma realidade. Carlos Zarlenga, presidente da GM Mercosul, deu uma entrevista no Salão de Detroit e admitiu o grande interesse da empresa em ter o Bolt no mercado brasileiro e isto é um projeto para breve.

A GM quer sair na frente e ser líder neste mercado em todo Mercosul, inclusive no Brasil e acredita que o Bolt é a melhor opção hoje. O motor elétrico deste modelo gera 200 cv e 36,8 mkgf de torque. As baterias são de íons de lítio de 60 kWh e totalmente recarregadas percorrem 383 km.

O consumidor brasileiro torce para que o Bolt e outros modelos elétricos realmente sejam oferecidos, mas com um preço que vá de encontro com a realidade do país.

Por Russel

Chevrolet Bolt


Chevrolet Prisma 2019 – Características, Especificações


O novo Prisma 2019 traz mudanças bem positivas e entre elas estão: mais espaço para todos os ocupantes, tecnologia com central Multimídia MyLink 2 e bancos extremamente confortáveis.

O Novo Chevrolet Prisma 2019 é um carro que traz muitas mudanças positivas. E elas foram feitas principalmente para agradar aos usuários que conhecem a marca. Além disso, ele traz muitas tecnologias de ponta que foram colocadas no carro para dar conforto e facilidade a todos os ocupantes. O novo Prisma 2019 também conta com uma beleza externa fascinante e que vai cativar a muitos consumidores. Ele é uma grande aposta para este ano de 2019, pois tem tudo para ser um verdadeiro sucesso na visão geral dos consumidores de carro. Conheça agora as principais informações desse carro.

Chevrolet Prisma 2019 tem detalhes internos importantes

Esse carro traz muitos detalhes que foram feitos para encantar qualquer pessoa. Sua beleza vai da parte externa até a parte interna, e consegue manter a qualidade impecável. Muitos consumidores se preocupam com a parte interna do carro, pois lá o usuário encontra conforto, tecnologia e detalhes que prendem a atenção. O novo Prisma 2019 traz mudanças bem positivas e entre elas estão: mais espaço para todos os ocupantes, tecnologia com central Multimídia MyLink 2 e bancos extremamente confortáveis.

Novo Prisma 2019 tem porta-malas grande

Outro fator bem relevante nesse carro é o tamanho do seu porta-malas que é de 500 litros. Muitos usuários têm como critério importante de compra o tamanho do porta-malas e quanto maior ele for, mais ele vai agradar. Isso acontece, pois, a maioria das pessoas hoje em dia necessita de um carro com esse espaço. E essa necessidade aumenta quando o usuário do carro tem uma família com muitas pessoas ou com crianças, nesse último caso o espaço é necessidade para manter a facilidade do dia a dia e também a organização da parte interna do carro.

Chevrolet Prisma 2019 é um carro com muita segurança

A marca também pensou na melhoria da segurança do Novo Prisma 2019 e investiu em alguns detalhes que fazem toda diferença nessa parte, que é muito importante para a maioria dos consumidores de carro. Veja abaixo quais são esses detalhes:

– Ótima suspensão que ajuda a manter o carro firme quando passar por buracos ou asfaltos desnivelados

– Carro com mais estabilidade que ajuda na segurança em todos os tipos de pistas

– Airbags duplos centrais que são importantes em caso de impactos ou acidentes

– Sensor de estacionamento com câmera de ré para ajudar os motoristas mais inexperientes

– Freios ABS para completar a melhoria da segurança do carro

Sobre o motor da versão de entrada do Chevrolet Prisma 2019

A versão de entrada do Chevrolet Prisma 2019 tem motor 1.0 e 4 cilindros. Ele consegue fazer a potência máxima de 80 cv se abastecido com etanol e 78 cv se abastecido com gasolina. Além de ter câmbio manual com 6 marchas, o que agrada a muitos usuários.

Conheça os novos itens de série do Novo Prisma 2019

Os itens de série também fazem parte do conjunto de um carro de alto padrão, e pensando nisso a Chevrolet trouxe muitos itens que vão agradar em cheio até mesmo os usuários mais exigentes. Veja abaixo os principais itens desse carro:

– Faróis com máscara negra

– Função Eco

– Ar-condicionado

– Direção elétrica progressiva

– Alerta de mudança de marcha

– Provisão para instalação de rádio

– Limpador e desembaçador traseiro

– Velocímetro digital

– Vidros dianteiros elétricos

– Rodas aro 14 com calotas

– Cinto do motorista com regulagem de altura

Valor do Novo Prisma 2019

O Novo Prisma 2019 tem 6 versões que foram criadas para agradar diversos gostos dos seus consumidores. A versão de entrada custa R$45.790,00 e a versão Top de linha custa R$67.050,00. Todas as versões possuem segurança, tecnologia conforto e beleza.

Veja o consumo médio da versão de entrada do Chevrolet Prisma 2019

O consumo médio desse carro é bom e ele faz:

Na estrada

Esse carro faz com etanol 11,1 km/l e com gasolina ele faz 15,6 km/l

Na cidade

Esse carro faz com etanol 9,0 km/l e com gasolina ele faz 12,9 km/l

Essas são as informações mais importantes sobre o Chevrolet 2019, que é um carro completo e cheio de detalhes incríveis!

Por Cristiane Amaral

Cevrolet Prisma 2019

Cevrolet Prisma 2019


Chevrolet Onix 2019 – Características, Especificações


Novo Onix traz modernidade tecnológica e em seu visual.

A Chevrolet apresenta que possui um carro para ser utilizado nos dias de hoje. O avanço da tecnologia é o que traz como características de seus veículos com a frase #somosconectados.

O novo Onix projeta a tela do seu smartphone na tela do sistema multimídia através do sistema MyLink da Chevrolet. Neste artigo vamos trazer o que um carro que foi feito para os dias de hoje tem de diferente dos demais.

Onix conectado com o trânsito

A Chevrolet com o modelo Onix tem parceria com o Waze e com a atualização do sistema Android Auto, ficou mais fácil visualizar as rotas e mapas diretamente no aplicativo já instalado, uma forma de saber sobre todas as ocorrências de trânsito e pegar uma rota alternativa mais facilmente.

Viajar agora ficou bem melhor com alerta de acidentes, perigos engarrafamentos, as atualizações das rotas estão mais seguras, desta forma, a agilidade e diminuição das horas em que ficaria parado no trânsito.

Novidades e mudanças

A Chevrolet tem trabalhado para manter seu carro de entrada na liderança do ranking dos carros mais vendidos. O resultado desta motivação está nos detalhes que incluem preços, consumo e design.

Desde 2012, o Onix tem agradado seus proprietários e a cada ano uma novidade confirma esta preferência. Não é para menos ter vários atrativos, justamente porque seus concorrentes são muito fortes com o Gol da Volkswagen, o Fiat Argo, o Ford Ka e o Hyundai HB20 e precisa investir pesado para superar este time de oponentes.

Deixar o seu condutor mais conectado, esta é a aposta da Chevrolet com o Onix, através do seu sistema multimídia para proporcionar mais controle e praticidade. Os controles de áudio no volante já garantem esta promessa, ou seja, sem precisar tirar as mãos do volante, não perde a dirigibilidade.

A versão com câmbio automático possui seu volante revestido em couro, outros detalhes estão voltados para os para-choques e as maçanetas com as cores semelhantes ao veículo.

Onix 2019 renovado com Segurança

O Onix conta com 5 elementos de segurança que podem fazer toda a diferença em casos de emergência. O primeiro elemento é o alerta de pressão nos pneus, uma funcionalidade que alerta o condutor através do app ou dos sinais sonoros.

O segundo elemento é o sistema OnStar para a recuperação do veículo em caso de furto ou roubo. O terceiro elemento é o sensor de estacionamento que auxilia o condutor nas horas em que precisa efetuar balizas.

O quarto elemento são os freios ABS com EBD e finalizando o kit de segurança são os engates padrão ISOFIX que garantem a melhor fixação das cadeirinhas para as crianças.

Novos caminhos para o Onix

Os novos caminhos que a Chevrolet deseja percorrer com o Onix estão voltados ao design. A modernização de suas linhas, bem como a combinação das rodas de alumínio aro 15 polegadas com as luzes em LED e os faróis de neblina com uma apresentação ainda melhor deste Hatch, preferência dos brasileiros.

O interior promove uma experiência ao condutor com a promessa de se tornar inesquecível. Os bancos e volantes apresentam um revestimento premium, trazendo o que tem de melhor em conforto, além disso, vidros e travas elétricas, bem como acionamento automático para abertura de porta-malas.

Completando a experiência de dirigibilidade e conforto, a presença de direção elétrica, com manobras mais fáceis e leves.

Motorização

O Onix apresenta duas versões de motorização 1.0 e 1.4 com os modelo LT. A autonomia de combustível é um dos fatores que chama a atenção. O modelo com motor 1.0 pode rodar na estrada até 826 km com gasolina e a versão com motor 1.4 até 805 km.

O consumo na estrada para 1.0 com etanol na estrada é de 10,5 km/l e na cidade de 8.8 km/l, abastecido com gasolina consegue percorrer até 15,3 km/l na estrada e 12,9 km/l na cidade.

Versões

As versões do Onix estão divididas em LT 1.0 e 1.4, Advantage 1.4 com câmbio automático de 6 velocidades e rodas aro 15 polegadas. A versão LTZ 1.4 possui a tecnologia OnStar e MyLink e a versão Effect com motor 1.4 e rodas de alumínio com 15 polegadas, aerofólio e spoiler.

Os preços das versões variam de R$ 48.150 até R$ 57.590. A manutenção de garantia é feita a partir dos 10.000 km rodados até 100.000 km, os preços iniciam em R$ 220 podendo chegar até R$ 956 de acordo com a quilometragem e peças que precisam ser trocadas.

Por Marcio Ferraz

Chevrolet Onix 2019


Novo Chevrolet Onix Advantage 2018 – Preço e Novidades


Onix ganha nova versão Advantage para ser a automática mais acessível.

A Chevrolet decidiu criar o Onix Advantage para dar ao seu consumidor a oportunidade ter um carro automático e com um preço justo. E essa jogada da Chevrolet promete fazer desse carro um grande sucesso. Além disso, ele oferece uma funcionalidade bem moderna e que promete agradar a todos os seus usuários. Vamos conhecer um pouco mais sobre o Chevrolet Onix Advantage.

Carro visual encantador

Vamos começar falando do design externo dessa máquina, que além de ser lindo, tem peças modernas e muito bom gosto. Ele também é um carro grande e chamativo, ideal para aquelas pessoas que realmente gostam de ostentar sua máquina. No quesito espaço ele também vai agradar muito, ele é indicado para pessoas que tem uma família grande ou que gostam de fazer viagens com amigos. Além de proporcionar conforto e bem-estar.

Conhecendo os itens de série do Chevrolet Onix Advantage

Só para constar, esse modelo oferece muitos itens de série que vão tornar seu carro ainda mais moderno e perfeito. E esses itens valorizam mais ainda esse modelo. Veja todos os itens logo abaixo:

– Retrovisores externos

– Travas elétricas

– Alerta de esquecimento dos faróis acesos

– Alerta de não utilização do cinto de segurança

– Alerta de baixa pressão dos pneus

– Vidros dianteiros com acionamento elétrico

– Painel com velocímetro digital e regulagens de altura do banco, volante e do cinto

– Sistema Isofix e Top Tether para a fixação de cadeirinha infantil

– Direção elétrica

– Transmissão automática

– Ar-condicionado

– Bluetooth

Esses itens de série são necessários para o conforto do condutor e de todos os ocupantes do carro, por isso esse carro vai agradar muitas pessoas.

Conhecendo um pouco mais sobre o motor desse carro

A versão Onix Advantage tem motor 1.4 que é considerado bem potente e ideal para quem gosta de pisar no acelerador. Ele rende até 106 cv e consegue ter um ótimo desempenho tanto na cidade, como na estrada. É um carro Top de linha e ideal para quem quer conforto e modernidade.

Consumo médio do Onix Advantage

Esse carro tem um ótimo consumo tanto na cidade como na estrada e isso já é um bom motivo para decidir compra-lo. Veja abaixo como é o consumo dele em suas versões de abastecimento.

Consumo médio com etanol

Na cidade esse carro faz 7,9 km/l e na estrada 9,6 km/l.

Consumo médio com gasolina

Na cidade 11,7 km/l e na estrada 13,9 km/l.

Então podemos entender que esse carro faz um bom consumo e assim não pesa no bolso do usuário.

Valor do Chevrolet Onix Advantage

A versão Onix Advantage 1.4 tem custo médio de fábrica de R$ 53.990,00. Esse valor é considerado abaixo do esperado por todos os recursos dados por esse carro. Ele é muito moderno, potente, tem muitos concorrentes em sua categoria e mesmo assim consegue custar menos de R$60.000,00. Hoje em dia ter um carro automático e com as vantagens modernas que esse carro permite é uma ótima oportunidade. Esse carro é um grande investimento.

Onix Advantage tem 4 opções de cores

A marca disponibiliza 4 cores, que são as mais escolhidas pelos consumidores de carro. As cores são: prata, preto, branco e cinza.

Detalhes externos que encantam

Como já foi falado aqui nesse artigo, o visual externo do Onix Advantage é muito bonito. Ele tem uma pegada contemporânea que o torna único e de extremo bom gosto. Ele possui calotas escurecidas e rodas aro 15. O grande destaque é o nome da marca que fica estampado nas portas dianteiras e selam toda a elegância dessa máquina.

Este modelo, sem dúvida, é um carro para quem tem bom gosto!

Cristiane Amaral


Novo Prisma Advantage 2018 com Câmbio Automático


Modelo ganhou novos itens e deverá sair por cerca de R$ 58 mil.

Para quem é fâ de um dos sucessos de vendas na categoria de Sedans, o Prisma, a Chevrolet começa bem o ano de 2018 trazendo boas novidades para os seus consumidores.

Segundo os sites especializados em carros, a montadora anunciou o lançamento de uma versão com uma grande novidade: o câmbio automático de seis velocidades.

Após o lançamento do novo Onix 2018 Advantage com motor 1.4 e câmbio automático, a Chevrolet resolveu adotar a mesma estratégia para o seu principal produto na linha dos Sedans médios e lançou também a linha Advantage do Prisma com sistema de marcha automático.

Com isto, a montadora pretende usar toda a sua tecnologia de ponta para trazer para uma ampla maioria dos usuários de carros, um modelo com mais conforto, vantagem e que não custe mais caro por isto.

De fato, se analisarmos a questão de preço, o novo Prisma Advantage 2018 com câmbio automático deverá sair por cerca de R$ 58.000,00, incluindo também uma versão 1.4 do seu motor.

Os consumidores que gostam de conforto e sofisticação sem abrir mão de uma certa economia, poderão encontrar no novo modelo a mesma vantagem que teriam ao comprar outros modelos de Sedan da mesma montadora, mas considerados de alto luxo como o Cruise e o Cobalt.

Para um motor 1.4, o novo Prisma automático chega a um desempenho de cerca de 110 cavalos de força. Nada mal para quem ocupa um lugar intermediário nesta categoria. Isto mesmo com o uso do ar condicionado ligado!!!

A nova linha Advantage apresenta também algumas mudanças na sua parte externa em relação aos modelos lançados na linha tradicional com câmbio manual.

Uma delas é a adoção de novas linhas estéticas e de novos adesivos na coluna central do carro. Isto traz até um certo efeito mais esportivo, característica marcante do Prisma desde seu lançamento. Além disto, a cor preta pode ser encontrada nos retrovisores.

Além do cor preta, o novo Prisma Advantage recebeu também tons bem escurecidos nas calotas que formam um conjunto bem harmonioso com as rodas em material de liga leve e em tamanho 15.

Quem espera alguma novidade no interior do carro poderá se decepcionar bastante. O modelo mantém os mesmos itens de série que o seu semelhante, o Prisma LT.

Ele vem ainda com volante com regulagem de altura, ar condicionado, vidros elétricos, direção elétrica e trava elétrica de fábrica.

Se a Chevrolet tentou apostar num veículo com opcionais de luxo e preço mais acessível, isto com certeza não foi a toa. Com a implantação do câmbio automático de seis marchas, a montadora tirou do novo modelo uma funcionalidade de peso: a central Multimídia MyLink, um dos diferencias do modelo com câmbio manual.

Retirando alguns opcionais e colocando outros, o novo Prisma Advantage surge como um modelo que ganha em segurança. O novo veículo vem com um sistema ISOFIX que funciona como ponto de ancoragem para o uso das chamadas cadeirinhas infantis.

Além disto, ele recebeu um sistema de reforço em aço em toda a sua estrutura lateral, o que elevou o padrão de segurança do novo modelo para o padrão de três estrelas (o máximo é cinco). Isto garante uma proteção maior no caso de colisões laterais, o que na maioria dos acidentes é a responsável pelo número de casos de óbitos em acidentes de trânsito.

Se você ainda está indeciso em adquirir o novo modelo, então não perca mais tempo e se dirija a concessionária mais próxima de sua casa e conheça o novo modelo. Para quem já teve esta oportunidade, garante que não vai perder seu tempo a toa. Se gostar e tiver com dinheiro no bolso, por que não experimentar o novo lançamento?

Emmanoel Gomes


Nova Geração do Corsa chega em 2019


Modelo será baseado no Peugeot 208.

Para você que sempre gostou do Corsa e já teve um, aqui vai uma grande noticia: um dos maiores modelos de veículos fabricados pela Chevrolet e que já saiu de linha deverá voltar a ser fabricado a partir de 2019.

Para quem não sabe, o Corsa não foi projetado pela Chevrolet no Brasil.

Para os menos avisados, é isto mesmo que você está lendo. Se você pensava que um dos grandes sucessos montado pela marca no país fosse propriedade de uma das mais populares marcas brasileiras, enganou-se redondamente.

O projeto original do Corsa, cujo lançamento em terras brasileiras se deu em 1994, é da Opel e foi o primeiro e grande lançamento da marca.

A empresa, de origem alemã, é a autora do projeto que lançou o automóvel em todo o mundo, sendo um sucesso muito grande em toda a Europa.

A marca, que agora é propriedade do grupo francês PSA, deixou para a segunda a tarefa de anunciar o lançamento do projeto que será concretizado a partir de 2019, com a nova linha do veículo já lançado no país.

Depois do seu lançamento no começo dos anos 90 pela General Motors, o veículo ganhou as versões hatch, a do tipo perua, uma versão com duas cabines do tipo utilitário e uma versão mais clássica e urbana, a Sedan Classic, com seus famosos motores do tipo VHC.

Em 2002, o modelo passou por uma transformação aonde incorporou todo o estilo francês até sair de linha em 2012. Os últimos modelos com linhas mais sofisticadas e mais discretas ainda estão rodando por ai, sendo de fabricação tipicamente argentina.

Com o encerramento das atividades da Opel na fabricação do modelo e com o anúncio do lançamento no país, o grupo PSA, detentora da marca e de toda a tecnologia do veículo, já estão sendo alvos da imprensa especializa em carros no Brasil.

A questão é: Com o lançamento no novo modelo em 2019, ela poderá estrear no Brasil? Os executivos do grupo não dizem nem que sim e nem que não. Preferem manter o silêncio e se limitam apenas a afirmar que tudo vai depender dos planos dos matriz francesa.

Dúvidas ou especulações à parte, o que se sabe é que a grupo PSA já está investindo pesado no novo projeto e que para o novo Corsa 2019, ele vai adotar uma nova plataforma de construção de alta tecnologia, a mesma adotada para o Peugeot 208 e o Citroen C3.

A adoção de uma plataforma comum diz respeito à mecânica principalmente, além do que estes três veículos deverão compartilhar também alguns componentes mecânicos.

Na verdade, o que deverá acontecer é o lançamento no mercado de um carro híbrido que mostre tendências e linhas germânicas, mas que terá o funcionamento de seus componentes eletrônicos todos controlados pela tecnologia francesa. O novo Corsa 2019 surge a partir de uma mútua cooperação entre estas várias marcas.

Para a versão 2019, segundo o que foi divulgado até agora é que ele ainda vai contar com o uso de combustível comum. Entretanto, seguindo uma tendência mundial de cuidado com o meio ambiente, a versão já planejada para 2020 deverá ser totalmente elétrica.

Com a produção já definida para a fábrica do grupo na cidade de Saragoza, na Espanha (como já ocorre desde 1982), a montadora espera atingir um dos objetivos das diretrizes das recomendações dos comitês europeus que será um veículo elétrico para cada habitante até 2024.

Emmanoel Gomes


Chevrolet Equinox 2018 – Versões, Preços e Análise


Conheça aqui mais detalhes sobre cada uma das versões do Chevrolet Equinox 2018.

O novo SUV de grande porte da Chevrolet, o Chevrolet Equinox 2018 já esta disponível na rede autorizada com preços competitivos para o seu segmento e uma farta gama de acessórios para o segmento em que atua.

Aliás, um dos principais atributos de venda que a Chevrolet destaca é exatamente este, o SUV chega com preços a partir de R$ 137.490,00 (em um nicho de faixa de preço de até R$ 250.000,00) e apenas duas versões, ambas muito bem equipadas, a LT e Premier, a motorização e transmissão são as mesmas. O Chevrolet Equinox, que inicialmente será importado do México e não tem previsão para qualquer produção local, já vem com motor 2.0 turbo de 262 cavalos a gasolina e ótimos 37 kgfm de torque comandados por uma caixa de transmissão automática de 9 marchas.

O conjunto mecânico se mostra condizente com o porte do veículo, afinal, a versão Premier pode chegar a mais de 2 toneladas de peso, tudo isto com um porta-malas com capacidade para 846 litros e um bom espaço interno devido suas generosas medidas externas: 2,72 metros de comprimento entre os eixos, mais de 1,80 metros de largura, 1,66 metros de altura e 4,65 metros de comprimento. A capacidade do tanque de combustível é de 59 litros, a Chevrolet adota uma autonomia de 595 km rodados em estradas, segundo o consumo oficial medido (8,4 km/h rodando na cidade e 10,1km/h rodando na estrada), números compatíveis com o seu porte.

A Chevrolet Equinox 2018 possui tração nas quatro rodas (sistema AWD) com opção para a 4×2 caso o motorista necessite, seis airbags no total, além de sistema de alerta de segurança para colisões frontais e movimentações em sua traseira e freios com sistema anti-travamento.

A proposta da Chevrolet é ousada, porém seu SUV tem qualidades e uma rede autorizada pré-estabelecida que comporta estes desafios, seu design é bonito e seus detalhes em cromado, tanto na grade frontal como nas molduras das janelas, trazem um ar de sofisticação, causando um diferencial positivo perante seus concorrentes.

Principais Destaques

– SUV equipado com tecnologia de recarga wireless para celulares

– Alertas para colisões frontais com sistema de frenagem automática quando necessárias.

– Sistema de estacionamento, easy park, semi-automático.

– Porta malas com abertura através de sensores de movimento do para-choque traseiro.

– Sistema multimídia com tela de 8 polegadas comandados por toque ou comando de voz e exclusivo sistema MyLink da Chevrolet.

– Conjunto de alto-falantes da marca BOSE permitindo som de alta definição.

Versões da Equinox 2018

– Equinox LT

Preços a partir de R$ 137.490,00

Principais equipamentos:

Ar condicionado com sistema dual zone e saídas de ar para a parte traseira do veículo, controles de tração e estabilidade do veículo, central multimídia com mapas em 3D, opção de trocas manuais, exclusivo sistema de redução de ruídos externos, sistema de partida sem a utilização da chave.

– Equinox Premier

Preços a partir de R$ 155.990,00

Principais equipamentos:

Ar condicionado com sistema dual zone e saídas de ar para a parte traseira do veículo, controles de tração e estabilidade do veículo, central multimídia com mapas em 3D, opção de trocas manuais, exclusivo sistema de redução de ruídos externos, sistema de partida sem a utilização da chave, teto solar incorporado ao veículo e com visibilidade panorâmica, faróis de LED integrados, bancos com regulagem e memória, sensores de alerta de colisão tanto frontal como em tráfego, sistema de estacionamento, sistema auxiliar para declives e aclives, sistema de frenagem do veículo de forma automática.

Cores disponíveis: Cinza, Vermelho, Branco e Preto

A Chevrolet ainda disponibiliza mais de doze acessórios exclusivos para personalização do Equinox, que vão desde Suporte para Tablets, até porta-objetos e bagageiros.

Para maiores detalhes e um configurador exclusivo do modelo, acessem o link da montadora: http://www.chevrolet.com.br/suvs/equinox.html.

C.B