Chevrolet vai fabricar SUV Compacto exclusivo para o mercado brasileiro


Foi confirmado através de informação oriunda do presidente da General Motors (GM), na América Latina, Jaime Ardila, no salão de Detroit que a montadora Chevrolet irá trabalhar na criação de um novo modelo SUV compacto exclusivamente destinado para atender o mercado brasileiro. A criação desse novo SUV compacto segundo as informações desse executivo terá a finalidade única de substituir o Tracker no Brasil.

Essa nova mudança de estratégia da Chevrolet ocorreu porque a montadora observou que as vendas do Tracker aqui no Brasil estavam muito prejudicas, o principal motivo das baixas vendas desse modelo aqui no país ocorre devido ao fato de que esse modelo, quando chega para ser vendido aqui no Brasil, é inserido no famoso sistema de costas de importação de carros oriundos do México.

Por esse motivo a Chevrolet optou por desenvolver um novo modelo de SUV compacto ao invés de simplesmente fazer a reinserção do Tracker no país ou até mesmo fazer investimentos para que esse veículo pudesse ser fabricado em solo tupiniquim.

A previsão do lançamento desse novo modelo de SUV compacto da Chevrolet é entre os anos de 2017 e 2018, contudo ainda não temos muitas novidades e adiantamentos com relação aos detalhes específicos de como será esse veículo, a única dica que podemos deduzir é que a montadora, possivelmente, deverá utilizar, na criação desse novo SUV Compacto, a mesma plataforma que atualmente é utilizada nos compactos nacionais, como por exemplo, no Onix e no Prisma.

De fato essa é uma decisão que a Chevrolet tomou após estudos das tendências do mercado automobilístico brasileiro, pois de alguns anos para cá o perfil do consumidor brasileiro vem mudando consideravelmente, haja vista que devido aos espaços cada vez mais reduzidos para se transitar e estacionar veículos nos grandes centros urbanos os consumidores brasileiros estão, cada vez mais, dando preferência para os veículos compacto de menor porte e que tenham custos de aquisição, de manutenção e de consumo de combustíveis mais baixos.

Por Adriano Oliveira


Chevrolet apresenta carro elétrico Bolt no Salão de Detroit 2015


A montadora Chevrolet, após realizar a apresentação da segunda geração do seu veículo elétrico o Volt, que foi o pioneiro da montadora nessa categoria, agora ela lançou mais uma novidade no mercado. Foi apresentado no Salão de Detroit, nos Estados Unidos, o mais novo veículo da Chevrolet movido 100% à eletricidade, que é mais compacto que seu antecessor, o Volt, esse veículo foi batizado pela montadora com o nome de Bolt.

Nos Estados Unidos, estimava-se que este veículo chegaria ao consumidor final custando cerca de 30 mil dólares, ou seja, se fosse aqui no Brasil este veículo iria custar aproximadamente R$ 78,7 mil. O certo é que a chegada desse veículo no mercado mundial irá representar mais uma alternativa de automóveis com emissões zero de poluentes e dessa vez com o valor bem mais acessível que os demais concorrentes das outras montadoras.

Após o lançamento oficial do veículo, a Chevrolet deu palavra final e fixou o preço sugerido do veículo ao consumidor norte-americano no valor de 34.345 dólares, ou seja, feita a conversão para o Real aqui no Brasil, este modelo iria ser vendido a partir de cerca de 90 mil reais.

A autonomia desse veículo totalmente elétrico é um fato que de ser além de importante causa muita curiosidade nos consumidores do Brasil e do mundo, haja vista que, principalmente, aqui no país os veículos automotores movidos à energia elétrica ainda são novidade.

Foi anunciado pela Chevrolet que o Bolt EV tem uma autonomia para rodar até 320 km se a sua bateria estiver totalmente carregada. Um aspecto muito interessante nesse veículo é que ele possui modos diferentes de condução, a fim de que haja um melhor aproveitamento de energia sendo eles o modo urbano, rodoviário e até mesmo de fim de semana.

Com estes ajustes o pedal do acelerador desse veículo passa a responder conforme algumas variáveis que influenciam diretamente no gasto de energia do automóvel, tais como, a altura que o veículo se encontra em relação ao solo e o nível de rigidez da suspenção, ou seja, nesses modos o veículo consegue poupar energia ou liberá-la.

Por Adriano Oliveira


Novo SUV deve substituir Chevrolet Tracker no Brasil


A Chevrolet já está preparando um novo utilitário esportivo para substituir o Tracker. A notícia foi divulgada  pelo presidente da General Motors na América Latina, Jaime Ardila, durante uma entrevista no Salão de Detroit 2015.

Segundo Jaime Ardila, a montadora avaliou e considerou o desempenho do Tracker no país bem fraco, tendo em vista que o modelo chega ao Brasil pelo conhecido sistema de cotas de importação de carros vindos do México. Não bastasse isso, Ardila afirmou que a General Motors não considera viável a reinserção do modelo no Brasil através de sua fabricação por aqui.

Por fim, Jaime Ardila afirmou que a solução encontrada pela General Motors é fabricar no Brasil um SUV totalmente novo. A previsão é de que este novo veículo seja lançado entre os anos de 2017 e 2018. Apesar do carro ainda estar em desenvolvimento, já se sabe que ele utilizará as plataformas dos compactos Prisma e Onix.

O Chevrolet Tracker foi vendido no Brasil no período entre 2001 e 2004, naquela época ele utilizava um motor Turbodiesel. Após o encerramento de suas vendas no país, ele voltou a dar as caras no ano de 2007, quando participou do Salão do Automóvel de São Paulo e foi um dos destaques da GM no evento. Apesar do sucesso que teve no Salão do Automóvel, a General Motors só voltou a vender o Tracker no Brasil em outubro de 2013. Porém, com o mal índice de vendas do modelo, no Brasil a sua comercialização está com os dias contados.

Chevrolet Tracker 2015


Novo Chevrolet Cruze deve chegar ao Brasil em 2016


A Chevrolet traz ao público brasileiro o novíssimo Chevrolet Cruze 2015. O carro contará com um motor importado e deve estacionar no território tupiniquim no início de 2016. O carro contou com uma sútil reformulação de design, porém, o principal não está no visual. Em verdade as mudanças visuais foram limitadas e o único item totalmente novo do sedã é o para-choque dianteiro. A grade frontal do carro está maior e sai do padrão em colmeias em prol de barras horizontais cromadas. As molduras dos faróis cresceram, nada que chame muito a atenção. Nesse aspecto o carro ganhou luzes diurnas de Led. O interior conta apenas com novas cores de revestimento interno. Nada surpreendente ou digno de nota.

O carro conta com dois recursos na chave canivete, sendo um já existente em outros modelos e um novo. O Comfort Closing é capaz de fechar ou abrir todas as janelas do carro com o pressionar prolongado de um botão. Esse recurso já estava presente no Astra mais antigo. O outro recurso, a novidade, é o sistema de partida a distância. Com o carro travado é possível fazer com que o carro ligue o motor e o ar-condicionado na última programação, tudo isso à distância do carro. Esse sistema é muito bem vindo em dias quentes e funciona por 15 minutos antes que alguém entre no carro. Se ninguém entrar o sistema se desliga automaticamente.

Quando comparadas as inovações do carro às de seus concorrentes, há uma pitada de decepção. O Toyota Corolla e o Nissan Sentra passaram por reformulações pesadas para conquistar mais mercado. O carro acaba deixando um pouco a desejar nessas reformulações.

Por outro lado, o Cruze é o segundo colocado na pesquisa de satisfação dos proprietários, o que mostra que o carro em si é consistente. O motor foi reprogramado nessa nova versão e propicia ao condutor menos trancos, trocas de marchas mais rápidas, além de maior economia de combustível.

Chevrolet Cruze 2015

Por Nosf


Chevrolet Bolt EV – Carro movido totalmente a energia elétrica


A Chevrolet trouxe ao Salão de Detroit seu mais novo conceito que funciona totalmente movido a energia elétrica: o Bolt EV.

A marca aposta no modelo investindo em baixo custo e facilidade de recarregamento. O veículo foi projetado para custar aproximadamente R$ 80 mil e contará com autonomia de aproximadamente 320 quilômetros por carga. Mary Barra, CEO da General Motors, afirmou na apresentação do veículo: “O conceito do Bolt EV quebra paradigmas no mercado de veículos elétricos, pois foi feito para as massas, não para milionários”. O comentário do CEO bate diretamente na tecla acessibilidade já que os carros elétricos atualmente são muito caros.

A montadora afirmou que o veículo tem comportamento programável de acordo com a necessidade do motorista. As configurações têm como base três pilares: Urbano, rodoviário e fim de semana. Cada uma delas tem diferentes padrões de resposta de aceleração, altura do carro em relação ao solo e firmeza da suspensão.

O design segue o esperado para os carros elétricos da geração atual: toques de modernidade e futurismo com linhas curvas longe da simplicidade de modelos mais populares com motor a combustão. O carro conta com diversas aberturas nos para-lamas traseiros para facilitar a passagem de ar além de contar com teto e aerofólio integrados. A montadora usou e abusou de acrílico em toda a estrutura do carro para melhorar a iluminação no interior do carro. A empresa também investiu em materiais leves para compor a estrutura do veículo reduzindo assim seu peso. O carro tem como foco principal a economia e isso se reflete claramente em cada detalhe da sua estrutura. A montadora ainda não revelou detalhes a respeito do motor do carro conceitual.

Além da tecnologia em prol da economia o modelo também conta com tecnologia de conforto e segurança podendo inclusive contar com o auxilio de um smartphone para desenvolver diversas funções básicas. O carro contará com um aplicativo de celular que permitirá ao motorista travar e destravar portas do veículo a distância, usar o carro de modo compartilhado ou ainda fazer com que o veículo encontre uma vaga livre e estacione sozinho sem necessidade de ninguém a bordo.

Por Nosf

Chevrolet Bolt EV

Chevrolet Bolt EV

Chevrolet Bolt EV

Fotos: Divulgação


Chevrolet Captiva 2015 – Confira as características do modelo que será vendido no Brasil


Depois de muita especulação sobre uma possível saída de linha da Captiva, principalmente pela chegada do Chevrolet Tracker, a fabricante estadunidense anunciou a chegada da linha 2015 do SUV. Com preços a partir de R$ 106.696, o Chevrolet Captiva, importado diretamente do México, chega em versão única e com poucas novidades.

Se você esperava que a Chevrolet trouxesse o mesmo modelo que é vendido no mercado argentino, mais atualizado e com a dianteira mais próxima do extinto Sonic, fique sabendo que não será desta vez. Aliás, a fabricante economizou nas atualizações estéticas e o SUV dispõe de poucas melhorias em relação ao modelo anterior. Entre as modificações estão os faróis dianteiros, que agora contam com máscara negra, e as novas rodas de liga leve de 18 polegadas.

No interior, as mudanças são ainda mais modestas. Mantendo o mesmo padrão de acabamento e o layout do painel de instrumentos e do consolo central, a principal novidade fica por conta da adoção do sistema de entretenimento MyLink com tela touchscreen de 7 polegadas. No entanto, mesmo sem grandes novidades, o utilitário esportivo vem com uma boa lista de equipamentos de série, com destaque para os freios ABS nas quatro rodas, seis airbags, controle eletrônico de tração e estabilidade, freio de estacionamento elétrico, ar-condicionado digital automático, retrovisor externo eletrocrômico, banco do motorista com ajuste elétrico e controle para a lombar, sistema de som com seis alto-falantes, entre outros.

Disponível nas cores Branco Ice (sólida), Azul Berlin (metálica), Vermelho Crystal Claret (metálica) e Preto Carbon Flash (metálica), o Chevrolet Captiva 2015 vem equipado com o já conhecido motor quatro cilindros 2.4 16V Ecotec com injeção direta de gasolina, capaz de entregar 184 cv e torque de 23,3 kgfm. Dotado de tração dianteira, trabalhando em conjunto com o bloco está uma transmissão automática de seis velocidades e sistema Active Select.

Por Caio Polo

Chevrolet Captiva 2015

Chevrolet Captiva 2015

Chevrolet Captiva 2015

Fotos: Divulgação


Chevrolet Malibu 2016 – Rumores sobre o novo modelo


O ano de 2014 acabou de ir embora. Entretanto, ainda assim algumas marcas ainda permanecem. É o caso do Malibu, o sedan em questão está lá, presente na categoria com mais vendas nos Estados Unidos na qual, a título de curiosidade, o Camry continua líder.

Para compreender melhor a situação vamos ver alguns números. O Malibu conseguiu atingir uma queda de 7%. Dos oito modelos com os melhores números de vendas ele foi o único. E para piorar a situação o sedan acabou sendo superado pelo modelo Chrysler 200 e também pelo Kia Optima. Vale destacar que esses dois últimos modelos, lá em 2013, estavam bem atrás.

Tendo em vista esse cenário e, claro, objetivando reverter essa situação a “dona” do Malibu, a Chevrolet, está planejando para este ano de 2015 o lançamento de uma nova geração do modelo. Bom, ao menos é isso que alguns executivos da companhia têm comentado.

Seguindo a linha dos rumores a informação é de que o novo sedan deverá fazer sua estreia oficial no mercado da América do Norte apenas no segundo semestre de 2016. Vale destacar que esse período é o mesmo previsto para o lançamento da segunda geração do Cruze.

De acordo com informações divulgadas pelo setor de desenvolvimento de produtos da General Motors o foco da vez é promover uma ação em conjunto no que diz respeito ao segmento dos modelos médios.

O chefe do citado setor, Mark Reuss, até chegou a fazer alguns comentários a respeito do novo Malibu em uma apresentação realizada especificamente para investidores, em outubro passado. Na apresentação foi até exibida uma imagem do tal sedan. Entretanto, a imprensa de uma maneira geral não obteve o acesso a mesma.

Mesmo assim, Reuss fez questão de deixar claro que o novo modelo deverá apresentar um visual bastante inovador e com tecnologia de ponta.

Mas sobre esse ponto vale lembrar que já tínhamos conhecimento uma vez que o chefe global da marca, Ed Welburn, já havia noticiado à imprensa que o Malibu 2016 vai ser produzido sendo inspirado no Corvette C7 e no Volt. Este último está previsto para “dar as caras” já nos primeiros meses de 2015.

Já com relação ao Brasil os rumores apontam para o fato de que fabricante deverá continuar sem um representante por aqui no que se relaciona a categoria dos sedans médios/grandes.

Por Denisson Soares

Chevrolet Malibu 2015

Chevrolet Malibu 2015

Fotos: Divulgação


Chevrolet Camaro conversível está à venda no Brasil


O Chevrolet Camaro é um carro que ganhou muita visibilidade no Brasil nos últimos anos. É um Muscle de luxo que concorre diretamente com o Dodge Challenger e o Ford Mustang.

O carro é um esportivo lindo, com linhas tradicionalmente agressivas e aerodinâmicas e potência para piloto nenhum botar defeito. Recentemente algumas músicas falando do carro aumentaram sua popularidade no Brasil e ocupa o primeiro lugar no mercado de esportivos do território nacional. Em 2014 foram emplacadas 382 unidades do Camaro, muito a frente dos outros esportivos como a BMW Z4 e a Mercedes SLK que emplacaram 168 unidades cada. Agora a GM trouxe uma novidade: uma versão inédita no país, conversível com valor de R$ 239.900. A versão promete expandir ainda mais o mercado já dominado pelo carro no país. A Chevrolet já afirmou que espera vender pelo menos 100 unidades nesse primeiro ano em terras tupiniquins.

A versão não sofreu grandes mudanças significativas em relação ao Chevrolet Camaro originalmente vendido aqui a partir de 2010. A principal diferença como já foi dito está no teto conversível. A nova capota de lona foi desenvolvida em parceria com a Corvette, marca conhecida pelo grande sucesso no mundo dos esportivos. A capota é recolhida eletricamente, mas precisa ser destravada por uma alça que fica acima do espelho retrovisor. O método soa um pouco antiquado para a modernidade do carro, exige certa força e um pouco de habilidade, sendo difícil de usar nas primeiras vezes. A capota é recolhida e guardada no porta-malas junto com o vidro traseiro. Não é possível recolher a capota em trânsito e nem colocá-la de volta, uma trava de segurança só permite que o mecanismo seja ativado com o câmbio na posição “P”.

O motor é um Small Block de 6.2 litros V8, capaz de gerar ao carro uma potência de 406 cavalos. A versão nacional será exclusivamente com câmbio automático de seis velocidades o que é um pecado para os amantes da velocidade.

Por Nosf

Chevrolet Camaro convers?vel

Chevrolet Camaro convers?vel

Chevrolet Camaro convers?vel

Chevrolet Camaro convers?vel

Chevrolet Camaro convers?vel

Fotos: Divulgação

 


Chevrolet Onix Effect – Características da versão esportiva


Um dos carros da categoria hatch mais vendidos recentemente é o Chevrolet Onix, que acaba de ter uma versão mais esportiva lançada. Trata-se do Onix Effect, uma versão do carro com algumas modificações, principalmente estéticas, que visam o público de consumidores mais jovens.

O carro da Chevrolet concorre diretamente com o Volkswagen Fox, o Hyundai HB20, o Ford Fiesta e o Renault Sandero, que são veículos modernos e que satisfazem totalmente os consumidores, principalmente aqueles que os procuram como primeiro carro.

Como é a primeira leva lançada no mercado, esse Onix será disponibilizado apenas na versão 1.4 de motor, câmbio manual de 5 marchas e nas cores Branco Summit e Vermelho Pepper.

Quanto à mecânica, as peças são as mesmas das versões convencionais do carro, mudando apenas a aparência, tanto exterior quanto interior. Desta forma, ele conta com motor de 1,4 litros, com 4 cilindros em linha, M.P.F.I., de 8 válvulas e flex.

O carro desempenha uma potência de 106 cavalos quando rodando apenas com etanol (a 6.000 rpm) e 98 cavalos quando na gasolina. O torque chega a 13,9 mKgf no etanol e 13 mKgf  na gasolina, ambos a 4.800 rpm.

O que ficou mais em destaque entre as modificações são os adesivos coloridos colados por todo o carro (nas laterais, na tampa traseira e no capô) e a inscrição Effect nas portas dianteiras.

O teto do carro foi pintado de preto brilhante (o que é comum nos carros esportivos), assim como o aerofólio e os retrovisores. As rodas disponíveis na versão são de 15 polegadas, na cor grafite, exclusivas para a versão. Os faróis possuem máscara negra e acabamento esfumaçado. Outra modificação foi a colocação de para-choques esportivos.

Interiormente, o painel de instrumentos teve seu design redesenhando e diversos detalhes vermelhos foram adicionados, como contorno no volante, nas saídas de ar e nos bancos.

O Onix Effect chega às lojas a partir de R$ 50.190, que é exatamente o preço da versão manual topo de linha do carro, a LTZ.

Por Rannier Ferreira Mendes

Chevrolet Onix Effect

Chevrolet Onix Effect

Fotos: Divulgação


Novo Chevrolet Prisma LTZ tem mais espaço e requinte


A Chevrolet, famosa montadora norte-americana, apresenta ao mercado brasileiro o seu mais novo carro: o Prisma LTZ. No site da montadora, o veículo é anunciado como um carro em que a beleza está nos detalhes. E, para ressaltar ainda mais o veículo, os publicitários afirmam que muitos são esses detalhes.

Segundo a montadora, o Chevrolet Prisma LTZ está maior, mais espaçoso e mais requintado. O carro ganhou vincos em seus para-lamas, faróis com máscara negra, acabamento Ice Blue, lanternas traseiras escurecidas e farol de neblina.

As rodas também foram reformuladas e dão ao carro um ar mais requintado. O Prisma LTZ conta com rodas de 15” em puro alumínio.

O Prisma LTZ surpreende, também, na parte interna. O carro possui um amplo espaço interno e um incrível porta-malas de 500 litros. Além do mais, conta com acabamento em dois tons, travas e vidros elétricos na porta dianteira com sistema one touch. Os vidros dianteiros podem, ainda, ser acionados por um botão da chave através do Keyless Entry System.

Os jovens de hoje em dia estão cada dia mais ligados na tecnologia e buscam conforto ao extremo. A Chevrolet, não só pensando nos jovens, mas também em outros públicos implantou o sistema My Link que permite que o sistema de som do veículo se conecte através do Bluethoot ao celular para executar músicas, vídeos e imagens. Com essa tecnologia o usuário poderá ter mais comodidade e conforto.

Além de toda a comodidade, o veículo conta com itens de segurança primordiais. O Prisma LTZ está equipado com airbags duplos e freios ABS nas rodas dianteiras.

O novo conceito de veículo da Chevrolet chega ao mercado para atender aos mais diversos públicos. Além dos mais jovens, o veículo não deixa de atender a um pai de família que pretende oferecer conforto e segurança aos seus entes queridos. 

O carro é bonito, potente, espaçoso e oferece conforto. Quem comprá-lo estará bem servido.

Por Daniel Alves

Chevrolet Prisma LTZ

Chevrolet Prisma LTZ

Chevrolet Prisma LTZ

Chevrolet Prisma LTZ

Fotos: Divulgação


Chevrolet Cruze 2014 – Novo modelo tem lançamento e preço parte de R$ 70 mil


O Salão do Automóvel de São Paulo 2014 teve o lançamento da Chevrolet para o seu modelo 2015 da linha Cruze. Foi a primeira aparição do carro e agora a montadora lança o veículo de maneira oficial.

Preços do Cruze 2015

Sport6 LT1 – R$ 70.400

Sport6 LT2 – R$ 77.100

Sport6 LTZ – R$ 88.400

Sedã LT1 – R$ 73.500

Sedã LT2 – R$ 77.100

Sedã LT3 – R$ 79.100

Sedã LTZ – R$ 87.300

Ele chegará nas versões sedã e hatch (Sport6). Os preços do novo Cruze seguem de R$ 70.400 até R$ 73.500. Em seu visual, o Chevrolet Cruze agora conta com o design em padrão global, o qual já consta em outros países.

A sua grade frontal está atualizada, contando agora com barras cromadas (versão LTZ), com um para-choque dianteiro também remodelado. O carro conta como novidades também as luzes diurnas em LED, duas novas cores para carroceria e rodas em aro 17.

Em termos de tecnologia, a versão LT (entrada) do Cruze conta com controle eletrônico de estabilidade, controle de tração, cintos de segurança de três pontos, direção elétrica progressiva, volante com regulagem de altura e profundidade, ar-condicionado eletrônico e som com sistema Bluetooth.

O motor do novo Cruze 2015 é um 1.8 Flex com 144 cavalos de força movido a etanol. A Chevrolet aponta que o propulsor foi recalibrado para apresentar uma melhor eficiência energética. Outro ponto novo é que o modelo chega com uma opção de transmissão automática com seis velocidades, que traz uma maior economia e agilidade.

chevrolet-cruze-2015


Chevrolet Cruze 2015 recebeu novas mudanças no design


A Chevrolet anunciou o novo Cruze 2015, que deverá chegar às concessionárias nas próximas semanas. O carro não teve modificações tão notáveis em relação ao modelo de 2014, sendo que as principais mudanças foram estéticas.

Uma modificação perceptível foi a colocação de luzes diurnas de LED na parte dianteira do carro, uma modificação que vem sendo atribuída aos novos modelos de carros medianos das marcas, como a Citröen fez com o C4 Lounge.

Quanto aos itens de série, pouca coisa foi alterada, porém agora as versões LTZ contam com controle do acionamento do motor do carro por controle remoto e rodas de alumínio de 17 polegadas com design desenvolvido exclusivamente para a versão.

Dentre os itens mantidos são incluídos de série, desde as versões mais básicas, ar-condicionado eletrônico, sistema multimídia com comandos de voz, direção elétrica e volante com ajustes e comandos incluídos.

Assim como anteriormente, o carro será disponibilizado em uma versão hatch, que é mais esportiva e atende mais ao público jovem, chamada Sport6, além de um sedan, com bastante espaço, uma ótima opção para um carro familiar.

O Cruze 2015 possui um motor 1.8 litros, flex, com potência de 140 cavalos quando rodando exclusivamente com gasolina, a 6.300 rpm, enquanto que chega a 144 cavalos quando no etanol, também a 6.300 rpm, 4 cilindros e 16 válvulas. O torque máximo é de 17,8 mkgf na gasolina e 18,9 mkgf no etanol, ambos a 3.800 rpm.

A transmissão do veículo será disponibilizada automática ou manual, tanto na versão hatch como no sedan, com 6 velocidades.

Para essa linha de 2015, houve um pequeno aumento nos preços do carro. Serão disponibilizadas três versões hatch, a Sport6 LT manual (a partir de R$ 70.400), a Sport6 LT automática (a partir de R$ 77.100) e a Sport6 LTZ automática, chegando a R$ 86.100.

As versões sedan chegam a partir de R$ 75.500 no modelo LT manual, R$ 77.100 no modelo LT automático, R$ 79.100 no LT automático com bancos de couro e R$ 87.300 no LTZ automático.

Por Rannier Ferreira Mendes

Chevrolet Cruze 2015

Chevrolet Cruze 2015

Chevrolet Cruze 2015

Chevrolet Cruze 2015

Fotos: Divulgação


Chevrolet Spin Activ está à venda


Lançada recentemente durante a realização do Salão de Automóvel de São Paulo, a Spin Activ, uma versão que chega ao mercado com uma cara aventureira já está disponível para as compras. O carro, novo modelo da Chevrolet, inicialmente deverá sair das concessionárias pelo valor de R$ 62.080. Isso na versão que traz um câmbio manual com cinco marchas. Já se o consumidor quiser a opção com transmissão automática de seis velocidades ele vai ter que desembolsar um pouco mais. O modelo fica por R$ 65.890.

De qualquer maneira, nos dois casos citados acima estará presente um bloco 1.8 de 108 cv. Vale destacar o fato de que esse é o mesmo motor que integra a minivan Spin nas versões LTZ e LT.

Sobre os detalhes estéticos já falamos da “cara” aventureira do modelo, mas é só isso. Ou seja, o carro se encaixa perfeitamente no perfil daqueles que têm um visual inspirado no off-road mas que, na realidade, não têm potencial para tal. No caso da Spin Activ podemos destacar os para-choques pretos, um estepe na traseira dentre outros pontos. O interessante neste último caso é que a capacidade do porta-malas teve um aumento relativo. Lembrando que ele já comportava 710 litros. Além disso, ainda fazem parte do pacote as rodas (que são exclusivas) e que contam com pneus de utilização mista.

Outro detalhe comentado é sobre a lista de equipamentos ter recebido uma certa esticada. Dentre os itens podemos destacar o rack de teto, direção hidráulica e o ar condicionado. Outro detalhe no visual que também chamou a atenção é o fato de que no caso da cabine a cor preta se tornou dominante o que acaba por afastar a versão daquelas convencionais que contam com dois tons de cores.

Entre as opções de cores as quais a Spin Activ será oferecida estão o Azul Macaw, Preto Carbon, Prata Switchblade, Cinza Aztec e Branco Vintage.

Por Denisson Soares

Chevrolet Spin Activ

Chevrolet Spin Activ

Fotos: Divulgação


Chevrolet Trailblazer 2015 – Novidades e Preços


Depois de apresentar a linha 2015 da S10, a Chevrolet agora lança no mercado brasileiro a linha 2015 de seu SUV Trailblazer com novidades semelhantes às vistas em sua picape média. Passando por melhorias no acabamento interno iguais a da S10, o SUV ainda ganhou novo acerto da suspensão e injeção direta de combustível no motor 3.6 V6 a gasolina, deixando-o ainda mais econômico e potente. O Chevrolet Trailblazer tem versões com preços a partir de R$ 147.790.

Assim como foi promovido na Chevrolet S10, a marca estadunidense aprimorou o acabamento do Trailblazer adotando materiais com nova textura e de melhor qualidade para realizar o acabamento no painel e acabamento em preto brilhante no console central, nas saídas de ar centrais, nas portas, em torno da base da manopla de câmbio e no volante multifuncional. Além disso, o crossover esportivo ganhou novo revestimento dos bancos em couro marrom bicolor e com costura pespontada, dando um ar mais refinado ao carro. Seguindo novamente as alterações da linha 2015 da S10, o Trailblazer também passou por modificações no isolamento acústico da cabine, recebendo melhorias para garantir um maior conforto aos ocupantes do carro.

Disponível apenas na versão LTZ, com duas opções de motorização (3.6 V6 a gasolina e 2.8 Turbodiesel), o Chevrolet Trailblazer 2015 vem equipado de série com airbags frontais, laterais e do tipo cortina, freios ABS com EBD, controle eletrônico de tração e de estabilidade, assistente de partidas em aclives, assistente de descida (Hild Descend Control), sistema de controle de tração (TCS) com indicador no painel de instrumentos, lanternas em LED, sensor de estacionamento traseiro, câmera de segurança para manobras em marcha ré, além da central multimídia Chevrolet MyLink com tela touchscreen de 7 polegadas que abrange diversas funções, como sistema de som, navegação via satélite (GPS) e conexão via Bluetooth.

Mecanicamente, com a adoção da nova injeção direta de combustível o motor 3.6 V6, além de ficar mais econômico, com redução média de combustível e de emissão de gases poluentes de 4%, ganhou 38 cv de potência. Sendo assim, o bloco V6 a gasolina deixa de gerar 239 cv e torque de 33,5 kgfm para entregar 277 cv de potência e torque de 34,5 kgfm. Dotada de tração integral, associado ao propulsor 3.6 V6 está uma transmissão automática de seis velocidades com sistema Active Select. A Chevrolet promoveu também uma nova calibração na transmissão automática do modelo com motor a gasolina e na variação com o bloco 2.8 Turbodiesel de 200 cv e torque de 51 kgfm, deixando as trocas mais suaves.

Por fim, a Chevrolet reajustou a suspensão para deixar o conjunto mais rígido através da adição de buchas mais rígidas, tornando o SUV mais estável, tanto em pisos irregulares quanto em perímetros urbanos.

Abaixo, versões e preços do Chevrolet Trailblazer 2015:

– 3.6 V6 4×4 Automático – R$ 147.790;

– 2.8 Turbodiesel 4×4 Automático – R$ 173.490.

Por Caio Polo

Chevrolet Trailblazer

Chevrolet Trailblazer

Fotos: Divulgação


Novo reajuste nos preços do Chevrolet Onix 2015


Na verdade não foi preciso muito tempo, pouco mais de cinco meses após seu lançamento a Chevrolet anunciou que estará fazendo um novo reajuste em relação ao seu modelo Onix. A informação foi dada no último dia 10 deste mês.

É interessante lembrarmos que desde que o lançamento da linha 2015, que aconteceu em maio deste ano, todas as versões sofreram no mínimo três aumentos.

Vejamos alguns números que poderão esclarecer melhor essa diferença de preços:

Inicialmente, a versão mais básica do modelo, a LS 1.0, que nem sequer tinha como item de série o ar-condicionado era comercializado por R$ 33.890. Pois bem, de seu “início” até agora o modelo recebeu o item em questão. Entretanto, passou por quatro reajustes o que acabou por deixá-lo no final das contas R$ 3.400 mais caro.

As outras versões, que diga-se de passagem, já tinham ar-condicionado também tiveram reajustes. Porém, neste caso foram menores. Por exemplo, a versão LT 1.0 que começava em R$ 38.890 agora já passa da faixa dos R$ 40 mil custando exatamente R$ 40.690. Ou seja, R$ 1.700 mais caro.

Em termos de motor 1.4 vale destacar o fato de que no Chevrolet Onix apenas é comercializado nas versões LT e LTZ. Essas duas versões, para variar, também passaram por reajustes. Na verdade foram três no total. O peso no bolso do consumidor acabou ficando na faixa de R$ 1.750. A primeira versão que no mês de maio era vendida pelo preço de R$ 42.890 agora é comercializada nas concessionárias por R$ 44.640.

No caso da versão LTZ 1.4 que conta com câmbio automático e uma pintura metálica, agora custa aos bolsos dos prováveis compradores R$ 54.590.

No meio das subidas de preço ainda tem mais por vir. Isso devido ao fato de que alguns outros carros que já fazem parte da composição da linha 2015 e que por sinal estão entre os mais vendidos também passaram por reajustes. Como exemplo neste caso podemos citar os modelos Strada, Renault Sandero, Volkswagen Gol e o Fiat Palio.

Por Denisson Soares

Chevrolet Onix 2015

Chevrolet Onix 2015

Fotos: Divulgação


Chevrolet Volt terá sua 2ª geração lançada em breve


Muito novo ainda no mercado, até porque fazendo as contas o Volt só conta com quatro anos. De qualquer forma tem novidade surgindo na área. Recentemente foi anunciado pela fabricante que a segunda geração deve estar prestes a chegar.

Tudo pelo que sofreu, ou melhor, as principais reformulações que o carro teve serão de antemão as principais atrações desse híbrido durante a realização do Salão de Detroit. De fato o evento ainda vai demorar um pouco para acontecer. Enquanto isso, o que a montadora tem feito é “colocar lenha” na fogueira da curiosidade das pessoas. Este semana, por exemplo, foi liberado um teaser do carro.

Nada de mais, na realidade já que na imagem aparece o carro muito bem camuflado junto com Andrew Farah, o engenheiro-chefe da marca.

Essa seria a parte em que entraríamos nos detalhes que serão apresentados pelo novo modelo. Mas como quase nada foi divulgado a coisa toda ainda é uma bela de uma surpresa (e esperemos que seja de boa qualidade).

Mas quando não há detalhes oficiais o que não vem a faltar são os rumores que surgem quase que simultaneamente em diversos sites especializados. Levando em consideração as expectativas espera-se que o modelo chegue ao mercado equipado com um bloco que tenha potencial de rodar no modo elétrico na faixa de velocidade entre os 80 e 100 quilômetros com apenas uma carga. Vale destacar o fato de que no momento atual essa autonomia (no modelo elétrico) não passa dos 61km.

Outra novidade, e essa está mais para certeza, é a questão de que o novo Chevrolet Volt será fabricado usando a mesma plataforma da nova geração do Cruze. Esse pequeno aspecto vai acabar por contribuir para que o peso do carro diminua. Atualmente ele pesa algo em torno dos 1.175 kg.

A parte que provavelmente vai agradar um número maior de pessoas é o fato de que o novo modelo vai custar mais barato. A primeira vista os preços devem começar em R$ 61.300.

Por Denisson Soares

Chevrolet Volt camuflado

Chevrolet Volt camuflado

Chevrolet Volt camuflado

Fotos: Divulgação


Chevrolet S10 2015 – Novidades e preços da nova linha


Para os que preferem carros do tipo picape, a boa notícia é que a Chevrolet apresentou a linha 2015 da S10, nesta quarta-feira (24/09). O anúncio foi feito em Puerto Iguazu, na Argentina.

Agora, o modelo, que conta com as opções com cabine simples e cabine dupla, terá uma motorização nova, além de 2,5 litros de com injeção direta de combustível e 206 cavalos. O modelo mais básico passa a custar R$ 69,8 mil, chegando a R$ 142.400 (confira a tabela completa abaixo). 

O modelo, que é líder na categoria, terá um motor flex com a maior potência entre as picapes médias. A partir de agora, a S10 contará com 14 opções, divididas por níveis de equipamentos e acabamento: LS, LT ou LTZ. Ou seja, tem carro para diversos gostos diferentes. E ainda segundo as informações divulgadas pela Chevrolet, o motor da nova versão oferece até 6% de econômico quando comparado com o modelo 2.4.

De acordo com a Chevrolet, não foi só o motor que recebeu melhorias, mas todo o conjunto de suspensão. O acabamento também foi aprimorado. Outra característica nova é o câmbio manual de seis marchas que estará presente nos modelos 4×4 diesel ou 2.5 flex.

Confira as versões e os preços da nova picape S10 modelo 2015 da GM:

– Modelo com cabine simples:

  • LS 2.4 flex 4×2 – R$ 69,8 mil;
  • LS 2.8 diesel 4×4 – R$ 98,3 mil.

– Modelo com cabine dupla:

  • LS 2.4 flex 4×2 – R$ 78,2 mil;
  • LS 2.8 diesel 4×4 – R$ 108,3 mil;
  • LT 2.5 flex 4×2 – R$ 86,4 mil;
  • LT 2.8 diesel 4×2 – R$ 111,5 mil;
  • LT 2.8 diesel 4×2 (automática) – R$ 115 mil;
  • LT 2.5 flex 4×4 – R$ 92,4 mil;
  • LT 2.8 diesel 4×4 – R$ 121,8 mil;
  • LT 2.8 diesel 4×4 (automática) – R$ 124,9 mil;
  • LTZ 2.5 flex 4×2 – R$ 97,7 mil;
  • LTZ 2.8 diesel 4×2 (automática) – R$ 131 mil;
  • LTZ 2.5 flex 4×4  – R$ 103,7 mil;
  • LTZ 2.8 diesel 4×4 (automática)- R$ 142,4 mil.

Por Tatiana Alves

Chevrolet S10 2015

Chevrolet S10 2015

Chevrolet S10 2015

Fotos: Divulgação


Chevrolet Onix terá ar condicionado como item de série


A Chevrolet anunciou que o Onix passará a contar como item de série com sistema de ar condicionado em todas as configurações, tudo para tentar manter o Onix com os excelentes índices de venda. Contudo, com a inclusão do ar condicionado na versão de entrada LS, a única que não dispunha do sistema de refrigeração da cabine, seu preço foi elevado de R$ 34.500 para R$ 36.200.

Após retirar do site oficial e suspender a importação do Agile e do Sonic, que faziam competição interna com o Onix, a Chevrolet acresceu ao seu hatchback o sistema de ar condicionado na expectativa de manter os bons índices de vendas do modelo, bem como aumentar a lista de equipamentos para fazer frente com a nova concorrência promovida pelo lançamento do novo Volkswagen Fox, que chegou ao mercado brasileiro com preços de R$ 35.900, na versão Trendline 1.0, podendo custar até R$ 51.790, na configuração Highline 1.6 I-Motion.

Além do ar condicionado para a configuração mais básica (LS), a GM ainda equipou todas as versões do Onix com aviso sonoro de não utilização de cinto de segurança pelo motorista e passageiro do banco dianteiro. O alerta soa de modo intermitente quando o carro está em movimento e é identificado que o ocupante não está utilizando o cinto. Para o aviso do banco do passageiro, sensores são adicionados ao banco para detectar a presença do ocupante no veículo.

Esteticamente e mecanicamente não houve nenhuma alteração e, portanto, o Chevrolet Onix mantém as mesmas características e opções de motorização e transmissões acopladas ao bloco. Vale lembrar que apenas o motor 1.4 8V que rende até 106 cv tem a opção de trazer acoplado a transmissão automática de seis velocidades.

Abaixo, versões e novos preços do Chevrolet Onix:

– LS 1.0 – R$ 36.200;

– LT 1.0 – R$ 39.600;

– LT 1.4 – R$ 43.550;

– LT 1.4 Automático – R$ 48.400;

– LTZ 1.4 – R$ 48.850;

– LTZ 1.4 Automático – R$ 52.40.

Por Caio Polo

Chevrolet Onix

Chevrolet Onix

Chevrolet Onix

Fotos: Divulgação


Chevrolet Niva – Nova geração do jipe foi apresentada


A Chevrolet reservou para a última semana do mês de agosto a apresentação não apenas das primeiras imagens, mas como também dos detalhes referentes a nova geração do jipe Niva. A informação é de que o carro será produzido por meio de uma parceria fechada com a empresa russa AvtoVaz, a mesma empresa que é dona da Lada.

O Niva, a título de curiosidade, foi um dos primeiros modelos a ser importado para o Brasil. Isso aconteceu há um bom tempo quando o então presidente Collor colocou em prática o plano de abertura comercial.

O modelo que tinha um ar de robustez acabou por ganhar a admiração de uma clientela consideravelmente boa. Isso se torna ainda mais evidente quando comparamos com o fracasso das operações da Lada.

A nova geração do Niva está exposta para todo mundo ver no Salão de Moscou. O evento acontece no período de 27 de agosto de 2014 a 7 de setembro.

No evento o carro será mostrado ainda como conceito. Mas de acordo com as informações divulgadas em sites especializados o início da produção do modelo deverá ser mais ou menos entre o final de 2015 e início de 2016.

O novo Niva Concept conta com 4,3m de comprimento. Esse número mostra um ganho de 26 cm se compararmos com o modelo atual.

O Niva conceitual já mostra que traz diversos adereços interessantes como, por exemplo, rodas de 16 polegadas com pneus de uso misto, barra de proteção dianteira, guincho frontal, faróis auxiliares dentre diversos outros.

O protótipo apresentado do Niva vem equipado com um motor de 1.8 movido a gasolina. O bloco tem capacidade para entregar 137 cavalos. A produção do motor ficou a cargo da PSA Peugeot – Citroën. Além disso, temos também um câmbio manual que conta com cinco velocidades, uma suspensão dianteira Mc Pherson. Já no caso da traseira a suspensão independente continua. A tração é nas quatro rodas.

Apenas para comparar o Niva anterior tinha um motor de 1.7 e gerava apenas 80 cv.

Por Denisson Soares

Chevrolet Niva

Chevrolet Niva

Chevrolet Niva

Fotos: Divulgação

 


Chevrolet é a nova patrocinadora da Seleção Brasileira de Futebol


A Seleção Brasileira de Futebol conta com uma nova patrocinadora: a Chevrolet. A montadora assinou um contrato de cinco anos para que a marca seja exposta no calção de treino e também nos agasalhos de atletas do time masculino e feminino A Chevrolet também contará com placas publicitárias e logo no ônibus do Brasil.

A marca vai substituir uma de suas grandes rivais no mercado automotivo, que é a Volkswagen. No contrato firmado com a Chevrolet, ela deverá aparecer durante importantes eventos esportivos do Brasil, que atuará nos Jogos Olímpicos de 2016 e Copa do Mundo de 2018.

O novo patrocínio poderá ser visto no amistoso entre Brasil e Colômbia, que acontecerá nos Estados Unidos, no dia 05 de setembro.

A seleção brasileira não será a primeira a ter a Chevrolet como patrocinadora. A empresa está investindo muito no futebol nos últimos anos. A marca está apoiando atualmente o Brasileirão das Séries A e B, os campeonatos estaduais, além das seleções do Brasil e futsal e beach soccer.

No âmbito internacional, a Chevrolet está estampando a marca nos uniformes da seleção masculina e feminina dos EUA. Ela também apoia times ingleses como o Manchester United FC e o Liverpool, que são dois dos maiores clubes de todo o mundo.

chevrolet


Recall Chevrolet Cobalt e Spin – Problemas nos modelos 2015


A Chevrolet convocou um recall para mais de 2.300 unidades de veículos dos modelos Cobalt e Spin, ambos do modelo 2015 e com transmissão manual. A General Motors do Brasil Ltda está atendendo aos chamados desde o dia 8 de agosto.

A convocação se deu para uma verificação nos parafusos que fixam o coxim lateral do lado esquerdo do motor e da transmissão manual. Segundo a empresa pode ter ocorrido a utilização de parafusos com comprimento que não se enquadra no que foi especificado nos projetos dos veículos. Sendo assim a sustentação do conjunto de motor e transmissão pode estar comprometida, o que pode levar a um deslocamento da posição indicada.

Os proprietários dos veículos com os chassis de FB105045 a FB 121919, que são os que foram fabricados entre os dias 6 de junho e 1º de julho de 2014 correm risco de o eixo de tração desencaixar, o que acarretaria em uma brusca perda de tração, levando a acidentes e consequentes lesões, tanto nos ocupantes dos veículos, quanto em outros transeuntes.

O recall foi realizado para que os comprimentos dos parafusos em questão sejam verificados e caso haja a necessidade a Chevrolet realizará a troca dos parafusos e inclusive da transmissão manual.

A empresa informa que o processo de inspeção leva, no máximo, 15 minutos, havendo a necessidade de troca dos equipamentos o proprietário precisará deixar o veículo em manutenção por até 6 horas. Não haverá despesas da parte do possuinte.

Para verificar se o carro está sendo convocado neste recall acesse o site www.chevrolet.com.br. Se for o caso de responder a esse chamado ou precise de mais informações acesse o site da Chevrolet ou contate a Central de Relacionamento, através do telefone 0800 702 4200.

Para a verificação e manutenção dos veículos o proprietário deve entrar em contato com a concessionária e realizar um agendamento prévio.

Chevrolet Cobalt e Spin

Foto: Divulgação


Novo Chevrolet Prisma 2015 sai com preço a partir de R$ 41.290


A Chevrolet apresentou o modelo 2015 do Prisma. Ela aparece sem mudanças visuais ou mecânicas.

Uma das poucas novidades trata-se do ar-condicionado, que agora é de série em todas as versões e o volante com comandos de som e telefone, que são disponíveis na versão LTZ que também é equipada com câmbio automático de seis velocidades.

Todas as versões do Prisma contaram com um reajuste de preço em, pelo menos, R$ 700. O volante com comandos já era oferecido anteriormente nos modelos Spin e Cobalt e agrega as funções de mudanças de estação, controle de volume do áudio, a mudança na frequência, além de aceitar ou rejeitar telefonemas, quando o telefone está conectado via Bluetooth.

Com isso, o aumento do preço fica em R$ 950. Outra novidade do modelo é a pintura metálica, Cinza Mond, que é vendida por R$ 1.150.

O preço parte de R$ 41.290, na versão LT 1.0 e pode chegar até R$ 55.890, na versão LTZ 1.4 automática com a pintura metálica. O Prisma hoje fica com a segunda colocação nas vendas para os sedãs pequenos, ficando atrás do Fiat Siena. Até o mês de abril deste ano, foram emplacados 24.685 modelos.

O modelo teve uma leve reformulação no seu sistema de troca de marchas, o que aumenta a performance e o conforto do mesmo. O propulsor é o SPE/4 nas versões 1,0l e 1.4l. Ele pode chegar a uma velocidade máxima de 171 km/h e vai de 0 a 100 km/h em 12,6 segundos.

Para quem tem família grande e gosta de viajar, um dos pontos a ser visto é o espaço do porta-malas. No Prisma, ele é de 500 litros, um excelente espaço para bagagens. No espaço interno, 05 pessoas adultas podem se acomodar de maneira confortável.

Em relação ao seu consumo, na cidade ele fica em 8,6 km/l com o motor LT 1.4l abastecido a gasolina.

prisma-2015


Chevrolet Montana 2015 traz novos itens de série


Já está disponível no mercado brasileiro a linha 2015 da Chevrolet Montana. Sem qualquer alteração visual, a grande novidade da picape compacta da “marca da gravata” é alguns itens de série. A Montana 2015 é vendida nas concessionárias da Chevrolet com preços a partir de R$ 36.296.

Entre a principal novidade da linha 2015 da Montada está a adoção da direção hidráulica na versão de entrada LS. Com isso, o modelo oferece de fábrica, desde a sua configuração mais básica, freios ABS com EBD, direção hidráulica, banco do motorista com regulagem de altura, alerta de faróis ligados, para-choques pintados na cor do carro, entre outros. Vidros, travas e retrovisores externos com acionamento elétrico, bem como o sistema de ar-condicionado, são oferecidos opcionalmente pela Chevrolet na versão LS.

Outra novidade para a Montada 2015 é a adição de mais opção de cor para o veículo, a Carbon Flash, que estará disponível a partir de setembro. Com isso, além dessa nova opção para pintar a carroceria, a linha 2015 ainda mantém as cores oferecidas anteriormente: Branco Summit, Cinza Aztec, Prata Switchblade e Vermelho Pepper.

A Chevrolet ainda disponibiliza, entre os opcionais para a picape, sensor de estacionamento, santantônio, capota marítima e um novo suporte para bicicletas.

Mecanicamente também não houve novidades e, portanto, a linha 2015 da Montana mantém o motor 1.4 EconoFlex capaz de entregar até 102 cv e torque de 13,5 kgfm quando abastecido com etanol. Associado ao bloco está um câmbio manual de cinco marchas.

Com capacidade de carga de até 768 kg, a tampa traseira da Montana conta com trava antifurto com chave, dez ganchos para amarração e protetor de caçamba.

Tendo como principais concorrentes a Fiat Strada e a Volkswagen Saveiro, a Montana ainda possui a configuração Sport, que traz entre os itens de série o controle de cruzeiro, computador de bordo e rodas de liga leve de 16 polegadas, com preço sugerido de R$ 44.796.

Por Caio Polo

Chevrolet Montana 2015

Foto: Divulgação


Recall Chevrolet Agile, Montana e Camaro – Problemas identificados nos modelos


A General Motors do Brasil convocou para Recall os modelos Chevrolet Agile e Montana, bem como o Camaro. Enquanto o chamado para reparo do Agile e Montana envolve modelos 2014 e 2015, para o Chevrolet Camaro o Recall envolve carros fabricados de 2010 a 2014.

A convocação de Recall para os modelos Chevrolet Agile e Montana foi motivada pelo risco dos veículos apresentarem defeito no airbag frontal do lado do motorista.

Segundo o comunicado oficial da montadora, uma possível falha de produção identificada em um componente do airbag frontal do motorista compromete a vazão do gás para o interior da bolsa inflável, além de causar o confinamento indevido de gás.

Em decorrência desta falha, é possível que o airbag não deflagre, podendo causar lesões graves. Além disso, pode ocorrer o rompimento do gerador de gás do sistema de airbag, expelindo fragmentos para o interior do veículo, pode acarretar em danos ao motorista e a terceiros.

A convocação do Agile vale para os modelos fabricados entre 14/11/2013 a 17/12/2013, enquanto que para a Montana o Recall vale para veículos produzidos de 1º/11/2013 até 27/06/2013.

Para o Chevrolet Camaro, o Recall envolve 511.528 unidades vendidas no mundo. No Brasil, 4.735 unidades foram afetadas, fabricadas entre 20/07/2010 e 1º/06/2014.

O Recall para o esportivo da Chevrolet é motivado por uma falha na chave de ignição identificada pela própria montadora durante testes internos. Caso o condutor bata o joelho na chave de ignição, o veículo pode desligar e perder potência, acarretando em  graves riscos ao condutor e a terceiros.

De modo preventivo, a Chevrolet irá realizar a troca da chave de ignição sem custo ao proprietário. O reparo completo leva cerca de 30 minutos.

Para mais informações e agendamentos, a empresa coloca à disposição dos proprietários dos veículos o site oficial www.chevrolet.com.br e o telefone 0800 702 4200.

Abaixo, os modelos e chassis envolvidos no Recall:

– Agile: chassis entre ER147038 e ER163227;

– Montana: chassis entre EB204869 e FB119056;

– Camaro: chassis entre B9110300 e E9318718.

Por Caio Polo

Recall Chevrolet Agile e Montana

Foto: Divulgação


Ranking de vendas de carros sedans compactos no Brasil


A Fenabrave divulgou os números das vendas da categoria sedans compactos no Brasil. Com uma queda acentuada em relação as vendas do ano passado, o Chevrolet Cobalt manteve a liderança do segmento com uma boa distância do segundo colocado, o Toyota Etios. No geral, todos registraram uma queda de vendas em comparação a 2013, com exceção do New Fiesta.

O Chevrolet Cobalt se manteve na liderança do segmento no Brasil. Com 3.078 veículos emplacados, o modelo que tem 35% de participação de mercado teve uma queda nas vendas de 18% em relação a maio e 36% quando comparado ao ano passado. Mesmo com essa queda significativa, o sedan compacto da Chevrolet conseguiu manter uma boa diferença de seus concorrentes nas vendas.

Mesmo com todas as críticas sobre seu visual, o Toyota Etios assegurou o segundo lugar nas vendas de junho. Representando 21% na participação de mercado, o sedan da marca japonesa emplacou 1.859 unidades, uma variação negativa de 17% quando comparado ao mês passado e 20% em relação a 2013.

Em terceiro lugar está o Honda City, que registrou uma queda de 23% em relação a maio e 44% em comparação ao ano passado. Próximo da chegada de sua nova geração, o sedan da Honda teve 1.091 unidades vendidas e foi seguido de perto pelo quarto colocado, o Versa. O sedan da Nissan, que obteve crescimento de 5% em relação a maio e um recuo de 29% quando comparado a 2013, emplacou 1.012 veículos.

Em quinto colocado, o único que registrou altas de vendas em comparação ao mês de maio e a 2013 foi o New Fiesta. Vendendo 922 unidades, o sedan compacto da Ford fecha o top cinco do segmento.

Alcançando a sexta colocação, o VW Polo sedan, que vendeu 288 unidades, registrou alta de 5% em relação ao mês passado e uma variação negativa de 61% quando comparado ao ano passado. O modelo da Volkswagen foi seguido de perto pelo Chevrolet Sonic sedan, que em sétimo colocado teve 273 modelos comercializados, seu pior desempenho no ano.

Fechando a lista da Fenabrave está o JAC J3 Turin, com 135 veículos vendidos, e o Peugeot 207 Passion, com apenas 93 carros emplacados, uma baixa acentuada de 73% em relação ao ano passado.

Por Caio Polo

Chevrolet Cobalt

Foto: Divulgação


Chevrolet Spin 2015 foi lançado no Brasil


Desde quando chegou ao mercado brasileiro em 2012 para substituir de uma vez só a Meriva e a Zafira, o Chevrolet Spin foi bem aceito pelos consumidores do segmento dos monovolumes. Para manter os índices e continuar competindo no segmento, a General Motors acaba de lançar no Brasil a linha 2015 da minivan Spin, trazendo novos equipamentos e disponibilizando novos itens opcionais.

A linha 2015 mantém o mesmo visual de quando foi lançado no Brasil e mesma opção de motorização já oferecida pela Chevrolet. Portanto, o monovolume continua sendo equipado com o motor 1.8 8V EconoFlex capaz de entregar 106 cv e torque de 16,4 kgfm com gasolina ou 108 cv e torque de 17,1 kgfm quando abastecido com etanol.

Disponível em três versões de acabamento, o Chevrolet Spin 2015 pode ser adquirido na versão de entrada LT, Advantage e a topo de linha LTZ, com preços a partir de R$ 49.890, R$ 56.190 e R$ 59.790, respectivamente.

Desde a configuração de entrada, o monovolume da marca estadunidense conta com airbag duplo, freios ABS com EBD, ar condicionado, direção hidráulica, coluna de direção com regulagem de altura, vidros nas quatro portas e travas com acionamento elétrico, banco do motorista com regulagem de altura, alarme anti-furto, brake light, maçanetas na cor do veículo, abertura interna do tanque de combustível, entre outros. 

A configuração topo de linha, por sua vez, vem equipada com faróis de neblina, maçanetas externas cromada, rodas de liga leve de 15 polegadas, sensor de estacionamento traseiro, volante multifuncional com revestimento em couro e detalhes cromado, bancos com acabamento em tecido bege e na cor café, além do sistema multimídia MyLink com tela touchscreen de LCD de 7 polegadas que abrange diversas funções do veículo, como o sistema de som, navegação via satélite (GPS), conexão Bluetooth, entrada auxiliar, função Audio Streaming e interação com smartphones.

Opcionalmente, a Chevrolet oferece câmera para manobras em marcha ré e módulo de TV compatíveis com o sistema MyLink, além de disponibilizar tablets de 7 polegadas com suporte para encosto de cabeça.

O Chevrolet Spin 2015 é vendido nas concessionárias da marca em sete opções de cores: Branco Summit, Bege Desert, Cinza Aztec, Cinza Mond, Prata Swichblade, Azul Macaw e Preto Global. O monovolume tem garantia de três anos, sem limite de quilometragem. 

Por Caio Polo

Chevrolet Spin 2015

Foto: Divulgação


Novo Chevrolet Sail na versão reestilizada


O Chevrolet Sail, que na primeira geração era Chevrolet Classic vendido no mercado brasileiro, é um dos veículos mais vendidos da marca norte-americana na China, e recentemente o veículo foi flagrado em uma versão reestilizada sem nenhum disfarce ou camuflagem.

As principais mudanças do veículo estão na parte estética, que deixaram o carro mais moderno e que seguem as características de design atual da Chevrolet.

Entre os destaques está a nova dianteira, que traz novos faróis, grade dianteira bipartida bem semelhante ao do Cruze e com o formato tradicional adotado pela Chevrolet, para-choque redesenhado e espelhos retrovisores maiores.

Na parte traseira, as lanternas ganham um formato um pouco menor, semelhante ao que é visto no Cruze e no Onix no Brasil, e apresentam uma nova disposição das luzes. Além disso, o para-choque foi levemente modificado e a tampa do porta-malas, devido ao novo formato da lanterna, conta com um novo desenho e passa a dispor do espaço para a placa.

Na cabine também houve grandes alterações, com a adoção de um novo volante multifuncional semelhante ao do Cruze, novo painel de instrumentos com velocímetro e conta-giros, novo console central e novos bancos. No geral, as alterações no interior deram ao Chevrolet Sail um acabamento e aspecto mais moderno, agradável e superior do que o modelo que é vendido atualmente.

Ainda não há informações quanto à parte mecânica, contudo, o modelo deve manter a mesma gama de motores oferecida atualmente, composto de um motor S-TEC II 1.2 e o bloco S-TEC III 1.4.

O Chevrolet Sail, que também é exportado para outros países da Ásia, com a Índia, foi um dos sedans compactos mais vendidos na China, com mais de 30 mil unidades emplacadas no ano passado. No entanto, na Índia, o modelo da Chevrolet não vai tão bem quanto na China, já que enfrenta concorrentes como Honda Amaze, Hyundai Xcent, Toyota Etios e Maruti Dzire.

Embora não haja nenhuma intenção aparente da marca estadunidense, o novo Sail seria uma boa opção como carro de entrada para a Chevrolet no Brasil, levando em conta que o visual do Classic já está para lá de cansado. 

Por Caio Polo

Chevrolet Sail

Foto: Divulgação


Chevrolet Spin 2015: características e preços


A forte concorrência no mercado automobilístico acaba exigindo bastante das empresas e marcas que atuam neste ramo. Um ótimo exemplo é o Brasil, que dispõe de um mercado consumidor muito grande e bastante concorrido, dessa forma, as marcas mundiais sempre estão investindo em novos lançamentos, renovações de linhas e modelos já existentes e muito mais para agradar os clientes brasileiros.

Para aqueles que são fãs de minivan, saibam que uma grande indicação do mercado é o Chevrolet Spin 2015. Um dos melhores automóveis de sua categoria, o Spin chega para brigar pela liderança de vendas.

É importante destacar que a General Motors já anunciou a chegada da minivan ao mercado brasileiro. Para mais detalhes a respeito desse lançamento da Chevrolet, basta continuar lendo esta matéria.

O Chevrolet Spin 2015 não apresenta grandes mudanças na parte mecânica e nem na estética. A grande novidade no modelo 2015 é justamente os novos equipamentos, bem como novos acessórios como itens de série. Com isso, conclui-se que a parte mecânica é praticamente a mesma das versões anteriores.

Um item de série que agora faz parte de todas as versões é o sistema de travamento elétrico da portinhola do tanque de combustível. Caso ainda não saiba, a versão top de linha é a LTZ, a mesma possui anel cromado emoldurando no quadro de instrumentos, além disso, ainda compõem essa versão: acabamento emborrachado na parte central do painel o que trás um ótimo design na parte interior do automóvel.

Um dos grandes destaques da linha 2015 é o tablet de 7 polegadas com suporte para encosto de cabeça. A câmera de ré e o módulo de TV são outras grandes novidades.

Para quem estiver interessado os preços sugeridos são: R$ 49.890 (versão de entrada, LT); R$ 56.190 (versão Advantage); e R$ 59.790 (versão top de linha, LTZ). Você adquirir o seu Chevrolet Spin 2015 nas melhores concessionárias do país, lembrando que as cores disponíveis são: Branco Summit, Azul Macaw, Bege Desert, Cinza Aztec, Cinza Mond, Prata Swichblade e Preto Global.

Por Bruno Henrique

Foto: divulgação


Vendas do Chevrolet Cruze estão suspensas nos EUA


A General Motors confirmou na semana passada, que a comercialização do sedan Chevrolet Cruze está suspensa no mercado estadunidense por causa de possíveis problemas relacionados ao sistema de airbag. Em nota aos concessionários nos Estados Unidos, a GM solicita a suspensão imediata das vendas do carro e alerta para um defeito que pode atingir o sistema responsável por inflar a bolsa de ar do condutor.

Segundo Jim Cain, Porta-Voz da General Motors, a fabricante está trabalhando junto à fornecedora para identificar os componentes defeituoso do veículo, para que a GM possa retomar rapidamente as entregas dos carros.

A fabricante ainda não definiu se haverá ou não um Recall, mas já há uma investigação para ver se há a necessidade da convocação para reparo e quantos carros estariam envolvidos nesse possível Recall. Caso fosse confirmada a necessidade de um Recall, a medida valeria para os carros fabricados em 2013 e 2014.

Caso seja constado o problema com este fornecedor de equipamento de segurança inflável, o Recall afetaria outros carros de outras marcas, o que resultaria em um grande número de convocações para reparo.

Chevrolet Camaro 2015:

Enquanto a Chevrolet enfrenta esse problema com o Cruze, a marca estadunidense já trabalha em um projeto que dará origem à sexta geração do Chevrolet Camaro. Mesmo tentando deixar as informações em total sigilo, aos poucos as informações sobre a próxima geração do Muscle Car vão surgindo na imprensa especializada.

Após a confirmação do lançamento do modelo em 2015, provavelmente na realização do Salão de Detroit, os rumores agora são por conta do conjunto mecânico. Segundo a revista americana “Automobile”, o novo Camaro teria entre os destaques um inédito motor quatro cilindros 2.0 Turbo, com potência especulada entre 270 cv e 290 cv. Embora ainda esteja na base de especulações, a expectativa é que o motor com turbocharger ofereça um bom torque e ainda garanta uma relativa economia de combustível.

Os dados já confirmados mostram que a próxima geração contará com novidades importantes na transmissão, trazendo um novo câmbio manual de sete marchas e uma nova transmissão automática com dupla embreagem. Outro ponto no conjunto mecânico do novo Camaro é a sua plataforma, que será a Alpha com tração traseira, utilizada por outros carros da GM, como os Cadillacs ATS e CTS. 

Por Caio Polo

Chevrolet Cruze

Foto: Divulgação


Chevrolet Agile e Sonic ganharam nova série Effect com visual esportivo


A montadora Chevrolet anunciou o lançamento da série Effect para os carros AgileSonic. Onde os carros ganham linhas mais esportivas, que vêm com o visual mais personalizado, sempre na versão LTZ.

Além do novo visual esportivo o Sonic está disponível com a motorização 1.6 litro Ecotec e com transmissão automática de seis velocidades, além de banco em padrão couro, faróis de neblina e controle de áudio no volante, ganha também o sistema multimídia, que foi lançado pela Chevrolet nos modelos de 2014. O Sonic internamente lembra muito o HB20 na sua versão premium. Com o kit multimídia em touchscreen

Já o Agile recorreu a elementos como rodas aro 16” escurecidas, teto e retrovisores pintados de preto, faróis com máscara negra e adesivos na carroceria. O interior recebeu detalhes na cor vermelha, além de adesivo decorativo em cima do porta-luvas, novos bancos e protetor de soleira em alumínio escovado. O volante recebeu detalhes na cor vermelha em seus contornos.

"A marca Chevrolet tem larga tradição em oferecer aos seus clientes veículos com elevado conteúdo, sempre buscando atender aos seus anseios e também as tendências do mercado brasileiro", destaca Hermann Mahnke, diretor de Marketing da Chevrolet.

Segundo o diretor, as novas versões são uma estratégia no mercado brasileiro, lançar novas séries customizadas são muito bem aceitas pelo mercado.

Uma outra novidade do Sonic, graças ao seu controle de áudio disponível nos volantes, é o uso da “SIRI” que antes somente era disponível no iPhone. Assim fica possível a interação do motorista no seu iPhone, sem que seja necessário tirar as mãos do volante. Evitando assim o risco de acidentes e multas.

O modelo Sonic foi um dos primeiros do mundo, junto com o Chevrolet Spark, a trazer a interação do sistema SIRI com seus usuários, ou seja, mais tecnologia e mobilidade para os proprietários de mais esta grande obra no mercado automobilístico.

Por Igor Lima

Chevrolet Agile Effect

Foto: Divulgação


Chevrolet Cruze 2015 – Características da 2ª geração do modelo


Recentemente a General Motors ainda meio que sorrateiramente decidiu liberar algumas (as primeiras) imagens do interior da segunda geração do Chevrolet Cruze. É uma novidade já que o exterior do carro foi conferido por quem acompanhou as notícias ou pôde estar presente durante a realização do Salão de Pequim, na China.

Vale destacar o fato de que o Cruze é um modelo global da marca e um dos mais importantes para sua fabricante. As melhorias feitas na cabine ficaram mais do que evidentes sendo que foram incluídos novos equipamentos além da utilização de materiais de alta qualidade.

Ao que parece as fotos divulgadas são do modelo que seria a versão topo de linha do Cruze. É possível perceber que as linhas dinâmicas que fazem parte da característica interior do carro foram redesenhadas. O material como dito anteriormente melhorou muito. O painel agora conta com um revestimento em couro na cor marrom. Também com revestimento em couro, porém na cor preta, está o volante multifuncional de três raios. Outro detalhe que chama a atenção é que ao longo da cabine há certas inserções de aço escovado com um acabamento feito em Black piano. Já a iluminação ambiente também recebeu a devida atenção. O modelo também conta integrado a si o sistema de entretenimento MyLink II que traz uma tela de oito polegadas.

Até o momento a informação é de que modelo será produzido exclusivamente para o mercado chinês. No caso de outros países onde o carro também é oferecido terão de se contentar com uma versão reestilizada do mesmo. Esta versão já foi apresentada nos Estados Unidos.

Na China o Cruze 2015 deverá ser equipado com os novos motores Ecotec. Os blocos trazem a promessa de serem mais eficientes. Entre as informações divulgadas foi confirmado um 1.4 turbo com 150 cavalos e 23,9 kgfm de torque bem como um aspirado 1.5 que tem capacidade para 114 cavalos e 14,8 kgfm de torque.

Por Denisson Soares

Chevrolet Cruze 2015

Foto: Divulgação


Recall Chevrolet Camaro 2012 no Brasil – Problemas no sistema de airbag


O recall é uma forma pela qual as empresas fabricantes de veículos vêm a público informar que o seu produto ou serviço está apresentando risco aos consumidores ou que algum dos seus produtos podem estar com defeitos e necessitar de reparos imediatos. Nesse contexto, por ter sido encontrado um problema grave no sistema airbag nos veículos Camaro, versão 2012, fabricados no Brasil, a montadora Chevrolet anunciou o chamamento dos consumidores que adquiriram esse veículo para um recall.

De acordo com um comunicado oficial emitido pela empresa Chevrolet, o que foi detectado foi uma possível falha, o que faz com que o airbag frontal do passageiro dianteiro não funcione durante uma colisão. Segundo a fabricante, o número de chassis dos veículos que deveram passar pelo recall vão de C9168246 a C9206504, ao todo, cerca de 39 veículos pelas estimativas da empresa.

A outra forma de saber mais detalhes sobre esse procedimento, para os proprietários que adquiriram esse veículo é através da central de atendimento da montadora mediante o telefone 0800 702 4200 ou até mesmo pelo site www.chevrolet.com.br.

A empresa salienta ainda que para que sejam feitos os procedimentos de correção desse problema, os proprietários devem levar os veículos até a concessionária Chevrolet mais próxima e que o tempo médio para realização desse reparo no airbag dos veículos será em média de 40 minutos. Vale ressaltar que nesse caso os proprietários desses veículos devem procurar as concessionárias o mais rápido possível, uma vez que o airbag é um equipamento de segurança obrigatório, além de que o recall é um direito do consumidor previsto no Código de Defesa do Consumidor (Lei 8.078/90), o qual preconiza que o fornecedor ou fabricante não pode colocar no mercado de consumo, produto ou serviço que apresente alto grau de risco à saúde ou a segurança das pessoas.

Por Adriano Oliveira

Recall Chevrolet Camaro 2012

Foto: Divulgação


Chevrolet Cobalt 2015 traz novidades entre os itens de série


O Chevrolet Cobalt, que desde o seu lançamento no fim de 2011, já registrou a venda de mais de 140 mil unidades e tem como principal destaque o sua boa capacidade de carga no porta-malas e bom espaço interno oferecido aos ocupantes, chega à sua linha 2015 sem qualquer modificação estética, mas com uma novidade entre os itens de série.

Desde a versão de entrada o carro vem com direção hidráulica, sistema de ar condicionado, sistema de travamento elétrico da tampa do bocal do combustível e ainda vem com abertura da tampa do porta-malas mediante um botão situado no console central. Contudo, a novidade fica por conta da possibilidade de adicionar o módulo de TV digital ao sistema de entretenimento MyLink. O sedan da Chevrolet ainda traz freios ABS com EBD, duplo airbag, chave do tipo canivete, travas com acionamento elétrico e velocímetro digital.

Nas versões LTZ, o Cobalt 2015 vem equipado com o sistema de entretenimento MyLink com tela touchscreen de 7 polegadas que abrange diversas funções e possui entrada USB e conexão via Bluetooth.

Entre os novos equipamentos adotados para a linha 2015 estão, além do módulo de TV digital para o sistema multimídia, o Cobalt 2015 passa a oferecer revestimento em couro para os bancos e função Tilt Down para os retrovisores externos.

Mecanicamente, a Chevrolet não promoveu nenhuma alteração, mantendo os motores 1.4 de 102 cv e torque de 13 kgfm e o 1.8 que é capaz de entregar até 108 cv e torque de 17,1 kgfm. Enquanto o motor 1.4 trabalha apenas associado a um câmbio manual, o bloco de maior cilindrada pode vir com transmissão automática de seis velocidades.

Abaixo, versões e preços da linha 2015 do Chevrolet Cobalt:

– 1.4 LS – R$ 44.496;

– 1.4 LT – R$ 46.996;

– 1.4 LTZ – R$ 51.196;

– 1.8 LT – R$ 49.396;

– 1.8 LTZ – R$ 53.796;

– 1.8 LTZ (Automático) – R$ 57.096.

Por Caio Polo

Chevrolet Cobalt 2015

Foto: Divulgação


Chevrolet Onix – Principais características do modelo


O Onix tem sido um dos carros mais vendidos nos últimos meses pela Chevrolet. Na mesma linha um de seus fortes concorrentes está o HB20. No último ano foram registradas 122.333 unidades vendidas da Chevrolet, contra 122.320 unidades do Hyundai. Algumas pesquisas afirmam que ambos os carros possuem alto patamar de dirigibilidade e qualidade geral dos compactos no Brasil.

O rival roda 60.000 km na maior calmaria com um desmonte de enlouquecer os apaixonados por carros. Já o Onix possui uma arquitetura que é a mesma do antigo Corsa e aplicada ainda no Classic e no Montana. Ele é ainda mais moderno que o Agile, seu irmão mais velho, e está baseado numa plataforma global da General Motors.

Entre as principais características do veículo da Chevrolet está a retirada do carpete, o qual revelou uma carroceria intacta, livre de poeira ou água. A estrutura é adequada ao estilo do carro e foi bem projetada e executada, fazendo com que o veículo passasse ao condutor uma sensação de solidez. Os anéis sincronizadores, as luvas de engate, as engrenagens e os garfos, estão todos em perfeito estado. A única diferença é encontrada na embreagem, pois veio com 0,5 mm de espessura mínima, ou seja, o disco já está no limite tolerado pela GM.

O motor do Onix é uma evolução do Agile, pois veio com materiais mais nobres e consequente redução de atrito interno das peças. A abertura revelou que a GM precisa evoluir ainda mais, uma vez que houve repetição da maioria dos problemas vistos pelo Agile, embora menos alarmantes. As pastilhas de freio foram trocadas e conseguiram chegar aos 60.000 km com espessura dentro dos limites de 2 mm previstos no manual de reparação. Do lado direito essa diferença pode significar que as pinças estejam aplicando força desigual nos discos. Todavia, os números obtidos nos testes de frenagem foram bem melhores se comparado com os iniciais.

Por Luciana Viturino

Chevrolet-Onix

Foto: Divulgação


Novo Prisma 2015: preços e Informações


A grande concorrência do mercado automobilístico traz muitas vantagens para o consumidor, seja a grande quantidade de linhas e modelos de automóveis, bem como a variação de preço. Por isso, o número de vendas de automóveis no Brasil cresceu bastante e continua muito grande, pois são várias marcas instaladas em solo brasileiro.

Uma das marcas mais importantes e de sucesso em todo o Brasil é justamente a Chevrolet, que possui vários modelos e linhas de automóveis e é um grande sucesso de vendas no Brasil. A marca dispõe de uma grande variedade, que vão desde aos carros mais populares até mesmo aqueles mais luxuosos e com preços altíssimos.

Para aqueles que são fãs dessa marca, saibam que a Chevrolet lançou recentemente o novo Prisma 2015. Vale ressaltar que o modelo não apresenta mudanças em seu designer ou na parte mecânica.

Entre as poucas alterações podemos destacar o ar condicionado, que agora para a ser item de série em todas as versões, além disso, o volante com comandos de som e telefone é outra novidade. Esse volante está incorporado na versão LTZ equipada com câmbio automático de seis velocidades.

O volante com comandos de som e telefone já vinha acompanhado nos modelos Spin e Cobalt. O mesmo é bastante interessante devido a funções de mudança de estação, controle de volume do áudio, mudança de frequência além de aceitar ou rejeitar ligações, sendo essa última funcionalidade disponível quando o telefone está conectado ao Bluetooth.

Mesmo sem apresentar novidades visual ou mecânica, o novo Prima 2015 sofreu reajuste de preços de, pelo menos, R$ 700,00.

Outra novidade está relacionada à opção de pintura metálica, agora você pode contar com a Cinza Mond. Abaixo seguem os preços das respectivas versões:

·         Chevrolet Prisma 1.0 LT: R$ 41.290

·         Chevrolet Prisma 1.4 LT: R$ 45.890

·         Chevrolet Prisma 1.4 LT Aut: R$ 50.790

·         Chevrolet Prisma 1.4 LTZ: R$ 51.190

·         Chevrolet Prisma 1.4 LTZ Au: R$ 54.740

Por Bruno Henrique

Foto: divulgação


Chevrolet anunciou desconto de funcionário para todos os carros da marca


A Chevrolet anunciou desconto de funcionário para todos os veículos. Segundo a empresa, o desconto no preço final pode chegar a R$ 10 mil. A campanha foi anunciada pelo atual presidente da marca no Brasil, Santiago Chamorro, em que os consumidores podem adquirir carros zero quilômetro com melhores condições de preço em relação aos do mercado.

Com isso, a empresa busca uma solução inovadora para realizar o sonho daqueles que pretendem ter um carro 0 km. Pela primeira vez, o presidente foi o protagonista de uma campanha publicitária e o desconto aos funcionários podem variar de R$ 1 mil a R$ 2,4 mil. No entanto, estes valores são somados aos descontos oferecidos por toda a rede e as diferenças de preço podem chegar a R$ 10 mil.

Como exemplo, podemos citar o Cruze LT, o qual tem preço sugerido de R$ 77.796, com desconto oferecido pela loja de R$ 7.806 e o de funcionário de R$ 2.000 é oferecido por R$ 67.990. Outro caso é o do Onix LTZ, cujo preço final sai por R$ 43.450 e há uma diferença de R$ 4.846 no preço de tabela. Ressalte-se que o consumidor precisa estar atento à promoção, pois ela será válida somente nas concessionárias Chevrolet de todo o Brasil até o dia 31 de maio de 2014.

A Empresa GM ocupa, atualmente, o terceiro lugar no ranking das maiores indústrias automobilísticas do país. Nos últimos anos, houve um plano de expansão o qual contou com investimentos de R$ 5,2 bilhões. As principais novidades encontram-se na parte de renovação de grande parte da linha de veículos Chevrolet, além de modernização das atuais fábricas. O presidente aposta, ainda, no potencial econômico do país e no mercado brasileiro de veículos nos próximos meses. Diante disso, temos como prova o investimento em tecnologia e a ampliação da capacidade produtiva e desenvolvimento de novos veículos.

Por Luciana Viturino

Chevrolet Cruze LT

Foto: Divulgação


Chevrolet Celta 2015 – Nova versão LT não traz muitas novidades


A Chevrolet apresentou nesta quinta-feira, dia 8 de maio, a linha 2015 para o veterano Celta. Praticamente sem novidades, o hatchback 2015 estará disponível apenas na versão LT e contando com uma nova cor Cinza Mond em seu portfólio.

Disponível apenas na versão LT, o compacto da Chevrolet não traz nenhuma mudança estética, mas possui de série freios ABS, airbag dulpo, barras de proteção nas portas, cintos de segurança dianteiros com pré-tensionadores e ajuste de altura, cintos de segurança traseiro laterais de três pontos, travamento automático das portas, alarme, brake light, imobilizador, sistema central de travas elétricas e “Keyless Entry System”, que aciona o sistema de trava central das portas via radiofrequência.

Entre os itens opcionais oferecido pela Chevrolet estão o sistema de ar condicionado, direção hidráulica, vidros com acionamento elétrico com comando “One Touch”, antiesmagamento e fechamento/abertura automático pela chave, alerta sonoro de faróis ligados, desembaçador, limpador e lavador elétrico do vidro traseiro, relógio digital, hodômetro parcial e conta-giros, tomada de 12 volts, porta-objetos no console central e nas portas dianteiras, porta-copos entre os bancos dianteiros, preparação para instalação de som, além da sombreira para o passageiro com espelho.

Sob o capô também não houve alterações e, portanto, a linha 2015 do Celta mantém o motor 1.0 VHC-E Flex que entrega até 78 e torque de 9,6 kgfm, quando abastecido com etanol. A marca da “gravata” também manteve o câmbio manual de cinco marchas associado ao bloco VHC-E.

Disponível em seis cores, entre elas a nova cor Cinza Mond, o Celta 2015 pode ser adquirido nas cores Branco Summit, Prata Switchblade, Vermelho Pepper, Azul Sky e Preto. 

Embora a Chevrolet não tenha revelado oficialmente os preços do Celta 2015, o modelo já aparece no site oficial da marca com preços a partir de R$ 32.490.

Comercializado desde setembro de 2000, o Chevrolet Celta já superou a marca de 1.627.700 unidades vendidas.

Por Caio Polo

Chevrolet Celta 2015

Foto: Divulgação


Novo Chevrolet Agile Effect traz visual moderno e detalhes exclusivos


O que mais surpreende em um carro: design, desempenho nas pistas, motores, itens de série ou opcionais?

Esta é uma pergunta que pode ter várias respostas certas de acordo com o gosto do motorista. São vários itens que podem surpreender quem pensa em adquirir um carro.

E por isso, o Agile é um carro que também divide opiniões por onde passa, algumas pessoas inclusive apontam que ele é aquele carro que ou você ama ou odeia e este conceito foi um dos grandes desafios encontrados pela GM na hora de pensar na reestilização do Agile para 2014, por isso, a montadora decidiu elevar-se além das modificações visuais que são as mais comuns nos mercado, antes a GM manteve o foco no reposicionamento do modelo no mercado. Para isso investiu em um visual mais esportivo para o carro que recebeu o nome de Effect que traz acabamentos exclusivos com destaque para o teto pintado de preto, além de o carro ser comercializado apenas nas cores branco ou vermelho.

A parte dianteira do automóvel foi a área de maior atenção da equipe de design da GM, em destaque estão os faróis que agora não utilizam mais o refletor redondo, as entradas de ar também receberam um redesenho.

Na parte traseira, os para-choques agora contam com refletores verticais nas extremidades do carro, as lanternas receberam uma grande faixa cromada, as rodas receberam um novo conjunto com aro 16 polegadas.

O interior do carro normalmente é umas das partes mais esperadas pelos motoristas e o Agile 2014 concentrou suas mudanças no volante que passa a ser multifuncional incorporando os comandos do piloto automático. Os motoristas também contarão com um excelente sistema Blueetoth e rádio de altíssima qualidade.

Todo o foco da montadora em torno do desenvolvimento do novo Agile 2014 foi em busca da melhor qualidade tanto em design quanto bom desempenho do veículo. O carro que já está pronto para chegar a todas as concessionárias do país espera conseguir atingir e até mesmo superar as expectativas de seus idealizadores, resta agora esperarmos para vermos o que o mercado achará do modelo 2014.

Por Jaime Pargan

Chevrolet Agile Effect

Foto: Divulgação


Chevrolet Corvette Z06 Convertible 2015 – Nova versão conversível


Próximo da estreia mundial do Salão de Nova York, a General Motors revelou oficialmente as primeiras imagens da versão conversível do Corvette Z06. Seguindo as linhas estéticas da versão convencional coupé apresentado no Salão de Detroit, em janeiro, a versão conversível do esportivo Z06 desde 1963.

De acordo com a Chevrolet, a estrutura do Corvette Z06 Convertible 2015 feita de alumínio é 20% mais rígida que a do coupé, embora ambos possuam praticamente o mesmo peso. Além disso, as duas configurações compartilham o mesmo conjunto mecânico, as tecnologias de assistência ao motorista, bem como os itens tecnológicos e os kits de equipamentos presentes no veículo, inclusive o pacote Z07 Performance Package voltado para performance, que adiciona ao veículo esportivo pneus Michelin Pilot Sport Cup de alta performance, componentes aerodinâmicos frontais e dianteiros ajustáveis e sistema de freios compostos de carbono-cerâmica feitos pela Brembo.

Ambos os modelos Z06 são equipados com rodas de alumínio fundido sob rotação de 19 polegadas na frente, calçados com pneus P285/30ZR19 e 20 polegadas na traseira, que usam pneus 335/25ZR20. Seu design ultraleve e aberto revela os freios Brembo maciços, que contribuem para aumentar ainda mais a esportividade.

Para o Engenheiro-Chefe do projeto, Tadge Juechter, desenvolver um conversível com desempenho igual ao do Corvette, com uma estrutura relativamente leve e rígida o suficiente era praticamente impossível. Tal desafio foi superado devido o desenvolvimento da engenharia auxiliada pela computação, metalurgia e técnicas de fabricação.

Sob o capô, assim como a configuração coupé, o Corvette Convertible 2015 vem equipado com um motor 6.2 V8 Supercharged, capaz de entregar 625 cv de potência e torque de 87,8 kgfm. Para que toda essa potência e esse torque fortíssimo cheguem às rodas do modelo, acoplado ao bloco V8 do carro está uma transmissão manual de sete marcha ou uma transmissão automática de oito velocidades. 

A Chevrolet ainda não divulgou as informações de desempenho, guardando em segredo para revelar apenas durante o Salão de Nova York.

Por Caio Polo

Chevrolet Corvette Z06 Convertible 2015

Foto: Divulgação


Chevrolet Silverado HD High Country – Lançamento no Salão de Nova York 2014


A Chevrolet apresentou para o mercado norte-americano uma versão ainda mais requintada e sofisticada da pick-up Silverado HD. Denominada de High Country, a nova versão da pick-up grandalhona estará disponível tanto na configuração 2500 quanto na 3500. A estreia pública da Chevrolet Silverado HD High Country ocorrerá nos próximos dias, durante a realização do Salão de Nova York. De acordo com a General Motors, a novidade para a nova versão da pick-up grandalhona é o acabamento luxuoso associado à brutalidade da carroceria HD e a alta tecnologia embarcada no veículo.

Esteticamente, a Silverado HD High Country traz no modelo 2500 uma grade frontal com barras horizontais, rodas de liga leve cromadas de 20 polegadas, além de amplos para-choques pintados na cor da carroceria da pick-up. A configuração 3500, por sua vez, possui rodas de alumínio forjado de 18 polegadas na frente e duplas de 17 polegadas atrás, além de retrovisores mais compridos, entre outros detalhes.

Para o interior, a Chevrolet disponibilizou um acabamento interno em couro marrom com costuras contrastante, bancos com revestimento em couro perfurado com aquecedor, refrigeração e logotipo nos encostos de cabeça, além do sistema de som de alto padrão Bose e central multimídia MyLink, dotada de uma tela touchscreen de 8 polegadas.

Opcionalmente, a marca norte-americana oferece teto solar, sistema de navegação, um sistema de entretenimento para o banco traseiro com leitor de DVD/Blu-Ray, bem como um pacote Premium High Country, que inclui volante aquecido, sistema de alerta para o motorista e pacote de pedais ajustáveis.

A General Motors irá oferecer duas opções de motorização à Silverado HD High Country, sendo a primeira opção um motor a gasolina 6.0 V8, que entrega 360 cv de potência e 52,5 kgfm de torque. A segunda opção é um bloco Duramax 6.6 V8 a diesel, capaz de entregar 397 cv e torque brutal de 105,7 kgfm. Trabalhando em conjunto com os motores estará sempre uma transmissão automática de seis velocidades.

Com esse conjunto mecânico, a pick-up grandalhona tem a capacidade de rebocar 10,4 toneladas.

Por Caio Polo


Chevrolet Sonic 2014 – Nova versão esportiva Effect


O mercado automobilístico brasileiro cresce a cada ano que passa e esse grande sucesso está ligado ao fato da grande quantidade de montadoras que atuam em território brasileiro. Essa grande concorrência entre empresas de todo os lugares do mundo acaba gerando uma baixa nos preços, sendo assim, algo bastante positivo para aqueles que estão em busca de seu primeiro carro ou até mesmo de um novo.

Como já foi citado acima são várias as marcas que atuam em solo brasileiro, porém uma das que mais se destacam é justamente a Chevrolet. Essa montadora americana dispõe de grande sucesso em todo o Brasil, possui automóveis tops de linha e conhecidos em todo o mundo, bem como disponibiliza a seus clientes os famosos carros populares, ou seja, aqueles que possuem preços acessíveis a várias classes sociais.

Para aqueles que ainda não o conhecem saibam que o Chevrolet Sonic é um dos modelos mais procurados da marca devido a vários fatores como, por exemplo, seu design, preço, desempenho, economia e muito mais. Para quem já o conhece saiba que o mesmo acaba de receber uma novidade, trata-se da roupa esportiva Effect em sua linha de 2014, a mesma roupa esportiva do Chevrolet Agile.

Vale ressaltar que a roupa esportiva foi aplicada à configuração top de linha do hatchback LTZ, que dispõe de câmbio automático de seis marchas. O mesmo está disponível na cor branca e dispõe de preço sugerido de R$ 58.490,00. Com essa novidade o Chevrolet Sonic recebe todo um tratamento visual diferenciado, onde podemos destacar: aplique do adesivo da série no capô e portas laterais e traseiras, rodas de liga leve de 16 polegadas, espelhos retrovisores, protetor de soleira com acabamento em alumínio escovado e tapetes de borracha exclusivos.

Caso esteja interessado saiba que o automóvel já pode ser encontrado nas melhores concessionárias do país, por isso, basta ir à escolha do seu.

Por Bruno Henrique

Chevrolet Sonic Effect 2014

Foto: Divulgação


Chevrolet Spin 2014 – Características e preços das versões LT, LTZ e Advantage


A Spin, minivan lançada em 2012 para substituir os carros Meriva e Safira, da Chevrolet, vem ganhando as ruas das cidades brasileiras. 

O carro veio com um outro estilo dos modelos que foram substituídos, com uma cara “real” de minivan. O novo modelo do carro que veio para competir diretamente com o da concorrente Nissan – Livina, sai a partir de R$ 49.190. Tem a capacidade de 5 a 7 pessoas, porém, quando os bancos traseiros são rebatidos, os mesmos ficam expostos e ocupam espaço. O carro em sua versão mais básica vem com dois airbags e freios ABS.

O veículo está disponível em três versões, a Spin LT que possui cinco lugares, um motor 1.8 Econoflex (tecnologia nova da GM que potencializa o carro, porém, aumenta o consumo de combustível), de 106/108 cavalos de potência e mais de 30 porta-objetos, saindo pelo preço inicial dado: a partir de R$ 49.190.

Já  a segunda versão, a Spin LTZ, tem a capacidade de carregar sete passageiros e essa versão ainda oferece volante com comandos do sistema de som e Bluetooth, sensor de estacionamento, rack de teto, rodas de alumínio aro 15 e vários outros opcionais como, por exemplo, protetor de para-choques, película de controle solar, trava anti-furto para as rodas, entre outros. Cada coisa tendo o seu preço, claro. Mas o carro com os itens de série sai a partir de R$ 58.990

O Spin Advantage tem itens exclusivos como as molduras nas laterais das portas com o emblema Advantage, retrovisores externos, rodas de alumínio aro 15 com pintura escurecida e faróis escurecidos, junto com faróis de neblina, computador de bordo e retrovisores externos elétricos. O volante é em couro e possui os mecanismos de controle do som. O carro sai a partir de R$ 56.590.

Por Mariana Caetano

Chevrolet Spin 2014

Foto: Divulgação


Chevrolet Zafira – Boa opção para quem gosta de espaço e design simples


A Zafira, carro que era produzido pela Chevrolet e entrou no mercado brasileiro em meados do ano 2001 teve seu último modelo lançado em 2012, quando anunciaram o encerramento da produção do modelo, juntamente com outro carro “grande” da montadora, a Meriva, que foram substituídas pela minivan Spin.

O carro, que desde seu primeiro lançamento possuía o diferencial do grande espaço (minivan) acomodando assim, sete pessoas no carro, com um motor de 2.0 que consome uma quantidade razoável de gasolina (em trechos urbanos 6,8 km/l e em estradas 11,8 km/l) mas tendo um bom desempenho (a aceleração de 0 km a 100 km é de 11,7 s) foi bem recebido no mercado. Atualmente, o carro teve uma depreciação boa no mercado, podendo ser encontrado nesse modelo (o mais antigo) por R$ 21.154. Já o último modelo ainda está bem valorizado, apesar de ter uma revenda difícil se o modelo não tem os opcionais como ar condicionado, custando entre R$ 40.000 e R$ 50.000, dependendo do vendedor e condições do carro (quilômetros rodados, por exemplo).

Ele é uma boa opção para quem gosta de viajar ou para quem gosta de espaço e aprecia um design simples. O carro que visualmente não mudou muito desde sua primeira versão (inclusive, esse foi um dos motivos para que o mesmo saísse de circulação), teve alguns itens a mais na última versão, como direção hidráulica. Uma outra vantagem do carro é o custo benefício, pois o preço de revenda é bom, a desvalorização não é tão abrangente comparando com outros veículos.  

O  carro era também procurado por taxistas, por exemplo, devido ao espaço interno e ao conforto que o mesmo contribuía para quem o dirigia e aos clientes e o veículo ainda está entre um dos preferidos para aqueles que gostam dessa categoria (minivan), ganhando até do seu substituto, Spin. Pois é, será que a Chevrolet ficou contente de ter feito a troca?

Por Mariana Caetano

Chevrolet Zafira

Foto: Divulgação


Novo Chevrolet Cruze 2015 foi visto na China


Muitos rumores deixavam os amantes da marca Chevrolet ansiosos por novidades do novo Cruze 2015. Mas agora acabaram os boatos. A realidade de como será o novo modelo foi revelado pelo site auto.sohu, que divulgou as primeiras fotos que mostram o visual completo do novo Cruze 2015. O site chinês flagrou o carro sem disfarces em um estacionamento. Contudo, mesmo com essa apresentação de imagens, a nova geração do modelo da Chevrolet deve chegar ao mercado chinês somente no final deste ano, com lançamento em outros países nos meses seguintes. Isso inclui os mercados da América e da Europa.

A geração atual possui um design marcante, que possibilitou um grande sucesso do modelo ao redor do mundo. A nova geração demonstra ser mais dinâmico, mesmo não apresentando muitas novidades e personalidade. O novo Cruze 2015 traz uma mistura entre preferências asiáticas e americanas. A grande grade dianteira é típica de carros norte-americanos, já a traseira está bem diferente, com renovação inspirada nas lanternas asiáticas.

Na parte interna do carro, a imagem divulgada pelo site desponta um estilo clássico e com menos botões nos equipamentos centrais. O painel tem um revestimento totalmente em couro, na China, a cor é um marrom mais claro. O acabamento apresenta ser macio, atendendo aos pedidos dos usuários que reclamaram do uso de um plástico rígido nos bancos e outros locais.

O novo Cruze 2015 contará com uma nova geração de motores Ecotec de 1,5 litro com potência de até 115 cavalos ou, de acordo com a preferência do consumidor, um motor 1,4 turbo de até 150 cavalos de potência. Os dois são associados ao câmbio manual de cinco marchas, com opcional de seis marchas automático. A imprensa chinesa coloca uma previsão de que há possibilidades de uma transmissão de dupla embreagem e sete velocidades. O novo modelo é inspirado na nova plataforma D2XX do grupo GM. A novidade é aguardada no Salão de Beijing, na China, em abril. 

Por Carolina Miranda

Chevrolet Cruze 2015

Foto: Divulgação


Chevrolet Onix Lollapalooza – Lançamento da série especial limitada


A Chevrolet confirmou que irá lançar a série especial limitada Lollapalooza para o Onix, mas em contrapartida, divulgou também nesta semana que não seguirá adiante com os planos de construir a fábrica de transmissões na cidade de Joinville – SC.

Onix Lollapalooza:

Equipado apenas com o motor 1.0 com 80 cv e câmbio de cinco marchas, a edição especial para o Onix trará detalhes exclusivos, como os tapetes, porta-objetos e grafismos com detalhes em laranja, além do sistema multimídia MyLink.

Oferecido nas cores azul sky, laranja flame e branco summit, na parte externa o Onix Lollapalooza traz máscara negra e detalhes em azul nos faróis dianteiros, lanternas traseira escurecidas, rodas de liga leve de 15 polegadas, retrovisores com capa na cor prata, além dos adesivos em alusão a versão aplicados na coluna C.

Embora ainda não tenham sido revelados pela marca, os preços do Chevrolet Onix Lollapalooza não devem fugir muito de outras edições melhores equipadas que adotam o bloco 1.0. Embora as vendas comecem na próxima semana, os interessados já podem fazer a reserva do hatchback.

Fábrica em Joinville:

Há muito tempo a GM planeja construir o complexo industrial em Joinville – SC voltado à fabricação de transmissões. Com previsão de investimento de R$ 710 milhões para produzir 150 mil transmissões por ano, a fábrica que seria construída ao lado da nova unidade de motores da marca iria começar as operações ainda neste ano, com foco no mercado doméstico e europeu.

Contudo, devido à situação atual da indústria automobilística na Europa e em alguns paises na América Latina, principalmente devido às restrições impostas pela Argentina, fizeram com que a General Motors cancelasse o investimento. "Como a maior parte da produção iria para a Europa, não vale a pena investir neste momento", alega Santiago Chamorro, Presidente da GM do Brasil, em entrevista ao jornalista Claudio Loetz, do jornal Zero Hora.

Portanto, a unidade fabril situada em Joinville manterá apenas a produção dos motores 1.0 e 1.4 da linha SPE/4, além de cabeçotes de alumínio, com capacidade de produção anual de 200 mil unidades.

Por Caio Polo

Chevrolet Onix Lollapalooza

Foto: Divulgação


Chevrolet Tigra durou pouco, mas conquistou muitos fãs


Na Europa, os anos 1990 foram de muitas fabricações de carros variados com carroceria cupê cupê. A marca Fiat, por exemplo, tirou ideia do tipo para fabricar o estiloso Coupé. A marca Ford usava o projeto do Fiesta no valente Puma.

Já o Mondeo teve talento para criar o Cougar. Do outro lado, na Opel, o Corsa dava procedência ao Tigra e o Vectra ao Calibra. Saindo da Europa e vindo para o Brasil, o Corsa GSi estava tendo seu fim e deixava os seus fãs órfãos de esportivos.

Em 1993, no Salão de Frankfurt aparecia o conceito Tigra pela primeira vez. Era inspirado na récem-lançada segunda geração do Opel Corsa, e destacava-se por ter um visual ousado. O cupê possuía um grande vidro traseiro curvado, deixando-o com extrema personalidade.

O interior tinha sua base no Corsa, com poucas modificações, como o volante de três raios, acabamento mais elegante e configuração de 2+2 lugares. Os motores exibiam-se no 1.4, 16V de 90 cv ou a opção do 1.6, 16V de 106 cv.

A Chevrolet, em 1996, retirou o Corsa GSi das ruas, mas em pouco tempo lançou o Tigra aqui no Brasil. Logo depois, foi importado, mas não durou muito por causa do seu alto valor no mercado. Lá fora o Tigra também era mais ousado que o nosso: tinha freios ABS e airbags frontais, além das rodas que eram de aro 15, a nossa de aro 14.

Hoje é quase impossível ver o Tigra acelerando pelas ruas. Apenas 2.652 unidades foram importadas e, depois de tantos anos, é difícil encontrar algum, ainda mais em bom estado de conservação. Contudo, mesmo pelo preço alto da época e do seu pouco tempo de vida, o Tigra é relembrado com muito carinho pelos fãs. O automóvel conseguiu conquistar muitas pessoas naquela época.

Em 2004, depois do seu fim também na Europa, Opel lançou o Tigra Twin Top tentando ressuscitar o velho Tigra. Ele passou a ser considerado um cupê conversível, de capota rígida, com dois lugares fundamentado na terceira geração do Corsa.

Diferente do seu antecessor, o Tigra Twin Top não obteve êxito como a sua primeira geração e deixou de ser fabricado em 2009. A fabricante também não deu continuidade a família, não deixando nenhum sucessor do modelo.

Por Carolina Miranda

Foto: divulgação


Chevrolet anuncia recall de alguns modelos para rever filtro de combustível


No final do mês de fevereiro de 2014 (dia 28) a Chevrolet anunciou que estará dando início ao recall de alguns modelos fabricados pela montadora. De acordo com a fabricante esse recall envolve os modelos Spin, Montana, Cobalt e Classic.

Todos fabricados no período que vai de novembro de 2013 a fevereiro de 2014. De acordo com as informações divulgadas pela montadora, a necessidade do recall se dá por um problema apresentado no filtro de combustível que eventualmente poderá ocasionar vazamento próximo ao tanque o que poderá provocar acidentes. Ao todo foram convocados 16.700 veículos que se encontram incluídos nessa situação.

A Chevrolet já deu início ao agendamento do serviço de inspeção previsto e também a eventual troca do filtro que apresente problemas nas suas redes de concessionárias. A companhia ressalta que o serviço é gratuito é que não levará mais de 15 minutos para que seja devidamente concluído.

De acordo com as informações divulgadas pela marca, o problema citado merece atenção uma vez que o poderá ocorrer um princípio de incêndio no caso de o combustível de uma forma ou outra entrar em contato com a chama externa.

Isso obviamente poderá ocasionar acidentes aos ocupantes do veículo com risco de queimaduras. Outro detalhe considerado pela montadora com ocasionamento de risco de lesões graves ou ainda fatais aos ocupantes e terceiros é o fato de ocorrer o desligamento repentino do motor.

Para os donos dos veículos (modelos) fabricados citados acima e também para qualquer outra pessoa que queira sanar algum tipo de dúvida a Chevrolet disponibilizou o seguinte telefone para contato: 0800 702 4200. Quem quiser também poderá entrar em contato com a montadora por meio do site da empresa no endereço eletrônico www.chevrolet.com.br.

A lista do chassi dos modelos convocados segue abaixo:

Modelos: Classic/Cobalt/Montana/Spin

Chassis com variação de EB213875 a EB253199

O período de fabricação exato vai de 19 de novembro de 2013 ao dia 07 de fevereiro de 2014.

Por Denisson Soares


Novo Chevrolet Prisma 2014


A Chevrolet, que é uma das marcas de automóveis mais conhecidas do mundo, não quer ficar para trás nesse ano de 2014 e, por conta desse objetivo, a empresa está investindo cada vez mais em carros luxuosos e de preços altos.

Um exemplo dessa aposta é o Chevrolet Prisma 2014, um carro muito bonito e moderno e que veio para conquistar públicos e pessoas de todos os estilos e gostos. O Prisma traz direção com assistência hidráulica, coluna de direção com ajuste de altura, chave do tipo canivete com abertura do porta-malas por botão, vidros elétricos dianteiros, alarme, protetor de cárter, ABS, entre outras funções que são de suma importância para quem está em busca de um veículo cheio de qualidades de vantagens.

A única desvantagem desse carro, reside, sem sombra de dúvidas, no seu valor, afinal seu preço está muito caro.

Preços das versões do Prisma:

LT 1.0: R$ 34.990
LT 1.4: R$ 39.090
LTZ 1.4: R$ 45.990

Seja bem como for, o conforto desse veículo pode ser um diferencial para alavancar seu número de vendas. O  modelo é idêntico ao Onix na dianteira e no interior. Grande mudança está na traseira. A motorização é a mesma do hatch, com o propulsor flex desenvolvendo 80 cv com etanol e 78 cv com gasolina.

Pois bem, o carro é super potente e é ideal para quem procura segurança e, ao mesmo tempo, comodidade para dirigir numa boa. O Chevrolet Prisma, com suas cinco versões, espera vender bastante e acredita que as pessoas ficarão felizes com as pequenas mudanças que foram feitas.

O carro é bastante moderno, muito confortável, bem econômico, com 10 km/lt na cidade com ar ligado e muito engarrafamento, a suspensão é bem acertada. Para quem quer ter um sedã médio, o Prisma 2014 parece ser uma escolha bem mais que acertada. 

Por Jaime Pargan

Foto: divulgação


Chevrolet Classic Advantage – Modelo sedan recebe versão limitada


A General Motors do Brasil anunciou o lançamento da série especial Advantage para o sedan compacto Classic, versão limitada que tem o objetivo de disponibilizar um pacote mais completo de itens de série para o veículo a preços mais acessíveis do que os valores cobrados se os equipamentos fossem adquiridos separadamente, além de trazer padrões estéticos exclusivos.

A edição especial Advantage, que já havia sido oferecida para o Cobalt, o Celta e a minivan Spin, em 2013, adiciona ao Classic itens como direção hidráulica, alarme antifurto, acionamento elétrico para os vidros dianteiros (com sistema antiesmagamento), travas elétricas nas quatro portas, ar condicionado e o fechamento automático “Keyless Entry System”, que aciona remotamente os vidros e as travas com um toque no botão da chave.

O sedan ganhou também rodas de alumínio de 14 polegadas, moldura lateral na cor do veículo, painel central e detalhes internos na cor prata (manopla de câmbio e volante), retrovisores externos pintados em preto brilhante, adesivo de coluna, emblema “Advantage” nas portas, display digital com temperatura, data e hora e rádio com player de CD, MP3 e WMA, Bluetooth, porta USB e entrada auxiliar frontal, além dos obrigatórios airbags e freios ABS, tudo instalado de fábrica.

A parte mecânica do Chevrolet Classic Advantage 2014 é a mesma do modelo convencional, ou seja, ele conta com o motor VHC 1.0 litro, acoplado ao câmbio manual de cinco marchas, que desenvolve 77 cv de potência e 9,5 kgfm de torque se abastecido a gasolina e 78 cv de potência e 9,7 kgfm de torque quando utilizado o etanol, segundo os dados fornecidos pela montadora.

Os interessados em adquirir a nova versão especial do Classic já podem encontrar o modelo nas concessionárias Chevrolet de todo o Brasil. O preço sugerido para a série limitada do sedan é de R$ 34.170,00 e ele está disponível em apenas uma cor, a tonalidade Cinza Mond.

Por André Gonçalves

Chevrolet Classic Advantage

Foto: Divulgação


Recall Chevrolet Classic 2014 e Agile 2014 – Problemas no rolamento do cubo das rodas traseiras


Após detectar a possibilidade de falha no rolamento do cubo das rodas traseiras de algumas unidades dos veículos Agile e Classic, modelos 2014, a General Motors do Brasil resolveu convocar os proprietários desses carros para levá-los a uma inspeção, com a finalidade de verificar se eles apresentam tal problema.

O recall convocado pela montadora envolve os automóveis Chevrolet Classic 2014, fabricados entre os dias 11 de outubro e 11 de novembro de 2013, e Chevrolet Agile 2014, fabricados entre 11 de outubro e 20 de novembro de 2013, sendo 2.920 unidades do primeiro e 2.405 unidades do segundo, em um total de 5.325 carros que devem passar pela verificação.

De acordo com a GM do Brasil, o motivo para a possibilidade de surgimento da falha seria o excesso de torque aplicado durante o aperto da porca do cubo das rodas de trás, algo que pode gerar o superaquecimento do rolamento. Assim, há o risco de travamento ou até mesmo de soltura da roda traseira, o que pode resultar na perda de controle do veículo e em risco de colisão e/ou capotamento, causando lesões graves ou mesmo fatais nos ocupantes e em terceiros.

Para acabar com quaisquer riscos, a Chevrolet quer avaliar os veículos e substituir o rolamento do cubo das rodas traseiras, aplicando de maneira correta o torque necessário na porca de fixação do componente, lembrando que os veículos afetados possuem as seguintes numerações de chassi (últimos oito dígitos):

– Chevrolet Classic 2014: de ER142768 a ER154752;

– Chevrolet Agile 2014: de ER140857 a ER156901.

Os proprietários dos veículos envolvidos no chamado podem agendar o serviço, que é gratuito e dura em torno de uma hora, em qualquer concessionária da marca.

Mais informações podem ser obtidas no telefone 0800-702-4200 e também no site oficial da Chevrolet, onde há uma ferramenta que permite checar, por meio do número do chassi, se o seu veículo deve ser verificado.

Por André Gonçalves

Chevrolet Classic 2014

Chevrolet Classic 2014

Foto: Divulgação