Novo Peugeot 408 lembra o Fiat Fastback, é registrado no Brasil e pode vir

É real, New Peugeot 408 foi registrado no INPI e pode vir ao Brasil.

Recentemente a marca francesa que faz parte do grupo Stellantis, registrou no Instituto Nacional da Propriedade Industrial (INPI) os desenhos do modelo 408, que já estreou na Europa. Aparentemente, nada mudou do modelo comercializado lá fora e o que deveremos ver por aqui.

Ressalte-se que o registro no INPI é uma formalidade para proteger desenhos e patentes dos carros, não necessariamente significando seu lançamento no Brasil. Exemplo disso é a Toyota Tacoma, irmã da Hilux no mercado americano, mas com algumas diferenças significativas para a picape nacional, que foi registrada em 2019 e, agora, em 2023, mas que nunca chegou a desembarcar.

No entanto, fica a expectativa quanto ao novo 408, um produto que, a ver pelo sucesso do Fiat Fastback, outro produto da Stellantis, provavelmente teria boa aceitação em território brasileiro.

O Peugeot 408 na Europa

Vamos abordar alguns destaques do carro. Sem dúvidas, uma delas é a carroceria do carro, ele não é um SUV tradicional, o desenho da carroceria se denomina Fastback e é o mesmo que acompanha modelos da Fiat (Fiat Fastback) e da BMW (BMW X4) por isso não estranhe, não se trata de uma invasão de sósias. Seguindo, temos um design que se define muito bem pela palavra “Futurista”, isso porque o carro usa e abusa de detalhes em 3D tanto exteriormente quanto interiormente.

Um olhar frontal, nos permite ver os faróis dentes de sabre característicos e uma grelha muito bem projetada cujos detalhes em 3D dão uma sensação de profundidade muito bacana, principalmente, com a badge da marca bem pronunciada. Lateralmente, temos frisos bem agressivos, rodas de 20 polegadas com desenho muito despojado e moderno. Na traseira, acabamentos excelentes e bonitos em plástico refinado, lanternas bastante agressivas e o caimento fastback. Tudo isso compete esteticamente para um visual despojado e elegante.

Adentrando o veículo e a sensação de ir para o futuro continua. O primeiro destaque é para os bancos, eles abraçam muito bem o motorista, dando suporte lateral e conforto, proporciona uma sensação de “estar ajustado ao carro” que é muito interessante, sem falar do acabamento em couro e alcântara. Em seguida, um volante com uma altura mais baixa, com curvas quadráticas e ótimas ao toque cuja função é conforto ao manusear e acima de tudo, não ofuscar o painel de instrumentos digital de 10 polegadas com exibição em 3D, ótimos para visualização à noite. Ao lado, uma central multimídia de 10 polegadas também, com uma segunda tela inclinada contendo os botões personalizáveis de acordo com a necessidade do motorista. Por meio dessas telas, temos acesso aos inúmeros sensores do carro, como câmera 360º, assistente de faixa e sensor de fadiga, reconhecimento por voz, conexão com 2 celulares ao mesmo tempo e informações da bateria e carregamento do carro.

O cockpit em si, atende com sobras todas as necessidades do motorista. É amplo, traz espaço porta copos protegido, espaço para carregamento por indução e entradas USB-C e teto solar. E a cereja do bolo, todos os acabamentos são extremamente agradáveis aos olhos e macios ao toque, seguindo a linha francesa de luxo e conforto.

Quanto à motorização, na Europa, há a princípio 3 opções com uma quarta a caminho. Todas são equipadas com uma transmissão automática de 8 velocidades alterando somente o motor, 1.2 Puretech a gasolina de 130 cavalos mas que não chegou a ser registrado no INPI, o outro é o PHEV (Híbrido Plug-in) de 150 cavalos em uma opção turbo 1.6 a gasolina e por fim o mesmo motor, mas entregando 180 cavalos, ambos combinados com o motor elétrico de 108 cavalos. Na versão topo de linha essa potência combinada gera 225 cavalos de potência. Por fim, o motor elétrico acompanha uma bateria de 12,4 KWh sendo possível ser recarregado em até 2 horas, o carregador não vem junto, é vendido como um opcional.

No Brasil, se lançado, muito provavelmente o carro não adotaria os motores europeus, mas sim os conjuntos Firefly já disponíveis nas linhas Fiat, Peugeot e Citroën no Brasil.

Posts Recentes

Promoção Suzuki: entrada de 60% e restante em 24 meses sem juros

Condições imperdíveis para motos Suzuki até 30 de junho: entrada de 60% e o restante em 24 meses sem juros.… Leia Mais

Novo BMW X3: A evolução do SUV de luxo da BMW

Descubra o novo BMW X3: um SUV que combina perfeitamente esportividade, elegância e tecnologia, oferecendo uma experiência de direção superior… Leia Mais

Mitsubishi Pajero Sport Legend Black: Luxo e exclusividade em edição limitada

Conheça o Pajero Sport Legend Black, o SUV da Mitsubishi que combina potência, sofisticação e exclusividade com apenas 200 unidades… Leia Mais

Primeiro lote do Chevrolet Blazer EV chega ao Brasil

Com a chegada do Blazer EV, a Chevrolet inicia uma fase de transformação e sustentabilidade no mercado automotivo brasileiro. O… Leia Mais

Fiat lança Nova Titano: uma picape desenhada para o agronegócio

A Nova Titano da Fiat, com motor turbodiesel e maior caçamba da categoria, é destaque em campanha que valoriza o… Leia Mais

São José dos Pinhais receberá produção do Novo Virtus em 2025

A Volkswagen investirá R$ 3 bilhões na fábrica de São José dos Pinhais para produzir o Novo Virtus e uma… Leia Mais