Jeep Renegade 2019 – Lançamento, Especificações


Modelo chega com visual retocado ao mercado brasileiro, mas com menos alterações que nos mercados europeu e americano.

Ao ser lançado no ano de 2015, o Jeep Renegade teve filas de espera para ser adquirido e para continuar em alta, o modelo em sua linha 2019 altera somente o necessário, visando diversos concorrentes posteriores, como Hyundai Creta, Nissan Kicks e principalmente o Honda HR-V.

O Renegade do Brasil sofreu menos alterações que o europeu e o americano. Não recebeu a mesma peça que situa os faróis de neblina centralizado e acaba por abrir duas entradas de ar embaixo das setas, porém passa a ter o para-choque igual, tanto nas versões diesel, quanto na flex e recebeu um retoque leve em seus faróis de neblina. Sua grade, ainda que não pareça, inspirou-se no Wrangler novo, com diferentes ângulos e mais grossas barras. Em suas versões mais caras, seus faróis que eram em xenônio deram lugar ao LED, da mesma forma que os de neblina.

Na parte de trás, por questão de custo, as lanternas em LED não chegaram, desta forma, a única alteração ficou por conta da maçaneta visível na tampa. As rodas também são novas, com aros em 17" até 19". Somente a que possui 16" da versão Sport manual continua igual.

O seu interior vem com as boas mudanças, diferente dos outros mercados. O display com 8,4" presente no Compass chegou ao Renegade suprindo uma necessidade antiga do modelo, incluindo Android Auto e Apple CarPlay. Chegaram também comandos novos de ar-condicionado com duas zonas, e a tela de 5” ficou para a versão Sport, assim como os comandos analógicos do ar. Em seu console central, existem porta-trecos novos e amplo espaço para seus pertences, já o seletor da tração ficou alguns centímetros mais altos em suas versões turbodiesel. Recebeu também revestimento preto em uma parte de sua coluna “A” para parecer mais fina. A litragem de seu porta-malas aumentou por usar estepe fino, entretanto já era algo existente desde 2018.

Sua versão Limited recebeu mais alterações que as outras versões. Contando, de série, com sete airbags e com rodas em 19". Em sua mecânica não ocorreram mudanças, continuando com o propulsor e-TorQ de 1.8 litros, que gera 139 cavalos e torque de 13,9 kgfm, além de sua transmissão ser automática com seis velocidades. O modelo manteve a sua mesma tocada, tendo baixa perda em conforto por utilizar pneus com perfil baixo, sendo um 235/45/19. Sua direção é calibrada e firme, porém o motor ainda pede mais força quando necessita transportar seus 1.527 kg e sua parruda estrutura. Para compensar, o uso e o desenho no novo display de 8,4 polegadas ajudam a vida no cockpit.

Mudou menos ainda a versão Sport. Não contando com faróis em LED e nem o display com 8,4", ficando como a principal novidade, uma porta USB em seu banco traseiro. É necessário estar bem atento para identificar os leves retoques na parte visual da versão de entrada, destacando-se as rodas novas de 17 polegadas.

De acordo com algumas fontes, o motor, que era um turbo 1.3, passará ainda por uma tropicalização e só poderá tê-lo a daqui dois anos. Uma outra ausência também, foi a versão de entrada Custom, ainda mais a turbodiesel, que era vendida por menos de 110 mil reais, entretanto de acordo com a FCA, não houve uma aceitação necessária pelo mercado.

A montadora Jeep já está com os olhos voltados ao segmento acirrado dos utilitários compactos. Desta forma, conta com uma posição agressiva das versões Sport, tendo valores, na versão manual, de R$ 78.490, já no automático de R$ 83.990. Embora a liderança seja do Honda HR-V, somente 2.274 veículos separa-o do Jeep Renegade, sendo o quarto colocado.

Por Filipe Silva

Jeep Renegade 2019

Jeep Renegade 2019


Jeep Gladiator 2019 – Nova Picape Conversível


Modelo mistura esportividade com resistência para terrenos acidentados.

Toda estreia de um grande automóvel constitui um grande evento, sobretudo na atualidade, em que a mecânica caminha junto da tecnologia. Um veículo preparado para todo tipo de terrenos acidentados, ou um tipo esportivo, hoje, também poder ser equipado com tecnologia digital que permita localizar-se melhor e rastrear as melhores trilhas.

Deste modo, a grande companhia Jeep fez revelar oficialmente o novo modelo Gladiator. Elaborada e produzida a partir dos anos 1960 como uma picape de tipo SUV Wagoneer. Mais tarde este mesmo modelo foi apresentado como um conceito no ano de 2005. Assim, esta picape se tornará um dos grandes destaques no Salão do Automóvel de Los Angeles.

Basicamente, e na prática, a picape Gladiator consiste em um tipo de caminhonete Wrangler. E, ainda mais, ela está munida de uma base em sua versão de 7 lugares, no chamado Jipão, embora utilize os eixos maiores; possui uma suspensão equipada de braços mais longos, suplementado de algumas alterações sobre os sistemas de freios e nas rodas, no sentido de poder suportar mais carga, cerca de 725 kg e mais o reboque para 3.470 kg. Trata-se de um veículo sempre muito resistente.

Conforme uma nota publicada pela própria companhia, inicialmente este modelo será produzido de modo a ser equipado com um motor tipo 3.6 V6 em 289 cavalos de potência e mais 35,9 KGFM de torque e mais um câmbio manual em 6 marchas ou um câmbio automático de 8 marchas.

A meta da companhia, para o ano de 2020, está em preencher este automóvel de um motor 3.0 V6 turbo diesel em 263 cavalos e mais 61,1 KGFM de torque. Neste caso específico, a transmissão será sempre de tipo automática em 8 marchas.

Em sua totalidade, a série Gladiator será produzida em quatro versões, que são: a Sport; a Sport S; a Overland e a Rubicon. Cada um destes modelos estará munido de um conjunto diferente de suspensões e de um potente sistema de tração, que altera em conformidade com o apelo promovido pela própria Jeep às suas configurações.

Deste modo, embora o design exterior do modelo Gladiator possa parecer familiar a muitos consumidores, ele de fato é. Até no detalhe de sua porta traseira todos os seus elementos são exatamente os mesmos que compõem o modelo Wrangler, sendo que ele inclui no pacote os seus faróis em estilo Led e mais o formato das janelas. A partir desta produção, a caminhonete ganhará uma caçamba e um conjunto de lanternas exclusivas, as quais também são iluminadas por tipo Led.

Com relação ao seu interior, seguem as especificações:

Na parte interior, a Gladiator está munida de um visual que combina a modernidade com nostalgia (estes traços mais clássicos são visíveis até em seu painel, no qual o design dos comandos e funções foi mantido). Entretanto, agora ele está equipado de uma central multimídia que pode ter 5,7 ou até 8,4 polegadas, de acordo com a versão produzida.

Em geral, todo modelo da Jeep é produzido para aguentar os terrenos mais agressivos, sendo que se trata de automóveis esportivos, com grande poder de resistência, grande firmeza e estabilidade. Na atualidade, dentro do avanço da tecnologia, que tem beneficiado a produção de veículos de todo tipo, a precisão de um Jeep como o Gladiator se torna cada vez mais intensa.

Portanto, exatamente como em outros modelos desta marca, o teto do Gladiator pode ser rígido ou produzido em lona bastante flexível e removível, ou seja, a série contém a alternativa de uma picape conversível, sendo que o para-brisa é de tipo basculante.

Vale a pena conferir.

Paulo Henrique dos Santos


Jeep Gladiator 2020 – Novidades e Fotos da Nova Picape


Fotos da nova picape vazam na internet.

Toda estreia de um novo veículo no mercado automotivo constitui grande evento, porém, antes da estreia ou pré-estreia, muita água acaba fazendo o moinho girar antes da hora marcada.

Neste caso, a companhia Jeep está prestes a lançar uma inédita picape, batizada Gladiator, cuja estreia está agendada para este mesmo ano de 2018. Algumas informações interessantes vazaram, por assim dizer, na internet, sobre a até então tratada como a “Scrambler”, a caminhonete do “Wrangler” não escapou de ter o seu título, também, clandestinamente divulgado pela internet.

Sendo a Jeep uma das empresas automotivas mais bem sucedidas dentro do grupo FCA, atuante no mundo inteiro, sendo que a Jeep comercializa somente tipos de SUVs populares para o mercado, até o presente momento, porém, esta situação está muito próxima de virar.

Tal como já estão há algum tempo realizando algumas das grandes marcas mundiais, como a RAM e a Fiat, a companhia norte-americana Jeep está se preparando para entrar no rol de empresas participantes do mercado de picapes com a sua inédita Gladiator.

Assim, se trata de uma nova picape, cujo modelo será derivado da nova geração do chamado Wrangler, já estreado no Salão do Automóvel na Capital de São Paulo. Este mesmo modelo já estava, de certo modo, com produção e lançamento confirmados pela própria organização FCA, na linha de seus planos para expansão de negócios, visados ao longo dos próximos cinco anos, entretanto, o título do veículo ainda era uma incógnita. Depois de um inesperado vazamento do próprio site para imprensa da companhia Jeep norte-americana, de responsabilidade do JeepScramblerForum, foi revelado de supetão que este mesmo modelo será oficialmente intitulado de picape Gladiator. Antes de a notícia vazar, a imprensa especializada chamava este modelo apenas de Scrambler.

Entretanto, como as informações mais essenciais ainda são confidenciais, dado que o automóvel está inédito, não é possível descrever, ainda, com maior precisão, o novo Jeep com suas especificações e novidades. Os dados vazados não são suficientes para evidenciar toda a potência e vantagem de que o modelo certamente está repleto.

Outros atributos incluem:

Os motores 3.6 V6 que funcionam a gasolina, em 285 CV e 35,7 KGFM em torque e, depois, 3.0 V6 em turbo diesel e desempenho de 260 CV e 61,2 KGFM de força.

Ainda assim, o novo Jeep Gladiator tenderá a ser o maior modelo dentro da família Wrangler, levando em conta que a sua parte traseira foi ampliada em relação à versão de quatro portas intitulada Unlimited do SUV. O seu entre eixos pode ser um tanto mais alongado com relação à estrutura clássica do SUV. Alguns flagrantes registrados já revelaram que a nova picape Jeep estará estruturada em proporções que a remeterão ao chamado Jeep Willys, que é um tipo de picape militar, com a caçamba baixa e quadrada, e acompanhada do visual tipo caixote de carroceria.

Mas, até o presente momento, é o que os especialistas conseguiram angariar. Para conferir mais detalhes sobre esta inédita picape, produzida pela Jeep, será necessário acompanhar a divulgação a ser realizada pela marca, agendada para apresentação no famoso Salão de Los Angeles, com data marcada para acontecer entre o dia 30 de novembro ao dia 10 de dezembro de 2018, que constitui o evento que encerrará o calendário de funcionamento do estabelecimento neste ano.

Sobre a empresa, seguem as informações essenciais:

A Jeep consiste em uma marca registrada que atualmente leva o título da FCA US LLC. Este termo, Jipe, tornou-se um verdadeiro sinônimo que indica os modelos de automóveis destinados para rodarem fora das estradas comuns, ou melhor, o estilo Off Road, que estão normalmente munidos de potente tração em suas quatro rodas.

Neste caso, o Gladiator une um veículo de aventura, potente e resistente, coma suavidade de um carro de família.

Paulo Henrique dos Santos


Jeep Renegade 2019 – Novidades e Principais Mudanças


Confira aqui as principais mudanças do Jeep Renegade 2019.

A Jeep, marca americana de automóveis, pretende trazer no próximo ano o modelo Jeep Renegade 2019 para integrar o time de SUV's da marca atualmente. Pelo o que tudo indica, seu lançamento está perto de acontecer muito antes mesmo do Salão do Automóvel de 2018, que ocorre no mês de novembro.

O novo modelo irá se integrar na categoria SUV esportivo, assemelhando-os tradicionalmente, e virá todo compacto, com modificações visuais como outros modelos vendidos na Europa. O processo do novo Jeep Renegade 2019 incluirá mudanças de faróis, que desta vez serão de LED, que lembrarão muito o aspecto dos faróis do modelo Wrangler, também com previsão de ser lançado em 2019.

A Jeep pretende trazer o Renegade 2019 mais equipado para o Brasil, com alterações no para-choques, sendo eles mais modernos e com aspecto mais arrojado. A carroceria mais reforçada e com detalhes revisados nos suportes das rodas, que funcionarão no sistema de liga leve.

Já no interior do automóvel, os usuários do Jeep Renegade 2019 terão a oportunidade de experienciar um modelo mais confortável e espaçoso, com comandos de ar-condicionado de última geração no painel central, atualizado e personalizado para receber as novas configurações da tecnologia, assim como também arranjos diferenciados para os demais comandos existentes na frente do carro, como os vidros, as portas, os retrovisores, o som e os limpadores de vidros.

O multimídia Uconnect, um dos recursos mais esperados do modelo, deverá vir com mais funcionalidades e com uma tela maior e mais espaçosa em HD. Este recurso será capaz de interagir totalmente com os usuários do modelo, dando a liberdade de programar as músicas, ligações e demais recursos vindos de smartphones e dispositivos similares.

Os assentos do Jeep Renegade 2019 deverá sofrer ajustes nos tecidos e nos estofados, com cor e textura opcional por compra. Recentemente, o projeto do modelo foi flagrado sendo camuflado em testes para carros novos no nordeste, apresentando camuflagens bastante longas, tanto na parte dianteira quanto na parte traseira. Por esse motivo, as especulações é de que as alterações mais precisas e necessárias possam serem feitas nas lanternas traseiras do veículo, preferencialmente.

Na parte mecânica do Jeep Renegade 2019 não há muitas expectativas de alterações precisas, como o motor, por exemplo, mesmo o motor antigo 1.3 Firefly Turbo fazendo a diferença na evolução do kit versão Flex do veículo.

Aqui no Brasil ainda não se sabe ao certo todas as especificações deste modelo, mas, o que se sabe é que em alguns países da Europa ele não deixa a desejar em sua performance de potência, que está entre 150 e 180 cavalos. Se ele passar por vistoria aqui no Brasil, pode ser que não passe de 139 cavalos, como o E.torQ Evo, que deve continuar um bom tempo com essa especificação no mercado brasileiro de automóvel. Em alguns países latinos é possível encontrar modelos de Jeep 1.0 Turbo de 120 cavalos e potência.

Outro recurso que não deverá ser alterado é o sistema de transmissão de marchas, que serão entre seis e nove, com opções manuais e automáticas, sendo a nona marcha com uma tração nas quatros rodas. Uma coisa será garantida nisso tudo: o diesel 2.0 Multijet II, dando o poder de 170 cavalos naturalmente, sem esforço algum.

Em relação aos atalhos tecnológicos, o Renegade 2019 pretende chegar todo equipado com pacote totalmente diferenciado, contendo itens que podem ser opcionais, como os aplicativos App Car Play e o Google Android Auto, ficando assim mais atraente para o público consumidor.

Os preços sugeridos giram em torno de R$ 76.990, com condições especiais e descontos para acabar com o estoque do modelo velho. As informações mais consistentes serão apresentadas no evento do Salão do Automóvel.

Por Daniela Almeida da Silva


Jeep Renegade 2019 – Preço, Novidades e Versões


Conheça aqui todas as novidades do novo Jeep Renegade 2019.

O ano de 2019 será um ano de novidades para os amantes do Jeep Renegade. A Jeep promete trazer bastante novidade nas versões do Jeep Renegade 2019 para o Brasil, com excelentes configurações visuais e designs modernos. No momento, o que se sabe é que a versão Sport será a mais econômica e estilosa, pois houveram mudanças significativas por fora, como a cabine externa, que agora virá com rodas novas nas grades dianteiras numa média inicial de 19 polegadas e para-choque da frente no modelo Flex com um ângulo bem maior em relação aos outros modelos.

Já nas versões Trailhawk e Limited do Jeep Renegade 2019, os usuários encontrarão muito mais tecnologia de ponta, como faróis em LED com lâmpadas que servem para neblinas e para luz do dia, ao contrário de outros modelos que ainda usam faróis de xenônio. Na Itália, por exemplo, esses modelos não sofreram tantas mudanças.

No interior, os modelos receberam uma mega central de áudio com a maior capacidade da categoria, chegando a 8,4 polegadas, sem contar o sistema integrado que conecta qualquer dispositivo móvel por meio de plataformas como o Apple Car Play e Android Auto, onde os usuários poderão acessar todas as funções do aparelho dentro do conforto de seu automóvel, bem como também funções externas a ele como o ar-condicionado do carro, que foi reajustado para economizar em 20% o tempo de resfriamento no interior das cabines de qualquer modelo.

A região central dos painéis foram personalizadas para um melhor manuseio do usuário, como os botões de comando do porta-objetos e do ar-condicionado. A segunda entrada USB, que antes situava-se no porta-objetos principal, foi transferida para os bancos traseiros.

A abertura traseira terá uma maçaneta para auxiliar no manuseio da tampa. Todas as versões também virão com porta-malas bem maiores, com 320 litros, e ainda dá pra aumentar mais 47 litros com a ajuda de um estepe temporário. As versões receberam essas configurações logo no início deste ano. Só a versão Trailhawk que a marca preferiu manter o estepe original devido à sua capacidade de suportar viagens longas e pesadas.

A Jeep também incrementou equipamentos exclusivamente para pessoas com deficiência na versão Flex automático. Quem optar pela versão Sport terá o máximo de conforto acompanhado de praticidade, com uma tela de 5 polegadas no painel para comando de toques com câmera traseira e rodas de 17 polegadas para pegadas automáticas (opcional). A única diferença é que a versão não virá mais com motor à diesel.

Outra versão que estará disponível mas foi pouco falada é a Longitude, que virá com rodas de 18 polegadas, painel central de 8,4 polegadas e faróis principais e de neblina, todos em LED, além disso, um total de cinco airbags totalmente infláveis para proteção das laterais, cortina e joelhos do motorista.

Os preços do Jeep Renegade 2019 vão variar conforme a versão. O Renegade Flex automático modelo exclusivo para PCD custa R$ 70 mil, o Sport Flex manual R$ 78.490, o Sport Flex automático R$ 84 mil, o Longitude Flex automático R$ 97 mil, o Limited Flex automático R$ 103.490, o Longitude Diesel automático 4×4 R$ 125.490 e o Trailhawk Disel automático 4×4 R$ 136.390.

Lembrando que esses preços sofreram algumas alterações, menos nas versões Flex automático PCD e na Longitude Flex automático. As versões que mais sofreram alterações nos preços foram a Sport Flex manual com uma queda de R$ 7.000 e a versão Sport Flex automático que estará R$ 8.000 a menos. Já as versões Limited Flex automático, Longitude Diesel automático 4×4 e Trailhawk Diesel automático 4×4 foram as que sofreram menos alterações nos preços, entre R$ 1.500 e R$ 4.000 a menos.

Por Daniela Almeida da Silva


Jeep Compass 2019 – Novidades, Características


A Jeep inovou e trouxe muitas novidades na lista dos equipamentos da linha de 2019 de seu modelo Compass.

Considerado atualmente o mais vendido em todo o país como SUV, a Jeep inovou e trouxe muitas novidades na lista dos equipamentos da linha de 2019 de seu modelo Compass. Porém, apesar da redução no valor ofertado no kit opcional que vem com a frenagem de emergência e com o piloto automático adaptivo, a inclusão de alguns outros itens acabou levando a um reajuste no valor final encontrado na tabela de preços.

Quer saber mais sobre tudo que está chegando por aqui muito em breve? Então fique ligado nas novidades do Compass 2019.

Novidades das versões do Compass

Em sua versão de entrada Sport, os espelhos retrovisores e as maçanetas ganharam uma pintura na cor encontrada na carroceria. Ainda, o mesmo vem com novas rodas de liga leve em 17 polegadas.

Um pouco acima vem a versão Longitude, que apresenta suas novas rodas em 18 polegadas e os espelhos retrovisores com um rebatimento elétrico. Além disso, a central multimídia está disponível em uma tela com 7 polegadas, também encontrada em outras versões como Trailhawk e Limited.

Falando um pouco mais das novidades dessas versões, ambas chegam ao mercado com o Park Assist, o chamado assistente para estacionamento semi-autônomo. As rodas de liga leve são em 19 polegadas e a partida do motor se dá pela chave.

O interior vem em detalhes que são escurecidos em sua moldura presente na central de multimídia e também nas saídas do ar-condicionado. O destaque vai para as duas novas cores lançadas que darão o que falar, chamadas essas de Billet Silver e Jazz Blue. A inspiração para ambas está em uma paleta com tonalidades externas encontradas no Grand Cherokee.

Além de toda a inclusão em equipamentos, a montadora Jeep também reduziu o pacote com os opcionais intitulado High Tech, que traz os itens para a condução semiautônoma. Essa inclui a frenagem autônoma nos casos de emergência, controle adaptivo de cruzeiro, alerta de permanência na faixa com a correção ativa de direção, bancos dianteiros com a regulagem elétrica, sistema de som Beats e, por fim, porta-malas com fechamento e abertura elétricos.

Para ressaltar o desconto, lembramos que, anteriormente, esse kit era vendido por R$ 15.650. Agora, o novo preço é de R$ 8.700.

Sem alteração mecânica

Apesar de todas as novidades apresentadas pela montadora para o seu SUV “queridinho”, não foi feita nenhuma alteração na parte mecânica do automóvel. Essa segue com as motorizações 2.0 turbodiesel de 170 cavalos e 2.0 Tigershark de 166/159 cavalos. As transmissões disponíveis são: nove marchas, disponível somente nas versões que são movidas a diesel, e automáticas com seis velocidades.

Versões e preços atualizados do Jeep Compass 2019

O Jeep Compass vem com valores que partem dos R$ 111.990, em sua versão mais básica, a Sport 2.0 Flex AT6. Na sequência, é oferecido o Longitude 2.0 Flex AT6 por R$ 124.990.

Na tabela de preços intermediários, as versões são a Limited 2.0 Flex AT6 e o Longitude 2.0 Diesel AT9 com tração 4×4. Os valores são R$ 142.490 e R$ 151.990, respectivamente.

No topo da linha encontramos, pelo mesmo valor, os modelos Limited 2.0 Diesel AT9 com tração 4×4 e o Trailhawk 2.0 Diesel AT9, também com tração 4×4. O valor desses está em R$ 171.490.

Sobre o consumo do Jeep Compass 2019

Em um teste realizado com o modelo Jeep Compass 2019, o consumo com álcool do veículo foi de 7,2 km/l na estrada e de 5,5 km/l na cidade. Utilizando no mesmo percurso gasolina, o consumo passou de 10,5 km/l na estrada e de 8,1 km/l na cidade.

Com o diesel, os valores identificados foram de 11,4 km/l na estrada e de 9,8 km/l na cidade.

Agora que você já sabe tudo que vem por aí, fique ligado nesse lançamento da linha 2019. Com certeza irá agradar aos consumidores mais exigentes.

Por Kellen Kunz

Jeep Compass 2019

Jeep Compass 2019


Jeep Renegade 2019 – Caraterísticas, Novidades


A série 2019 deste SUV compacto estará munida de faróis tipo LED em algumas de suas versões, com grade dianteira em novo design, suplementado de rodas em liga leve, adornadas com desenhos inéditos, mais opções de aro que chegam ao raio 19.

Todo lançamento oficial de um veículo no Brasil constitui um grande evento, que desperta tanto o interesse do consumidor quanto das concessionárias. Diversos sites e revistas especializadas estão divulgando há mais de um mês uma das maiores novidades, em termos de relançamento, neste ano.

Estreando em solo brasileiro, especificamente no Salão do Automóvel de São Paulo, no ano de 2014, o novo Jeep Renegade foi apresentado em uma edição deste ano na mostra oficial automotiva, no sentido de poder revelar aos consumidores brasileiros a primeira alteração significativa no seu design. O Jeep Renegade estreou no continente europeu de forma bem-sucedida, sendo um SUV compacto da Jeep, o qual porta algumas mudanças sublimes, mais concentradas na parte dianteira, na traseira e em seu interior. Outra grande novidade está no fato de este Jeep estar aparelhado com novos motores, de 1.0 e de 1.3, ambos com turbo. Neste caso, os amantes de competições poderão estar bastante interessados.

Assim, o New Jeep Renegade foi mantido em seus faróis redondos; qualquer fã de Jeep sabe que esse formato de faróis é a sua principal característica, instalados na dianteira e esteticamente insubstituíveis.

Entretanto, a diferença específica em relação à nova versão está na instalação de dispositivos de luzes LEDs diurnas, que agora estão contornando todo o conjunto; outra novidade está na iluminação principal, também munida de dispositivo LED. Outro novo atributo está na presença de um friso plástico que adorna este New Renegade, recobrindo a sua parte superior que constitui todo o conjunto óptico, sendo que na atual versão, o capô também cria esse mesmo efeito. O Jeep está mais completo em muitos sentidos.

Sobre outras especificações segue a relação:

As sete fendas que compõem a sua grade frontal ganharam mais volume, tornando-se bem mais largas e chamativas, atraentes. Com relação à entrada de ar inferior, a mesma foi ampliada de modo que se criou um pequeno degrau ao longo da área preta, ou cinza no caso da versão Limited, a qual integra os faróis e a própria grade frontal. Sobre o para-choque, o mesmo foi alterado em sua área produzida em plástico preto, de modo que sendo reduzido em tamanho ele pôde ganhar mais volume em suas extremidades. A nova entrada de ar é um caso à parte, já que a mesma está atrelada, agora, ao reposicionamento das luzes de indicação.

Deste modo, o lançamento da linha 2019 deste Jeep Renegade consiste em um evento ímpar no Salão. Além disso, o SUV compacto estará disponível por valor mais baixo, ao menos em sua versão Sport. A versão munida câmbio automático chega a R$ 91.990, conforme a última tabela desta linha de 2018 e chegará ao valor de R$ 83.990, ou seja, R$ 8 mil a menos para a linha de 2019.

Portanto, a série 2019 deste SUV compacto estará munida de faróis tipo LED em algumas de suas versões, com grade dianteira em novo design, suplementado de rodas em liga leve, adornadas com desenhos inéditos, mais opções de aro que chegam ao raio 19.

Outros atributos são:

Algumas alternações menos visíveis na parte traseira; as lanternas agora estão equipadas no sentido de proporcionar uma iluminação total em estilo LED, superando o conjunto anterior. O sinal de X que estiliza graficamente um galão de gasolina da Guerra, marca registrada fundamental e insubstituível.

Em seu interior foram realizadas mudanças bem mais discretas. Está equipado de uma nova central de multimídia, com tela maior; os botões físicos instalados no console de comando migraram para a sua parte inferior, facilitando o acesso. O dispositivo de ar-condicionado está munido de novos comandos de botões, capazes de apresentar o grau de temperatura por meio de exibição na própria central, entre outras especificações.

Por Paulo Henrique dos Santos

Jeep Renegade 2019

Jeep Renegade 2019

Jeep Renegade 2019


Jeep Compass 2019 – Novidades e Preço


Modelo ganha mais equipamentos e custa a partir de R$ 111 mil.

A linha 2019 do Jeep Compass começa a ser oferecida no mercado pela FCA com acréscimos de preços que podem chegar até R$ 4 mil dependendo da versão escolhida, além de um número maior de equipamentos de série.

Na versão Sport (a mais barata da gama) o comprador ganha retrovisores e maçanetas pintadas na mesma cor da carroceria e novo desenho das rodas de 17 polegadas, por R$ 2 mil a mais.

As versões Longitude (mais requintadas) ganharam tela de 7 polegadas com cores, novo desenho das rodas, estas são de 18 polegadas nesta versão, além do útil recurso de rebatimento dos retrovisores de maneira elétrica. A Longitude Diesel pode ser adquirida por R$ 2 mil a mais, já a versão Flex teve um exagerado acréscimo de R$ 4 mil, levando o título de maior aumento de toda a linha 2019 oferecida pela Jeep para o Compass.

Itens opcionais passarão a ser de série na versão Limited, tanto para quem optar pela motorização a gasolina como pelo motor a diesel, são eles: o sistema que inclui a partida remota do veículo por chave, o Park Assist e as rodas maiores, de aro 19, tudo isto por R$ 2.500 a mais.

Por fim, a versão Trailhawk segue a mesma linha de preços da versão Limited, incorporando os mesmos itens de série, além do veículo ter o teto com acabamento em pintura preta.

Apesar dos aumentos em todas as versões, uma boa notícia foi a redução do valor cobrado pela Jeep pelo sistema de condução semiautônoma High Teck, disponível somente nas versões mais caras (Limited e Trailhawk).

O sistema incorpora o controle adaptativo de velocidade, alertas para mudança de faixa com uma efetiva correção e o sistema de alerta para colisões com frenagem automática, o futuro comprador que desembolsava salgados R$ 15.560, hoje irá pagar R$ 8.700. O custo benefício se torna mais atraente uma vez que o High Teck também incorpora sistema de som da marca Beats e abertura do porta-malas com recurso elétrico.

Somando ao pacote High Teck outros opcionais como o teto em acabamento em preto, teto solar, protetor de cárter, além do útil para-barro para quem quer se aventurar fora dos terrenos urbanos, o preço salta para os R$ 187.810 já bem completo.

Veja como ficaram os novos preços de todas as versões:

– Jeep Compass, modelo Sport Flex com motor 2.0 e câmbio automático de seis marchas.
Era vendido por R$ 109.990, terá o preço atualizado para R$ 111.900.
Acréscimo de R$ 2 mil a mais sobre a tabela antiga.

– Jeep Compass, modelo Longitude Flex com motor 2.0 e câmbio automático de seis marchas.
Era vendido por R$ 120.990, terá o preço atualizado para R$ 124.990.
Acréscimo de R$ 4 mil a mais sobre a tabela antiga.

– Jeep Compass, modelo Longitude Diesel com motor 2.0, câmbio automático de nove marchas e tração 4×4.
Era vendido por R$ 149.990, terá o preço atualizado para R$ 151.990.
Acréscimo de R$ 2 mil a mais sobre a tabela antiga.

– Jeep Compass, modelo Limited Flex com motor 2.0 e câmbio automático de seis marchas.
Era vendido por R$ 139.990, terá o preço atualizado para R$ 142.990.
Acréscimo de R$ 3 mil a mais sobre a tabela antiga.

– Jeep Compass, modelo Limited Diesel com motor 2.0, câmbio automático de nove marchas e tração 4×4.
Era vendido por R$ 168.990, terá o preço atualizado para R$ 171.490.
Acréscimo de R$ 2.500 a mais sobre a tabela antiga.

– Jeep Compass, modelo Trailhawk com motor 2.0, câmbio automático de nove marchas e tração 4×4.
Era vendido por R$ 168.990, terá o preço atualizado para R$ 171.490.
Acréscimo de R$ 2.500 a mais sobre a tabela antiga.

Autor: Carlos B.


Jeep Compass Bedrock Edition – Lançamento, Especificações


A versão especial Jeep Compass Bedrock promete vir para ganhar a preferência de todos os brasileiros, com muita tecnologia, conforto e qualidade.

A Jeep lança mais um modelo totalmente inovador de SUV, trazendo conforto, qualidade e muita tecnologia em um só modelo.

Seu exterior estampa sua marca forte e a personalidade do Jeep, totalmente urbano e com faróis de xênon e contorno de LED dão uma característica única ao modelo. Suas rodas de liga leve dão o DNA que os novos modelos da montadora têm tido como características únicas nos últimos lançamentos.

Seu acabamento interno é totalmente perfeito, em todos os detalhes, fazendo com que seu proprietário adquira um modelo único da Jeep. Os bancos possuem uma costura dupla deixando eles muito mais resistentes, podendo escolher se preferir de tecido ou couro.

O painel possui umas molduras que podem ser escolhidas em cinza acetinado ou black piano, dando um visual maravilhoso à parte interna do veículo.

Ele possui um sistema de multimídia totalmente inovador, proporcionando que esteja conectado com o mundo através de seu Jeep. Com uma tela de 8,4 polegadas, possuindo sensor de estacionamento e câmera de ré acoplada.

Ele possui 9 autofalantes além de um subwoofer e um sistema muito avançado de abertura e partida sem chaves através do Keyless Enter n’Go.

Seu motor é de Turbo Diesel 2.0 com câmbio automático possuindo um sistema de 9 marchas, dando uma sensação única de prazer e poder ao dirigir o carro.

Sua tração 4×4 dá uma aderência inigualável aos outros modelos, oferecendo uma sensação única em qualquer tipo de estrada.

Seu valor final não deve passar dos R$ 150 mil, dando um custo-benefício excelente pelo tanto de qualidade que o modelo oferece.

Se está procurando um bom modelo para adquirir, essa SUV com certeza te dará tudo que procura em carro, proporcionando experiências únicas em viagens familiares, pois ela é muito confortável, e oferece um ótimo espaço para carregar suas bagagens.

O fato de seu motor ser de biodiesel com certeza te oferecerá uma economia muito grande, fazendo com que suas viagens sejam muito confortáveis e econômicas. Sem falar que gastará menos tempo de trajeto já que o modelo possui um motor muito potente e um sistema totalmente eficiente com seu câmbio de 9 marchas.

Se procura por um modelo potente, com design inovador e seu interior luxuoso com certeza essa é sua melhor opção. Essa versão especial do Compass Bedrock promete vir para ganhar a preferência de todos os brasileiros.

Por isso, se esse é o tipo de carro que você procura, você não pode deixar de procurar uma concessionária da Jeep e fazer um test drive para poder conferir esse ótimo carro.

Com um ótimo preço ele promete ser top de vendas no Brasil, a montadora espera que esse modelo coloque a Jeep novamente entre as mais vendidas neste ano.

Oferecendo muito conforto e uma potência fora do comum a Jeep está apostando todas suas fichas no lançamento desse novo modelo, esperando com que consiga conquistar muitas pessoas ao redor de todo mundo, principalmente do povo brasileiro que é apaixonado por carros.

Com essa inovação nos novos modelos de todos os carros praticamente de todas montadoras, a concorrência está fazendo com que o padrão dos carros aumente a cada lançamento, e com isso os consumidores têm ganhado, e muito. Os carros estão ficando com preços acessíveis e muito mais desenvolvidos.

E com o fim da crise econômica no país, a expectativa é que a Jeep supere suas vendas dos últimos anos. Podendo assim recuperar o rombo que a crise financeira no país acabou deixando em muitas empresas. Por isso não deixe de conferir esse belíssimo modelo, e faça sua melhor escolha, com certeza não se arrependerá de optar por esse excelente modelo da Jeep.

Fique ligado nas novidades da Jeep, para não perder esse grande lançamento.

Por Ricardo Ferreira Rodrigues

Jeep Compass Bedrock Edition

Jeep Compass Bedrock Edition


Recall do Jeep Renegade e Compass – Problema no Motor


Problema deve atingir cerca de 92 mil carros.

Os modelos Jeep Renegade e Compass dos anos 2017 e 2018 passarão por recall.

Foi anunciado que os modelos Renegate e Compass da Jeep terão que passar por um recall, contabilizando ao todo cerca de 92 mil carros atendidos, a razão é um relê no sistema de ignição a na injeção do combustível no motor.

São um pouco mais de 50 mil unidades da versão Compass e cerca de 40 mil da versão Renegade que terão que passar pelo recall segundo a montadora. Esse problema precisa ser reparado o quanto antes, pois ele pode provocar uma interrupção no funcionamento do veículo e até uma possível falha geral de seu motor, desligando de forma instantânea.

A montadora comunica que todos que possuem um desses dois modelos que foram fabricados entre o ano passado e esse ano de 2018 deverá procurar a concessionária mais próxima para saber se seu carro possui esse defeito. Caso seja constatado o defeito, a troca da peça será totalmente gratuita e o tempo estimado para realizar esse procedimento é de 30 minutos.

Você também poderá entrar em contato com o serviço de atendimento da empresa através do telefone 0800 703 7150.

Os modelos anos e chassis dos carros com possíveis problemas são:

  • Jeep Compass 2017/18 – e o número de série do chassi vai de H34693 a H93627
  • Jeep Renegate 2017/18 – e os números dos chassis são de 129173 a 186288

Portanto, se você possui um desses veículos, corra hoje mesmo até uma concessionária Jeep e agende sua troca, ou se possui um modelo que não é nenhum desses citados mais gostaria de conferir se está tudo certo com seu veículo, pode também procurar um representante em sua cidade para fazer a conferencia de seu veículo.

Muito importante lembrar também que como são modelos novos, você não poderá realizar esse procedimento em um mecânico particular, pois se fizer perderá a garantia de fábrica do veículo.

Pois somente os profissionais credenciados tem o preparo e formação necessária para realizar esse procedimento. A montadora não manterá a garantia do veículo caso seja violado essa norma contratual de compra e venda.

Por isso para evitar dores de cabeça futuras procure uma concessionária e faça a troca da peça defeituosa, através de seus profissionais credenciados. Além de evitar problemas, esse procedimento é totalmente gratuito.

A Jeep tem se superado a cada ano, com a evolução de seus modelos. E com certeza muitas novidades virão para os modelos 2019. Por esse motivo não deixe de comprar um Jeep se você ainda não possui. Esse pequeno problema de fabricação não é comum acontecer na montadora. E não precisa ter medo por conta desse ocorrido.

Os carros da Jeep são altamente potentes e sua mecânica é excelente e muito difícil de dar manutenção. Se estiver à procura de um carro que não te dê problemas futuros com certeza essa é uma das melhores opções no mercado atual.

E se você possui um desses modelos citados acima com o possível defeito não deixe de fazer o recall para saber se de fato seu veículo está com o problema. Pois esse problema poderá causar sérios problemas, além de poder causar acidentes pela falha de funcionamento do motor por conta do defeito.

A empresa zela pela a segurança de seus clientes sempre em primeiro lugar, por isso ela quer realizar essa troca em todos os carros que estão em circulação o mais rápido possível, evitando assim que algum acidente possa ser causado por esse problema nos veículos.

Por isso não seja negligente com sua segurança, no caso se possui um desses exemplares, vá até uma concessionária Jeep o mais rápido possível e resolva esse pequeno problema.

A empresa pede desculpas a seus clientes pelo transtorno e espera poder solucionar o problema o mais breve possível.

Ricardo Ferreira Rodrigues


Jeep Renegade 2019 – Especificações, Lançamento


Novo modelo virá com o motor tipo 1.8 E.torQ, sem contar, ainda, com o motor turbo.

Uma das maiores empresas automobilísticas do mundo, com mais de 70 anos de atuação no mercado, a Jeep, tornou-se uma marca registrada e bem-sucedida ao longo de sua história. O termo “Jipe”, passadas décadas, foi gradativamente tornando-se um sinônimo de automóveis destinados a transitar para além das estradas; consistindo em veículos mais potentes e próprios para terrenos acidentados e não pavimentados, ou seja, os chamados Off Roads, todos portadores de tração em suas quatro rodas.

Desta feita, a companhia está fazendo relançar, em estilo renovado, um SUV compacto, o qual possui força suficiente para dispensar tipos de motores turbos movidos a gasolina, porém, em um ponto o consumidor poderá acreditar que a montadora deixou a desejar: o motor tipo 1.8 E.torQ foi mantido. O motor turbo ainda espera.

Entretanto, o novo Renegade 2019 chega ao Brasil em versão renovada, dentro da sua linha SUV compacto. Especialistas conseguiram adiantar-se no sentido de informar que este novo veículo terá sua estreia antes mesmo do Salão do Automóvel, no Estado de São Paulo, abrir as suas portas no mês de novembro deste ano. Infelizmente, para os consumidores mais exigentes, os especialistas deixaram claro que, de fato, ele não estará equipado com os novos motores tipo turbo, movidos a gasolina e anunciados na versão europeia do Renegade. Como já foi citado, ele permanece equipado com o motor tipo 1.8 E.torQ.

Mantido sob os mesmo padrão mecânico, desprovido de motor turbo, este novo Renegade 2019 rodará com o clássico motor 1.8 E.torQ. Portanto, conforme os especialistas se expressam, informalmente, este Jeep ainda possui muita lenha para queimar, embora seja possível aperfeiçoá-lo ainda mais nesses mesmos moldes. Mesmo assim, nada foi declarado se este veículo utilitário chegará ao consumidor final com o motor 1.8 sublimado em sua estrutura. Existe a possibilidade de o Renegade ser intensamente atualizado pelos engenheiros devido à imposição das necessárias metas de melhoria para potencialização de rendimento energético, muito exigido pelo próprio governo. No entanto, o motor de tipo 2.0 MultiJet II de Turbo Diesel com desempenho de 170 CV foi mantido sem mudança alguma.

Deste modo, o novo Renegade 2019 será apresentado dentro do mesmo design de seu modelo europeu. Entre os atributos inéditos ou aperfeiçoados estão: faróis munidos de iluminação tipo LED, a qual contorna as suas bordas; possui um novo para-choque na parte dianteira, o qual está munido de faróis para neblina, instalados ambos paralelos um ao outro e ao centro da equipagem; possui uma nova grade frontal, elaborada em entradas de ar maiores e mais elegantes. Na parte traseira está instalada uma excelente novidade, ou seja, a lanterna de luz LED, estilizada em inédito desenho interno, o qual desperta uma impressão de visual em 3D. Na sua parte interna, está aparelhado do clássico painel, similar ao do modelo Compass, embora tenham sido reelaborados os controles do dispositivo de ar-condicionado; os engenheiros decidiram incluir funções de centrais multimídias bem maiores. A versão Top de Linha está munida de uma tela em 8,4 polegadas de dimensões.

O Jeep Renegade 2019 será a principal estreia e atração no Salão do Automóvel, porém, não será a única novidade. A companhia está prestes a fazer estrear, em paralelo, uma nova geração do modelo Wrangler e do Cherokee.

Ainda há tempo de mais novidades serem divulgadas antecipadamente. Esta estreia está entre as mais aguardadas pelo público consumidor mais esportista, dado que, ao longo de décadas de produção, a Jeep tem oferecido aos seus clientes automóveis cada vez mais precisos e potentes. O Jeep está entre os veículos mais consumidos em todo o mundo pela praticidade e resistência. Vale a pena conferir.

Por Paulo Henrique dos Santos

Jeep Renegade 2019

Jeep Renegade 2019

Jeep Renegade 2019

Jeep Renegade 2019


Jeep Cherokee 2019 – Características, Especificações


Modelo reestilizado traz algumas novidades e está mais esportivo.

Praticamente, todos os meses do ano se têm um lançamento de um carro ou uma montadora anuncia que vai lançar um novo veículo em pouco tempo. As fabricantes de automóveis fazem este tipo de ação para sempre deixar o consumidor informado sobre as suas novidades e claro sair na frente das outras empresas concorrentes. E um dos últimos anúncios feito por uma montadora foi realizado pela Jeep. A empresa norte-americana comunicou sobre a venda do novo Jeep Cherokee 2019 no Brasil. Conheça mais algumas particularidades dessa grande novidade da companhia.

A apresentação mundial do Jeep Cherokee 2019 e a chegada ao Brasil

O Cherokee modelo 2019 foi apresentado aos consumidores em um evento na cidade americana de Detroit no início deste ano. A partir deste primeiro evento, as montadoras começam a planejar as estratégias de vendas dos modelos ao redor do mundo. Levando em consideração, primeiramente, quais países se têm uma venda maior dos modelos e depois outros pontos são analisados para as vendas.

Na versão brasileira do site da Jeep, o Cherokee 2019 já está disponível para que os consumidores conheçam um pouco mais sobre o modelo. A expectativa é que o modelo custe entre R$ 170 mil e R$ 200 mil. Este preço se deve ao fato do modelo corresponder a um carro mais luxuoso.

O novo visual do Jeep Cherokee 2019

A versão de 2019 do Jeep Cherokee está com algumas novidades, sobretudo, quando se fala no design do automóvel. O carro está mais esportivo, graças a sua parte da frente. Pois, o capô está mais clean com menos detalhes. Por exemplo, aquelas duas linhas que se encontravam no capô estão mais suaves, a grade frontal também está com um desenho novo. Para a versão de 2019, o Cherokee conta com faróis de neblinas e outros adereços que serão contados ao longo do texto.

Em relação à parte traseira do veículo, o novo bagageiro já conta com um bom espaço. Mas, este espaço pode ficar maior ainda, já que os bancos de trás do Jeep Cherokee 2019 são classificados como rebatíveis. Ou seja, eles são facilmente removíveis e assim se pode carregar muito mais coisas neste veículo. Além disso, no caso dos bancos serem retirados, existe a possibilidade de levantar o revestimento da traseira e debaixo se tem uma espécie de “alçapão”, onde ainda cabem mais objetos. Por enquanto, sabe-se que o Cherokee foi fabricado nas cores vermelha e prata.

O interior do Cherokee é ainda mais surpreendente

Você já percebeu que espaço é um item levando muito a sério quando o Jeep Cherokee 2019 foi planejado não é mesmo? Outro ponto fundamental também para a construção deste veículo foi o conforto. Pois, os bancos do Cherokee possuem diferentes posições de reclinagem, foram fabricados em couro e também os bancos dianteiros podem ser aquecidos.

Já os motoristas ganharam um painel muito mais interativo. Visto que, ele conta com indicadores personalizados que retratam a rota do veículo e outros pontos em desenhos mais fáceis de serem interpretados, graças às cores escolhidas. Neste carro ainda estão presente uma tela de LCD em 8,4 polegadas sensível ao toque e que pode ser conectada a diferentes aparelhos eletrônicos. O Cherokee ainda tem um sistema de chaves codificadas. No volante o motorista tem autonomia para controlar o volume do sistema de som, ele pode realizar ligações e outros itens. O carro ainda possui teto solar.

A segurança foi outro item pensado pela Jeep ao fabricar o Cherokee 2019

A empresa norte-americana disponibilizou no Cherokee mais de 50 itens de proteção. Por exemplo, neste veículo estão inclusos 07 airbags que estão disponíveis por todo o carro. Além disso, o motorista conta com o sistema de seleção de terreno: o Selec-Terrain, que facilita na hora de conduzir o veículo em determinados trechos que podem sofrer com diferentes tipos de terrenos.

As versões e o motor do Cherokee 2019

O Cherokee 2019 conta com três versões: Trailhawk, Limited e Longitude. Todos possuem basicamente as mesmas características. Já em relação ao motor, todos os modelos contam com 271 cavalos e também um motor 3.2 litros V6 Pentastar. Todos também são 4×4 e transmissão automática.

Por Isabela Castro

Jeep Cherokee 2019

Jeep Cherokee 2019


Jeep Wrangler 2019 – Características, Novidades


Modelo que foi apresentado em Los Angeles é super tecnológico, mas conta com design vintage e bem rústico.

Recentemente apresentado nos EUA, essa nova máquina entrará no mercado muito em breve. Em sua apresentação podemos ver seu potente motor V6 Pentastar 3.6 com 289 cv, 2.0 e turbo. Com certeza não faltará potência para você que gosta de fortes emoções.

A sua transmissão pode ser manual de seis velocidades ou automática possuindo oito marchas de potência.

Ele possui também a opção de motor 3.0 Biodiesel, entregando 240 cv de potência.

Com já é de praxe da marca Jeep ele contará com dois tipos de carrocerias, uma versão sport com chassi curto. E a sua versão longa possuindo quatro portas, oferecendo mais conforto e luxo, ideal para quem está procurando um bom carro de passeio e confortável.

Ele vem com uma novidade que ajudará a preservar de forma considerável o meio ambiente, com o intuito de economizar mais combustível e diminuir a emissão de CO², ele adicionou alumínio em sua estrutura, sendo assim várias partes do carro projetadas com o material, deixando o veículo bem mais leve e colaborando assim com sua economia e também na preservação do meio ambiente.

Seu interior oferece um ar vintage e muito rústico presente em todos os modelos da montadora. Seu painel estará disponível em duas cores, acompanhando a carroceria ou em couro, agradando todo tipo de preferência.

Possui um dispositivo de 8 polegadas, com um computador de bordo, possuindo todos os aplicativos presentes em seus modelos. Dando uma experiência única enquanto pilota seu veículo.

Seu visual é leve e muito bonito. Com certeza encherá os olhos dos amantes dessa linha de automóveis.

É um carro projetado para aqueles que preferem modelos com design vintage e bem rústico, porém mesclando a tecnologia e inovações que o mercado automobilístico vem oferecendo.

Construindo assim um ótimo carro, ideal para todos os tipos de pessoas. Pois ele possui elementos que agregam todo tipo de gosto individualmente.

Ideal para quem quer um carro de luxo e porte grande, para passeios familiares e longas viagens, assim como para os amantes de trilhas e aventuras perigosas. Podendo te levar para qualquer lugar que desejar, essa linha da Jeep com certeza está chegando para ganhar o coração de todos os brasileiros e do mundo todo.

A versão Rubicon é a mais valente, a que mais se aproxima da versão raiz da montadora. Seu anglo de ataque e de saída está totalmente melhorado, te dando muito mais segurança em qualquer tipo de trilha que pretender pegar com o carro. Possuindo também um gral de rampa muito acima dos outros modelos, com certeza é um carro excelente para os amantes de caminho perigosos.

Sua distância do solo é de 277 mm, dando uma boa e vantajosa comodidade para pegar qualquer tipo de estrada e trilha.

Sua capacidade de imersão é de 76 centímetros, dando uma boa vantagem e segurança na hora de atravessar riachos.

Ele possui ganchos de reboque tanto na frente quanto na sua traseira, sendo capaz assim de ser rebocado por qualquer lado em qualquer circunstância.

Portanto, se procura um carro que te proporcionará grandes aventuras não deixe de conferir esse super lançamento da Jeep. Com certeza ele será o carro ideal para suas trilhas e passeios familiares. Te proporcionando muito conforto e segurança, te levando para qualquer lugar que desejar.

Um veículo tanto de passeio, quanto para viagens longas e aventuras em qualquer tipo de solo. Ou seja, ele é perfeito para qualquer situação te proporcionando uma liberdade de escolha para ir a qualquer lugar que desejar.

Não perca nenhum detalhe desse maravilhoso lançamento, e assim que ele chegar ao Brasil faça seu teste drive e confira você mesmo esse potente e luxuoso modelo da Jeep.

Por Ricardo Ferreira Rodrigues

Jeep Wrangler 2019

Jeep Wrangler 2019


Novos modelos SUVs da Fiat e Jeep Renegade no Brasil


Novo Jeep Renegade e SUVs da Fiat serão lançados no Brasil em breve.

Os modelos Suvs têm ganhado cada vez mais espaço no mercado automobilístico nacional. E para aproveitar esse crescimento considerável a Fiat lançará dois modelos em breve. E mais um lançamento do Jeep Renegade também entrará para o mercado brasileiro.

Os carros da Jeep têm ganhado cada dia mais espaço no Brasil e ganhando mais adeptos da marca que tem se deliciado com os modelos confortáveis e movidos a diesel.

Já a Fiat está entrando no mercado das SUVs recentemente, e está procurando seu espaço a cada lançamento.

A linha do Jeep Renegade vem para revolucionar o mercado em relação à segurança, seu modelo conta com 7 airbags, isso mesmo que você leu. São 7 airbags para garantir maior segurança em relação à colisão.

Ele conta também com direção elétrica, para maior facilidade e segurança na hora de guiar o carro, trazendo ainda mais uma sensação de segurança em relação ao conforto do carro.

Os modelos da FIAT contarão com 7 lugares, e seu design totalmente inovador e elegante. Com certeza encherá os olhos dos amantes de carros. Por ser um modelo de uma montadora nacional com certeza irá surpreender os adeptos aos nacionais. E dará uma nova visão para os que preferem os importados.

Os lançamentos estão previstos para até no máximo 2022, então fique atento às novidades.

O segmento provavelmente será a nova geração do modelo 500X, que ainda permanece sendo fabricado na Europa pela Fiat e contará com uma plataforma totalmente melhorada. Outra grande possibilidade anunciada pela montadora é que caso o Argo não tenha uma versão cross, ele seja projetado para se tornar uma SUV podendo disputar de igual para igual com a Chevrolet o modelo Onix Activ e a Hyundai pelo modelo HB20X e até disputando com o futuro modelo aventureiro que será lançado pela Volkswagen. Caso isso venha a ocorrer, outra hipótese é que a Fiat lance uma versão do carro que seja abaixo do Renegade já confirmado através da Jeep.

A expectativa é que tenhamos alguns modelos inovadores para os próximos anos, onde as SUVs têm ganhado muito espaço no mercado, e conquistando os gostos dos brasileiros.

Em relação à segurança e conforto esses modelos têm ganhado de longe a preferência das famílias brasileiras, tornando-se ótimos carros para viagens familiares. Por isso, se seu interesse é um carro para viajar com a família essa é sua grande oportunidade.

Portanto, se pretende comprar uma SUV fique atento a esses novos lançamentos, pesquise sobre os carros e faça sua escolha. Ponha tudo na balança e veja qual carro oferece melhor aquilo que você procura.

Para não se arrepender depois, olhe tudo que cada modelo oferece, para fazer a melhor escolha. Pois cada modelo possui sua peculiaridade, então você deve ver bem o que realmente procura para que possa fazer a melhor aquisição, no modelo que atenderá melhor as suas necessidades e de toda sua família.

Com certeza, as SUVs que estão por vir irão agradar os brasileiros, a grande dúvida é qual ficará melhor entre elas ou o Renegade da Jeep, a única certeza que temos é que qualquer um desses modelos irá te fazer feliz e atenderá todas as suas expectativas.

Vamos aguardar e enquanto isso ficar atentos às novidades dos novos modelos, e os preços quando forem atualizados. Provavelmente teremos mais novidades em breve.

Por Ricardo Ferreira Rodrigues

J

Jeep Renegade 2018

Jeep Renegade 2018


Jeep Renegade 2018 tem redução de preços


Redução dos preços das versões do Jeep Renegade chegam a até R$ 3 mil.

A montadora Jeep anunciou um aumento de preços em todas as versões de seus SUVs de sucesso, Compass e Renegade, logo no começo do ano no mercado, mas para a felicidade de seus futuros compradores, voltou atrás de sua decisão cerca de dois meses depois, até agora para o seu modelo de menor porte, o SUV Jeep Renegade.

Os descontos já disponíveis em toda rede de concessionárias da marca, variam de R$ 2 mil a R$ 3 mil, dependendo da versão e motorização escolhida.

Descontos em (quase) todas as versões

Das seis versões que a Jeep disponibiliza do Jeep Renegade para comercialização, a única que não sofreu redução é a versão de entrada, a Custom na opção de motor 1.8 flexível e câmbio manual, nas demais a redução foi de R$ 2 mil a R$ 3 mil, veja abaixo:

Versão Custom

– Jeep Renegade modelo Custom, com motor 1.8 de 139 cavalos, flexível e câmbio manual com cinco marchas – sem redução de valores para venda.

Os preços sugeridos são a partir de R$ 75.790,00.

– Jeep Renegade modelo Custom, com motor 2.0 diesel e turbo de 170 cavalos, câmbio automático e tração nas quatro rodas – redução de R$ 3 mil.

Inicialmente partia de R$ 110.290,00 e agora é ofertado por R$ 107.290,00.

Versão Sport

– Jeep Renegade modelo Sport, com motor 1.8 de 139 cavalos, flexível e câmbio manual com cinco marchas – redução de R$ 2 mil.

Inicialmente partia de R$ 84.490,00 e agora é ofertado por R$ 82.490,00.

– Jeep Renegade modelo Sport, com motor 1.8 de 139 cavalos, flexível e câmbio automático – redução de R$ 3 mil.

Inicialmente partia de R$ 91.490,00 e agora é ofertado por R$ 88.490,00.

Versão Longitude

– Jeep Renegade modelo Longitude, com motor 1.8 de 139 cavalos, flexível e câmbio automático – redução de R$ 3 mil.

Inicialmente partia de R$ 96.490,00 e agora é ofertado por R$ 93.490,00.

– Jeep Renegade modelo Longitude, com motor 2.0 diesel e turbo de 170 cavalos e câmbio automático e tração nas quatro rodas – redução de R$ 3 mil.

Inicialmente de R$ 120.490,00 e agora ofertado por R$ 117.490,00.

Versão Night Eagle

– Jeep Renegade modelo Night Eagle, com motor 1.8 de 139 cavalos, flexível e câmbio automático – redução de R$ 2 mil.

Inicialmente de R$ 97.990,00 e agora ofertado por R$ 95.990,00.

– Jeep Renegade modelo Night Eagle, com motor 2.0 diesel e turbo de 170 cavalos, com câmbio automático e tração nas quatro rodas – redução de R$ 3 mil.

Inicialmente de R$ 121.900,00 e agora ofertado por R$ 118.990,00.

Versão Limited

– Jeep Renegade modelo Limited, com motor 1.8 de 139 cavalos, flexível e câmbio automático – redução de R$ 3 mil.

Inicialmente de R$ 101.490,00 e agora ofertado por R$ 98.490,00.

– Jeep Renegade modelo Limited, com motor 2.0 diesel e turbo de 170 cavalos, com câmbio automático e tração nas quatro rodas – redução de R$ 3 mil.

Inicialmente de R$ 126.990,00 e agora ofertado por R$ 123.990,00.

Versão TrailHawk

– Jeep Renegade modelo TrailHawk, com motor 2.0 diesel e turbo de 170 cavalos, com câmbio automático e tração nas quatro rodas – redução de R$ 3 mil.

Inicialmente de R$ 131.990,00 e agora ofertado por R$ 128.990,00.

Mudanças no Horizonte Próximo

Esta redução de preços pode não ser simplesmente uma ação promocional, é sempre bom relembrar que a Jeep não apresentou sua linha 2019 do Renegade até então, o mercado dá como certo uma atualização do modelo, necessária não só pela concorrência acirrada de seu nicho, como pelo seu projeto, já com três anos no mercado, portanto é preciso atenção.

Para conferir todas as informações do modelo de entrada da Jeep no Brasil, acesse diretamente o site da Jeep no link: http://www.jeep.com.br/jeep-renegade.html.

Por Carlos B.

Jeep Tenegade 2018


Jeep Cherokee 2018 – Características, Especificações


O Jeep Cherokee 2018 é ofertado nas versões Longitude, Limited e Trailhawk com a oferta de alternativas variadas quanto à sua motorização.

A atração causada por veículos automotores que unem espaço interno adequado e um visual arrojado é maior a cada dia que passa levando, com isso, à busca das melhores opções neste aspecto das quais se destaca o Jeep Cherokee 2018.

Este modelo passou por um facelift sendo que a apresentação oficial ocorreu no Salão do Automóvel de Detroit neste mês de janeiro, mas a expectativa é de que chegue às concessionárias brasileiras apenas no segundo semestre deste ano corrente.

Informações técnicas sobre Jeep Cherokee 2018

O Jeep Cherokee 2018 vai ser ofertado para compra nas versões Longitude, Limited e Trailhawk com a oferta de alternativas variadas quanto à sua motorização.

O motor Pentastar 3.2 litros com 6 válvulas continua sendo oferecido tendo capacidade de fazer 275 cavalos de potência em um torque de 33,6 Kgfm.

Existe também uma opção de entrada com quatro cilindros e 2.4 litros com habilidade para chegar a uma potência de 182 cavalos em um torque de 23,5 Kgfm.

Surge ainda neste veículo o motor turbo 2.0 litros com sistemas como Start-Stop e injeção direta de combustível com geração de 274 cavalos de potência e um torque de 40,8 Kgfm.

Apresenta em todas as suas versões uma transmissão formada por caixa de câmbio automática com nove marchas além da sua tração integral permanente no veículo analisado.

Em seu visual externo, este automóvel se aproxima das linhas conservadoras presentes no Compass, pois agora não tem mais os faróis duplos e tem uma nova grade dianteira.

De forma específica, as luzes deste veículo estão concentradas nos faróis superiores com largura maior sendo compostas por conjunto Bi-LED.

Quanto à parte traseira, suas lanternas em LED agora estão maiores e com estética mais moderna tendo, ainda, difusor nesta região com a placa agora sendo colocada no meio da tampa de sua parte traseira.

Outro detalhe importante consiste na tampa de seu porta-malas cujas placas ocupam sua parte central permitindo que seja aberta com um movimento do tipo chute em direção à parte de baixo do seu para-choque.

Novidades para novo Jeep Cherokee 2018

Ao considerar as possibilidades oferecidas pelo Jeep Cherokee 2018, as suas versões mais básicas contam com rodas de liga leve de 17 polegadas de diâmetro, luzes de neblina além de retrovisores externos e maçanetas na mesma cor aplicada na carroceria deste automóvel.

Nas suas versões mais completas, este veículo possui a alternativa de adicionar um pacote para melhorar seu visual externo chamado Altitude Black-Out.

Ao se pensar nas ofertas tecnológicas vinculadas com o novo Jeep Cherokee 2018 estão presentes itens como câmera de ré, Park Assist bem como alerta de tráfego cruzado que permite identificar a aproximação de outros veículos no momento em que se sai de uma determinada vaga de garagem.

Já sob o ponto de vista do conforto e entretenimento interno, este veículo oferece uma central do tipo multimídia com tela Uconnect sensível ao toque com 8,4 polegadas que permite a inclusão de diferentes alternativas como Bluetooth, USB e aplicativos automotivos variados.

Os usuários deste tipo de automóvel contam ainda com bancos cujo revestimento é em couro, banco do motorista com ajuste do tipo elétrico, volante multifuncional, tomada no console central bem como chave presencial para seu travamento e abertura.

Preços relacionados ao Jeep Cherokee 2018

Com relação aos preços praticados para adquirir um Jeep Cherokee 2018, versão Longitude possui valores iniciais de R$169.990,00 enquanto a Limited sai por, no mínimo, R$184.990,00.

Já a sua versão Trailhawk com uma característica mais esportiva pode ser adquirida pelos consumidores interessados por preços iniciai de R$199.990,00.

Conclusão

Portanto, o Jeep Cherokee 2018 chega no mercado nacional com estilo renovado para atender as demandas dos consumidores de forma integral quando se pensa neste tipo de veículo ao qual pertence.

Por Ana Camila Neves Morais

Jeep Cherokee 2018


Jeep Compass 2018 – Ficha Técnica, Versões, Preço e Novidades


Conheça aqui todos os detalhes do Jeep Compass 2018.

As melhorias que podem ser oferecidas por determinada concessionária de um ano para o outro podem tornar um modelo específico muito mais atraente aos consumidores por diversos aspectos.

Um destes exemplos diz respeito ao Jeep Compass 2018, que chega às ruas de todo o país com atualizações não apenas em seu visual como também no desempenho mecânico cujos detalhes serão abordados em seguida neste artigo.

Características técnicas do Jeep Compass 2018

O Jeep Compass 2018 é um modelo que chegou há menos de 1 ano no território brasileiro e já conta com a sua primeira atualização, sendo um carro do tipo SUV cuja fábrica está localizada na cidade pernambucana de Goiana.

Em seu aspecto mecânico possui motor de 2.0 litros Flex, que consegue chegar a uma potência de até 166 cavalos com mecanismos para uma maior economia de combustível a exemplo do sistema start-stop e alternador para funcionamento sob demanda.

Com relação aos itens de série interessantes que podem ser encontrados no modelo estão os faróis de xenônio, alerta quanto à presença de veículos no ponto cego do Jeep Compass 2018 e um sistema de som que possui tela de 7 polegadas – versão Sport – e 8,4 polegadas – nas demais versões – sensível ao toque, colorida e com alta definição em todos os casos.

Ao considerar o seu sistema multimídia agora ele é compatível com sistemas como o Android Auto e o Apple Carplay, apresentando ainda um ar-condicionado com funcionamento digital de duas zonas.

Ainda sobre o seu aspecto interno, o Jeep Compass 2018 possui bancos de couro na cor cinza em todas as modalidades da versão Longitude bem como rodas de liga leve de 19 polegadas nos modelos relacionados com as versões Limited e Trailhawk.

Novidades interessantes no Jeep Compass 2018

Os aspectos inovadores presentes na nova versão do Jeep Compass 2018 são diversos como a criação da versão Limited, a qual é uma alternativa presente no topo de linha deste modelo que utiliza apenas diesel como combustível a qual não possui os atributos e o visual mais voltado para o formato off-road típico do Jeep Compass Trailhawk.

Em seu aspecto mais técnico, este modelo na versão Limited Diesel possui um motor de 2.0 litros Multijet II que consegue chegar a uma potência de 170 cavalos, 35,7 Kgfm de torque e um câmbio com incríveis 9 velocidades de marcha.

Além disso, ocorreu a inclusão de novas cores disponíveis em seu catálogo para a colocação neste veículo delimitado, permitindo assim uma caracterização mais específica de sua criação final, que são o Verde Recon Sólido e o Marrom Horizon Metálico.

Para quem adquirir um Jeep Compass 2018 nas versões Limited e Trailhawk é possível, ainda, escolher um opcional que consiste no porta-malas com abertura elétrica que permite uma experiência com maior tranquilidade no momento de utilizar esta parte determinada do veículo.

Preços relacionados com Jeep Compass 2018

As modificações que foram realizadas no Jeep Compass 2018 permitiram um maior conforto interno e atividade mecânica adequada, mas acabaram exigindo um gasto maior dos interessados em adquirir este modelo considerado.

Quando se pensa na nova tabela relacionada com este modelo da Jeep para o ano de 2018, é possível considerar os seguintes valores:

· Modelos do tipo Flex:

o Jeep Compass Sport Flex AT6: R$105.990,00

o Jeep Compass Longitude Flex AT6: R$114.490,00

o Jeep Compass Limited Flex AT6: R$131.990,00

· Modelos a diesel:

o Jeep Compass Longitude Diesel AT9: R$141.290,00

o Jeep Compass Limited Diesel AT9: R$157.990,00

o Jeep Compass Trailhawk Diesel AT9: R$158.990,00

Conclusão

Portanto, o Jeep Compass 2018 refere-se a um modelo de SUV que ganhou diferentes inovações para a versão que será comercializada no próximo ano, permitindo assim aos seus usuários maior conectividade e economia em seu uso rotineiro.

Ana Camila Neves Morais


Jeep Renegade 2018 – Características, Preços


O Jeep Renegade 2018 ganhou algumas modificações para agradar ainda mais o consumidor, apresentando funções ainda melhores.

Um dos planos para muitas pessoas para o próximo ano é comprar um automóvel novo. Visto que este tipo de produto é indispensável para qualquer família por inúmeros motivos. Nos dias atuais, existem centenas de montadoras que fabricam diferentes carros para agradar um público totalmente variado, levando em consideração diferentes aspectos. Caso você esteja neste grupo de indivíduos que desejam adquirir um bem como um veículo novo, uma boa opção de compra é o novo Jeep Renegade – modelo 2018.

Este modelo já está sendo considerado uma das melhores versões já lançadas do Jeep Renegade. Para conhecer um pouco mais sobre este carro leia o texto abaixo e descubra porque ele pode ser a sua grande compra para 2018.

Considerada uma das marcas mais importantes no mundo do automobilismo, a Jeep é uma empresa criada no estado de Ohio, nos Estados Unidos, no início dos anos 40, mais precisamente em 1941. A marca tem como principal característica a fabricação de carros potentes e fortes que podem ser usados em qualquer tipo de estrada, seja pistas urbanas ou rurais.

Todos os carros da montadora norte-americana costumam ser grandes e possuir tração nas quatro rodas, o famoso 4 x 4, que significa que a força do carro mais ser distribuída de forma igualitária pelas quatro rodas. Falando especificamente do Jeep Renegade 2018, ele ganhou algumas modificações para agradar ainda mais o consumidor, apresentando funções ainda melhores. Este carro é considerado um SUV, carros altos e de design esportivo, preparados para qualquer desafio.

Primeiramente é necessário falar sobre o seu novo design, a parte frontal do carro foi redesenhada, com um para-choque mais esportivo sem perder a sofisticação. Outra mudança foi na sua parte interna, ela foi coberta toda por coura. Os bancos ganharam novas posições para reclinarem. O painel está muito mais interativo. Além disso, o computador de bordo foi melhorado para apresentar uma conectividade mais eficiente com os aparelhos portáteis. Dessa forma, qualquer sistema operacional pode ser ligado ao computador de bordo e esse apetrecho vai reconhecer de forma muito mais rápida. Além de contar com comando de voz. O volante do Jeep Renegade 2018, também pode ser usado para dar início a qualquer comando do carro, por ele se pode controlar qualquer coisa. A parte traseira também foi redesenhada, o porta-malas está maior. Partindo para a parte de motorização, o Jeep Renegade 2018 vai contar com 139 cavalos, um excelente número. Então se prepare para grandes aventuras em qualquer pista. Alinhe a este fato com o a mudança do Jeep Renegade que agora conta com câmbio automático com seis marchas.

Por ser considerado um grande de alta potência e esportivo, o Jeep Renegade 2018 conta também com um bom sistema de segurança com mais de 70 itens para serem acionando quando necessário como, por exemplo, o fato dele contar com 07 airbags. Esse número de airbags sobre o carro todo. Além de controle eletrônico e muito outros itens de segurança. Dessa forma, muitos acidentes desde os mais simples aos mais graves com o motorista e obviamente com os demais passageiros, podem ser evitados.

Um outro ponto interessante sobre este veículo, é que quando ele estiver parado o motor desliga, isso é um ótimo recurso que traz muitos benefícios, como: economia no combustível, maior segurança para as pessoas, dentre outros benefícios. Esse veículo esteve na lista dos mais vendidos em 2017 e tem todas as características para permanecer na mesma lista em 2018, além de ser sido alvo de críticas muito boas por veículos de comunicação especializados no mundo automobilístico.

O Jeep Renegade já pode ser encontrado nas mais diferentes concessionárias do Brasil, a partir de R$ 90.000,00.

Para mais informações, acesse: www.jeep.com.br/jeep-renegade.html.

Por Isabela Castro

Jeep Renegade 2018

Jeep Renegade 2018


Jeep Compass 2018 – Novos Equipamentos e Itens de Série


Linha 2018 do Jeep Compass chega mais equipada e cara.

Todo mundo já sabe que todo brasileiro é apaixonado por carros, não é mesmo? E é claro que alguns acabam caindo na preferência de muitas pessoas, se tornando um fenômeno de vendas, como é o caso do Jeep Compass.

Com lançamento no mês de setembro do ano de 2016, o novo Jeep Compass, assim que chegou, acabou se tornando um grande sucesso, que pode ser facilmente comprovado se analisarmos a sua venda. O novo Jeep acabou ultrapassando em número de vendas no país o Renegade, seu irmão menor. Até mesmo a Honda HR- V, que era líder de vendas, se sentiu ameaçada diante do surgimento desse fenômeno. O que só comprova que o Jeep Compass veio para fazer história.

Já falando da linha do ano 2018, o modelo promete agradar mais ainda, pois novos equipamentos serão acrescentados, inclusive novos itens de série, que estão previstos para a versão de entrada, a chamada Sport.

Mas as novidades não param por aí, o Jeep 2018 virá equipado com um sistema start/stop usado em motores 2.0 flex, muito eficiente para a economia de combustível.

Além disso, o Compass Sport vem equipado com uma central multimídia que possui tela de 7” (maior do a que a central de 5” da versão de 2016). Ainda temos um sistema de espelhamento para smartphones CarPlay e Android Auto. Sem falar de ar-condicionado de duas zonas.

Já a sua versão chamada Longitude vem equipada com bancos de couro, com opções de cores em preto ou cinza claro, que é mais uma novidade. A versão Compass Limited, a partir deste ano será disponibilizada também com motor 2.0 turbodiesel com 170 cavalos de potência. Seu câmbio é de 9 marchas, com opção de abertura elétrica do porta-malas e as rodas são de 19” com pneus 235/45.

As versões Trailhawk e Limited podem vir com o pacote high tech, que possui piloto automático para ser adaptado, monitoramento para mudança de faixas, farol alto que funciona automaticamente, alerta e prevenção de colisão de frente, partida remota do motor, além de assistente de estacionamento também automático. Ambas versões são equipadas com faróis de xenônio e alerta de ponto-cego de série.

É claro que tantas novidades devem sair por um valor mais alto, mas com certeza vale o investimento.

Nesse sentido, não há dúvidas, o Jeep Compass 2018 chegará com tudo para emplacar mais um grande sucesso.

Sirlene Montes


Jeep Compass poderá ter versão 4×4


Novo Jeep Compass poderá ganhar uma versão 4×4.

Para os amantes e fãs do Jeep Compass, uma grande novidade parece que poderá surgir com os novos modelos fabricados pela montadora e que poderá agradar a todos.

Existe a especulação de que a empresa poderá lançar, em breve, o seu modelo Compass na versão 4×4.

Atualmente, as versões fabricadas de um dos modelos do tipo SUV da Jeep, a Compass, está presente no mercado brasileiro nas versões Sport e Longitude, ambas com motor do tipo 2.0 Tigershark flex e câmbio automático de seis marchas.

Segundo o que se especula no mercado de automóveis é que a empresa cogita lançar em 2017, o seu modelo 2018 com câmbio de nove marchas, o que só é usada nas versões a diesel com tração nas quatro rodas.

Diante de tal informação, ficou óbvio supor que o sistema 4×4 poderá ser utilizado nos modelos menores, os SUVs, sucessos de venda no mercado atual.

A própria Jeep já foi questionada com relação à nova configuração. Ela confirmou o uso do câmbio de nove marchas, entretanto, não confirmou o uso da tração nas quatro rodas.

Para a informação dos leitores, a Jeep disponibiliza no mercado também o modelo Compass na versão 4×4, para motores a diesel, assim como o seu modelo mais popular o Renegade, também na versão a diesel.

Um outro ponto que não se pode esquecer em relação aos possíveis novos modelos é a questão do preço. Enquanto os modelos da Jeep a Diesel que são vendidos com a tração nas quatro rodas chegam ao mercado brasileiro com um preço final ao consumidor em torno de R$ 25.500,00, é de se esperar que os possíveis novos modelos de porte menores e que poderão sair com o mesmo tipo de tração possam custar um pouco menos.

Caso isso se concretize, quem deverá sair ganhando é o consumidor que poderá levar para casa o seu modelo de SUV da Jeep dos seus sonhos equipado com um câmbio e motor mais potente e por um preço até menor que os modelos maiores. Além disso, para aqueles que gostam de uma trilha, os novos 4×4 deverão cair no gosto popular.

Por Emmanoel Gomes

Jeep Compass 2018


Recall do Jeep Compass – Problema no Sistema de Controle Eletrônico


Recall atinge o modelo ano 2016/2017. Reparo será gratuito e poderá ser feito a partir do dia 3 de abril de 2017.

Para quem já passou por um processo de recall obrigatório para seu automóvel, sabe muito bem como é desgastante e dependendo do tipo de serviço a ser executado, pode ser bem demorado também. Nem os modelos considerados luxuosos e caros não escaparam do recall esse ano e a bola da vez foi a montadora americana JEEP, com seu modelo já bastante conhecido por aqui, o famoso Compass.

Todos os proprietários do modelo ano 2016/2017, com motorização 2.0 a diesel e com sistema de abertura do porta-malas através da chave, terão que comparecer a uma concessionária JEEP a partir de segunda-feira, dia 03 de abril.

A campanha está sendo feita de modo preventivo para todos os carros com números de chassis de 988675116HKH00441 até 988675126HKH03941.Trata-se de um serviço relativamente simples, mas de extrema importância para o bom funcionamento do motor, pois é uma reconfiguração de todo o sistema de controle eletrônico do carro.

Ainda de acordo com a JEEP, se o dispositivo não for reconfigurado, pode provocar o desligamento do motor se o veículo estiver em velocidade superior a 8 Km/h, caso o câmbio esteja em qualquer posição diferente de P. O dispositivo está desconfigurado e por isso a necessidade do recall de urgência por parte da montadora. Esse dispositivo foi feito para ser usado em situações de urgência, ou seja, no caso de incêndios em que se torna necessário o desligamento do motor com o carro em movimento.

Esse dispositivo é acionado pressionando o botão de partida do motor por três segundos ou apertando três vezes seguidas. Segundo a JEEP, o reparo é totalmente gratuito conforme a legislação brasileira determina e o serviço dura, aproximadamente, meia hora.

A JEEP disponibiliza um telefone aos donos do Compass para sanar dúvidas e agendar os serviços que podem ser feitos somente na rede de concessionárias da montadora, que é o 0800 703 7150. Mais informações sobre o recall podem ser vistos no site www.jeep.com.br. Lembrando que o serviço pode ser realizado de segunda a sexta-feira, das 8 até às 17 horas.

Se você é dono de um Compass, verifique a numeração do chassi e corra para uma concessionária.

Rodrigo Souza de Jesus


Novo Jeep Compass 2017 é sucesso de Vendas no Brasil


Vendas do modelo recém-lançado já superam concorrentes como Ford Ecosport, Nissan Kicks e Peugeot 2008.

Feito para concorrer diretamente no mercado dos SUVs e que está em franca expansão no Brasil, o Jeep Compass mal começou a ser vendido em suas concessionárias espalhadas pelo Brasil e já se tonou o líder de vendas neste restrito, porém, acirrado mercado.

Quando comparado com um modelo mais próximo do seu, o Renegade, o atual Compass quase bateu em quase mil unidades vendidas este que pode ser considerado o seu ‘irmão’. Entretanto, um levantamento do site Carplace mostrou que de outubro deste ano até este mês de dezembro, a diferença entre ambos caiu bastante (menos de 35 unidades) quando comparado o volume de vendas ao usuário final.

A comparação com outros modelos que já possuem algum tempo no mercado mostrou que, desde o último dia 05 de novembro, quando o Compass começou a ser vendido oficialmente em todo o país, ele perdeu somente para o já consagrado Duster, da Renault, numa diferença de menos de 250 unidades.

Por outro lado, o Jeep Compass bateu facilmente em volume de vendas o Ecosport da Ford (com uma vantagem de mais de 2.200 unidades), o Kicks da Nissan (em mais de 1.600 unidades) e o também recém-lançado Peugeot 2008 (em pouco mais de 840 unidades). Isto para o restrito nicho dos chamados crossovers.

Quando avançamos para o setor dos considerados sedans de porte médio, a versatilidade do Compass se sobrepõe facilmente ao modelo mais novo da Honda, o Civic. Este novo modelo perdeu por uma diferença de apenas cinco unidades para o modelo da Jeep. Esta diferença avança também em outros modelos de sedans como o Logan, da Renault e o novo modelo do tradicional Ka, da Ford.

Nem mesmo a exclusividade e o design exclusivo dos SUVs da Hyundai escaparam da ‘fome’ de vendas do novo modelo da Jeep. Por exemplo, o ix35 deixou de vender cinco vezes menos que o Compass. Se somarmos as outras opções da linha da montadora sul coreana, como o Outlander, o Sportage e o ASX, o volume vendido do novo concorrente superou a marca em mais de 800 unidades revendidas em todo o país.

Emmanoel Gomes


Jeep Renegade 2017 – Novidades e Preço


Confira aqui as principais novidades e os preços do novo Jeep Renegade 2017.

A montadora Jeep apresentou no Salão de São Paulo a linha 2017 do crossover Renegade. A principal modificação no modelo compacto é o desenvolvimento de uma nova versão que utiliza motor flex de 1.8 litros, que sofreu alterações para que ficasse mais potente em 5% e batesse 10% de economia.

Para que pudesse atingir 139 cavalos com etanol e um torque máximo que chega a 19,3 kgfm em 3.750 giros, o propulsor 1.8 foi dotado de um sistema de partida a frio não utilizando tanque auxiliar, coletor de admissão variável, alternador inteligente, bomba de combustível e sistema start/stop, além de transmissão e motor com nova especificação.

Dentre as novidades também está incluso os novos equipamentos e as novas alterações visuais. Agora a versão de entrada Sport sai de fábrica com barras longitudinais de teto, porta-óculos, central multimídia com tela de 5 polegadas e banco do passageiro rebatível com porta objetos.

Já a versão Longitude, além do porta-óculos, ganhou também os bancos de couro com motor Diesel. A Limited é nova versão de topo de linha do Renegade Flex e agora vem com novas capas dos retrovisores, barras de teto com pintura prata e nova grade dianteira. Outras novidades da versão ficam por conta da chave presencial, bancos de couro, painel com tela configurável de 7 polegadas, sensor de chuva, faróis de xenônio, faróis com acendimento automático, rebatimento elétrico dos retrovisores externos e retrovisor eletrocrômico.

A opção com maior preço do Renegade Diesel, que é a Trailhawk, passará a ter em sua lista de itens de série os faróis de xenônio, os airbags de joelho, laterais e de cortina, chave presencial, rebatimento elétrico dos retrovisores e bancos de couro.

Veja abaixo os valores da linha completa:

  • Sport 1.8 Flex MT5 – R$ 79.490
  • 1.8 Flex MT5 – R$ 72.990
  • Sport 1.8 Flex AT6: R$ 85.990
  • Longitude 1.8 Flex AT6 (com teto) – R$ 97.790
  • Longitude 1.8 Flex AT6 – R$ 90.990
  • Limited 1.8 Flex AT6 (com teto) – R$ 104.790
  • Limited 1.8 Flex AT6 -R$ 97.990
  • Longitude 2.0 Diesel AT9 tração 4×4 – R$ 123.490
  • Sport 2.0 Diesel AT9 tração 4×4 – R$ 115.990
  • Trailhawk 2.0 Diesel AT9 tração 4×4 – R$ 136.990

FILIPE R SILVA


Jeep Compass 2017 – Características e Novidades


Modelo está previsto para ser lançado em breve e será produzido em Pernambuco.

Com o lançamento previsto para outubro de 2016, muitos detalhes ainda são um mistério para o novo Jeep Compass 2017. O que pode afirmar é que o Compass será produzido no estado de Pernambuco, na cidade de Goiana.

O valor é outro mistério, mas acompanhando a média de preços dos seus principais concorrentes, o Compass poderá custar de R$ 100 mil a R$ 130 mil. Se a "Jeep" quiser ganhar da concorrência, este preço tende a diminuir, mas se este carro tiver um diferencial em relação aos rivais, então um valor maior pode ser anunciado.

Seguindo a mesma lógica quanto ao padrão de comparação, o Compass, por ser um SUV de porte médio, deve ficar com aproximadamente 4,5 metros de comprimento, 1,8 metros de largura e 1,7 metros de altura. Honda CR-V, Kia Sportage e Hyundai ix35 são exemplos de SUV na mesma categoria.

Na parte visual do carro, algumas fotos foram divulgadas, mas os detalhes foram "escondidos" com adesivos. Aumentando ainda mais a curiosidade.

O segredo quando as versões e os motores, já foram anunciados por alguns sites na internet. Com isso, 3 (três) versões foram mencionadas, a "Sport", a "Longitude" e a "Trailhawk". O combustível do Compass seria em diesel, semelhante ao Renegade de 2.0 litros turbodiesel, com 170 cavalos e torque máximo de 35,7 kgfm, ou na versão flex 2.0 litros 16V Tigershark, com 159 cavalos de potência a 6.200 rpm na gasolina e 164 cavalos a 6.000 rpm com álcool.

Outra coisa que foi desvendada, foi a parte da transmissão, que deverá seguir a ficha técnica do Renegade, com o câmbio de 9 marchas automático. Uma versão mais completa com tração integral 4X4 também é esperada.

A "Jeep" fazia parte do Grupo Chrysler e não tinha muita confiança aqui no Brasil. Agora ela está sendo apoiada pela Fiat e essa credibilidade pode fazer a diferença no mercado automobilístico nacional.

O Jeep Renegade está sendo um sucesso de vendas e o seu "irmão" mais novo, o Compass, está vindo para se tornar o carro SUV mais desejado pelo consumidor, uma vez que as duas marcas estão cada vez mais abrindo pontos de vendas.

Por Fernando Dias

Jeep Compass 2017

Jeep Compass 2017

Fotos: Divulgação


Novo Jeep Compass será lançado em outubro de 2016


Montadora resolveu adiantar o lançamento do seu novo modelo de SUV nacional, o Jeep Compass. Modelo estará à venda em outubro deste ano.

Não se sabe o real motivo, mas a FCA resolveu adiantar o lançamento do seu novo modelo de SUV nacional. De acordo com as novas informações divulgadas pela fabricante o Jeep Compass irá chegar às concessionárias antes mesmo da realização do Salão do Automóvel de São Paulo. Neste ano o evento deverá acontecer entre os dias 10 e 20 de novembro. O Compass deve estar presente por lá como uma das estrelas principais. O novo jipe que conta com um porte superior ao do Renegade começará a ser vendido no mês de outubro.

De acordo com as informações levantadas por alguns portais especializados no setor o Brasil será o primeiro da lista onde carro já estará disponível a partir de 2016. No México, por exemplo, a informação é de que a fabricação da versão seja iniciada apenas em janeiro de 2017. Além disso, também está previsto para que outros mercados fabriquem o carro. Entre eles a China e os Estados Unidos. Há a hipótese dele ainda ser fabricado também na Índia.

O Jeep Compass será concorrente direto de outras opções conhecidas como o Toyota RAV4, Mitsubishi ASX e o Honda CR-V.

A data oficial de lançamento do carro já foi modificada por diversas vezes desde que foi anunciado. A princípio a expectativa é de que ele fosse apresentado no Salão de Genebra que ocorreu em março deste ano. Depois deveria aparecer no Salão de Nova York. Mesmo com grandes eventos pela frente o CEO da Fiat adiou as apresentações sem mesmo dar uma justificativa plausível para o fato.

De qualquer maneira tudo ainda é um pouco duvidoso. Para se ter ideia nem sequer o nome do carro foi definido com toda a certeza. O que se sabe é que terceiro modelo a surgir da planta de Goiana (Pernambuco) ainda deve continuar com o nome Compass. Mas algumas informações apontam que ele poderá ser chamado de Patriot ou de uma terceira opção, mantida em sigilo. O que se tem certeza é de que as três opções de nome já foram registradas internamente. O carro é chamado, por enquanto, de projeto 551.

O jeito é aguardar um pouco mais e ver se a Fiat não muda de rumo de novo.

Por Denisson Soares

Jeep Compass

Jeep Compass

Fotos: Divulgação


Jeep Renegade ganha Novas Cores no Brasil


Veículo agora conta com as opções Cinza Antique e Vermelho Tribal.

Como já é comum no mercado brasileiro, todas as vezes que um veículo completa alguma dada comemorativa as fabricantes lançam algum tipo de versão ou característica para simbolizar suas conquistas. Dessa vez quem está lançando algo comemorativo é a fabricante de veículos automotores Jeep, que a fim de comemorar um ano de comercialização do Jeep Renegade no Brasil, bem como a marca de 55 mil unidades comercializadas, a empresa lançou duas novas cores para a carroceria do modelo. Ambas as cores recém-lançadas pela Jeep são metálicas, sendo que estas foram batizadas com o nome de Cinza Antique e Vermelho Tribal, a qual possui uma tonalidade próxima do vinho, para quem quiser conferir como ficou os veículos com estas novas cores, a fabricante já disponibilizou os modelos de amostra que podem ser visualizados através do portal eletrônico www.monteseucarro.jeep.com.br.

Estas duas novas opções de cores chegam para fazer companhia às pinturas sólidas Branco Ambiente, Vermelho Colorado, Verde Commando, bem como a outros tons metalizados como o Preto Carbon e o Prata Melfi. Ainda não podemos esquecer do Laranja Aurora (que é a cor exclusiva da versão Trailhawk) e do Preto Shadow (que só é disponibilizado para as configurações 1.8, tanto no modelo com câmbio automático quanto manual). No total, atualmente os consumidores que forem adquirir o Renegade têm nove opções de escolha de cores.

Além disso, as versões Sport do Renegade, tanto Flex como a Diesel, passaram a ter como opcional barras longitudinais de teto, peças estas que anteriormente só tinham a possibilidade de serem adquiridas como acessórios, porém, convém ressaltar que essas barras estão entre os equipamentos de série somente a partir da versão Longitude.

E as novidades da Jeep para o Renegade direcionadas ao mercado brasileiro não param por aqui, pois a próxima novidade que a fabricante irá lançar será a atualização do propulsor 1.8 a fim de atender às exigências do Inovar Auto, embora a Jeep esteja guardando o segredo e ainda não tenha feito a confirmação oficialmente. Em breve, o Renegade irá contar com uma versão um pouco mais aprimorada deste motor mencionado acima, o qual inclusive já está sendo disponibilizado na renomada picape Toro da Fiat.

Por Adriano Oliveira


Jeep Renegade Longitude 2.4 Tigershark é lançado na Argentina


Modelo chega ao país vizinho custando cerca de R$ 158 mil e não deverá ser lançado no Brasil.

Após ter iniciado, na Argentina, as vendas do Renegade em fevereiro deste ano, a grande e renomada fabricante de veículos automotores Jeep atacou novamente no país vizinho, haja vista que nesta oportunidade a empresa lançou a versão Longitude, a qual vem equipada exclusivamente com o propulsor 2.4 Tigershark e com câmbio automático.

Este motor dotado de 16 válvulas possui a capacidade de produzir uma potência de 187 cavalos e um torque de 24 Kgfm. O propulsor trabalha em conjunto com um sistema de câmbio automático de última geração que contém nove velocidades. O valor de comercialização sugerido para esta nova versão do renomado e famoso Jeep Renegade é de 640 mil pesos, valor este que se fosse convertido em reais daria em torno de R$ 158 mil.

Os acessórios do Renegade Longitude 2.4 Tigershark são os mesmos do modelo comercializado aqui no Brasil, ou seja, o carrão vem equipado com sistema de controle de tração e estabilidade, sistema Isofix para fixação de cadeiras infantil, freios a disco tanto nas rodas dianteiras como traseiras, lanterna traseira de neblina, assistente para arrancada em rampas, direção elétrica, ar-condicionado, volante com ajuste de profundidade e altura, sensores de estacionamento na traseira, central de multimídia com a presença de GPS e conexões USB e Bluetooth, além de freio de estacionamento com tecnologia de acionamento elétrico.

Neste ano de 2016, a primeira versão que chegou a Argentina foi a Sport, a qual veio equipada com o já conhecido propulsor 1.8. Contudo, este motor é ofertado por lá somente com o câmbio manual de cinco marchas.

Por enquanto a Jeep não disponibiliza ao mercado brasileiro o Renegade com o propulsor 2.4 Tigershark por um motivo bem lógico, o seu preço que é um tanto quanto salgado, pois caso a fabricante resolvesse disponibilizar este motor por aqui, o IPI do modelo iria passar dos atuais 11% e chegaria a 18% caso fosse feita a adaptação para o etanol e caso a utilização deste motor só pudesse ser feita com o uso da gasolina, esta opção resultaria em um imposto de 25%, o que não ocorre na Argentina e favoreceu com que o modelo chegasse.

A novidade para o mercado nacional, porém, é que o atual propulsor 1.8 passará por uma revitalização, a fim de atender às exigências do Inovar Auto.

Por Adriano Oliveira


Jeep irá lançar Série Especial de 75 Anos no Brasil


Série comemora os 75 anos da marca e traz algumas mudanças visuais.

No início desta semana, a Jeep anunciou em um evento realizando nos Estados Unidos que irá lançar no Brasil uma Série Especial de 75 anos. Para quem não se lembra, esta série especial foi apresentada no mês de janeiro durante o Salão de Detroit. Segundo a montadora, a previsão é de que a Série Especial chegue aqui entre os meses de junho e agosto, sendo que será disponibilizada para os modelos Renegade, Grand Cherokee e Wrangler, que atualmente são fabricados apenas nos Estados Unidos.

Segundo a Jeep, a Série Especial do Jeep Renegade será baseada na versão Sport do modelo e custará cerca de R$ 1 mil a mais do preço que já cobrado pelos veículos, atualmente partindo de R$ 81 mil para a versão com motor flex e chegando a R$ 105 mil para a versão com motor turbodiesel. Com relação as novidades presentes nesta versão especial do automóvel estão: novos emblemas na carroceria, rodas escurecidas e cores exclusivas.

Já a Série Especial do Jeep Grand Cherokee estará disponível a partir da versão Limited com motor 3.6 V6 a gasolina. O modelo atualmente custa R$ 229 mil e terá um acréscimo bem pequeno já que as mudanças estéticas são bastante discretas.

Por fim, a Série Especial do Jeep Wrangler será baseada na versão Sport e terá carroceria de quatro portas. Atualmente o modelo custa R$ 184 mil e o acréscimo cobrado devido a Série Especial também será bastante pequeno. Vale lembrar que este modelo utiliza o mesmo motor do Jeep Grand Cherokee e conta com câmbio automático de cinco marchas (o câmbio presente na Grand Cherokee é automático de 6 marchas).

Nova Picape da RAM ou Jeep:

Recentemente o CEO da Jeep/RAM, Mike Manley, afirmou que a Fiat Toro pode dar origem a uma nova picape de médio porte da RAM ou Jeep. O novo veículo seria vendido primeiramente nos Estados Unidos. Embora não tenha confirmado o lançamento de nenhum modelo, o executivo afirmou que existe espaço no mercado (tanto dos Estados Unidos como Mundial) para o lançamento desta nova picape. A animação do CEO com o lançamento de uma nova picape se deve ao crescimento registrado nos veículos deste segmento no ano passado.


Jeep Renegade Longitude ganha Novo Pacote Limited


Pacote custa apenas R$ 7 mil e traz airbags, rodas de liga leve e painel com tela colorida de 18 polegadas.

A Jeep está em festa com o prêmio do Renegade, que foi eleito o Carro do Ano 2016 pela Revista Auto Esporte. E para comemorar em grande estilo, a fabricante apresentou o pacote Limited Edition para a versão Longitude 1.8 Flex.

A Jeep acredita que para você fazer a sua história merece o melhor da vida, o novo modelo vem pensando exatamente nisso, em seu conforto, com itens de série como rodas de liga leve de incríveis 18 polegadas e pneus 225/55, bancos de couro e tela configurável colorida de 7 polegadas no quadro de instrumentos.

Não se esquecendo do principal, viver a vida intensamente requer segurança em dobro, por isso, o Renegade Longitude Limited Edition traz cinco air bags, sendo dois laterais, dois de cortina e um para os joelhos do motorista, além de preservar a sua segurança e de toda a sua família, permitindo uma viagem com maior conforto e praticidade.

Uma das surpresas, que é motivo de festa para os seus admiradores, é o valor do pacote Limited Edition, de apenas R$ 7.000, fazendo com que o preço do Renegade Longitude fique em R$ 91.900.

O utilitário da Jeep ganha também diversas novidades que podem ser notadas de imediato, como emblema Limited Edition nos para-lamas dianteiros e o moderno teto, que é bicolor preto.

A fabricante, que visa proporcionar aos seus clientes a melhor opção de mobilidade, bem como a excelência do serviço de manutenção e reparação, foi líder de vendas entre os SUVs no mês passado, sendo o Jeep Renegade o primeiro veículo 100% nacional a conquistar a histórica marca de cinco estrelas, que protege não somente os adultos como a crianças nos testes de impacto da organização independente Latin NCAP. Afinal, estar seguro, transmitir segurança para a sua família e viver sem medo de ser feliz é um dever do grupo.

Diego Jose Laureano


Novo Jeep Cherokee poderá ser lançado em 2016


Novo veículo deve manter a atual identidade visual, porém, receberá melhorias.

A próxima reestilização que o Jeep Cherokee vai passar vai continuar com a identidade visual atual. As informações foram divulgadas pelo site norte-americano AutoNews.

A identidade visual que está presente hoje no veículo foi divulgada há cerca de dois anos. Os rumores dão conta de que em 2016, no mercado americano, o Cherokee contará um facelift de meia geração. O lançamento será feito como ano e modelo 2017.

Mike Manley, que é um dos chefes da Jeep, comentou recentemente que além da identidade, as acomodações e as formas do veículo continuarão as mesmas. Isso se deve ao sucesso que o atual modelo do Cherokee teve em termos de vendas. Ele foi melhor no mercado do que o Grand Cherokee e o Wrangler, nos Estados Unidos.

Outra novidade da Fiat-Chrysler é que vai atrasar o lançamento da nova geração do Jeep Grand Cherokee. A sua chegada iria acontecer nos próximos dois anos, mas de acordo com Naley, isso acontecerá somente no ano de 2018 ou 2019.

Esse atraso do Jeep Grand Cherokee, segundo a montadora, não deverá afetar o cronograma que é voltado para o Grand Wagoneer, que vai bater de frente com o Range Rover. Tanto o Grande Cherokee como o Wagoneer serão fabricados na cidade de Detroit, nos Estados Unidos.

Dicas para Economia de Combustível:

  • A revisão de seu carro é outro ponto importante que ajuda na economia de combustível. Mesmo sendo uma coisa meio óbvia, a revisão não é completamente feita pelos donos de automóveis. Ainda é necessária uma boa manutenção no carro depois de rodar por uma grande quantidade de quilômetros, isso para evitar problemas mais graves. O desgaste de alguns componentes dos carros vão influenciar no consumo de seu veículo. Quando se é realizada as revisões, o automóvel passa por reparos mais pontuais e isso melhora o funcionamento do mesmo. Com o carro funcionando melhor, o gasto de combustível também melhora. 


Jeep Renegade 2015 – Lançamento e Preço no Brasil


Novo Jeep Renegade será lançado no Brasil no Próximo Mês.

 

O Jeep Renegade será disponibilizado no dia 10 de abril. A garantia foi realizada no site oficial da empresa. O Jeep nacional pioneiro também já teve a ferramenta para montagem do veículo, que oferece especificações das versões, conjunto mecânico, paleta de cores e opcionais. Os valores oficiais, entretanto, ainda não foram informados, contudo, poderão ser entre R$ 68 mil e R$ 105 mil.

A lista de componentes de série também não foi anunciada no site. É previsto que o modelo possuirá ar condicionado, controle eletrônico de estabilidade, direção elétrica, assistente de partida em rampa, rádio integrado e freio de estacionamento elétrico. O conjunto qualificado é segundo a companhia, uma das forças do Renegade contra o Ford Ecosport e o novo Honda HR-V, que possuem valores e versões já divulgados.

O Jeep Renegade será comercializado em três especificações de acabamento, sendo Sport, Longitude e Trailhawk. A versão de entrada (Sport) poderá possuir motor 1.8 flex de 130/132 cavalos potência e 18,6/19,1 kgfm de torque, com transmissão manual de cinco velocidades ou automática de seis. As pessoas que desejarem também poderão escolher o motor 2.0 turbo diesel de 170 cv de potência e 35,6 kgfm de torque, tendo a caixa automática de nove velocidades e sempre com tração 4×4.

A paleta de cores possui cinco alternativas, sendo Vermelho Colorado, Verde Comando, Branco Ambiente, Preto Shadow e a metálica Prata Melfi. A versão mediana (Longitude), por sua vez, tem mais tonalidades presentes. No total, são nove cores, com a alternativa do teto preto e a carroceria colorida. Ele possuirá as duas alternativas de motorização, entretanto, com a ausência da alternativa da transmissão manual para o motor 1.8 flex.

Já a versão de elite (Trailhawk), por sua vez, será oferecida apenas com o motor 2.0 turbodiesel e transmissão automática de nove velocidades. Somado a isso, o veículo possui sensor crepuscular, sensor de chuva e suspensão off-road, ela também possui uma cor única denominada Laranja Aurora.

O Jeep Renegade fo apresentado ao público no ano passado, durante o Salão de Genebra. O veículo, que foi desenhado pelos designers Jeremy Glover e Ian Hedge, se destaca por ser o primeiro Jeep produzido na Itália e por apresentar referências estéticas aos antigos Jeep Militares. Além da Itália, o Jeep Renegade também é produzido nos Estados Unidos e no Brasil (na fábrica de Goiana-PE). O Crossover possui 4,230 mm de comprimento, 2,570 mm de entre-eixos, 1,800 mm de largura e 1,690 mm de altura. O carro terá como principais concorrentes: o Chevrolet Tracker, o Ford EcoSport, o Honda Vezel e o Renault Captur.

Jeep Renegade 2015

Jeep Renegade 2015 2

Jeep Renegade 2015 3

Jeep Renegade 2015 4

Felipe Couto de Oliveira


Jeep Renegade – Produção e Venda no Brasil


O primeiro Renegade, veículo da Jeep, está pronto para ser lançado no Brasil! Esse será o primeiro modelo que a Fiat Chrysler (detentora da marca Jeep) lançará em sua fábrica em Goiana, no Estado de Pernambuco.

Na verdade, a montadora já estava produzindo o Jeep Renegade desde outubro do ano passado, porém, foram fabricadas até então apenas 250 unidades do modelo. Essa pré-fabricação foi suficiente para que a montadora testasse os mais de 2 mil componentes que o veículo possui. Entre esses itens, estão as certificações de peças, geometria da carroceria e parâmetros de solda e pintura.

No total, serão produzidos três modelos diferentes do Renegade: Sport, Longitude e Trailhawk, com valores que vão de R$ 65 mil a R$ 120 mil, de acordo com a configuração escolhida.

As primeiras versões lançadas no mercado devem vir com motor 1.8 litro e E.Torq Flex da Fiat, mas com alterações para que atinja a potência dos 140 cv. O câmbio também deverá ter duas opções: manual de cinco marchas ou automático de seis marchas. Na tração, estão as opções de 4×2 dianteira ou 4×4, de dois tipos.

Segundo o CEO global da marca, Mike Manley, essa é “uma das maiores oportunidades para o crescimento da Jeep no Brasil”.

Economicamente, a fábrica da Jeep em Pernambuco também representa uma boa estratégia, já que emprega cerca de 3 mil pessoas da região, entre os funcionários diretos da Jeep e os outros dezesseis fornecedores que a montadora possui ao redor de sua planta. A expectativa também é grande para quando a produção atingir seu pico, devendo empregar até 10 mil pessoas entre funcionários diretos e indiretos.

Já o Renegade, que foi apresentado no Salão do Automóvel de São Paulo em outubro do ano passado, deve chegar ao mercado em abril desse ano, com grandes expectativas de venda, já que é uma das maiores promessas da Jeep nos últimos anos.

Por Felipe Villares


Início da Produção do Jeep Renegade no Brasil


A Jeep muda sua proposta no Brasil com o Jeep Renegade. O novo modelo trata-se de um SUV compacto e é o primeiro carro fabricado na nova montadora da Fiat Chrysler em Pernambuco. A produção do novo SUV ainda é incipiente no país, começou na última quinta-feira (19), mas finalmente representa a última etapa antes da chegada do modelo às concessionárias brasileiras. Algumas informações sobre as novidades do automóvel foram divulgadas, dentre elas, a opção por um motor a deisel nas três versões: Sport, Longitude e Trailhawk. Os preços devem variar entre R$ 68 mil e R$ 120 mil.

Entre os três modelos, o Jeep Renegade Sport é o único com a opção de câmbio manual de 5 marchas, com motor 1.8 de 132cv. A versão Longitude, por sua vez, é dotada de câmbio automático no motor flex, enquanto a versão Trailhawk, topo de linha, possui um motor 2.0 turbodiesel de 170cv, com 9 marchas e sistema de tração com reduzida (20:1), além do bloqueio do diferencial traseiro.

Alguns equipamentos devem ser de série, como o ar condicionado, o trio elétrico, o freio de estacionamento eletrônico, a direção elétrica e o computador de bordo com tela de 7 polegadas. Recursos mais sofisticados como a baliza automática (Park Assist), o teto solar elétrico e removível, os bancos em couro e o rádio com tela sensível ao toque, serão distribuídos entre as versões.

Internamente, o Jeep Renegade proporciona o máximo de conforto através de uma combinação entre tecnologia inteligente, materiais sofisticados, acabamento acima da média e cores modernas. Seus bancos são altos e o ângulo de abertura das portas facilita o embarque e desembarque, com 70 graus de abertura nas portas dianteiras e 80 graus nas traseiras.

Externamente, o novo Renegade conta com um visual off-road, típico da Jeep. As rodas disponibilizadas variam entre16 e 18 polegadas, dependendo do modelo. A clássica grade do radiador com sete ranhuras e as lentes de seus faróis relembram o lendário Jeep Willys.

O Jeep Renegade deve chegar às concessionárias brasileiras no primeiro semestre deste ano.

Por Allan Carlos Marques


Jeep Renegade nacional será apresentado no Salão de São Paulo


Eis mais uma novidade para o mercado de automóveis nacional. A bola da vez ficou com a unidade de produção do grupo FCA (Fiat-Chrysler) que se encontra situada em Goiana, no estado de Pernambuco. Desenvolvendo suas operações sob a bandeira da Jeep a planta concluiu nesta semana a produção do seu primeiro modelo do Renegade nacional. O modelo completamente brasileiro poderá ser conhecido pelo público em geral durante a realização do Salão de Automóveis de São Paulo. O evento acontece no final deste mês.

Apesar de já ter produzido o primeiro modelo convém lembrar que a linha de produção da planta ainda está em fase de testes.

De acordo com informações que circulam em diversos sites especializados no setor a expectativa é de que o início mesmo da produção do Renegade nacional aconteça até o final de 2014. Já em relação às vendas a informação é de que os futuros compradores poderão ter o seu a partir do mês de março de 2015.

Conheça mais sobre o Renegade:

A versão do Renegade que será fabricada em Goiana vai chegar ao mercado com um motor 1.8 16V flex. O bloco em questão faz parte da família E.torq. Também teremos outro bloco diesel da linha Multijet. Além disso, ainda deverá haver uma segunda opção em relação à motorização. Entretanto, sobre este ponto até o momento nenhuma informação foi divulgada. Mas há rumores que especulam que deverá ser um bloco 2.0 turbo.

Outro detalhe muito importante também ainda é mantido em segredo pela Jeep: Os valores do Renegade. Isso, entretanto, não impede que a mídia em geral especule a respeito. Entre os preços imaginados há alguns que se iniciam na faixa dos R$ 65 mil e de até R$ 100 mil no caso da versão topo de linha.

De qualquer maneira o Salão de São Paulo já está próximo e possivelmente até lá todas as dúvidas já tenham sido sanadas.

Por Denisson Soares

Jeep Renegade nacional

Jeep Renegade

Fotos: Divulgação


Novo Jeep Cherokee Limited lançado no Brasil


A Jeep lançou oficialmente para o mercado brasileiro a nova geração do utilitário esportivo Cherokee. O SUV, que vem importado dos Estados Unidos e será uma das estrelas no estande da FCA durante o Salão do Automóvel de São Paulo em outubro, chega ao Brasil apenas na versão Limited, com preço sugerido de R$ 174.900. Posteriormente, a Jeep passará a oferecer também as versões Longitude e a Trailhawk.

Sendo um dos primeiros e, sem dúvida, um dos mais importantes lançamentos do Grupo Chrysler após a fusão com a Fiat, a nova geração do Jeep Cherokee conta com um visual mais moderno, mas mantém alguns detalhes do modelo que era vendido por aqui. As novidades ficam por conta da nova lanterna traseira, mais compacta e com aspecto mais atual, novos para-choques e, principalmente, um novo conjunto óptico frontal, mais estreito e que invade a lateral e o capô do modelo, dividindo opiniões dos fãs da Cherokee. Os para-lamas com formas mais retas e as tradicionais grade frontal foram mantidas, sendo que esta também invade o capô.

Com relação aos equipamentos de série, a versão Limited conta com bancos com revestimento em couro, bancos dianteiros com aquecimento, banco do motorista com regulagem elétrica e função memória, ignição por botão, faróis de xenônio, sensor crepuscular, de chuva e crepuscular, direção elétrica, volante multifuncional revestido em couro, teto panorâmico, retrovisores rebatíveis e abertura e fechamento elétrico da tampa do porta-malas, rodas de liga leve de 18 polegadas, além do sistema de entretenimento UConnect com tela touchscreen de 8,4 polegadas que abrange diversas funções, como o sistema de navegação via satélite (GPS), comando por voz, sistema de som e conexão Bluetooth.

Mecanicamente, o novo Jeep Cherokee vem equipado com motor Pentastar 3.2 V6, capaz de gerar 275 cv e torque de 32,3 kgfm. Dotado de tração 4×4, o utilitário traz associado ao bloco V6 uma transmissão automática de nove velocidades. 

Por Caio Polo

Jeep Cherokee 2015

Jeep Cherokee 2015

Jeep Cherokee 2015

Fotos: Divulgação


Jeep Renegade deverá ser produzido no Brasil em 2015


Em março deste ano o Jeep Renegade foi apresentado no Salão de Genebra. Desenvolvido após a união da americana Chrysler e da italiana Fiat, em 2009, o automóvel é o primeiro desenvolvido integralmente com planos para se tornar um carro global.

O automóvel será lançado primeiro na Europa e depois seguirá para os EUA e Brasil.  Já poderemos vê-lo no Salão do Automóvel em São Paulo, no mês de outubro. Em meados de 2015, o Renegade será produzido no Brasil, na fábrica da Fiat em Goiana, interior de Pernambuco.

O modelo fabricado no Brasil sofrerá algumas alterações de estilo e conteúdo em relação à versão original. Essa medida adotada para o Renegade tem como objetivo amenizar seus valores para se encaixar em todas as faixas de preço do segmento no mercado nacional. Entende-se que haverá alternativas a todos os modelos do mercado, concorrendo com as versões básicas do Renault Duster até as mais completas da linha Ford EcoSport.  

O Renegade é menor que o Honda Vezel e tem um porte parecido ao do EcoSport, que deverá ser seu principal concorrente no Brasil. No mercado americano já é possível saber que haverá duas versões de acabamento, a Trail Hawk e a Latitude. Também haverá alternativas em relação aos motores como o 1.4 Turbo Multiair e o potente 2.4 Tiger Shark.

O Renegade americano terá sistema de tração 4×4, rodas de aro 16 e 17, teto solar panorâmico, bancos traseiros bi e tripartidos, além de câmbio com nove marchas automáticas. No Brasil o automóvel deverá ter especificações mais modestas, com transmissão 4×2, câmbio manual de cinco marcas e motor 1.8 E.torQ flex. Mesmo sem um posicionamento definido da FCA para o modelo, os valores devem girar em torno de R$ 60 mil e R$ 70 mil.  

Ainda não há impressões ao volante do Renegade. Em São Paulo ele deverá fazer sua estreia mundial para a imprensa.

Por William Nascimento

Jeep Renegade

Foto: Divulgação


Jeep Renegade será fabricado no Brasil


Ainda na esteira de lançamentos nos mercados europeus e norte-americanos o Jeep Renegade será, em breve, produzido aqui no Brasil. A coisa tem sido levada muito a sério pela fabricante (norte-americana) que ela já colocou no ar um hotsite com o objetivo de divulgar para o público a série “Open Editions”. A série em questão é meio que uma celebração da estreia do jipe vestido com uma roupa de luxo.

De acordo com as informações divulgadas, o modelo deverá ser lançado no mercado exterior já no mês de julho. No caso da versão nacional, que deverá ser fabricada na planta da Fiat situada em Goiana, no estado de Pernambuco, a informação é de que haverá algumas modificações.

De qualquer maneira teremos que aguardar um pouco mais já que a expectativa que é seja lançado em 2015. Entretanto, antes que isso ocorra, a montadora já divulgou que vai mostrar o modelo – o Renegade Brasileiro – para o público nacional e por inteiro no mês de outubro, quando ocorrer o Salão de São Paulo.

Para a versão de estreia a Jeep tratou de incrementar o carro com o que tem de melhor. A parte interior é bastante completa contando com banco e volante em couro, ar-condicionado digital, painel cluster digital, ignição por meio de botão e central multimídia com tela sensível ao toque.

Dentre outros destaques que o Jeep Renegade oferece podemos citar, de série, as rodas com aro 18” bem como os apliques feitos na cor laranja em algumas peças no interior.

Segundo informações da montadora a série especial do jipe será disponibilizada em duas opções com relação ao motor: a gasolina 1.4 Turbo de 140 cv; diesel 1.6 Turbo de 120 cv e um 2.0 Turbo de 140 CV.

No caso deste último a informação é de que ele será equipado com o sistema de tração 4×4. Para o mercado brasileiro os rumores indicam que o Renegade deverá contar com os motores 1.6 16V e 1.8 16V pertencentes a família Etorq da Fiat.

Por Denisson Soares

Foto: divulgação


Jeep Grand Cherokee 2014 – Nova versão a diesel foi lançada no Brasil


A Jeep lançou no dia 22 de abril, durante um evento em Campos de Jordão – SP, a versão movida a diesel do Grand Cherokee 2014. Disponível apenas na configuração de acabamento Limited, o crossover da Jeep abastecido com diesel chega ao mercado brasileiro pelo preço sugerido de R$ 239.900.

A versão a diesel do Grand Cherokee chega para completar a recém-lançada linha 2014 do utilitário no Brasil. Oferecida apenas na versão Limited, diferentemente do modelo a gasolina que ainda tem a opção Laredo, a configuração movida a diesel traz sob o capô o novo motor 3.0 V6 Turbo, que é capaz de entregar 241 cv e consideráveis 56 kgfm de torque. Trabalhando em conjunto como bloco V6 Turbo está uma nova transmissão automática de oito velocidades, com opção de trocas sequencias através de Paddle Shifts situados atrás do volante, que substitui a antiga caixa de cinco velocidades. Com isso, de acordo com a Jeep, o Grand Cherokee acelera de 0 a 100 km/h em 8,2 segundos, com velocidade máxima de 202 km/h.

A autonomia média do Grand Cherokee 2014 em perímetro urbano é de 9,5 km/L, enquanto que em rodovias o utilitário tem uma média de consumo de 13,6 km/L.

O interior mantém o mesmo padrão de qualidade, dispondo de um bom acabamento interno e bons itens de conforto e comodidade. O console e as portas possuem acabamento em duas cores (uma tom escuro e outro claro igual ao couro dos bancos), enquanto que os bancos são revestidos com couro claro.

Além disso, o modelo ainda traz sistema multimídia com tela touchscreen que abrange a navegação via satélite (GPS), exibe imagens da câmera de segurança para manobras em marcha ré e ainda conta com acionamento por comando de voz.  No restante, a versão a diesel do Grand Cherokee 2014 mantém a mesma lista de equipamentos de série da versão que é abastecida com gasolina.

Devido às dimensões do veículo, o Grand Cheroke acomoda cinco adultos com tranquilidade, oferecendo excelente espaço interno. O porta-malas, que abre e fecha eletricamente, oferece 457 litros de capacidade, enquanto que o tanque de combustível tem capacidade para 93 litros.

Fabricado nos Estados Unidos, o Jeep Grand Cherokee Limited 2014 a diesel estará disponível nas 42 concessionárias do Chrysler Group do Brasil, com preço sugerido de R$ 239.900. As versões a gasolina, por sua vez, são oferecidas por R$ 185.900 e R$ 219.900, nas versões Laredo e Limited, respectivamente.

Por Caio Polo

Jeep Grand Cherokee 2014

Foto: Divulgação


Novo Jeep Renegade estreará no Salão de São Paulo


Há quem ame carros e há quem ame especificamente os modelos Adventure de automóveis e para este segundo grupo de apaixonados, a boa notícia da vez é que o Jeep Renegade já está com sua data marcada para pisar ou circular aqui no Brasil.

A data e local para este evento é o badalado Salão do Automóvel de São Paulo que acontecerá em outubro próximo. 

Um modelo deste automóvel já foi apresentado anteriormente no Salão de Genebra, mas quem já viu ainda contará com novidade no modelo que será apresentado em São Paulo, isso porque a Renegade  realizará algumas mudanças no carro, a fim de diferenciar os modelos do Jeep brasileiro e dos europeus. A marca fabricante também declarou que sua intenção é fazer com que os modelos sejam distintos com um único olhar do cliente, portanto garante que não irá unicamente mudar o nome ou a cor dos automóveis, cada modelo contará com elementos que definirão sua individualidade.

A data prevista para que o Jeep passe a ser fabricado no Brasil é para o início de 2015 e sua produção acontecerá na fábrica da Fiat em Goiânia, no Pernambuco. Desta mesma fábrica, sabe-se que serão fabricados apenas modelos utilitários que não receberão o selo da Fiat, o que significa que a mesma não colocará mais seu símbolo nas Pick-ups e utilitários em virtude de sua fusão com a Chrysler que tem data programada para o dia 20 de abril, deste ano. A estimativa do valor de venda dão Jeep é de R$ 75 mil.

Embora a emoção gire em torno da apresentação do Jeep, esta não é a única novidade que a Salão de São Paulo apresentará, ainda neste evento, os visitantes poderão apreciar o Challenger e Charger que levam a marca da Dodge, para estes modelos a estimativa do valor de venda é de R$ 210 mil, os mesmos valores que serão vendidos o Camaro e Mustang.

Por Jaime Pargan

Jeep Renegade

Foto: Divulgação


Jeep Renegade – Novo SUV compacto será produzido em Goiana (PE)


O Jeep Renegade, SUV compacto desenvolvido em parceria entre a Fiat e a Jeep, foi revelado pela primeira vez antes de sua estreia oficial marcado para o Salão de Genebra. Considerado um dos principais lançamentos da Jeep neste ano, o crossover compacto, irmão do Fiat 500X, será um dos primeiros veículos produzidos na nova unidade fabril do Grupo Fiat em Goiana – PE, a partir do ano que vem.

Contrariando as especulações de que o modelo poderia ser chamado de Junior, Jeepster e Laredo, o Jeep Renegade apresenta um visual inspirado por um conceito ao estilo buggy, exibido no Salão de Detroit em 2008. Com aproximadamente 4,25 metros de comprimento, o novo modelo da Jeep compartilha a plataforma do Fiat 500X, que será apresentado em breve, e tem grande semelhança visual com seu “irmão italiano” e até alguns pontos em comum com o Panda 4×4. O SUV compacto será o primeiro Jeep produzido unicamente fora dos Estados Unidos, já que além do Brasil, o modelo será fabricado também na Europa.

O Renegade será o carro de entrada da marca estadunidense, substituindo o Jeep Compass. De acordo com o site “Japolink”, o utilitário compacto será oferecido em versões com teto removível e, na maioria das configurações mecânicas, dotado com tração integral.

Mecanicamente ainda não há nenhuma informação oficial, mas especula-se nos bastidores que o novo crossover da Jeep terá duas opções de blocos a gasolina, sendo um 1.4 MultiAir e um 1.4 MultiAir Turbo, além dos motores 1.6 e 2.0 MultiJet, ambos a diesel. No mercado brasileiro, por sua vez, o Renegade virá equipado com o propulsor 1.4 T-Jet Flex atualizado, com sistema MultiAir de variação de abertura de válvulas e com tração 4×4 na maioria de suas versões. 

Como dito anteriormente, Sergio Marchionne, CEO da Fiat, já confirmou a produção do Jeep Renegade no Brasil, concentrada na fábrica de Goiana – PE, que ainda está em construção.

Por Caio Polo

Jeep Renegade

Foto: Divulgação


Jeep Grand Cherokee 2014 – Lançamento e Preço no Brasil


Reestilizado, já sob os cuidados da Fiat, a Jeep lançou o Grand Cherokee 2014 para o mercado brasileiro. Renovado, mas sem perder a identidade do modelo, o Grand Cherokee traz alterações visuais, tecnológicas e no conforto. O modelo chega ao Brasil primeiramente com motor V6 a gasolina, nas versões Laredo e Limited.

Esteticamente, o Jeep Grand Cherokee 2014 vem com nova grade frontal, novos para-choques, nova tampa do porta-malas, além dos novos faróis e lanternas compostas por LEDs. Na lateral não há grandes alterações, com exceção das novas rodas de liga leve de 18 polegadas (na versão Laredo) e 20 polegadas (na versão Limited).

No interior, o utilitário esportivo oferece bom acabamento, com destaque para o volante multifuncional e os bancos com revestimento em couro. Quanto aos equipamentos tecnológicos, cabe o destaque para o painel de instrumentos personalizável, com tela de LCD TFT de 7 polegadas, que tem imagens fixas para velocímetro, conta-giros e outras quatro funções, mas que também podem exibir informações quanto às condições de direção, do navegador via satélite (GPS) e até do modo do sistema de tração.

Além disso, o modelo ainda dispõe de um sistema multimídia com tela de 8,4 polegadas touchscreen, situada no console central, que abrange o sistema de áudio, ar condicionado, GPS e outros recursos.

Há ainda, entre as novidades, uma altura maior em relação ao solo, saída dupla de escapes cromados, tampa do porta-malas com subida e descida automáticas por comando, retrovisores externos com repetidores de seta, bem como a luz de cortesia apontada para o solo na versão Limited.

Contudo, a maior atração é a nova transmissão automática de oito velocidades, fabricada pela marca alemã ZF. O novo câmbio passa a trabalhar juntamente com o motor Pentastar 3.6 V6 a gasolina, capaz de entregar 286 cv e torque de 35,4 kgfm.

Com tração integral full-time Quadra Trac com gerenciamento de tração Selec-Terrain, o Grand Cherokee 2014 conta com função Eco Mode, que prioriza sempre a marcha mais alta possível para reduzir a rotação do motor V6 e é ativado automaticamente ao ligar o veículo. Tudo isso visa reduzir o consumo e aumentar a autonomia do utilitário.

Os preços sugeridos do Jeep Grand Cherokee 2014 são de R$ 185.900 (para a versão Laredo) e de R$ 214.900 (para a versão Limited). As configurações com bloco a diesel chegam apenas em março deste ano.

Por Caio Polo


Novo Jeep Jeepster será Fabricado no Brasil


Tratada até então como especulação, a produção de modelos da Jeep no Brasil foi finalmente confirmada nesta semana. A especulação começou após a aprovação da reorganização corporativa e a formação da Fiat Chrysler Automobiles (FCA). A aquisição total da Chrysler Group pela Fiat ocorreu na semana passada e marcou o surgimento da sétima maior montadora global.  

A confirmação da produção de modelos da Jeep no Brasil foi anunciada pelo CEO da FCA, Sergio Marchionne. Segundo o presidente da marca, a prioridade será montar no Brasil modelos de menor porte e assim, obter um índice maior de participação no mercado nacional.

A nacionalização da produção, que já era prevista, será concentrada na unidade da Fiat em Goiana, no Estado de Pernambuco. A expectativa da Jeep é começar as operações em meados de 2015, com produção de um modelo inédito desenvolvido em parceria com a própria marca italiana. O carro será divulgado durante o Salão de Genebra (marcado para março) e se chamará Jeepster.

O Jeepster será derivado do Fiat 500X, sendo que ambos compartilham a mesma plataforma e componentes, se diferenciando apenas pelo design na parte frontal e traseira. Além de trazer a tradicional grade frontal da marca com sete fendas, o Jeepster terá um posicionamento de preço um pouco acima do 500X e possuirá uma orientação mais Off-Road.

Especula-se ainda que o Jeepster contará com duas opções de motor a gasolina: o 1.4 aspirado e o 1.4 MultiAir turbo. Além disso, também haverá dois blocos a diesel: o 1.6 MultiJet e o 2.0. As versões mais caras serão equipadas com tração integral e controle eletrônico de descida. A configuração topo de linha trará acoplada ao bloco uma nova transmissão automática de nove velocidades, que estreou no Jeep Cherokee. Para o mercado brasileiro, o crossover compacto deverá utilizar o bloco 1.4 T-Jet atualizado, com injeção flex e comando variável MultiAir.

Ao lado do Fiat 500X, também aguardado para o Salão de Genebra, o Jeep Jeepster terá como concorrentes o Renault Duster, o Renault Captur (vendido no mercado europeu), o Mitsubishi ASX, o Chevrolet Tracker, o Peugeot 2008 e o Ford EcoSport. As vendas no mercado europeu iniciam no fim deste ano.

Por Caio Polo


Jeep trará Novo Cherokee para vendas no Brasil em 2014


Pertencente ao Grupo Chrysler, a Jeep apontou que o novo Cherokee vai chegar ao mercado nacional. O modelo SUV deve desembarcar no nosso país até o final do primeiro semestre deste ano.

Ele foi lançado no ano passado e trouxe muita polêmica devido ao seu visual esportivo, o que é pouco convencional para um modelo da Jeep. A sua dianteira conta com faróis afilados ao lado das já tradicionais sete entradas de ar verticais. Esse ponto é o que gera mais divisão nas opiniões.

O Cherokee vai ser lançado no Brasil depois da chegada do novo Grand Cherokee, que teve uma pequena reestilização e pode ter a sua reserva feita nas pré-vendas Jeep.

O novo Chrysler 200, que foi a estrela principal da marca no Salão de Detroit, não vai vir para o Brasil, da mesma forma que os sedãs Dart e Charger, que são da Dodge.

A novidade da Dodge que foi confirmada para o Brasil é a versão reestilizada do Durango, que deve chegar por aqui no final deste ano. O seu lançamento será no Salão do Automóvel de São Paulo 2014.

Carros.

Novo Ford Ka

A Ford terá na nova geração do Ka a sua principal aposta para 2014. A informação foi dada pelo presidente da Ford Brasil e Ford América Latina, Steven Armstrong, em entrevista a revista Quatro Rodas.

“Nós o mostramos ao mundo em novembro de 2013 e ele foi muito bem recebido. Trata-se de um novo exemplo de produto desenvolvido para o Brasil para o resto do mundo, como o EcoSport e nós temos orgulho disso. Será lançado em um segmento bastante importante por aqui, que é de entrada. O Ka será parte fundamental do processo de crescimento e, principalmente, uma etapa de uma nova era de lançamento de carros globais no país, que nos possibilitará aumentar nossa presença no mercado.”, comentou Steven.

Ele comentou também sobre os índices de vendas da Ford.

“O ano de 2013 teve índices ligeiramente menores do que 2012, embora a Ford tenha ganho participação de mercado no ano passado, o que foi bastante positivo. Vamos ver como o mercado se comportará neste ano, que promete ser bastante agitado por conta dos eventos como as Eleições e a Copa do Mundo, mas esperamos que a indústria automotiva volte a crescer. Até porque lançaremos um produto novo neste ano.” 

O presidente fez questão de ressaltar que o Ford Ka vai ser um projeto global, mas ele não antecipou quais os países venderão o modelo compacto. A China é uma das fortes candidatas. 


Jeep – Alta nas vendas em 2013


Jeep Cherokee 2013A marca Jeep, que pertence à Chrysler, demonstrou um crescimento de 39 pontos percentuais no período entre os meses de janeiro e julho de 2013, quando comparado com os primeiros sete meses do ano passado.

A Jeep comercializou 2.595 veículos no período relatado e, segundo a empresa, os índices de agosto têm demonstrado que a marca continuará a trilhar o caminho das boas vendas.

O veículo mais vendido da Jeep é o modelo Cherokee, apresentando mais de mil unidades. No ano passado, o mesmo carro vendeu apenas 326 veículos, o que indica um aumento de 226%, um recorde para a empresa. Seguindo o Cherokee, aparecem os carros Wrangler, Compass e Grand Cherokee.

De acordo com informações do diretor de Marketing e Vendas da Jeep, Luiz Tambor, o grande sucesso do modelo Jeep Cherokee advém da capacidade que o veículo tem de conciliar o bom desempenho off-road à versatilidade no ambiente urbano. "O modelo apresenta a tradicional capacidade em ambientes de difícil acesso, pois tem a força da motorização com potencia V6", completa Tambor.

Mais especificamente, o motor é um 3.7 V6 com 205 cavalos de potência, câmbio do tipo automático com 4 velocidades e tração constante nas 4 rodas.

Por Marcelo Araújo


Fiat pretende fabricar o modelo Jeep na China


A China nos últimos anos tem se destacado em diversos campos no mercado mundial. Uma certa abertura de suas portas para o comércio e para as negociações bilionárias tem feito o país não apenas crescer nesse aspecto, mas como também se tornar um ponto de referência quando o assunto é a busca de novos parceiros para negócios futuros.

E é exatamente isso que Fiat está planejando colocar em prática. Recentemente o vice-presidente da montadora, Sergio Marchione, comentou a respeito da possibilidade da Fiat ir buscar na China um novo parceiro.

De acordo com executivo o objetivo é encontrar por lá quem possa ajudar na fabricação dos veículos modelo Jeep, da Chrysler, para o ano de 2014. A empreitada não deve ser complicada até porque a China, com seus números astronômicos em quase tudo, é o maior mercado mundial para carros.

A informação é de que como plano inicial a Chrysler pretende fabricar mais 100.000 modelos do Jeep na China. Ressaltando que esse fato é algo fundamental para a Fiat já que esta tem com objetivo a comercialização de cerca de 300 mil veículos no país, a cada ano, a partir de 2014.

Apesar de já possuir um parceiro na China (Guangzhou Automobile Group) um segundo “integrante” na equipe da montadora parece ser bem-vindo.

Por Denisson Soares


Novo Grand Cherokee – Características da 2ª geração


Como todo carro de luxo e top de linha, o Grand Cherokee é um carro completo. A segunda geração do modelo chega ao Brasil no ano que vem equipado com nove alto-falantes com subwoofer, teto solar elétrico, rodas de alumínio de 18 polegadas, sensor de chuva, lanternas de LED, faróis de xenônio, controle de velocidade de cruzeiro, controle automático de estabilidade, memória para ajustes eletrônicos no banco do condutor. Além disso, esse 4X4 conta com 7 airbags com 11 pontos de segurança, ar condicionado e muito mais.

O novo modelo também conta com o sistema Selec-Terrain que é ativado pelo botão no console central e permite que o motorista consiga preparar a tração integral de acordo com as condições do solo como lama, areia e asfalto. Esse sistema controla eletronicamente 12 combinações que envolvem controle de estabilidade, controle de tração, caixa de transferência, mudança das marchas, controle de aceleração, sistema de frenagem, e motor-transmissão.

As suspensões são independentes e também podem auxiliar na hora de adaptar o carro e suas funções ao tipo de terreno. O painel é outra novidade, pois está ainda mais sofisticado e luxuoso.

Por Jéssica Posenato


Jeep Grand Cherokee SRT Limited Edition – Lançamento no Salão de Paris


Sempre inovando, a Jeep pretende surpreender no salão de Paris, evento que acontecerá na cidade francesa no final deste mês. A marca apostou em algumas edições especiais para cativar o público que passará por lá, uma delas é o  Grand Cherokee, esportivo muito bem sucedido da montadora.

O Grand Cherokee SRT Limited Edition não é apenas um dos carros mais aguardados da Jeep, mas sim de todo o evento, pois seu visual tem aguçado a curiosidade dos apaixonados por carros desde já. O modelo será disponibilizado na cor branca e contará com detalhes cromados e toques em preto. Além disso, suas rodas serão de 20 polegadas.

Na parte interna  o Jeep Grand Cherokee SRT Limited Edition terá belíssimos detalhes em fibra de carbono e a opção de revestimento dos bancos em couro Nappa ou camurça.  O modelo virá ainda com paddle shifters, volante revestido em couro perfurado, dentre outros atributos cuidadosamente elaborados pela marca.

Em termos de propulsão, o carro será equipado com o motor 6.4 L HEMI, que entrega satisfatórios 468 cavalos de potência, faz de  0 a 100 km/h em apenas 5 segundos e atinge a velocidade limite de 257 km/h.

Por Larissa Mendes de Oliveira


Chrysler Jeep Wrangler Moab – Lançamento nos EUA


O mês de agosto e início de setembro veio com muitas novidades no mercado de veículos. Pelo mundo todo, estão ocorrendo diversas feiras de automóveis como a de Moscou e a de Paris. Pelo lado econômico, o Brasil bateu seu maior recorde de vendas da história em agosto, sendo que grandes mercados como o italiano e o francês apresentam sérias quedas nas vendas.

Um dos mercados de autos mais tradicionais é o norteamericano. Nos EUA estão algumas das maiores montadoras do mundo. A última novidade por lá foi o lançamento do Jeep Wrangler Moab, revelado pela empresa Chrysler junto à apresentação do Grand Cherokee Trailhawk

O veículo foi baseado na versão Sahara. Além disso, o Jeep Wrangler Moab pode ser adquirido com duas portas ou quatro portas, sendo que esta última leva o nome de Unlimited.

Da mesma fora que o Trailhawk, o novo Jeep da Chrysler ganha reforços para a modalidade off-road. O veículo foi apresentado com proteção feita de aço reforçado no chassi, pneus 245/75 R17 Armadura, rodas com aro 17 da Rubicon, entre outros equipamentos.

Fora os reforços para os caminhos fora do asfalto, o veículo também tem diversos acessórios da marca Mopar, que foram desenvolvidos especialmente para o modelo.

Por Marcelo Araújo


‘Preço da Jeep Grand Cherokee’ no Brasil é chamado de ‘ridículo’ pela revista Forbes


Preço da Jepp Cherokee é criticado pela Forbes.

O preço de venda do Jeep Grand Cherookee no Brasil foi duramente criticado por uma reportagem feita na versão online da revista norte-americana Forbes nesta segunda (13).

O texto aponta que os R$ 179 mil cobrados pelo veículo por aqui são ridículos, “ridiculous” como trazia a mensagem na matéria. O texto também dá conta que, ao contrário do que os compradores pensam, um carro destes não é sinal de status.

Segundo o repórter Kenneth Rapoza, a comparação do preço do Jeep Cherokee no Brasil R$ 179 mil (US$ 89,5 mil), com o custo dos EUA, US$ 28 mil (R$ 54 mil), o brasileiro poderia comprar três carros do mesmo modelo vivendo em Miami.

“Alguém pode pensar que pagar US$ 80 mil por um Jeep Grand Cherokee significa que ele vem equipado com rodas folheadas a ouro e asas. Mas no Brasil, ele vem básico,” comentou o jornalista.

A matéria também fala sobre os altos impostos que são cobrados pelo país e chama nós, os brasileiros de ingênuos.

“Não há outra razão a não ser a tributação maciça de mais de 50% e ingenuidade do consumidor que pensa que pagar o preço de um BMW X5 tem o mesmo valor que comprar um Cherokee. Desculpe, Brazukas …não há status em comprar um Toyota Corolla, Honda Civic, Jeep Grand ou Dodge Durango. Não se deixe enganar pelo preço. Você está definitivamente sendo roubado,” diz o jornal.

É, nossa imagem lá fora não é das melhores.


Jeep J8 – Veículo militar chega ao Brasil


A montadora americana Jeep decidiu trazer ao Brasil o J8, versão militarizada do Wrangler, esse mesmo modelo é utilizado pelas forças armadas dos Estados Unidos. O veículo foi apresentado durante a Latin América Aero & Defence 2011.

O veículo terá motor 2.8 l a diesel com 195 cv de potência e terá versões com 3 e 5 portas. A tração será integral e com componentes para melhor desempenho em situações off-road. O carro foi projetado para interesses militares e de governos, com interior simples, porém, grande espaço para armazenamento de equipamentos.

A Jeep oferecerá outras três versões além do modelo básico, são elas: veículo de patrulha leve, veículo de patrulha de fronteira e veículo transportador de carga e pessoal.  De acordo com a empresa, o J8 tem capacidade para 12 mil quilos de carga, o que seria três vezes mais do que o modelo visto nas ruas.

Por Henrique Pereira


Jeep 70th Anniversary – série especial


A Jeep está comemorando os 70 anos de sua fundação e, para celebrar, apresentou no Salão de Detroit a série especial “70th Anniversary”. A fabricante vai produzir uma versão premium para cada um de seus modelos. Eles terão a logo “70th Anniversary” aplicada na carroceria e em outras partes. Além disso, eles serão produzidos nas cores bronze Star, preto e prata brilhante.

O interior dos carros também terá novidades. Haverá tapetes especialmente feitos para a série e o revestimento será todo em couro, com detalhes na cor marrom.

Com relação a equipamentos, cada modelo terá uma novidade específica. O Compass, por exemplo, terá rodas de alumínio aro 18 e bancos diferenciados, com o logotipo da série. O Patriot virá com rodas aro 17 e novo volante. Já o Grand Cherokee vai apresentar um novo painel com apliques de madeira.

A linha vai chegar às revendedoras no primeiro semestre de 2011.

Por André Gonçalves


Novos Jeep Liberty Jet e Grand Cherokee Overland Summit


A partir desta sexta-feira, dia 19, até o próximo dia 28 de novembro, acontecerá o Salão de Los Angeles, com exposições de diversos automóveis. Dentre eles, estão as variantes Jeep Liberty Jet e o Grand Cherokee Overland Summit, da Jeep, cujas encomendas terão início no mês de dezembro deste ano.

Os modelos são versões mais luxuosas. No caso do Grand Cherokee Overland Summit, por exemplo, além da nova cor opcional castanho Robusto, o modelo apresenta ainda internamente volante aquecido e mesas dobráveis. Já o Liberty Jet fica mais luxuoso com detalhes cromados nas suas rodas, airbags tipo cortina, bancos e volante com revestimento em couro e aquecimento dianteiro, além de nove alto-falantes.

Jeep Liberty Jet

Grand Cherokee Overland Summit

Por Elizabeth Preático


Recall Jeep Wrangler 2007 a 2010 – Problema no Sistema de Freio


A montadora Chrysler do Brasil informou no final da semana passada que cerca de 340 unidades de um dos modelos da empresa deverão realizar um recall no Brasil.

Os proprietários do Jeep Wrangler, modelos 2007 a 2010, devem comparecer a uma das concessionárias da montadora para realizar uma verificação. De acordo com a Chrysler, um possível vazamento do fluído de freio pode ocasionar problemas no sistema de freio do modelo.

De acordo com a empresa, os chassis envolvidos no recall são : 1J4FAB4127L129799 a 1J4GAB9179L779387. Os proprietários do Jeep podem esclarecer suas dúvidas através do telefone: 080703 71501, ou pelo site: www.jeep.com.br.

Por Luana Neves


Jeep Wrangler Unlimited chega ao Brasil


O peso pesado Wrangler Unlimited chega marcando espaço nos variados terrenos do Brasil (sim, ele enfrenta cenários dos mais variados).

O jipe americano de quatro-portas vem com ar-condicionado, câmbio automático em D, motor V6 3.8,  tração 4×4 por 129.900 reais.

Vale deixar claro que em situações mais radicais os pneus de uso misto não dão conta. Maior que seu irmão, o Sport, é tão forte e pomposo quanto o familiar, com a ajudinha dos quase 200 cavalos.

Parecendo um quebra-cabeça sobre rodas, o teto vem com três peças que são removíveis, portas que podem ser retiradas e o parabrisa escamoteável. Com o conceito de seguro, vem com controles eletrônicos para tração, estabilidade e anticapotamento, além de ABS e airbags (dois), pronto para se jogar – ou ser jogado – em qualquer lama. Aventura-se?

Por Mayara Paz


Jeep Grand Cherokee 2011 chega em Outubro


Está chegando ao mercado brasileiro a nova geração do Jeep Grand Cherokee, que será apresentado em outubro, no Salão do Automóvel de São Paulo.

O modelo será comercializado nas versões Laredo e Limited, com valores a partir de R$ 170 mil. Todas serão equipadas com o novo motor 3.6 V6 de 280cv. A chegada do aguardado motor 5.7 V8 de 356 cv ainda está sem data definida.

O Grand Cherokee passou por renovação no seu design e agora apresenta linhas mais retas. A costumeira grade ainda continua, assim como o logotipo Jeep no capô. Internamente o modelo está mais requintado e com mais espaço. Há certa folga para as pernas e a capacidade do porta-malas passou para 782 litros.

Nos itens de série apresenta air bags frontais, laterais e de joelho, os bancos da frente possuem ajustes elétricos e os faróis são de duplo xenônio ajustáveis.

Por aqui, chegará com tração 4×4, suspensão independente nas quatro rodas e um sistema que permite várias opções de condução ao motorista, de acordo com o terreno, chamado Selec-Terrain.

Por Eloir Junior