Novos Volvo XC60 e V60 ganham Motor 2.0 Híbrido


Novo motor conta com 420 cv e foi preparado pela Polestar.

No dia 14 de abril de 2019 a Volvo completa 92 anos em atividade. A empresa sueca está apostando em um carro híbrido com até 35 km de autonomia de bateria para o mercado brasileiro. O carro é desenvolvido em conjunto com sua empresa-filha Polestar.

A Polestar

A Polestar é a empresa e marca de desempenho da Volvo, com sede em Gotemburgo, na Suécia. A Polestar desenvolve carros de desempenho elétrico, carros de alto desempenho baseados em Volvos e oferece atualizações técnicas e de cosméticos para aprimorar os modelos Volvo.

Em junho de 2017, a Volvo anunciou que a Polestar começaria a produzir carros de alto desempenho elétrico sob seu próprio nome e distintivo, para competir com marcas como a Tesla Motors.

Mas a Polistar continua sendo uma empresa afiliada à Volvo e ajuda na produção dos carros híbridos da montadora sueca. Dois exemplos são o XV60 e o V60, que falaremos a seguir. As versões têm motor 2.0 L e 420 cavalos (313 kW) de potência e começarão a ser vendidas na metade de 2019 na Europa.

Motor, (Potência e Torque)

Os dois modelos citados (CX60 e V60) usam o mesmo motor do S60 desenvolvido pela Polestar, que é chamado de “T8 Twin-Engine híbrido plug-in”. Tem potência de 420 cavalos (313 kW) e o torque vai a 68,2 kgfm.

Quando o comparamos ao modelo “convencional”, temos um incremento de 15 cavalos (11 kW) e 3,3 kgfm de torque. A aceleração do modelo híbrido pode ficar abaixo dos 5 segundos indo de 0 a 100 km/h, já que o T8 “convencional” chega a essa marca.

Visual Externo

Na parte externa praticamente não houve mudança. As mudanças são muitos sutis e demandam muita atenção para que as possa observar. Podemos encontrar as rodas de dez aros do S60 da Polestar nos dois modelos. O preto cromado dos escapamentos também marca presença, assim como o preto da grade e os tímidos emblemas da empresa-filha.

Cabine

Cintos de segurança na cor de ouro e um esquema de cores em um tom de carvão dão um excelente destaque para a cabine. Mas não chega a ser extravagante.

Opinião do Presidente

O presidente da Volvo dos Estados Unidos, Anders Gustafsson afirmou que todas as unidades do modelo S60 projetadas pela Polestar foram vendidas em menos de 1 hora depois do lançamento.

Lançamentos e Preços

Os dois modelos citados (XC60 e V60) vão começar a ser vendidos em várias partes do planeta a partir do meio de 2019, mas ainda não têm preços divulgados.

Nos Estados Unidos há uma previsão de preço na faixa dos US$ 60 mil mais impostos estaduais, que giram em torno de 6,5% acima desse valor, chegando a US$ 63.900. Já no Brasil, se realmente for vendido por aqui, deve ficar bem acima dos US$ 77.924 (R$ 299.950 cobrados no XC60 T8 R-Design).

O XC60 e o S60 são aposta da Volvo para concorrência com a Tesla e para concorrência com SUVs

O Campeão Está de Volta! O XC60!

Apesar de não ter muitos modelos no Brasil, a montadora sueca conseguiu construir uma história ao longo de todas essas décadas.

O XC60 foi o mais vendido de seu segmento entre 10 e 4 anos atrás (2009 a 2015), ficando à frente do BMW X3 e de outros concorrentes fortes, como o Audi Q5 e Mercedes-Benz GLC!

Porém, o XC60 não esteve na liderança nos últimos três anos. Por isso a Volvo deseja novamente o título de líder no segmento, lançando a segunda geração!

Resistência aos SUVs! O V60!

Atualmente os mercados dos países desenvolvidos têm mostrado uma tendência aos SUVs. Os bons e velhos sedans não estão mais no centro dos desejos do consumidor comum.

A Volvo quer mostrar que ainda há espaço para outros tipos de carros que não sejam SUVs nas concessionárias. Isso fica evidente com o lançamento da nova V60 mundialmente (e no Brasil).

Por Bruno Rafael da Silva


Lexus UX 250H 2019 – SUV Híbrido Mais Barato do Brasil


Lexux UX 250H traz modernidade, conforto e motorização.

O Lexus UX 250H é um carro muito completo e luxuoso. Ele é considerado o novo híbrido mais barato do mercado, mesmo sendo uma das opções mais modernas que vai chegar ao mercado nesse ano de 2019. As informações que se sabem sobre esse carro, é que ele é luxo puro, e que a parte interna e da mecânica também seguem a mesma linha de excelência. Veja agora as principais notícias oficiais sobre o Lexus UX 250H.

Lexus UX 250H traz design encantador

Umas das características mais fortes do Lexus UX 250H é seu design externo. Ao olhar rapidamente a imagem dessa máquina, já é possível perceber que existe sofisticação e modernidade. Além de ter o lado robusto também. Esse carro merece atenção por ser muito grande e largo, o que acaba sendo a preferência da maioria dos usuários de carro.

Carro com ótima motorização

É bom deixar claro que o motor do Lexus UX 250H é muito moderno. Ele possui motor 2.0 associados a outro elétrico. É bom informar que toda as versões desse carro vão vir com essa motorização. A potência máxima desse carro é de 178 cv. O condutor dessa máquina pode ter certeza que terá muitas emoções ao pilotar essa máquina. Por ser um carro híbrido ele consegue fazer 100 km/h em apenas 8,7 segundos, o que é considerado muito. Ele também possui transmissão automática CVT e também possui tração dianteira.

Medidas do Lexus UX 250H

O Lexus UX 250H é um carro de medidas grandes, o que o torna mais chamativo e espaçoso. Com 4,50 metros de comprimento e 2,64m de entre eixos, ele não passa despercebido por onde for. Por ser um carro bem grande, é preciso ter uma boa prática na direção, principalmente na hora de fazer coisas simples como estacionar e fazer curvas fechadas. Já posso adiantar que esse carro também tem muito conforto para todos os ocupantes do carro, o que é uma ótima notícia para quem está interessado em comprar essa máquina.

Informações da parte interna do carro

A parte interna desse carro segue o mesmo padrão de qualidade. Os bancos são modernos e em couro legítimo, seu formato foi criado para deixar a coluna dos ocupantes bem alinhadas. O painel de controle também é moderno e chamativo. Possui comandos que facilitam a vida do motorista e de todos ocupantes do carro. De forma geral e com as informações que eu tenho, pode-se afirmar que esse carro vale cada centavo.

Detalhes externos importantes

Além de tudo que já foi citado aqui, esse carro possui outros detalhes externos que ajudam a compor toda a sua modernidade. Entre eles estão:

– Caimento de teto de cupê

– Lanternas de LED ligadas por elemento central

– Faróis e grades dianteiras estilizadas

Além do carro ter detalhes de seguranças como cintos e sistema de frenagem.

Valor do Novo Lexus UX 250H

O que tem gerado muitos comentários na internet sobre o lançamento desse carro, é que o seu valor é de R$169.990. Pode parecer um valor muito alto, mas com todo conforto, modernidade e beleza do carro, essa impressão muda. E aí no final de tudo, já olhamos para esses números que pareciam tão alto, como um bom desconto.

Data de lançamento desse carro nas lojas

Como foi anunciado no último Salão de São Paulo, o Lexus UX 250H deve chegar às lojas no final de abril de 2019. E essa data já está bem próxima e isso só aumenta a ansiedade de quem quer comprar sua versão e ter a oportunidade de pilotar essa máquina quando desejar.

Essas são as informações do Novo Lexus UX 250H!

Escrito por Cristiane Amaral


Mitsubishi Outlander 2019 – Lançamento do modelo híbrido no Brasil


A Mitsubishi anunciou que pretende trazer para o Brasil um modelo híbrido do Outlander.

Há algumas décadas, as marcas japonesas conquistaram os consumidores brasileiros. As empresas do Japão são produtoras de diferentes mercadorias usadas no dia a dia de qualquer pessoa e os seus produtos se destacam por contarem com tecnologia de ponta e sempre apresentarem novidades. E um dos principais setores com mais vendas em território nacional é o automobilístico. As companhias japonesas sempre tentam lançar um veículo novo no Brasil e seguindo essa meta a Mitsubishi anunciou que vai trazer para o país a Mitsubishi Outlander híbrida (crossover) 2019. Um carro moderno e que conta com características bem interessantes. Para conhecer um pouco mais sobre ele leia o texto abaixo.

Todas as versões do Outlander 2019 e os preços


· Mitsubishi Outlander 3.0 V6 Full Tecnology Pack


· Mitsubishi Outlander 2.2 Diesel Full Tecnology Pack


· Mitsubishi Outlander 2.2 Diesel


· Mitsubishi Outlander 2.0 Comfort


· Mitsubishi Outlander 2.0

As cinco versões do Mitsubishi Outlander contam em sua totalidade com as mesmas características. O que as diferenciam obviamente é, sobretudo, a potência do motor. Já em relação ao preço, a versão 2.0 deve chegar ao mercado nacional com um preço a partir de R$ 140.000,00. Já a versão 3.0 deve custar a partir de R$ 205.000,00.

Sobre as características físicas da Mitsubishi Outlander 2019

A Mitsubishi Outlander versão 2019 tem uma aparência de carro familiar, devido ao seu tamanho. Na parte da frente deste veículo, o que mais chama atenção é a integração entre os faróis e a grande frontal. Todos esses componentes foram unidos. A grade frontal conta apenas com duas linhas grossas e pouco espaçadas. Coladas com elas estão os dois faróis que possuem uma dimensão maior e que possuem um novo recorte onde se integram com a grade frontal. Além dessa primeira união, os faróis também contam com uma estrutura que os ligam com o para-choque. Essa estrutura que lembra a letra “S” parece ter sido produzida em um material resistente como o aço.

Já o para-choque está inserido dentro dessa estrutura que lembra a letra “s”. Ele não é proeminente à frente como em outros veículos. Essa estrutura ainda entrega os dois pares de faróis que estão na linha do para-choque. Esses dois faróis são menores. E os dois conjuntos de faróis contam com uma luz em LED.

Em relação ao capô deste carro, ele também tem duas linhas na posição vertical que cria a sensação de desnível, ou seja, que o meio está mais afundado que as laterais. O teto do Outlander 2019 também conta com um suporte para se transportar objetos em cima do carro. Por se tratar de um veículo grande, ao bagageiro deste veículo também não tem nada a desejar. Visto que, ele conta com um excelente espaço interno.

Já na parte interna, o Mitsubishi Outlander pode acomodar de cinco a sete passageiros tranquilamente. A parte interna do carro foi toda coberta por couro e em algumas versões esse couro pode ser da cor branca. Os ocupantes vão desfrutar de uma tela LCD em que diferentes aplicativos podem ser acionados. O motorista tem o conforto de um volante em couro e que o permite controlar diferentes funções do veículo. Neste veículo também se tem na porta do motorista, botões controladores de porta e de vidro. Por enquanto, em algumas fotos divulgadas pela internet, se viu que esse carro foi fabricado na cor prata e com o para-choque preto.

A respeito do motor da Mitsubishi Outlander 2019 e a chegada deste veículo no Brasil

De acordo com algumas informações que foram divulgadas, a Outlander deve contar com um motor a partir de 160 cavalos (versão 2.0). A respeito do combustível, por se tratar de um veículo híbrido, esse veículo vai ser possível ser abastecido com gasolina ou diesel. O carro ainda conta com transmissão CVT e seis marchas. Esse automóvel é capaz de chegar a 100 km/h em menos de 15 segundos. Por fim, a previsão é que esse carro ainda chegue neste ano de 2018.

Se você deseja saber outros dados acesse: https://www.mitsubishimotors.com.br.

Por Isabela Castro

Mitsubishi Outlander 2019


Nikola One: Caminhão híbrido-elétrico com autônomia de até 1.920 km


Projeto da marca conta com seis propulsores elétricos e garante uma autônomia de 1920 km

Muitas empresas do setor automotivo estão investindo altamente no desenvolvimento de motores movidos a novas fontes de energia. É neste contexto que assim como a fabricante de veículos automotores Tesla, a Nikola Motors, empresa que também tem o seu nome inspirado em um dos grandes gênios da engenharia eletrotécnica e mecânica, está trabalhando a todo vapor no projeto de novos veículos propulsionados por eletricidade. Dessa vez, a empresa apresentou oficialmente o projeto de um caminhão híbrido, este projeto da empresa acabou impressionando bastante não só público, mas também diversos especialistas do ramo automotivo, pois além de ter sido empregado um alto grau de tecnologia o veículo possui uma excelente autonomia.

Essa grande inovação da Nikola foi batizada com o nome de Nikola One, este caminhão é equipado com nada mais nada menos que seis propulsores elétricos, sendo que cada um deles tem a capacidade de gerar uma potência combinada de 2027 cavalos e um torque de mais de 500 Kgfm. A autonomia deste caminhão é de incríveis 1920 quilômetros, mas o veículo conta com o auxílio de um extensor de autonomia que é movido a gás natural.

Segundo os dados estatísticos da Nikola Motors, este caminhão possui a capacidade de acelerar de 0 a 100 Km/h, totalmente carregado, em apenas 30 segundos, tempo este que é a metade do tempo utilizado por um caminhão convencional propulsionado a diesel.

No projeto deste caminhão, a empresa alocou dois motores elétricos em cada eixo, sendo que ele conta com um sistema de suspensão independente em suas seis rodas, outra grande inovação é a presença de freios do tipo regenerativo, os quais possuem a capacidade de fazer a recarga da bateria durante as frenagens.

No interior da cabine, o painel de instrumentos chama bastante atenção devido ao fato de ter sido feito com a utilização de displays digitais de 10 e 15 polegadas e para quem acha que as novidades tecnológicas pararam por aqui, o veículo possui internet 4G sem fio, televisor com tela de 42 polegadas, teto solar, forno micro-ondas, freezer, geladeira e até mesmo duas camas, itens estes que proporcionam um conforto excepcional para os condutores que trabalham realizando viagens de longas distâncias.

Todo esse conjunto de equipamentos é alimentado por um grupo de baterias que fornecem 320 kWh e permite com que os usuários utilizem todos os aparelhos elétricos por um período de até uma semana.

Com relação ao preço dessa maravilha tecnológica, os valores destes caminhões irão variar de US$ 350 mil podendo chegar a até US$ 450 mil, preços estes que convertidos em moeda nacional ficariam em torno de R$ 1,2 milhão e R$ 1,57 milhão, respectivamente.

Por Adriano Oliveira


Rinspeed Etos – Novo Carro Híbrido com Drone e Base de Pouso


Lançamento do novo carro acontecerá durante a CES 2016.

Criado por meio do híbrido esportivo BMW i8, o Rinspeed conseguiu fazer a reunião do melhor bólido germânico com uma versão totalmente inovadora de seu interior, além do fato de utilizar e abusar de um drone que possui como plataforma mais do que uma simplória base para pouso.

Não há como negar que o design do Rinspeed Etos está ligado de forma íntima ao do BMW, porém, há um bom nível de exclusividade, principalmente na parte de trás, cuja vigia foi retirada para que fosse feita a inserção de uma plataforma para que seja realizado o pouso de um drone.

Um dos detalhes mais interessantes é que somente nesta base há a presença de 12 mil LEDs individuais, os quais têm como função fazer a reprodução de imagens e mensagens. Nesse caso não é nem necessário salientar que o drone está interligado com o Rinspeed Etos por meio de um GPS, que pode fazer o acompanhamento dele em todo o percurso, retornando para a base quando necessário.

Na parte interna, porém, o motorista e o passageiro irão conseguir ter uma experiência bem distinta daquela do i8, uma vez que o painel foi substituído por uma nova arquitetura, a qual disponibiliza duas telas de, nada mais na menos que 21,5 polegadas e com formato curvo. Estas telas possuem tecnologia ultra HD e fazem com que o ambiente fique como uma bela sala de estar sofisticada.

No momento em que o Rinspeed entra no modo autônomo a sua coluna de direção é retraída e o seu volante dobra, fazendo com que, no mesmo instante, as duas enormes telas curvadas surjam. Desse modo, o condutor, sem sombra de dúvida, sente-se como se estivesse em um aconchegante espaço de entretenimento. Com relação ao sistema sonoro, ele é de alta qualidade e desenvolvido pela Harman.

Para aqueles que gostaram da notícia e ficaram curiosos para ver ou saber maiores notícias a respeito desse bólido, ele estará presente na CES 2016, evento que ocorrerá nos Estados Unidos, na cidade de Las Vegas.


Carro Elétrico e a Hidrogênio não terão Imposto de Importação


Governo Federal zera imposto de importação para veículos movidos a Eletricidade e Hidrogênio.

Em busca de novas opções para diminuição da poluição, o Governo Federal diminui para zero o percentual de importação para modelos veiculares movidos unicamente a partir da eletricidade ou do combustível hidrogênio.

Para carros elétricos ou movidos a hidrogênio, o imposto que era de 35% e agora cai para 0%, enquanto os veículos híbridos que combinam a propulsão elétrica com outro combustível envolvido terão alíquota de 7%, variando conforme a potência do veículo e a eficiência energética do modelo.

A medida tomada pelo Governo Federal entra em vigor a partir do dia 27 de outubro de 2015, porém, valerá somente para modelos que tenham autonomia de no mínimo 80 quilômetros a cada recarga. Unidades importadas, tanto desmontadas quanto semidesmontadas, serão beneficiadas pela medida.

O Ministério do Desenvolvimento, Indústria e de Comércio Exterior informou que o Brasil busca com essa atitude se inserir em novas formas tecnológicas com baixo consumo de combustível, eficiência energética cada vez maior e reduzir a emissão de poluentes dos veículos automotores.

Atualmente o mercado brasileiro conta com um pequeno nicho de opções veiculares nesse segmento. Os chamados carros “verdes”, que tem emissão mínima ou nula de poluentes na atmosfera, ainda não se popularizaram por aqui. Mas essa medida tem por objetivo permitir que cada vez mais apareçam opções ecológicas por aqui, tanto com fabricação local quanto de fora do país.

A maior barreira encontrada pelo segmento ainda é o alto custo na aquisição dos modelos, pois segundo a Associação Brasileira do Veículo Elétrico, o Brasil possui em torno de 3 mil unidades compreendendo veículos elétricos ou híbridos.

O único modelo elétrico comercializado no país atualmente é o BMW i3, lançado em 2014 no valor 226 mil reais. Para o modelo híbrido, o país conta com a comercialização de 5 modelos: o esportivo BMW i8 por R$ 799.950,00, o Mitsubishi Outlander PHEV por quase 200 mil reais, o Ford Fusion por 142 mil reais, o Lexus CT200 por 134 mil reais e o modelo mais barato do segmento o Toyota Prius por 116 mil reais.

Jean Fretta Pereira


Toyota Prius poderá ser produzido no Brasil a partir de 2018


Toyota pode fabricar Prius no Brasil em 2018. Intenção da montadora é reduzir o preço do carro no país.

Segundo as informações dos bastidores da montadora japonesa Toyota, há a intenção da montadora de fabricar o Toyota Prius (o qual é um veículo híbrido) aqui no Brasil a partir do ano de 2018.

Esse veículo já existe aqui no Brasil, atualmente ele está na sua terceira geração e é comercializado por cerca de R$ 120 mil, mas até hoje só conseguiu vender apenas 400 unidades. A principal justificativa que a montadora possui para investir nessa quarta geração aqui no país é devido ao fator de que se essa geração for produzida exclusivamente aqui, esse veículo conseguirá se livrar das altas taxas cobradas pela sua importação e consequentemente o seu valor seria oferecido ao consumidor final por um preço bem mais baixo do que o atual citado acima.

A princípio a ideia da montadora é utilizar a sede de São Bernardo do Campo, no estado de São Paulo, para que sejam montados os kits importados pré-moldados (CKD), sendo que a expectativa da empresa é de produzir cerca 1,5 mil veículos anualmente, entretanto, essa notícia ainda é só uma especulação de bastidores, uma vez que a Toyota do Brasil ainda não fez a divulgação oficial de nada a respeito desse assunto e afirma que nenhuma decisão ainda foi tomada.

Por mais que muitos digam que as condições econômicas do Brasil sejam um empecilho muito grande para o sucesso desse tipo de veículo aqui no país, a Toyota acredita que se inserir um modelo híbrido e com valor mais em conta aqui no Brasil, a médio e a longo prazo, com os governos impondo normas ambientais mais severas e com os motoristas cada vez mais conscientes a respeito da questão ambiental, os modelos híbridos possam se tornar uma realidade no país, mas mesmo sem incentivos nesse sentido, alguns exemplares do Toyota Prius já podem ser encontrados nos grandes centro urbanos, como por exemplo na cidade de São Paulo, onde já há taxistas trabalhando com esse modelo, os quais têm elogiado bastante o veículo devido ao seu reduzido consumo de combustível.

Sobre o Toyota Prius:

O Toyota Prius é um veículo híbrido, ou seja, que utiliza gasolina e também eletricidade. O carro foi produzido pela primeira vez no ano de 1997 e até hoje é considerado um ícone dos carros híbridos. No ano de 2010 o veículo, que está em sua 3ª Geração, foi considerado o carro com maior economia de combustível dos Estados Unidos, título concedido pela Agência de Proteção Ambiental dos Estados Unidos (EPA). No Brasil, o início das vendas do Toyota Prius aconteceu no início do ano de 2013. 

Por Adriano Oliveira


Hyundai Sonata Híbrido 2015 é lançado no Salão do Automóvel de Seul


O Salão de Seul contou com uma novidade apresentada pela Hyundai durante o evento neste ano. A montadora lançou o Sonata Híbrido 2015.

O modelo conta com um motor a combustão, sendo que ele é de quatro cilindros 2.0. O propulsor tem uma potência de 156 cavalos e um torque de 19,27 mkgf. O bloco elétrico conta com um adicional de 52 cavalos de força e torque de 20,9 mkgf.

Em termos de consumo médio, o Sonata Híbrido terá 18 km/l, sendo 0,5 litros mais econômico do que o modelo anterior do veículo. A transmissão é automática de seis marchas.

Isso faz com que o Sonata Híbrido tenha uma elevação de 13,3% na sua capacidade de bateria de íons de lítio.

Com relação aos aspectos visuais, o Sonata Híbrido conta com adaptações aerodinâmicas. Uma delas foi a instalação de um difusor traseiro. As rodas do modelo agora estão disponíveis com aros 16 e 17 polegadas.

Automóveis híbridos

Um carro híbrido elétrico tem um motor de combustão interna, sendo que o mesmo é, geralmente, movido a gasolina. O veículo também apresenta um motor elétrico que deixa possível reduzir o esforço do propulsor de combustão. Isso faz com que aconteça uma redução do consumo e na emissão de gases.

sonata-hibrido-2015


Honda Grace Hybrid – Carro híbrido é lançado no Japão por US$ 16 mil


No Japão, a Honda fez o lançamento do Grace Hybrid. O modelo equivale ao City (que é vendido no Brasil e também no sudeste da Ásia).

O modelo traz como novidade uma maior distância no seu entre-eixos, parecido com que é encontrado no Accord Hybrid. O sedã também conta com uma maior abertura para as portas de trás, além de apresentar um porta-malas com capacidade de 430 litros. Esses fatores foram possíveis, pois o powertrain híbrido se encontra instalado no assoalho do veículo.

O Grace Hybrid conta com motor elétrico. Ele é equipado em conjunto com o bloco a combustão 1.5. O veículo tem uma transmissão DCT de seis marchas. Segundo dados da marca, o consumo médio no seu modo elétrico fica em 34,4 km/l. Isso equivale 2,9 litros para cada 100 km.

O Honda Grace Hybrid vai ser lançado no mercado japonês com um custo de US$ 16,4 mil para sua versão standard (tração FWD). Para a versão com tração AWD, o preço do modelo fica em US$ 18 mil.

Automóveis híbridos

Um automível híbrido elétrico conta com um motor de combustão interna, geralmente movido a gasolina. Ele também conta com motor elétrico que possibilita reduzir o esforço do motor de combustão, que faz com que haja uma redução do consumo e também na emissão de gases.

honda-grace-hybrid


Lamborghini Asterion LPI 910-4 – Primeiro carro híbrido da montadora foi apresentado no Salão de Paris


Se uma fabricante de automóveis pode ser considerada arrojada no desenvolvimento de seus veículos, a Lamborghini certamente e uma delas. Ela é especializada em investir boas cifras na produção de automóveis que são desenhados para serem mais rápidos e também mais caros.

A crise do petróleo e a urgência em alternativas para estabelecer um planeta sustentável levaram diversas fabricantes a desenvolverem carros mais ecológicos. Até então, a Lamborghini não se apresentava interessada nesse tipo de conceito. Mas isso mudou.  

A montadora italiana revelou o Asterion LPI 910-4, sua primeira incursão em veículos de motores elétricos. No Salão do Automóvel de Paris, na França, a fabricante apresentou o seu mais novo protótipo de primeiro veículo com motor misturada a potência de combustível e eletricidade.

O Asterion LPI 910-4 tem um motor normal de 5,2 litros V10 com potência de 610 cavalos e uma velocidade máxima que pode chegar até 320 km/h. Bem rápido, não? O motor elétrico que impulsiona as rodas dianteiras do automóvel oferecem 300 cavalos de potência extra, o que torna o modelo da Lamborghini bastante potente mesmo sendo híbrido. Isso traz à tona o conceito de que carros híbridos não conseguem ser tão potentes.

O Asterion tem baterias de lítio em seu motor elétrico. Elas estão localizadas atrás dos bancos e contribuem para que o veículo passe a pesar cerca de 250 kg. No entanto, o restante do corpo do automóvel é desenvolvido com materiais bastante leves para compensar o peso do motor híbrido.

Enquanto alguns questionam a inserção da Lamborghini no mercado de motores híbridos, a montadora italiana continuará a fabricar carros superpotentes, continuando com sua fama de carros rápidos. A casa italiana também se esforçará para provar que o Asterion é um automóvel atraente e de baixo consumo. Conforme divulgado pela fabricante, o novo carro consome apenas 4,12 litros de combustível por 100 km, o que é incrível! Outros modelos da mesma marca chegam a consumir uma média de até 16 litros. Por outro lado, utilizando apenas os motores elétricos, o Asterion consegue rodar por 50 km em uma velocidade de até 125 km/h, número semelhante ao dos melhores híbridos do mercado global.

Por William Nascimento

Lamborghini Asterion LPI 910-4

Lamborghini Asterion LPI 910-4

Lamborghini Asterion LPI 910-4

Lamborghini Asterion LPI 910-4

Fotos: Divulgação


Chevrolet Volt terá sua 2ª geração lançada em breve


Muito novo ainda no mercado, até porque fazendo as contas o Volt só conta com quatro anos. De qualquer forma tem novidade surgindo na área. Recentemente foi anunciado pela fabricante que a segunda geração deve estar prestes a chegar.

Tudo pelo que sofreu, ou melhor, as principais reformulações que o carro teve serão de antemão as principais atrações desse híbrido durante a realização do Salão de Detroit. De fato o evento ainda vai demorar um pouco para acontecer. Enquanto isso, o que a montadora tem feito é “colocar lenha” na fogueira da curiosidade das pessoas. Este semana, por exemplo, foi liberado um teaser do carro.

Nada de mais, na realidade já que na imagem aparece o carro muito bem camuflado junto com Andrew Farah, o engenheiro-chefe da marca.

Essa seria a parte em que entraríamos nos detalhes que serão apresentados pelo novo modelo. Mas como quase nada foi divulgado a coisa toda ainda é uma bela de uma surpresa (e esperemos que seja de boa qualidade).

Mas quando não há detalhes oficiais o que não vem a faltar são os rumores que surgem quase que simultaneamente em diversos sites especializados. Levando em consideração as expectativas espera-se que o modelo chegue ao mercado equipado com um bloco que tenha potencial de rodar no modo elétrico na faixa de velocidade entre os 80 e 100 quilômetros com apenas uma carga. Vale destacar o fato de que no momento atual essa autonomia (no modelo elétrico) não passa dos 61km.

Outra novidade, e essa está mais para certeza, é a questão de que o novo Chevrolet Volt será fabricado usando a mesma plataforma da nova geração do Cruze. Esse pequeno aspecto vai acabar por contribuir para que o peso do carro diminua. Atualmente ele pesa algo em torno dos 1.175 kg.

A parte que provavelmente vai agradar um número maior de pessoas é o fato de que o novo modelo vai custar mais barato. A primeira vista os preços devem começar em R$ 61.300.

Por Denisson Soares

Chevrolet Volt camuflado

Chevrolet Volt camuflado

Chevrolet Volt camuflado

Fotos: Divulgação


BMW i8 – Novo esportivo híbrido será vendido no Brasil em breve


Foi anunciado pela empresa BMW o novo esportivo híbrido i8, que será vendido em breve no Brasil. A data de chegada ainda não está definida, porém, é um veículo que garante ao condutor bastante velocidade, além da alta performance que possui.

Diante disso, é importante destacar que ele é o primeiro veículo “híbrido plug-in” da fabricante e será comercializado na Europa e nos Estados Unidos a partir deste mês de junho. O modelo combina motorização a combustão e elétrica.

A novidade do motor a combustão é que será o TwinPower Turbo 1.5 a gasolina, de três cilindros e injeção direta, que consegue gerar potência máxima de 231 cv e torque máximo de 32,6 kgfm. Com isso, a parte elétrica é alimentada por bateria de íons de lítio instalada na parte central embaixo do assoalho, a qual desenvolve potência máxima de 131 cv e torque de 25,5 kgfm.

A fabricante do veículo afirma que além da resposta gerada pelos motores elétricos, a potência do carro também pode ser produzida até o limite de giros, graças ao design especial que permite que o motor elétrico continue a fornecer torque em altas rotações. O resultado obtido de um carro desse porte foi 362 cv e 6,1 kgmf de torque, de acordo com os dados elencados pelo fabricante.

Ressalte-se que é um carro bem potente e consegue acelerar de 0 a 100 km/h no tempo mínimo de 4,4 segundos, com um consumo de combustível de 47 km/l. Assim, o motor elétrico impulsiona o veículo sozinho por 37 km de distância, a uma velocidade máxima de 120 km/h. Por fim, o motorista tem a opção de escolher diferentes modos de condução, como: Comfort, Sport, Eco Pro, na modalidade híbrido; e Comfort e Eco Pro, se estiver no modo elétrico. Indubitavelmente, a chegada do BMW i8 ao mercado será um marco para a indústria automotiva, uma vez que ele é o único veículo no mundo que alia esportividade com as preocupações da sociedade moderna. 

Por Luciana Viturino

BMW i8

Foto: Divulgação


Brasil quer incentivar produção de elétricos e híbridos


Os veículos apelidados de “verdes” no mercado atual pagam mais impostos que os carros convencionais. Entretanto, com o fim do período de carnaval já são esperadas taxas com descontos. Confira os detalhes:

Com o objetivo de ficarem mais baratos e populares, os carros que apresentam uma baixa ou uma emissão nula deverão ganhar incentivos. A redução dos preços em questão será voltada para os modelos que sejam híbridos ou elétricos.

A novidade já estava prevista, mas deverá começar com uma certa força no período pós carnaval. Ao menos essa foi a ideia expressa pelo presidente da Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores (Anfavea).

O assunto parece estar caminhando com passos firmes até porque foi um dos assuntos mais discutidos na Comissão de Assuntos Econômicos do Senado, sessão que foi requerida pela senadora Ana Amélia, que é partidária do PP – RS e foi realizada na terça dia 25.

Entre os diversos detalhes positivos que envolvem o tema Moan antecipou que eles vão do incentivo para a produção de carros verdes em terras nacionais quanto para a importação desses veículos. Outro detalhe importante, é que para beneficiar e de certa forma chamar a atenção para a ação será criada uma espécie de complementação ao programa Inovar-Auto uma vez que a categoria em questão será a responsável por gerar menos poluição.

Segundo o presidente da Anfavea, o plano proposto pela Associação ao governo tem seus fundamentos em três etapas: a primeira delas tratará de propor a redução do Imposto sobre os Produtos Industrializados – o famoso IPI – que no momento atual do mercado tem um percentual de 25% para modelos de veículos híbridos e elétricos. A título de curiosidade isso é quase que o dobro da tributação cobrada em relação aos veículos movidos com motor a combustão no mercado brasileiro.

A ideia toda é boa, mas vai ser demorada. Para se ter uma noção disso o segundo passo do projeto deverá levar algo em torno de três anos período em que está prevista a nacionalização dos componentes para os veículos verdes.

Por fim, a última etapa que terá uma fase de dois anos prevê a fabricação de carros alternativos no Brasil.

O projeto em si já está adiantado e depende basicamente do apoio a ser dispensado pelo governo.No mais a previsão é de que o primeiro carro verde que tem boas chances de estrear por aqui já nacionalizado será o Toyota Prius. Sem os “detalhes” do IPI o preço do híbrido poderia em tese baixar dos R$ 120 mil atuais para menos de R$ 100 mil. É esperar para ver.

Por Denisson Soares

Foto: divulgação


Recall do Toyota Prius será realizado no Brasil – Problemas no sistema híbrido do carro


O recall mundial anunciado pela Toyota recentemente, para o seu famoso automóvel híbrido, o Prius, envolvendo 1,9 milhão de unidades do carro que combina o motor a combustão, movido a gasolina, com um propulsor elétrico, fabricado entre os anos de 2009 e 2014, também será realizado no Brasil.

O chamado da montadora japonesa deve-se a um problema detectado no sistema híbrido do carro, que pode provocar a paralisação do veículo, na pior das hipóteses, enquanto ele estiver sendo dirigido. Segundo a Toyota, a origem da falha está no programa do módulo de controle do inversor do sistema híbrido.

Ainda de acordo com a nota oficial da marca asiática, divulgada em seu site oficial, quando o software é bastante exigido, ele pode superaquecer, ser reinicializado e fazer com que o Prius entre no modo de segurança, diminuindo a potência disponível e a velocidade do veículo, aumentando os riscos de acidentes, dependendo do local em que o automóvel estiver circulando. Apesar disso, a Toyota afirma que nenhum acidente causado pela falha foi registrado até o momento.

O recall do Toyota Prius no Brasil envolve os híbridos fabricados entre os dias 16 de julho de 2012 e 14 de junho de 2013, modelos ZVW30L-AHXEBW, código alfanumérico JTDKN36U** e últimos sete dígitos do chassi de 1579250 a 1698866.

Os proprietários desses modelos devem levá-los à concessionária Toyota mais próxima para que seja feito o reparo no componente afetado. A reprogramação do módulo do inversor do sistema híbrido do carro, que elimina o defeito citado, é totalmente gratuita, mas precisa ser agendada com antecedência.

Outros detalhes sobre o reparo podem ser encontrados no site www.toyota.com.br e também através do Serviço de Assistência ao Cliente Toyota, que funciona no telefone 0800-703-0206 (ligação gratuita) e atende de segundas a sextas-feiras, entre as 8h e as 17h. Nesses canais de contato é possível verificar o endereço da rede autorizada da marca em todo o Brasil.

Por André Gonçalves

Recall Toyota Prius

Foto: Divulgação


Yamaha Motiv – Novo carro elétrico e compacto apresentado no Salão de Tóquio


A novidade da Yamaha traz o carro elétrico Motiv que está sendo apresentado no Salão de Tóquio. O evento  vai até o dia 1º de dezembro e a  novidade da montadora pode combinar o uso da gasolina com o motor elétrico sendo possível até mesmo uma combinação híbrida entre os dois modos.

O pequeno compacto de dois lugares ainda está em fase de desenvolvimento e testes, porém o minicarro já promete ser um sucesso no futuro próximo, já que atraiu a atenção do público feminino desde o início do evento – visualmente falando. 

A fabricante conta com a parceria do estúdio Gordon Murray Design que leva o nome do renomado designer de carros da Fórmula 1, o Prof. Ian Gordon Murray e que também  já teve outras parcerias da categoria ultracompacto. As dimensões do Motiv são: 2.690 mm de comprimento X 1.470 mm de largura X 1.480 mm de altura distribuídos em um peso total de 730 quilos.

O modelo possui controle de estabilidade e tração, freios ABS e airbags de fábrica. O sistema de produção utilizado é o iStream.

A Yamaha até então conhecida principalmente no mundo das duas rodas, visou à preocupação em relação ao trânsito das grandes metrópoles além da falta de espaço para a circulação de carros, daí o porque do seu tamanho.

O sucesso dos motores elétricos deverá alcançar o seu pico máximo apenas nos meados de 2020 e poderá representar até 48% de crescimento ao ano, segundo pesquisadores da China e Japão. O Motiv é uma promessa mais próxima e até 2016  pretende ter a sua popularização assim como o Renaut Twingo e o Ford Ka, modelos compactos que já atingiram altos índices de vendas nos anos 1990 e  2000. A novidade segue a mesma linha dos modelos já apresentados como Honda P-NUT Smart Fortwo, Mitsubishi i e Toyota iQ.  

Por Luciana Ávila

Yamaha Motiv

Foto: Divulgação


Audi Sport Quattro Concept – Novo modelo esportivo híbrido


Audi Sport Quattro ConceptA Audi finalmente revelou o veículo conceito que indica qual será o sucessor do Sport Quattro, lendário modelo da marca que foi um imenso sucesso nos rallys e nas ruas durante a década de 1980.

O nome escolhido foi Sport Quattro Concept e o veículo esportivo do tipo híbrido irá ser apresentado ao público na semana em que ocorre o Salão de Frankfurt, na Alemanha, entre os dias 12 e 22 de setembro.

Instrumentado com um sistema do tipo híbrido, que se completa com uma motorização a combustão 560 cv e V8 4.0 acoplado de um propulsor elétrico (110 kW), o modelo Sport Quattro chega a entregar uma potência em combinação de 700 cavalos e 81,6.

Apesar da empresa manter a afirmação de que o carro-conceito Sport Quattro foi desenvolvido com a utilização de leves materiais como polímero de fibra reforçado e alumínio, pesando 1.850 quilos com a inclusão das baterias, o carro consume uma média de 46 km/l. A empresa pretende, com esta inovação, conseguir destaque entre os inúmeros modelos presentes no Salão de Frankfurt e apresentar novidades aos seus clientes.

Por Marcelo Araújo


Honda Fit – Nova geração terá modelo híbrido


Novo Honda Fit A montadora japonesa apresentou a terceira geração do modelo Fit, também conhecido como Jazz. O Honda Fit está com novo estilo e bem diferente de seus antecessores.  

Ele ganhou, em seu exterior, vincos mais abertos e mais profundos. A lanterna traseira é um pouco mais esticada, bem semelhantes ao do modelo Volvo. Sua dianteira recebeu um novo visual, mais elegante e moderno.  

De acordo com a Honda, o novo Fit virá com três versões de motores: 1.3 de 99 cavalos de potência; 1.5 de 130 cavalos de potência; e um motor híbrido Atkinson 1.5 de quatro cilindros. Nesta versão, o automóvel será o primeiro a receber a Sport Hybrid Intelligent Dual Clutch Drive (i-DCD), com transmissão de dupla embreagem de sete velocidades. Essa transmissão com o motor Atkinson faz o Fit percorrer 36,4 km/l.  

A companhia diz que o sistema i-DCD é uma boa evolução do sistema híbrido IMA. Já o motor elétrico do IMA está entre o motor a combustão e o câmbio, e o i-DCD já está no câmbio.  

No Japão, o modelo será comercializado em setembro deste ano.  

O Fit híbrido está disponível com três modos de condução: híbrido, convencional e EV. Isso significa que o veículo pode comportar-se como totalmente elétrico, como um veículo híbrido ou como um veículo comum.

Por André Barbosa


Novo Ford Fusion híbrido – Lançamento em breve


Novo Ford Fusion híbrido Se você procura por uma alternativa mais barata e sustentável para dirigir pode começar a ficar feliz.

Foi confirmado que um novo veículo da Ford chegará ao mercado no segundo semestre de 2013. Trata-se do novo Fusion, que virá na versão híbrida e contará com dois motores, um a base de combustão e outro movido a eletricidade.

À princípio o veículo funcionará da seguinte forma: o motor a combustão será responsável por tracionar as rodas e recarregar a bateria do veículo quando esta já se encontrar descarregada. O Inmetro já realizou testes e emitiu o selo de garantia que comprova que este novo veículo faz quase 17 quilômetros por litro de combustível.

A Ford já possui um modelo em funcionamento nos Estado Unidos que registra potência de 188 cavalos. Ainda está longe do ideal, mas esta iniciativa da Ford demonstra que as montadoras estão preocupadas em produzir carros que agridam menos o meio ambiente. 

Por Fernando Setoue


Hybrid Air – Carros híbridos movidos a ar comprimido


A indústria automotiva francesa PSA Peugeot Citroën apresentou um novo tipo de carro híbrido que não usa a eletricidade como combustível e sim o ar comprimido. O chamado Hybrid Air serve como uma fonte de propulsão que age juntamente com um motor movido a gasolina, desta forma o carro permite que os veículos como Citroën C3 ou o Peugeot 208 produzam somente 69g/km de CO2.

O Hybrid Air possui um motor a gasolina convencional ligado a uma transmissão automática epicyclic sob medida que é composta por uma engrenagem central com várias engrenagens ao redor ligadas ao eixo, assistido por um bom motor hidráulico que se alimenta por ar comprimido. Um compressor e a bomba de ar são posicionados pela frenagem regenerativa enchendo o compartimento de ar para que o combustível seja gerado.

O carro só se move por meio de gasolina, ar ou os dois juntos como é feito com o carro híbrido elétrico.

O  Hybrid Air é destinada ao uso urbano que quando tem carga funciona até 70 km/h. Essa tecnologia pode economizar até 45% de combustível.

PSA Peugeot Citroën estima que os primeiros carros a usar o Hybrid Air serão lançados somente em 2016.

Por Mariana Rodrigues


Carros Ecológicos – Informações


Adquirir um automóvel facilita a vida de todos, porém os carros convencionais, movidos à gasolina, etanol e diesel prejudica a saúde do ser humano, como também prejudica o meio ambiente e. pensando nisso, a indústria automobilística está se aprofundando nas pesquisas para desenvolver carros ecológicos.

A indústria automobilística está se empenhando para produzir o automóvel híbrido, cujo carro é movido tanto pela eletricidade, quanto pelo petróleo. Mas no Japão, desenvolveram os automóveis movidos somente pela eletricidade e já estão se tornando bem populares entre os japoneses.

Um carro solar, conhecido mundialmente como Nuna II, foi construído por estudantes de uma universidade holandesa e venceu um evento chamado Desafio Solar Mundial (World solar Challenge), na Austrália. o carro percorreu 3.000 km pela Austrália em uma velocidade de 97 km/h.

Uma montadora na China desenvolveu um carro chamado YeZ, que em mandarim significa “folha”, pois é baseada na fotossíntese dos vegetais. Esse carro absorve CO2 da atmosfera liberando o oxigênio. Ele é movido de energia vinda pela luz do sol no teto e de energia eólica, realimentada nas rodas através de algumas pás, mas ainda está em fase de teste.

Conheça um pouco mais sobre carros elétricos:

http://exame.abril.com.br/topicos/carros-eletricos

http://www.abve.org.br/

Vídeo do Nuna II:

http://www.youtube.com/watch?v=YLfBuqzfGqK

Vídeo do automóvel YEZ:

http://www.youtube.com/watch?v=pObxCXhf9-E

Por Mariana da Silva


Carros Híbridos – Toyota deve lançar 21 Novos Modelos até 2015


De acordo as informações da Toyota, a empresa tem o objetivo de lançar pelo menos 21 modelos híbridos para os próximos 3 anos. Dentro do grupo destes 21 veículos, 14 serão completamente novos e a montadora tem planos de chegar à marca de 1 milhão de unidades comercializadas começando em 2013. Na previsão que totaliza todas as vendas da empresa neste período, a parcela referente aos híbridos é de 10%.

A Toyota ainda soltou informações de que, em 2015, produzirá um veículo que se movimentará com a utilização de pilha a combustível, que, a partir de uma reação química, produz energia elétrica. Fora essas novidades, a marca passa a comercializar o elétrico eQ nos mercados japonês e norte-americano. Este veículo terá somente 100 unidades comercializadas e o foco das vendas são empresas de frota. O valor inicial do automóvel elétrico será de R$ 90 mil, sendo que o veículo apresenta autonomia para rodar 100 quilômetros entre as recargas da bateria.

A tradição da Toyota em carros híbridos teve início no ano de 1997, quando lançou o pioneiro Prius. Um dos grandes desafios da empresa é conseguir aumentar as vendas deste tipo de veículo em mercados emergentes como o brasileiro.

Por Marcelo Araújo


Carro Ecológico – Brasil deve entrar para esse time em 2014


As regras acerca do índice de emissão de gases poluentes no meio ambiente são expressivamente mais rígidas na Europa do que na América do Sul. O controle dos órgãos responsáveis também é mais presente. Nesse sentido, as empresas têm investido cada vez mais em automóveis híbridos e elétricos, a fim aumentar a produção de carros ecológicos no continente Europeu.

Mesmo situado na América do Sul, o  Brasil poderá integrar esse time a partir do ano de 2014, uma vez que a BMW confirmou as vendas do i3, seu modelo compacto.

Em 2015, a montadora prevê também a chegada do i8. Desse modo, o mercado brasileiro de autos receberá dois grandes investimentos, que apesar do alto valor, se configurarão como excelentes opções de sustentabilidade sobre quatro rodas.

O principal diferencial do i3 reside nas modernas baterias de íons de lítio. Através delas, o carro terá autonomia de 160 km, antes de parar para recarregá-lo por aproximadamente 6 horas.

O i8, por sua vez, é um modelo diesel-elétrico (híbrido) e atinge 100 km/h em menos de 5 segundos. A alta performance não impede que o automóvel seja bastante econômico, pois consome 33 km/l de combustível.

Por Larissa Mendes de Oliveira


Ford – Montadora investe US$ 135 milhões na fabricação de motores elétricos


Ford.

Uma matéria publicada no site Automotive News, aponta que a Ford está investindo US$ 135 milhões para o desenvolvimento e testes de algumas tecnologias que serão utilizadas para a fabricação de motores elétricos.

A montadora, segundo a publicação, aumentou também o número de profissionais engajados neste projeto para 1.000 pessoas com a contratação de 60 novos engenheiros.

A fabricante apontou que as ações vão reduzir o custo final de um sistema híbrido em cerca de 30%. A empreitada também fará com que se acelere em 25% o desenvolvimento da tecnologia.

A previsão é que até o final de 2012, cinco modelos da Ford com motor elétrico devem ser lançados. Entre os modelos estão carros que serão 100% elétricos, híbridos e híbridos plugin.

A Ford estima que até o ano de 2020, 25% de seus veículos comercializados sejam movidos de modo parcial ou total por motores elétricos.


Jaguar C-X16 Concept – Novo Carro Cupê Híbrido


Foram liberadas as primeiras imagens e informações sobre o protótipo do novo cupê híbrido da Jaguar, batizado de C-X16 Concept, que tem estreia prevista para o Salão de Frankfurt. O modelo, de acordo com a marca britânica, vai apresentar as tendências que a fabricante irá seguir em seus próximos lançamentos.

O esportivo de 2 lugares conta com chassi de alumínio, rodas de liga leve de 21 polegadas e acabamento em fibra de carbono na carroceria. Por dentro, as novidades são o revestimento em couro Alcântara, bancos esportivos, telas de LED e o sistema Connect and View, que serve para integrar smartphones ao veículo.

Na parte mecânica estão as principais novidades do conceito, a começar pelo conjunto híbrido, composto pelo motor Supercharged V6, de 3.0 litros, movido a gasolina, que entrega 380 cv de potência e torque de 45,8 kgfm, e pelo propulsor elétrico de 95 cv de potência e 23,6 kgfm de torque, que busca energia nas baterias de íon lítio de 1,6 kWh. O bloco elétrico pode ser acionado para adicionar uma potência extra ao bólido, através de um botão localizado no volante, assim como é feito nos carros de competição, como na Fórmula 1, por exemplo. Ele é recarregado por meio do sistema KERS, de recuperação de energia cinética.

Além de todo o desempenho, com velocidade máxima de 297 km/h, segundo a Jaguar, o conjunto mecânico é econômico e ecológico, consumindo cerca de 17,4 km/l de combustível e emitindo 165 g/km de CO2.

Fonte: Jaguar

Por André Gonçalves


BMW i8 Concept – Novo Carro Esportivo Híbrido


O outro veículo da linha ecológica apresentado pela BMW é o i8 Concept, desenvolvido a partir do protótipo Vision EfficientDynamics, que já havia aparecido em alguns eventos durante o ano de 2010. Trata-se de um cupê 2+2, com duas portas que se abrem na vertical e que, ao contrário do i3, é equipado com um motor híbrido.

Ele conta com o mesmo propulsor elétrico do hatch (que gera 172 cv de potência) e também com um bloco turbodiesel de 1.5 litro (que acrescenta outros 220 cv de potência e 30,5 kgfm de torque ao eixo traseiro). Segundo a BMW, os motores, em conjunto, levam o i8 a uma velocidade máxima de 250 km/h, limitada eletronicamente, enquanto o consumo fica em 15 km/l, podendo chegar a até 33 km/l, caso o modo econômico de condução seja ativado. O motorista pode ainda optar pelo uso apenas do bloco elétrico, que no esportivo tem autonomia de 32 km.

O i8 Concept; que tem estrutura constituída por componentes em fibra de carbono, alumínio e plástico; também será mostrado por completo em setembro, durante o Salão de Frankfurt, na Alemanha. As vendas da versão definitiva têm previsão de início em 2013.

Fonte: BMW

Por André Gonçalves


Ferrari pode produzir Carro Híbrido


A Ferrari está se rendendo aos carros híbridos. É o que diz a imprensa internacional, que especula sobre a produção de um propulsor híbrido pela tradicional fabricante italiana de esportivos. O novo bloco tem como base o motor utilizado no modelo conceitual 599 HY-KERS, apresentado em 2010, que por sua vez buscou inspiração na tecnologia aplicada nos carros da Fórmula 1.

O conjunto híbrido tem a parte elétrica composta por um propulsor, cuja bateria armazena a energia cinética liberada durante as frenagens, que é transformada em força mecânica para as rodas através do sistema de freios regenerativos. Somente o dispositivo, de acordo com a Ferrari, tem capacidade para gerar mais de 100 cv de potência, que foi o desempenho obtido no protótipo.

A dúvida é em qual modelo a tecnologia será aplicada. Os principais candidatos seriam o sucessor do 599 GTB Fiorano e o modelo California, sendo esta a opção mais cotada, uma vez que já conta com o sistema start-stop, um dos muitos componentes que também podem ajudar na economia de combustível e na redução da emissão de poluentes.

Segundo rumores, a nova Ferrari híbrida deve ser apresentada até o final do ano, e pode chegar às ruas em 2013.

Fonte: Autocar

Por André Gonçalves


Toyota Prius Alpha 2011 – Lançamento no Japão


Foi lançado, no dia 13 de maio, o Prius Alpha, modelo híbrido da Toyota que faz parte da família Prius. O lançamento do carro estava previsto para o mês de maio, mas por causa dos terremotos que castigaram o Japão, a apresentação só pode ser feita agora.

O modelo será vendido em duas versões, sendo uma de 5 lugares (Alpha) e outra com capacidade para 7 ocupantes (Prius +).

O compacto está previsto para ser vendido inicialmente nos países da América do Norte ainda em 2011. Já a versão station wagon, deve chegar à Europa só em 2012.

O Prius + terá um teto solar (item pela primeira vez presente em um veículo da Toyota) e virá equipado com um motor 1.8 e outro motor elétrico.

Em relação à versão Alpha, o Prius + ganhou mais 3 cm de largura e 8,5 cm a mais de altura. Além disso, o modelo apresenta amplo espaço interno, com capacidade de carga de até 535 litros (bancos rebaixados).

A apresentação da perua acontecerá em setembro no Salão de Frankfurt, na Alemanha.

Por Andrea Gomes


Jaguar C-X75 Concept – Produção e Lançamento em 2013


Apresentado no Salão de Paris, em 2010, o Jaguar C-X75 Concept vai ganhar uma versão de produção, que deverá ser comercializada a partir de 2013.

O superesportivo, produzido em parceria com a equipe Williams (da Fórmula 1), tem como destaque o bloco híbrido, que gera uma aceleração de 0 a 100 km/h em menos de 3 segundos, e que alcança mais de 320 km/h de velocidade máxima. O interessante é que, apesar deste belo desempenho, o motor emite apenas 99 g/km de CO2, menos que um carro popular. Ele é similar ao que a Williams quer utilizar nas próximas temporadas da Fórmula 1.

O conjunto é composto por um motor de alta potência, que funcionará como recarregador para os dois propulsores elétricos, localizados um em cada eixo. A maior parte dos dados técnicos não foi revelada pela marca britânica, mas ela afirma que, a princípio, o bólido rodará 50 km, antes de ligar o motor a combustão para recarregar as baterias. Outro fato interessante é que o belo visual do protótipo será mantido na versão de rua.

Serão produzidas apenas 250 unidades do C-X75, segundo o site Motor Authority, que vão custar cerca de 750.000 libras (R$ 1.983.000).

Por André Gonçalves


Imperia GP – Carro híbrido inspirado em modelos antigos


Os veículos da fabricante belga Imperia fizeram muito sucesso na Europa, no início do século XX. Ultimamente, a empresa estava meio sumida, mas em 2009 ela iniciou um projeto de carro híbrido, inspirado nos seus antigos bólidos. Foi assim que surgiu o Imperia GP, que finalmente deve ganhar as ruas em breve, segundo o site World Car Fans.

O visual remete aos seus antecessores, mas de antigo, somente a estética. O GP tem sob o capô um motor turbo 1.6, de 207 cv de potência, e um propulsor elétrico, capaz de gerar 134 cv de potência, que, se combinados, fazem o carro sair de 0 a 100 km/h em 4 segundos, um belo desempenho.

Segundo a fabricante, se utilizado apenas o motor elétrico, que é completamente recarregado em 4 horas e meia, o veículo tem uma autonomia de 70 km. Já a emissão de CO2 não passa de 50 g/km.

Por André Gonçalves


PSA Peugeot Citroën e BMW – Empreendimento conjunto para híbridos


As preocupações ambientais transcorrem há décadas, mas somente poucos anos atrás é que o senso popular passou a se preocupar, em parte pelos efeitos climáticos atuais, parte por um futuro nada promissor pressagiado em filmes de ficção científica – essas películas, aliás, buscam enfatizar tais problemas com base em dados da realidade.

O segmento de veículos automotores busca soluções para diminuir a emissão de poluentes na atmosfera e, por enquanto, tem encontrado algumas, mas longe para a realidade da maioria da população. Trata-se de automóveis elétricos e/ou híbridos, que prometem não apenas menores prejuízos à natureza, mas ao próprio bolso de seus condutores.

Os grupos PSA Peugeot Citroën e BMW decidiram, portanto, dar início a uma nova etapa em sua história ao edificar uma joint-venture, em igual divisão, denominada BMW Peugeot Citroën Electrification. De acordo com a assessoria de imprensa das marcas, a cooperação tem por objetivo a fabricação de componentes para veículos híbridos, bem como aplicativos para o funcionamento desses sistemas.

O escopo principal é padronizar e conceber componentes híbridos para a eletrificação dos modelos das marcas envolvidas. O início da empreitada está fixado para o segundo trimestre deste ano, desde que as autoridades competentes do setor da concorrência aprovem a ideia.

Por Luiz Felipe T. Erdei

Fonte: PSA Peugeot Citroën


Novo Chrysler 300 terá Versão Híbrida


A versão híbrida (com motores a gasolina e elétrico) do sedã 300 da Chrysler está programada para chegar em 2013 nos Estados Unidos.

O carro foi apresentado ao público durante o Salão de Detroit 2011, que está acontecendo nos Estados Unidos.

Outra novidade que o carro deve apresentar em 2013 é o câmbio automático de oito marchas.

A versão à gasolina do sedã deve chegar ao Brasil no segundo semestre de 2011. O carro deve custar cerca e R$ 135 mil.

A versão híbrida do 300 terá como concorrentes: o Série 5 (da BMW) e o A6 Hybrid (da Audi).

Por E.S


Rússia pretende lançar carro híbrido de baixo custo – Preço


O mercado para os carros híbridos vem se aquecendo cada vez mais. E agora é a vez de os russos entrarem na jogada. O multimilionário Mikhail Prokhorov apresentou o protótipo de um carro híbrido popular, que ele quer vender a um preço baixo, por um valor entre US$ 10 mil a US$ 14 mil.

Além do preço, a grande novidade do modelo, batizado de “E”, é que ele será equipado com dois motores elétricos e um a combustão (gás natural ou gasolina), que o fazem chegar a uma velocidade máxima de 128 km/h. O “E”, que sairá nas versões hatch e cupê, é fruto de uma parceria entre Prokhorov, o Grupo Onexim e a Yarovit, uma fábrica russa de caminhões, que querem colocá-lo à venda, segundo o jornal The New York Times, até o ano de 2012.

Pelo menos no preço, ele sairá em vantagem sobre o Honda Fit, que custará US$ 19.310 nos EUA.

Por André Gonçalves


Novo Hyundai Sonata Híbrido 2011 – Fotos e Preço


Na onda dos lançamentos de carros híbridos, agora é a vez de a Hyundai entrar no mercado americano com o Sonata Híbrido. O modelo conta com um motor elétrico e outro a combustão movido a gasolina.

A previsão de lançamento é para o inicio de 2011 e deve ocorrer inicialmente nos Estados Unidos e logo depois no mercado mundial.

No mercado norte americano o valor de venda deve girar em torno de US$ 26.545, preço muito atrativo para um veiculo que consegue rodar 15 km/L, econômico se levarmos em conta que é um carro de 171 cavalos de potência e tem um motor de 2.4 litros com cambio automático de 6 marchas.

Maiores detalhes poderemos acompanhar direto no site da montadora www.hyunday.com.

Por José Alberi


Salão de Paris 2010 exibe Carros menos Poluentes


O Salão do Automóvel de Paris acaba de abrir as suas portas, e o que se vê é uma situação quase inédita em se tratando de grandes marcas de automóveis: as maiores montadoras do planeta estão planejando um futuro mais limpo, com menor dependência do petróleo e emissões zero de poluentes.

Várias marcas exibem modelos que utilizam formas alternativas de combustível. O destaque fica para os híbridos, claro. Mas também há lugar para os 100% elétricos. E uma das empresas que aposta nesses últimos é a Renault-Nissan. A empresa, comanda pelo brasileiro Carlos Ghosn parece determinada em pular essa fase intermediária entre os carro elétrico e o automóvel à combustão.

A Renault-Nissan venderá dois modelos puramente elétricos: a van Kangoo e o sedã Fluence. Com o apoio de incentivos, os dois veículos serão vendidos na frança, Espanha e Israrel já em 2011.

Por Maximiliano da Rosa


Exagon Motors – Modelo Furtive e-GT – Carro Esportivo Híbrido


Um Cupê esportivo de linhas arrojadas, agressivamente esportivo e imponente, de aparência robusta sem perder a modernidade do design e que ainda alia desempenho e economia. É isso que a fabricante automotiva francesa Exagon Motors promete com o seu futuro lançamento, que deverá começar a ser produzido em 2012: o Furtive e-GT.

Será um modelo que vai combinar desempenho esportivo, urbanidade e economia com um conjunto híbrido que vai aliar dois motores elétricos que podem gerar 340CV de potência mais um motor a gasolina que reabastece os armazenadores de energia. Com autonomia de até 400 Km andando somente com as cargas das baterias, quando após este limite o motor a gasolina entra em funcionamento fornecendo mais autonomia adicional também na casa dos 400 Km. Com tanta força embaixo do capô o Furtive e-GT têm sua partida de 0 a 100 km/h na casa dos 3,5 segundos, de acordo com informações da Exagon Motors. No total o modelo poderá percorrer até 800 Km com um tanque de combustível.

Quando estiver à venda em 2012 com certeza representará uma opção em termos de carro híbrido bastante interessante, tanto do ponto de vista da esportividade e desempenho quanto do ponto de vista econômico.

Por Mauro Câmara

Fonte: Carro Online


Infiniti M35h – Lançamento de Veículo Híbrido


O investimento na produção de veículos híbridos e elétricos que vem se tornando tendência, principalmente em países da Ásia, chegou aos carros de luxo e grandes montadoras começam a investir na produção de modelos de luxo com esta configuração mecânica. É o caso da divisão de carros de luxo da Nissan, a Infiniti que está lançando um novo modelo híbrido, o M35h.

Trata-se de um sedã esportivo de linhas modernas, design equilibrado e extremamente luxuoso, que alia esta elegância com um desempenho razoavelmente limpo, pois eu motor elétrico de 50kW pode fazer o carro atingir até 80 Km/h, conforme informação da montadora. O outro motor que compõem o conjunto de motorização é um V6 3.5 a gasolina. Este modelo pode atingir a velocidade máxima de 250 Km/h com aceleração de 0 a 100 Km/h acontecendo em 5,9 segundos.

As vendas na Europa deste novo híbrido, que vem para aumentar a gama de opções de carros menos poluentes e mais econômicos, agora no segmento dos carros de luxo, devem começar no segundo semestre do ano que vem. E para 2013 a Infiniti está projetando um modelo totalmente elétrico que deverá ser um compacto luxuoso com capacidade para cinco pessoas, de desenho futurista que deverá se chamar EV.

Foto: Dream Car

Por Mauro Câmara

Fonte: G1


e-Quickie – Carro Elétrico movido a Energia Wireless


Ideias para o futuro não faltam. Principalmente quando o assunto é carro elétrico. A tecnologia para tornar esses veículos populares ainda tem muito o que evoluir para superar seus problemas. Um deles diz respeito ao tempo de recarga das baterias, que ainda é muito alto. Isso sem falar na disponibilidade dos postos para recarregá-las.

Pensando nesse problemas estudantes de uma Universidade na Alemanha projetaram o e-Quickie. O veículo usa um sistema totalmente diferente do atual. O veículo simplesmente retira a energia necessária para se locomover da própria estrada através de uma placa embaixo do veículo. A transmissão da energia é totalmente sem fio.

O peso do e-Quickie é de apenas 60kg, e ele pode atingir 40 km/h. A meta dos estudante é diminuir o peso do pequeno veículo para apenas 40 kg.

Por Maximiliano da Rosa


Opel Icona – Carro Híbrido Anfíbio deve chegar em 2050


Projetos para os veículos do futuro é que não faltam. E motivo para preocupação com o clima e a utilização dos recursos naturais também. Por isso veículos híbridos e elétricos deixaram de ser apenas uma utopia distante, e vão aos poucos ganhando as ruas, e se inserindo na realidade urbana.

E o projeto de um designer sueco vai além de apenas imaginar um veículo com propulsão elétrica. O carro-conceito Opel Icona além de utilizar uma fonte de energia limpa, pretende ser solução para outro problema: o avanço da maré causada pelo degelo das calotas polares.

O Ople Icona é um veículo elétrico. Ao mesmo tempo pode ser usado tanto para locomoção em terra firme como na água, o que faz dele um veículo anfíbio elétrico. E nessa situação ele pode se locomover usando o vento através de suas velas.

E como eu disse no início, o Icona é para o futuro. Mais especificamente para o ano de 2050.

Por Maximiliano da Rosa


Lotus Evora 414E – Novo Carro Híbrido Esportivo


Pelas notícias que correm por aí, não fica difícil perceber que muitas empresas estão em busca de produzir esportivos híbridos de alto desempenho. Uma dessas é a Lotus, que desenvolveu o protótipo do Evora 414E, um superesportivo com dois motores elétricos.

Os números do Evora 414E impressionam. Como o próprio nome sugere, ele tem 414 cv de potência e pode atingir os 100 km/h em apenas 4 segundos. Além dos motores elétricos o carro conta com um motor à gasolina de 47 cv cuja função principal é gerar energia para as baterias dos motores elétricos.

No entanto o projeto do Evora pode não decolar. É que a Lotus precisa construir um novo protótipo para testes, mas alega que não tem condições para fazer isso sozinha (na verdade ela conta com mais três parceiros). Para tanto a empresa espera por um incentivo do governo britânico no valor de 35 milhões de dólares.

Por Maximiliano da Rosa


Peugeot 3008 Hybrid4 – Primeiro Carro Híbrido da Peugeot


Mais uma empresa acaba de anunciar sua entrada no mercado automóveis híbridos: a francesa Peugeot. O modelo exibido pela montadora é o crossover 3008 Hybrid4. Ele terá, claro, um propulsor elétrico de 37 cv responsável por fornecer tração às rodas traseiras; já o motor dianteiro, um Diesel 2.0 com 163 cv fornecerá tração ao eixo dianteiro.

Os dois motores funcionarão de maneira independente, por meio de tração integral. Por tanto o conjunto terá 200 cv de potência. O câmbio do 3008 Hybrid4 terá seis velocidades e poderá operar tanto manualmente como de forma automática. Não foram divulgados informações sobre velocidade e autonomia, apenas sobre o consumo médio: 29 km/l.

O lançamento previsto do Peugeot 3008 Hybrid4 é o primeiro semestre de 2011. Além disso, a montadora francesa planeja no futuro expandir sua tecnologia para outros modelos produzidos por ela.

Por Maximiliano da Rosa


Fisker Karma – Lançamento do Novo Carro Híbrido


Elétricos e híbridos evoluem rapidamente. Pelo menos na teoria. Atualmente já dá para fazer uma lista com os modelos esportivos mais potentes. Embora a grande maioria desses elétricos não passe de promessa, e haja poucos modelos rodando nas ruas.

Um dos novos modelos que devem chegar ao mercado em breve é o Fisker Karma. Aliás, o híbrido tinha previsão de lançamento para Setembro, mas parece que agora a previsão é para 2011.

O Karma tem design bem esportivo e suas configurações não deixam nada à desejar aos modelos tradicionais somente à gasolina. Ele tem 403 cv e vai de 0 à 100 em apenas 6s. Sua autonomia utilizando o motor elétrico é de 80 km. Seu consumo é excelente: 44,4 km/l.

Veja o belo vídeo do Karma em ação.

Por Maximiliano da Rosa


HumanCar – Carro Híbrido com Motor Movido a Força Humana


A ideia parece meio maluca, à princípio: um carro movido pela força humana. No entanto, ao olharmos com mais atenção, podemos concluir que o HumanCar é uma ideia bem genial. Quem o vê pela primeira vez tem a sensação de que ele se parece com o carro dos Flinstones.

Mas ele é muito mais que isso. O HumanCar tem dois motores como todo híbrido. A diferença é que os híbridos tradicionais utilizam um motor à gasolina e outro elétrico, enquanto o HumanCar utiliza dois motores elétricos. Um é alimentado por uma alavanca central. Bastam poucos movimentos para carregar suas baterias.

O veículo pode alcançar até 100 km/h em terreno plano. Outro sistema utilizado é um painel solar, que permite que as baterias seja recarregadas quanto o veículo estiver parado. Para quem estiver interessado, ele custa mais ou menos 27 mil reais.

Veja abaixo um vídeo do HumanCar em movimento.

Por Maximiliano da Rosa


Peugeot H1 – Novo Carro Híbrido será apresentado no Salão de Paris 2010


A Peugeot anunciou nesta semana que vai lançar o protótipo do carro H1 no mês de outubro, no Salão Internacional de Paris. O veículo será híbrido e contará com um motor elétrico e um motor a diesel.

O modelo H1 terá novas linhas, semelhantes ao esportivo SR1, e poderá servir de inspiração para o Peugeot 208, que vai substituir o modelo 207 até 2012.

A Peugeot deve inserir no modelo uma aerodinâmica modificada, para auxiliar na redução do consumo de combustível e emissão de poluentes na atmosfera.

Resta aos fãs da marca aguardar o Salão de Paris para conferir as novidades que a montadora francesa está preparando para os próximos anos.

Por Luana Neves


Ford Fusion Hybrid – Lançamento do Carro Híbrido no Brasil


Conte aí nos dedos quantas opções de carros híbridos estão para ser fabricados no futuro. Agora, desses, veja quais já estão em produção. Em seguida, reduza a lista para os que já foram lançados. Depois, refine ainda mais suas opções e me diga quantos automóveis movidos à combustão e eletricidade já estão à venda no Brasil.

Se a sua resposta foi o Mercedes S 400 Hybrid, parabéns. Você acertou. Por enquanto o carro de luxo da montadora alemã é a única opção no mercado de híbridos no Brasil. E por causa de seu preço em cerca de 450 mil reais, não dá para dizer que ele vá ser o responsável pela popularização da tecnologia no país.

Mas os dias de solidão do S 400 estão perto do fim. Isso porque a Ford confirmou que lançará o Fusion Hybrid no país antes do fim do ano. Assim teremos uma opção bem mais acessível no mercado.

Quem quiser ver de perto o sedã, terá a oportunidade durante o Salão do Automóvel de São Paulo em Outubro.

Por Maximiliano da Rosa


Honda Fit – Lançamento de Versão Hibrida no mercado Japonês


Os carros híbridos parecem estar se tornando tendência mundial e cada vez mais projetos são incrementados e modelos são lançados na busca por veículos eficientes. Econômicos e ecologicamente corretos. Desta forma até governos, como o japonês, criaram subsídios para a produção deste tipo de veículos, tornando-os financeiramente acessíveis ao consumidor e viáveis economicamente para os fabricantes.

De acordo com o site G1 o jornal japonês TOKYO SHIMBUN informou que a Honda vai lançar em Outubro uma versão hibrida do seu compacto Honda Fit no mercado japonês, que pretende ser o hibrido mais barato do país. O preço estimado seria de 1,59 milhão de ienes (algo em torno de R$ 32.615), o que o tornaria bem acessível aos consumidores que buscam um carro de boa tecnologia, econômico e não poluente. Inclusive o jornal cita que a versão hibrida ficaria 400 mil ienes mais barata que a versão movida à gasolina.

O Honda Fit é um compacto bastante interessante do ponto de vista do design com linhas, principalmente na dianteira, arrojadas compondo um desenho moderno e atraente que transmite força. E em sua versão hibrida aliaria todas as atuais vantagens com um preço competitivo e uma tecnologia atual e consciente.

Por Mauro Câmara


Porsche Panamera S – Versão Hibrída do Carro


Depois de lançar em setembro do ano passado o Porsche Panamera, a montadora anunciou que realmente irá produzir uma versão híbrida do modelo: O Panamera S. Este híbrido irá utilizar as mesmas características do esportivo Cayenne S Hybrid em termos de configurações de motor e câmbio. Assim o Panamera S contará com motor V6 de 333cv, que trabalha em conjunto com um motor elétrico de 34kW, propiciando uma potência de 380cv.

O consumo médio deste modelo pode ficar em torno d 12,2 km/l, o que mostra que a eficiência do híbrido com relação ao desempenho não interfere no consumo. 

Um veículo totalmente elétrico também esta nos planos da montadora alemã, segundo informações os primeiro testes contam com três protótipos. O início de 2011 deve marcar as primeiras experiências com estes novos modelos.

Tais informações foram dadas pelo presidente da marca Michael Match, que visa integrar a qualidade Porsche nos modelos elétricos esportivos.

Oscar Ariel


Mercedes F800 – Carro movido a 3 Combustíveis


Uma boa notícia para quem acha que carro elétrico ou híbrido é sinônimo de carros compactos, pequenos. Em breve a montadora alemã Mercedes-Benz levará o conceito de carro ecologicamente correto para seus veículos de luxo.

A partir de 2012, a empresa deverá colocar nas ruas a primeira versão de um veículo com capacidade de utilizar 3 tipos diferentes de combustíveis. Trata-se da linha F800, que não abre mão do design esportivo e do capricho que fazem a fama da marca alemã.

O sedã contará com dois motores. Um movido a gasolina e outro, elétrico. O pulo do gato é fazer com que o motor elétrico possa funcionar tanto através do carregamento normal, ou seja, plugando a fonte de alimentação numa tomada, como por meio de tanques contendo hidrogênio. A vantagem nesse último caso é a emissão de resíduos: tudo o que sai do escapamento é vapor.

Por Maximiliano da Rosa

Fonte: Gizmodo


Novo Chevrolet Volt terá motor a combustão


Novo Chevrolet Volt de utilizar o motor a combustão para gerar energia para o motor elétrico. Essa é uma necessidade que ainda perdurará enquanto os modelos evoluem, pois um dos grandes entraves dos elétricos são a velocidade máxima, a autonomia e o tempo de recarga das baterias. Num futuro próximo vai ser muito raro ver um carro nas ruas que dependa exclusivamente do motor elétrico. Ou seja, o futuro pertence aos híbridos.

Por enquanto, o novo Volt é apenas um conceito, e deve ter espaço para cinco pessoas, além de mais espaço interno, porta-malas com 400 litros. Também poderá contar com os mesmo 480km de autonomia, câmbio automático de 5 marchas e velocidade máxima de 160km/h, empurrado pelo motor elétrico de 150 cv e por outro à combustão.

O que não se sabe se o modelo terá um protótipo durante o Salão de Pequim que começa agora em Abril, ou tudo não passa apenas de uma ideia.

Por Maximiliano da Rosa