Nissan Kicks 2018 – Características, Preços


A versão 2018 do Nissan Kicks é bem mais completa que o Honda HRV e o Jeep Renegade que atualmente são os líderes deste segmento.

O novo Nissan Kicks vem superando as expectativas de seus consumidores. Beleza, elegância, design arrojado, modernidade em seus detalhes, com um visual que chamam a atenção de qualquer um que é apaixonado por carros.

No Brasil está superando muitos da sua categoria que já estão no mercado há mais tempo. O sucesso nas vendas no segmento SUVs Urbano, traz a inovação japonesa, mas com inspiração das cidades brasileiras.

Espaço e conforto, desempenho e tecnologia avançada, um estilo que é para ser visto com admiração. Quer saber mais sobre este SUV que está chamando a atenção de todos e já é sucesso por onde passa, continue lendo este artigo que e saiba mais sobre este lindo veículo.

Características do Kicks:

O Nissan Kicks foi apresentado no salão do automóvel no ano de 2014. No entanto, chegou ao Brasil no ano passado (2016) nas Olimpíadas do Rio de Janeiro. Foi importado do México no início, sendo que pouco tempo depois, começou a ser produzido aqui no Brasil.

A versão 2018 é bem mais completa que o Honda HRV e o Jeep Renegade que atualmente são os líderes deste segmento. Porém, seu motor perde em desempenho em relação aos seus concorrentes com motor 1.6 flex e o modesto câmbio CVT em relação aos 1.8 da Honda e Jeep.

Preço:

Deve estar sendo comercializado no Brasil com preços variando entre R$ 89.990 para a versão SL podendo chegar até R$ 98.500 em sua versão mais arrojada, principalmente se receber personalizações com itens.

Consumo:

Com motor 1.6 flex 16 válvulas e cambio automático CVT com etanol na cidade seu consumo médio é de 8,1 km por litro e na estrada chega a 9,6 km por litro. Em contrapartida, com gasolina na cidade chega a média de 11,4 km por litro e na estrada 13,7 km por litro rodado.

Não se enquadra entre os mais econômicos, porém recebeu nota “A” no programa do Inmetro de etiquetagem veicular.

Dimensões:

Com duas versões SL e SV ele tem 4,29 metros de comprimento, 1,59 metros de altura, 1,76 metros de largura e 2,61 metros entre eixos. Capacidade interna para 5 passageiros e porta malas para até 32 litros para suas bagagens.

Conta com 6 airbags e freios ABS com EBD, auxiliar de partidas em rampas e controle de estabilidade, cintos de três pontas em seus estofados e apoio de cabeças em todos os bancos.

Gostou deste artigo sobre o novo SUV Urbano da Nissan? Compartilhe nas redes sociais.

Por Marcio Ferraz

Nissan Kicks 2018

Nissan Kicks 2018

Fotos: Divulgação


Audi Q3 deve ganhar Versão Elétrica em 2018


Lançamento da nova versão elétrica visa aumentar as vendas do modelo e reverter as quedas dos últimos anos.

Para os fãs e fiéis da marca Audi no Brasil, a empresa já sinaliza ao mercado de automóveis em 2017 o que vai ser novidade em 2018. Desta vez, a montadora vai mostrar a evolução do seu modelo de SUV mais vendido no Brasil até 2015, o Q3, e pretende lançar uma versão totalmente elétrica, mesmo tendo lançado o seu modelo mais recente, o Q5.

Desde que passou a ser fabricado no Brasil a partir de maio de 2016, o Q3 vem incorporando conceitos cada vez mais sofisticados quando comparado aos modelos fabricados na Europa. Aproveitando a onda dos novos padrões de carros ecologicamente corretos, a nova versão deverá sair de fábrica confirmando o que muitos já suspeitavam: a nova versão será totalmente movida à energia elétrica.

Para tal, segundo as revistas especializadas, a marca deverá herdar de sua marca prima, a Volkswagen, os motores e tipos de baterias consideradas totalmente "verdes". A Audi definitivamente deverá integrar a meta de vender cerca de um milhão de unidades de automóveis elétricos pelo menos até o ano de 2024.

As inovações deverão começar pela própria estrutura física do carro. O chassi, que deverá ser mais leve, garantindo mais autonomia aos modelos elétricos e para o motorista, terá maior espaço interno. Num primeiro momento, a idéia é usar um motor do tipo 1.4, associado a um motor de caráter elétrico, o TFSI. A intenção é evoluir para uma versão 1.5. Teríamos então as primeiras versões chamadas de híbridas.

Com a intenção de recuperar as vendas do Q3, que andaram bastante baixas desde 2015, a Audi deverá lançar também as versões a gasolina e a diesel, principalmente na Europa, já com os motores do tipo 1.5 e 2.0, com cinco cilindros e câmbio de sete marchas do tipo duplo. Estas deverão trazer o sistema de tração do tipo Quattro.

No aspecto externo, o novo modelo deverá manter as mesmas linhas atuais e as principais novidades deverão ser notada com relação ao novo painel que poderá ser configurado de acordo com as necessidades do motorista e deverá funcionar no estilo virtual cockpit , além do console principal que deverá trazer modificações para incrementar os momentos de lazer de seus passageiros e do motorista.

Todas estas novidades visam reverter as quedas nas suas vendas e um atrativo deverá ser o preço. O Q3 reeditado deverá estar saindo de fábrica por cerca de R$ 143.000, num patamar bem competitivo aos seus demais concorrentes como a Mercedes do tipo GLA e a BMW X1.

Emmanoel Gomes


Hyundai Creta 2017 – Lançamento e Preços


Confira aqui os preços e as principais novidades presentes no Hyundai Creta 2017.

A Hyundai, que sempre está de olho no segmento de compactos SUVs, por conta de vender mais de 200 mil carros ao ano, lançou nesse mês de dezembro de 2016 o Creta, para concorrer com carros como Jeep Renegade, Ford EcoSport, Nissan Kicks, Chevrolet Tracker e até o Honda HR-V. Acredita-se que a Hyundai investiu cerca de US$ 130 milhões para criar o Novo Hyundai Creta.

Este é o primeiro utilitário fabricado na cidade de Piracicaba, no estado de São Paulo, mesmo local em que o HB20 é montado. Mas não é por esse motivo que o Creta teria a mesma plataforma do HB20.

O seu motor é o 1.6 Gamma (que conta com 16,5 kgfm de torque e 130 cv) e 2.0 Nu (de 20,5 kgfm e 166 cv). Os dois modelos trazem comando duplo de válvulas variáveis, sistema start stop e partida a frio sem tanque auxiliar. Já o 2.0 tem opção sem embreagem e o 1.6 pode ser em câmbio manual ou automático, de seis marchas.

Já as versões caras do Novo Hyundai Creta trazem alguns utilitários como navegação GPS e tela de LCD no painel que conta com informações de computador de bordo, como por exemplo, da pressão dos pneus.

O controle de tração e estabilidade deste modelo traz mais segurança a este modelo, que também conta com assistente de partida em rampas. O novo Hyundai Creta traz luzes para o dia em LED e de curva, que são integrados aos faróis.

Este SUV traz o ar condicionado automático e possui saída também para os bancos traseiros, além de ventilação para o motorista com três níveis, direção elétrica, sistema multimídia BleuNav com conexão com smartphone pelo Android Auto ou o Apple Car Play, direção elétrica, retrovisores com o rebatimento também elétrico, abertura da porta com chave presencial e câmera de partida e de ré.

Os airbags, localizados na cabeça, laterais e frontais, trazem mais segurança ao Novo Hyundai Creta, que ao ser lançado traz preços que variam de R$ 72.990 para a versão Creta Attitude 1.6 manual até R$ 99.490 com o Creta Prestige 2.0 automático.

O que achou do nosso artigo? Gostou? Compartilhe conosco a sua experiência e opinião!

Kika Akita


Honda CR-V 2017 – Avaliação, Preço e Novidades


Confira aqui as principais novidades do novo Honda CR-V 2017.

Sucesso de vendas nos Estados Unidos, o novo modelo 2017 de Honda, o CR-V, deverá manter o seu alto padrão em sofisticação e tecnologia, o que o torna um dos líderes do mercado de SUVs e crossovers na América do Norte.

O destaque para o CRV-V é exatamente a sua funcionalidade, o seu bom espaço interno e a sua facilidade em dirigi-lo, além do preço, considerado bastante justo quando comparado a outros concorrentes seus como o Mazda CX-5, que não é vendido no Brasil ou o Tiguan, da Volkswagen.

Por causa do alto volume de vendas dos Estados Unidos, a Honda achou por bem adotar o velho ditado “Em time que está ganhando, não se mexe”. Deste modo, a montadora teve a intenção de manter todos os itens que conferem ao CR-V o título de sucesso de vendas da marca e apenas fez questão de atualizar alguns detalhes que o deixaram com um estilo mais moderno.

Para se atualizar, a Honda resolveu adotar o novo design em moda dos demais SUVs do mercado e trocou suas lanternas verticais por modelos horizontais, bem mais delgados. Os faróis também ficaram mais finos e a grade única do modelo anterior foi dividida em duas para o atual. Ele deverá sair de fábrica com aros maiores (18) e estará bem maior e mais largo. A sua carroceria será sete centímetros mais comprida e a distância entre os eixos foi alongada (4cm), assim como a sua altura (mais 4cm).

As inovações no interior do veículo foram feitas para dar uma maior comodidade e funcionalidade ao novo modelo. Assim, o porta malas ficou mais largo e o espaço para as pernas tanto de passageiros quanto do motorista estão maiores. A empresa colocou uma espécie de console interno no centro do carro, com a possibilidade de funcionar como um porta trecos para os passageiros. Para o motorista, o CR-V vem um painel de multimídia e display integrado com todas as funções do carro visíveis. Neste quesito, a Honda fez questão de volta o velho painel de volume no volante.

O motor é o grande atrativo da nova versão 2017, com uma versão de quatro cilindros, 1.5, na versão turbo e com um torque que proporciona uma potência de mais de 190 cavalos força. A novidade é uma função turbinada mais suave e silenciosa e com uma maior economia de combustível.

Com relação ao preço, nos Estados Unidos o novo modelo deverá chegar às lojas custando entre 200 a 700 dólares mais caros que a versão anterior (o carro custa entre US$ 24 mil e US$ 33 mil lá fora). Segundo os especialistas do site Motor Global 1, não seria nada relevante em relação a dirigir um dos melhores modelos de SUVs existentes no mercado.

Emmanoel Gomes


Novo Jeep Compass 2017 é sucesso de Vendas no Brasil


Vendas do modelo recém-lançado já superam concorrentes como Ford Ecosport, Nissan Kicks e Peugeot 2008.

Feito para concorrer diretamente no mercado dos SUVs e que está em franca expansão no Brasil, o Jeep Compass mal começou a ser vendido em suas concessionárias espalhadas pelo Brasil e já se tonou o líder de vendas neste restrito, porém, acirrado mercado.

Quando comparado com um modelo mais próximo do seu, o Renegade, o atual Compass quase bateu em quase mil unidades vendidas este que pode ser considerado o seu ‘irmão’. Entretanto, um levantamento do site Carplace mostrou que de outubro deste ano até este mês de dezembro, a diferença entre ambos caiu bastante (menos de 35 unidades) quando comparado o volume de vendas ao usuário final.

A comparação com outros modelos que já possuem algum tempo no mercado mostrou que, desde o último dia 05 de novembro, quando o Compass começou a ser vendido oficialmente em todo o país, ele perdeu somente para o já consagrado Duster, da Renault, numa diferença de menos de 250 unidades.

Por outro lado, o Jeep Compass bateu facilmente em volume de vendas o Ecosport da Ford (com uma vantagem de mais de 2.200 unidades), o Kicks da Nissan (em mais de 1.600 unidades) e o também recém-lançado Peugeot 2008 (em pouco mais de 840 unidades). Isto para o restrito nicho dos chamados crossovers.

Quando avançamos para o setor dos considerados sedans de porte médio, a versatilidade do Compass se sobrepõe facilmente ao modelo mais novo da Honda, o Civic. Este novo modelo perdeu por uma diferença de apenas cinco unidades para o modelo da Jeep. Esta diferença avança também em outros modelos de sedans como o Logan, da Renault e o novo modelo do tradicional Ka, da Ford.

Nem mesmo a exclusividade e o design exclusivo dos SUVs da Hyundai escaparam da ‘fome’ de vendas do novo modelo da Jeep. Por exemplo, o ix35 deixou de vender cinco vezes menos que o Compass. Se somarmos as outras opções da linha da montadora sul coreana, como o Outlander, o Sportage e o ASX, o volume vendido do novo concorrente superou a marca em mais de 800 unidades revendidas em todo o país.

Emmanoel Gomes


Honda CR-V 2017 1.5 Turbo – Início da Produção


Honda anuncia início da produção da nova geração do CR-V. Veículo será produzido em Ohio (EUA).

O SUV que é sucesso entre o público, é atualmente, nos Estados Unidos, o crossover mais comercializado, batendo a marca de emplacamentos de cerca de 400 mil no ano. Com o objetivo de se manter na posição alta da lista, a montadora Honda anunciou na quarta-feira, dia 23, que a nova geração do veículo terá sua produção iniciada e acontecerá em Ohio, na cidade de East Liberty.

As unidades primárias do novo CR-V começaram a sair da linha de produção ainda esta semana. Batendo de frente com grandes concorrentes como Ford Escape e Toyota RAV4. O SUV que está em sua quinta geração tem previsão de início de vendas no mês de dezembro, na América do Norte.

Mais robusto que o modelo da geração anterior, o crossover foi desenhado recebendo uma nova identidade visual, com linhas que remetem o novo Civic na parte da frente. O visual ficou ainda mais imponente, chamando bastante atenção por seus novos para-choques e também pelas lanternas na coluna traseira, que lembram o Volvo XC90.

Ao desenvolver o modelo, a montadora utilizou como modelo veículos premium como por exemplo, o BMW X3. O CR-V, que está maior e um pouco mais espaçoso, promete vir com um melhor nível de acabamento, além de ofertar ainda mais tecnologia.

A quinta versão do modelo será comercializada nos Estados Unidos em quatro versões: EX-L, EX, LX e Touring. Contará com LED’s diurnos, ar-condicionado automático, acesso sem chave, câmbio automático CVT e volante multifuncional como itens de série. O modelo terá motor de 1,5 litros com turbocompressor, o mesmo utilizado no Civic e com injeção direta gera uma potência de 192 cv e um torque de 24,8 kgfm.

Além de ser produzido em Ohio, o modelo também será fabricado em Indiana, na cidade de Greensburg e em Ontário, no Canadá.

O veículo, que é bem popular nos Estados Unidos, já teve melhores momentos no Brasil, onde acumulou no ano de 2016 1.639 unidades emplacadas, sendo comercializado somente na versão top de linha com motor flex 2.0 no preço de R$ 148 mil. A montadora ainda não determinou a data em que o modelo chegará ao Brasil.

FILIPE R SILVA


Honda WR-V 2017 – Preço Estimado e Ficha Técnica


Honda lança mundialmente no Salão do Automóvel de SP o novo modelo da marca, o WR-V.

A fabricante oriental Honda foi uma das poucas marcas que aguardou o momento exato para fazer a estreia do seu novo modelo no Salão do Automóvel que acontece em São Paulo. Recentemente, na terça-feira, dia 8 de novembro, foi revelada a novidade, o crossover WR-V, um novo modelo um pouco menor, que é ainda mais compacto que o HR-V fabricado pela mesma companhia.

A produção deste modelo será começada ainda no primeiro semestre do próximo ano e será executada na cidade do interior de São Paulo, Sumaré.

A parte mecânica e também a plataforma do crossover WR-V são praticamente iguais aos que hoje são usados no famoso e querido Honda Fit, sem contar que, além disso, compartilha da mesma plataforma de construção.

Conforme informações publicadas pela fabricante oriental, o WR-V acabou sendo desenvolvido de forma total no Brasil. É o primeiro veículo totalmente “brasileiro”, tendo como base os consumidores do país e também de outros consumidores que estão localizados nos países da América Latina.

O produto final, aparentemente parece ter agradado os funcionários do Japão, visto que a apresentação ocorrida no Salão de Automóvel de São Paulo contou também com o prestigio do CEO mundial da montadora, conhecido como Takahiro Hachigo.

Nenhum detalhe foi anunciado

A montadora não anunciou nenhum detalhe sequer nem com relação aos dados técnicos do novo modelo e nem da parte interna do veículo. O WR-V irá utilizar um motor que já é bem conhecido, um de 1500 cilindradas, com uma potência máxima que chega a 116 cavalos, juntamente com um câmbio CVT automático.

Este modelo terá seu preço inicial posicionado no centro entre o Honda HR-V (o qual sai por R$ 79.900 em sua versão de entrada) e o Honda Fit (que tem preço inicial em R$ 57 mil).

Segunda a Honda, o crossover deverá ser um pontapé inicial para um renovado grupo de consumidores ao redor do mundo quando se trata de SUV’s. Contudo, a organização crê que ele também poderá pegar alguns dos consumidores do modelo Honda HR-V.

Apesar de todo o cuidado que montadora tenha tido para manter o SUV em segredo, o mesmo já foi sido visto em diversos testes que ocorreram na região de Sumaré, cidade esta em que será fabricado.

FILIPE R SILVA


Renault Captur 2017 – Preço e Características do Carro


Confira aqui o preço e as principais características do Renault Captur 2017.

As montadoras de automóveis perceberam o quanto os SUVs fazem sucesso no Brasil. Por isso, resolveram investir nesse tipo de modelo por aqui. Com a Renault não tem sido diferente, pois ela já anunciou que o Captur terá pré-vendas na terceira semana de novembro no país.

O veículo está sendo produzido em São José dos Pinhais/PR e é um dos mais aguardados lançamentos. Ele terá um preço que varia entre R$ 80.000 e R$ 95.000. Nessa etapa, serão disponibilizadas 900 unidades, que serão entregues em fevereiro do ano que vem. De início, será ofertada a versão Intense do veículo com bancos de couro.

As vendas oficiais de todas as opções do Captur estão previstas para o início de 2017.

Possíveis especificações do Renault Captur

O Captur contará com 13 opções de cores e poderá ser personalizado online. Sua plataforma será a mesma do Duster. Desse modo, há rumores de que ele terá duas alternativas de motor:

  • 2.0 -16V, 142CV (etanol) , 138 CV (gasolina) e tração 4X4 ou 4X2.
  • 1.6 -16V, 115CV (etanol), 100CV (gasolina) e tração 4X2.

O automóvel provavelmente terá estas especificações:

  • Comprimento de 4,33m.
  • Altura de 1,61m.
  • Largura de 1,81m.
  • Porta-malas com capacidade para 387 litros.
  • Espaço para sete lugares.
  • Câmbio automático.

Para conhecer o Captur, basta acessar o site oficial da Renault no Brasil. Na página, já é possível conferir o visual interno e externo do veículo, além de vídeos e imagens em 360°. Porém, até o momento, ainda não foram colocadas informações muito aprofundadas a seu respeito, trazendo todo um clima de mistério ao seu redor. Com certeza, isso tem despertado a curiosidade de muita gente.

Outros SUVs da montadora são expostos no Salão de Automóveis de São Paulo

Na edição 2016 do Salão do Automóvel de São Paulo, a Renault apresenta também dois outros modelos de SUVs: Koleos (luxo) e Kwid (compacto). Assim, o Captur será um intermediário em relação a esses veículos. Além disso, serão expostos em seu estande carros esportivos, elétricos e populares da montadora. O evento ocorre entre os dias 10 e 20 de novembro.

Nas páginas do Youtube e Facebook da montadora, serão disponibilizados vídeos e informações a respeito desses automóveis. Então, mesmo quem não for conferi-los pessoalmente, poderá ter uma boa noção visual deles.

Camilla Silva.


Chevrolet Tracker 2017 -Novidades e Lançamento no Brasil


Confira aqui as principais novidades do novo Chevrolet Tracker 2017.

O Salão do Automóvel acaba de apresentar mais uma novidade, o Chevrolet Tracker 2017, que está repleto de inovações tanto visuais, quanto mecânicas. Mas a grande novidade mesmo está em seu motor 1.4 turbo Flex e câmbio automático, sendo o primeiro de seu segmento a trazer essa configuração no motor, além de transmissão automática que opera com seis marchas e injeção direta.

Em nível de equipamentos o Novo Tracker traz bastante tecnologia como uma tela multimídia MyLink, que trabalha com Android Auto, Apple CarPlay e sistema OnStar. Além disso, os faróis são de LED, haverá um teto solar elétrico e um inteligente sistema de alertas anti-distração e alerta para situações de ponto cego. Equipamentos que oferecem mais segurança.

E não para por aí, o Tracker também possui câmera de ré que trabalha com um sistema de alerta em caso de movimentação traseira. Sua direção possui assistência elétrica. O motorista ainda pode contar com ajuste de profundidade e altura. A ignição pode ser acionada por um botão instalado no painel.

Por sua vez, o visual também apresenta modificações, percebe-se uma frente nova bem reformulada, enquanto que a parte traseira não sofreu nenhuma alteração que despertasse a atenção.

Internamente os bancos estão com uma aparência mais sofisticada, pois receberam um bonito acabamento. Características que rendem ao modelo um ambiente interno charmoso e aconchegante.

Uma das grandes vantagens desse carro é o Sistema OnStar, que já é utilizado no Chevrolet Cruze e que tem recebido muitos elogios, pois possui uma função que diagnostica através de um sistema Remoto Avançado possíveis problemas nos sistemas mais principais do carro, informando ao motorista.

As concessionárias do Brasil até o fim deste mês já estarão com o Novo Chevrolet Tracker 2017, disponível para a venda. Serão duas versões, a LTZ e a LT, ambas com motor 1.4 Flexionado. As cores disponíveis são Preto Ouro Negro, Branco Summit, Prata Switchblade e as inéditas cores Cinza Graphite e Vermelho Baroque.

Enfim, o Novo Chevrolet Tracker 2017, tem todas as características para conquistar muitos admiradores no Brasil. É um automóvel que oferece muito conforto, tecnologia e boa performance, com seu motor turbo e câmbio automático.

Sirlene Montes


Novo Suzuki Vitara 2017 – Preço e Versões


Confira as versões e o preço do Novo Suzuki Vitara 2017.

O jipinho tradicional da Suzuki chegará ao Brasil nesse mês. A estréia está marcada para antes do Salão de São Paulo. Duas versões são as principais do Vitara: a 4You (que conta com motor 1.6 aspirado) e a inédita 4Sport (com motor 1.4 turbo). O anúncio dos modelos e dos preços foi feito nessa quarta feira (dia 13) pelo assesoria da Suzuki. Veja a lista dos preços abaixo:

Novo Suzuki Vitara, preços e versões:

  • 4All 1.6 MT: R$ 83.990
  • 4All 1.6 AT: R$ 89.990
  • 4You 1.6: R$ 94.990
  • 4You All Grip 1.6: R$ 99.990
  • 4Sport 1.4 Turbo: R$ 107.990
  • 4Sport All Grip 1.4 Turbo: R$ 112.990

O jipinho da Suzuki rivaliza com outros carros conhecidos na categoria. Um deles é o HR-V da Honda, que possui design semelhante ao seu “pai”: a CR-V. Outras marcas que competem com o Vitara 4Sport são a Nissan, Ford e a Jeep, respectivamente com o Nissan Kicks, Ford EcoSport e o Jeep Renegate.

Em termos de tamanho, a categoria do Vitara se propõe a ser o tamanho intermediário entre os SUV’s, no entanto, o jipinho também ficou menor do que os concorrentes da mesma categoria. No caso da HR-V e do Nissan Kicks, são 4,29 metros. Já o Jeep Renegate e a Ford EcoSport ficam com 4,24 metros, maior do que o lançamento da Suzuki, que conta com 4,18 metros.

Por dentro o Suzuki Vitara possui computador de bordo e sistema start-stop. O sistema da Suzuki realiza o desligamento automático do carro em paradas superiores aos 5 segundos, isso para garantir a máxima eficiência do combustível. O carro é reacionado quando o motorista necessita continuar a atividade.

Apenas as versões mais avançadas contam com o motor inédito da Suzuki, o 1.4 turbo. Nas versões 4All o câmbio é automático, já nas outras ele é manual.

Para além da versão básica, consta no jipinho Vitara a integração com os sistemas da Apple Car Play e Android.

Sobre o consumo, o SUV intermediário apresentou rendimento de 12km/L na cidade e alcançou 13,6 km/L nas estradas. A análise foi feita pelo Inmetro.

Matheus Griebeler


Novo Honda CR-V 2017 – Modelo passa por Mudanças


Objetivo da montadora é manter o carro atualizado para se manter na briga com a concorrência.

Com a intensificação da concorrência no mercado de SUV’s, a Honda reage com o reestruturação do design e conceito da nova CR-V, que possui lançamento previsto para dezembro nos Estados Unidos. O carro estará com um aspecto mais arrojado, semelhante aos esportivos, e o interior ampliado. O SUV da Honda é líder de vendas na América.

A Honda trabalha com SUV’s desde 1997, ela foi uma das principais marcas a fortalecer a categoria que hoje supera os carros sedã familiares. A crescente dos SUV’s fez com que outras montadoras voltassem os olhos para esse mercado. A Ford, General Motors e outras empresas investem pesado para fortalecer suas marcas entre os carros SUV’s. A competição está mais acirrada.

Reagindo ao mercado mais competitivo, a nova CR-V aposta no que já vem dando certo. A Honda é conhecida como uma montadora que oferece tecnologia, qualidade e durabilidade por preços mais acessíveis. O design mais arrojado deixa a nova CR-V com aspecto esportivo. A proposta é oferecer um carro espaçoso e com desenho moderno.

Alexander Edwards, presidente da Stratetigic Vision (instituto de pesquisas e consumo em San Diego), conta que a reputação da Honda é um dos principais fatores para liderança de vendas da CR-V. Mas ele alerta que investimentos são necessários, grandes montadoras estão chegando forte para competir na categoria.

“A Honda é uma marca forte. Reconhecida pelos consumidores pela qualidade. Mas isso não se sustenta sem um respaldo no produto. Na pesquisa de qualidade realizada pela Strategic Vision entre 2015 e 2016, a CR-V ficou em 14º lugar de 20 SUV’s avaliadas no controle de qualidade. A reestruturação da CR-V é um modo de manter a marca no topo”.

Para competir com a CR-V, a Ford lança um redesenho do Escape. A Nissan no Rogue/ X-Trail e a General Motors amplia suas fábricas para produção do Equinox e GMC Terrain.

Os SUV’s parecem ser o novo xodó dos consumidores, eles roubaram espaço entre os tradicionais sedãs familiares. A competição acirrada entre as montadoras garante constantes aprimoramentos para os amantes da categoria. A CR-V 2017 é um exemplo disso.

Matheus Griebeler


Subaru Outback 2016 – Preço e Novidades


Confira aqui o preço e as novidades do Subaru Outback 2016.

Nesta semana, os amantes de carros esportivos terão outro motivo para correr até as concessionárias, pois a Subaru anunciou na última terça-feira, dia 4, a nova linha 2016 da famosa perua aventureira Outback em terras tupiniquins, que estará disponível nas 12 lojas da fabricante japonesa espalhadas pelo país.

O utilitário-esportivo está disponível em versão única e custará R$ 186.900, R$ 14 mil a mais do que o modelo anterior, e as novidades estão por conta dos equipamentos de segurança e GPS integrado.

Mas não é só isso, a nova Outback conta com sistema moderníssimo e super bem-vindo que inclui alerta de mudança de faixa, tráfego cruzado (que é a presença de veículos no ponto cego do motorista) e assistente de farol alto, que desliga o facho alto quando identifica um veículo vindo em sentido contrário. Seu sistema de áudio possibilita a execução de dispositivos externos como smartphones e aparelhos de MP3, conectados via USB ou Bluetooth. O veículo também faz outras coisas legais como acessar seu histórico de ligações e pode receber e fazer chamadas através do seu celular. Bacana, não?

O GPS também conta uma novidade ainda inédita nos carros da Subaru vendidos no Brasil, já que ele passa a integrar o sistema multimídia com tela de 7” e que exibe imagens da câmera auxiliar traseira.

Já a mecânica do Outback continua da mesma forma, com o motor boxer 3.6 de seis cilindros, que gera 256 cv de potência e 35,7 kgfm de torque. A transmissão é automática e do tipo CVT.

Quanto em aparência, ele também é igual ao seu antecessor, com os marcantes faróis espichados com lente escurecida, grade em formato hexagonal com três filetes horizontais e o tão robusto para-choque em detalhes plásticos em sua parte inferior. Sem contar o espaçoso porta-malas com capacidade para 560 litros, podendo ser ampliado para 1.048 litros com os bancos traseiros rebatidos.

É possível encontrar o novo Outback nas cores Crystal White, Ice Siver, Dark Gray, Crystal Black e Deep Sea Blue. Também existem tonalidades que podem ser encomendadas como Venetian Red, Platinum Gray, Lapis Blue e Tungsten. Já para o acabamento interno há a opção de couro Black e Ivory.

Elis Nunes


Jaguar F-Pace – Pré-Venda e Test Drive do SUV no Brasil


Primeiro SUV da Jaguar deverá ser lançado no Brasil no mês de setembro.

É bem difícil que exista alguma marca que ainda não conseguiu perceber que os chamados utilitários-esportivos representam o seguimento que mais está crescendo no mundo. Algumas fabricantes aderiram a “moda” sem questionamentos. Outras demoraram a dar o braço a torcer justamente pelo fato de que seus nomes sempre estiveram ligados a esportividade e ao luxo. Foi assim com a Porsche e com a Jaguar. Esta última deverá apresentar por aqui, em um breve espaço de tempo, seu primeiro SUV que curiosamente já faz sucesso em países do Primeiro Mundo. A informação é de que aqui o modelo, batizado de F-Pace, comece a ser vendido no mês de setembro.

Porém, mesmo com essa informação, os interessados no carro devem ficar atentos. A pré-venda acontece agora em junho. Já quem quiser fazer o teste drive nas concessionárias deverá esperar até os meses de julho ou de agosto.

A Jaguar prevê que o F-Pace domine, ou melhor, represente 50% de suas vendas aqui no Brasil. Em termos de concorrência direta, o modelo da Jaguar deverá encarar o Porsche Macan e o BMW X4.

O F-Pace foi desenvolvido em cima da mesma arquitetura flexível que se encontra presente em outros modelos da marca, a exemplo dos sedãs XF e XE, além do esportivo F-Type. É interessante ressaltar que esse tipo de arquitetura adotada pela Jaguar privilegia dois pontos em especial: A segurança e a redução de peso. O motivo para isso ser possível é o fato de que 80% de toda a estrutura é construída em alumínio e com materiais que apresentam uma grande resistência. Todo o projeto não foi nada barato para a Jaguar. Para desenvolvê-lo a marca teve que investir cerca de 1,5 bilhão de libras esterlinas.

Frank Witteman, o atual presidente da Jaguar Land Rover para a América Latina, se diz confiante no lançamento. Isso talvez pelo aspecto de que o F-Pace promete revolucionar a marcar por apresentar um alto desempenho e um design especial sem perder as características esportivas que consagraram a marca.

A versão de entrada do modelo será a Prestige 2.0 diesel de 180cv, que deverá custar algo em torno dos R$ 310.000. Porém, a versão de lançamento terá um valor um pouco mais salgado, a First Edition, com motor V6 de 380cv, deve sair por R$ 405.900.

Por Denisson Soares


Jaguar F-Pace é lançado no Brasil


Modelo chega em 3 versões e custará a partir de R$ 309 mil.

Jaguar F-Pace, primeiro SUV da montadora, foi lançado no Brasil na última terça-feira, dia 31 de maio. O modelo está disponível em três versões e tem seu preço iniciando em R$ 309.300. Confira abaixo as versões e seus respectivos valores:

  • S: R$ 405.900
  • R-Sport: R$ 360.500
  • Prestige: R$ 309.300.

O lançamento mundial do veículo da Jaguar ocorreu no ano de 2015, no Salão de Frankfurt do ano passado, com uma apresentação especial para que pudesse entrar no Guinness Book.

O F-Pace deu um looping em uma estrutura que possui uma altura de 19 metros e com isso entrou no livros dos recordes.

Com relação ao motor, são 3 opções, sendo um 2.0 movido a diesel (com 180 cavalos) e outras duas V6 3.0 movidas a gasolina (que geram uma potência de 340 cv ou 380 cv). Todas as opções contam com uma transmissão automática de 8 marchas, além de possuir tração nas quatro rodas.

A Land Rover, que é uma outra marca do mesmo grupo, muito conhecida pela aptidão off road de seus modelos, foi a montadora que proveu a tecnologia de tração integral para o F-Pace. A tecnologia do veículo tem a capacidade de fazer a detecção do tipo de terreno que o carro atravessa e assim, se adapta para dar o máximo de tração.

Um outro sistema que também foi adotado de outros veículos é a vetorização de torque, a qual veio do F-Type. Com esta tecnologia, no momento em que o automóvel realiza uma curva, a força é transmitida para a roda que mais necessita, desta forma, elimina giros em falso.

Internamente o F-Pace possui uma tela de 10,2 polegadas, com InControl Touch Pro. A mesma conta com um processador de quatro núcleos, que pode realizar conexões Wi-Fi com até oito dispositivos, pois o modelo tem a capacidade de trabalhar com um hotspot.

Segundo a Jaguar, a carroceria do F-Pace é composta em 80% por alumínio, contribuindo assim para a redução do peso final do veículo, que atinge 1.665 kg. O SUV possui 2,87 m de entre-eixos, 4,73 m de comprimento e o porta-malas conta com 650 litros.

FILIPE R SILVA


Skoda Kodiaq – Lançamento do SUV deve acontecer no Segundo Semestre


Modelo deverá ser apresentado no Salão de Paris e irá concorrer com o Volkswagen Tiguan e Seat Ateca.

Diversas empresas do ramo automobilístico estão apostando as suas fichas no segmento dos utilitários-esportivos, a mais nova fabricante a seguir esta tendência é a sueca Skoda, a qual já sinalizou que irá fazer o lançamento do novo Kodiaq no segundo semestre deste ano, ao que tudo indica no decorrer do Salão de Paris, evento que ocorrerá em outubro. Esta inovação da Skoda é um crossover de médio porte, porém, com capacidade para sete passageiros. Este veículo será bastante similar aos novos VW Tiguan e ao Seat Ateca, sendo que no caso do Tiguan a Volkswagen já anunciou que irá lançar em breve uma variante do modelo com a presença da terceira fileira de banco.

O Skoda Kodiaq será um pouco maior que os seus outros dois primos, haja vista que segundo os dados fornecidos pela fabricante ele será 21 cm mais longo que o Tiguan, sendo que terá um comprimento de 4,7 metros e outros 34 centímetros de comprimentos a mais que o Ateca.

Conforme a fabricante, este novo crossover de médio porte terá espaço interno suficiente para acomodar de maneira confortável os sete passageiros.

Apesar de ter um nome um pouco diferente dos que estamos acostumados a ver, o nome dessa novidade que será lançada pela Skoda é oriunda dos ursos Kodiak, os quais tem como habitat natural uma ilha localizada no Alasca.

Mesmo com toda a empolgação a respeito do lançamento do veículo, a Skoda ainda não revelou maiores detalhes a respeito da configuração mecânica do crossover, porém, a expectativa e a aposta de muitos é de que este veículo seja comercializado com os mesmos motores tanto do Tiguan quanto do Ateca, sendo que nesta lista estão inseridos os propusores 1.0 TSI, 1.4 TSI, 1.8 TSI e 2.0 TSI, além das versões movidas à diesel que são as 1.6 TDI e a 2.0 TDI, motores estes que conseguem produzir uma potência máxima de 150 e 190 cavalos. Como opcional, a fabricante irá disponibilizar aos consumidores o veículo com tração integral e o câmbio do modelo DSG dotado de sete marchas e com sistema de dupla embreagem.

O certo é que em breve teremos mais notícias a respeito de maiores detalhes deste grande lançamento que está por vir.

Por Adriano Oliveira


Nova Chevrolet Trailblazer 2017 – Novidades e Preço


SUV conta com leves mudanças e teve uma queda em seus preços.

Após a renomada fabricante de veículos automotores Chevrolet ter lançado no Brasil (em 2012) a Trailblazer, SUV que foi projetado para entrar forte na concorrência com a Toyota Hilux SW4, mas que não caiu no gosto dos consumidores brasileiros e acabou perdendo a disputa de lavada para a sua principal concorrente, haja vista que no ano de 2015, enquanto a Traiblazer consegui emplacar apenas 1.795 unidades, a Hilux SW4 conseguiu emplacar nada mais nada menos que 8.693 unidades.

A fim de mudar este cenário, a Chevrolet fez algumas alterações na linha 2017 desta SUV, alterações estas que vão do visual chegando até a lista de equipamentos ofertados aos consumidores. Outra estratégia forte utilizada pela montadora foi a diminuir o valor do veículo para tentar vender mais, sendo que antes a versão LTZ 3.6 saía pelo valor de R$ 163.790 e agora nessa nova versão será vendida por R$ 159.990, enquanto a versão LTZ 2.8 turbodiesel passará de R$ 192.090 para R$ 189.990. Essas alterações de preço com certeza poderão ajudar o veículo a ter um maior número de vendas neste ano e no ano que vem.

Da mesma maneira que a nova S10, a Trailblazer ganhou novas mudanças somente na parte dianteira. Com a inserção de traços um pouco mais horizontais e retilíneos, a impressão que é que o modelo ficou um pouco mais largo quanto visto de frente. A nova grade frontal bipartida traz consigo a identidade de estilo já visualizada na S10 e no novo Cobalt. As linhas arredondas dos faróis e dos projetores anteriores foram deixadas de lado, porém, agora estão sublinhados por LEDs. Na parte lateral as únicas modificações ficaram por conta das barras do teto e das chamativas rodas em tamanho 18 polegadas, que possuem acabamento diamantado; Já a parte de trás do veículo não passou por nenhum tipo de alteração.

Além da diminuição dos valores, outra estratégia da Chevrolet para brigar com a Hilux SW4 é a sua extensa lista de equipamentos e acessórios, haja vista que o modelo, nessa versão 2017, chega com um pacote tecnológico de primeiríssima qualidade, trazendo por exemplo, a central de multimídia MyLink 2 e o sistema OnStar.

Por Adriano Oliveira


Nova Toyota Hilux SW4 2016 – Preço e Novidades


Nova Hilux SW4 2016 traz novidades e custa de R$ 209 mil a R$ 229 mil.

Apesar de muitas pessoas afirmarem que a antiga Toyota Hilux era desprovida de beleza, este carro, aqui no Brasil, virou sinônimo não só de elegância, mas também de excelência. É neste contexto que a nova Hilux SW4 chega com uma versão modificada e muito mais bonita, pois esta já é a terceira geração deste SUV robusto. Os principais destaques visuais do lado externo da Hilux ficaram por conta da inserção de uma grade frontal cromada com estilo sóbrio, que faz um belo conjunto com os faróis afilados. Nas laterais, aquelas antigas linhas retas trazidas pela antiga SW4 foram substituídas por traços mais inspiradores.

Já do lado interno não precisamos nem falar que o veículo ficou um verdadeiro espetáculo, uma vez que os assentos são revestidos por couro marrom, sendo que todas as suas superfícies são emborrachadas e possuem costuras aparentes, ao redor do comando do console central foi inserida uma moldura.

Com relação ao espaço interno deste veículo, ele é suficiente para o transporte de quatro adultos. Caso a opção seja por transportar cinco adultos, o passageiro que for no meio no banco de trás irá um pouco espremido, mas ainda o veículo conta com aqueles dois bancos retráteis que ficam no porta-malas, todavia, estes são ideais apenas para crianças, haja vista que o espaço é bem mais reduzido.

No quesito segurança, a nova SW4 chega com sistema de freios com discos ventilados nas quatro rodas, cintos de segurança de três pontos em todos os assentos, regulagem de profundidade no volante, acionamento elétrico da tampa traseira, assistente para arrancada em rampas, sistema de controle de velocidade em declive, bem como Airbag para os joelhos do condutor.

Um dos pontos que deixaram a desejar nessa nova SW4 é o fato dela não possuir itens de série nas versões mais baratas, tais como ar digital de duas zonas, freio de estacionamento elétrico, teto solar e amortecedor a gás para sustentação do capô.

O antigo propulsor 3.0 turbo diesel foi substituído por um de menor cilindrada, porém, com torque maior, o qual é capaz de produzir uma potência máxima de 177 cavalos e um torque de 45,9 mkgf.

Os valores desta grande novidade variam entre R$ 209.100 até R$ 229.500, sendo que por enquanto esta máquina só será ofertada aos consumidores na versão SRX.

Por Adriano Oliveira


BMW X5 M50d – Lançamento da Nova SUV com Motor a Diesel


Modelo chega às concessionárias brasileiras custando cerca de R$ 474 mil.

Há cerca de três décadas a grande e renomada fabricante de veículos automotores BMW, comercializa veículos movido a diesel no continente europeu, porém, aqui no Brasil, a marca começou a vender este tipo de veículo há aproximadamente um ano, sendo que no mercado nacional a marca só possui variantes do renomado SUV X5, as quais saem de fábrica equipadas com propulsor seis cilindros de 3.0 litros em linha reta, os quais são sobrealimentados com triplo turbocompressores, todo este conjunto espetacular foi projetado para trabalhar em conjunto com um câmbio automático de oito velocidades e sistema de tração integral.

Dentre as versões a diesel uma das opções existentes por aqui é a configuração xDrive30d, que atualmente tem o seu preço variando entre R$ 399.950 e R$ 415.950, o motor utilizado nesta configuração possui a capacidade de produzir uma potência máxima de 258 cavalos e um torque de 57,1 Kgfm. Outra opção a diesel é a versão topo de linha do X5 chamada M50d, que custa R$ 474.950 e tem uma potência que chega a incríveis 381 cavalos e valentes 75,5 Kgfm de torque.

Mesmo utilizando o mesmo pacote mecânico do X5 xDrive 30d, o modelo M50d possui todas as virtudes de um modelo da divisão de alto desempenho da escuderia BMW, tanto que o carrão possui, além de um visual ainda mais agressivo, emblemas exclusivos. Outro detalhe que chama bastante atenção neste modelo são as maravilhosas rodas de tamanho 20 polegadas que utilizam pneus de perfil baixo. A suspensão deste modelo é uma atração a parte, haja vista que o sistema de suspensão possui controle de rigidez e altura, detalhes estes que deixam claro o design mais esportivo deste SUV.

Por se tratar de um BMW, o quesito conforto não precisa nem ser questionado, mas na caso do X5 M50d a ergonomia foi projetada de forma muito criteriosa, sendo que o condutor consegue facilmente encontrar uma posição ideal para conduzir o carrão. Na questão do acabamento, na parte interior do veículo, a BMW não deixou a desejar, um exemplo disso são os assentos, que conforme a escolha do comprador eles podem vim revestidos em couro ou em Alcântara, que nada mais é que um modelo exótico de camurça.

O certo é que o BMW X5 M50d realmente é um espetáculo de veículo e que infelizmente será um veículo para um público seleto.

Por Adriano Oliveira


Novo Nissan Kicks deverá ser lançado no Brasil em breve


Modelo chegará ao mercado para disputar espaço com Honda HR-V, Jeep Renegade e Ford EcoSport.

Apesar de o contexto econômico do Brasil não estar favorável, a fim de tentar resgatar o setor, bem como atrair os poucos clientes que estão consumindo, as fabricantes de veículo estão utilizando várias estratégias para driblar a crise, uma das apostas das empresas é o lançamento de modelos inédito. É nessa perspectiva que a renomada fabricante de veículos automotores Nissan fez a confirmação que irá mostrar o seu mais novo crossover global, mas este lançamento será feito somente no próximo dia 03 de maio, durante o evento de Revezamento da Tocha Olímpica Rio 2016.

Diante da expectativa deste novo lançamento, várias especulações já estão sendo feitas em torno do modelo e a mais concreta até o momento foi uma visualização do veículo durante a gravação de propagandas na cidade do Rio de Janeiro.

Para quem ficou curioso e ainda não sabe o nome deste novo crossover da Nissan, o modelo foi batizado com o nome de Kicks, que pelo que pôde ser visto, é um pouco diferente do Kicks Concept. A versão de comercialização do veículo tem como principal destaque o seu visual, que possui na parte frontal e nos frisos laterais traços musculosos, bem como teto em cor distinta da cor da carroceria. O teto deste novo veículo da Nissan é diferenciado dos que estamos acostumados, pois o teto dele possui uma espécie de caimento bastante análoga com a do conhecido Range Rover Evoque.

Graças a um investimento de R$ 750 milhões feito pela Nissan, o Kicks terá fabricação em solo brasileiro. Esta novidade da Nissan chegará para disputar um espaço no concorrido mercado de SUVs de pequeno porte, sendo que os seus principais concorrentes serão os já conhecidos e renomados Honda HR-V, Jeep Renegade e Ford EcoSport.

A estreia do Nissan Kicks Concept ocorreu no Salão Internacional do Automóvel de São Paulo do ano de 2014, mas a apresentação do modelo foi feita no mês de junho do ano de 2015, no Salão de Buenos Aires, na Argentina.

Logo este veículo será mais um modelo que em breve será lançado no país e que com certeza irá brigar de igual para igual com os seus concorrentes.

Por Adriano Oliveira


Conceito do Novo Volkswagen Touareg 2017 será apresentado no Salão de Pequim


Modelo passará por mudanças de design e ganhará um novo motor.

Faltando apenas uma semana para o início do Salão de Pequim, a grande e renomada fabricante de veículos automotores Volkswagen fez a antecipação de um de seus modelos que deverá ser uma das suas principais atrações na mostra chinesa: o veículo é um SUV de grande porte e que irá antecipar a nova geração do Touareg, que tem lançamento aguardado para o ano de 2017.

As linhas deste novo veículo são similares às do recém-reestilizado Tiguan, tendo como destaques principais a presença de guias de EDs nos faróis, no friso da grade e luzes de neblina. Com relação ao design do próximo Touareg, a Volkswagen irá apostar em design tradicional e típico da marca, com a presença de traços bastante retilíneos, destaque na linha da cintura, bem como ombros largos.

Já na parte interna, o conceito irá apresentar um ambiente do tipo lounge, que terá a presença de muitos elementos digitais de altíssima tecnologia, bem como avançados sistemas de infotainment. Outra novidade que será trazida será o propulsor powertrain híbrido, modelo que possui a capacidade de produzir uma potência máxima de nada mais nada menos que 381 cavalos e um torque de 71,4 Kgfm, força esta que é suficiente para fazer com que este SUV consiga acelerar de 0 a 96 Km/h em apenas 6,0 segundos, podendo fazer com que o veículo chegue a uma velocidade máxima de 224 Km/h.

Com relação ao consumo do modelo, em modos combinados, o veículo consegue manter um consumo médio de 33,3 Km/l, enquanto se for utilizado no modo integralmente elétrico há a possibilidade de rodar 50 Km somente com a autonomia da bateria. Ao que tudo indica, esta deverá ser a versão mais econômica do novo Touareg.

Logo, neste primeiro momento, enquanto todos estão aguardando ansiosamente o início do Salão de Pequim para visualizar todas as novidades trazidas pelas empresas do setor automobilístico do mundo inteiro, o que nos resta é esperar, pois nas próximas semanas teremos, além de outras novidades, maiores detalhes e especificações técnicas e tecnológicas não só do Touareg, mas de todos os outros modelos que estão sendo lançados pelas demais fabricantes.

Por Adriano Oliveira


Hyundai IX25 deverá ser lançado no Brasil em Novembro


Nova SUV deverá ser apresentada durante o Salão do Automóvel de São Paulo 2016.

Não restam dúvidas de que no segmento de veículos aqui no Brasil, um dos setores que mais cresce é o dos SUVs, que vem atraindo cada vez mais adeptos. É nessa perspectiva e tentando se inserir nessa concorrência que a renomada Hyundai será mais uma fabricante a se inserir no segmento de SUVs compactos no mercado nacional. Durante o evento que foi realizado para fazer o lançamento do HB20 com motor 1.0 turbo, um dos diretores da Hyundai afirmou que o ix25, veículo conhecido em alguns mercados como Creta, será apresentado aqui no Brasil ainda este ano.

Pelas notícias que estão sendo veiculadas e que foi confirmada neste evento, o ix25 chegará ao Brasil no Salão de São Paulo, evento que ocorrerá em novembro, contudo, a comercialização só terá início provavelmente no mês de dezembro.

Atualmente o ix25 está sendo produzido e comercializado nos mercados chineses e indiano, mas a chegada do modelo ao Uruguai e a Argentina também já foi confirmada. Com relação às características deste veículo, ele possui um porte bem semelhante ao Jeep Renegade, Honda HR-V e Ford EcoSport, possuindo um comprimento de 4,27m e um entre-eixos de 2,59m.

Mesmo com a confirmação da chegada deste veículo por aqui, a Hyundai ainda está com uma série de indefinições com relação aos detalhes deste modelo que chegará ao mercado para aumentar a concorrência em um dos segmentos mais almejados do mercado nacional.

Nos mercados onde o ix25 já é comercializado ele vem com o já conhecido propulsor 1.6, capaz de produzir uma potência de 128 cavalos, motor este que já é utilizado por aqui no HB20, outro quesito que também deverá ser compartilhada com o compacto da marca será a transmissão, que será de seis velocidades, podendo ser manual ou automática.

Outro indicativo de que os planos para este veículo por aqui estão sendo desenvolvidos a todo vapor é o fato de o veículo estar sendo visto, contudo com camuflagem pesada, nas adjacências da fábrica que fica na cidade de Piracicaba (SP), porém a fabricante ainda prefere guardar debaixo de sete chaves maiores detalhes e especificações deste modelo que será mais uma aposta da marca em breve aqui no Brasil.

Por Adriano Oliveira


JAC SC5 Concept – Novo SUV deve ser lançado em 2017


Montadora chinesa apresentou as primeiras imagens do carro. Modelo é uma das grandes apostas da JAC para o mercado chinês.

Mesmo faltando alguns dias para o início do Salão de Beijing, a grande e renomada fabricante de veículos automotores JAC Motors já fez a divulgação dos primeiros teasers daquele que será o seu mais novo lançamento, o SC5 Concept. Ao que tudo indica essa nova aposta da marca será nada mais nada menos que um SUV inédito de porte médio que será, em princípio destinado ao mercado chinês, o estudo completo e demais características desse veículos serão divulgados na íntegra nos próximos dias.

Nesses primeiros teasers deu para visualizar que o veículo virá com um visual bastante arrojado, fazendo uma breve referência aos modelos da Lexus. O JAC SC5 possui como maior destaque a sua dianteira, que diga-se de passagem ficou muito marcante e apresenta características bastante agressivas, devido a presença de peças cromadas, bem como pelos elegantes faróis de LED.

Segundo as notícias de bastidores que estão sendo veiculadas pela própria imprensa chinesa, o conceito irá ser propulsionado por um conjunto híbrido, enquanto a versão para comercialização virá dotada de propulsores 1.5 e 2.0, ambos com a presença de turbo e com potências máximas de 155 e 200 cavalos respectivamente.

A versão de produção desse veículo é uma das grandes apostas da JAC no mercado chinês e por este motivo o carro está sendo muito cobiçado e aguardado. A previsão de chegada do veículo será no máximo até o ano de 2017.

Já aqui no mercado brasileiro a JAC Motors está prestes a completar cinco anos de operação. Apesar de ter sido uma marca que chegou um pouco desacreditada, aos poucos a empresa tem ganhado muitos clientes, principalmente devido ao fato de os seus veículos apresentarem uma quantidade satisfatória ou até superior que muitos outros modelos renomados de tecnologia e itens de segurança. Outro fator que tem atraído muito clientes é o fato de os veículos da marca já saírem de fábrica com garantia de 5 anos.

O certo é que essa marca, que já é um sucesso na China, está buscando cada vez mais ampliar o seu horizonte e sem sombra de dúvida está apostando muitas fichas no mercado brasileiro.

Por Adriano Oliveira


Zotye T600 – Novo Carro Chinês parecido com o VW Touareg


Modelo será lançado neste mês de março e chama atenção pelo pacote de equipamentos sofisticado.

O mês de março está se aproximando do fim e nos próximos dias o Zotye T600 estará chegando ao mercado chinês. De acordo com as primeiras expectativas, a previsão é de que isso aconteça já no próximo dia 23. O modelo já tem chamado atenção por um ponto específico: o pacote de equipamentos sofisticado. O T600 possui uma forte inspiração em outro modelo já conhecido, o Volkswagen Touareg. O SUV desenvolvido para o mercado asiático contará com algumas diferenças se comparado com o modelo alemão, principalmente no que diz respeito aos detalhes estéticos e as dimensões.

Na dianteira do Zotye T600 vamos encontrar faróis de LED, além de luzes de LED diurnas. Já na parte de trás do carro há a presença apenas das lanternas em LED. Tecnicamente os LEDs por si só não chamam muito a atenção. Mas para equilibrar esse ponto o carro apresenta um design para as lanternas e faróis que fazem a diferença, transparecendo um certo “ar” de sofisticação.

As rodas do T600 foram feitas em liga leve com aro de 18 polegadas. O carro ainda possui abertura e fechamento da tampa do porta-malas elétrico. As maçanetas trazem um detalhe interessante: são iluminadas. O para-brisa, por sua vez, virá com aquecimento elétrico.

A parte interior do Zotye também tem seus destaques. Um deles é o HUD sobre o cluster que vem com a instrumentação apresentada por meio de uma tela de LCD completamente configurável. Além disso, o T600 ainda disponibiliza uma central de multimídia com o sistema de Apple Car Play e diversas outras funcionalidades. Para melhorar o conforto dos passageiros teremos o ar-condicionado dual zone. Ainda no interior vamos ter também os bancos dianteiros elétricos. Destaque para o banco do motorista, que pode ser configurado em três memórias.

Entre outros detalhes esse crossover da montadora chinesa chegará com um acabamento geral em couro, o que é válido até para o painel e console. Assistente de partida em rampa, controles de tração e estabilidade, seis airbags, teto solar panorâmico, entrada e partida sem chave, Auto Hold, botão giratório para mudança de marchas igual ao presente no JLR e freio de estacionamento eletrônico também estarão presentes.

O T600 não deve vir ao menos por enquanto para o mercado nacional. De acordo com a Zotye, um modelo menor deverá aparecer por aqui, o T500. Para isso a fabricante chinesa acabou comprando as operações da TAC Motors no estado do Ceará. Entretanto, a fábrica da montadora, que já foi prometida por aqui, deve ser construída em Goianésia/GO. Isso porque a unidade do estado do Ceará não comporta os novos modelos que deverão ser produzidos.

Por Denisson Soares


Hyundai Santa Fé 2016 – Lançamento e Preço no Brasil


Novo veículo chega de visual novo e custará a partir de R$ 164 mil.

Não há como negar que vários modelos da fabricante de veículos automotores Hyundai são sinônimos de desejo, elegância e bom gosto aqui no Brasil. É nesse contexto que a Hyundai CAOA fez o anúncio de mais uma de suas novidades destinadas para o ano de 2016 aqui no país, esse novo modelo da marca é o SUV Santa Fé 2016.

Este carro será comercializado com preços promocionais, sendo que a sua versão mais básica irá custar R$ 164.900, a qual possui cincos lugares. Já a versão topo de linha com sete lugares será comercializada pelo valor de R$ 214.883. Vale lembrar que o design deste novo modelo de SUV da marca foi inspirado no conceito Storm Edge, que é caracterizada pela evolução da identidade “Escultura Fluída”.

Dentro das modificações que foram feitas nesta nova versão do veículo, os principais destaques ficaram por conta da presença de um acabamento fosco na cor chumbo na grade hexagonal frontal, bem como a inserção de aletas mais arredondas e menos espessas. Além dessas inovações a fabricante fez alguns retoques nos faróis de neblina e no para-choque frontal, já o conjunto óptico dianteiro foi contemplado com novo arranjo de luzes, bem como com projetores com o formato dessa vez mais arredondados.

Já na parte interna a mudança mais significativa ficou por conta da central de multimídia que passou por uma reestilização. Para os consumidores que gostam daqueles pequenos espaços para colocar objetos, agora o habitáculo do carro conta com a presença de um novo porta objetos, o qual tem a tampa localizada na parte de cima do painel, outro quesito que passou também por um reestilização foi o console de teto.

O propulsor disponibilizado neste modelo continuará sendo o antigo V6 de 3.3 litros movido à gasolina, o qual é capaz e produzir uma potência máxima de 270 cavalos a 6.400 rpm e um torque de 32,4 Kgfm a 5.300 rpm, o câmbio do veículo é automático e contém seis velocidades, porém, com a opção de mudanças de marchas no modo manual.

A força do propulsor é distribuída às quatro rodas, conforme a necessidade, pelo sistema de tração integral inteligente que conta com um sistema de embreagem denominado multidiscos.

Com relação aos itens de série, o veículo é uma atração a parte, uma vez que há tudo o que existe de mais moderno no mercado.

Por Adriano Oliveira


Toyota C-HR – Apresentação do Novo SUV


Novo veículo da Toyota se destaca pelo belo design e contraste de cores.

A Toyota apresentou ao mercado o seu novo SUV: o C-HR. As primeiras unidades do carro foram registradas após saírem da fábrica na Turquia. O carro chama a atenção pelo design e contraste de cores, sobretudo pela pintura bicolor como, por exemplo, o automóvel na cor vermelha e o teto em branco. Esta dualidade de cores é comum em automóveis de marca premium ou que apostam neste estilo.

A marca japonesa já tinha informado que ia investir pesado no design do novo SUV. Com linhas arrojadas e expressivas, o carro ganha destaque em cada detalhe. As lanternas, por exemplo, têm formato em bumerangue, demonstrando ousadia.

Mas para quem prefere um estilo menos arrojado, a marca japonesa também investiu em um modelo de SUV com pintura única de carroceria e teto. As primeira unidades do carro estão previstas para chegar ao mercado europeu em junho e terá as opções de motor 1.2 turbo, 1.8 e 2.0 associado ao câmbio CVT. No Brasil, ainda não se sabe quando as vendas serão iniciadas.

Além disso, há rumores também de que em 2017 o CH-R terá uma versão a diesel e poderá ser lançada no mercado europeu. O carro terá as opções de câmbio manual ou automático e, além disso, poderá vir com tração 4X4.

O carro vai contar com tecnologia e segurança, além de uma central de multimídia que é sensível ao toque. Inicialmente, especula-se que o modelo vai ser produzido apenas na Europa e Estados Unidos, sendo possível o primeiro SUV híbrido do mundo.

A tecnologia do C-HR vai ser a mesma que é usada na quarta geração do sedã Toyota Prius 2016, que possivelmente vai ser lançado no Brasil ainda em 2016. O carro foi apresentado no Salão do Automóvel de Paris.

Entre outros detalhes do novo SUV, o modelo tende a trazer faróis em LED e um grande logo da montadora no centro da parte dianteira do carro. Além disso, as rodas chamam a atenção pelo tamanho e o preço do carro ainda não foi divulgado de forma oficial. Os rumores é que os valores devem ser perto da casa dos R$ 76 mil.

O que achou do novo carro da Toyota? Deixe a sua opinião!

Por Babi


Toyota SW4 2016 – Ficha Técnica e Preço no Brasil


Veículo chega ao Brasil custando de R$ 205 mil a R$ 225 mil. Carro irá disputar mercado com a Discovery Sport.

A Toyota SW4 sempre foi conhecida por manter o mesmo visual durante todos os anos, o que para muitos clientes da marca causava um certo desconforto, pois o veículo parecia nunca se reinventar e modernizar.

Porém, agora no ano de 2016, a Toyota resolveu ouvir os apelos dos seus consumidores e lançou a 3ª geração da SW4 no Brasil.

O modelo já está disponível para a comercialização nas lojas e custa em torno de R$ 205 mil reais, no modelo que traz um motor V6 de 238 cavalos de potência, movido a gasolina e com capacidade para 7 passageiros. Além desse modelo, o cliente pode optar ainda por um com o motor 2.8 turbodiesel de 177 cavalos. Para esse segundo modelo os preços são R$ 220 mil reais para um com disponibilidade de 5 assentos e de R$ 225 mil reais para um modelo com 7 lugares. Para todas as versões o câmbio é automático e de seis marchas.

O Toyota SW4 possui a versão de acabamento SRX, que é a topo de linha da marca. Para a segunda metade do ano a montadora ainda trará um novo motor flex para o SUV. Ao que tudo indica essa motorização será mais simples e chega para ser a versão de entrada da linha SW4.

Na parte das dimensões do veículo as mudanças não foram tão acentuadas, o que muda mais drasticamente é o comprimento do veículo, que está cerca de 9 centímetros mais comprido, chegando agora a 4,8 metros de comprimento. Mesmo com essa mudança o entre-eixos ainda continua medindo 2,75 metros.

A SW4 chega ao mercado muito bem equipada, seguindo o padrão SRX topo de linha da marca. O veículo vem de fábrica com 7 airbags, abertura elétrica do porta-malas, câmera de ré, bancos de couro, faróis e lanternas de LED, ar-condicionado digital, controles de tração e estabilidade, além de uma tela multimídia de 7 polegadas com tecnologia touchscreen (sensível ao toque).

Para concluir, é possível notar de forma clara o quanto a Toyota investiu na repaginação e modernização da SW4, podendo isto ser visto pelo visual moderno implantado no modelo e também em todas as funções eletrônicas presentes no veículo. Porém, para bater de frente com os concorrentes, a Toyota ainda precisa melhorar um pouco no quesito acabamento, que perde de lavada para o concorrente Discovery Sport.

Por Igor Furraer


Renault Duster 2017 – Nova Geração chegará em 2017


Modelo terá laterais mais largas e design mais arredondado. Preço inicial do carro deverá ser de 12 mil euros.

A Renault vem investindo bastante em novas gerações para as famílias de automóveis já consolidadas no mercado mundial. Dois grandes exemplos são Logan e Sandero, que contam com novas gerações. Em contrapartida, o Duster, irmão de plataforma dos dois modelos citados anteriormente, ganhou apenas uma atualização. Mas isso não deve durar muito tempo, pois a Renault já anunciou que a nova geração do Duster chega em 2017. Nova plataforma, mudanças no design, qualidade de construção e espaço para sete pessoas são algumas das novidades.

Um detalhe importante é que, segundo destacou a publicação da AutoPlus francesa, o novo Renault Duster deve seguir os padrões do Sandero e do Logan na parte dianteira. Dessa forma, faróis mais estreitos que acabam se incorporando à grade e para-choque com grande tomada de ar deve estar presente no novo Duster. Uma das mudanças mais radicais deve ser feita no porte, pois o mesmo será alongado em 20 cm, dessa forma, chegando a 4,50 m. Com isso, o automóvel vai apresentar crescimento no entre-eixos e no balanço traseiro. O resultado disso será o fato de o porta-malas abrigar um banco para dois passageiros, o que permitirá o espaço para sete pessoas.

Além disso, é importante destacar que essa mudança no porte deixará as laterais do automóvel um pouco mais largas e seu design mais arredondado. Essas mudanças no design vão deixar o novo Renault Duster lembrando bastante o já conhecido Renault Kadjar.

A traseira também passará por mudanças e um dos destaques devem ser as lanternas quadradas no estilo Jeep Renegade, mudando bastante em relação ao atual modelo vertical de lanternas. A parte da ligação dos para-choques se dará através de uma proteção plástica sem pintura e acabará cobrindo as caixas de roda, bem como a parte inferior das portas.

A parte interior do automóvel não deve conter muitas mudanças, haja vista o novo Duster 2017 ser um projeto de baixo custo. Com isso, o acabamento em plásticos rígidos deve se manter. Apesar disso, uma melhoria na qualidade dos materiais, bem como novos itens são esperados. A plataforma do automóvel será atualizada visando uma melhor dirigibilidade, além de segurança em impactos.

No mercado europeu, o Duster 2017 contará com motor a gasolina de 130 cv e diesel de 115 cv. O preço inicial deve ser a partir de 12 mil euros.

Por Bruno Henrique


JAC T5 – Lançamento do SUV no Brasil


Novo carro chega ao país para concorrer com o Ford EcoSport e custará cerca de R$ 59 mil.

O mais novo lançamento da JAC Motors está chegando no Brasil, o SUV JAC T5. O utilitário esportivo foi lançado no Salão do Automóvel de São Paulo 2014 e vem para conquistar o consumidor brasileiro.

Este veículo tem cerca de 18 mil exemplares emplacados por mês na China e vem para competir no segmento dos SUV’s, tendo como maior concorrente o Ecosport, da Ford.

O JAC T5 será vendido em terras brasileiras com motor JetFlex de 1.5 litros, com 16 cilindros em “V”, o mesmo do JAC J3, que gera 127 cavalos de potência a 6 mil rpm. O carro também possui um torque de 15,7 kgfm a 4 mil giros, movido a etanol. O carro chinês será comercializado inicialmente com transmissão manual de seis marchas e é muito provável que em maio de 2016 já seja disponibilizado com câmbio automático CVT de 6 marchas simuladas.

O carro apresenta traços modernos lembrando vagamente seu concorrente. Na parte de trás o veículo tem um para-choque avantajado, com detalhes cromados e lanternas elevadas. Na frente os faróis são um pouco afinados, com lâmpadas de LED e uma grande grade cromada.

Internamente o carro da marca da estrela vem com acabamento de plástico de qualidade e detalhes na cor black piano. O banco do motorista vem com regulagem de altura.

O que chama bastante atenção é o espaço interno do carro, que comporta bem os passageiros e condutor. As medidas de sua plataforma são: 4,32 metros de comprimento, 1,76 metro de largura e 1,66 metro de altura, com 2,56 metros entre-eixos. O porta-malas possui 600 litros e isso limitou a capacidade do tanque de combustível em 45 litros.

Na China o modelo apresenta nome “S3” na tampa do porta-malas, mas no Brasil exibe o nome “T5”.

O novo T5 chegará em março de 2016 custando entre 59 e 72 mil reais.

FILIPE RIBEIRO DA SILVA


Novos Preços do Hyundai Tucson


Modelo teve uma queda de preços e agora é vendido a partir de R$ 66.900.

A Hyundai anunciou uma redução no custo para o Tucson. Agora, o utilitário esportivo começa a ser comercializado com preços em R$ 66.900 (o preço antigo era de R$ 69.990). O modelo, que é fabricado pela CAOA na planta de Anápolis, em Goiás, contou com 9.601 unidades vendidas até o mês de outubro deste ano, sendo o sexto colocado no segmento no mercado nacional.

Como itens de série o Hyundai Tucson apresenta direção hidráulica, ar-condicionado digital, trio elétrico, rodas de liga leve com aro de 16 polegadas, farois de neblina, retrovisor com rebatimento feito eletricamente, entre outros.

O preço da versão topo de linha ainda é de R$ 75.990. Como diferenciais da outra versão, esse modelo tem câmera de ré, acabamento feito em couro e sistema de multimídia com DVD, GPS, conexão com iPod, USB e Bluetooth.

O motor é um 2.0 litros Flex com potência de 146 cavalos e torque de 19,6 kgfm. A transmissão do Tucson é de quatro velocidades e a tração é dianteira.

Novo motor do Hyundai HB20:

Depois de passar por uma reestilização, o HB20 apresenta algumas novidades para o ano que vem. Dados da montadora Hyundai dão conta que a mesma pode preparar uma versão mais esportiva do hatch compacto. O HB20 poderá ter um propulsor 1.0 litros Flex com três cilindros, injeção direta de combustível e um turbocompressor.

O motor deve ser uma nova versão do propulsor que está equipando o modelo Kia Cee’d GT Line na Europa. O bloco é um de 1.0 litro T-GDI Kappa. Ele conta com uma potência total de 120 cavalos, torque de 17,5 kgfm e 6.000 rpm. Esses números, segundo os rumores da internet, devem ser mantidos para o modelo que será comercializado no Brasil. O motor está em uma fase de testes feita pelos engenheiros da Hyundai, os quais avaliam a calibragem e a validação das alterações.


Novo Hyundai HB20X 2016 – Novidades e Preço no Brasil


Veículo ganha mudanças no design e recebe melhorias. Preço varia de R$ 55 mil a R$ 66 mil.

O modelo hatch aventureiro da Hyundai, o HB20X 2016, recebeu algumas mudanças em seu design, conforme divulgado pela própria fabricante nesta quinta-feira, dia 22 de outubro de 2015.

A parte frontal do veículo apresenta uma grade com detalhes cromados e um novo para-choque. As rodas foram redesenhadas e as luzes traseiras foram redispostas.

O modelo HB20X ganhou transmissão de 6 marchas, sendo disponível ainda apenas com motor 1.6. Porém, algumas melhorias foram implementadas afim de reduzir o consumo de combustível. A direção mudou de hidráulica para elétrica, exclusiva para o modelo.

Apesar de discretas, as mudanças do HB20X foram maiores que a do modelo HB20. Apliques plásticos na parte inferior simulam uma proteção de grade, a posição e o formato dos faróis de neblina também apresentaram mudanças.

As lanternas traseiras receberam nova disposição das luzes, as laterais não apresentam novidades, exceto pelas rodas maiores, agora com 16 polegadas.

Estão disponíveis no catálogo mais 3 opções de cores: Verde Forest, Prata Sand e Bronze Terra.

Oferecido em duas versões, Style e Premium, o HB20X possui em ambas versões ar-condicionado, volante com regulagem de altura e profundidade com comandos do som, vidros, travas e retrovisores elétricos, rádio com entrada USB, conexão Bluetooth, direção elétrica e faróis de neblina.

As diferenças entre os modelos ficam no câmbio manual para a versão Style. Para a versão Premium existe apenas a opção de câmbio automático, com ar condicionado digital, sensor de ré, airbags laterais, banco traseiro bipartido, faróis com acendimento automático e luzes diurnas de LED. Os retrovisores com rebaixamento automático complementam as diferenças entre as versões.

O sistema multimídia com GPS e bancos de couro marrom, entram como opcionais.

Os valores variam entre R$ 55.395,00 na versão Style com câmbio manual até R$ 66.485,00 para versão Premium com câmbio automático (com trocas sequenciais) e bancos com revestimento em couro.

Jean Fretta Pereira


Chevrolet Trailblazer 2016 ganha Novas Opções de Cor


SUV ganha novo tom de vermelho e cinza. Preço varia de R$ 161 mil a R$ 188 mil.

O SUV Trailblazer da Chevrolet não promete grandes mudanças para 2016, ao menos na questão do seu design. No entanto, para compensar, a montadora vai colocar mais alternativas de cores para a carroceria do modelo. Tudo para continuar chamando a atenção de quem escolheu fazer do Trailblazer a sua opção de compra em 2016.

A partir do próximo ano, já vão estar pelos pátios das concessionárias Chevrolet de todo o Brasil a versão do SUV na cor vermelha chilli e cinza graphite. Com mais esses acréscimos, agora o Trailblazer conta com sete opções em cores. Certamente que esse diferencial não é um grande pretexto para se sobressair frente à concorrência, mas diante da sua já ótima aceitação no mercado, a Chevrolet não quis incrementar nenhum projeto mais ambicioso de mudança no Trailblazer.

As cores também não funcionam como um “tiro no escuro”, pois segundo comunicado da diretoria de design da montadora, o objetivo de somar novos tons e nuances a esse modelo da Chevrolet está em fazer com que essas pigmentações diferenciadas deem um toque mais valoroso à robustez que o SUV apresenta em seu desenho.

As cores novas, sem dúvidas, serão um motivo a mais para se pensar em comprar o Trailblazer, mas não se pode esquecer que seu espaço interno também é um luxo a parte, uma vez que ele é um dos poucos modelos de SUV que tem três fileiras de assentos (em níveis diferentes) para que a climatização do carro alcance quem está na parte da frente e nos assentos detrás na mesma proporção. Os detalhes do interior do carro são cromados, o que passa uma sofisticação agradável, cromação que pode ser vista no anel decorativo envolta do ar-condicionado.

Como não poderia deixar de falar em tecnologia, o ar-condicionado é totalmente digitalizado. Tudo cercado pelo conforto dos bancos, pela direção hidráulica, travas elétricas, entre outros itens de série.

Informando sobre a potência, o SUV Trailblazer tem a opção 2.8 L de 200 cv de potência, com transmissão automática de seis velocidades, com tração 4×4. Para quem não gosta de transmissão automática, o motorista também pode optar por fazer trocas de velocidade manualmente.

De série, o Trailblazer também oferece airbags para motoristas e laterais; banco de motorista com regulagens elétricas; câmara de ré; sistema multimídia e suporte para que o carro não recue em descidas de muita inclinação.

O preço do SUV Trailblazer vai varia de R$ 161.000 a R$ 188.000, em média, sendo que esses preços vão depender da quantidade de opcionais que ainda se queira nele.

Conheça mais essa máquina no site http://www.chevrolet.com.br/.

Por Michelle de Oliveira


Nova Range Rover Sport – Lançamento no Brasil


Veículo chega ao Brasil com novo motor SDV8 4.4, que fornece 339 cv de potência e 75 kgfm de torque.

Foi anunciado recentemente o lançamento da Range Rover Sport no mercado brasileiro. Dentre os principais destaques deste lançamento está o novo motor diesel SDV8 4.4 litros de 339 cv de potência e 75 kgfm de torque. Com isso, trata-se de um lançamento bastante potente e que deve chamar a atenção daqueles que curtem velocidade e aventura. Vale ressaltar que, segundo a fabricante, o modelo pode acelerar de 0 a 100 km/h em 6,9 segundos. Além disso, o motor é acompanhado do câmbio ZF de oito marchas, que foi desenvolvido com o intuito de oferecer excelente desempenho em qualquer uma das versões.

Saiba que a Range Rover Sport será disponibilizada com três opções distintas de motor, sendo duas delas movidas a gasolina e uma a diesel. Apesar disso, todas as versões serão acompanhadas da versão automática de oito velocidades. Outro grande destaque quanto a este lançamento é sem sombra de dúvidas o sistema de tração integral permanente que é responsável por adicionar a caixa de transferência com marchas reduzidas.

Outro destaque bastante interessante deste lançamento é a suspensão em alumínio, que permite com que o peso de 420 kg seja reduzido. Também podemos destacar o sistema Adaptive Dynamics, que tem como principal função o ajuste da altura da suspensão de forma automática. Já o sistema Terrain Response é o responsável por selecionar de forma automática o modo mais indicado para dirigir em determinados tipos de terrenos que não seja a estrada.

A Range Rover Sport também é bastante segura, haja vista os oito airbags além de sistemas como, por exemplo, ABS, EBA, DSC, EBD e HDC. Outros itens de série disponíveis neste modelo são: tampa do porta-malas elétrica com abertura por sensor, sistema de entretenimento com tela de 8 polegadas, sistema de entretenimento traseiro, compartimento refrigerado, sistema keyless com botão start/stop, para-brisas aquecidos e bancos de couro. O pacote de conectividade dispõe de: Bluetooth, transmissão de áudio através de Bluetooth, conectividade USB e sistema de navegação.

Por Bruno Henrique


Novo Kia Sportage 2016 ganha visual de Porsche


Nova versão da SUV será apresentada no Salão de Frankfurt 2015, que acontecerá no mês de setembro de 2015.

Com a adoção do programa Inovar-Auto, em 2012, que adotou cotas para a importação de automóveis, a Kia foi grandemente prejudicada. A fabricante de carros coreana teve um encolhimento de sua produção de cerca de 6.432 unidades no ano de 2010 para 1.460 emplacadas no primeiro semestre deste ano.

Apenas um único modelo da marca conseguiu se sustentar em meio a esse cenário pessimista: o Sportage. Ao contrário do sumiço do resto da linha da Kia no Brasil, o SUV compacto teve um rápido crescimento nos últimos anos e chegou a atingir o pico de 10.381 unidades comercializadas no ano passado.

Só no primeiro semestre deste ano foram comercializadas 4.474 unidades, o que representa um percentual de 45% das vendas da montadora no Brasil.

No Salão de Frankfurt, que acontecerá em setembro deste ano, sua quarta geração será apresentada ao público e uma nova identidade visual será inaugurada. Na última segunda-feira (dia 17) a Kia apresentou alguns esboços do novo modelo.

Nos desenhos apresentados ao público, podemos notar que o Sportage ganhará traços esportivos, como o capô e os faróis salientes, que inclusive lembram modelos como os SUVs da Cayenne, Macan e Porshe. Mas para manter a identidade da marca, a grade frontal segue seu design tradicional, com as bordas inferiores e superiores seccionadas.

Na parte traseira, o esboço revela lanternas levemente mais estreitas e unidas por um filete central. Para formar um efeito tridimensional, foram usadas faixas de LED. A lateral do modelo tem aparência musculosa, com definição marcante nos vincos. As rodas desproporcionais do esboço mostram que o modelo está numa fase conceitual, o que permitiria alguns exageros.

A atual geração do Sportage no Brasil é vendida em três versões e o preço pode ser encontrado a partir de R$ 99.900.

O modelo poderá ser conferido na íntegra no Salão de Frankfurt, que acontecerá entre os dias 17 e 27 de setembro.


Volvo XC 60 Inscription – Lançamento da Nova Versão


Novo carro já está sendo vendido nas concessionárias da marca por cerca de R$ 225 mil.

A renomada e conhecida montadora de veículos automotores, a Volvo, anunciou no início deste mês de agosto a chegada ao mercado do XC 60 com uma nova versão, a Inscription. Este novo modelo foi lançado com a nobre missão de assumir o topo da linha do SUV. Em princípio, o preço sugerido pela montadora para comercialização desta novidade será de R$ 225.990, valor este que é o mesmo que era cobrado pela antiga versão que era considerada topo de linha, a distinção entre estas duas versões e que fez com que a Inscription assumisse esse posto são a lista de acessórios que veio mais recheada e o acabamento interno, que também ficou mais refinado.

Na parte externa, o novo Volvo XC60 Inscription possui rodas de liga-leve no tamanho 20 polegadas com design totalmente exclusivo, detalhes em cromado e nas soleiras das portas foi inserido o nome da versão.

Já na parte interna este veículo impressiona muito, uma vez que os foros laterais das portas, bem como o painel de instrumentos, foram completamente revestidos em couro, sendo que será disponibilizado aos consumidores quatro combinações distintas de acabamento, duas exclusivamente feitas para este modelo (Branco Mármore e a Caramelo). Além dessas duas, há também as mais tradicionais que são o Bege e o Preto.

Com relação aos acessórios de série, a montadora não iria deixar a desejar, uma prova disto é o fato de que este carrão vem de fábrica com ar-condicionado de duas zonas, bancos dianteiros elétricos dotados de sistema de memória e aquecimento, o painel de instrumentos traz uma belíssima tela de oito polegadas, a qual tem sistema de multimídia com a presença de GPS e localização de pontos de interesse, controle adaptivo de cruzeiro, alertas de tráfego lateral, ponto cego, colisão e mudança de faixa.

O motor inserido neste veículo é o novo propulsor da montadora, o T6 Drive-E, que é 2.0 litros de quatro cilindros e turbo ainda por cima, este motor é capaz de desenvolver uma potência máxima de incríveis 306 cavalos e trabalha em conjunto com uma transmissão automática de oito marchas.

Por Adriano Oliveira


Novo Toyota SW4 é apresentado na Austrália e Tailândia


Veículo traz mudanças estéticas e começará a ser vendido no último trimestre deste ano, na Tailândia e Austrália.

Depois de muitas fotos vazadas e flagras pelas ruas, a fabricante de veículos automotores Toyota finalmente revelou oficialmente a nova geração do Toyota SW4. O lançamento deste veículo foi feito nos dois países que sediaram o seu desenvolvimento, Tailândia e Austrália. Para fazer este lançamento a  empresa fez um evento simultâneo nos dois países, sendo que nesta ocasião esta nova versão do famoso utilitário da Toyota foi apresentada à toda imprensa e foi revelado que a comercialização deste novo carro será feita localmente nestes dois países e está prevista para iniciar no último trimestre ainda deste ano.

Conforme já era previsto por muitos especialistas, o design desse novo SW4 seguiu exatamente os traços independentes que já eram comparados com as linhas da picape, o principal destaque ficou por conta da forte inspiração que a fabricante retirou  dos modelos da Lexus.

Na parte frontal, este veículo foi caracterizado por faróis afilados, os quais são munidos de projetores e luzes diurnas de LED, ainda há a presença de uma grade bastante chamativa que tem filetes cromados, bem como barras no sentido longitudinal que vão até o para-choque. E para dar um toque a mais de elegância, foi inserida uma generosa moldura que fica no entorno dos faróis de neblina e que também é cromado.

Nas laterais, o destaque maior ficou por conta do desenho dos vidros, que são estilosos, e do ressalto que foi colocado na porta traseira e possui o desenho do formato da vigia lateral.

Com relação à motorização, este utilitário irá trazer sob o capô um propulsor GD 2.8 turbodiesel, que teve a sua estreia na Hilux, motor este que tem a capacidade de gerar uma potência de 177 cavalos e um torque de 45,8 kgfm. O motor trabalhará junto com um câmbio automático ou manual, sempre com 6 marchas.

Este veículo será comercializado em três versões, sendo estas: GX, GXL e Crusade. Em todas estas versões, pelo menos na Austrália, este carrão sairá de fábrica com sistema de tração 4X4, sistema este que será acionado através de um botão seletor que ficará no console do veículo.

Por Adriano Oliveira


Novo Jeep Cherokee poderá ser lançado em 2016


Novo veículo deve manter a atual identidade visual, porém, receberá melhorias.

A próxima reestilização que o Jeep Cherokee vai passar vai continuar com a identidade visual atual. As informações foram divulgadas pelo site norte-americano AutoNews.

A identidade visual que está presente hoje no veículo foi divulgada há cerca de dois anos. Os rumores dão conta de que em 2016, no mercado americano, o Cherokee contará um facelift de meia geração. O lançamento será feito como ano e modelo 2017.

Mike Manley, que é um dos chefes da Jeep, comentou recentemente que além da identidade, as acomodações e as formas do veículo continuarão as mesmas. Isso se deve ao sucesso que o atual modelo do Cherokee teve em termos de vendas. Ele foi melhor no mercado do que o Grand Cherokee e o Wrangler, nos Estados Unidos.

Outra novidade da Fiat-Chrysler é que vai atrasar o lançamento da nova geração do Jeep Grand Cherokee. A sua chegada iria acontecer nos próximos dois anos, mas de acordo com Naley, isso acontecerá somente no ano de 2018 ou 2019.

Esse atraso do Jeep Grand Cherokee, segundo a montadora, não deverá afetar o cronograma que é voltado para o Grand Wagoneer, que vai bater de frente com o Range Rover. Tanto o Grande Cherokee como o Wagoneer serão fabricados na cidade de Detroit, nos Estados Unidos.

Dicas para Economia de Combustível:

  • A revisão de seu carro é outro ponto importante que ajuda na economia de combustível. Mesmo sendo uma coisa meio óbvia, a revisão não é completamente feita pelos donos de automóveis. Ainda é necessária uma boa manutenção no carro depois de rodar por uma grande quantidade de quilômetros, isso para evitar problemas mais graves. O desgaste de alguns componentes dos carros vão influenciar no consumo de seu veículo. Quando se é realizada as revisões, o automóvel passa por reparos mais pontuais e isso melhora o funcionamento do mesmo. Com o carro funcionando melhor, o gasto de combustível também melhora. 


Novo Hyundai Santa Fé 2016 – Lançamento e Novidades do SUV


Hyundai apresenta o Novo Santa Fé 2016. SUV passa por reestilização e ganha novos acessórios.

Apesar de estar a pouquíssimo tempo no mercado, a Nova Geração do Hyundai Santa Fé recebeu a sua primeira reestilização na Coreia do Sul. Por lá, o modelo já tem mais de três anos e por isso acabou recebendo o seu primeiro facelift. Entre as principais mudanças presentes no SUV estão a presença de novos faróis, nova grade frontal, novos para-choques e novas lanternas.

Segundo informações divulgadas pelo site "The Korean Car Blog", o Novo Hyundai Santa Fé 2016 está com a sua estrutura mais resistente, já que a montadora decidiu utilizar em sua estrutura aços de alta resistência para manter a segurança de todos. Um detalhe importante de se citar é que o veículo será vendido com uma série de tecnologias que prometem facilitar a vida de qualquer motorista, como controle de cruzeiro inteligente, detector de ponto cego, sistema de frenagem autônoma de emergência, além de assistente de estacionamento, sistema de áudio JBL, entre outros itens.

Com relação à motorização do carro, o Santa Fé 2016 poderá ter três propulsores movidos a diesel. Um dos motores será o 2.0, que oferece 185 cv de potência 41 kgfm de torque. Já o motor 2.2 Turbodiesel oferece 202 cv de potência e 45 kgfm de torque. Por fim, a modelo deverá ter ainda uma versão com motor 3.3 V6. 

A Hyundai informou ainda que o carro deverá ser lançado nos Estados Unidos no início do próximo ano. Por aqui, a montadora não divulgou informações sobre quando deverá disponibilizar a nova versão do veículo.

Sobre o Hyundai Santa Fé:

O Hyundai Santa Fé foi apresentado pela primeira vez no ano de 2001. O veículo se baseia na plataforma do Hyundai Sonata e apesar de ter sido criticado pela imprensa especializada, fez grande sucesso com o público consumidor, se tornando um dos principais modelos vendidos pela Hyundai. No ano de 2008 a Hyundai lançou a segunda geração do veículo, que ficou entre os 10 melhores carros do ano segundo a Consumer Reports Top Pick. Por fim, a terceira geração, que está atualmente sendo vendida, foi lançada em 2012 e ganhou uma versão sport com 5 lugares.

Entre os concorrentes do carro estão: Kia Sorento, Mitsubishi Outlander, Nissan Pathfinder, Honda Pilot e Ford Escape.


Ford Everest foi lançado na Tailândia no Salão de Bangok


O modelo é o SUV da Ranger, mas o veículo não deverá ter lançamento no Brasil.

Uma das grandes novidades da Ford para o mercado automobilístico é o novo Ford Everest, um SUV da Ranger. Vale ressaltar que a novidade da Ford já foi apresentada oficialmente no Salão de Bangkok, Tailândia. É importante destacar que este é um utilitário de luxo com principal foco nos mercados localizados no Sudeste Asiático. No entanto, a notícia negativa é que não existem planos da Ford para trazer o SUV da Ranger para o mercado brasileiro no momento.

Vale ressaltar que a Ford é uma das maiores empresas em seu ramo. A mesma possui sua origem nos Estados Unidos e foi fundado por Henry Ford, grande empresário do meio automobilístico.

A notícia de que o Ford Everest não deve chegar ao mercado brasileiro partiu de fontes ligadas à Ford no Salão do Automóvel de São Paulo. Segundos essas fontes, a chegada do SUV da Ranger está cada vez mais distante de nosso mercado. Um dos principais motivos para isso teria sido os investimentos da Ford na Argentina. Seria lá que o SUV da Ranger seria produzido, no entanto, o projeto foi cancelado, haja vista a atual crise econômica na qual à Argentina está inserida. Além disso, outros fatores influenciaram a mudança da Ford: o fraco desempenho de rivais da Chevrolet e Toyota, bem como a preferência do público por modelos on-road como, por exemplo, o Edge.

O novo Ford Everest é uma das principais expectativas da empresa norte-americana para o mercado do Sudeste Asiático. O mesmo apresenta características e configurações muito procuradas nesta região. Um grande exemplo disso é o design extremamente elegante desse automóvel.

O novo Ford Everest será disponibilizado em versões com opção de tração traseira ou 4×4. O SUV Premium conta com duas opções de motores diesel Duratorq TDCi de nova geração: 3.2 cilindros (com cerca de 200 cv) e 2.2 de quatro cilindros (possui cerca de 160 cv). Além disso, o cliente ainda pode optar por transmissão automática ou manual de seis velocidades.

Por Bruno Henrique


Jac T6 – Lançamento e Preço no Brasil


Jac Motors lança o seu novo modelo T6 no Brasil. Novo veículo custa a partir de R$ 72 mil.

A JAC Motors iniciará a comercialização de forma efetiva do crossover T6 na metade do próximo mês. Até o momento, houve a entrega somente das unidades que possuíram encomendas no Salão do Automóvel, em novembro do ano passado. O veículo será recebido por mais de R$ 72.310, valor recomendado onde não faz parte a câmera de ré (com valor de R$ 690) e o sistema multimídia (com preço de R$ 2.990). Através destes dois componentes, o modelo passa a ter o valor de R$ 75.990.

O novo modelo possui motor 2.0 flex (de 160 cavalos de potência e 20,6 mkgf de torque, a 4.000 rpm), que está funcionamento junto com a transmissão manual de cinco velocidades.

A direção possui assistência elétrica e a lista de componentes de série é diversificada e possui ar condicionado digital, sensores nos para-choques (que auxiliam nas manobras de estacionamento), como também controles eletrônicos de estabilidade e tração, volante revestido de couro, rodas de aro de 17 polegadas, entre outros componentes atrativos para o público.

O T6 não possui somente o visual do Hyundai ix35. Seu porte é bem semelhante, tendo 4,43 metros de comprimento, enquanto o concorrente coreano possui 4,41m. Já a medida entre-eixos é idêntica, sendo de 2,64m. Isto também auxilia no conforto, uma vez que os joelhos das pessoas que vão sentadas nos assentos da parte de trás estão com uma significativa distância das costas e dos encostos dos bancos da frente. Verificado na parte de trás, o modelo recorda o Audi Q5, sendo mais devido às lanternas. O para-choque possui duas saídas de escape e com a parte de baixo em plástico preto, que previne pequenos arranhões através de pedriscos e algo semelhante.

Sobre o JAC Motors:

A Jac Motors, também conhecida como Jianghuai Automobile Company, é uma montadora de automóveis chinesa. A empresa foi fundada no ano de 1964 e sua sede fica na cidade de Hefei, na China. No ano de 2012, a empresa produziu cerca de 445 mil automóveis. A empresa chegou ao Brasil no ano de 2010, através do Grupo SHC, do empresário Sérgio Habib. Vale lembrar que este mesmo grupo foi responsável por trazer a marca Citroen ao país. Por aqui, atualmente a Jac Motors possui 70 concessionárias (que estão espalhadas por 18 estados) e uma fábrica na cidade de Camaçari.

Felipe Couto de Oliveira


Novo Mitsubishi Outlander 2016 tem teaser divulgado


Mitsubishi divulga novo teaser do Outlander 2016. Novo SUV deverá ser apresentado no Salão de Nova Iorque, em abril deste ano.

O Outlander 2016 teve o seu primeiro teaser apresentado pela Mitsubishi. O modelo será divulgado no Salão de Nova Iorque, que irá começar no dia 2 de abril. É possível verificar que ele terá grandes alterações no design.

A parte visual do Mitsubishi Outlander 2016 terá como base o Outlander PHEV Concept-S, uma vez que a versão recente não conseguiu satisfazer grande parte dos consumidores, por causa que o seu visual mostrava um pouco de retrocesso em comparação a geração antecedente. A parte de dentro também poderá ser consertada, com a implementação de materiais mais qualificados no acabamento.

O Outlander PHEV também poderá ter modificações, com uma versão otimizada do sistema híbrido. O veículo utiliza um motor 2.0 a gasolina de quatro cilindros e outros dois elétricos, com bateria de íon de lítio com capacidade de 12 kWh. A independência do modelo é de 55 km na forma elétrica ou 880 km na forma híbrida.

A nova L200 foi garantida para ser recebida no território brasileiro. Depois de ser divulgada e ter se destacado no stand da Mitsubishi no Salão de Genebra 2015, o veículo será vendido ainda em 2015 no continente europeu, entretanto, no território brasileiro a data de recebimento ainda não foi divulgada. A nova geração do modelo será comercializada junto com a recente geração “Triton”. O modelo divulgado no Salão de Genebra possui motor 2.4 diesel, de 184 cv de potência.

No visual, as linhas da L200 apresentam elegância, com a ausência da perda da característica robusta, transmitindo uma grande impressão do design, com modificações recebidas para dar força nas comercializações. O veículo poderá ser recebido no próximo ano, importado, com ausência da data confirmada pela empresa.

O modelo possui um novo câmbio manual de seis velocidades, com alternativas de trocas manuais em aletas na traseira do volante.

Sobre o Mitsubishi Outlander:

O Mitsubishi Outlander foi lançado pela primeira vez no ano de 2001. Inicialmente o modelo foi lançado no Japão e era chamado de Mitsubishi Airtrek. Ele foi baseado no Mitsubishi ASX, carro conceito apresentado pela empresa no Salão North American International Auto Show, também em 2001. Para aqueles que não sabem, o conceito ASX marcou a entrada da Mitsubishi na indústria dos SUVs. O Mitsubishi Outlander foi criado pelo designer Olivier Boulay e tem como principais concorrentes o Honda CR-V e o Hyundai Santa Fe.

Felipe Couto de Oliveira


Novo Honda HR-V – Preços e Lançamento no Brasil


A Honda está atuando de forma acelerada para a disponibilização do utilitário urbano HR-V no território brasileiro. O modelo será comercializado a partir do dia 20 em quatro especificações. Segundos as concessionárias, o HR-V possuirá valores entre R$ 68.990 (LX manual) e R$ 93.990 (EXL CVT).

Todas as especificações do modelo possuirão o motor 1.8 litro de 16 válvulas flex, que oferece 139/140 cavalos de potência e 17,3/17,4 kgfm de torque (gasolina/etanol). Vale lembrar que o propulsor é idêntico ao do Civic LXS. Apenas a versão de entrada, LX, possuirá a alternativa de transmissão manual de seis velocidades. Em oposição, as outras que irão sair de fábrica sempre terão a caixa CVT (continuamente variável) com simulação de sete velocidades virtuais no modo manual.

Na versão mais básica, o SUV possuirá rodas de aço de 17 polegadas, com calotas ao invés do conjunto de liga leve de diâmetro idêntico das outras variantes (os pneus possuem medidas 215/55 R 17 em todas as alternativas).

O HR-V possui freio de estacionamento elétrico, assistente de partida em rampas, controle eletrônico de estabilidade (VSA), freios a disco nas quatro rodas com ABS e EBD, acionamento do pisca-alerta em frenagens de emergência e repetidores de seta nos retrovisores. Fazem parte da lista de componentes: ar condicionado, direção com assistência elétrica progressiva, sistema de áudio com conexão Bluetooth, chave canivete, rebatimento dos bancos traseiros, além de vidros, travas e retrovisores com acionamento elétrico.

A versão intermediária, EX, que não teve o valor informado, possui faróis de neblina, volante revestido em couro, piloto automático e central multimídia com monitor de cinco polegadas e câmera de ré.

A especificação top de linha, EXL, possuirá bancos em couro, airbags laterais, sistema multimídia com display sensível ao toque de sete polegadas, GPS e entrada HDMI, ar condicionado digital, retrovisores com fechamento automático e TIlt Down, medidor de temperatura externa e possui o valor previsto de quase R$ 94 mil.

A primeira versão do Honda HR-V foi produzida entre os anos de 1999 e 2005. Neste tempo, ele foi vendido exclusivamente no mercado japonês e europeu. Porém, neste ano a montadora resulveu lançar uma nova versão do veículo.

Sobre a Honda:

Para aqueles que não sabem, a Honda Motor Company foi fundada no dia 24 de setembro de 1948, por Soichiro Honda, um famoso engenheiro e magnata japonês. A montadora é atualmente uma das mais importantes fabricantes de carros e motocicletas do mundo. No Brasil, a Honda começou a comercializar seus veículos em 1971. Já no ano de 1974 a empresa adquiriu um terreno em Sumaré (SP), onde instalou a sua primeira fábrica de motocicletas no país. Um ano depois, a empresa abriu uma nova fábrica em Manaus (AM), depois que o governo brasileiro vetou a importação de motocicletas. Já em 1996 a montadora reestruturou a sua fábrica em Sumaré e passou a produzir veículos no local. Segundo a ABRACICLO (Associação Brasileira dos Fabricantes de Motocicletas, Ciclomotores, Motonetas, Bicicletas e Similares), em 2005 a Honda produziu no Brasil cerca de 981 mil motocicletas, o que corresponde a mais de 80% da produção brasileira. O atual presidente da montadora é Takeo Fukui e a empresa possui cerca de 167.231 funcionários.

Para conferir mais informações sobre a Honda, acesse o site http://world.honda.com/.

Felipe Couto de Oliveira


Land Rover Discovery Sport – Lançamento e Preços no Brasil


A Land Rover está para lançar mais um carro no Brasil. A marca havia anunciado no começo do ano que o SUV Discovery Sport desembarcaria em terras tupiniquins no dia 16 de abril, e a informação acaba de ser confirmada pela montadora.

Inicialmente, o modelo será importado de sua planta em Halewood, na Inglaterra, mas há rumores de que haja produção nacional do veículo, na fábrica da Land Rover no Rio de Janeiro.

Partindo de R$ 179.900 (versão SE), o Discovery Sport ainda contará com mais duas versões, a HSE (modelo intermediário que deve custar R$ 202.900) e a HSE Luxury (com preço de R$ 232.000).

Esses valores iniciais são os mesmos anunciados durante o Salão do Automóvel de São Paulo, em 2014. A produção do SUV em Itatiaia, no Rio de Janeiro, deve começar apenas em 2016, conforme a montadora anunciou durante o evento. Esse deve ser o primeiro modelo fabricado nessa planta.

Algumas informações já foram reveladas, como a capacidade do veículo, que deve receber até sete passageiros, através da configuração 5+2. Além disso, o novo SUV virá com direção elétrica, sete airbags, desligamento automático do motor em imobilidade (start/stop), assistente de partida em rampas e descidas, controles de estabilidade e tração, retrovisores externos com ajuste elétrico e central multimídia com tela de oito polegadas. A novidade é o sistema Terrain Responde, destinado a funções de aceleração, torque e tração de acordo com o tipo de terreno.

Na parte externa, obviamente o Discovery Sport se apresenta luxuoso e prático: com faróis de neblina, rodas de aro de 18 polegadas, sensor de estacionamento traseiro com câmera de ré, ar condicionado digital e revestimento em couro nos bancos. Isso apenas na versão mais básica.

No lado mecânico, o veículo vem com o motor 2.0 Si4 a gasolina, com potência de 240 cv e torque de 34,7 kgfm.

A primeira versão do Land Rover Discovery foi lançada no ano de 1989, no Salão do Automóvel de Frankfurt. O veículo inovou ao encontrar um novo mercado consumidor, o de passageiros e familiares que gostam de carros 4×4. Este 4×4 voltado para a família não demorou para fazer sucesso, principalmente no mercado britânico, que logo caiu nas graças do modelo. O modelo foi desenhado por Sir Terrence Conran. Antes desta última versão que será lançada no Brasil, o Land Rover Discovery teve outras 4 versões: a Discovery 2, a Discovery 3 e a Discovery 4. O modelo já contou com motores 4.0 V6, 4.4 V8, 2.7 V6 a Diesel, 3.5 V8, 3.9 V8, 4.0 V8, 300TDI e 200TDI.

Para conhecer um pouco mais sobre a Land Rover e seus modelos, acesse o site www.landrover.com.br. Na página é possível conferir todas as especificações dos modelos vendidos pela montadora no Brasil.

Por Felipe Villares


Volkswagen lança Novo Touareg no Brasil


A Volkswagen traz mais uma novidade para o mercado brasileiro. Trata-se do Volkswagen Touareg, um utilitário robusto que promete cativar os consumidores. O carro promete chegar às lojas em março desse ano.

Segundo a montadora, o veículo contará com diversos acessórios de conforto e segurança para seus ocupantes, além de muitas soluções em tecnologia não muito comuns em terras tupiniquins. Uma das novidades mais interessantes é o controle de velocidade e distância, que faz com que o carro seja capaz de percorrer distâncias praticamente "sozinho", já que o motorista ficará responsável apenas pelo volante. O veículo conta ainda com um sistema de freios especial a fim de evitar colisões secundárias, além de um sistema de proteção proativa dos passageiros e um detector de fadiga. A empresa ainda noticiou que o carro sairá por um valor em torno de R$ 250 mil.

Estarão disponíveis duas formas de motorização, uma V6 e uma V8. A versão com motor V6 terá a sua disposição uma capacidade de 3.6 litros, que pode gerar ao conjunto uma potência mecânica de 280 cavalos com câmbio automático de oito marchas. O carro é capaz de ir de 0 a 100 km/h em apenas 7,8 segundos e tem velocidade máxima de até 228km/h. Já a versão V8 do SUV contará com o motor FSI de 4.2 litros, que é capaz de fornecer ao conjunto a potência de 360 cavalos. Esta versão é capaz de sair de 0 a 100 km/h em 6,5s e pode atingir uma velocidade máxima de 245 km/h. 

Os veículos contarão ainda com mais de uma versão com diversos ítens opcionais. Uma delas contará com um moderno sistema de suspensão a ar inteligente, que ajustará a altura do carro de acordo com a velocidade a fim de alcançar um melhor desempenho, economia e conforto para os ocupantes do automóvel. O veículo tem um desenho moderno e robusto que atrai olhares. O painel no interior é cheio de instrumentos e opções e também conta com um design moderno que combina com o carro.

Por Nosf


Range Rover Sport SVR será lançado no Brasil


O Range Rover Sport SRV é o segundo SUV mais rápido que já esteve presente na Alemanha com o tempo de 8 minutos e 14 segundos, sendo 1 segundo mais rápido que o BMW 1M. O Porsche Cayenne Turbo S possui o recorde, que venceu a barreira de oito minutos no começo do ano.

Para obter o tempo incrível o Range Rover teve o toque de Midas da SVO (Special Vehicles Operations), sendo uma divisão especial da Jaguar Land Rover. O V8 5.0 teve 40 cv adicionais e alcançou 550 cv no total. A suspensão se tornou mais firme e o sistema de vetorização de torque foi recalibrado. O V8 é mais qualificado também por causa do escapamento renovado em dois estágios.

O modelo possui o motor V8 Supercharged 5.0 de 550 cv e 69,3 kgfm de torque. Além disso, o veículo tem uma transmissão automática de oito velocidades.

O modelo Range Rover Sport SRV também possui um sistema de tração integral permanente com alternativas de velocidades reduzidas, para terrenos com maior necessidade de capacidade off-road, como também a distribuição de torque 50/50 entre os eixos dianteiro e traseiro. A suspensão pneumática tem variação entre duas alternativas de altura e ele ainda tem sistema que escolhe de forma automática os ajustes mais qualificados para o terreno trafegado pelo veículo.

Entre os fatores novos, o veículo possui um escape ativo em dois estágios (que faz o controle eletrônico das válvulas de saída), conta com bancos esportivos e possui rodas únicas de 22 polegadas com pneus 295/40 R22 de grande desempenho, que poderão ser adicionados no veículo.

SUV foi produzido pela equipe de Operações Especiais da Jaguar Land Rover e atinge os 100 Km/h em 4,5 segundos, tendo a possibilidade de alcançar velocidade máxima de 260 Km/h.

O Range Rover Sport SRV será recebido no território brasileiro no primeiro quadrimestre deste ano, pelo preço de aproximadamente R$ 600 mil.

Felipe Couto de Oliveira


Novo Lexus NX200T – Concorrente do Evoque chega ao Brasil


A marca Lexus divulgou no dia 9 de fevereiro que irá lançar o seu modelo NX200T no Brasil. Este será o primeiro modelo turbo da marca de luxo, onde estima-se que já tenham sido comercializados em média de 75 exemplares. O veículo NX200T irá competir no mercado com o Range Rover Evoque.

O modelo será disponibilizado nas versões Luxury e F-Sport, com valores no mercado de R$ 216 mil e R$ 236 mil, de modo respectivo. A mecânica das duas versões será com o motor 2.0 turbo, contendo quatro cilindros e injeção direta. O motor é movido somente a gasolina e é capaz de gerar 238 cavalos de potência, tendo uma transmissão automática de seis velocidades. O veículo possui também um controle de torque por demanda, o qual aumenta a resposta em circunstâncias de arrancadas do veículo, diminuindo assim o consumo de combustível.

No interior do veículo da versão Luxury estão inclusos vários equipamentos, como por exemplo, ar-condicionado digital, detector de ponto cego, faróis de LED, opção de acesso e partida sem chave, um conjunto de 10 airbags, além de central multimídia integrada com TV digital e piloto automático com comando de cruzeiro adaptativo. Já na versão F-Sport, o modelo apresenta um estilo mais esportivo, com a exclusividade de rodas de liga-leve maiores e os bancos com um formato especial e arremate em aço escovado nos pormenores do painel.

A marca Lexus possui duas concessionárias no Brasil, que estão em São Paulo. O grande diferencial no veículo é o seu design requintado juntamente com os detalhes ousados. Com esta inovação, a Lexus pretende alcançar uma abrangência no mercado, conquistar diversos clientes e desta maneira se destacar no setor de carros de luxo. Neste sentido, a Lexus busca aprimorar ainda mais a qualidade dos seus modelos, incluindo neles os equipamentos mais recentes do mercado, com uma alta tecnologia.

Felipe Couto de Oliveira


Mercedes G-Code Concept – Novo SUV Movido a Hidrogênio


Na última quarta-feira, dia 04 de fevereiro, a montadora Mercedes Benz divulgou em um evento anual (Top Night) um novo conceito de SUV, o qual é movido a hidrogênio. O modelo, conhecido como G-Code Concept, já tinha sido mostrado ao público em evento realizado no final do ano de 2014, na China, mais precisamente na cidade de Pequim.

Batizado de "SUV do futuro", o protótipo traz exageros estéticos de conceitos, como enormes entradas de ar no para-choque e a inexistência de espelhos retrovisores externos. Além dessas características, o que mais chama a atenção é a grade dianteria do veículo, a qual foi inspirada na espaçonave da série Star Trek, Enterprise, tendo minúsculas lâminas, que variam de cor de acordo com a perfomance do carro.

Quando parado, a frente do carro fica iluminada em azul claro, porém, quando em movimento, o modo elétrico passa a ser indicado pela cor azul. Já quando está no modo híbrido, passa para a cor roxa e no modo esportivo a cor muda para vermelha.

Quanto à mecânica, o motor movido a hidrogênio, o qual gera células de combustível, não necessita de água pelo escapamento, da mesma forma que os outros produtos de tecnologia parecida. Sobre o lançamento do veículo no mercado, a Mercedes anunciou que pretende lancá-lo no futuro, contudo, não divulgou datas e nem confirmou se o mercado brasileiro está nos planos.

Ainda sobre o SUV, uma boa notícia para os brasileiros: o GLE Coupé, novo SUV da Mercedes, chegará ao Brasil até o fim de 2015, sendo o primeiro com motor a gasolina em suas configurações, oferecendo 337 cavalos de potência com motor V6. A montadora confirmou que também pretende disponibizar no Brasil a versão a diesel, conhecida como 350 e que tem 261 cavalos.

Outra novidade anunciada pela montadora é que o GLE também terá uma versão 450 AMG, com 372 cavalos na marca de sua preparadora esportiva. Já sobre a versão híbrida, com carga recarregável em tomada residencial, deve ser apresentada no mês de abril, em evento a ser realizado em Nova York.

Vinícius Cunha


Renault Kadjar – Novo SUV deve ser lançado em Fevereiro


A fabricante Renault está fazendo mistério em relação ao lançamento do seu novo SUV, que marca a estreia francesa no segmento de crossovers médios.

O nome escolhido para o novo modelo utilitário esportivo é: Kadjar, que é a união dos termos Kad (que remete a veículos de passeio) e Jar (que significa ágil em francês e remete a capacidade de surgir em qualquer lugar).

O Kadjar é o quarto utilitário esportivo da marca francesa, que já produz os modelos: Captur, Koleos e o Duster.

A Renault se prepara para apresentar o novo utilitário ao público no dia 2 de fevereiro, por meio das redes sociais oficias. O seu lançamento oficial será em março no Salão de Genebra, na Suíça.

O modelo Renault Kadjar é baseado na segunda geração do Nissan Qashqai e será fabricado na plataforma CMF, desenvolvida por ambas as montadoras.

O grupo franco-nipônico tem uma parceria sólida desde 1999, quando passou a adotar a fabricação de alguns modelos em conjunto, no intuito de reduzir custos, sobre a plataforma modular CMF, que basicamente se divide em motor, transmissão, subframe dianteiro, subframe traseiro, cockpit , arquitetura e eletroeletrônica.

Nenhuma imagem foi divulgada, mas as informações são de que ele tenha seu design parecido com o Renault Captur, dimensões próximas as do Mégane e pretende substituir o modelo Koleos, que não chegou a ser vendido no Brasil.

As opções de motor devem ser as mesmas do Nissan Qashqai, com motor de quatro cilindros, turbo, 1.6 a gasolina. Vale lembrar que o carro terá como opcional tração nas quatro rodas.

O SUV Kadjar começará a ser vendido no segundo semestre de 2015 na Europa. O preço do novo lançamento deverá ser de aproximadamente 20 mil euros, que em conversão simples, sem os impostos, resultaria em torno de 60 mil reais.

Através das redes sociais oficiais da marca Renault (como Facebook e YouTube), até o dia do lançamento será divulgado novas informações e vídeos referentes ao novo modelo Kadjar.

Tatiane Meloto Tanaka


Novo Land Rover Discovery Sport será feito no Brasil


Apesar da recente e constante crise financeira que o Brasil passa, diversas montadoras apostaram no país e instalaram novas fábricas em nossas terras. É o caso da Jaguar Land Rover, que está instalando sua fábrica em Itatiaia, no Rio de Janeiro.

E a novidade ainda vem recheada de coisas boas: já até se sabe qual o primeiro carro que sairá da fábrica da montadora do Reino Unido. O primeiro veículo da marca a ser feito em terras tupiniquins é o SUV Discovery Sport.

O lançamento global do veículo já foi realizado, contando com a presença da imprensa internacional, e foi cheio de adrenalina. Na ocasião, foi mostrado como o novo veículo da Land Rover está preparado para enfrentar diversos tipos de solo, incluindo pistas com neve, pedra, asfalto e terra. O lançamento foi feito na Islândia, local propício para esse tipo de ambiente.

O Discovery Sport mostrou que está pronto para brigar com o Range Rover Evoque, o queridinho no mercado brasileiro entre os utilitários de luxo. Nesse modelo, foram vendidas quase 6 mil unidades, apenas em 2014, número expressivo levando em conta o valor desses veículos.

As linhas do Discovery Sport lembram muito as do próprio Range Rover Evoque, sobretudo na parte frontal. Porém, apesar da semelhança, metade das peças são diferentes, incluindo a parte onde o Discovery Sport se torna maior, com capacidade para até 7 lugares.

Nos testes da imprensa internacional, o novo SUV mostrou grande versatilidade em diversos tipos de pista. Um dos grandes destaques do Discovery Sport é sua estabilidade, sendo preciso em pouquíssimas vezes a trajetória ser corrigida no braço.

O modelo é equipado com motor turbo 2.0 litros (o mesmo do Range Rover Evoque), com 240 cv de potência. Também está prevista uma opção a diesel, com 2.2 litros de 190 cv, porém ainda sem data específica para chegar ao país. Além disso, a marca ainda melhorou o conforto do carro – algo difícil de imaginar, levando em conta que esses utilitários de luxo já são super confortáveis.

Por Felipe Villares


Lista dos Carros SUVs Mais Vendidos no Brasil


Uma briga acirrada ilustra a concorrência de vendas de carros SUV (Sport Utility Vehicle), sigla que significa “veículos utilitários esportivos”, no Brasil desde 2012.

A liderança do mercado é do Renault Duster (SUV fabricado pela montadora francesa Renault). O segundo lugar ficou com o EcoSport (SUV fabricado pela montadora americana Ford), sendo que antes do lançamento do Renault Duster (em 2011) o EcoSport liderava o mercado de vendas, mas agora a situação mudou drasticamente, existindo uma grande alternância no topo de vendas.

Em 2012 o Renault Duster assumiu a ponta, já em 2013 a montadora francesa perdeu o topo para o EcoSport, que se recuperou. Agora, desde outubro de 2014, ou seja, há três meses, o Renault Duster assumiu a ponta de vendas novamente, com a venda de aproximadamente 5.824 veículos, enquanto a sua principal concorrente vendeu aproximadamente 5.046 veículos.

Além dessa acirrada disputa, o ano de 2015 promete, pois as outras fabricantes lançaram modelos como: Jeep Renegade, Honda HR-V e Peugeot 2008, que entrarão no mercado brasileiro a partir de abril, modelos atraentes e também no formato de utilitários esportivos.

Confira agora a lista de carros SUV que mais venderam em 2014:

  1. Renault Duster: 5824 veículos vendidos.
  2. Ford EcoSport: 5.046 veículos vendidos.
  3. Hyundai Tucson: 1.814 veículos vendidos.
  4. Chevrolet Tracker: 1.328 veículos vendidos.
  5. Mitsubishi Pajero: 1.279 veículos vendidos.

Já o mercado de Utilitários Premium, carros mais luxuosos e mais requintados, o líder de vendas no ano de 2014 foi o Mitsubishi ASX, com a marca de 1.470 veículos vendidos, seguido bem de perto pelo Hyundai ix35, com 1.464 veículos vendidos. Na terceira posição se encontra o Kia Sportage, com 1.197 veículos vendidos. Já na quarta posição está o Mitsubishi Outlander, com 822 veículos vendidos. A quinta posição é do Toyota RAV 4, com 818 veículos vendidos.

O fato é que esses modelos estão se tornando cada vez mais atraentes e sofisticados, qualidades que fazem com que os apaixonados por esses carros fiquem com mais dúvidas em relação a qual modelo levar para casa.

Por Rodrigo da Silva Monteiro


Novo SUV deve substituir Chevrolet Tracker no Brasil


A Chevrolet já está preparando um novo utilitário esportivo para substituir o Tracker. A notícia foi divulgada  pelo presidente da General Motors na América Latina, Jaime Ardila, durante uma entrevista no Salão de Detroit 2015.

Segundo Jaime Ardila, a montadora avaliou e considerou o desempenho do Tracker no país bem fraco, tendo em vista que o modelo chega ao Brasil pelo conhecido sistema de cotas de importação de carros vindos do México. Não bastasse isso, Ardila afirmou que a General Motors não considera viável a reinserção do modelo no Brasil através de sua fabricação por aqui.

Por fim, Jaime Ardila afirmou que a solução encontrada pela General Motors é fabricar no Brasil um SUV totalmente novo. A previsão é de que este novo veículo seja lançado entre os anos de 2017 e 2018. Apesar do carro ainda estar em desenvolvimento, já se sabe que ele utilizará as plataformas dos compactos Prisma e Onix.

O Chevrolet Tracker foi vendido no Brasil no período entre 2001 e 2004, naquela época ele utilizava um motor Turbodiesel. Após o encerramento de suas vendas no país, ele voltou a dar as caras no ano de 2007, quando participou do Salão do Automóvel de São Paulo e foi um dos destaques da GM no evento. Apesar do sucesso que teve no Salão do Automóvel, a General Motors só voltou a vender o Tracker no Brasil em outubro de 2013. Porém, com o mal índice de vendas do modelo, no Brasil a sua comercialização está com os dias contados.

Chevrolet Tracker 2015