Lista dos Carros Mais Econômicos de 2016 – INMETRO


Confira aqui a lista com os Carros Mais Econômicos no Brasil neste ano de 2016.

Foi divulgada pelo Inmetro uma lista que aponta o ranking para o consumo de carros nesse ano de 2016 no Programa de Etiquetagem Veicular. Nessa edição estiveram presentes todas as fabricantes de automóveis, o que totaliza 90% dos carros que são comercializados no Brasil. A iniciante foi a Chevrolet nos testes.

A previsão é que até o ano de 2017 a etiquetagem aconteça para 100% da frota do Brasil, seguindo uma exigência feita no programa Inovar-Auto.

Segundo o Inmetro, somente veículos que são fabricados a partir deste ano de 2016 contam com informações detalhadas sobre emissão de gases poluentes como o óxido de nitrogênio, hidrocarbonetos e monóxido de carbono. Isso é um passo importante, uma vez que anteriormente somente a emissão do gás carbônico tinha o seu monitoramento.

Consumo

O Fiat Mobi, que foi recém-lançado no mercado nacional, apresentou a nota A para a categoria dos microcompactos e nota B para geral. A sua média ficou em 11,9 km/l na cidade e em 10,8 km/l na estrada (movido a etanol).

Outro destaque foi o Peugeot 2008 com propulsor 1.2, que teve uma nota A no geral e também em seu segmento.

Para a Toyota, o Etios, que também chegou há pouco tempo nas concessionárias, apresentou nota A para seu segmento e B na categoria geral.

A iniciante para os testes de etiquetagem do Inmetro, a Chevrolet teve notas distintas para veículos com câmbio manual e transmissão automática. O modelo Onix com propulsor 1.0 teve a sua nota C com rodas de aro 13 polegadas e B para as rodas com aro 14 polegadas. Com o modelo de motor 1.4, o mesmo apresentou nota A para o seu segmento e nota B para Geral com a transmissão manual. Quando se troca para o câmbio automático as notas ficam em D para o segmento e em C em Geral.

O Chevrolet Prisma com transmissão automática e motor 1.4 apresentou a nota apenas em E para o seu segmento e C para geral. Nos modelos com propulsores 1.4 e 1.0 com câmbio manual, as notas foram melhores. O modelo 1.0 apresentou nota B e o 1.4 nota A para o segmento no mercado. A pior avaliação aconteceu para o Spin que contou com nota E no seu segmento e C para geral, isso em todas as suas versões.

Acesse o site do Inmetro e confira a lista completa.