Nova Triumph Thunderbird Storm – Lançamento da moto


Para os admiradores de motocicletas que denote classe, charme, conforto e ainda transmite certa forma de viver e pensar, ou seja, atributos que sustentam o nome de todas as Harley-Davidson, devem prestar bastante atenção na Thiumph Thunderbird Storm, haja vista que a contraindicação a essas vrtudes é uma ciclística abaixo das demais categorias.

Não se pode negar que uma custom tem menos poder de aceleração, freia em um espaço mais longo, gasta bastante combustível, curvas não é o forte dela, além do peso maior do que a maioria das motocicletas. Também não se nega que a Thunderbird possui todos esses "males", no entanto é bem superior às principais concorrentes.

A começar pelas suspensões, que teve alguma inovação, ganhando ainda mais eficiência, oferecendo um resultado com nota superior quando se comparada às outras custom disponíveis no mercado; em relação à frente, os garfos da Storm são do tipo telescópicos Showa, com 120 mm de curso e e 47 mm de diâmetro.

Quanto ao sistema de freios, a Thunderbird é equipada com discos que flutuam e têm 310 milímetros de diâmetro na dianteira, auxiliados por pinças de quatro eficientes pistões, além de discos simples na traseira; para completar, o conjunto é composto por freios ABS.

E agora o mais importante: o motor, o qual dispõe de dois cilindros dessa unidade de 1.7, adotando um prosaico linha-2, diferente da maioria das custom, que vêm com o V-2; possui ainda 97 cavalos a 5250 rpm de potência e 15,9 kgfm de torque máximo, os quais são obtidos antes de 3000 giros.

O valor da Triunph Thunderbird Storm é de R$ 50.990,00, se posicionando bem no rol de ofertas das grandes custom; com um preço bem próximo das Harley Davidson, apesar de não contar com a mesma grife, a Storm se apoia no poder de eficiência como diferencial, ou seja, não tem o mesmo nome da "rival" mas é melhor de condução.

Vinícius Cunha