Novo Nissan Sentra 2016 é apresentado no Salão de Los Angeles


Carro passou por uma reformulação e ficou mais moderno e agressivo.

A Nissan lançou o Novo Sentra 2016 no Salão de Automóveis de Los Angeles. O visual foi reformulado para ficar menos conservador. O interior foi melhorado e modernizado em relação ao atual Sentra.

As mudanças foram feitas nos dois para-choques, no capô, no sistema de iluminação e no para-lamas dianteiro. Os aspectos planos e quadrados de anteriormente foram suavizados com linhas e vincos por todo o carro e o visual ficou mais agressivo nos faróis. Dentro, os bancos ganharam melhor tecido. A direção foi trocada por uma com mais comandos e o console aumentado. O grande aperfeiçoamento interno está no display de LCD com alta resolução colocado  no painel de comandos.

A versão Unique do veículo volta a ser a top de linha, deixando para trás a até então reinante SL.

O controle de tração e de estabilidade são itens de série em todos os modelos (S, SV, SL e Unique). As duas últimas, mais caras e equipadas, têm também sistema multimídia Nissan Connect e airbags laterais e de cortina, além dos tradicionais frontais.

O motor permance sendo 2.0 flex e produz 140 cavalos de potência. O câmbio também é o mesmo, de seis velocidades e manual no Nissan 2016 de entrada (versão S). Os demais possuem o câmbio CVT XTronic de série.

O mercado estadunidense receberá o lançamento já no final de 2015 por US$ 16.780. A comercialização no Brasil iniciará no primeiro trimestre de 2016. A versão mais básica, S, sairá por R$ 69.190. Já as versões SV, SL e Unique (esta última com teto solar elétrico) custarão respectivamente R$ 75.990, R$ 82.490 e R$ 87.490.

Conforme o pronunciamento da Nissan, haverá uma versão esportiva nomeada de Sentra SR. O modelo virá com saia lateral, spoiler, rodas de liga leve de 17 polegadas, faróis de neblina e escapamento com detalhe cromado. O lançamento e valor acerca do possível modelo não foram detalhados.

Bruno Klein


Nissan Sentra – Aumento no Preço da Linha 2016


Reajuste no preço do veículo chega a R$ 2.500.

Essa semana, a montadora Nissan anunciou uma nova tabela de preços para seus modelos de automóveis da linha Sentra no Brasil. Dentre os preços divulgados há destaque para os novos valores do sedã que são produzidos no México e que agora passarão a ser vendidos dentro do Brasil por um preço de R$ 69.590, o que equivale a um aumento de R$ 400 sobre o preço anterior de R$ 69.190.

O catálogo Unique continua sendo o mais caro e teve valor também reajustado, passando dos R$ 87.490 para R$ 88.490. Esse é o primeiro aumento registrado na linha 2016, que foi lançada em junho deste ano.

O Sentra chega ao mercado brasileiro importado da fábrica mexicana localizada em Aguascalientes e chega ao consumidor final equipado unicamente com motor 2.0 com tecnologia flex e com potência de 140 cavalos. A exclusividade do mercado nacional é o propulsor, já que em outros mercados, como o dos países da América do Norte, apenas um motor a gasolina 1.8 e com 130 cavalos de potência é oferecido aos clientes.

No Brasil o motorista pode escolher ainda entre um motor manual de seis marchas (oferecido somente na versão de entrada S) e um motor automático no estilo CVT.

As principais mudanças de preço são as seguintes:

  • Modelo Sentra 2.0 S: Preço anterior de R$ 69.190 – Preço atual de R$ 69.590.
  • Modelo Sentra 2.0 SV: Preço atual de R$ 75.990. Este modelo foi o único da linha que não sofreu aumento.
  • Modelo Sentra 2.0 SL: Preço anterior de R$ 82.490 – Preço atual de R$ 84.990.
  • Modelo Sentra 2.0 SL (modelo com teto solar): Preço anterior de R$ 84.990 – Preço Atual de R$ 87.490.
  • Modelo Sentra 2.0 Unique: Preço anterior de R$ 87.490 – Preço Atual de R$ 88.490.

Os reajustes variam até um valor de R$ 2.500, variando de acordo com os modelos, mas não representam nenhum tipo de abuso ao cliente, mas sim os reajustes sobre os valores de mercado.


Novo Nissan Sentra 2.0 Manual 2015 – Preço e Novidades


A versão mais simples do Novo Nissan Sentra chegou ao mercado e promete conquistar outro grupo de consumidores, tentando eliminar a imagem de “carro de tiozão” a ele atribuído. Trata-se do Sentra 2.0 S, uma versão com motor flex e câmbio manual de seis velocidades. O carro está disponível nas concessionárias a partir de R$ 67.090.

O carro está em uma categoria de mercado que concorre diretamente com o Honda Civic, o Toyota Corolla e o Citroën C4 Lounge. Por ser um sedã, ele atende às necessidades de quem precisa de um carro espaçoso, já que ele possui um amplo espaço interno e um porta-malas de 503 litros.

O Sentra destaca-se pelo seu conforto, tanto para o motorista quanto para os passageiros, especialmente quem anda no banco de trás. O nível de ruído do veículo também é baixo e seu acabamento, mesmo sendo uma versão mais básica, não deixa a desejar.

Quanto ao motor, o sedã mostrou que anda bem, já que houve uma boa harmonização entre ele e a transmissão manual de seis velocidades. Com 16 válvulas, o motor de 2.0 litros desenvolve uma potência de até 140 cavalos, capaz de atingir 100 km/h a partir do repouso em 9,9 segundos.

Ele tem torque de 20 kgfm a 4.800 rpm e atinge velocidade máxima de 196 km/h de acordo com testes. A estabilidade do veículo é boa, conferida pelas rodas de 16 polegadas e os pneus 205/55, porém, ele perde pontos para seus concorrentes, já que ele não possui controle eletrônico de estabilidade, nem de tração.

Esse itens fazem com que ele perca pontos em segurança, que vem sendo o alvo de muitos compradores, principalmente os que utilizam muito o veículo para viagens.

Mesmo não sendo um sucesso de vendas desde seu lançamento, a Nissan continua apostando no Sentra como sua melhor opção de sedan médio. Em outras categorias, a Nissan tem mais sucesso, com a picape Frontier e o hatch March, por exemplo, mas vale lembrar que os concorrentes diretos do Sentra são muito tradicionais no mercado, já que o Civic e o Corolla revezam o sucesso de vendas no país há muitos anos.

Rannier Ferreira Mendes