Volkswagen Touran – Novo projeto da minivan


A Volkswagen alemã divulga no Salão de Genebra a terceira geração da Touran, minivan da linha Golf. Neste momento tendo como base a plataforma MQB idêntica do hatch, a Touran teve um crescimento de 11,3 cm em entre-eixos e 13 cm em comprimento, recebeu 48 litros de espaço de bagagem na versão de cinco lugares (há também a de sete) e, ainda assim, tornou-se 62 kg mais leve em relação ao antecedente. As versões possuem visual renovado, sistemas que identificam as plataformas Car Play (Apple) e Android Auto e estrutura que rebate os bancos de trás, tornando um piso plano.

A linha de motores possui turbo e consistem em três a gasolina (1,2-litro com potência de 110 cv, 1,4 com 150 cv e 1,8 com 180 cv) e três a diesel (1,6 com 110 cv e 2,0-litros com 150 e 190 cv). Os que possibilitam maiores economias são o 1,4 e 150 cv, considerando as versões a gasolina, capaz de 18,5 km/l, e o 1,6 de 110 cv, considerando as alternativas a diesel, que faz 24,4 km/l.

Eles possuem transmissão automatizada DSG de dupla embreagem e sete velocidades. As funcionalidades de segurança possuem até nove bolsas infláveis, controlador da distância ao tráfego à frente com frenagem automática, elaboração do veículo para colisão iminente e freios multicolisão, que buscam prevenir um segundo acidente tornando-o desacelerar.

A Touran é fabricada desde 2003, no momento que utilizava a plataforma PQ35 do Golf de quinta geração. No ano de 2010, começou a ter derivação do sexto Golf.

Na parte de dentro, a Touran neste momento tem um estilo mais sofisticado. A cabine que é visivelmente baseada no Golf está mais refinando, destacando-se o novo painel e volante. Parte do console central tem o acabamento black piano idêntico ao aplicado no painel que está presente a central multimídia. Existem alternativas de acabamento com cores contrastantes claras.

Felipe Couto de Oliveira