Volkswagen Gol – Preço da nova versão duas portas


Volkswagen Gol – Versão duas portas custará R$33.620

Na última segunda-feira, dia 09, a Volkswagen apresentou uma nova opção para o Gol: A versão duas portas. De acordo com as informações da montadora a previsão é de que modelo chegue às concessionárias de todo o país a partir do mês de junho na versão Trendline. O preço inicial será de R$ 33.620.

O lançamento do Gol com uma carroceria duas portas ocorre apenas dois meses após a chegada no mercado do Gol reestilizado. Na configuração mostrada essa versão só será vendida com um motor 1.0 de três cilindros sendo 82 cv com etanol e 75 cv com gasolina.

O novo Gol Trendline 2 portas tem uma diferença (para menos) de R$1.930 se comparado com a versão tradicional que conta com as portas traseiras. Com relação aos itens de série a informação é de que ele contará com limpador, lavador e desembaçador do vidro traseiro, vidros e travas elétricos e direção hidráulica.

Caso o consumidor queira ele poderá adicionar ar-condicionado ao veículo pelo preço de R$2.840. Duas centrais também estão sendo disponibilizadas opcionalmente. A Media conta com rádio e entrada USB, MP3 e Bluetooth, sai por R$850. No caso da Composition Touch teremos uma tela sensível ao toque bem como o espelhamento de celular. Neste caso o preço fica na faixa de R$1.780.

A nova cara do Gol

No mês de fevereiro deste ano o Volkswagen Gol ganhou alguns retoques no visual. As mudanças foram claramente inspiradas no Golf. Apesar de serem sutis as alterações feitas passam uma sensação de que o carro está um pouco maior do que na realidade é.

Na parte da frente praticamente tudo foi redesenhado enquanto que na traseira foram adicionadas novas camadas além de vincos. O painel do modelo também passou por uma renovação. De acordo com a marca os mostradores estão 30% maiores. O volante também foi trocado, mas não é novo, foi “emprestado” do Golf. O console por sua vez foi todo redesenhado objetivando deixar mais espaço para as centrais multimídia.

Com a chegada do Gol reestilizado também foi aberto um espaço maior para a combinação de cores que poderão variar de acordo com a versão.

Por Denisson Soares


Volkswagen Gol sai da liderança para o oitavo lugar em venda


A industria automobilistica não via um mês tão complicado para o seu desenvolvimento desde 1999, em fevereiro deste ano, este setor obteve o seu pior resultado. De acordo com a Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores, a Fenabrave, houve uma queda de 27,28% na venda de automóveis se compararmos com os resultados obtidos no mesmo período no ano passado. 

Na lista dos 10 carros mais vendidos no último mês, o líder do ano passado com 14.077 veículos comercializados, agora ocupa a 8ª posição em termos de vendas mensais, o Volkswagen Gol. Em fevereiro deste ano, o modelo conseguiu vender apenas 5.883 unidades. Na situação atual, quem está liderando o ranking dos 10 veículos mais vendidos é o Fiat Palio com 9.205 unidades comercializadas. Seguindo a ordem decrescente, o seu colega, Fiat Strada, ficou em segundo lugar.

A briga do VW Gol não se limita somente à perda da liderança, o problema está sendo o Fiat Uno que também ocupa a sétima posição com 5.941 unidades vendidas. Incontestavelmente, a disputa pelos primeiros lugares na vasta lista cos carros vendidos no país continua em mãos da italiana Fiat e da alemão Volkswagen.

O mês de fevereiro não tem sido muito bom para os brasileiros, além do crescimento vertiginoso de impostos, taxas e preços de diversos produtos, outro resultado amargo foi conseguido neste mês, as vendas de automóveis foram de 178.822 unidades. Mais uma vez um setor do mercado dá indicios de que a situação econômica não anda muito bem no país. A queda das vendas indicam que os brasileiros estão evitando investir em bens, haja vista que na maior parte das vezes a compra do automóvel é possível graças a financiamentos e estes estão com taxas de juros muito altas.

Ainda sobre a queda das vendas dos automóveis neste período, cabe informar que os modelos Volkswagen  Up! e Ford Ka foram as excessões, estes carros não apresentara diminuição nas vendas.

Texto de Melina Menezes.


Fox passa Gol e é o novo carro-chefe da Volkswagen


O Gol, por quase 3 décadas, ficou como o título de carro mais vendido no Brasil, mas em 2014 o título ficou com o Palio, modelo da Fiat, que vem conquistando cada vez mais clientes. A Volkswagen bem que tentou manter o Gol na liderança, mas o mercado nacional de automóveis se voltou para o Palio que agora segue na liderança.

Mas este não é o único problema enfrentando pela VW, pois em Janeiro e Fevereiro deste ano, Fox conquistou o posto de mais vendido também na Alemanha, terra natal da Volkswagen que vê seus modelos ficando cada vez mais para trás em um mercado onde as concorrentes estão dominando rapidamente as primeiras posições e isto vem acontecendo em vários países.

Em janeiro de 2015 o Fox ficou na 4ª posição entre os modelos que foram mais emplacados, de acordo com a Fenabrave – Federação dos Concessionários. Enquanto o Fox teve 9.125 unidades emplacadas, o Gol só conseguiu a 8ª posição, com 7.866 unidades.

E a situação do Fox melhorou no mês de fevereiro, quando o modelo subiu para a 3ª posição com 7.365 unidades e o Gol, mais uma vez ficou na 8ª colocação, com 5.833 unidades.

E os resultados das pesquisas apontam que o crescimento do Fox no mercado não é apenas um fenômeno isolado, mas uma nova realidade. Deixar o Fox com um visual mais próximo do Golf foi uma das melhores decisões, pois o consumidor gostou do resultado e prova disto são as vendas.

A Volkswagen já começa a ver uma dificuldade muito grande na recuperação do Gol e pensa até em uma nova reestilização, mas isto só aconteceria no próximo ano. Outra solução, seria aguardar a nova geração do Gol, que vai chegar em 2017, com uma Plataforma Global.
Somente com uma reestilização ou a nova geração, será possível saber se o Gol ainda tem fôlego para brigar pela liderança ou se o modelo poderá ser abandonado de vez.

Por Russel