Renault Duster – Dados de consumo divulgados pelo Inmetro


O modelo 2016 conta com uma média de 6,8 km/l na cidade com etanol e 9,6 km/l com gasolina.

Para aqueles que ficam bastante atentos aos dados de consumo dos automóveis, saibam que os dados referentes ao Renault Duster 2016 foram disponibilizados no site do Inmetro. O novo Renault Duster já possui data certa para lançamento oficial: 31 de março. O novo automóvel da Renault terá grandes concorrências pela frente, no entanto, o mesmo apresenta poucas modificações no seu design. Em relação à parte mecânica o mesmo não contou com mudanças.

O Programa Brasileiro de Etiquetagem Veicular, PBEV, divulgou que o motor de 1.6 litro de 16 válvulas, que é capaz de gerar até 110/115 cv de potência a gasolina/etanol será disponibilizado nas versões Expression e Dynamique. A transmissão será manual de cinco marchas para todas as versões.

Segundo dados oficiais do Inmetro, o propulsor analisado apresentou as seguintes médias de consumo com etanol: 6,8 km/l na cidade e 7,3 km/l na estrada. Já com o abastecimento de gasolina, os dados atingidos foram: 9,6 km/l na cidade e 10,6 km/l na estrada.

O outro motor, 2.0 litros e com 16 válvulas de 138/142 cv de potência a gasolina/etanol estará sendo disponibilizado apenas na versão Dynamique. O mesmo conta com transmissão automática de quatro velocidades e caixa manual de seis marchas. A caixa manual de seis marchas estará disponível para a configuração de tração dianteira e para a 4×4.

Quando equipado com câmbio automático, o novo Renault Duster com abastecimento a etanol apresentou 5,6 km/l no trânsito urbano e 7,0 km/l na estrada. Já com abastecimento a gasolina apresentou os seguintes dados: de 8,1 km/l na cidade e 10,1 km/l em trecho rodoviário.

Já quando o novo Renault Duster estava equipado com transmissão manual, o mesmo atingiu 6,4 km/l na cidade e 7,4 km/l na estrada quando abastecido com etanol. Já com o abastecimento em gasolina o mesmo marcou 9,1 km/l na cidade e 10,8 km/l em percursos em rodovias.

A versão com sistema de tração 4×4 acabou registrando 6,2 km/l em percursos urbanos e 7,1 km/l em percursos em rodovias quando o mesmo era abastecido com etanol. A mesma versão abastecida com gasolina apresentou 9,1 km/l na cidade e 10,3 km/l em rodovia.

Dessa forma, o Inmetro classificou as versões com transmissão, com motor de 1.6 litro e motor de 2.0 litros foram classificados com nota A na Comparação Relativa da Categoria. Já na Comparação Absoluta Geral as mesmas versões conseguiram nota C. dentre de sua categoria, a versão 2.0 automático ficou com nota B e D na comparação geral.

Por Bruno Henrique