Ford Ka 2017 – Novidades e Previsão de Lançamento


Confira aqui as principais novidades e a previsão de lançamento do modelo 2017 do Ford Ka.

Conheça o Novo Ka do ano de 2017, que dessa vez vai chegar ao mercado trazendo câmbio automático, que o coloca no mesmo nível de seus rivais.

O Ford Ka mudou muito desde que foi lançado em 1997 e vinte anos depois de seu primeiro lançamento o modelo promete impressionar e conquistar novos admiradores

Segundo a Ford, o Novo KA vai oferecer carrocerias do tipo sedan (Ka +) e hatch, que serão equipadas com câmbio automático (de forma opcional). Além disso, a Ford promete motores novos, que devem trazer economia para seus proprietários.

É a primeira vez que o modelo Ka vem equipado com câmbio automático. A Ford já estava trabalhando em testes para fazer o lançamento em 2017. É o sistema de dupla embreagem Power Shift, já trazidos pelo New Fiesta e EcoSport. Além disso, o Novo Ka é equipado com motor 1.5 Sigma.

Além de um visual todo reestilizado, a Ford preparou o novo Ka com muito mais eficiência em seus motores. Na realidade, essa proposta de motores novos, muito eficientes, já havia sido adotada pela montadora do Brasil, nos modelos globais como os novos Fusion, New Fiesta, EcoSport e Focus. Esses modelos são equipados com motores de 1.0 l, três cilindros, alguns são 1.5, outros 1.6 Sigma Ti-VCT e Duratec 2.0, com injeção direta.

Contudo, a Ford busca resultados melhores no que relaciona às vendas de seus modelos no Brasil. Pensando nisso, a marca pretende fazer o lançamento de uma linha de motores Dragon, ainda no ano de 2017, que prevê uma relevante economia de combustível.

Existe uma exigência de que todas as fabricantes de automóveis trabalhem a partir desse ano em modelos que ofereçam consumo de combustível menor.

Mas, ao que se pode ver, o Novo Ford Ka tem as características de um modelo que deve agradar bem aos brasileiros. Pois oferece um bonito design, com elegância, conforto, potência nos motores e bom desempenho.

Muitas pessoas podem pensar que o Ka 2017 é o mesmo de 2016, mas o objetivo da montadora para o lançamento deste ano foi fazer um carro mais potente.

O Novo Ford Ka 2017 deve ter suas vendas iniciados ainda neste primeiro semestre.

Sirlene Montes


Ford Mustang pode ganhar Versão Híbrida em 2020


Versão híbrida deve ter quase a mesma potência da versão com motor V8 e deverá contar com mais torque.

A Ford anunciou recentemente que pretende ampliar seus projetos e investir ainda mais no desenvolvimento e comercialização de versões híbridas de modelos já existentes da marca. O anúncio foi feito através de coletiva de imprensa na fábrica de Flat Rock, localizada em Michigan (EUA). Além disso, a montadora também pretende trabalhar com novos modelos que devem ser desenvolvidos com propulsão elétrica, motorização híbrida e tecnologia de condução autônoma.

E um dos principais destaques desse anúncio é, sem sombra de dúvidas, a chegada do Mustang em sua versão híbrida. Com isso, o cupê esportivo Mustang deve ganhar uma grande atualização em 2020. Vale destacar que este é um clássico da Ford, sendo que o mesmo vem acompanhado, nas versões top de linha, com motor V8 e propulsor turbinados de quatro cilindros. Além desse modelo, a Ford pretende lançar outros 12 automóveis eletrificados.

A montadora norte-americana também destacou alguns pontos importantes deste lançamento. Segundo a Ford, a versão hibrida do Mustang irá contar com potência bastante similar àquela encontrada no V8, ou seja, próximo de 440 cv. Apesar disso, a versão híbrida terá ainda mais torque, sendo que a atual versão de oito cilindros consegue entregar 55,3 kgfm. Outro destaque interessante é quanto ao consumo de combustível, que deverá ser menor, haja vista essa ser uma das prioridades de automóveis deste tipo.

Além disso, a Ford ainda destaca que deve produzir as versões híbridas da picape F-150 e do Police Interceptor, sendo este último um automóvel exclusivo para as forças policiais nos Estados Unidos. Já o primeiro veículo da Ford totalmente autônomo só deve chegar ao mercado em 2021, sendo que o mesmo terá trem de força híbrido.

Tais anúncios são bastante importantes para a montadora e iniciam uma nova fase de investimento e busca por ainda mais sucesso por parte da Ford. Vale ressaltar que grande parte da produção dos modelos híbridos será concentrada em Flat Rock. A empresa anunciou um investimento total de US$ 700 milhões, sendo este uma parte do orçamento total de US$ 4,5 bilhões que tem como objetivo o desenvolvimento de automóveis eletrificados até o ano de 2020.

E foi nesta mesma coletiva de empresa que a montadora anunciou o cancelamento de projetos no México. O investimento no país latino-americano seria de US$ 1,6 bilhão através da construção de uma nova fábrica da Ford.

Por Bruno Henrique


Ford anuncia Recall de Carros por Falha no Cinto de Segurança


Chamado envolve unidades dos modelos Lincoln MKZ e Ford Fusion.

A montadora Ford, conceituada por seus carros de grande performance, anunciou na sexta-feira passada, dia 2 de dezembro de 2016, que irá realizar o recall de pelo menos 680 mil unidades de seus veículos. Os modelos envolvidos no reparo são: os sedãs Lincoln MKZ e o Ford Fusion.

O motivo do recall se dá para consertar problemas identificados no cinto de segurança dos carros em questão. Desses, 602 mil unidades estão localizados no mercado norte americano, nos Estados Unidos, sendo que aproximadamente 650 mil deles se encontram por toda a extensão da América do Norte.

Além dos veículos citados, também estão sendo reparados algumas unidades dos sedãs Ford Mondeo. Porém, nenhum desses foi identificado na América do Norte.

O ano dos veículos envolvidos varia conforme as versões específicas. Porém, pode-se dizer que esses estão na faixa de produção entre os anos de 2013 e de 2016.

Até o momento, dois acidentes com dois feridos foram identificados pela fabricante. A mesma está ciente da situação e, por esse motivo, optou pela troca do cinto de segurança para garantir que tais fatos não se repitam.

Recalls em 2016 pela Ford

Esse não é o primeiro recall realizado pela montadora em 2016. Somente nesse ano, mais três outros problemas foram identificados em um mesmo modelo da marca.

O primeiro, em maio, resultou na troca de pedal de freio de 1467 unidades da Ford Ranger. O modelo, que recém havia chegado às lojas, possuía possibilidade de desconexão entre a haste que aciona o hidrovácuo do freio e a haste do pedal.

Ainda, em julho, foram reparadas 44.998 unidades da mesma pick up, por problemas nos bancos. Isso porque a mola do mecanismo responsável por travar o encosto dos bancos na traseira quebrava facilmente, acarretando em sérios danos para os ocupantes.

E mais recentemente, em agosto, a Ford Ranger ainda foi chamada para recall de outras 4.683 unidades por problemas no software do módulo, responsável pelo controle do motor. Isso ocasionava a redução indesejada para a primeira marcha, sem que o condutor o estivesse requerido.

Após essas três reparações, o recall da falha no cinto de segurança é o quarto chamado da marca. A empresa espera resolver o problema o mais rápido possível e de forma eficiente, sem acarretar em demoras para os seus clientes.

Kellen Kunz


Lançamento da Nova Geração do Ford Fiesta na Europa


Modelo ganha 4 versões mais arrojadas e sintonizadas com as novas tendências do mercado.

Com cerca de quatro décadas de existência na Europa, o novo modelo do Ford Fiesta acabar de ser lançada naquele país. O anúncio oficial da marca foi feito no último dia 29 de novembro e ainda não tem previsão de chegar ao Brasil. Mesmo sem dar maiores detalhes sobre o novo estilo a ser adotado pelo automóvel, a fabricante, para comemorar a data, resolveu colocar à disposição dos consumidores europeus e americanos quatro novos estilos diferentes para a mesma marca.

Com um visual mais arrojado e atual, o tão popular Ford Fiesta agora assume um estilo mais arrojado e bem mais sintonizado com as novas tendências adotadas pelos seus concorrentes.

À primeira vista, o que mais chama a atenção são os estilos diferentes para os quatro modelos atuais. São eles: o Active, o Titanium, o ST Line e o Vignale. A Ford quis englobar os diferentes estilos de seus fiéis consumidores e a conquista de novos fãs da marca. Certamente, o modelo Titanium deverá ser o mais comercializado, inclusive aqui no Brasil, principalmente pela sua capacidade de satisfazer a uma variada gama de consumidores. Para quem deseja um carro mais esportivo, o modelo ST Line pode ser o modelo ideal para quem gosta de automóveis pequenos. Já para um público mais seletivo, a Ford lançou com exclusividade o modelo Vignale. Para aqueles que gostam um pouco mais de aventura, o Active pode ser ideal para quem quer se iniciar neste tipo de estilo.

Com relação ao motor, a Ford trouxe o motor turbo do tipo 1.0 que atinge mais de 120 cavalos de força em três cilindros. Além disto, o visual dos novos lançamentos abandonaram, por exemplo, o conceito de lanternas traseiras verticais por tipos horizontais bem mais finas e quase futuristas.

Para seu interior, o novo Fiesta já vai sair da fábrica com uma central multimídia do tipo Sync3. No seu painel frontal, tanto passageiro quanto o motorista poderão ter acesso a todas as funções do carro, com um visor moderno de oito polegadas e que pode ser operado diretamente através de um simples toque na tela.

A montadora pretende lançar os novos modelos primeiramente na Europa e depois que seu concorrente mais direto, o próprio Ford Ka, assumiu um visual mais arrojado. Depois do velho continente, a vez será do mercado brasileiro e de seus fiéis consumidores terem o prazer de dirigir o novo Fiesta.

Emmanoel Gomes


Novo Fusion Hybrid 2017 – Lançamento, Preços e Características


Veja aqui os preços e as características do novo Ford Fusion Hybrid 2017.

Nesta quinta-feira (25), a Ford apresentou para o mercado o novo Ford Fusion Hybrid 2017. Agora em uma versão mais sustentável do sedã, que foi o mais vendido do seu segmento. Além disto, também foram incrementadas funções auxiliares ao motorista e um novo desenho para o modelo do carro.

Já existe a disponibilidade para vendas do automóvel, com o preço inicial de R$ 159.500,00, sendo o Ford Fusion Hybrid o terceiro modelo lançado pela fabricante no ano, ao lado do 2.0 EcoBoost e 2.5 Flex, ambos apresentados em setembro, completando assim a linha de lançamento do sedã grande da Ford.

O conjunto da obra é o mesmo do modelo anterior, tendo como única diferença a possibilidade de abastecer também com eletricidade. O motor agora é associado com um 2.0 litros de ciclo Atkinson e um motor elétrico. O câmbio automático e-CVT faz o gerenciamento de ambos os motores, com uma potência combinada de 190cv. Além disso, a tecnologia foi usada na reutilização de energia liberada na frenagem do veículo e maior conectividade entre o carro e o motorista.

Foi adicionada ao motor do carro outra tecnologia exclusiva, a Ecoselec, sendo acionada por um botão no console para favorecer a economia de combustível, através de acelerações suaves e otimização na recuperação de energia da frenagem. A grade dianteira do veículo ganhou um controle ativo com o intuito de também reduzir o consumo.

O primeiro carro híbrido oferecido no país, o Fusion Hybrid promete o consumo de 16,8 Km/l na cidade e 15,1Km/l na estrada. Oferecido na versão topo de linha Titanium, o veículo possui além de seu motor híbrido, outras tecnologias como o piloto automático adaptativo com “stop and go”, assistente autônomo de frenagem, detecção de pedestres e de estacionamento automático para vagas paralelas e também para vagas perpendiculares.

A lista de equipamentos é muito boa e ainda inclui monitoramento do automóvel em 360 graus, cintos traseiros infláveis, controles de estabilidade e tração, oito airbags, farol alto automático, ar-condicionado de dupla zona, chave com sensor de presença e partida remota.

Outra grande novidade é o sistema inteligente EV+, que reconhece os destinos mais frequentes no GPS do carro e dá prioridade ao motor elétrico para chegar até esses pontos e economizar combustível.

Por Denisson Soares


Ford anuncia Novo Plano de Revisão com Garantia Estendida


Plano Ford Protect permite que motoristas possam pagar antecipadamente pelas revisões do carro.

A montadora Ford já lança sua nova linha ano 2017 e juntamente com ela há a oferta de uma novidade, um plano de manutenção que pode ser pré-contratado e que de forma prática irá permitir uma garantia adicional para os carros desta marca. O novo plano se chama Ford Protect e conta com duas alternativas de escolha, sendo com um ou com dois anos a mais sobre a garantia de fábrica original.

O gerente de serviços ao cliente da montadora Ford, Rodolfo Possuelo, disse que esse plano tem como objetivo a oferta de economia, tranquilidade e planejamento ao utilizar os veículos da marca. O plano Ford Protect é uma espécie de contrato, onde o consumidor adquire de forma antecipada as revisões, no mesmo momento em que compra o veículo e desta forma é possível incluir o valor dentro do financiamento.

Tal plano foi lançado de forma inicial para o New Fiesta 2017 e também para o novo Edge, sendo que agora foi disponibilizado para todas as linhas de utilitários, picapes e carros da marca com no máximo um ano de fabricação.

Quais as opções de contrato?

Ao todo são três alternativas de contrato: Premium, Advanced e Basic. O plano Protect Basic tem cobertura para três revisões, que estão previstas no decorrer de 36 meses de garantia, sendo realizada a cada 10 mil km ou 12 meses.

A opção Advanced inclui mais uma revisão, a quarta, realizada aos 40 mil km ou 48 meses, além de dar mais um ano de garantia. Já a opção Premium conta com a quinta revisão, com 50 mil km ou 60 meses, além de dois anos de garantia, perfazendo o total de cinco anos.

Para o modelo Ford Ka 1.0 2017, o plano Protect Basic custa R$ 1.450, o que cobre três revisões. Já no plano Advanced, um ano adicional de garantia e quatro revisões, custa R$ 2.250. E por fim, na Premium, com mais dois anos de garantia e cinco revisões, o custo é de R$ 2.650.

Para o New Fiesta 2017, as três revisões do plano ficam por R$ 1.650, o Advanced, com mais um ano de garantia e quatro revisões fica R$ 2.500 e o fim a Premium, com dois anos de garantia e cinco revisões custa R$ 3.000.

FILIPE R SILVA


Novo Ford Mustang chegará ao Brasil mais Elitizado


Montadora estuda cobrar valor alto pelo carro para preservar imagem de exclusividade e durabilidade do carro.

Para os fãs e apaixonados pelo belíssimo veículo da Ford, o famoso Mustang, as notícias são excelentes, haja vista que o fabricante garantiu que irá trazer este veículo esportivo para o Brasil, porém, os consumidores brasileiros terão que ter um pouquinho de paciência, porque esta chegada poderá acontecer somente no ano de 2018.

Um dos motivos para que o veículo não chegue tão rápido ao mercado nacional é a eterna calibração do propulsor para suportar os efeitos causados pela nossa gasolina, que é considerada como pouco pura, outro motivo é o fato de a Ford querer inserir no mercado nacional um versão atualizada e forte, que será destinada a poucos compradores, assim evitando o efeito colateral da popularização que ocorreu com o rival da Chevrolet, o renomado Camaro, que por aqui foi um sucesso.

Esses requisitos iniciais deverão refletir diretamente no preço em que o veículo chegará por aqui. Enquanto o Camaro custava R$ 180 mil quando estreou no Brasil e atualmente está custando R$ 250.290, o Mustang seria comercializado aqui no país por R$ 300 mil, contudo, teria a capacidade de cobrar o dobro do modelo da General Motors.

Como todos sabemos, no começo o Camaro foi um verdadeiro sucesso de vendas e acabou virando, além de desejo e sonho de consumo de muitos, hit musical, sendo que com toda essa divulgação acabou se tornando um ícone de desejo de um público emergente, que estava com foco em ostentar e não de conhecer realmente o carro, público este que aos poucos foram virando personagens das páginas policiais devido aos inúmeros acidentes registrados com o envolvimento dos veículos. Esse é um dos aspectos que a Ford não deseja que o Mustang passe aqui no Brasil, sendo que por este motivo, quando o carro chegar no Brasil, será um modelo elitizado.

A inserção deste novo Mustang no Brasil é uma coisa que, ao que tudo indica, será muito bem estudada e analisada pela Ford, até mesmo para respeitar e fazer jus a história do modelo no cenário automobilístico, tendo em vista que o conceito que a empresa coloca no Mustang é que ele é um veículo raro e que possui uma durabilidade de muitos anos.

Por Adriano Oliveira


Ford Ka 2017 – Lançamento, Preços e Novidades da Linha


Montadora deve lançar oficialmente o Ford Ka 2017 neste semana. Veículo custará a partir de R$ 41.990.

Conforme o que foi divulgado previamente pelo site da Ford, nesta semana a fabricante irá fazer o anúncio oficial a respeito da chegada da nova linha 2017 da família Ford Ka. E para deixar os consumidores brasileiros ainda mais animados, a fabricante anunciou que tanto o modelo com carroceria hatchback quanto o modelo que possui a variante sedã agora sairão da fábrica da empresa localizada na cidade de Camaçari (BA). Nessa nova geração a família Ka virá com banco traseiro bipartido com a presença do encosto de cabeça para o quinto passageiro, bem como com cinto de segurança de três pontos.

Mas nem tudo poderia ser notícias boas, pois a notícia ruim para os consumidores ficou por conta de que os preços dos veículos da família foram reajustados e agora o valor inicial é de R$ 41.990.

Outra novidade trazida pela gama 2017 do Ka é a versão SEL Plus, a qual possui o propulsor 1.5, destinado exclusivamente para a carroceria sedã, sendo que nesta versão sedã (que será a topo de linha) a fabricante irá ofertar aos consumidores bancos integralmente revestidos em couro e sensor de obstáculo traseiro, para adquirir essa versão o consumidor terá que desembolsar R$ 57.840.

A gama 2017 do famoso Ka será mais uma aposta da Ford, mas o certo é que este novos Ka não tem mais nada similar àquele Ka que foi lançado no país em 1997, pois de lá para cá o carro passou por diversas mudanças e tornou-se um carro maior e muito mais moderno, características estas que estão fazendo com que todo o prestígio do modelo volte à tona. Uma prova da força que o Ka está tendo no mercado atual é o fato de o modelo estar a um bom tempo brigando entre os hatchs compactos e ao que tudo indica a montadora quer continuar seguindo firme nessa disputa, haja vista que cada vez mais o veículo vem trazendo novidades em termos de acessórios e novas tecnologias para os consumidores.

Os principais concorrentes do novo Ka são o Chevrolet Onix e o Hyundai HB20, briga esta que representa nada mais nada menos que o mercado mais cobiçado pelas montadoras brasileiras.

Por Adriano Oliveira