Novo Chevrolet Tracker com Motor Turbo – Lançamento e Preço no Brasil


Confira aqui o preço e as principais novidades do Novo Chevrolet Tracker.

Em novembro do ano passado tivemos a realização do Salão do Automóvel de São Paulo. Uma das principais atrações do evento foi o Novo Tracker. O modelo reestilizado da Chevrolet, que está equipado com o mesmo trem de força do Cruze de segunda geração, já chegou às concessionárias e promete ser um dos grandes sucessos de 2017.

O SUV compacto começou a chegar às concessionárias de todo o país com preço sugerido de R$ 79.990 na versão LT. A versão top de linha é a LTZ, que não sai por menos de R$ 89.990, sendo que com mais R$ 3.000 o automóvel vem acompanhado de airbags laterais e de cortina.

Além disso, assim como aconteceu na nova geração do Cruze, o Tracker fez uma mudança em sua motorização: o antigo 1.8 flex deu lugar ao 1.4 turbo bicombustível e com injeção direta. Tal motor possui potência de 153 cv e 24,5 kgfm de torque a 2.000 rpm. Em relação ao câmbio não houve mudanças, haja vista a permanência do automático de seis marchas, que foi ajustado visando uma condução mais econômica.

Uma preocupação dos desenvolvedores do novo Tracker foi, sem sombra de dúvidas, o consumo. Com isso, o automóvel também vem acompanhado de assistência elétrica de direção, um item importante e que não necessita do uso de um compressor acoplado ao motor, trazendo mais autonomia e redução do consumo. Além disso, todas as versões são acompanhadas de start-stop, um mecanismo que desliga o motor de forma automática em paradas rápidas.

Em relação ao design, saiba que a dianteira do automóvel sofreu grandes mudanças. Com isso, novos faróis, grade, capô e para-choque renovados estão entre os destaques das mudanças. Tais mudanças seguiram o mesmo estilo dos lançamentos mais recentes da Chevrolet, como é o caso do Cruze, Onix e do Cobalt.

Um dos destaques nas atualizações na parte dianteira foram os faróis, haja vista terem ficado mais estreitos e a inclusão de condução diurna de LEDs. Em relação à grade, a mesma manteve o antigo formato bipartido, sendo que a sua gravata passou a ficar na parte superior juntamente com o capô, sendo que antes a mesma era centralizada.

Em relação à cabine, a mesma vem acompanhada de uma nova central multimídia, assim como no Cruze, Tal central é totalmente compatível com o Apple Car Play, além do Android Auto.

Por Bruno Henrique


Chevrolet Equinox – Lançamento no Brasil em 2017


Novo modelo de SUV irá substituir a Captiva e deverá ser lançado no segundo semestre de 2017.

Para quem é fã da marca Chevrolet, gosta de novidades e ainda, está atrás de um automóvel para o segmento SUV/Crossover, a marca anunciou já no salão do automóvel em Detroit, que o Brasil deverá ser o palco de sua mais recente novidade: O Chevrolet Equinox.

Segundo as intenções reveladas pelo presidente da marca que esteve presente no evento nos Estados Unidos, os planos da montadora em solo brasileiro é ‘focar’ a sua linha de atuação no segmento dos SUVs, que desde o ano de 2016 está em alta no país.

A marca já é vendida no exterior e nos Estados Unidos, só perde mesmo para a sua prima, top de linha, a Silverado. No Brasil, ela entrará a partir dos segundo semestre de 2017 e deverá substituir a linha Captiva da montadora. Deste modo, espera-se que ela ocupe um lugar tanto de vendas quanto de preferência entre o Trail Blazer e o Tracker. A montadora não quis ainda falar em preço, mas deve ficar algo em torno dos R$ 130 mil até para que possa ser párea para os modelos que já estão no mercado como o Compass da Jeep.

O modelo fabricado aqui no Brasil deverá seguir o mesmo padrão dos modelos que estão nas concessionárias lá fora. Os atuais saem de fábrica nas versões a gasolina com motor 1.5 de 170 cavalos de força e 2.0 com 255 cavalos de força. A versão a diesel também é fabricada com motor 1.6 e 138 cavalos força. Todos os modelos já saem de fábrica com câmbio automático de nove tempos e com tração integral nas quatro rodas, caso o consumidor queira. Para isto, ele vai ter que desembolsar um pouco mais.

No seu aspecto interno, ela não deixa nada a desejar aos modelos mais sofisticados de seus futuros concorrentes. Ele possui sistema de alarmes que avisa em caso de possível colisão frontal, câmera integrada com sistema de som surround e kit multimídia com visor de oito polegadas e equipado com sistema Android e Apple Car Play. O sistema de frenagem em modo automático integra o novo modelo e monitoramento de tráfego na parte traseira do veículo, dentre outros itens como o sistema de concierge interna.

Para quem quiser se antecipar para ter o novo modelo na garagem, por enquanto, terá que importá-lo da sede da montadora no México. Se puder esperar, terá condições de experimentar o modelo brasileiro somente a partir da segunda metade de 2017.

Emmanoel Gomes


Chevrolet S10 ZR2 2017 – Lançamento nos Estados Unidos


Carro ganha versão radical pronto para qualquer tipo de estrada nos Estados Unidos.

Nas estradas brasileiras, é evidente que a Chevrolet S10 caiu no gosto popular. Mas não é só aqui que ela tem sido vista com bons olhos. A Colorado, como é conhecida e comercializada a pick up em outros países, teve recentemente um novo lançamento nos Estados Unidos.

Em uma versão muito mais radical do que aquela conhecida por aqui, a ZR2 está pronta para encarar trajetos pesados e tem disponibilidade para motor turbodiesel 2.8 Duramax ou ainda gasolina V6 3.6.

Apresentada oficialmente como conceito no evento Los Angeles Auto Show, no ano de 2014, atualmente o veículo está disponível para os consumidores que desejam a ter na garagem e que adoram se aventurar nos mais diversos ambientes, seja em pedras, lama ou areia.

Isso porque a suspensão da nova S10 foi especialmente desenvolvida para aguentar trajetos difíceis. Utilizando a tecnologia da Multimatic, a Dynamic Suspension Spool Valve, a DSSV, que também é usada pelos carros de corrida e, inclusive, pelo Camaro Z/28, os braços da suspensão são em ferro fundido e aumentam a bitola em 8,9 cm.

Conforme a montadora Chevrolet, esse tipo de amortecedores garante seis condições de amortecimento. Sendo assim, verifica-se um número superior de possibilidades, uma vez que os amortecedores comuns somente oferecem duas opções, a compressão e a extensão.

Portanto, com amortecedores com performance invejável e que se ajustam às necessidades do ambiente, há uma elevação superior da carroceria em relação ao solo, se considerada a versão convencional. Esse aumento é de mais de cinco centímetros na comparação entre os dois modelos.

Nos diferenciais dianteiro e traseiro, verifica-se um bloqueio eletrônico e comandos a partir de teclas da cabine. Para a tração é possível escolher entre nove configurações diferentes, entre elas o 4×2, 4×4, entre outros.

Em relação às rodas, essas são de aro de 17 polegadas e tala de 8 polegadas. Os pneus que calçam as rodas são Goodyear Duratrac de 31 polegadas.

Gostou de conhecer um pouco mais sobre a Colorado ZR2? Pois a má notícia para os brasileiros é que, muito provavelmente o modelo não será comercializado por aqui.

Porém, já é possível ter uma ideia do que vem por aí em termos de inspirações para o futuro das pick ups. Resta aguardar e ficar na torcida.

Kellen Kunz


Chevrolet Cruze Sport6 2017 – Lançamento e Novidades


Chevrolet apresenta a segunda geração do hatch Cruze 2017 no Salão de Automóvel de São Paulo.

O Salão do Automóvel que acontecerá na cidade de São Paulo, entre os dias 10 e 20 de novembro, na São Paulo Expo, está fechando o ano de 2016 marcando vários lançamentos da General Motors aqui no Brasil. No dia 8 de novembro de 2016, última terça-feira, as novidades mais recentes foram mostradas para público, onde a principal é a segunda geração do Cruze Sport 6.

O novo lançamento faz uso da mesma mecânica usada no Cruze na versão sedã, isto é, uma motorização que gera 153 cavalos de potência com suas 1400 cc (1.4) turbo, aliado a uma transmissão automática de seis velocidades, que irá substituir o então motor 1.8 aspirado de 144 cavalos de potência.

O Chevrolet Cruze Sport 6, ao se tratar de equipamentos, versões e motorização, será praticamente o mesmo do sedã. Entretanto haverá duas mudanças. Uma delas é um pequeno ajuste que foi feito nos sistemas de direção e também de suspensão, que agora se tornaram um pouco mais esportivos. E a outra é o desenho novo para as rodas. A General Motors tem como objetivo principal dar ao Cruze hatch um nível alto de esportividade, para que assim possa bater de frente com os modelos Golf e Focus.

Da mesma jeito que a versão sedã do veículo, o Cruze Sport 6 será fabricado em território argentino. O hatch será vendido nas versões LTZ, LTZ II e também LT. Reestilizado por completo, com um visual chamativo, contando com maior distância entre-eixos, um acabamento bom e um novo motor de 1400 cc turboflex, o carro provavelmente cairá no gosto dos consumidores. O motor é um turbo que possui 150 e 153 cavalos de potência, de acordo com o combustível, possui também injeção direta, a mesma do sedã e conta com um torque maior ainda do que a versão antiga, o 1.8.

O quadro de instrumentos da nova geração é moderno e agora vem com um display colorido de 4,2 polegadas, onde apresenta informações como pressão dos pneus, consumo e distância do carro que está à frente. A central multimídia é My Link 2, que se conecta com smartphones através do Apple Car Play e do Android Auto.

FILIPE R SILVA


Chevrolet Cobalt 2017 ganha Novos Itens de Série


Modelo contará com câmbio de seis marchas e direção com assistência elétrica.

Em um primeiro momento tivemos o Chevrolet Onix e o Prisma, que foram reestilizados, além da apresentação das versões Joy 1.0. Porém, a montadora não parou ainda com seus planos e continua mexendo em seus carros. A novidade da vez fica por conta do Cobalt em sua linha 2017. De acordo com as informações da fabricante, a versão irá receber um câmbio manual de seis marchas em substituição ao atual câmbio com transmissão de cinco velocidades. Além disso, o carro ainda contará com direção com assistência elétrica.

De acordo com a Chevrolet, um dos principais (senão o principal) objetivos das modificações feitas no modelo é basicamente obter a redução na média de consumo do veículo. Com isso foi possível melhorar a colocação do carro na avaliação geral da tabela do Programa de Etiquetagem Veicular do Inmetro. Os planos da marca pareceram dar certo, o Chevrolet Cobalt conseguiu obter nota A em todas as suas versões e ainda ganhou o selo de eficiência energética Conpet.

O Cobalt LT e LTZ 1.4 abastecidos com etanol e que são as opções mais econômicas, já contando com o novo câmbio manual, apresentam agora uma média de 8,5 km/l em uso urbano e de 10,4 km/l em uso nas estradas. Se as versões forem abastecidas com gasolina as médias passam para 12,5 km/l (cidade) e 15,1 km/l (estrada).

De certa maneira as comparações não se distanciam muito do Cobalt LTZ que vem equipado com um motor 1.8 e câmbio manual. Aqui vamos ter uma média com etanol de 8,3 km/l na cidade e 10,4 km/l nas estradas. Com o uso de gasolina as medições passam para 12,1 km/l e 15,1 km/l, respectivamente.

É interessante notar que as maiores diferenças percebidas surgem exatamente no Cobalt LTZ e no Elite, que são automáticos e também contam com seis velocidades.

Nestes casos o sedã abastecido com etanol faz 7,6 km/l na cidade e 10 km/l nas estradas. Com gasolina teremos 11,1 km/l para a cidade e 14,4 km/l para as estradas.

De qualquer forma, pelo visto o Programa do Inmetro que revelou as novidades do Cobalt 2017 deixou claro que a marca está mesmo preocupada em melhorar o consumo do sedã e fazer com que a fama de beberrão seja esquecida de uma vez.

Por Denisson Soares


Chevrolet Prisma 2017 – Preço e Novidades do Modelo


Modelo chega às concessionárias reestilizado e mais completo.

Foi divulgado pela Chevrolet, na semana passada, os preços e novidades do novo Prisma 2017, que chega às lojas reestilizado e mais completo, partindo de R$ 53.690. As modificações incluem nova identidade visual e novos equipamentos de série.

Por fora, o sedã da Chevrolet chega às lojas com novo design, que inclui aerofólio integrado à tampa do porta-malas, nova grade frontal (semelhante à identidade visual 2017 do Chevrolet Cruze), além de acabamento interno de melhor qualidade. No quesito itens de série, o Prisma traz novos itens, que visam satisfazer até os clientes mais exigentes, oferecendo conforto, tecnologia e comodidade ao usuário.

A versão de entrada do Prisma, a 1.4 LT Eco, traz diversos itens de série, como ar-condicionado, sensor de estacionamento, velocímetro digital, travas e vidros elétricos, chave-canivete, direção com regulagem de altura, sistema antifurto, rodas de 15 polegadas, câmbio de seis marchas, airbag duplo, entre outros. O destaque é para o pacote Protect do sistema OnStar, que também é oferecido como item de fábrica. A versão manual chega às lojas por R$ 53.690 e a versão automática por R$ 58.990.

Já o modelo Prisma LTZ 1.4 incrementa aos itens de série computador de bordo completo, com 5 funções, acabamento interno em duas tonalidades, bancos com revestimento Premium, faróis de neblina, retrovisores com ajuste elétrico, rodas de alumínio e pacote superior do OnStar, o Exclusive. A versão custa R$ 58.690 para câmbio manual e R$ 64.690 para câmbio automático.

ECO e OnStar

O Chevrolet Prisma 2017, assim como o novo Onix, chega às lojas com um sistema mais econômico, denominado ECO, que traz mudanças nos motores 1.0 e 1.4, a fim de viabilizar maior economia e melhor performance. Na transmissão, a mudança ficou por conta da caixa manual de 6 marchas, que substitui a caixa de 5 velocidades, com foco também na economia de combustível de ambos os modelos. De acordo com a marca, o Prisma 1.4 modelo 2017 tem condições de rodar 15,4 km na estrada e 12,8 na cidade com 1 litro de gasolina. No etanol, o consumo passa a ser 10,7 km por litro na estrada e 8,8 km por litro na cidade.

Entre as novidades tecnológicas do modelo está o sistema OnStar de série, que só era oferecido nos modelos mais luxuosos da Chevrolet, como o Cruze. O sistema oferece diversas comodidades ao usuário, como monitoramento a distância, bloqueio remoto do veículo, diagnóstico remoto do carro através de um aplicativo online, entre outros. O serviço é 24 horas e será gratuito por, no mínimo, 1 ano.

André Barbirato


Novo Chevrolet Onix 2017 deverá ter visual parecido com o Cruze


Frente do novo Chevrolet Onix terá inspiração no Cruze 2017.

A montadora de veículos Chevrolet publicou na última terça-feira, dia 19 de julho, uma imagem que mostra o farol do Onix, o qual foi redesenhado. O veículo ainda será apresentado por inteiro ainda antes do término deste mês. O foto revela que a parte dianteira frente do Chevrolet Onix irá ficar bem próxima da identidade visual do Cruze modelo 2017.

O Onix foi o veículo mais vendido em território brasileiro no ano passado (2015) e somente agora teve a primeira alteração em seu visual desde que foi lançado no ano de 2012. Além deste, outro modelo da marca, o Prisma, será redesenhado ainda este mês.

Analisando a imagem publicada é possível ver que o farol é mais afilado e se une com a grade dianteira, a qual se encontra mais horizontal e estreita, sendo dividida em duas partes, da mesma forma que acontece na nova geração do Cruze, o qual teve seu lançamento realizado no último mês de junho.

O Chevrolet Onix tem a sua versão sedã, conhecida como Prisma, que também irá adotar as novas linhas e os novos contornos ainda neste mês de julho. No entanto, as alterações ocorrerão somente no visual mesmo, visto que as mesmas não irão afetar nenhuma parte que envolve o conjunto mecânico.

No começo do mês de maio os dois veículos foram flagrados camuflados rodando em testes pelas ruas da cidade de São Paulo. O "facelift" terá como objetivo realizar a renovação do fôlego no mercado automotivo, estratégia que já foi tomada no ano passado pela montadora sul coreana Hyundai, em seu modelo HB20, o principal rival do veículo em questão.

Além desta renovação no visual, os modelos irão ser equipados com a mais nova tecnologia do sistema de conectividade, o MyLink. A nova geração desse sistema é compatível com diversas plataformas com o Android Auto, do Google, que possibilita realizar conexão com aparelhos que possuem sistema operacional Android e também o Car Play, que permite o uso de aparelhos da Apple, com sistema operacional iOS. Este sistema de conexão realiza o espelhamento dos aparelhos smartphones na tela do dispositivo do veículo.

FILIPE R SILVA


Chevrolet S10 2017 chega com Nova Dianteira e está Mais Econômico


Modelo passou por leves mudanças de design e teve seu peso reduzido, o que deve refletir numa economia de 5% no consumo de combustível.

Na segunda-feira, dia 25, a picape Chevrolet S10 2017 foi apresentada e agora conta com diversas novidades na lista de equipamentos e também no visual. Na parte dianteira o veículo ganhou um novo design, sem contar as novas suspensões, a direção elétrica, e também os freios. Conforme informado pela empresa, a picape teve seu peso reduzido, o que cominou em numa economia de 5% no consumo de combustível.

Os preços da S10 2017 ainda não foram divulgados, porém, a Chevrolet informou que deverá ficar no mesmo nível do modelo passado.

A motorização não foi alterada, continuando os mesmos 2.5 flex de 206 cavalos e 2.8 turbodiesel com 200 cavalos de potência.

O câmbio ainda possui tanto a caixa automática como a manual, as duas com 6 velocidades. Já as trações podem ser 4×4 ou 4×2.

Além dessas novidades, o modelo agora também conta com sistema OnStar, com assistência médica e mecânica em caso de emergência. Tal sistema se comunica com um Centro de Atendimento, que acontece por meio de uma linha de celular exclusiva, além de apresentar a localização do veículo, informando se o mesmo está envolvido em um acidente ou então se foi furtado. O OnStar é disponibilizado pela montadora pelo período de um ano e deve ser habilitado em alguma concessionária da marca.

Sem contar também que a nova S10 possui sensor de chuva, acendimento automático dos faróis, câmera de ré com auxílio para manobras, retrovisor central eletrocrômico, acionamento remoto da ignição, sensor de estacionamento dianteiro, entre outros equipamentos.

Visualmente as novidades ficam por conta de uma cavidade no capô (cavidade que foi desenhada na parte posterior) e da grade, que sofreu um prolongamento até os faróis, os quais também sofreram mudanças e poderão ter uma guia LED.

Na parte lateral, os retrovisores possuem repetidores de pisca.

As rodas, nas versões de entrada, ou seja, a LS e LT, são de alumínio e com aro de 16 polegadas, já nas versões mais sofisticadas a roda possui aro 18.

Na traseira, há a opção com laterna de LED e a novidade está na tampa da caçamba, que poderá vir com câmera de ré.

Internamente, a empresa trouxe novos desenhos para o modelo, que segundo a marca tiveram como base o conceito X-Treme, apresentado na Tailândia.

O modelo será vendido nas cores novas Preto Ouro Negro e Azul Old Blue Eyes, além das já conhecidas Branco Summit, Prata Switchblade, Cinza Son of a Gun e Vermelho Chilli.

FILIPE R SILVA


GM prepara Revitalização de sua Linha de Veículos


Onix, Prisma, Trailblazer, S10 e Cruze estão entre os modelos que deverão ganhar novas versões.

Depois da Hyundai apresentar o Novo HB20 e HB20S e a Volkswagen apresentar as atualizações do Gol e Voyage, a GM (General Motors) decidiu se mexer para contra-atacar suas rivais. Para isso, a montadora está preparando a atualização de seus modelos Onix e Prisma. Um detalhe interessante de se mencionar é que atualmente o Onix é o carro mais vendido no Brasil, ultrapassando até as vendas do popular Gol, que por muitos anos detinha este título.

Não bastassem as atualizações nestes modelos mais populares, a GM também deverá atualizar a sua picape S10 e sua SUV Trailblazer. A revitalização este modelo é uma resposta às atualizações realizadas na Toyota Hilux, no Fiat Toro, no Renault Duster Oroch e na Ford Ranger.

Ainda em clima de renovação, a montadora também prepara o lançamento da nova geração do Chevrolet Cruze. Vale lembrar que esta será a estrela da montadora durante o Salão do Automóvel de São Paulo, que está previsto para acontecer no mês de novembro deste ano. Esta nova versão do Cruze está sendo bastante esperada, uma vez que a montadora espera que com as modificações o veículo retome a briga pelo topo da categoria de carros médios.

Tantas renovações em sua linha de veículos não estão sendo realizadas a toa. A GM tem o plano de produzir cerca de 2,5 milhões de veículos no mundo todo por ano a partir de 2020. Para conseguir isso, a montadora precisa melhorar ao máximo os seus carros e deixa-los cada vez mais atrativos, para alavancar de vez as vendas dos modelos e quem sabe até superar a meta estipulada para os próximos anos.

Quando os Novos Modelos Serão Lançados?

Para quem está se perguntando quando a montadora deve apresentar os novos veículos, é importante lembrar que a GM não estipulou ainda datas específicas, porém, acreditasse que a nova S10 e a Trailblazer deverão ser apresentadas ainda neste primeiro semestre de 2016. Estes dois modelos devem seguir o design apresentado em protótipos no Salão de Bancoc. Com isso, os veículos devem contar com novo desenho frontal e novos itens de série. Já os motores deverão continuar os mesmos presentes atualmente.

Já mais para o final do ano, mais especificamente no mês de novembro, a montadora deverá apresentar o Novo Cruze 2017, sendo que no início do próximo ano deverá chegar às lojas a versão Hatch do modelo. Com relação a este veículo a Chevrolet informou que ele será produzido em Rosário, na Argentina, a partir do mês de maio do ano que vem.

Com relação ao Onix e Prisma, eles devem ser revitalizados e apresentados apenas no início do próximo ano, já como linha 2017. Apesar disso, uma prévia destes modelos deverá ser apresentada em algum Salão do Automóvel que será realizado este ano. Para estes modelos a expectativa é de que eles ganhem um novo motor menor e mais econômico, aposentando assim o atual 4 cilindros SPE/4.