Chery Cielo e Tiggo – Recall no Brasil


Cerca de 12.462 unidades de automóveis da marca Chery devem passar por recall no Brasil. O recall é destinado a dois modelos específicos: Cielo e Tiggo. Os problemas identificados estão no material utilizado no escapamento e na vedação do motor de alguns veículos. O amianto é considerado um material cancerígeno e cheio de substâncias tóxicas prejudicais a saúde, por isso a montadora está solicitando o recall que já pode ser realizado.

Os chassis que necessitam de avaliação podem ser consultados no site da montadora ou até mesmo em uma concessionária autorizada da marca. O recall será voluntário, pois no paíss ainda não existe uma lei específica que obrigue a convocação neste caso.

De acordo com a Chery o uso de amianto nestes veículos não é tão prejudicial ao motorista e demais ocupantes do carro, mas sim para quem manipularia este material em alguma manutenção, no caso dos mecânicos.

A decisão de realizar o recall veio direto da matriz da empresa, que por ter uma repercussão da marca internacionalmente quer evitar problemas de imagem em países que possuem lei para banir o amianto.

Por Dayane Garcia


Chery Cielo 2010 – preço divulgado


A Chery começou a vender o Cielo (chamado de A3 na China) no Brasil. O preço começa em R$ 41.900,00, preço válido para ambas as versões, hatch e sedan.

Pelo preço, o carro traz um bom nível de equipamentos. Tem um motor 1.6 16 válvulas de 119cv a gasolina e já vem com ABS/EBD, airbag duplo, vidros e travas elétricas, direção hidráulica e outros itens de série.

O Cielo que, junto com Tiggo e Face, forma a linha da Chery no Brasil, vem tentar fazer uma boa imagem do carro chinês no Brasil, imagem esta que não é muito boa lá fora. A Revista Auto Esporte, no entanto, avaliou o modelo e percebeu alguns problemas um tanto sérios de acabamento.

Chery Cielo
Chery Cielo

Chery Cielo – antigo A3


Lembra-se da Promoção do Chery New Name, aquela para definir o novo nome do A3 no Brasil? Pois bem, saiu o resultado. O carro vai se chamar Chery Cielo. O carrinho vai ser produzido no Mercosul, numa fábrica em Montevidéu, Uruguai, e na China, em Wuhu.

Segundo a Interpress Motors, duas pessoas, ambas paulistas, escolheram o mesmo nome, e estas duas vão visitar as plantas que produzirão o Cielo. A palavra cielo é da língua espanhola e significa céu. E também é o sobrenome do nadador Cesar Cielo, medalha de ouro em Pequim 2008.