Novo BMW Série 3 2019 – Novidades e Lançamento no Brasil


Confira aqui tudo que há de novo no BMW Série 3 2019.

A marca germânica apresentará no Salão de Paris, pela primeira vez, a sétima geração do seu maior ícone. Será fabricado no México, em uma fábrica nova com produção de aproximadamente 150 mil carros anuais e será dedicada para a montagem do modelo Série 3, o qual tem previsão de lançamento para o segundo semestre do próximo ano.

As inovações ficam por conta dos faróis de LED, que continuam com o padrão presente no Série 5, porém, há uma divisão implícita dando um ar de agressividade e também o duplo rim presente na grade dianteira, que aumentou ainda mais. Na parte de trás, foram escurecidas as lanternas. Na parte frontal o para-choque conta com luzes diurnas nas versões que não possuem o pacote e no para-choque traseiro um elemento decorativo.

Sobre as dimensões do Série 3

O Série 3 de 2019 aumentou um pouco, agora passa a ter 76 milímetros a mais no comprimento, totalizando 4,71 m, 1,83 m na largura e mantendo os mesmos 1,44 m na altura. Passa a ter 41 milímetros a mais de entre-eixos, batendo 2,85 m.

Leveza e dinamismo

Utilizando a CLAR, uma plataforma modular da empresa de Munique, o G20 está 55 kg mais leve e mais rígido que seu antecessor em 50%, com 0,23 de coeficiente aerodinâmico no túnel de vento. O lançamento ficou mais confortável e mais rápido.

Sobre os motores

Os propulsores do modelo são: dois a diesel, com seis e quatro cilindros e outro a gasolina. Somente os diesel utilizam transmissão manual com seis velocidades, os outros possuem oito velocidades em uma caixa automática.

  • O 320i possui 184 cv com torque de 30,6 kgfm, chegando a 100 km/h em um total de 7,2 segundos, tendo 17,5 km/l de consumo;
  • O 330i possui 258 cv com torque de 40,8 kgfm, chegando a 100 km/h em apenas 5,8 segundos, tendo 17,2 km/l de consumo;
  • O 318d tem 150 cv com torque de 32,6 kgfm, batendo 100 km/h em 8,5 segundos, com 23,8 km/l de consumo;
  • O 320d, que possui opção com tração xDrive, conta com 190 cv e torque de 40,8 kgfm, chegando em 100 km/h nos 6,8 segundos. 23,8 km/l é o seu consumo.
  • O 330d chega em 265 cv e torque de 59,1 kgfm, atingindo 100 km/h nos 5,5 segundos e batendo a marca de 20,8 km/l de consumo.

O novo Série 3 internamente

O novo Série 3 possui seu interior mais claro. Conta com instrumentos analógicos e um display de 5,7", além de um sistema multimídia com 8,8". O modelo está esquipado com uma interface nova 7.0. Possui também um quadro de 12,3 polegadas com instrumentos digitais e display de 10,3" visando o entretenimento. Existe também um assistente pessoal da própria montadora, que pode ser acionado por meio de comando de voz, além de poder dar o nome desejado ao assistente virtual.

Agora a montadora BMW passou a oferecer mais espaço destinado aos cotovelos e ombros na parte dianteira, bem como para suas pernas. 480 litros é o tamanho do porta-malas, mesmo tamanho da outra geração. Há rebatimento do banco de trás sendo 40, 20, 40 sua proporção. A tampa elétrica traseira possui abertura através de sensor, bem como engate removível.

Não poderia faltar também os diversos sistemas de assistência, onde a montadora pegou pesado, tendo uma grande lista, trazendo detector de pedestres, aviso de saída de faixa e freio automático. Como pacote opcional é possível ter uma condução semi-autônoma contando com piloto automático adaptativo. Além de contar com assistente de estacionamento também.

O BMW Série 3 estará ainda mais avançado que o modelo Mercedes-Benz Classe C, agora podendo recuperar o posto de melhor dinâmica. No Brasil, o lançamento, ocorrerá em 2019, no segundo semestre.

FILIPE R SILVA


Lexus IS, Audi A4 e BMW Serie 3 – Comparação entre os modelos


Lexus IS sempre viveu à sombra de seus colegas alemães – o Audi A4 e o BMW Serie 3 . Portanto, uma comparação foi feita para avaliar se este ainda é o caso, colocando um Lexus IS 300h contra um BMW 320d e um Audi A4.

O Lexus recebe um motor a gasolina de 2.5 litros que gerencia 65.7mpg e é o único carro neste teste a emitir menos de 100g/km de CO2. É melhor que o Audi A4 em termos de economia de combustível.

Mesmo com a suspensão mais dura o Lexus IS é um carro muito confortável, especialmente no trânsito ou na estrada. Possui controle de velocidade e controle de temperatura  padrão em todos os modelos, enquanto os modelos Premier Top possuem bancos de couro elétricos e um sistema de som poderoso.

O novo Lexus IS é um pouco maior do que o antigo com bancos traseiros rebatíveis, o que significa que ainda há muito espaço para bagagem extra. Por meio do serviço de navegação  em estacionamento, o Lexus ajuda você a encontrar um estacionamento nas proximidades e também exibe informações de preços de modo que não haja surpresas quanto aos serviços.

Em termos de desempenho, os três carros são muito alinhados. A BMW e o Lexus são rápidos na tração traseira, e ambos podem atingir 0 a 60 mph em 7,8 segundos. O Audi, no entanto, levou 8,4 segundos. A Audi é a mais barata, com o preço estimado de 28.900 libras. Já o preço da BMW e Lexus são ambos 29.810 e  29.495 libras, respectivamente. 

A BMW realmente é a referência na classe, no entanto, com grande movimentação, muito boa de direção e pneus estreitos que ajudam o passeio.

Então, o  Lexus IS finalmente saiu da sombra de seus rivais alemães? 

Bem, é um bom carro, e definitivamente melhor do que antes. Mas ainda não é tão bom quanto um Audi A4, que por sua vez, não é tão bom como o BMW Serie 3.

Por Jaime Pargan

Lexus IS

Lexus IS

Foto: Divulgação