Fiat Punto T – Jet: Desempenho e esportividade


A Fiat é uma daquelas fabricantes que fazem questão de não deixarem faltar opções de hatches compactos em sua gama. Para termos uma ideia mais ampla disso temos o Palio que é vendido em sua primeira versão e também na segunda geração recebendo os nomes de Fire e novo Palio respectivamente. Fora isso, ainda temos o Uno e o Punto.

Desde os idos anos de 2007 o Punto funcionou basicamente como uma aposta um pouco arriscada para esse setor do mercado que, como bem se sabe, é exigente. Com o passar do tempo e com o andamento das coisas o modelo acabou ganhando versões que chegaram com preços relativamente mais altos. Mas não foi só isso: Algumas particularidades também fizeram com que o carro se destacasse nas ruas.

Já no T-Jet a Fiat apresenta um modelo com um visual mais esportivo e com a presença de um motor 1.4 turbo.

O propulsor responsável por mover o T-Jet tem potencial para desenvolver 152 cv e isso a 5.500 rpm. De torque são 21,1 kgfm que ficam entre 2.250 e 4.500 giros.

E tem um detalhe interessante nesse meio todo, o modelo é importado da Itália, funciona com uma turbina de 1,0 bar de pressão com intercooler. O carro só sai da garagem movido a gasolina.

Todo esse conjunto ainda é complementado por uma transmissão manual que conta com cinco marchas e que também equipa outras configurações do modelo da Fiat.

O T-Jet tem o um peso total de 1.263 kg. Já a aceleração do modelo vai de 0 a 100 km/h em 8,3 segundo. De acordo com informações da própria fabricante o carro consegue atingir a marca de 203 km/h.

De quebra o consumidor ainda vai encontrar no modelo três modos para condução, o chamado DNA que nada mais é do que a sigla das opções Dinâmico, Normal e Autonomia.

De uma maneira geral o Punto T-Jet oferece aos consumidores uma boa gama de equipamentos que vem de série. Já a principal e mais recente alteração no modelo aconteceu em fevereiro do ano passado. Na época o carro recebeu uma central multimídia de série e um sistema GPS, opcional, neste caso.

Já no que diz respeito ao consumo ainda não há nenhuma informação oficial uma vez que o carro ainda não foi avaliado pelo Programa de Etiquetagem do InMetro.

Os preços iniciais do Punto T-Jet partem de R$75.300, mas conforme a opção feita pelo consumidor poderá chegar a cifra de R$89.627.

Por Denisson Soares


Parceria entre BMW e Toyota promete criar novo modelo Esportivo


As fabricantes de carro BMW e Toyota fizeram uma parceria nesta última sexta-feira (29) para poderem criar um esportivo. Em dezembro de 2011, as duas marcas já tinham feito um convênio para desenvolverem diversos projetos juntas.

Entre as ideias a serem colocadas em prática estão um veículo movido a célula de hidrogênio, motores elétricos, sistemas para deixar os veículos mais leves e agora o esportivo.

Basicamente, a troca de favores acontecerá da seguinte forma: a BMW fornecerá à Toyota os motores 1.6 e 2.0 a diesel somente a partir de 2014.

Enquanto isso, elas vão estudar uma maneira de criar baterias de íon-lítio, para poderem colocar nos carros elétricos.

Esta atitude de criar parcerias entre montadoras está sendo bastante utilizada. A Toyota já desenvolveu o esportivo 86 com a Subaru (também conhecido por Scion FR-S), possui parceria com a Ford para criar utilitários e tem convênio com a Yamaha para a montagem de bicicletas e motos elétricas.

Já a BMW está criando carros sustentáveis com a Peugeot Citroën. Outras fabricantes que estão agindo da mesma forma são a Fiat e a Mazda, que querem montar um conversível compacto, e a PSA e a General Motors, que vão desenvolver veículos em parceria.

Fonte: BMW e Toyota

Por Matheus Camargo


Chevrolet Impala 2014 – Lançamento


A montadora Chevrolet acabou de divulgar todos os detalhes do Impala 2014, seu novo sedã.

O carro contará com três excelentes opções de propulsão, sendo elas o 2.6 V que gera 303 cavalos de potência, o 2.5 que atinge 195 cavalos e o 2.4 que é o menos potente da família, mas que chega a satisfatórios 182 cavalos.

Além disso, o lançamento será equipado com moderno sistema e-Assistent, que possibilita uma maior economia de combustível e melhora significativamente o desempenho.

O Impala surgiu no mercado em 1957 e esta já é a sua 10º geração.

Ao longo do tempo, o modelo foi melhorando a cada dia, sem perder de vista as suas qualidades originais.

Sendo um dos carros mais vendidos no mercado norte-americano, o veículo se transformou em um grande clássico automobilístico.

Hoje, o Impala oferece um acabamento impecável, tanto na parte interna, quanto na parte externa.

O carro também possui itens de série altamente tecnológicos e funcionais, como os sensores de estacionamento, de tráfego e de obstáculos.

Em relação ao visual, o novo Impala apresenta um design arrojado, com linhas imponentes e ao mesmo tempo elegantes, já anunciando o estilo que a marca deve adotar nos próximos lançamentos.

O carro será disponibilizado em três versões, a: LS, a LT e por fim, a LTZ.

Ainda não há data prevista para o lançamento do novo Impala no Brasil.

 

Por Larissa Mendes de Oliveira


Chrysler – lançamento SRT Viper 2013


Um dos carros mais aguardados do ano acaba de ser lançado.

Trata-se do novo Viper 2013,  quinta geração do Dodge, da divisão SRT da Chrysler.

O motor é o mesmo da versão anterior (V10 8.4), mas ficou mais potente devido às novas configurações mecânicas e sistema moderno, com válvulas variáveis e coletores de admissão, itens que permitiram  que 40 cavalos fossem acrescidos ao modelo, gerando impressionantes  648 cavalos de potência.

Além disso, o motor ficou 25 kg mais leve e foi alocado em sua maior parte, no lado do passageiro, a fim de distribuir melhor o peso do veículo superesportivo.

Dentre outras funcionalidades, o carro conta com uma transmissão manual de seis marchas, braços projetados para aumentar a rigidez do modelo e várias partes produzidas com fibra de carbono e magnésio, o que possibilitou que o automóvel ficasse mais leve do que a quarta geração.

O chassi ainda é o mesmo do antecessor, inclusive, com a mesma distância entre os eixos.

O carro deve começar a ser vendido somente no final de 2012 e será disponibilizado em duas modelos: o GTS e o SRT básico.

O GTS é o top de linha e contará com controle de estabilidade, suspensão ajustável e revestimento em couro, itens que não estarão presentes na versão básica.

Os preços ainda não foram divulgados.

 

Por Larissa Mendes de Oliveira


Lista dos 10 carros mais potentes vendidos no Brasil


As estradas brasileiras, com raríssimas exceções, não são nada boas para dirigirmos com segurança, ainda mais em alta velocidade. A qualidade do asfalto e a condição de conservação das pistas, dentre outros fatores, costumam deixar os motoristas na mão. Mesmo assim, é possível encontrar modelos velozes, muitos deles da categoria superesportivos, trafegando por aí.

Dentre esses modelos, você sabe qual é o mais “nervoso” à venda no Brasil? O site Carro Online fez uma lista com os 10 carros mais potentes comercializados no país. De acordo com eles, o Koenigsegg CCXR é o primeiro do ranking. Equipado com um motor 4.7 litros, biturbo, V8, que gera 806 cv de potência se movido a gasolina, ou incríveis 1.100 cv quando abastecido com álcool, o superesportivo pode atingir 415 km/h de velocidade máxima.

Outros bólidos citados são o Bugatti Veyron Grand Sport e o Pagani Zonda R.

Veja aqui a lista completa.

Por André Gonçalves