Mesmo com Gol e Voyage fora de linha, VW Saveiro continua. Nova versão em breve

Ao que tudo indica, VW manterá a produção da Saveiro mesmo com a saída de linha de Gol e Voyage, numa estratégia parecida com a da Fiat com Strada e Fiorino com saída de linha do Uno. Um facelift em 2024 e uma renovação em 2026 estão a caminho.

Mesmo com aposentadoria do Gol e, agora, do Voyage, confirmada para dezembro, a Saveiro deve continuar em linha. Não só em linha, como, embora ainda não tenha nenhuma confirmação oficial, a Volkswagen deve lançar em breve a nova geração da picape Saveiro. Segundo fontes, o projeto da picape está atrasado e por isso o modelo deve chegar ao mercado apenas em 2026, bem depois dos seus concorrentes Fiat Strada (que chegou ao mercado em 2020) e Chevrolet Montana (que será lançado no mercado no ano de 2023).

Sabendo que está ficando para trás com a Saveiro, no entanto, rumores dão conta de que a Volkswagen está preparando um leve facelift no carro e que deve chegar ao mercado no próximo ano (2023) como Volkswagen Saveiro 2024.

A nova geração da picape deverá ser produzida na cidade de Taubaté (SP) e utilizará a plataforma MQB. Já o facelift do modelo deverá utilizar a plataforma PQ24 (a mesma que já é utilizada nos derradeiros Voyage e Gol) e será feito na fábrica da montadora na cidade de São Bernardo do Campo (SP).

O motivo para o atraso no projeto da nova geração da Saveiro ocorreu porque a montadora precisou dedicar suas atenções ao modelo que irá substituir o Gol (Polo Track). Com este atraso, a Volkswagen dará apenas uma revitalizada na picape no próximo ano. Entre as mudanças que devem estar presentes na Saveiro 2024 estão novas lanternas, novos faróis, novos para-choques, além de novo acabamento e logotipo.

O principal objetivo da Volkswagen com este facelift é não perder tanto mercado para o Fiat Strada. Vale lembrar que atualmente a Saveiro ainda tem bastante força e disputa mercado com a Strada Cabine Simples. Isso já não acontece tanto na versão de cabine dupla, onde a Strada tem completo domínio.

E se o mercado atual de picapes já está complicado para a Volkswagen, deverá ficar ainda mais difícil no próximo ano, quando a Chevrolet deverá lançar a Montana 2023, modelo baseado no Chevrolet Tracker e que utilizará a mesma plataforma do Onix e Onix Plus.

Com tanta concorrência neste mercado, a Volkswagen precisará lançar o quanto antes a nova geração da Saveiro. E pelo que já se sabe do modelo, ele será uma picape muito mais moderna e contará com cabine dupla e quatro portas, substituindo assim o projeto do Volkswagen Tarok, que seria produzido na Argentina e acabou sendo abandonado.

Cabe lembrar que estratégia parecida já foi adotada pela Fiat. A Strada com frente de Palio continuou em linha mesmo com a saída de linha deste. Posteriormente, ganhou uma nova versão que a deixou bem diferente dos hatches da montadora. Com Fiorino, algo similar: o Uno saiu de linha, mas a Fiorino com frente de Uno continua sendo vendida (e até ganhou uma versão Peugeot, a Rapid Partner).

O que você acha desse facelift da Saveiro? Ela será suficiente para manter o mercado atual do modelo? Ou será que somente uma nova geração do veículo pode impulsionar as suas vendas? Deixe a sua opinião e compartilhe esta notícia.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *