Max Drive é grande destaque nos novos Chery Tiggo 7 e Tiggo 8

O sistema integrado de segurança e algumas singelas mudanças no conjunto mecânico foram os destaques da atualização

O Chery Tiggo 7 e Tiggo 8 receberam uma estilização, onde fui incluso o sistema de segurança ativa Max Drive. Basicamente, o sistema funciona incorporando vários aparatos de orientação semiautônomas. Na atualização dos modelos, o conjunto mecânico e visual permanecem semelhantes aos da linha atual. O Tiggo 8 Max Drive 2022, por exemplo, apresenta um facelift discreto. Ganhando, dessa forma, pequenas alterações em alguns pontos: em sua grade, nova cor, teto solar, desenhos em seu bancos e cluster com interface exclusiva – mas, que não causam grandes alterações na aparência dessa versão.

Os destaques da atualização dos veículos são: o sistema integrado de segurança e algumas singelas mudanças no conjunto mecânico do Tiggo 8 Pro Plug-in Hybrid. Abaixo confira os principais pontos dos modelos.

Conjunto mecânico Tiggo 7 e Tiggo 8

Os dois modelos estão apetrechados com um motor 1.6 turbo GDI de injeção direta, entregando 187cavalos de potência e 28 kgfm de torque máximo. Ambos contam com a transmissão automática de 7 velocidades. Contudo, a versão Tiggo 8 Pro Plug-in Hybrid apresenta o conjunto mecânico: 1.5 litro turbo, casado a dois motores elétricos, entregando 317 cavalos de potência e 56,6 kgfm de torque.

Sistema de segurança

O sistema ativo de segurança Max Drive é completo e garante o máximo de eficiência e segurança aos passageiros, e motorista, do veículo. O Max Drive tem piloto automático e vários tipos de assistentes, como, por exemplo, assistente de frenagem, congestionamento, controle de farol, alerta de colisão de tráfego cruzado na parte traseira, entre outros.

Testes nas configurações sistêmicas

A divisão de automóveis do portal R7, promoveu excelentes testes nos sistemas dos exemplares, onde atestaram excelente desempenho: O Caoa Chery Tiggo 7, Tiggo 8 e o Tiggo 8 Pro Plug-in Hybrid mantêm a dirigibilidade. Entregando desempenho satisfatório e transmissão que, não interfere na potência do modelo. Já na versão híbrida plug-in do Tiggo 8, os motores elétricos atuam em parceria com um propulsor, oque contribui na redução da despesa de combustível nas acelerações. Em situações que é possível conduzir o carro com baixa aceleração, o motor a propulsão não é ativo. Já o Max Drive, proporciona bastante segurança com as suas tecnologias semiautônomas, simples de serem utilizadas. Com apenas um contato no volante, os comandos são ativos.

Versões

  • Tiggo 8 Pro Plug-in Hybrid (R$ 279.990).
  • Tiggo 8 TXS Max Drive (R$ 214.990);
  • Tiggo 7 Pro Max Drive (R$ 199.990);

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *