Ford Transit 2023 será concorrente de peso para a Mercedes-Benz Sprinter

A Transit combina valor, características e versatilidade em uma van que está pronta para ser usada ou configurada como um trailer.

A linha 2023 da Ford para vans comerciais tem como destaque o modelo Transit, já consagrada no lineup da montadora. Para este ano, a americana tem um único objetivo além das vendas: superar a Sprinter, fabricada pela Mercedes Benz e referência quando citamos vans.

Na tentativa de superar sua concorrente, a Ford disponibilizou algumas opções de assistência ao motorista, mais silencioso e com aplicativos de gerenciamento de frota, pensando claramente em um ambiente onde o motorista use prioritariamente para o trabalho. Como ponto negativo, a Ford ainda não conseguiu superar a Sprinter quando se cita a garantia de carga. O concorrente é mais adotado para trabalho justamente por permitir uma carga maior.

Outro ponto que a Ford aposta nesta geração é a variedade de carroceria, com diversas opções. A princípio, estas versões mais customizadas poderão ser contratadas a pedido das empresas. Por debaixo do capô, dois motores a gasolina estão disponíveis: o V6 aspirado e o V-6 ecoboost turboalimentado, com duas opções de escolha: tração traseira ou integral.

Na tecnologia, como citamos no começo da matéria, um sistema de sincronização com tela de 12 polegadas auxilia o motorista em diversas tarefas. O sistema de som é reforçado com quatro alto-falantes, streaming de música e conexão bluetooth para telefones. Um hotspot Wifi complementa a versão 2023, que permite, junto ao seu painel, sincronizações com Android Auto e Car Play, além de rádio via satélite.

Potência

O motor aspirado oferece potência de 275 cavalos. O V-6 turbo eleva para 310 velocidades. Um ponto em comum entre os dois são as 10 velocidades de sua transmissão automática.

O motor turbo, por exemplo, sai de 0 a 100 km/h em apenas 6.8 segundos, bem mais potente que alguns veículos.

Interior

A capacidade é de até 15 pessoas, com boa disponibilidade de espaço no furgão. Há um inversor CA integrado e um painel de fusível embutido.

Na edição de 2023 por exemplo, há um espaço habitável atrás dos bancos dianteiros, com suspensão elevada e exterior mais robusto. Aliás, esta versão é bem mais apresentável do que as de anos anteriores.

Preço e disponibilidade

Lá fora, o modelo é vendido a partir de 39 mil dólares, podendo chegar a 46 mil dólares, a depender de acessórios. No Brasil, o modelo comercializado ainda é o de 2022, sendo necessário o envio de uma proposta de cotação para que a Ford possa orçar de acordo com as necessidades do cliente.

No mercado de usados, é possível encontrar valores entre 76 mil a 250 mil reais, dependendo da versão e do estado de conservação.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *