SUVs compactos com maior porta-malas 2022/2023

Não é por ser compacto que um SUV não pode ter um bom porta-malas. Confira nossa lista com os melhores da categoria.

Com apenas uma olhada pelas ruas dá para entender e perceber que os SUVs compactos dominam totalmente o mercado. E não é à toa, pois os modelos oferecem bom espaço interno, apesar do tamanho reduzido, e uma praticidade única para os que precisam de um carro confortável, com boas configurações, motorização adequada e que ainda garanta alguns benefícios, como um porta-malas de bom tamanho, por exemplo. E com tantas qualidades, fica fácil entender o motivo pela qual estes modelos se tornaram tão populares e campeões de vendas.

Portanto, para facilitar o seu trabalho na hora de conhecer e escolher o melhor SUV compacto levando em consideração o porta-malas do modelo, reunimos 10 modelos que contam com este diferencial além de boas configurações técnicas. Note, no entanto, que os porta-malas de SUVs podem ter um tamanho um pouco reduzido, de modo que vamos separar a lista em dois segmentos: os grandes e os intermediários.

Confira logo a seguir a nossa lista saiba mais sobre estes SUVs.

Os intermediários – entre 300 e 400 litros

Porta-malas entre 300 e 400 litros não chegam a ser pequenos, mas podem ser inadequados para viagens de famílias com 2 ou 3 filhos. Deste modo, são mais indicados para uso urbano e viagens curtas.

10. CAOA Chery Tiggo 5x Pro: 340 litros

Mesmo posicionado na décima posição, este é um dos SUVs compactos que conta com as melhores configurações do mercado atual. A fabricante faz questão de destacar que o modelo oferece um bom espaço em seu porta-malas que garante que seja fácil e confortável de se levar malas da família toda. A princípio pode parecer pequeno para alguns, mas o modelo oferece espaço suficiente para esta finalidade ao ser comparado com outros do mercado.

9. Peugeot 2008: 355 litros

Recentemente, o modelo recebeu uma atualização que trouxe algumas mudanças discretas. Entretanto, segue como um dos maiores veteranos nesta lista e da atualidade. Pode não ser a maior referência de espaço, mas com seus 355 litros oferece boas possibilidades no segmento de SUVs compactos.

8. Fiat Pulse: 370 litros

Apesar de oferecer oficialmente 370 litros de porta-malas, há uma polêmica em torno do Pulse. Isso, pois a empresa mudou a forma como o bagageiro é medido, colocando pequenos blocos como se o enchesse com água, ao contrário do modo VDA, adotado por outros fabricantes, com blocos maiores, de 1 litro cada. Por isso, seu formato e ângulo de abertura da tampa podem fazer com que seu volume efetivo, para o dia a dia, seja menor.

Sendo assim, é importante ressaltar que este valor é a declaração oficial da marca, mas que ao olhar o porta-malas do veículo pode haver um estranhamento de que ele aparece menor.

7. Volskwagen T-Cross: 373 litros

Um dos mais vendidos do mercado atual, este modelo oferece um porta-malas intermediário. Ele consegue se destacar diante do seu rival no mercado, o Nivus, que oferece bem menos espaço neste sentido. Portanto, compensa mais investir neste que se encontra entre um dos maiores bagageiros do seu segmento.

6. Chevrolet Tracker: 393 litros

Nesta nova geração a marca investiu em corrigir o problema que o modelo tinha em relação ao seu porta-malas, e com isso ele se tornou mais espaçoso. Este é o primeiro que chega próximo de 400 litros da lista, o que garante um bom espaço para os motoristas.

Os grandes – mais de 400 litros

Para famílias com 2 ou 3 filhos, aqui já temos modelos que comportam uma boa quantidade de bagagens para viagem. Confira.

5. Volkswagen Nivus: 415 litros

O Nivus consegue superar o Tracker justamente pelo fato de que chega aos 400 litros. O modelo oferece um espaço vantajoso por um valor bom no mercado atual. Aliás, este fato do porta-malas ser maior é o que fez com que o teto deste obtivesse uma queda, para que o visual do cupê fosse adaptado.

4. Hyundai Creta: 422 litros

O modelo acabou com o tempo contando com um visual que gerou polêmica em sua segunda geração. Neste caso, ele perdeu também um pouco de espaço em seu porta-malas. Antes, contava com 431 litros e agora com 422 litros. Entretanto, ainda é um dos SUVs compactos mais vantajosos neste sentido.

Não é uma diferença grande, mas ressalte-se que o consumidor que preferir, ainda tem a chance de comprar a versão anterior zero km: trata-se do Creta Action.

3. Nissan Kicks: 432 litros

Já em terceiro lugar o modelo da marca japonesa se destaca com seus 432 litros de porta-malas. Neste aspecto ele consegue ser uma grande referência no mercado há bastante tempo, e ao que tudo indica continuará seguindo estes passos e se mostrando um dos mais espaçosos de sua categoria.

2. Renault Captur: 437 litros

O segundo lugar, apesar de contar com um bom espaço de porta-malas, traz um certo pesar. Isso, pois ao que tudo indica o seu fim se aproxima pelo simples fato de que este nunca foi um grande sucesso de vendas. Ao ser comparado com o Duster (comparação completamente justa, pois, na prática, o Captur é um Duster com outra carroceria), ele acaba sendo mais apertado e com um espaço de malas bem menor. Portanto, mesmo com esta vantagem em relação a outros SUVs compactados, a despedida do Captur é certa.

1. Renault Duster: 475 litros

Não à toa, o Duster aparece na primeira posição. Entre os SUVs compactos ele reina com o porta-malas de 475 litros e com um bom espaço de modo geral. Este reinado, entretanto, pode estar bem ameaçado com o lançamento do Fiat Fastback que está próximo de acontecer e, ao que parece, deverá roubar esta posição do modelo. Entretanto, dificilmente os 1570 litros com os bancos rebatidos serão superados.

Além disso, trata-se de um carro que já teve versões 4×4, além de sua versão europeia ser usada, constantemente, em terrenos difíceis, com barro. Some-se a isso uma mecânica simples e barata e tem-se um carro que pode ser usado por uma família em praticamente quaisquer condições.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.