Motos de 4 cilindros mais baratas em 2022


Quer uma moto com o ronco único de 4 cilindros? Então confira essas 5 opções, as mais baratas do Brasil com este número de cilindros.

Quando se fala em motos de 4 cilindros, um conjunto de aspectos preenche a memória dos proprietários e admiradores. O desempenho e a indiscutível imponência do ronco dos motores, completados com o seu design, impressionam qualquer um, arrebatando cada vez mais seguidores.


Mas você sabe quais são as motos de 4 cilindros mais baratas atualmente no Brasil?


Daqui em diante, conheça quais as 5 motos de 4 cilindros mais baratas de 2022.


1. Honda CB 650R

A CB 650R não é campeã apenas no preço entre as motos de 4 cilindros mais baratas vendidas no Brasil, ela também sai na frente em termos de ter o melhor custo-benefício. Ela mantém o patamar das motos de 4 cilindros mais baratas no país, garantindo uma vaga que antes era preenchida pela sua sucessora e hoje aposentada CB 650F.


O visual dessa gigante de 190 kg, é baseado no mesmo conceito Nei Sports Cafe, que já se destacou na CB 1000R.Seu motor de 649 cc, tem uma potência de 88,4 cv e 6,13 kgfm de torque.

Toda essa potência é vendida por R$ 48.440.


Honda CB 650R

2. Honda CBR 650R

Essa é a moto esportiva de 4 cilindros mais barata atualmente no Brasil. Ela compartilha o mesmo motor e outros componentes da sua irmã, a CB 650R, porém, com uma carenagem que foi inspirada na Fireblade (CBR 1000RR).

Esse modelo segue uma proposta de integrar um bom desempenho com conforto para os seus usuários. Nesse pacote também merece destaque para os seus faróis duplos e o seu semiguidão, esse último detalhe promove uma experiência diferenciada para o condutor, que encontrará uma posição mais baixa quando estiver guiando essa moto.

Leia também:  Citroen C5 Aircross - Especificações, Características

O desempenho do seu motor corresponde à mesma capacidade da CB 600R, com as mesmas especificações de potência e torque, mas pesando 196 kg, ou seja, seis quilos a mais que a sua irmã

O preço sugerido dela é de R$ 50.900.

Honda CBR 650R

3. Kawasaki Z 900

Com seus 212 kg, esse gigante impressiona qualquer um, não apenas pelo seu peso e dimensões, mas, principalmente, pelo seu know-how tecnológico.

O modelo Z 900 está bastante atualizado desde 2021, trazendo, entre outras novidades, um controle de tração em três níveis, painel de 4,3” em TFT. Entre várias outras especificações, nessa conta também está incluído um novo conjunto eletrônico, além de sistemas de conectividade que podem ser integrados a um smartphone.

Já quando a atenção se volta para o seu motor, o desempenho também impacta. Ele apresenta uma capacidade de 948 cc, com uma potência que atinge os 125 cv a 9.500 rpm e também os 10,1 kgf.m de torque a 7.700 rpm.

Toda essa capacidade do Z 900, é entregue hoje por R$ 59.217.

Kawasaki Z900

4. Suzuki GSX S750

Essa naked purista, carrega o mesmo motor anteriormente usado pela GSX-R 750, porém, sem nada muito surpreendente em seu conjunto. Ela possui freios ABS que vêm acompanhados de pinças fabricadas pela Nissan e possui também controle de tração de três níveis.

Pesando 187 kg, o motor da Suzuki tem uma potência de 114 cv e 8,26 kgfm, isso tudo para os seus 948 cc de cilindrada.

A Suzuki possui ainda as versões GSX-S 750, GSX-S 1000, GSX-R 1000R e a Hayabusa, contudo, a 750S é a que tem os preços mais acessíveis, ficando na quarta posição entre as mais baratas deste ano. O valor sugerido é de R$ 57.950.

Leia também:  Edições especiais do New Fiesta utilizarão motor 1.0 EcooBoost

Suzuki GSX S750

5. Kawasaki Z900RS

Ela chama atenção pelo seu visual mais enxuto e que remonta aos anos 1970, mesclando as tecnologias mais modernas atuais, mas com um toque que lembra as antigas nakeds de quatro cilindros.

Quanto ao seu desempenho, ele é garantido por um motor de 948 cc, com 109 cv a 8.500 rpm, e 9,7 de kgfm a 6.500 rpm, tudo isso em uma máquina que pesa 187 kg, distribuídos em uma dimensão com um design interessante e agradável.

A Kawasaki Z 900 RS ficou na última posição entre as motos de 4 cilindros vendidas no Brasil, com o preço sugerido que fica em R$ 63.750.

Kawasaki Z900 RS

No Brasil, as motos de 4 cilindros podem até parecer acessíveis apenas para um determinado público com um poder aquisitivo maior.

Porém, quando analisado por uma perspectiva que considera o típico entusiasta que admira o ronco dos seus motores, o visual e o comportamento que elas apresentam na medida em que aceleram os seus motores, pode-se dizer que essas motos já caíram no gosto de muitos brasileiros.

Assim, muito mais do que um status, pode ser que esse seja um dos fatores que impulsionam muitos a querer, algum dia, ter a sua 4 cilindros.


Outros Conteúdos Interessantes



Você gosta de carros e motos e escreve bem? Gostaria de escrever para nosso site e ser remunerado por isso? Então clique aqui e envie seu texto para avaliarmos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.