O que fazer após comprar um carro usado – que peças trocar, óleo, documentação

Confira o que fazer após você comprar um carro usado.

Comprar um carro usado pode ser uma boa ideia se você possui pouco dinheiro para investir em um veículo no momento. Mas para garantir que o seu investimento será de fato bom e não trará dores de cabeça no futuro, algumas dicas podem ajudar a conseguir driblar os potenciais problemas de se obter um carro usado.

Neste caso, o primeiro ponto a se destacar é que a melhor escolha é optar pelos seminovos, que contam com uma maior qualidade e que não apresentarão defeitos e trarão situações adversas se forem bem escolhidos e avaliados na hora da compra. Confira as dicas para fazer uma boa compra e manter o seu carro seminovo sem maiores problemas!

Troque os filtros e outros equipamentos

Ao adquirir um carro usado, um primeiro passo para evitar que algumas situações ruins possam vir a acontecer é investir em uma troca completa de itens que sejam indispensáveis para o bom funcionamento do carro. Neste caso, estamos falando a respeito dos filtros de ar, combustível e óleo. É essencial tomar esta medida para evitar as dores de cabeça que poderão vir no futuro.

Neste caso, aproveite para trocar também o óleo e as correias do motor, isso é recomendado pelo fato de que muitas pessoas não respeitam os prazos de troca, e o motorista anterior do seu veículo seminovo pode ter cometido este errado que afetará somente você agora. Isso também fará com que se tenha a partir da compra um controle maior das manutenções do carro, quanto a estes prazos necessários.

Também convém trocar o líquido de arrefecimento. A validade dele costuma ser de 30 mil km ou um ano.

Leia também:  Multas de Trânsito podem passar a ser Registradas por Qualquer Pessoa

Atente-se ao óleo usado anteriormente

Antes de finalizar a compra do seu veículo seminovo, consulte o proprietário a respeito do óleo que foi usado anteriormente no seu novo veículo, pois é importante que este aspecto seja sanado para evitar maiores problemas. Isso, pois o recomendado é que a especificação do óleo seja aquela especificada no manual do carro.

Peça pela chave reserva

Esta é uma dica que muitas pessoas podem esquecer no momento de comprar um veículo seminovo. Mas é essencial que se lembre de pedir pelo antigo dono a chave reserva do carro. Isso, pois será de extrema importância em qualquer situação onde há a perda. Pois antes, as chaves poderiam ser reproduzidas facilmente pelos chaveiros, mas agora há um segredo maior não somente nos dentes como também um chip interno que é reconhecido pelo sistema de injeção eletrônica da maioria dos carros. Por isso, a chave pode ter sido reproduzida, mas devido à falta deste chip não será possível, ainda assim, dar partida no veículo com ela.

Confira se o carro passou por recall

Antes de fechar de fato a compra do veículo consulte o dono anterior se o carro passou por algum recall. Este processo é de grande importância para garantir a segurança, e se o dono não realizou corretamente, o que é comum que não seja feito de fato, há a possibilidade de que o carro não esteja em suas melhores condições. Em geral são avaliados os itens de segurança, em especial os airbags. Portanto, verifique se o dono realizou os procedimentos necessários neste sentido.

Cuidado com a documentação

Ao comprar um carro usado, um dos principais pontos a serem avaliados e procedimentos a serem feitos é a troca da documentação, para que tudo esteja de fato em seu nome e não do dono anterior. Isso, pois qualquer problema pode acarretar e várias outras situações chatas. Há um prazo para transferência da documentação no Detran, desta forma não deixe de conferir este detalhe, pois são cerca de 30 dias para realizar esta modificação. Caso isso não seja feito, também há a possibilidade de que o novo dono tenha que arcar com uma multa.

Leia também:  Mercedes-Benz CLA 2017 - Preço e Lançamento no Brasil

Atente-se à validade dos pneus

Verifique se os pneus estão de acordo. É importante, até antes de finalizar o procedimento de compra, observar o DOT dos pneus do carro a ser comprado, se este contar com mais de cinco ou então seis anos de fabricação, atente-se a esta questão. Este prazo pode ser conferido logo na banda lateral do pneu, onde destacam-se as letras DOT e em seguida serão vistos mais 4 números. Os dois primeiros que aparecem são a semana e os dois últimos o ano de fabricação do pneu. Confira se a data está em dia, pois este também é um detalhe muito esquecido pelos motoristas.

Carro antigo

Outros Conteúdos Interessantes

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.