Bicicleta elétrica Shineray E-bike, concorrente da Caloi Mobylette – preço

Conheça a Shineray E-bike, a bicicleta elétrica da Shineray que concorre com Caloi Mobylette.

A Shineray E-Bike chegou como uma das maiores novidades de 2022 para o setor, se mostrando diferenciada para garantir uma maior mobilidade urbana associada a um visual totalmente inovador. O modelo logo quando foi anunciado pela marca chinesa recebeu o valor de mercado de a partir de R$8.990. E com este preço rapidamente vieram as comparações de que esta poderia ser uma grande rival para a nova Caloi Mobylette, o que também pode ser notado diante de seus atributos.

A começar pela estrutura, a Shineray E-Bike se assemelha muito a uma bicicleta. Entretanto, ela é comparada com um ciclomotor, da mesma forma como acontece com a sua atual concorrente direta, a Mobylette. Um diferencial do novo modelo da marca chinesa é o fato de que ela conta com uma característica que a faz ser mais inteligente, auxiliando assim o condutor para que o processo de condução seja mais simples, e com a força de seu motor elétrico ela faz com que os pedais sejam mais leves.

O motor do modelo pode chegar a 45km/h, sendo assim um grande destaque para o segmento. Ela possui uma autonomia que foi estimada pela marca de pelo menos 35km com uma carga de bateria. Ainda a respeito de sua motorização, a Shineray conta com um motor de 350 watts.

Na parte de design o modelo se destacou logo quando foi divulgado pela marca, pelo fato de que possui um visual mais agressivo e diferenciado. O guidão alto da E-bike faz com que ela tenha algumas semelhanças em suas características visuais com motos personalizadas, além de possuir pneus bem largos. Inclusive, outra parte do design do modelo que remete as motos em questão é o fato de que o assento conta com uma estrutura que se parece muito com um tanque de uma motocicleta.

Leia também:  Volkswagen Fox Pepper chega por R$ 53 mil

Mesmo contando com tantos detalhes que a tornam especial, a Shineray E-Bike chegou ao mercado justamente para trazer uma possibilidade maior de adquirir uma bicicleta elétrica de qualidade e que tenha atributos diferenciados, aliado ao fato de que esta é uma das mais acessíveis da marca e do mercado de modo geral, e por isso que ela logo se tornou uma concorrente direta da Mobylette.

O valor, como destacado é de R$8.900 e também poderão ser aplicados impostos, que dependerão da região onde a bicicleta estará sendo adquirida. Portanto, estes aspectos devem ser conferidos pelos interessados. Vale mencionar, o preço sugerido atualmente para a Mobylette é de R9.799, o que facilita bastante para que a Shineray E-bike consiga conquistar mais espaço no mercado no segmento. Outra comparação que pode ser feita para entender o destaque do novo modelo é o fato de que outra versão da Shineray, a SE-Bike conta com uma potência igual da E-bike, mas esta possui uma menor velocidade do que a nova bicicleta da marca chinesa, chegando a custar em torno de R$9.590.

Alguns outros detalhes que valem mencionar a respeito da bicicleta elétrica é que ela conta com freio dianteiro a disco, suas luzes tanto a grande como a frontal são equipadas com LED, o pneu utilizado no modelo é da marca Kender e ela consegue carregar uma carga máxima de até 130 kg.

Além da Shineray E-Bike que chegou ao mercado em 2022 para inovar e trazer maior competitividade para a empresa chinesa no mercado, esta ainda contou com outros lançamentos muito interessantes que valem ser relembrados. A moto elétrica SHE-S foi um dos mais especiais que apareceram no mercado neste ano, além também da cinquentinha Ray 50 Turbo, que se destacou pelas suas características. Por fim, um outro modelo também divulgado e que chamou a atenção foi a Worker 125, que passou por uma atualização para melhorar ainda mais seus atributos.

Leia também:  Novo Nissan Sentra 2.0 Manual 2015 - Preço e Novidades

Shineray e-Bike

Outros Conteúdos Interessantes

5 Comments

  1. Sou dez vezes comprar uma moto flex usada,do que gastar quase 10 mil em uma bike elétrica, imaginem a manutenção,o preço dos pneus dessa coisa, saí fora,e tem outra, você é obrigado a emplacar,e ter CNH igual a de moto.

  2. Penso que o valor está muito alto. Não alcança a classe de baixa renda. Além disso fico com o comentário do amigo Francisco.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.