Fiat Toro Ultra 2022, a picape com porta-malas – preço, motor, características


Pensada para praticidade no uso urbano, a Toro Ultra não abandona suas origens, sendo dotada de 4×4 e pneus de uso misto. Mas conta com um prático \”porta-malas\”. Saiba mais.

A Fiat Toro Ultra, produzida na base do Jeep Compass, é conhecida também como a Super Strada, já que é intermediária em preço e tamanho. Lançada em meados de 2016, a 4×4 a diesel é presença constante na lista dos carros mais vendidos. E o maior troféu ficou por não encontrar um concorrente a altura. Até agora, nem a Renault Oroch (outra ótima picape, que aguenta bem terrenos difíceis, mas é menos espaçosa) conseguiu ofuscar o brilho da Fiat Toro.


Picapes são ótimas para quem precisa carregar carga pesada e volumosa, além da praticidade de simplesmente alocar na caçamba. Mas para uso urbano, muitas vezes não são ideais. A carga exposta ao tempo acaba pegando sujeira e chuva. Dá para colocar capota marítima, mas ela é pouco prática, também, difícil de ficar armando e desarmando.


Pensando nisso, a Fiat pensou numa picape com uma espécie de “porta-malas”. E surgiu a Ultra, que suporta os até 1.000 kg das demais Toro, o dobro dos SUVs médio, e possui tampa rígida na caçamba e ainda conta com travamento elétrico.


Precisou de mais espaço? O carro, sucesso de vendas, tem 937 litros de porta-malas, o suficiente para as tralhas e malas de toda a família. Note, no entanto, que a Toro Ultra e ainda apresenta o inconveniente desse tipo de carro: entrada de poeira e água na caçamba. Você ainda vai precisar de uma bolsa para caçamba (a própria Fiat oferece uma, da Mopar), impermeável, para colocar as malas dentro e poder usar o legítimo “porta-malas” da Toro Ultra.


Mecânica

A especialidade da fabricante é oferecer excelentes suspensões, o que podemos comprovar através do Jeep Compass, Adventure e da Strada. No mesmo patamar dos ‘’irmãos’’, a Fiat Toro se sai muito bem no asfalto liso. Porém, se destaca mesmo nas estradas de terra esburacadas.

Seguindo a mesma tração do Compass, 4×4 sob demanda, o modelo também tem detalhes semelhantes na mecânica. A Toro Ultra acopla o motor 2.0 turbodiesel, que registra até 170 cv. A versão possui transmissão de nove marchas e registra 35,7 kfgm de torque.

O motor pode até fazer certo barulho ao estacionar, mas não incomoda tanto. É um diesel, afinal. Pelo contrário, o ronco grave dos motores na estrada até agrada os condutores.

Consumo

O modelo faz em média, sem muito esforço, 9,9 km/l na cidade e 12,3 km/l na rodovia. Com o novo sistema de injeção de ureia (Arla), agora os números são outros: 10,1 km/l na cidade e 12, 6 km/l na rodovia.

Consumidores de carros a diesel podem não estar acostumados, mas o Arla é velho conhecido dos caminhoneiros, obrigatório desde que surgiram os motores Euro4. No Brasil, é obrigatório para caminhões novos há mais de 10 anos.

O Arla é um composto de ureia feito para quebrar poluentes, transformando-os em compostos não-nocivos. No caso da Toro Ultra, o tanque Arla é de 13 litros e deve ser reabastecido a cada 10.000km.

Interior e exterior

No exterior, as rodas e o logo receberam pinturas escurecidas. O capô e a tampa traseira da caçamba ganharam faixas adesivas. Além disso, nas portas dianteiras conseguimos ver um distintivo S-Design. É possível notar também estribos laterais e barras no teto.

Por dentro, o teto ficou bem mais escurecidos e os bancos ganharam mescla e tecido e couro. O carro também recebeu um ‘’apoia objetos’’ no banco traseiro, melhor dizendo um apoio para copos e até os braços.

A novidade ficou por conta da central multimídia UConnect de 7'' polegadas, que recebeu uma tela sensível ao toque. Nela, há várias conectividades como, por exemplos, o Android Auto e Apple CarPlay.

Preço

A Toro Ultra é cara, porém. Passa dos 200 mil reais e é a mais cara da linha Toro, com preço maior que o da Ranch. Seu preço atual é de R$ 207.000, dependendo da localidade.

O modelo pode ser encontrado em 7 versões, com preços que podem variar consideravelmente. É possível, por exemplo, adquirir uma Toro Endurance 1.3 e um Fiat Mobi, pelo preço de uma Toro Ultra.

O valor dependerá da localidade de compra. No entanto, os valores de fábrica estão na tabela a seguir. Para sua comparação, eis os preços de todas as versões de Fiat Toro:

  • Endurance 1.3 – a partir de R$ 137 mil;
  • Freedom 1.3 – a partir de R$ 149 mil;
  • Volcano 1.3 – a partir de R$ 163 mil;
  • Freedom 2.0 – a partir de R$ 183 mil;
  • Volcano 2.0 – a partir de R$ 197 mil;
  • Ranch 2.0 – a partir de R$ 205 mil;
  • Ultra 2.0 – a partir de R$ 207 mil.



Outros Conteúdos Interessantes

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.