Caoa Chery Icar EQ1 2023 – carro elétrico mais barato do Brasil


Caoa Chery Icar EQ1 está em pré-venda, como o elétrico mais barato do Brasil.

Atualização: a Caoa Chery divulgou informações oficiais sobre o modelo. Como adiantado pelo CarroBonito.com, veio com o nome de Chery iCar, pelo preço de R$ 139.990.

Aqui no Brasil, o motor será um pouco mais fraco que o que dissemos: motor de 61cv e 15,3kgfm de torque, com bateria de 30,5 kWh.

A companhia Caoa Chery está próxima de lançar o novo e mais barato veículo elétrico em nosso país, o modelo Icar. Em princípio, este projeto de automóvel seria intitulado Chery EQ1, em seguida foi rebatizado de Icar pela própria empresa, que anunciou a novidade em seu Instagram.


Embora tenha sido anunciado muito recentemente, a previsão é que a linha chegue ao mercado ainda no mês de junho, podendo marcar concorrência com o concorrente da Renault, o Kwid E-Tech, que deve perder o posto de veículo elétrico mais barato em mercado brasileiro.


O valor do modelo Icar, até o presente momento, não foi anunciado, porém, deve se situar abaixo de R$ 140 mil, mais barato, portanto, que o Kwid e-Tech. O título EQ1, a princípio alterado, vai encabeçar as versões da linha. Segundo consta, este modelo elétrico tem previsão de aportar no mercado nacional dividido em duas alternativas, de acabamentos tipo EQ1 Plus e EQ1 Tec. A princípio, porém, deve estar disponível somente uma versão, provavelmente, a de entrada.


Destaques da estrutura do modelo

O novo carro elétrico produzido pela Chery, o Icar, foi desenhado e será produzido em dimensão física mais reduzida, embora, mantendo o padrão da categoria, com sua carroceria de duas portas, tipo compacto, e espaço suficiente para transportar até quatro pessoas. Trata-se, é claro, de um automóvel desenhado quase que exclusivamente para rodar em perímetro urbano; para o dia a dia de quem trabalha nas grandes cidades e precisa de mais praticidade, economia, agilidade, ou seja, um automóvel de menor porte, que pode ser reabastecido em tempo hábil; fácil de dirigir; elegante e, sobretudo, barato, acessível ao profissional moderno; aos solteiros, ou às famílias pequenas.


Seu peso oficial é de 1.005 quilos, e suas medidas externas são as seguintes: tem comprimento de 3,20 metros; largura de 1,67 metros; altura de 1,59 metros. Já a distância entre os eixos, na parte inferior, é de apenas 2,15 metros. Não é muito pesado, nem muito volumoso, e é fácil de estacionar e colocar na garagem.

Destaque para a motorização

O Icar estará equipado de motor elétrico com potência de 55 kW (h) capaz de entregar rendimento de até 75 CV conjugado a 15 kgfm no torque. Sua velocidade máxima deve ser de 120 km/h. A bateria, cereja do bolo, terá autonomia, dentro do chamado ciclo NEDC, será de até 402 quilômetros. Boa marca para uma propulsão elétrica.

Esta linha já havia sido lançada, em outras versões, no ano de 2017, apenas no mercado chinês, sob o título de EQ1, passando por uma série de atualizações desde o segundo semestre de 2021, onde recebe o apelido de Little Ant (formiguinha).

Outros destaques desta nova geração: a presença do sistema automático para efetuar o estacionamento por meio de acionamento de sensor; sistema de ar condicionado que pode ser ligado remotamente (pode-se acionar o dispositivo antes de se entrar no veículo); a função de agendamento da recarga, entre outros acessórios do pacote, que proporcionam conforto.

Itens no interior: está equipado de central multimídia com dispaly LCD que exibe imagens de alta definição, de 10 polegadas; estará munido de sistema para comando de voz via inteligência artificial, com tecnologia Baidu; o dispositivo carregador de smartphone, tipo wireless; Car Life e conexão via wifi, com conexão a redes celulares em 4G.

Estas são algumas atualizações sobre o Icar, novo veículo elétrico chinês, que poderá ser a nova promessa de carro barato e sustentável, neste ano.



Outros Conteúdos Interessantes

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.