Novo Citroen C3 – versátil, conectado e confortável


O novo Citroën C3 que chegará ao Brasi promete ser mais versátil, conectado e muito mais confortável.

O Brasil está participando de uma das maiores produções automotivas de 2022: Citroën C3, que promete ser mais versátil, conectado e muito mais confortável.


Deste modo, a equipe brasileira da companhia Stellantis começou a produzir a nova linha Citroën C3, na unidade industrial de Porto Real, no interior da região fluminense. Para que a linha de montagem reiniciasse suas atividades, junto dos colaboradores e engenheiros, o CEO da companhia e seus diretores, estão atuando para que a produção do hatch compacto siga efetiva e eficientemente para que possa ser comercializado em nossa nação.


Sobre a série:

Este modelo consiste, em realidade, em derivação estrutural de um projeto intitulado C-Cubed, e contará com mais outros dois modelos, de estreias regionais, como o new C3, cujo design está sendo elaborado em unidades da empresa na Índia. Neste caso, se trata de versão direcionada aos mercados mais emergentes.


O líder CEO da marca define muito bem o new Citroën C3: um automóvel de entrada, porém, completo e muito bem atualizado, representando um grande salto de qualidade e categoria para as equipes de colaboradores pertencentes às sucursais da América do Sul. Esta participação consiste em um dos mais importantes avanços da companhia em termos de concepção e desenvolvimento de automóveis, ou seja, em todas as regiões a empresa possui os melhores e mais qualificados times de profissionais.


Esta estreia constitui uma das mais importantes produções no que tange ao comércio regional de modelos, dentro de uma estratégia muito eficiente, que oferta veículos de alta qualidade, desenvolvido, no entanto, para atender a públicos específicos, com gostos e preferências culturais distintas.

Esta linha de montagem também conta com o suporte oriundo das seções de sinergias proporcionadas pela própria Stellantis, incluindo os laboratórios e o novos campos de testes. A meta a ser atingida pelas vendas da série C3 poderá, conforme os líderes da marca, acelerar muito o crescimento da multinacional em toda a América do sul.

O atual CEO da companhia Citroën, em recente nota, comentou que esta nova linha que vai sair da esteira de produção, a C3, representa e consolida no mercado automotivo uma das mais brilhantes estratégias de projeção internacional da marca francesa.

A presença de unidades da companhia, em solo brasileiro, atualmente, é muito positiva, sobretudo quando se trata do início de uma produção em série, da qual resultam automóveis completos e bem equipados, elegantes e mais baratos. É desta maneira que uma grande empresa conquista cada vez mais consumidores, sobretudo nos países sul americanos, que passam por crises econômicas.

A mesma nota segue explicando: trata-se de modelo incipiente, ou seja, a primeira da linha C-Cubed. Os consumidores disporão de um hatch de alta categoria, muito mais versátil, dinâmico, bem conectado a um ideal de veículo consistente, atendendo a uma eficiente proposta de carro potente, robusto, mas, ao mesmo tempo, confortável e ímpar.

Esta combinação de identidade promovida pelas produções da Citroën com as produções regionais é muito frutifica, como o new C3 vai deixando claro, antes mesmo de sair no comércio. A marca francesa é uma das líderes em lançar modelos bastante competitivos no solo brasileiro e em todas as nações da América do Sul.

Respeitando os padrões regionais, a empresa está montando suas unidades por meio da plataforma dita Modular CMP, por onde passa a fabricação das versões do C3, as quais contarão com a presença de motores tipo Firefly ou EC5M, mantendo, deste modo, a melhor estratégia de combinação entre economia, bom preço e potência.

Inicialmente, este projeto C-Cubed, no sentido prático, vai manter a linha C3 entre o Mobi e o Argo. Outra abertura na produção, em termos de variações, é que a marca francesa poderá lançar mais um sedã de tipo compacto, embora de médio porte, para encabeçar concorrência entre o City e o Yaris.

Por Paulo Henrique dos Santos



Outros Conteúdos Interessantes

1 Comment



Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.