Carros Elétricos da Xiaomi serão produzidos em 2024



Xiaomi anuncia que deve iniciar a produção de seus carros elétricos a partir do ano de 2024.

Já imaginou dirigir um carro elétrico? Bom, para quem achava que esse tipo de tecnologia demoraria anos para chegar ao Brasil, a boa notícia é que a Xiaomi está planejando produzir carros elétricos a partir de 2024. E sem dúvidas, este pode ser um marco para o avanço dessa tecnologia tanto nos países afora, como no Brasil. Afinal, temos poucos fabricantes aqui no país, ao mesmo tempo que é algo não difundido ainda. Quem sabe agora seja expandido e se torne algo acessível?!

O anúncio foi feito pelo CEO da Xiaomi na conferência do Xiaomi Investor Day, que foi realizada recentemente em Pequim. Durante a reunião, Lei Jun afirmou que os planos de EV da Xiaomi estão bem à frente de seu tempo e que a empresa está visando carros elétricos produzidos em massa a partir de 2024.



Embora não se saiba muito sobre o tipo de carros elétricos que a empresa produzirá, a Xiaomi começará a trabalhar em um modelo básico, de acordo com relatórios. Ela começará a produzir modelos EV mais luxuosos e de última geração posteriormente.

Se você gosta desse tipo de novidade, continue lendo para saber mais detalhes sobre esse avanço da Xiaomi.



Carros elétricos Xiaomi- Informações e novidades

O presidente-executivo da Xiaomi , Lei Jun, afirmou que a empresa chinesa está planejando produzir em massa seus carros no primeiro trimestre de 2024, de acordo com um relatório da Reuters. Isso não é surpreendente, já que a marca anunciou sua entrada no negócio de veículos elétricos inteligentes em março deste ano .

Leia também:  Multa de Trânsito irá Subir mais de 50% em Novembro

A empresa confirmou que vai abrir uma nova subsidiária para trabalhar com veículos elétricos e negócios relacionados. Agora, o executivo da fabricante chinesa de smartphones compartilhou mais detalhes sobre o mesmo em um evento para investidores. A produção em massa de seus carros elétricos começará depois de dois anos.

Zang Ziyuan, que é o diretor do departamento de marketing internacional da Xiaomi, também compartilhou os últimos desenvolvimentos em sua conta verificada do Weibo. O mercado de veículos elétricos da China já está lotado e a Xiaomi enfrentará rivais como Nio, Tesla de Elon Musk e outros.

A entrada da Xiaomi marcará o próximo grande alvo para a incipiente divisão de veículos elétricos (EV) da empresa. A Xiaomi informou que suas ações saltaram quase 5,4 por cento após a confirmação do último desenvolvimento.

No início deste ano, a empresa chinesa revelou planos de investir cerca de 10 bilhões de yuans (cerca de US $ 1,5 bilhão) em um período de 10 anos. Lei Jun, o CEO da Xiaomi, também atuará como CEO da nova entidade de veículos elétricos inteligentes.

A Xiaomi ainda não revelou detalhes sobre que tipo de veículos elétricos planeja produzir neste novo negócio. Ele supostamente completou o registro comercial de sua unidade EV em agosto deste ano. A Reuters informou que a fabricante chinesa de smartphones já aumentou as contratações para a unidade, embora a Xiaomi ainda não tenha confirmado se vai produzir o carro de forma independente ou se vincula a uma montadora existente.

A gigante chinesa, que recentemente iniciou a transição como marca global, atualmente concorre com líderes de mercado como Apple e Samsung no segmento de smartphones. Na verdade, a Xiaomi destronou a Samsung para se tornar a maior fabricante de smartphones do mundo no início deste ano.

Leia também:  Mercedes-Benz poderá entrar no segmento de Picapes

No entanto, com seus planos de produção de veículos elétricos, a Xiaomi estará competindo com empresas como Tesla, Kia, Porsche e potencialmente a Apple. Portanto, podemos esperar ouvir mais da empresa sobre seu empreendimento de veículos elétricos nos próximos meses. Fique ligado para novos desenvolvimentos na história.

Marina Costa

Outros Conteúdos Interessantes

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Moderação de comentário está ativada. Seu comentário pode demorar algum tempo para aparecer.