E-Delivery – Novo Caminhão Elétrico da Volkswagen



Confira aqui mais detalhes sobre o E-Delivery, novo caminhão elétrico da Volkswagen.

Em 2017 a companhia Volkswagen anunciou o projeto de protótipo do caminhão elétrico e-Delivery, desenvolvido em parceria com a Ambev e produzido aqui no Brasil.

Por conta da pandemia e da grande crise que abalou indústrias no mundo todo, o cronograma estipulado anteriormente não pôde ser cumprido, adiando as produções que começariam ano passado para este ano após uma longa fase de testes. Agora o e-Delivery está na fase de pré-produção na fábrica de caminhões da VW, em Resende (RJ), e tem previsão de lançamento para até o final de junho deste ano.



Este projeto é um passo muito importante por vários motivos, um deles sendo o fato de e-Delivery ser o primeiro veículo elétrico com desenvolvimento e produção inteiramente no Brasil em escala industrial e com viabilidade econômica,saindo de acordo com as características do transporte brasileiro, porém mantendo os mesmos padrões de qualidade que são encontrados em outros mercados mundiais. Inclusive a VWCO tem a intenção de comercializar futuramente para outros mercados, mas sem previsões.

A VW foi além de apenas desenvolver o projeto no Brasil, também desenvolveu infraestrutura para a produção e instalação de carregadores de alta potência em parceria com o e-Consórcio.



FASE DE TESTES: 400 MIL KM RODADOS.

Há dois anos e meio a VW vem realizando diversos testes práticos com o caminhão elétrico que tem mais de 400 mil quilômetros já rodados, tornando esta a maior frota de protótipos testadas no Brasil. Sendo 40 mil km utilizados em distribuição real de bebidas, passando por condições como trânsito intenso da capital de São Paulo e viagens de curta distância entre cidades na Região Metropolitana de São Paulo. Estes testes só foram possíveis por conta da parceria com a Ambev, que fornecia informações para que o caminhão possuísse autonomia em diversas condições.

Leia também:  Site revela Primeiras Fotos da Ford Ranger 2016

“Isso nos possibilitou desenvolver um caminhão que não consome energia enquanto está parado. O caminhão tem uma função que desliga a tração. Logo, quando ele para, seja em um semáforo ou em razão do tráfego intenso, não consome energia. Ou seja, a otimização do consumo energético esteve entre as etapas do desenvolvimento do e-Delivery”, explicou o gerente de e-Mobility em entrevista à revista Transporte Mundial.

Segundo o engenheiro Argel Franceschini da VWCO, o caminhão elétrico teve mais de 10 diferentes tipos de avaliações. Durante os sete dias da semana os veículos rodam cerca de 24 horas por dia divididos em três turnos. Tendo cerca de 50 testes específicos para a parte elétrica, as verificações focam em áreas como segurança, recarga, bateria, engarrafamento, interferências eletromagnéticas, entre outros.

SOBRE O CAMINHÃO E-DELIVERY

O modelo tem possibilidade de dois conjuntos de bateria, um com autonomia de 100 a 120 Km e outro com capacidade entre 180 a 200 km. A autonomia é variável dependendo do peso, condições e ambiente.

Ele terá capacidade de carga de cerca de 9 ou 11 toneladas e é equipado com um motor elétrico com potência de 109 cv, além de possuir foco urbano. O sistema é 100% elétrico e tem 600 volts, sendo proveniente de fontes limpas, como a eólica e solar, 43% dessa energia provém do seu próprio sistema regenerativo de freios. O tempo de recarga completa da bateria é de 3 horas no carregamento lento ou com 30% de autonomia em uma carga rápida de 15 minutos.

A Ambev já realizou uma encomenda de 1.600 unidades do e-Delivery, pelo menos 100 dessas tem previsão de entrega para ainda este ano, mas a conclusão de todas as entregas são para 2023.

Leia também:  Hyundai apresentará novo crossover no Salão de Genebra

Além de ser um grande passo para atingirmos um maior nível de automóveis elétricos e sustentáveis, o e-Delivery é uma nova fonte de esperança e orgulho da industria automotiva brasileira.

Ana Clara Dória Pupo

Outros Conteúdos Interessantes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Moderação de comentário está ativada. Seu comentário pode demorar algum tempo para aparecer.