Pagamento do IPVA à Vista ou Parcelado – Qual a melhor opção?



Pagar o IPVA à vista ou parcelado é uma decisão muito pessoal e depende muito da situação financeira de cada indivíduo.

Com o início de um novo ano as famílias costumam se deter aos gastos que são típicos dessa época, como é o caso dos materiais escolares, Imposto Sobre Propriedade Predial e Territorial Urbana (IPTU) e o Imposto Sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA). Todos esses compromissos exigem certas manobras para planejar o orçamento familiar e não comprometer nenhuma área.

O IPVA já começou a ser distribuído pela a maioria dos estados brasileiros, cada qual decide conforme suas determinações como o boleto chegará nas mãos dos interessados, sendo o envio para o endereço e a retirada pelo o site da Secretaria da Fazenda (Sefaz) as principais formas.



Como sabemos, o imposto costuma variar com relação ao valor cobrado de um estado para outro, isso se dá porque a alíquota sofre alterações a depender da localidade, e é utilizada justamente para chegar o valor final acompanhada do valor venal do veículo, que é estipulado a partir do levantamento da Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (FIPE).

Em muitos estados brasileiros o pagamento do boleto começa agora no mês de janeiro, como é sabido os proprietários de veículos que optarem por realizar o pagamento à vista conseguem obter um desconto sob o valor da cobrança. É comum que os estados ofereçam descontos a partir dos seus critérios, estima-se que estes costumam girar em torno de 2% a 15%.



Muitos sujeitos ao se deparar com o boleto costuma pesquisar e comparar qual a forma mais assertiva de realizar o pagamento. Mas afinal, qual a melhor maneira de quitar o imposto?

Especialistas de economia partilham que essa é uma decisão muito individual, pois vai depender de alguns fatores. Por exemplo, caso o sujeito tenha condições de realizar o pagamento a vista e, consequentemente, conseguir o desconto será mais vantajoso, justamente porque irá fornecer uma boa economia.

Leia também:  Novo Volkswagen Gol e Voyage 2013 - Modelos ganharam novo visual e itens de série - Fotos

Entretanto, para que se escolha essa opção sem maiores complicações é interessante que o indivíduo possua reservas econômicas, estas devem ser balizadas durante o ano todo para que quando chegue a época do pagamento seja feito com maior tranquilidade e desconto. Todavia, a quitação à vista só vale a pena para quem detém as reservas financeiras, pois não adianta comprometer outros gastos essenciais para realizar o pagamento.

Outra opção que é muito considerada nos cenários familiares é recorrer a um empréstimo pessoal para quitar o valor à vista, essa atitude não costuma ser uma boa opção. Os especialistas da área partilham da ideia de que para se ter um orçamento financeiro saudável não se faz uma dívida para quitar outra. Outro fator a ser considerado é com relação as taxas de juros do aporte, que costumam variar muito de uma instituição financeira para outra.

Do contrário, uma outra opção muito viável é o parcelamento, os estados costumam oferecer algumas opções de parcelamento que costumam sofrer variações com relação a quantidade de parcelas e suas datas de vencimento. Estas não costumam oferecer descontos sob o valor do boleto, entretanto, se apresenta como uma forma possível e muito procurada por muitos sujeitos no momento da quitação do valor.

A principal dica é o planejamento, caso opte pelo o parcelamento é preciso ficar ciente se o orçamento financeiro conseguirá corresponder aos compromissos estipulados, além disso, se atentar a data de vencimento dos boletos é de extrema importância, já que o seu atraso costuma provocar altas taxas de juros, que são estipuladas pela as operadoras de cartões de créditos.

Por fim, sempre é indicado que o sujeito analise bem a sua situação financeira, além de buscar informações e comparar qual a melhor forma para quitar o compromisso. Como já falamos, não há uma única opção de pagamento viável para todos, por isso torna-se importante compreender qual a sua realidade e o que é possível no momento.

Leia também:  Novo Volkswagen Fox com motor TEC 1.0 tem preço a partir de R$ 29.490

Por Valdeilma de Freitas Alves

Pagamento IPVA

Outros Conteúdos Interessantes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Moderação de comentário está ativada. Seu comentário pode demorar algum tempo para aparecer.