Recall dos modelos Toyota e Lexus Camry, NX, RX e LS – bomba de combustível



A indústria automobilística, em geral, detém métodos de mapear o grau de segurança de suas produções, e rastrear eventuais problemas nas séries de veículos já comercializados. Esse processo garante muito mais segurança aos consumidores.



Há recall de alguns modelos da Toyota e da Lexus, abrangendo especificamente os seguintes: o Camry, o NX, o RX e o LS, sobre o sistema de bomba de combustível.

Assim, os gestores das multinacionais Toyota e Lexus (divisão de produção dos veículos de luxo da Toyota) estão convocando urgentemente os proprietários dos seguintes modelo: o Camry; o NX 200t; o RX 350 e o LS 500h para recall devido a uma falha verificada na bomba de combustível. Esta nova campanha envolve, no total, exatamente 576 unidades destes modelos. O processo terá início a partir desta segunda-feira, dia 26 do mês de outubro.



O chamado recall consiste em um serviço de grande importância, que é realizado pelas montadoras em concessionárias e demais oficinas autorizadas de cada marca. Havendo uma peça danificada, a mesma deverá ser substituída sem que haja qualquer custo adicional para o consumidor, dado que se trata de defeito de fábrica. O recall sempre começa por uma campanha de convocação, por meio da qual cada proprietário deverá consultar a concessionária autorizada mais próxima para agendar um horário, no sentido de levar o veículo que será reparado.

Assim, conforme o anúncio das fabricantes, existe grande possibilidade que, em certas condições, o dispositivo impulsor presente na bomba de combustível possa apresentar algumas trincas superficiais e disso resultar um progressivo aumento sobre deformação verificada neste componente. Esta situação gera riscos, dado que a falha no acessório causar outro problema: a bomba tornar-se inoperante, provocar problemas no motor, fazendo o mesmo pifar, chegando a uma parada total do automóvel.

Leia também:  Nova BMW G 310R - Fabricação no Brasil

As unidades de modelos do Camry que apresentaram este problema estão datadas entre os meses de outubro do ano de 2017 e julho de 2018, sobre a esteira de montagem. Muita atenção para a numeração não sequencial, no chassi, conforme segue: o código JTNBZ3HKJ3000184 para K3004642. No caso dos modelos NX, já convocados, cuja versão é a 200t, a data na esteira de montagem está registrada entre os meses novembro do ano de 2014 e maio de 2015, a numeração de sequência de chassis é a seguinte: código JTJBARBZF2003599 para F2027781.

No caso da série RX, estão sendo mapeadas as unidades cujas datas de montagem na esteira estão entre os meses de outubro do ano de 2017 e o mês março de 2019. Muita atenção para os intervalos das numerações de chassis, conforme segue: o código JTJBZMCAJ2029252 para K2044527 e o código JTJDZKCAK2014309 para K2019207, este é um caso mais específico.

O último modelo convocado é o sedã LS cujas montagens das unidades na esteira datam entre os meses de novembro do ano de 2017 e julho de 2018. A sequência numérica de chassis é a seguinte: código JTHBYLFFJ5000307 para K5003572.

Esse processo é simples e deve ser efetuado o quanto antes. De acordo com os especialistas o tempo máximo para o reparo é estimado em quatro horas, ou seja, o trabalho é básico, mas importante.

Deste modo, todos os proprietários poderão, e deverão, confirmar esta convocação dos automóveis por meio dos sites oficiais das duas empresas, conforme segue: www.toyota.com.br e www.lexus.com.br. Outra opção é o agendamento via telefone, pelos seguintes números: 0800 703 0206, da companhia Toyota, e o 0800 539 8727, da Lexus.

Outros Conteúdos Interessantes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Moderação de comentário está ativada. Seu comentário pode demorar algum tempo para aparecer.