Caoa Chery Tiggo 8 Plus 2021 tem visual refinado e exclusivo



Após ter suas imagens vazadas sem nenhum tipo de disfarce, o Tiggo 8, que nas fotos captadas em 31 de agosto na China, aparece reestilizado, foi finalmente de ter seu lançamento confirmado por sua fabricante, a Cherry.

Com o título Tiggo 8 Plus, este SUV será disponibilizado no mercado chinês no mês de outubro e posicionado um degrau acima da versão atual (que é idêntica a comercializada no mercado brasileiro), como categorização de uma variante premium. E para confirmar e se enquadrar neste cenário o modelo terá como principal elemento de destaque a exclusividade de seu visual, classificada pela fabricante como linguagem visual Life in Motion 3.0.



Ainda compõem o pacote de novos elementos, a grade dianteira em estilo hexagonal (semelhante ao que existe no Tiggo 2 e Tiggo 7 Pro), faróis redesenhados full-LED, para-choque atualizado, molduras novas para luzes de neblina detalhes cromados e o redesenho das rodas. Apesar de não haver fotos oficiais da cabine publicadas, é possível perceber nas imagens vazadas a manutenção da central multimídia flutuante, alavanca de câmbio em estilo joystick e o ar-condicionado com controle através de tela sensível ao toque. As novidades ficam por conta das variadas opções de revestimento, com cores distintas) e uma faixa vermelha percorrendo todo o painel.

No assunto tecnologia, a Cherry chama a atenção para os faróis com tecnologia de última geração para a iluminação. Os recursos que se destacam são o sistema de direcionamento do facho, configurado com deslocamento de até 15° e luzes de neblina, com função de compensação automática dos pontos cego, com objetivo de ampliar a segurança. Quando o assunto é o porte do novo modelo, a principal alteração em relação à versão anterior está no comprimento. O Tiggo 8 Plus possui 4,722 metros, 22 mm maior que a versão básica. Já as demais medidas não sofreram alterações, permanecendo em 1.860 metros de largura, 1,745 metros de altura e distância entre-eixos de 2,710 metros.

Leia também:  Novo Land Rover Defender 2020 - Lançamento no Brasil


Seu motor turbo 1.6 agora é responsável por disponibilizar 197 cv de potência a 5.500 rpm e 29,6 kgfm considerando 2.000 rpm, conectado sempre ao câmbio automático com embreagem dupla e 7 marchas. Como curiosidade, a versão brasileiro do Tiggo 8 desenvolve 187 cv de potência e 27, 4 kgfm, considerando as mesmas rotações, respectivamente 5.500 e 2.000 rpm. Até o momento a Cherry não confirma uma data para chegada do Tiggo 8 Plus no mercado brasileiro. A expectativa em torno desta lançamento se torna cada vez maior, principalmente pelas poucas informações divulgadas até o momento.

Chery no Brasil

A Chery aportou no Brasil no ano de 2009, na cidade de Salto/SP, em uma sede que hoje ocupa mais de 100 mil metros quadrados de área, e onde estão o setor administrativo, salas para executivas da fabricante,showroom e o estoque de peças. O Cherry Tiggo foi o primeiro modelo comercializado no Brasil. Um SUV 2.0 com câmbio mecânico e tração 4 x 2. Em seguida comercializou os veículos Face, Cielo, S-18, celer e QQ, sendo este o maior sucesso da montadora no Brasil.

Em 2014, no dia 38 de agosto, inaugurou sua primeira fábrica fora do território chinês, mais precisamente em jacareí, no interior do estado de São Paulo, inicialmente com capacidade fabril de 50.000 ao ano, podendo chegar a 150.000 unidade por anos na capacidade total da planta. O início da atividade fabril foi com o Chery Celer, em versões sedã e hatch.O ano de 2016 marca o início da produção do Novo QQ, perdurando até 2018. Em 2017, no mês de setembro mais um momento importante: a Chery vende 51% de suas operações no Brasil para a Caoa, criando uma nova empresa intitulada Caoa Chery.

Leia também:  Carro com Bateria Descarregada - O Que Fazer
Por Luis Fernando Bernardo

Outros Conteúdos Interessantes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Moderação de comentário está ativada. Seu comentário pode demorar algum tempo para aparecer.