Novo Jeep Renegade e Compass 2020 Híbrido



Modelos híbridos devem chegar ao Brasil em 2020.

Para quem é apaixonado pelos modelos de carros da Jeep, uma boa notícia está chegando em 2020. A marca que é um grande sucesso no Brasil, traz algumas novidades que vai deixar os consumidores ainda mais animados.

Nesta terça-feira, 7 de janeiro de 2020, a Jeep anunciou que irá lançar os modelos Renegade e Compass em outra versão. Para quem estava aguardando, a versão híbrida plug-in virá para o país neste ano. Ainda não há datas previstas para a chegada dos novos automóveis e nada foi revelado sobre os valores.



Atualmente, os modelos Renegade e Compass nas versões híbridas estão presentes na exposição da CES, uma das maiores feiras tecnológicas do mundo. A primeira apresentação dos modelos aconteceu no último salão de Genebra, na Suíça.

Prepare-se para novas novidades

Além desses novos modelos, a marca também decidiu trazer para o Brasil o seu modelo mais paradigmático, o Wrangler. Também em versão híbrida, o carro pode ser carregado na tomada. Isso é tudo que estava faltando para que o consumo de automóveis se tornasse ainda mais consciente!

Veja também:  Toyota aumenta o Prazo de Garantia dos seus modelos 2020


Com redução de IPI, os três novos modelos da Jeep terão incentivos especiais para veículos na versão híbrida, o que permite a isenção dos impostos de importação. Além disso, os dois principais modelos (Renegade e Compass) estão vindo com o novo motor turbo 1.3, pertencente à Firefly, empresa brasileira.

Detalhes sobre o novo Renegade e Compass da Jeep

Em relação à tração dos veículos, elas funcionam de duas maneiras distintas: A gasolina possibilita a tração das rodas dianteiras. Enquanto isso, a parte elétrica é responsável por gerar a tração nas rodas traseiras. Aliás, devido à essa inovação, as versões híbridas serão conhecidas por 4xe, deixando o famoso 4×4 para trás.

O modelo Renegade na versão híbrida possui 130 ou 180 cavalos. No caso do Compass, é possível encontrá-lo apenas com 180 cavalos. Ainda há a mesclagem com um elétrico para os dois tipos de veículo, que possui cerca de 60 cavalos. Essa mistura toda é capaz de elevar a potência dos novos modelos, deixando-os entre 190 e 240 cavalos.

Veja também:  Como Adiar as Parcelas do Financiamento do Carro

Outro ponto que faz palpitar os corações dos amantes da Jeep é a velocidade que os modelos podem atingir. Nessa nova versão, apenas fazendo o uso do motor elétrico, os veículos são capazes de chegar em até 130km/h. E para quem ficou curioso sobre o Wrangler, infelizmente, ainda não há informações sobre o novo modelo.

Este é o início de uma nova jornada para a dona da Jeep, a FCA. O intuito é começar as criações de modelos elétricos para todas as versões existentes, com prazo de até 2022.

Por que investir em um carro como este

Os tempos estão mudando e as ideias sustentáveis estão surgindo a todo vapor. Com os carros elétricos, o mundo possui grandes chances de alavancar no ramo sustentável. Ajudar a manter a saúde ambiental de todo o planeta, deve ser um dos principais objetivos de todos os tipos de mercado.

Veja também:  Ford Bronco Sport 2021 - Novidades e Versões

Investir em um veículo com versão híbrida agora ajudará o mercado a estudar cada vez mais nesse formato de inovação. Em breve, quem sabe, todos os carros utilizados em nossas ruas sejam nessa versão? Desta forma, o consumo de gasolina será menor e a quantidade de emissão de gás na atmosfera também!

Aguarde a chegada das novidades da Jeep no Brasil e confira de perto todos os detalhes. Se não houver alguma outra marca com planos de entrar no mercado brasileiro com a inovação da versão híbrida, a Jeep será a inovadora no país. Para quem deseja dar uma verificada nos modelos, no site da CES você pode encontrar alguns detalhes sobre os veículos que em breve chegarão ao mercado.

Juliana Almeida

Outros Conteúdos Interessantes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Moderação de comentário está ativada. Seu comentário pode demorar algum tempo para aparecer.