Nissan Versa 2020 – Novidades e Diferenças





Confira aqui as principais novidades e diferenças no Nissan Versa 2020.

As montadoras de veículos possuem dois tipos de linha de produções principais. A primeira é a criação de modelos únicos, ou seja, carros que estão sendo produzidos pela primeira vez. A segunda trata-se de reestilizar um automóvel, ou seja, modificar o design, acrescentar alguns recursos. A finalidade deste processo é deixar o veículo mais moderno. E é justamente essa a ação que a Nissan está propondo com o Versa versão 2020. A montadora japonesa recebeu algumas ponderações a respeito da aparência do Versa e por isso propôs essas mudanças. Confira agora sobre as diferenças entre as versões de 2020 e a anterior, ou seja, a de 2019 e também veja um pouco mais sobre as características deste veículo.

As diferenciações primordiais entre o Nissan Versa 2020 e o modelo de 2019

Antes de começar a apontar as principais diferenças entre os dois modelos, é importante falar sobre a apresentação do modelo de 2020. Ela aconteceu no último dia 12 de abril de 2019, nos Estados Unidos. E no evento pode se notar as mudanças significativas que o modelo recebeu. Essas alterações aconteceram após a fabricante asiática receber feedbacks sobre a aparência do carro, muitas citações abordavam a aparência não tão moderna assim do veículo. E, hoje em dia, é um erro muito grande qualquer empresa ignorar a opinião do público. Com isso, a montadora optou por remodelar o design do Versa.

Veja também:  Toyota Corolla Hybrid - Lançamento, Especificações



A primeira grande diferença notada entre os dois veículos é a grade frontal. No modelo de 2020 ela é menor e tem o formato de um trapézio invertido, por dentro foram colocadas grades no formato “escama de peixe”. Além disso, nas laterais as bordas são mais finas. As extremidades em ferro ainda foram colocadas nas laterais, na parte de cima ou na de debaixo. Abaixo da grade frontal está uma estrutura que integra o para-choque, os faróis e que ainda une a grade frontal.

Já a unidade de 2019, tem a grade maior e mantém a projeção do trapézio invertido. Por dentro da grade, as linhas são horizontais, maiores e os espaços entre elas são consideráveis. As bordas que cobrem a grade também possuem uma espessura maior e são mais brilhantes. Elas estão posicionadas na direita, na esquerda, na parte de cima e de baixo. Aliás, a inferior é a mais fina de todas. No modelo de 2019, não existe nenhuma ligação entre os faróis, a grade e o para-choque. Todos esses objetos foram colocados de forma separada. Os faróis são grandes, chegam até a lateral do carro e ainda possuem um recorte pontudo no final. O para-choque é simples segue a ideia de um trapézio original e tem apenas duas linhas de separação.

Veja também:  Porsche Macan 2020 - Novidades e Preço

Ambos os modelos são de quatro portas. Aliás, consegue-se perceber mais uma aparência na porta. No veículo antigo, as portas possuem uma linha mais protuberante na parte debaixo e no carro mais novo não existe esse detalhe, o que se tem na verdade são duas diferenças de níveis, uma mais acima e a outra na parte de baixo. A parte de trás também passou por algumas alterações. Enquanto o automóvel de 2020 tem o porta-malas mais retraído e o de 2019 é mais projetado para frente. A ideia de integração segue também na parte de trás, a porta do bagageiro é unida a pequenas luzes e também aos dois faróis nas laterais. No carro mais antigo, esses itens são conectados. Além disso, os faróis de cada ano possuem um formato diferente. Sabe-se até o momento que o carro de 2020 foi fabricado em prata e vermelho. O anterior foi produzido em mais tonalidades.

Veja também:  Hyundai Creta 2020 - Novidades

O que da versão de 2019 foi mantido no modelo de 2020 e vendas no Brasil

A mudança significativa foi no design para que ele fosse mais contemporâneo. Em um item muito importante nada foi alterado. Esse item é o motor do Versa. O motor continua tendo 111 cavalos e é flex na categoria 1.6. A respeito do consumo médio e do próprio combustível, nada ainda foi confirmado.

Assim como a versão anterior, o modelo mais novo também vai ser comercializado no Brasil, a partir de 2020. Não se tem uma data confirmada e não se sabe ainda o valor que ele deve chegar no mercado nacional. Para outras informações: https://www.nissan.com.br/.

Isabela Castro.



Inserir um comentário

Moderação de comentário está ativada. Seu comentário pode demorar algum tempo para aparecer.