Comparativo Toyota Yaris x Honda Fit – Qual é Melhor?




Saiba aqui qual é o melhor carro: Honda Fit ou Toyota Yaris?

Quem olha pela primeira vez pode não notar quão semelhantes são os modelos Honda Fit e Toyota Yaris. Ambos utilizam o motor 1.5 e câmbio CVT, possuem o acerto destinado para o conforto de seus usuários e gozam da boa imagem de seus fabricantes em relação ao público.

Mas se os modelos são tão parecidos, qual a melhor opção na hora de adquirir um desses veículos? Nesse artigo você terá uma comparação das duas versões topo de linha dos dois modelos citados. A linha Honda, é a EXL, já a Toyota a configuração é XLS. Entre as linhas dos modelos, essas são as que mais deixam semelhantes o Fit e Yaris.


Custos: Yaris sai na frente

Por mais que os modelos sejam semelhantes, ao comparar o valor da compra, do seguro, das revisões e dos equipamentos que terão de ser adquiridos, há uma desigualdade bem visível.

Para adquirir o modelo da Honda, o consumidor deverá investir R$83.300 na linha Fit EXL, já a linha do modelo Yaris XLS está sendo comercializada por R$81.990, tendo uma diferença de R$1.310. Acha pouco? Essa diferença é quase suficiente para pagar as 3 primeiras revisões do Toyota.


Além da vantagem da venda, o pós-venda também beneficia o Yaris. Isso porque nas primeiras cinco revisões nas concessionárias o consumidor que adquirir o Yaris terá que pagar R$2.347. Agora o consumidor que adquirir o Fit deverá pagar 45% a mais, já que o custo é de R$3.401.

Na hora de pagar o seguro podemos definir como um empate técnico, já que a apólice do Toyota é de R$2.428 e da Honda R$2.573, de acordo com o levantamento realizado pela Minuto Seguros.

Veja também:  Renovação da CNH pela Internet em SP

No final, podemos somar um saldo positivo de quase R$2,3 mil para o Toyota, valor que não pode ser desconsiderado e muito menos desprezado.

Equipamentos: mais um ponto para Yaris

Se formos seguir a lógica, pelo fato de a Yaris ter um melhor custo benefício, tudo indica que o número de equipamento é menor. Mas nesse caso a regra não se aplica. Quando comparado os dois modelos, o Yaris é considerado bem mais completo do que o Fit.

As versões mais caras dos dois modelos, são equipadas com ar-condicionado digital, o controle de velocidade de cruzeiro, bancos de couro, controle de tração, central multimidia, estabilidade e aibags laterais e de cortina, além dos obrigatórios por lei, que são os frontais.

Além dos itens citados a cima, o Yaris possui uma lista mais completa com airbag de joelho para o motorista, retrovisor interno antiofuscante, sensores de luz e chuva, teto solar, acesso e partida por chave presencial e quadro de instrumentos com computador de bordo colorido e configurável.

Dentro desses itens podemos citar uma falha, que é a central multimidia que não aceita Android Auto e Aplle Carplay, esse fato ocorre com bastante frequência nos modelos da Toyota.

Os únicos itens exclusivos encontrados no Honda são os faróis full LED, volante com regulagem de profundidade (no modelo do Yaris é possível regular somente a altura) e as conexões Android Auto e Apple CarPlay na central multimidia. No modelo Honda há um local para acionar o motor por botão, mas no lugar é colocado a tampa plástica.

Veja também:  Porsche 911 Carrera 2020 - Nova Versão de Entrada

Esses dois itens deixam claro a diferença entre os dois modelos rivais, fica claro que o Yaris custa menos e oferece mais.

Desempenho: Yaris marca 3 pontos

Os dois modelos apresentam a mesma cilindrada 1.5. A potência e o torque do Fit é maior, sendo 116 cavalos e 15,3 kgfm contra 110 cv e 14,9 kgfm de modo respectivo.

Porém, se tem a percepção de que o modelo Yaris é mais rápido do que o Fit. A transmissão do Toyota é capaz de equilibrar da melhor forma a relação de conforto e de desempenho do que o Honda, mesmo que o câmbio CVT deixe a desejar.

Uma má impressão é deixada pelo Fit, pois as rotações do motor são elevadas demais e não entregam respostas vigorosas. Além disso, o Yaris se torna mais econômico independente do cenário, de acordo com uma pesquisa do Inmetro.

Versatilidade: Fit marca seu primeiro ponto

Quando o assunto é versatilidade não podemos negar que a Fit leva a melhor. Isso se dá pela sua carroceria, que possui elementos de Hatch e de minivan. A carroceria do Honda possui 5 centímetros a menos que o Yaris e 2cm a menos de distância entre-eixos.

Porém, essa diferença é compensada pelo túnel central praticamente plano, dando mais conforto para o quinto ocupante do veículo. Outra vantagem que podemos citar é que o Fit é 6cm mais alto e tem uma linha de cintura mais baixa. Pela área envidraçada ser maior, a sensação é de que a cabine é mais ampla.

O porta-malas do Honda também é maior, possuindo 363 litros, enquanto o porta-malas do Yaris possui apenas 310 litros. E caso o motorista necessite de mais espaço, é possível ajustar os bancos, rebatendo os encostos e aumentando o porta-malas para 1.045 litros.

Veja também:  Novo Chevrolet Onix 2020 - Preço, Novidades e Análise

É possível levar até mesmo uma pequena árvore quando se ergue os assentos traseiros. Os nichos para porta-objetos também são em quantidades maiores que o do Yaris, tendo porta copos na frente da saída de ventilação.

Acabamento: ponto para os dois

O acabamento não contabiliza ponto para nenhum dos dois. Isso porque o plástico duro em excesso é utilizado pelos dois, e o estilo apelativo da cabine conservadora também está presente nos dois modelos.

Por mais que o Yaris seja um modelo mais recente, o interior do carro parece dos modelos mais antigos devido a forma que os elementos do painel estão dispostos. O único detalhe mais contemporâneo são as molduras prateadas nas saídas de ar.

A cabine do modelo Honda possui um arranjo bem mais interessante, com saídas de ventilação em posição mais elevada e o ar-condicionado é regulado por comandos sensíveis ao toque. Porém, a impressão que se tem é que o carro é de categoria popular, devido a simplicidade excessiva.

Temos um vencedor…

O Yaris.

Por mais que o Fit seja mais versátil e acomode melhor os passageiros e suas bagagens, o Yaris se destaca em todos os outros aspectos. O grande acerto da Toyota foi oferecer um nível elevado de seus equipamentos mesmo estando um patamar abaixo do Honda.

E mesmo custando R$83 mil não está equipado com os itens indispensáveis para sua categoria. Por mais que nenhum dos dois seja muito empolgante para quem está no volante, o Yaris gasta menos combustível.

Anderson Jacinto Luiz

Inserir um comentário

Moderação de comentário está ativada. Seu comentário pode demorar algum tempo para aparecer.