Ford Ranger 2020 – Novidades



Modelo ganha motor biturbo e câmbio do Mustang.

A Ford Ranger está retornando ao mercado norte-americano, com um design mais moderno e com mudanças pontuais do modelo europeu, prometendo grandes expectativas para os admiradores da categoria.

Os países da Europa irão ganhar uma picape média com diversas novidades, a principal dela será o motor EcoBlue diesel que possui a opção biturbo. Já o modelo comercializado no Brasil e na Argentina não terá alterações.


Acompanhando e ultrapassando seus concorrentes

A principal concorrente da Ford Ranger 2020 é a Volkswagen Amarok, por esse motivo os desenvolvedores da Ranger 2020 não podem ficar para trás. Assim como o modelo de sua rival, a nova Ranger 2020 está equipada com um motor 2.0 de quatro cilindros turbo a diesel.

Os antigos propulsores e o 3.2 cinco cilindros, foram substituídos pela EcoBlue, uma nova família que possui três opções de potência. Veja:

  • Turbo: 2.0 Diesel de 130 cv e 34,7 kgmf de torque;
  • Turbo: 2.0 Diesel de 170 cv e 42,9 kgmf de torque;
  • Biturbo: De 210 cv e 51 kgfm de torque.
Veja também:  Carro do Ano 2019 - Volkswagen Virtus foi eleito

Seguindo modelos já lançados, a transmissão automática é a mesma utilizada no Ford Mustang, Chevrolet Camaro e nas picapes grandes de marcas rivais a Ford Ranger 2020, independentemente da quantidade de turbos ou de potência.


A nova Ranger 2020 possui dez marchas que são trocadas de forma mais suave do que a do modelo anterior. Segundo a marca, a junção de tudo capacita o novo modelo a carregar cerca de 1.252 kg na caçamba ou então rebocar até 3.500 kg.

Conheça as mudanças no design da nova Ford Ranger 2020

A parte visual da nova Ford Ranger 2020 teve leves e discretas alterações, se comparadas ao facelift anterior. As mudanças foram as seguintes:

  • A grade frontal agora possui contornos que apesar de cromados, são mais discretos.
  • Ganhou duas barras paralelas no centro iguais a grande F-150.
  • O para-choque foi equipado com luzes de neblinas, que são conectadas a um vinco em C, assim como no novo Ka.
  • Na versão aventureira Wildtrack, o para-choque é exclusivo, possuindo uma grade frontal na cor preta, a grade é interligada à entrada de ar da parte inferior.
  • A parte traseira não sofreu mudanças, as lanterna de LED utilizadas na Ranger americana não fazem parte desse design.
  • O interior também não sofreu alterações.
  • A nova Ranger 2020 ganhou tecnologias avançadas como: Park assist (capaz de estacionar autonomicamente), assistente de pré-colisão (capaz de detectar pedestres), limitador de velocidade com leitor de placas, além dos itens tecnológicos já presentes no modelo comercializado, como o alerta de colisão frontal, controle de cruzeiro adaptativo e a manutenção em faixa.
Veja também:  Ford EcoSport Storm 2019 - Especificações, Características

A nova Ranger 2020 será comercializada em cinco versões: a Lariat, que possui as opções de cabine estendida ou dupla, a XL e a XLT. Todas as versões estão disponíveis nas configurações de tração FX2 e FX4. O bloqueio eletrônico do diferencial também está disponível em todas as versões.

A tração FX4 possui um diferencial, a central Dana, além de amortecedores e pneus off-road. Ela também conta com um protetor de cárter e um seletor eletrônico, possuindo modos de tração para grama, areia, cascalho e neve, além de lama.

O lançamento da Ranger 2020 nos Estados Unidos está previsto para daqui a um ano, a expectativa é que nesse tempo a fabricante do novo modelo dê alguma posição a respeito de realizar mudanças também no modelo destinado ao Brasil e a Argentina.

Veja também:  Lançamentos da JAC no Brasil em 2019

Se você é um amante das picapes Ranger, fique ligado para saber mais novidades a respeito do lançamento da nova Ford Ranger 2020 e se o Brasil será contemplado com as novidades do novo modelo.

Anderson Jacinto Luiz

Relacionados



Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *

Comment moderation is enabled. Your comment may take some time to appear.