Renovação CNH – Curso e Prova Teórica serão Obrigatórios



  

Nova lei obriga que motoristas passem por curso e prova técnica para renovar a CNH.

Se você é um motorista habilitado e já está chegando a hora de renovar sua habilitação, veja a nova notícia que acaba de chegar. É que quem precisar renovar a Carteira Nacional de Habilitação, a popular carta de motorista, terá que passar por um curso e realizar uma prova, além de realizar os exames médicos que já são exigidos na atualidade.

É isso mesmo, um curso teórico que deve ter a duração de 10 horas/aula e que será obrigatório para a renovação da carteira. Assim, depois do curso o motorista deve realizar uma prova em que serão abordadas questões relacionadas ao curso realizado. E por último, realizar aqueles exames de praxe sempre pedidos para a renovação da CNH.

Assim, fica obrigatório que a resolução seja dessa forma para todos os motoristas habilitados do país. No último dia 08 do mês de março, uma resolução foi publicada no Diário Oficial da União, atualizando assim a lei vigente no país. Desse modo, a Resolução 726/18 chega para substituir uma Resolução publicada no ano de 2004, crida pelo Contran, que é o Conselho Nacional de Trânsito. Essa resolução está relacionada ao processo de especialização e formação de novos condutores no país.

Veja também:  Chery Tiggo 2018 - Especificações, Características

O Contran informou que essa nova regra para renovação de CNH passa a valer oficialmente a partir do mês de junho de 2018. Até lá, Autoescola e órgãos de trânsito terão um tempo para se adaptarem às novas determinações.




De acordo com as primeiras informações sobre o assunto, o curso de renovação e aperfeiçoamento de motoristas poderá ser realizado na modalidade presencial ou até mesmo à distância, facilitando a vida para quem não possui tempo para frequentar um curso presencial. Além disso, ele pode ser feito a cada período de 5 anos, quando ocorrer o vencimento da carteira.

Desse modo, em concordância com a nova regra, quando precisar renovar sua CNH o condutor tem por obrigação:

– Realizar exames de aptidão mental e física, para os casos de condução de ciclomotor ou para quando é habilitado em categorias “A” e/ou “B”.

Veja também:  Isenção do IPVA para Carros Antigos

– Realizar exame de toxicologia com ampla janela para detecção, além de exame de aptidão mental e física para os casos em que já for habilitado em categorias “C”, “D” e/ou “E”.

– Alcançar aprovação no curso de atualização/ renovação ou de aperfeiçoamento de acordo com a regulamentação vigente.

A finalidade de tornar obrigatório o curso teórico para a renovação da CHN, segundo o diretor do Denatran, Maurício José Alves, objetiva aperfeiçoar os motoristas, haja vista que nesse meio de legislação de trânsito ocorrem muitas mudanças e atualizações. E a cada renovação do documento o condutor tem a possibilidade de conhecer mais sobre essas questões tornando-se ciente sobre essas determinações.

Quem já possui sua CNH vencida em um período maior que 5 anos, ou condutores que não tenham realizado em autoescola o curso de Primeiros Socorros e Direção Defensiva, o Denatran informa que este curso que é de Atualização possui uma carga horária de 15 horas/aula.

Veja também:  Citroen C3 Urban Trail 2018 - Preço e Novidades

Como os condutores poderão realizar esse novo curso?

Par facilitar para os motoristas, o curso será dividido em 10 aulas, que poderão ser realizadas em autoescolas que possuam credenciamento no Detran , ou também poderá ser realizado a distância.

Cada aula deve ter duração de 50 minutos e não será permitido que o motorista realize 5 aulas por dia. O curso deve durar no mínimo 5 dias, até para quem optar por fazê-lo a distância.

Por sua vez, o exame é parecido com o realizado na primeira habilitação. Será composto por 30 questões de múltipla escolha e deve ser feito em um período de uma hora.

Para alcançar aprovação no exame o candidato precisa conseguir no mínimo 21 pontos.

Em termos de custos ainda não foram divulgados valores, mas já se sabe que os motoristas terão que pagar pelo curso e pela prova. Já que já é cobrado uma taxa de renovação, cujo valor varia de estado para estado. Mas até junho estes valores serão determinados.

Sirlene Montes






Inserir um comentário

Comment moderation is enabled. Your comment may take some time to appear.