Como fazer o Cartão de Estacionamento para Idoso e Deficiente




Saiba aqui como fazer o cartão de estacionamento para idoso e deficiente.

Em todas as cidades do País, existem vagas reservadas de forma exclusiva para pessoas com deficiência e idosas, mas que geralmente não são respeitadas pelos outros motoristas. O direito é assegurado pela Lei 10.741/03 do estatuto do idoso e também por meio da Resolução do CONTRAN de número 303/08.

Desta forma, para fazer valer o direito é fundamental a emissão do cartão de estacionamento para idoso e deficiente, que pode ser feito pela internet em muitas capitais do Brasil.


O cartão consiste em uma autorização para que os condutores ou transportadores idosos com idade igual ou superior a 60 anos e também aos deficientes ou com dificuldades de locomoção, possam estacionar os veículos nas vagas especiais que são sinalizadas nas vias e logradouros públicos nos municípios.

Veja também:  Mitsubishi L200 Triton 2019 - Primeiro Facelift na Tailândia

Geralmente os procedimentos para a emissão do cartão são parecidos, independente da sua localização. Ou seja, você pode morar em Belo Horizonte, Goiânia, São Paulo ou qualquer outro lugar, que vamos explicar o passo a passo.

Em algumas cidades todo o procedimento pode ser feito facilmente pela internet, mas se não for o seu caso, é só comparecer ao Detran da sua cidade.


Para a emissão do cartão, é imprescindível os seguintes documentos: identidade, CNH (original e cópia), comprovante de residência do local (conta de luz, água, plano de saúde, entre outros que tenham a validade máxima de um mês), declaração médica para as pessoas que sejam portadoras de deficiência (original e cópia), além de documento de identidade oficial e CPF do representante legal e se for o caso do procurador, tutela ou curatela (original ou cópia).

Veja também:  Fim do Hyundai Azera, Fiat 500 e Renault Kangoo no Brasil

O cartão deve ser renovado a cada 05 anos e a solicitação para que a renovação seja feita deve ocorrer a partir de 30 dias antes do vencimento. Mas, em casos de roubo ou furto, pode ser solicitado uma 2ª via do documento.

Depois da solicitação, é só aguardar o cartão que tem validade em todo o País. O titular pode usá-lo em qualquer carro, mesmo não sendo o proprietário e deve ser colocado, preferencialmente, na parte frontal próximo ao volante e com os dados virados para cima.

Para saber se você pode solicitar o documento pela internet ou pessoalmente, acesse o site da Prefeitura ou Detran da sua cidade.

Por Babi

Relacionados



2 comentários em “Como fazer o Cartão de Estacionamento para Idoso e Deficiente

  1. Carlos marques da silva

    - Editar

    Responder

    carlos m. da silva por nestes e outros motivos que nao voto prefiro anular pois só complicam tudo uma palhaçada

Inserir um comentário

Comment moderation is enabled. Your comment may take some time to appear.