Fim da Aston Martin no Brasil



Montadora anuncia o encerramento de suas atividades no país.

Não é novidade para ninguém que a crise financeira que começou em 2015 afetou todos os setores da economia e com o segmento de carros não poderia ser diferente. Com as marcas de luxo, o processo foi um pouco mais demorado, mas infelizmente o setor também sofreu grandes quedas nas vendas e desde ano passado, está sentindo os negativos efeitos desse cenário nada animador.

A bola da vez do segmento de veículos luxuosos foi a Aston Martin, que fechou sua única concessionária que ficava na cidade de São Paulo e encerrou de uma vez por todas a importação oficial do imponente e luxuoso modelo para o Brasil.

Veja também:  Toyota Corolla 2019 - Ficha Técnica, Características


Presente em terras brasileiras desde 2010, os modelos da montadora são famosos por causa de alguns filmes de James Bond em que os carros apareciam nas cenas. Os modelos mais vistos na televisão pelos amantes da glamorosa marca e que vão deixar saudades eram DB5, Vantage, Vanquish, DB9 e por último, o DB11.

O empresário Sérgio Habib era o representante da Aston Martin no país, além de ser o representante da conhecida marca chinesa JAC MOTORS, que parece ir de vento de polpa nos negócios, pois os carros comercializados são infinitamente mais baratos se comparados com a marca inglesa.

Logo no ano de estreia, a Aston Martin vendeu apenas 18 carros e em 2011 foram 30 modelos emplacados. Já nos anos seguintes, o número de unidades vendidas foram de 13, 12 e 11, respectivamente. Segundo uma recente pesquisa divulgada pela Associação Brasileira da Empresas Importadoras e Fabricantes de Veículos Automotores ( Abeifa), a crise financeira foi o maior motivo da grande queda nas vendas em geral. Em 2015 foram vendidos apenas 3 unidades do carro e ano passado, apenas dois carros foram comercializados. Se comparada com montadoras de mesmo nível, como a Ferrari, que vendeu 21 carros somente ano passado, as vendas da Aston Martin foram um tremendo fiasco. Somente a conterrânea Rolls Royce perdeu o páreo para a Aston Martin no Brasil, pois vendeu apenas 1 carro em 2016. No total, foram vendidos apenas 89 modelos da Aston Martin no Brasil, que sai de cena definitivamente sem previsão de retorno.

Veja também:  RAM deve lançar Nova Picape no Brasil


Rodrigo Souza de Jesus



Inserir um comentário

Comment moderation is enabled. Your comment may take some time to appear.