Recall do Renault Sandero, Logan, Duster e Oroch – Problema na Montagem

  

Problema atinge a linha 2016 dos veículos e pode causar a perda de direção.

Nesta última quinta-feira (23) a marca de veículos Renault anunciou que os modelos Logan, Duster, Sandero e Duster Oroch, do ano de 2016, vão precisar de um recall. O problema está na frouxidão nos parafusos do eixo traseiro e da base dianteira do motor, que prendem a estrutura da suspensão.

A questão parece ser besteira, mas o mau “aperto” dos parafusos pode levar uma anomalia ou saída dos parafusos do local, o que causa perda de direção com sérios riscos de acidentes. Os modelos com esse problema foram os fabricados entre 3 de agosto e 29 de setembro de 2016.

Veja também:  Peugeot 5008 - Ficha Técnica, Características

O problema está afetando 28.814 unidades no total, da Oroch são 1.907 carros (Expression e Dynamique), 5.111 Logan (Expression, Authentique e Dynamique), 4.237 da Duster (Expression e Dynamique) e o modelo mais afetado é o Sandero, com 13.559 veículos.

Antes de fazer a troca dos parafusos, o motorista deve agendar um horário em uma das concessionárias da Renault e o conserto leva cerca de 1 hora. Para quaisquer outras dúvidas, o cliente pode entrar em contato com o serviço de atendimento ao consumidor, no telefone 0800-055-5615.

Para facilitar a informação de quais veículos estão com esse problema dos parafusos, a empresa divulgou os chassis envolvidos (não sequenciais) que são:

  • Logan – GJ481696 até GJ556423
  • Duster Oroch – HJ246869 até HJ589223 e JJ582317
  • Sandero – GJ482682 até GJ601778
  • Duster – HJ246871 até HJ600336.
Veja também:  Bancos do Carro - Cuidados e Como Tirar Manchas



Somente neste ano, a marca já fez o pedido de dois recalls de Sandero e Duster. Os modelos fabricados no ano de 2014 foram chamados em janeiro para a manutenção de uma falha no airbag do motorista, que corria um sério risco de não abrir caso ocorresse algum acidente. Foram chamados na época 3.820 veículos.

Muitos podem achar que não é necessário fazer o recall e que o problema pode ser que não afete o veículo. Só que sempre quando a empresa faz o pedido de recall é porque o defeito é realmente sério. Toda vez que um defeito possa causar um acidente e colocar a vida do cliente em risco ,o recall deve ser feito segundo o próprio Código de Defesa do Consumidor.

Veja também:  Novo Fiat Cronos 2018 - Novidades e Vídeo de Apresentação

Quando o recall é anunciado, a montadora pode determinar uma data de início para as trocas e o atendimento, contudo, a fábrica não poderá colocar uma data final para isso. Não existe data limite para defeitos dos veículos.

As trocas e manutenção dos defeitos devem ser feitos de forma breve, como o agendamento. A montadora não pode demorar em agendar a troca para o cliente e caso houver uma lentidão excessiva do reparo e mau atendimento, o consumidor deve acionar o Procon de sua cidade. Além disso, nenhum recall poderá ser cobrado, todos deverão ser gratuitos.

Por Carolina Costa






2 comentários em “Recall do Renault Sandero, Logan, Duster e Oroch – Problema na Montagem

  1. Não é atoa que perdemos o airton senna por causa da renault!!!! Deve ser algum problema cronico de renault soltar parafusos….Essas porcarias de montadora fazem um carro de qualquer jeito.
    Sem contar que pagamos o carro mais caro do mundo .

    E sem qualidade ….viva o brasil !!

    1. Paulo Fernando F. D'Ávila

      - Editar

      Responder

      É verdade a Renault tem muito que melhorar, os carros parecem ser a disel o motor faz muito barulho, a caixa da direção hidráulica é horrível de dura, sem falar no acabamento que não tem.

Inserir um comentário

Comment moderation is enabled. Your comment may take some time to appear.