Lamborghini Huracán ganhará Versões com Tração Traseira

  

Lamborghini deverá lançar duas novas versões do Huracán com tração traseira. Carros devem ser apresentados em 2016.

A Lamborghini está preparando para o próximo ano duas versões de tração traseira do Huracán. A afirmação foi garantida pela revista inglesa Evo, através de declarações de Giorgio Sanna, que possui a função de realizar os testes da empresa.

Poucos detalhes foram informados, entretanto, a perspectiva é que uma das versões seja o Huracán Superleggera, que iria adotar uma potência adicional, peso inferior e força em somente um eixo para competir com concorrentes como Ferrari 488 GTB e McLaren 675LT. O outro fator novo poderá ser uma nova versão com valor mais baixo do modelo, que teria a denominação LP610-2, com base na tração traseira.

Veja também:  Volkswagen Saveiro 2018 - Características, Novidades

Foi divulgada recentemente em Sant’Agata Bolognese (Itália), a segunda versão de competição do modelo, Huracán GT3, direcionada neste momento para concorrer com empresas como a Audi e a McLaren na modalidade Endurance da Blancpain Series.

Considerando um modelo de rua, o veículo irá continuar com o bloco 5.2 V10, entretanto, com tração traseira e transmissão sequencial de 6 velocidades. Tudo isso com a cautela da unidade de controle eletrônico da Bosh Motorsport. Possuindo um chassi e gaiola de proteção de alumínio e fibra de carbono, o veículo tem o peso de somente 1239 kg, dado que poderá ser modificado por causa das regulamentações da FIA.




A carroceria foi produzida com a ajuda da Dallara Engineering e possui como aspectos principais a penetração de ar mais qualificada, elevada aderência e tração, além da otimização do resfriamento dos sistemas de freios. A empresa não relatou muitos detalhes sobre o interior, entretanto, afirmou que possuirá volante multi-funções, banco em fibra de carbono e um novo sistema de “escape” por meio do teto solar.

Veja também:  Carro com Motor Fervendo - O Que Fazer?

As corridas da Blancpain Endurance Series iniciam no dia 11 de abril, em Monza, na Itála. O modelo será vendido no continente europeu por 369 mil euros, que equivale a aproximadamente R$ 1,1 milhão.

Felipe Couto de Oliveira






Inserir um comentário

Comment moderation is enabled. Your comment may take some time to appear.