Nissan 370Z é Destaque no Salão de Chicago 2015



A Nismo, divisão de grande performance da Nissan, apresentou duas atrações no Salão de Chicago (EUA), que acontece até o dia 22 de fevereiro. Uma das principais atrações é um carro-conceito que oferece mais potência ao conversível 370Z Roadster. O carro, chamado de 370Z Nismo Roadster Concept, possui sob o capô um motor V6 3.7 de 359 cv. O veículo possui suspensão com ajuste mais esportivo de fibra de carbono e bancos da Recaro.

O outro modelo verificado no estande da empresa trata-se de um carro de corrida, que irá competir este ano nas 24 Horas de Le Mans. Trata-se do cupê superesportivo GT-R LM Nismo, versão de grande rendimento do GT-R, que possui motor V6 turbinado de 600 cv de potência máxima.

Veja também:  Recall Volvo V60, XC40, XC60, SC90 e S90

O modelo de 2015 do 370Z possui bancos Recaro revestidos em couro e camurça sintética. Já o painel possui um conta-giros em vermelho. O pacote Tech acrescenta sistema de áudio Bose com navegador, câmera traseira, tela de 7 polegadas, entre outras funcionalidades.

O modelo utiliza motor V6 de 3,7 litros, consistindo na variação de tempo e de levantamento das válvulas, o denominado VVEL, com potência de 350 cv (18 superiores em relação àa versão básica) e torque de 38 m.kgf, tendo também a transmissão manual de seis velocidades ou uma nova automática de sete velocidades, com tração traseira. O pacote Nismo possui molas e estabilizadores determinados, freios mais poderosos e diferencial autobloqueante.

Veja também:  Toyota Corolla é o Carro Mais Vendido em 2018

Na parte de dentro, os bancos esportivos da Recaro são revestidos em couro e Alcântara com costuras vermelhas. O volante possui acabamento em camurça e existe um pacote alternativo Tech que possui sistema de navegação, visor de sete polegadas sensível ao toque, câmera de ré e sistema de som Bose com Bluetooth.


Na parte da frente, o para-choque possui uma entrada de ar mais acentuada e luzes LED para rodagem diurna. As rodas de alumínio possuem 19 polegadas.

Felipe Couto de Oliveira

Relacionados



Quer deixar um comentário?

Seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *

Comment moderation is enabled. Your comment may take some time to appear.