Novo Ford Mustang é apresentado na Coreia do Sul



Ford Mustang 2015 foi apresentado aos jornalistas sul-coreanos durante um evento. A proposta vai de acordo com o lançamento mundial do esportivo, que será comercializado em mais de cem países. O modelo foi exibido no Daelim Changgo, um espaço cultural que já foi um moinho de arroz e hoje recebe atrações e lançamentos. O público presente se surpreendeu com os modelos GT 5.0 amarelo e 2.3 EcoBoost prata.

A Coreia do Sul, em especial, é um mercado em que os modelos da marca tiveram uma boa aceitação. O sucesso da montadora no país é fruto de investimentos desde 1996, quando a Ford começou a atuar na Coreia do Sul. Para garantir as boas vendas, a empresa aposta na popularidade do Mustang, que ajuda a fortalecer a imagem da companhia.

Veja também:  Novo Audi SQ7 2020 - Novidades


Foram vendidas mais de 9 milhões de unidades dos modelos Mustang em todo o mundo em 50 anos, tornando a linha uma das mais desejadas de sua categoria. Símbolo de liberdade e velocidade, o carro já apareceu em milhares de filmes, programas de TV e videogames, tornando-o cada vez mais popular.

O Mustang GT 5.0 tem esse nome por conta do motor 5.0l V8 ti VCT. Além do visual impecável, o modelo ainda está mais potente, com 435 hp e 400 lb-ft de torque, que tem como objetivo maximizar a geração de energia a partir de cada compressão. O carro conta ainda com novas válvulas de admissão e escape, além de novas cabeças de cilindro.

Veja também:  Novo Land Rover Defender 2020 - Lançamento no Brasil


Já o 2.3 EcoBoost destaca-se pela eficiência e o bom desempenho, aliado de um visual atraente. Seu motor 2.3 gera até 310 hp e 320 lb-ft de torque. O modelo 2015 conta com um turbocompressor twin-scroll, que transfere toda a propulsão para a roda da turbina, aumentando a velocidade do torque.

Os preços não foram revelados. 

Ana Rosa Martins Rocha

Um comentário em “Novo Ford Mustang é apresentado na Coreia do Sul

  1. Euclides Câmara Pessoa

    - Editar

    Responder

    Em se falando de muscle car nada se compara ao mustang, realmente é o ícone destes modelos. Uma pena a política econômica brasileira ser alternante e empobrecedora do povo, com uma carga tributária extorsiva e injusta, fazendo as montadoras desistirem de lançar modelos acessíveis como o mustang. E em assim fazendo, as montadoras,chegariam a custos impressionantes (Brasil), onde só ricos e abastados financeiramente poderiam desfrutar destes modelos, ao contrário do público alvo em seu país de origem (USA).

Inserir um comentário

Moderação de comentário está ativada. Seu comentário pode demorar algum tempo para aparecer.