Financiamento de Veículos dá Sinais de Recuperação





Depois de diversas análises que foram realizadas no mercado de financiamento de veículos pela Anef (Associação Nacional das Empresas Financeiras das Montadoras), o Brasil apresenta um resultado mais satisfatório, o que confirma a existência de alguns sinais de recuperação.

A Anef fez uma pesquisa com informações que vão do começo de janeiro até o mês de novembro de 2014, que consta que no decorrer do ano a queda aconteceu em diversos meses seguidos.




No mês de novembro, por exemplo, foi liberado o total de R$ 106 milhões de financiamentos de automóveis, porém, mesmo com essa liberação houve o pior índice de inadimplência dos últimos tempos para o setor.

Veja também:  Análise Honda HR-V Touring 2020 - Test Drive

Essa inadimplência é calculada através de atrasos que vão de 15 a 90 dias, onde mostra que no mês analisado, ou seja, em novembro, os números representam no mercado brasileiro um a queda de 7% da carteira mensal, equivalente a queda de 1,2% anual.


A soma total do crédito liberado pelo Sistema Financeiro Nacional, que tem incluído o CDC e o financiamento na modalidade leasing, ficou em R$ 211,9 bilhões e a soma total de carteiras foi de R$ 203,3 bilhões.

Décio Carbonari, presidente da Associação Nacional das Empresas Financeiras das Montadoras, divulgou a seguinte nota:

“Esperamos que 2015 registre inadimplência ainda menor, devido à nova lei de retomada de veículos, que tranquiliza as instituições financeiras das montadoras e, consequentemente, favorece o crédito aos consumidores”.

Veja também:  Picap - Novo App de Moto Taxi chega ao Brasil

Como é possível verificar, para o começo desse ano de 2015, existe uma visão de que haverá alta na liberação de recursos para financiamentos de veículos, sendo um bom momento para aproveitar as taxas de juros que caíram em muitas instituições financeiras.

As taxas mais atrativas para os consumidores que desejam financiar veículos chegam a 1,75% no CDC para pessoa física e 1,44% para pessoa jurídica. Fale com seu gerente e saiba as condições para fazer a contratação desse serviço.

Yasmin Fernandes Robles



Inserir um comentário

Comment moderation is enabled. Your comment may take some time to appear.