Peugeot 2008 é a aposta da montadora para mudar de cenário em 2015



Há quatro anos a Peugeot perdeu espaço considerável para outras marcas em território brasileiro. Dessa forma, a montadora apresentou no ano passado o modelo Peugeot 2008, que deve ser sua aposta para reverter a situação desfavorável em 2015. O modelo deverá ser lançado ainda no primeiro semestre do ano, e deverá custar cerca de R$ 65 mil em sua versão básica.

Inicialmente o modelo terá duas versões de motores, o primeiro será 1.6 aspirado, possuindo 122 cavalos de potencia, ou 1.8 flex com 173 cavalos de potência. A versão básica do produto conta com ar condicionado, tela multimídia, retrovisores e vidros elétricos, airbag, freios ABS e câmbio de 5 manuais.



Veja também:  Toyota Corolla 2019 - Ficha Técnica, Características

Apenas no continente europeu já foram fabricadas cerca de 200 mil unidades, o que é um sucesso já que o modelo apresenta apenas um ano e meio de vendas. O Brasil deve ser o terceiro país a fabricar o modelo.

O 2008 possui a mesma plataforma e design interno do modelo Hatch 208. Segundo informações da montadora, o veículo conta com volante menor e painel de instrumento acima da direção, evitando que o motorista tenha que desviar os olhos do percurso.

O Peugeot 2008 precisa batalhar muito para ganhar espeço no território brasileiro. No país, existe uma grande concorrência no segmento, como: Ford EcoSport, Renault Duster e Chevrolet Tracker. Além disso, o Honda HR-V – anunciado recentemente – promete ser a maior pedra no caminho do modelo 2008, já que o modelo da fabricante nipônica apresenta câmbio CVT e freio de mão elétrico.

Veja também:  Nissan March 2019 - Novidades, Características


Outro concorrente forte no segmento será o Jeep Renegade que promete duas versões com motor 1.8 e 2.0, e três opções de marchas (5 marchas manual, 6 e 9 marchas automáticas). Todos os concorrentes do Peugeot 2008 serão fabricados no país.

O crossover Peugeot 2008 é a aposta da montadora de reestabelecer o seu lugar no mercado automotivo brasileiro. Há quatro anos, a empresa era a sétima marca mais vendida do país, tendo contribuição total de 3 por cento. Ao fim de 2014 a empresa garantiu apenas 1,2% das vendas nacionais.

Por Wendel George Peripato

Peugeot 2008

Peugeot 2008

Peugeot 2008

Fotos: Divulgação



Inserir um comentário

Comment moderation is enabled. Your comment may take some time to appear.