Novo extintor de incêndio automotivo passará a ser exigido em janeiro de 2015



Atualização: o prazo foi prorrogado por 90 dias pelo Denatran. Motoristas terão até final de março para trocar seus extintores.

O ano vindouro se aproxima e diante dessa transição há mudanças e gastos na vida dos brasileiros. Com a comemoração do natal e ano novo, algumas pessoas exageram nos gastos e começam o ano de forma negativa em relação ao financeiro. Além do mais, agora os proprietários de veículos terão um gasto a somar, pois, a partir de janeiro de 2015, os órgãos de fiscalização de trânsito passarão exigir um novo tipo de extintor de incêndio automotivo.



O novo modelo de extintor de incêndio automotivo atenderá as categorias “A”, usado para combater incidente causado por materiais sólidos; categoria “B”, usado para combater incidente causado por materiais inflamáveis e categoria “C”, usado para o combate de incidente provocado por materiais elétricos. Acrescenta ao novo extintor a categoria “A”, pelo motivo de adequação com a resolução do Conselho Nacional de Trânsito (CONTRAN).

Veja também:  Sensor de álcool para detecção de embriaguez ao volante

A resolução que exige esta mudança nos extintores de incêndio automotivo é a de nº 157/2004 que passou a vigorar no ano de 2009 para veículos zero quilômetro. Portanto, agora todos os motoristas devem atentar para esta regra e substituir os modelos antigos de extintores automotivo pelo novo modelo de categoria A, B e C. O Conselho Nacional de Trânsito (CONTRAN), informa também, que os modelos recondicionados com validade de um ano serão proibidos a partir de janeiro de 2015.



Transitar com o veículo sem extintor ou com este equipamento fora do prazo de validade resulta em multa de R$ 127,69 e 5 pontos na Carteira Nacional de Habilitação (CNH). Uma atenção especial para não se esquecer de retirar o plástico protetor que envolve este equipamento. Isso também rende multa, pelo motivo de dificultar o acesso ao item.

Veja também:  Hyundai Creta Action 2020 - Preço e Diferenças da Nova Versão

Apesar do valor deste equipamento ter sofrido um aumento, o novo modelo tem validade de cinco anos. Caso o seu extintor já esteja vencido e queira trocar por um novo, já é possível encontrar o modelo ABC nas lojas.

Por Railson Tomás de Araújo Lopes

Extintor para carros

Foto: Divulgação

Outros Conteúdos Interessantes

15 Comments

  1. Deve te algum político dono de fábrica de extintores e quer vender mais, criou essa lei para alavancar suas vendas..

Deixe uma resposta para Elias Bispo Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Moderação de comentário está ativada. Seu comentário pode demorar algum tempo para aparecer.