Volkswagen Golf importado do México chega ao Brasil com preços a partir de R$ 69.510



  

Enquanto a produção do novo Golf não começa no Brasil, prevista apenas para o segundo semestre de 2015, o hatchback médio da Volkswagen começa a chegar do México para as concessionárias da marca alemã. Fabricado na planta de Puebla, o modelo importado do México continua sendo vendido com o mesmo preço do Golf que vinha da Alemanha, mesmo com a isenção do imposto de importação. Assim, em três versões de acabamento, o Volkswagen Golf mantém o preço inicial de R$ 69.510.

Oferecido em três versões de acabamento, o Golf importado do México pode ser adquirido nas configurações Comfortline, com preços a partir de R$ 69.510, Highline, comercializado com preços que partem dos R$ 75.830, bem como a versão GTI, que é vendida por a partir de R$ 102.680.

A Volkswagen se orgulha e anuncia o veículo em seu site oficial como sendo “o carro mais seguro do Brasil”. Tal propaganda deve-se às excelentes pontuações adquiridas pela sétima geração do Golf produzida no México, sendo o primeiro carro a receber cinco estrelas tanto para proteções para adultos quanto para crianças pelo Latin NCAP, organização independente latino-americana de proteção ao consumidor.

Veja também:  Jeep Wrangler 2019 - Características, Novidades

A elevada pontuação foi conquistada com a ajuda dos diversos itens de série de segurança, já que desde a versão de entrada o Golf vem equipado, entre outros, com sete airbags (dois frontais com desativação do lado do passageiro, dois laterais, dois do tipo cortina e um de joelho para o motorista), freios a disco nas quatro rodas com ABS e EDB, controle eletrônico de tração e estabilidade (ASR e ESC), bloqueio eletrônico do diferencial (EDS e XDS), apoios de cabeça otimizados, além dos freios com sistema Multicolision Brake.




Para completar, a versão de entrada Comfortline ainda vem com retrovisores externos com acionamento elétrico que contam com função Tilt Down e aquecimento, direção elétrica, faróis de neblina com luz de conversão estática, sistema Start&Stop, vidros com acionamento elétrico e função One Touch, volante e alavanca de câmbio revestidos em couro, coluna de direção com ajuste de altura e profundidade, regulagem de altura no banco do motorista e do passageiro dianteiro, ar-condicionado, assistente de partidas em aclives, sensores de estacionamento dianteiro e traseiro, sistema de entretenimento com tela touchscreen de 5,8 polegadas, entre outros equipamentos.

Veja também:  Kia Stinger 2019 - Lançamento, Características

Embora tenha deixado de ser importado da Alemanha para ser importado provisoriamente do México, enquanto o modelo não é nacionalizado, mecanicamente não houve alterações. Sendo assim, as versões Comfortline e Highline continuam trazendo o motor 1.4 TSI a gasolina com 140 cv de potência e torque de 25,5 kgfm. Trabalhando em conjunto a esse bloco TSI pode estar um câmbio manual de seis marchas ou uma transmissão automática DSG com sete velocidades e opções de trocas sequencias pelo Paddle Shifts situados no volante. Esse conjunto mecânico faz o hatch médio da Volks acelerar de 0 a 100 km/h em 8,4 segundos, com velocidade máxima de 212 km/h.

Já a versão topo de linha GTI mantém o mesmo propulsor 2.0 TSI que entrega 220 cv de potência e torque de 35,7 kgfm. Associado a uma transmissão automática DSG com seis velocidades, função Tiptronic e opção de trocas sequências por aletas no volante, o Golf GTI acelera de 0 a 100 km/h em apenas 6,5 segundos, com velocidade máxima de 244 km/h. 

Veja também:  Dicas para Economizar Combustível

Por Caio Polo

Fotos: Divulgação

 






Inserir um comentário

Comment moderation is enabled. Your comment may take some time to appear.