Projeto de carros autônomos preocupa o FBI

  

A ideia não é nova é já faz um bom tempo que as montadoras de veículos têm investido cada vez mais em projetos que envolvam o desenvolvimento de carros autônomos. Ainda não se tem um modelo que seja completamente seguro. Diversos anúncios já foram feitos, até mesmo por empresas que não são do ramo automobilístico, como é o caso do Google. Mas tudo ainda está em uma fase de testes, descobertas e, claro, de adaptação às leis nacionais e padrões internacional sobre como seria a utilização desses veículos.

Esses carros autônomos que em um futuro (próximo ou não) terão a função de dar mais comodidade a quem usa veículos já preocupam muitas autoridades antes mesmos de saírem da linha de produção “de modelo de um carro só”. Como exemplo, temos o FBI, a polícia federal dos Estados Unidos. Esse tipo de tecnologia tem despertado a preocupação de autoridades do órgão.

Veja também:  Jeep Renegade 2018 - Características, Preços

Recentemente um relatório foi obtido com exclusividade pelo jornal britânico The Guardian. No tal relatório, secreto por sinal, são apontados itens que  mostram que o  órgão de investigação anda preocupado com a tecnologia que envolve os carros autônomos. De acordo com o documento carros que dispensam motoristas para andar poderiam se constituir numa nova modalidade e estratégia de crime. Ou seja, o FBI teme que criminosos possam usar esses veículos para escaparem da polícia.

Na análise levantada pelo FBI uma informação chega a ser interessante. De acordo com o documento com carros desse tipo nas ruas uma nova forma de lei deveria começar a ser trabalhada. O relatório destaca o fato de que a autonomia dos carros deixaria mais eficiente a mobilidade das pessoas. Porém, junto com ela também seriam abertas mais portas para usos impróprios como, por exemplo, usar técnicas para transformar esses veículos em armas mais letais do que de fato os carros de hoje em dia são.

Veja também:  Cheiro Ruim no Carro - Como Tirar Odores Desagradáveis

Em certo ponto do relatório o FBI destaca que o criminoso poderia fazer coisas que não poderia fazer em modelo de carro atual. Hoje ele tem que olhar para onde vai, manter as mãos no volante em uma fuga e por aí vai. Em um carro autônomo em uma eventual perseguição ele estaria completamente livre para olhar, mirar e atirar sem se preocupar em provocar uma batida o seguir reto em uma curva.




Esse assunto ainda vai dar muito que falar!

Por Denisson Soares

Carro aut?nomo

Foto: Divulgação






Inserir um comentário

Comment moderation is enabled. Your comment may take some time to appear.