Lucro da GM caiu no 2º trimestre de 2014 devido aos diversos recalls realizados





Neste final do mês de julho a General Motors divulgou os números relativos aos lucros da companhia. Como era previsto os resultados apontados não foram nada animadores. Para se ter uma ideia da atual situação da empresa o lucro apresentado no segundo trimestre foi ainda mais baixo. A justificativa para o que tem acontecido foram os diversos recalls de veículos que sobrecarregou a GM e somando-se a isso cerca de US$ 400 milhões de custos a serem gastos como fundo de compensação para as vítimas dos acidentes que foram ocasionados por um problema na chave de ignição. Esse defeito provocou ao menos 13 mortes.

Indo direto para os números em relação ao lucro líquido da companhia no trimestre o levantamento mostra uma queda para US$ 190 milhões. Isso quer dizer que por ação foi de US$ 0,11. Em termos comparativos com um ano antes o lucro foi de US$ 1,2 bilhão, por papel as ações estavam a US$ 0,75.

Veja também:  Revisão de Carros Volkswagen - Novo Serviço de Agendamento Online



Os tais itens não recorrentes que fizeram agora parte do balanço do trimestre provocaram um impacto de US$ 0,47 por cada ação. O que inclui o custo voltado para a criação do fundo de indenização para as vítimas. De acordo com a GM esse ponto poderá contribuir para um aumento nas despesas de cerca de US$ 200 milhões, além disso, ainda tem um encargo na faixa de US$ 874 milhões oriundo da mudança da forma de como a empresa deverá contabilizar os gastos com os recalls.

Vale ressaltar que não fazem parte da conta de itens não recorrentes os valores de custos de US$ 1,2 bilhão devido a recalls que foram divulgados em momento anterior pela marca.

Veja também:  Novo Chevrolet Onix 2020 - Preço, Novidades e Análise

Os recalls que a GM obrigatoriamente teve que fazer cobriu uma faixa de automóveis que chegou a 29 milhões de carros. Isso até este mês.

Além disso, a companhia ainda anunciou US$ 200 milhões que serão destinados para custos de reestruturação.

Deixando de fora os itens extraordinários, a General Motors teve um lucro de US$ 0,58 por ação. O que de fato é “colado” no que era esperado por analistas que apontavam US$ 0,59 por ação.

Por Denisson Soares

General Motors

Foto: Divulgação



Inserir um comentário

Moderação de comentário está ativada. Seu comentário pode demorar algum tempo para aparecer.